Compartilhe
Ir em baixo
chino79
chino79
Mensagens : 4
Data de inscrição : 18/01/2016

Novo começo Empty Novo começo

em 18/1/2016, 23:43
Olá a todos.

Queria deixar o meu relato aqui. Estou realmente aliviado de ter descoberto este site, me identifiquei com várias histórias aqui, e creio finalmente ter encontrado uma solução para meu problema.

Tenho 32 anos, sou casado, e basicamente tenho me masturbado desde os 6 anos de idade todos os dias, exceto uma fase ou outra.
Comecei ao encontrar uma revista pornográfica na casa de parentes, nem sabia direito o que era, só sabia que era bom. Fui descobrir do que se tratava mesmo alguns anos depois.
Porém, depois que comecei não parei mais. Qualquer tipo de estímulo servia, as fotos de alguma mulher de biquíni em uma revista, alguma mulher que eu visse na rua que me desse tesão já era o suficiente para me masturbar diversas vezes por dia.
Isso se seguiu até a adolescência, e na mesma época do primeiro namoro, veio o início da Internet, e um mundo de pornografia se abriu. E aconteceu comigo o que acontece com muitos, a pornografia tradicional já não era o suficiente e eu tinha que buscar novos fetiches, cada vez mais diferentes. Como era época de internet discada, só podia usar à noite, e passava madrugadas a fio vasculhando a maior quantidade de sites pornográficos possível.
Porém, na época meu corpo dava conta de toda a masturbação e de ter uma vida sexual ativa com uma parceira, e eu achei que iria durar para sempre.
Aos 22 anos conheci minha atual esposa, e sempre no mesmo ritmo, me masturbando diariamente, e mantendo uma vida sexual ativa.
Quando nos casamos, há cinco anos atrás, cheguei a ficar uns oito meses sem PMO, seis meses antes e dois meses depois do casamento. Aí voltei a ver eventualmente e não demorou muito para estar acessando pornografia diariamente de novo.

Foi quando começaram os problemas de ereção, há uns dois anos atrás. Ocorriam de vez em quando, então quando ocorriam eu achava normal, coisas que acontecem, podia ser da idade, etc... Porém, os problemas foram aumentando de frequência, e eu comecei a tomar remédios para DE, praticamente toda vez que iríamos transar.

A partir do meio do ano passado, começou a acontecer de algumas vezes eu não ter ereção nem com os remédios. Fui ao médico, pois estava mesmo acima do peso ideal, mas nada foi constatado que justificasse a DE. De qualquer maneira, comecei a fazer regime e exercícios físicos para ver se teria alguma solução, mas nada de muito objetivo. Conseguia ereção apenas com remédios. Foi aí que eu comecei a observar que com a pornografia eu sempre conseguia. No mesmo dia que eu tentava uma relação sexual e não conseguia, com a pornografia eu sempre tinha ereção.

Faço terapia, e cheguei a conversar com a minha terapeuta, porém ela não considera PMO, mesmo que em excesso, uma causa real de DE. Ultimamente tem sido mais difícil ainda de conseguir uma ereção, e em uma das minhas pesquisas, finalmente descobri este site há três dias. Foi tranquilizante saber que várias pessoas enfrentam o mesmo tipo de problema que eu. Sei que estou apenas no começo de uma longa jornada, espero ter forças para continuar até o fim.

Tenho problemas de insônia. Nunca quis tomar remédios fortes, mas fitoterápicos nunca resolveram, e a PMO sempre foi o que mais me ajudou. Portanto, creio que esta será minha maior dificuldade, mas espero daqui a um tempo estar contando o relato da minha recuperação.

Se alguém leu o relato, muito obrigado pela paciência. Só de poder desabafar já me tirou um grande peso dos ombros.

_______________________________________
Novo começo Img?u=6529265738711040
Blpr
Blpr
Mensagens : 4832
Data de inscrição : 30/05/2015

Novo começo Empty Re: Novo começo

em 18/1/2016, 23:55
chino79 escreveu:Olá a todos.

Queria deixar o meu relato aqui. Estou realmente aliviado de ter descoberto este site, me identifiquei com várias histórias aqui, e creio finalmente ter encontrado uma solução para meu problema.

Tenho 32 anos, sou casado, e basicamente tenho me masturbado desde os 6 anos de idade todos os dias, exceto uma fase ou outra.
Comecei ao encontrar uma revista pornográfica na casa de parentes, nem sabia direito o que era, só sabia que era bom. Fui descobrir do que se tratava mesmo alguns anos depois.
Porém, depois que comecei não parei mais. Qualquer tipo de estímulo servia, as fotos de alguma mulher de biquíni em uma revista, alguma mulher que eu visse na rua que me desse tesão já era o suficiente para me masturbar diversas vezes por dia.
Isso se seguiu até a adolescência, e na mesma época do primeiro namoro, veio o início da Internet, e um mundo de pornografia se abriu. E aconteceu comigo o que acontece com muitos, a pornografia tradicional já não era o suficiente e eu tinha que buscar novos fetiches, cada vez mais diferentes. Como era época de internet discada, só podia usar à noite, e passava madrugadas a fio vasculhando a maior quantidade de sites pornográficos possível.
Porém, na época meu corpo dava conta de toda a masturbação e de ter uma vida sexual ativa com uma parceira, e eu achei que iria durar para sempre.
Aos 22 anos conheci minha atual esposa, e sempre no mesmo ritmo, me masturbando diariamente, e mantendo uma vida sexual ativa.
Quando nos casamos, há cinco anos atrás, cheguei a ficar uns oito meses sem PMO, seis meses antes e dois meses depois do casamento. Aí voltei a ver eventualmente e não demorou muito para estar acessando pornografia diariamente de novo.

Foi quando começaram os problemas de ereção, há uns dois anos atrás. Ocorriam de vez em quando, então quando ocorriam eu achava normal, coisas que acontecem, podia ser da idade, etc... Porém, os problemas foram aumentando de frequência, e eu comecei a tomar remédios para DE, praticamente toda vez que iríamos transar.

A partir do meio do ano passado, começou a acontecer de algumas vezes eu não ter ereção nem com os remédios. Fui ao médico, pois estava mesmo acima do peso ideal, mas nada foi constatado que justificasse a DE. De qualquer maneira, comecei a fazer regime e exercícios físicos para ver se teria alguma solução, mas nada de muito objetivo. Conseguia ereção apenas com remédios. Foi aí que eu comecei a observar que com a pornografia eu sempre conseguia. No mesmo dia que eu tentava uma relação sexual e não conseguia, com a pornografia eu sempre tinha ereção.

Faço terapia, e cheguei a conversar com a minha terapeuta, porém ela não considera PMO, mesmo que em excesso, uma causa real de DE. Ultimamente tem sido mais difícil ainda de conseguir uma ereção, e em uma das minhas pesquisas, finalmente descobri este site há três dias. Foi tranquilizante saber que várias pessoas enfrentam o mesmo tipo de problema que eu. Sei que estou apenas no começo de uma longa jornada, espero ter forças para continuar até o fim.

Tenho problemas de insônia. Nunca quis tomar remédios fortes, mas fitoterápicos nunca resolveram, e a PMO sempre foi o que mais me ajudou. Portanto, creio que esta será minha maior dificuldade, mas espero daqui a um tempo estar contando o relato da minha recuperação.

Se alguém leu o relato, muito obrigado pela paciência. Só de poder desabafar já me tirou um grande peso dos ombros.

Bem vindo, cara. Firmeza e determinação na jornada! Reeboot trás muitos benefícios. Com uns 60 dias suas erecoes estarão bem melhores.

_______________________________________
Link do e-book grátis:

https://drive.google.com/open?id=0B_ZBYrwrvOuJTDctSjhvdGQ1V1E


"A dor é temporária. Ela pode durar um minuto, uma hora, um dia, um mês ou talvez um ano. Mas, eventualmente, ela irá sumir e outra coisa ocupará o seu lugar. Porém, se você não lutar e superar essa dor, ela vai durar para sempre". (Lancy Armstrong)


Bender Rodriguez
Bender Rodriguez
Mensagens : 415
Data de inscrição : 05/10/2015

Novo começo Empty Re: Novo começo

em 19/1/2016, 02:04
eu tenho 34 e a cerca de um ano comecei a ter DE com minha mulher,  a anos tenho com outras mas com ela começou a pouco tempo, isso me ligou o sinal de alerta, comecei as tentativas de reboot a 3 meses e 20 dias, já cai 16 vezes mas estou a 18 dias e acho que agora vou conseguir. nas ultimas 2 semanas passei sem vontade de fazer nada mas a 2 dias atras fiz um sexo bom com minha mulher mesmo em um lugar que as condições não eram as melhores pois tinha mais gente na casa e poderiam nos surpreender.

vc precisa de paciencia, a sua historia é parecida com a minha, eu me masturbava desde os 3 anos!!! de uma forma diferente, a forma pronada. são 30 anos na masturbação e 15 na pornografia com internet de alta velocidade, vamos precisar de muito tempo pra voltar ao normal. paciencia.

use os bloqueadores, se vc cair faça com pornografia faça tudo o possível pra não cair de novo no mesmo site ou da mesma forma, eu consegui e hj não consigo mais acessar pornografia no meu computador e celular.

_______________________________________
Novo começo Img?u=6498952933277696

Novo começo Img?u=5985475634397184

Novo começo Img?u=6228324292493312

Novo começo Img?u=5163438959493120
Texugo
Texugo
Mensagens : 163
Data de inscrição : 18/11/2015
Idade : 37

Novo começo Empty Re: Novo começo

em 19/1/2016, 09:52
Bem vindo e boa sorte na sua jornada Chino79, tenho 34 anos e uma história parecida com a sua. Acho que o segredo é ter paciência mesmo e manter em mente que os benefícios do reboot no relacionamento vão valer todo o esforço.

_______________________________________
chino79
chino79
Mensagens : 4
Data de inscrição : 18/01/2016

Novo começo Empty Re: Novo começo

em 19/1/2016, 21:02
Valeu pelo apoio pessoal! Por enquanto está tranquilo, mas tenho consciência que estou no começo ainda...muita força para nós!!

_______________________________________
Novo começo Img?u=6529265738711040
Nada me domina
Nada me domina
Mensagens : 314
Data de inscrição : 29/10/2015
Idade : 37

Novo começo Empty Re: Novo começo

em 20/1/2016, 14:11
Chino,fica tranquilo que, definitivamente, você encontrou o lugar e as informações que precisava pra poder sair dessa.

Temos histórias similares, mas com algumas diferenças importantes, eu morava junto com minha ex namorada, por três anos e passei o último ano todo com DE, toda semana eu broxava pelo menos uma vez, sendo que antes eu conseguia ter sexo diariamente normal. Também entrei em fetiches com transexuais e isso me confundiu demais a cabeça, mas mesmo na realização desses fetiches eu vi que também brochava, mas com a pornografia eu jamais brochava, sempre estava lá, em riste, bastava ver os primeiros vídeos que eu já ficava adrenalizado, pura característica do vício !

Siga em frente que, assim como já falaram aqui, você terá que ter paciência, pois precisamos limpar nossa mente dessas imagens, enfim, conte conosco!

Abraço

_______________________________________
"Deus já nos deu a vitória, mas somos nós que temos que combater esse bom combate"

chino79
chino79
Mensagens : 4
Data de inscrição : 18/01/2016

Novo começo Empty Re: Novo começo

em 22/1/2016, 11:22
Back on the game escreveu:Chino,fica tranquilo que, definitivamente, você encontrou o lugar e as informações que precisava pra poder sair dessa.

Temos histórias similares, mas com algumas diferenças importantes, eu morava junto com minha ex namorada, por três anos e passei o último ano todo com DE, toda semana eu broxava pelo menos uma vez, sendo que antes eu conseguia ter sexo diariamente normal. Também entrei em fetiches com transexuais e isso me confundiu demais a cabeça, mas mesmo na realização desses fetiches eu vi que também brochava, mas com a pornografia eu jamais brochava, sempre estava lá, em riste, bastava ver os primeiros vídeos que eu já ficava adrenalizado,  pura característica do vício !

Siga em frente que, assim como já falaram aqui, você terá que ter paciência, pois precisamos limpar nossa mente dessas imagens, enfim, conte conosco!

Abraço

Obrigado amigo, realmente conforme os dias vão passando vai ficando difícil, mas creio que tudo dará certo. Abraço!

_______________________________________
Novo começo Img?u=6529265738711040
Sobrