Compartilhe
Ver o tópico anteriorIr em baixoVer o tópico seguinte
avatar
New Man11
Moderador
Moderador
Mensagens : 206
Data de inscrição : 26/10/2017
Idade : 28
Localização : Minas Gerais

Re: Diário do Corredor

em 24/11/2017, 18:19
Chame a parceira para um programa especial, assistir um filme comendo pipoca, tomar um sorvete na praça, busque fazer diferente e principalmente NÃO BRIGUE, se ela brigar, respira fundo, diga que nao quer discutir, fale q esta passando por mal momento pessoal profissional e emocional e que está trabalhando nisso e que se tornara uma pessoa melhor

_______________________________________
CLICK AQUI PARA ACESSAR O MEU DIÁRIO

avatar
Corredor
Mensagens : 351
Data de inscrição : 18/01/2016
Idade : 32

Re: Diário do Corredor

em 27/11/2017, 09:55
Fala caros amigos de batalha. Como estão?

Mais uma semana iniciada. O final de semana foi meio dureza. A noiva e eu não nos falmos. Estamos realmente brigados. Já relatei anteriormente que ela sabe do vício em PMO. Eu não contei. Ela descobriu fuçando em minha conta do Google. Ela tinha minha senha. Desde então, vive jogando em minha cara que sou um viciado, um maníaco, depravado, safado, nojento, traidor e assim por diante. Faz um ano e meio que ela descobriu. De lá para cá nossa relação piorou muito. MUITO.

Aqui é só um desabafo: triste de ser chamado das coisas que relatei acima. Tudo que eu queria era não ser viciado nessa merda. Por isso estou nessa batalha há tempos. A PMO roubou muito tempo produtivo meu. Fez eu quase perder algo muitíssimo importante profissionalmente. Sim, o agente ativo era eu. Mas o meio de toda a procrastinação era a PMO.

Eu jamais contaria para ela, pois sei que ela é daquele tipo de pessoa que julga os outros. Não dá espaço para perdões. É uma máquina de fazer julgamentos. Sei que é triste saber que seu parceiro tem esse tipo de coisa, mas o apoio é fundamental.

Em suma, companheiros, desde que ela descobriu tal fato sempre atrelou qualquer coisa de ruim em nosso relacionamento a isso, principalmente quanto a parte sexual. E, nesse caso, dou razão para ela. De fato, a PMO judia do nosso desempenho. A gota d’água, creio eu, veio na semana passada. Tentamos ter relação e EP veio violentamente. Não consegui satisfazê-la. Ela ficou p. Brigamos e praticamente não nos falamos mais.

O quadro acima me deixou bastante para baixo. Mas, não adianta chorar. O jeito é tentar fazer o melhor no presente e futuro. O passado, miseravelmente, não posso mais alterar.

O final de semana teve algo bom. Consegui correr dois dias consecutivamente. Estava com dificuldades em fazer isso. Hoje acordei também para correr, mas estava chovendo muito na região que moro. Então, não me senti culpado, como em dias que deixei de correr por pura procrastinação.

Eu quase pratiquei MO no final de semana. Levei meus cachorros para passear tarde da noite no sábado. No caminho, há alguns prédios em que a sacada fica bem próxima da rua. E a sala dos apartamentos fica visível. A rua é meio escura. Há os prédios de um lado e do outro lado é só mato. Bem, estava eu voltando do passeio quando ao olhar para um dos apartamentos havia uma mulher só de calcinha passando creme e olhando para o espelho da sala. Não sei o rosto, mas o corpo era bem bonito. Confesso que parei uns segundos e olhei. Pessoal, foi foda. Fiquei com aquela p. de imagem o final de semana todo. Tive que ter muita força para não recorrer à MO. Parece coisa de filme, mas foi pura verdade.

Em relação à procrastinação, adotei duas medidas inspiradas no New Man. A primeira foi definir horários fixos para consultar e-mails. Eu costumava entrar compulsivamente para verificar se havia novas mensagens. Uma espécie de procurar por novidades. A segundo foi, por enquanto, entrar no fórum em apenas um momento do dia para postar e participar de alguns diários.

Por enquanto, é isso.

Um abraço e excelente semana a todos!

_______________________________________
avatar
luta diária
Mensagens : 121
Data de inscrição : 07/04/2017
Idade : 40
Localização : Goiás

Re: Diário do Corredor

em 27/11/2017, 11:07
E ai corredor que bom que resistiu o desejo de mo, parabéns.
Você vai consegui vencer essa batalha, quanto a seu relacionamento isso vai passar, infelizmente conhecemos PM muito cedo, e isso fez que a gente fosse levado a esse vicio vários anos, mais graças a Deus e ao projeto, nos temos essa oportunidade de sermos o que eramos antes.
Essa luta não acaba enquanto estivermos vivos.


_______________________________________
Luta diária
avatar
New Man11
Moderador
Moderador
Mensagens : 206
Data de inscrição : 26/10/2017
Idade : 28
Localização : Minas Gerais

Re: Diário do Corredor

em 27/11/2017, 11:12
Corredor escreveu:Fala caros amigos de batalha. Como estão?

Mais uma semana iniciada. O final de semana foi meio dureza. A noiva e eu não nos falmos. Estamos realmente brigados. Já relatei anteriormente que ela sabe do vício em PMO. Eu não contei. Ela descobriu fuçando em minha conta do Google. Ela tinha minha senha. Desde então, vive jogando em minha cara que sou um viciado, um maníaco, depravado, safado, nojento, traidor e assim por diante. Faz um ano e meio que ela descobriu. De lá para cá nossa relação piorou muito. MUITO.

Aqui é só um desabafo: triste de ser chamado das coisas que relatei acima. Tudo que eu queria era não ser viciado nessa merda. Por isso estou nessa batalha há tempos. A PMO roubou muito tempo produtivo meu. Fez eu quase perder algo muitíssimo importante profissionalmente. Sim, o agente ativo era eu. Mas o meio de toda a procrastinação era a PMO.

Eu jamais contaria para ela, pois sei que ela é daquele tipo de pessoa que julga os outros. Não dá espaço para perdões. É uma máquina de fazer julgamentos. Sei que é triste saber que seu parceiro tem esse tipo de coisa, mas o apoio é fundamental.

Em suma, companheiros, desde que ela descobriu tal fato sempre atrelou qualquer coisa de ruim em nosso relacionamento a isso, principalmente quanto a parte sexual. E, nesse caso, dou razão para ela. De fato, a PMO judia do nosso desempenho. A gota d’água, creio eu, veio na semana passada. Tentamos ter relação e EP veio violentamente. Não consegui satisfazê-la. Ela ficou p. Brigamos e praticamente não nos falamos mais.

O quadro acima me deixou bastante para baixo. Mas, não adianta chorar. O jeito é tentar fazer o melhor no presente e futuro. O passado, miseravelmente, não posso mais alterar.

O final de semana teve algo bom. Consegui correr dois dias consecutivamente. Estava com dificuldades em fazer isso. Hoje acordei também para correr, mas estava chovendo muito na região que moro. Então, não me senti culpado, como em dias que deixei de correr por pura procrastinação.

Eu quase pratiquei MO no final de semana. Levei meus cachorros para passear tarde da noite no sábado. No caminho, há alguns prédios em que a sacada fica bem próxima da rua. E a sala dos apartamentos fica visível. A rua é meio escura. Há os prédios de um lado e do outro lado é só mato. Bem, estava eu voltando do passeio quando ao olhar para um dos apartamentos havia uma mulher só de calcinha passando creme e olhando para o espelho da sala. Não sei o rosto, mas o corpo era bem bonito. Confesso que parei uns segundos e olhei. Pessoal, foi foda. Fiquei com aquela p. de imagem o final de semana todo. Tive que ter muita força para não recorrer à MO. Parece coisa de filme, mas foi pura verdade.

Em relação à procrastinação, adotei duas medidas inspiradas no New Man. A primeira foi definir horários fixos para consultar e-mails. Eu costumava entrar compulsivamente para verificar se havia novas mensagens. Uma espécie de procurar por novidades. A segundo foi, por enquanto, entrar no fórum em apenas um momento do dia para postar e participar de alguns diários.

Por enquanto, é isso.

Um abraço e excelente semana a todos!


Olá Corredor, ,desculpe se eu for muito sincero com vc nessa mensagem, mas ja pensou na viabilidade de dar um tempo nesse relacionamento? Você está muito desgastado e ela também, a PMO tirou sua vitalidade e energia e devido a isso você não consegue satisfazer ela e o pior de tudo que ela não entende seus problemas, longe de mim querer dar palpite em relacionamento dos outros, mas o que vc relatou me deixou preocupado, pois quase tudo que vc disse pode gerar uma procura por PMO, entendo perfeitamente que é noivo, mas como vai ser seu futuro? Tire esse tempo para vc se tratar, para vc melhorar e depois retornar como um noivo melhor, as vezes para darmos um passo a frente é preciso dar um para trás. Se toda essa história continuar dessa forma vc e ela irão se desgastar cada vez mais e mais

Tente ter uma conversa franca com ela e diz q esta em tratamento, expllique como é o vicio e q pode atacar a qualquer pessoa,, faça ela sentir e entender o q se passa na sua vida e principalmente coloque uma coisa na sua cabeça, O QUE AS PESSOAS DIZ DE NOS É UMA COISA, O QUE NOS SOMOS É TOTALMENTE DIFERENTE, deixe que ela pense q vc é isso tudo, vc se conhece e vc sabe q não é bem assim.

Novamente peço desculpas por estar sendo sincero, caso não opte pela atitude acima, tente melhorar o relacionamento, faça pequenas surpresas, coisas simples que vcs 2 gostam, faça algo para apimentar a relação, apesar dela estar errada em quase todos os sentidos mas se coloque no lugar dela, como se sentiria se ela não te dasse prazer, se alem de não chegar ao orgasmo se ela se masturbasse vendo outros homens, que o celular dela fosse cheio de videos e fotos de homens pelados? Acredito que todos ficariam bem tristes.

Amigo Corredor, veja como está sua vida, lembre se disso quando estiver com vontade de ter recaidas, lembre se de sua noiva e de tudo de ruim q esse mal lhe trouxe, será que voce ainda quer isso na sua vida?

Espero que consiga regularizar tudo na sua vida e possamos chegar ao 90º dia, vamos em frente

_______________________________________
CLICK AQUI PARA ACESSAR O MEU DIÁRIO

avatar
Blpr
Moderador
Moderador
Mensagens : 5114
Data de inscrição : 30/05/2015

Re: Diário do Corredor

em 27/11/2017, 11:26
Corredor escreveu:Fala caros amigos de batalha. Como estão?

Mais uma semana iniciada. O final de semana foi meio dureza. A noiva e eu não nos falmos. Estamos realmente brigados. Já relatei anteriormente que ela sabe do vício em PMO. Eu não contei. Ela descobriu fuçando em minha conta do Google. Ela tinha minha senha. Desde então, vive jogando em minha cara que sou um viciado, um maníaco, depravado, safado, nojento, traidor e assim por diante. Faz um ano e meio que ela descobriu. De lá para cá nossa relação piorou muito. MUITO.

Aqui é só um desabafo: triste de ser chamado das coisas que relatei acima. Tudo que eu queria era não ser viciado nessa merda. Por isso estou nessa batalha há tempos. A PMO roubou muito tempo produtivo meu. Fez eu quase perder algo muitíssimo importante profissionalmente. Sim, o agente ativo era eu. Mas o meio de toda a procrastinação era a PMO.

Eu jamais contaria para ela, pois sei que ela é daquele tipo de pessoa que julga os outros. Não dá espaço para perdões. É uma máquina de fazer julgamentos. Sei que é triste saber que seu parceiro tem esse tipo de coisa, mas o apoio é fundamental.

Em suma, companheiros, desde que ela descobriu tal fato sempre atrelou qualquer coisa de ruim em nosso relacionamento a isso, principalmente quanto a parte sexual. E, nesse caso, dou razão para ela. De fato, a PMO judia do nosso desempenho. A gota d’água, creio eu, veio na semana passada. Tentamos ter relação e EP veio violentamente. Não consegui satisfazê-la. Ela ficou p. Brigamos e praticamente não nos falamos mais.

O quadro acima me deixou bastante para baixo. Mas, não adianta chorar. O jeito é tentar fazer o melhor no presente e futuro. O passado, miseravelmente, não posso mais alterar.

O final de semana teve algo bom. Consegui correr dois dias consecutivamente. Estava com dificuldades em fazer isso. Hoje acordei também para correr, mas estava chovendo muito na região que moro. Então, não me senti culpado, como em dias que deixei de correr por pura procrastinação.

Eu quase pratiquei MO no final de semana. Levei meus cachorros para passear tarde da noite no sábado. No caminho, há alguns prédios em que a sacada fica bem próxima da rua. E a sala dos apartamentos fica visível. A rua é meio escura. Há os prédios de um lado e do outro lado é só mato. Bem, estava eu voltando do passeio quando ao olhar para um dos apartamentos havia uma mulher só de calcinha passando creme e olhando para o espelho da sala. Não sei o rosto, mas o corpo era bem bonito. Confesso que parei uns segundos e olhei. Pessoal, foi foda. Fiquei com aquela p. de imagem o final de semana todo. Tive que ter muita força para não recorrer à MO. Parece coisa de filme, mas foi pura verdade.

Em relação à procrastinação, adotei duas medidas inspiradas no New Man. A primeira foi definir horários fixos para consultar e-mails. Eu costumava entrar compulsivamente para verificar se havia novas mensagens. Uma espécie de procurar por novidades. A segundo foi, por enquanto, entrar no fórum em apenas um momento do dia para postar e participar de alguns diários.

Por enquanto, é isso.

Um abraço e excelente semana a todos!

Poxa, Corredor. Situação absurda essa porque um relacionamento ruim influencia muito na auto-estima, amor próprio e na motivação para realizar as coisas do dia a dia. No seu caso, eu não deixava isso acontecer. Chamava ela para conversar numa boa e tratar do que realmente ela deseja de você porque sem uma parceira que não apoia e crítica por causa do vício afeta muito sua vontade de até vencer essa luta.

Desejo sucessos!

_______________________________________
Link do e-book grátis:

https://drive.google.com/open?id=0B_ZBYrwrvOuJTDctSjhvdGQ1V1E


"A dor é temporária. Ela pode durar um minuto, uma hora, um dia, um mês ou talvez um ano. Mas, eventualmente, ela irá sumir e outra coisa ocupará o seu lugar. Porém, se você não lutar e superar essa dor, ela vai durar para sempre". (Lancy Armstrong)


avatar
Sócrates
Mensagens : 173
Data de inscrição : 26/08/2017

Re: Diário do Corredor

em 27/11/2017, 13:11
É uma barra pra qualquer homem quando a gente percebe que não temos o apoio e cumplicidade da mulher que gostamos. Não que eu ache que seja fácil, mas o certo é vc terminar. Se ela não te apoia nisso como vai ter uma mulher assim para esta assim o resto da sua vida?
Sei que para quem tá fora é fácil. Mas a gente enxerga as coisas melhor. Abraço
Buscando a Paz
Mensagens : 88
Data de inscrição : 21/10/2017

Re: Diário do Corredor

em 27/11/2017, 21:37
E aí Corredor, blz amigo!
Poxa cara que situação ne, concordo com a opinião dos amigos, acho que vc deveria ter uma conversa franca com sua noiva, afim de deixar as coisas mais serenas. Tem pessoas que tem o geneo difícil mesmo e cá pra nós, mulheres adoram repetir a mesma conversa!
Grande abraço!!!

_______________________________________
avatar
Cachorro Monstro
Mensagens : 155
Data de inscrição : 12/10/2017

Re: Diário do Corredor

em 28/11/2017, 05:00
Bom dia corredor!

Mano, só te falo uma coisa: Antes só do que mal acompanhado!

Da linha nessa mina, ta te jogando pra baixo ué! Que absurdo!

Abraço

_______________________________________





Cachorro monstro! affraid
avatar
Spiritum Novus
Mensagens : 426
Data de inscrição : 08/08/2016
Idade : 45

Re: Diário do Corredor

em 28/11/2017, 06:58
Olá, Corredor, meu irmão e grande amigo!
Desculpa pelo sumiço e pela falta de comprometimento.
Pois é, caí. Passei por um período bem ruim. Muito pessimismo e desânimo.
Mas não adianta. Preciso recomeçar.
Tenha uma ótima semana, meu irmão!
Um grande abraço!

_______________________________________
avatar
5&4
Moderador
Moderador
Mensagens : 992
Data de inscrição : 18/08/2017
Idade : 32
Localização : The Black List - Próximo alvo: PMO.

Re: Diário do Corredor

em 28/11/2017, 08:23
Oi Corredor,

Sinto muito pelo o que aconteceu esses dias prá trás em seu relacionamento. Não estou aqui para defender a sua noiva, mas só peço que se coloque no lugar dela também. Não é fácil para uma mulher sentir-se que está sendo trocada por pornografia. Uma coisa é a gente chegar e contar a situação, a mulher pode ficar nervosa por um instante, mas depois tende a entender melhor. Outra coisa é descobrir por si só. Por isso, ela tem alguns motivos de estar assim, ela se sente traída, humilhada com toda essa situação.

Entretanto, a partir do momento, em que você assume a condição de viciado e diz a ela que reconhece que precisa de ajuda, que já está buscando esse auxílio por meio do e-book, do fórum, ela teria que adotar uma postura mais compreensiva. Por isso, pergunto a você se ela sabe de tudo? Sobre o e-book, sobre o fórum, ou se até mesmo ela tem algum acesso ao seu diário? Se sim, a compreensão já deveria ter vindo. Se não, talvez, um dos motivos dela ainda estar triste, raivosa, amargurada pode ser por essa desconexão de informação.

De uma coisa não temos dúvida: toda essa questão, esse relacionamento conturbado, tem contribuído para enfraquecer o seu reboot. E você precisa refletir nesse sentido para resguardá-lo. Obrigado por se abrir conosco, que as coisas fiquem bem! Até mais!

_______________________________________
“Quando até o laço do sapato tentar te derrubar, ande sozinho, ande descalço, mas não pare de andar.” 



  
avatar
Corredor
Mensagens : 351
Data de inscrição : 18/01/2016
Idade : 32

Re: Diário do Corredor

em 28/11/2017, 09:26
Caros New Man, BLPR, Luta Diária, Cachorro Monstro, Sócrates, 5&4 e Buscando a Paz, muito obrigado por todas as considerações e excelentes conselhos. Sem dúvidas, quem está de fora tem uma noção melhor de alguns aspectos. Eu fiquei muito contente com os conselhos e ponderações. De verdade. Desculpem o desabafo, mas é cada uma, né?

O New colocou um ponto importantíssimo: como eu me sentiria se a situação fosse inversa? Eu me sentiria péssimo. Muito péssimo. Por outro lado, se eu conversasse com a pessoa e notasse a vontade em mudar, certamente eu apoiaria. É uma característica minha. Guardo pouca mágoa. Fico triste na hora, mas quando a pessoa diz que quer melhorar, eu acredito e sigo em frente.

Eu também penso muito em terminar. O que mais deixa triste é ser lembrado em todos os finais de semana a respeito do vício em PMO. Vou dar um exemplo: quando estou na casa dela, ela grita comigo para não ficar até tarde vendo TV. Ela diz que eu vou me masturbar. Que sou um doente. Que tenho cara de maníaco. Há um mês eu estava vendo TV a uma hora da manhã, ela acordou e começou a gritar, falando que eu iria ver P. Sou sem noção, mas nem tanto. Nem estava pensando nisso. Apenas vendo série. Resultado: fui embora na mesma e voltei para casa às duas da manhã. Dureza.

Ela e eu temos algumas pendências financeiras que carecem de solução. Ela também manifesta intenção de terminar. Eu também. Já estamos praticamente separados. Ontem ela puxou assunto no Whats, mas nem me empolguei. Cortei. Gosta dela, mas chegará no final de semana e mais uma vez ela me chamará de punheteiro maluco. Sim, ela usa essas palavras. Aí até desanima o peão...

Bem, tirando as lamentações acima, hoje novamente consegui ir correr. E, além disso, voltei a meditar após longo período. Essa foi uma ótima conquista para o dia de hoje. Além disso, a minha manhã de trabalho foi boa. Consegui manter a concentração e não deixei o desânimo me dominar. Espero que o período da tarde seja tão bom quanto.

Força para todos!

_______________________________________
avatar
Corredor
Mensagens : 351
Data de inscrição : 18/01/2016
Idade : 32

Re: Diário do Corredor

em 28/11/2017, 09:31
5&4 escreveu:Oi Corredor,

Sinto muito pelo o que aconteceu esses dias prá trás em seu relacionamento. Não estou aqui para defender a sua noiva, mas só peço que se coloque no lugar dela também. Não é fácil para uma mulher sentir-se que está sendo trocada por pornografia. Uma coisa é a gente chegar e contar a situação, a mulher pode ficar nervosa por um instante, mas depois tende a entender melhor. Outra coisa é descobrir por si só. Por isso, ela tem alguns motivos de estar assim, ela se sente traída, humilhada com toda essa situação.

Entretanto, a partir do momento, em que você assume a condição de viciado e diz a ela que reconhece que precisa de ajuda, que já está buscando esse auxílio por meio do e-book, do fórum, ela teria que adotar uma postura mais compreensiva. Por isso, pergunto a você se ela sabe de tudo? Sobre o e-book, sobre o fórum, ou se até mesmo ela tem algum acesso ao seu diário? Se sim, a compreensão já deveria ter vindo. Se não, talvez, um dos motivos dela ainda estar triste, raivosa, amargurada pode ser por essa desconexão de informação.

De uma coisa não temos dúvida: toda essa questão, esse relacionamento conturbado, tem contribuído para enfraquecer o seu reboot. E você precisa refletir nesse sentido para resguardá-lo. Obrigado por se abrir conosco, que as coisas fiquem bem! Até mais!

Oi 5&4. Sim cara, ela tem noção do meu esforço. Ela descobriu que eu era viciado justamente quando viu em dos meus acessos do Google que eu tinha um diário aqui. Já tem um ano de meio isso. Não é desculpa, mas um fato: várias vezes eu estava empolgado com o reboot, aí ela falava que eu estava me masturbando todos os dias, que eu era doente, que eu estava mentindo. Eu ficava p. da vida e, de fato, recaía. Fogo, rapaz. Já tive n conversas francas com ela. Mas é o tipo de pessoa que não entende as coisas e no minuto seguinte já dispara uma série de cosas. Obrigadão, 5&4.


_______________________________________
avatar
Corredor
Mensagens : 351
Data de inscrição : 18/01/2016
Idade : 32

Re: Diário do Corredor

em 28/11/2017, 09:32
Spiritum Novus escreveu:Olá, Corredor, meu irmão e grande amigo!
Desculpa pelo sumiço e pela falta de comprometimento.
Pois é, caí. Passei por um período bem ruim. Muito pessimismo e desânimo.
Mas não adianta. Preciso recomeçar.
Tenha uma ótima semana, meu irmão!
Um grande abraço!


Graaaaaaaaaaande Spiritum.

Bom tê-lo de volta, companheiro. Não precisa de desculpar. O importante é que você está de volta. Vamos lá, cara. Não desista.

Você é um grande parceiro de reboot. Vamos chegar lá juntos.

Um abração!

_______________________________________
avatar
Corredor
Mensagens : 351
Data de inscrição : 18/01/2016
Idade : 32

Re: Diário do Corredor

em 28/11/2017, 09:33
Cachorro Monstro escreveu:Bom dia corredor!

Mano, só te falo uma coisa: Antes só do que mal acompanhado!

Da linha nessa mina, ta te jogando pra baixo ué! Que absurdo!

Abraço

Valeu, grande Cachorro. Estou em vias de, meu caro. Valeu, cara!

_______________________________________
avatar
Corredor
Mensagens : 351
Data de inscrição : 18/01/2016
Idade : 32

Re: Diário do Corredor

em 28/11/2017, 09:35
Buscando a Paz escreveu:E aí Corredor, blz amigo!
Poxa cara que situação ne, concordo com a opinião dos amigos, acho que vc deveria ter uma conversa franca com sua noiva, afim de deixar as coisas mais serenas. Tem pessoas que tem o geneo difícil mesmo e cá pra nós, mulheres adoram repetir a mesma conversa!
Grande abraço!!!

Oi Buscando a Paz.

uahuahahau, "mulheres adoram repetir a mesma conversa!". Cara, isso é um fato. Ri muito. Pura verdade. Ela é mulher e tem um gênio dificílimo. Valeu, mano.

_______________________________________
avatar
Corredor
Mensagens : 351
Data de inscrição : 18/01/2016
Idade : 32

Re: Diário do Corredor

em 28/11/2017, 09:48
Sócrates escreveu:É uma barra pra qualquer homem quando a gente percebe que não temos o apoio e cumplicidade da mulher que gostamos. Não que eu ache que seja fácil, mas o certo é vc terminar. Se ela não te apoia nisso como vai ter uma mulher assim para esta assim o resto da sua vida?
Sei que para quem tá fora é fácil. Mas a gente enxerga as coisas melhor. Abraço

Oi Sócrates. É isso que eu penso cara. Não ser apoiado é foda. A pessoa falar para você todos os finais de semana que você bate punheta o dia todo, é dureza. Nem sabe o que está falando e ela fala essas coisas. Um abraço!

_______________________________________
avatar
Corredor
Mensagens : 351
Data de inscrição : 18/01/2016
Idade : 32

Re: Diário do Corredor

em 28/11/2017, 09:49
luta diária escreveu:E ai corredor que bom que resistiu o desejo de mo, parabéns.
Você vai consegui vencer essa batalha, quanto a seu relacionamento isso vai passar, infelizmente conhecemos PM muito cedo, e isso fez que a gente fosse levado a esse vicio vários anos, mais graças a Deus e ao projeto, nos temos  essa oportunidade de sermos o que eramos antes.
Essa luta não acaba enquanto estivermos vivos.


È isso que penso, Luta Diária. Enquanto estivermos vivos, podemos vencer a batalha e fazer algo melhor daqui em diante! Valeu, camarada.

_______________________________________
avatar
Corredor
Mensagens : 351
Data de inscrição : 18/01/2016
Idade : 32

Re: Diário do Corredor

em 28/11/2017, 09:51
Blpr escreveu:
Corredor escreveu:Fala caros amigos de batalha. Como estão?

Mais uma semana iniciada. O final de semana foi meio dureza. A noiva e eu não nos falmos. Estamos realmente brigados. Já relatei anteriormente que ela sabe do vício em PMO. Eu não contei. Ela descobriu fuçando em minha conta do Google. Ela tinha minha senha. Desde então, vive jogando em minha cara que sou um viciado, um maníaco, depravado, safado, nojento, traidor e assim por diante. Faz um ano e meio que ela descobriu. De lá para cá nossa relação piorou muito. MUITO.

Aqui é só um desabafo: triste de ser chamado das coisas que relatei acima. Tudo que eu queria era não ser viciado nessa merda. Por isso estou nessa batalha há tempos. A PMO roubou muito tempo produtivo meu. Fez eu quase perder algo muitíssimo importante profissionalmente. Sim, o agente ativo era eu. Mas o meio de toda a procrastinação era a PMO.

Eu jamais contaria para ela, pois sei que ela é daquele tipo de pessoa que julga os outros. Não dá espaço para perdões. É uma máquina de fazer julgamentos. Sei que é triste saber que seu parceiro tem esse tipo de coisa, mas o apoio é fundamental.

Em suma, companheiros, desde que ela descobriu tal fato sempre atrelou qualquer coisa de ruim em nosso relacionamento a isso, principalmente quanto a parte sexual. E, nesse caso, dou razão para ela. De fato, a PMO judia do nosso desempenho. A gota d’água, creio eu, veio na semana passada. Tentamos ter relação e EP veio violentamente. Não consegui satisfazê-la. Ela ficou p. Brigamos e praticamente não nos falamos mais.

O quadro acima me deixou bastante para baixo. Mas, não adianta chorar. O jeito é tentar fazer o melhor no presente e futuro. O passado, miseravelmente, não posso mais alterar.

O final de semana teve algo bom. Consegui correr dois dias consecutivamente. Estava com dificuldades em fazer isso. Hoje acordei também para correr, mas estava chovendo muito na região que moro. Então, não me senti culpado, como em dias que deixei de correr por pura procrastinação.

Eu quase pratiquei MO no final de semana. Levei meus cachorros para passear tarde da noite no sábado. No caminho, há alguns prédios em que a sacada fica bem próxima da rua. E a sala dos apartamentos fica visível. A rua é meio escura. Há os prédios de um lado e do outro lado é só mato. Bem, estava eu voltando do passeio quando ao olhar para um dos apartamentos havia uma mulher só de calcinha passando creme e olhando para o espelho da sala. Não sei o rosto, mas o corpo era bem bonito. Confesso que parei uns segundos e olhei. Pessoal, foi foda. Fiquei com aquela p. de imagem o final de semana todo. Tive que ter muita força para não recorrer à MO. Parece coisa de filme, mas foi pura verdade.

Em relação à procrastinação, adotei duas medidas inspiradas no New Man. A primeira foi definir horários fixos para consultar e-mails. Eu costumava entrar compulsivamente para verificar se havia novas mensagens. Uma espécie de procurar por novidades. A segundo foi, por enquanto, entrar no fórum em apenas um momento do dia para postar e participar de alguns diários.

Por enquanto, é isso.

Um abraço e excelente semana a todos!

Poxa, Corredor. Situação absurda essa porque um relacionamento ruim influencia muito na auto-estima, amor próprio e na motivação para realizar as coisas do dia a dia. No seu caso, eu não deixava isso acontecer. Chamava ela para conversar numa boa e tratar do que realmente ela deseja de você porque sem uma parceira que não apoia e crítica por causa do vício afeta muito sua vontade de até vencer essa luta.

Desejo sucessos!


Valeu, BLPR. Disse tudo: "influencia muito na auto-estima, amor próprio e na motivação...". Eu já tentei conversar várias vezes. Várias. Falta uma posição mais firme minha para resolver essa situação. Muito obrigado pelas palavras!

_______________________________________
avatar
Corredor
Mensagens : 351
Data de inscrição : 18/01/2016
Idade : 32

Re: Diário do Corredor

em 29/11/2017, 10:10
Olá grandes companheiros de luta.

Já peço desculpas de cara, mas nessa madrugada eu falhei na missão. Cheguei em casa quase meia noite, por causa de um curso que estou fazendo. Ao invés de manter a rotina espartana de comer, fazer a higiene pessoal e ir dormir, resolvi jogar um pouco de vídeo game. Estava sem sono. Confiante. Joguei até 1h30. Então, deitei. Porém, ainda estava sem sono. O que decidi fazer? Por meio do celular, fui ao Youtube com o pretexto de ver alguns vídeos de canais de corrida que sigo. Porém, desses canais até coisas mais sensuais. Lamentavelmente, eu recaí.  Estou muito envergonhado por isso. Logo em seguida fiquei me perguntando: por que eu não fui dormir como sempre faço? Por quê?

Enfim, meus caros. Atingir 23 dias. É bem pouco. Eu posso mais. Tenho que mudar a mentalidade e seguir exemplos magníficos desse fórum. Caras como New Man, Paulo Jorge, Spiritum, 5&4, BLPR, Cachorro Monstro, Sócrates e tantos outros caras bacanas e batalhadores.


O incrível é o efeito no dia seguinte: não corri, não medite e hoje fui almoçar e já saí da minha alimentação regrada. No trabalho, já não rendi tanto como nos dias anteriores. Apesar de estar rendendo tanto, eu estava em um ritmo aceitável de trabalho.

O que resta para mim é respirar fundo e aumentar a disciplina. Nada de desistir. Eu acredito no reboot. Apenas fui, pela centésima vez, fraco.

Hoje estou desanimado. Abatido. Triste e envergonhado. Mas o tempo ruim é só uma fase. Vou vencer.

Meta de curto prazo: uma semana sem PMO, juntamente com uma semana inteira praticando corridas e meditação.

Abraços e desculpem-me.
avatar
New Man11
Moderador
Moderador
Mensagens : 206
Data de inscrição : 26/10/2017
Idade : 28
Localização : Minas Gerais

Re: Diário do Corredor

em 29/11/2017, 11:07
Lamento meu amigo ouvir isso, mas cada pessoa tem seu próprio tempo e cada pessoa tem sua própria realidade, jamais iria te julgar, pois não cheguei no meu 90º dia e antes deste reboot eu venho tentando parar com esse vicio a anos, então não tenho moral para julgar ninguem e mesmo que tivesse eu tb não faria, pois somente você para saber sua realidade.

Amigo Corredor, tente analisar em sua vida oque te leva ao PMO e tente trabalhar isso pouco a pouco, você não resetou apenas porque entrou no youtube, tente ser sincero consigo mesmo, normalmente os vicios são fugas, você precisa trabalhar na causa e na consequencia.

Espero amigo que a cada caida você se levante mais forte, tenho fé que você conseguirá

Vamos em frente

_______________________________________
CLICK AQUI PARA ACESSAR O MEU DIÁRIO

avatar
Blpr
Moderador
Moderador
Mensagens : 5114
Data de inscrição : 30/05/2015

Re: Diário do Corredor

em 29/11/2017, 12:30
Corredor escreveu:Olá grandes companheiros de luta.

Já peço desculpas de cara, mas nessa madrugada eu falhei na missão. Cheguei em casa quase meia noite, por causa de um curso que estou fazendo. Ao invés de manter a rotina espartana de comer, fazer a higiene pessoal e ir dormir, resolvi jogar um pouco de vídeo game. Estava sem sono. Confiante. Joguei até 1h30. Então, deitei. Porém, ainda estava sem sono. O que decidi fazer? Por meio do celular, fui ao Youtube com o pretexto de ver alguns vídeos de canais de corrida que sigo. Porém, desses canais até coisas mais sensuais. Lamentavelmente, eu recaí.  Estou muito envergonhado por isso. Logo em seguida fiquei me perguntando: por que eu não fui dormir como sempre faço? Por quê?

Enfim, meus caros. Atingir 23 dias. É bem pouco. Eu posso mais. Tenho que mudar a mentalidade e seguir exemplos magníficos desse fórum. Caras como New Man, Paulo Jorge, Spiritum, 5&4, BLPR, Cachorro Monstro, Sócrates e tantos outros caras bacanas e batalhadores.


O incrível é o efeito no dia seguinte: não corri, não medite e hoje fui almoçar e já saí da minha alimentação regrada. No trabalho, já não rendi tanto como nos dias anteriores. Apesar de estar rendendo tanto, eu estava em um ritmo aceitável de trabalho.

O que resta para mim é respirar fundo e aumentar a disciplina. Nada de desistir. Eu acredito no reboot. Apenas fui, pela centésima vez, fraco.

Hoje estou desanimado. Abatido. Triste e envergonhado. Mas o tempo ruim é só uma fase. Vou vencer.

Meta de curto prazo: uma semana sem PMO, juntamente com uma semana inteira praticando corridas e meditação.

Abraços e desculpem-me.

Desejo um ótimo recomeço, Corredor. A vantagem de se fazer e refazer Reboot por um certo tempo faz a gente a saber quase todos os pontos de vulnerabilidade que passamos. A situação a noite (vídeo game e assistir vídeos no YouTube mais insônia) foi típico caso de buscar por dopamina extra.

Acreditamos sempre no seu sucesso. Foque nos seus pontos fortes e habilidades para fazer um Reboot bacana.

_______________________________________
Link do e-book grátis:

https://drive.google.com/open?id=0B_ZBYrwrvOuJTDctSjhvdGQ1V1E


"A dor é temporária. Ela pode durar um minuto, uma hora, um dia, um mês ou talvez um ano. Mas, eventualmente, ela irá sumir e outra coisa ocupará o seu lugar. Porém, se você não lutar e superar essa dor, ela vai durar para sempre". (Lancy Armstrong)


avatar
5&4
Moderador
Moderador
Mensagens : 992
Data de inscrição : 18/08/2017
Idade : 32
Localização : The Black List - Próximo alvo: PMO.

Re: Diário do Corredor

em 29/11/2017, 15:43
Olá Corredor,

Gostaria de te parabenizar pela garra que teve em se manter limpo por 3 semanas. Tenho certeza que já refletiu sobre a sua queda e fazendo-se um ajustizinhos aqui e ali será possível avançar muitos dias mais. Um forte abraço, parceiro!

_______________________________________
“Quando até o laço do sapato tentar te derrubar, ande sozinho, ande descalço, mas não pare de andar.” 



  
avatar
Spiritum Novus
Mensagens : 426
Data de inscrição : 08/08/2016
Idade : 45

Re: Diário do Corredor

em 30/11/2017, 06:17
Olá, Corredor.
Lamento pela sua queda. Mas que bom que você já está de volta!
O "lado bom" de tantas quedas (como eu tive) é que já sabemos que este desânimo pós-PMO é super normal e não devemos nos deixar levar por ele. O jeito é se manter no reboot, e muitas vezes o reboot logo após uma queda é fácil porque ficamos até com certo nojo de pornografia, masturbação e fantasias.
Mas vamos lá mais uma vez e quantas vezes forem necessárias!

Outra coisa: pra facilitar o teu sono, ou a partida pro sono, evite qualquer "eletrônico" (TV, celular, celular e a terrível e traiçoeira internet), estas coisas costumam "excitar" o cérebro e perdemos o sono. Ler seria uma opção melhor.

Neste meu reboot estou procurando bloquear as "secadas" na mulherada que anda por aí! Quando uma gostosa cai no meu campo de visão eu procuro, além de mudar o foco do olhar, mudo o foco do pensamento falando outras coisas pra mim mesmo, principalmente sobre as coisas que eu quero e preciso alcançar (meus objetivos, metas e motivações).

Vamos ver se desta vez completamos o reboot! Precisamos muito nos livrar desta praga de vício!
Vamos lá, meu irmão, força pra todos nós!
Um grande abraço!

_______________________________________
avatar
Corredor
Mensagens : 351
Data de inscrição : 18/01/2016
Idade : 32

Re: Diário do Corredor

em 30/11/2017, 10:52
2º dia

Fala moçada. Estou no segundo dia.

Dessa vez, caí e não fiquei deitado. Levantei imediatamente. Eu costumava cair, ficar com vergonha e sumir do fórum. Mas dessa vez não repeti o mesmo erro. Fiquei orgulhoso.

No trabalho, tenho tentado adotado a estratégia de não consultar o celular. Ele fica guardado na bolsa. Isso tem tido efeitos positivos na minha concentração. Outra coisa, que copiei do New, é que só estou consultando e-mail duas vezes ao dia. Percebi que consultava muito o e-mail como forma de fuga. Ficava em busca de novidades. Tentarei manter essa rotina até acostumar.

Infelizmente, por culpa da minha procrastinação, eu tive que entrar mais cedo no trabalho hoje e precisarei entrar mais cedo amanhã também. Reparem que não seria necessário em condições normais. Isso só é reflexo da minha procrastinação e atraso. Minha apatia diante das tarefas trouxe grande prejuízo, como já reportei.

Por isso, hoje não fui correr e nem meditei. Tive que sair mais cedo de casa e chegarei tarde por causa de um curso. Enfim, só no sábado voltarei para a corrida e meditação.

No sábado também aproveitarei para ir até uma academia relativamente próxima de casa. Farei um ajuste no orçamento para ver se é possível pagar a academia. Seria muito legal poder fortalecer um pouco o corpo.

Eu sou falso magro. Sabe aquele cara magro, mas que tem vergonha de tirar a camisa porque as coisas não estão no “lugar certo”. Sou eu. Eu gostaria de ter um pouco mais de robustez no corpo.

Um abraço e força!

Caros New, BLPR, 5&4 e Spiritum, muito obrigado pelas reconfortantes palavras. Agradeço muito o apoio de vocês. Grande abraço!
avatar
Cachorro Monstro
Mensagens : 155
Data de inscrição : 12/10/2017

Re: Diário do Corredor

em 30/11/2017, 11:00
Fala corredor, tb resetei depois de 51 dias.

Estou no 2 dia tb, como vc e o spiritum. Vamos juntos. Continuem com a parceria de vcs que vou no vácuo. Nos encontramos no pódio.

Abraço

_______________________________________





Cachorro monstro! affraid
Ver o tópico anteriorVoltar ao TopoVer o tópico seguinte
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum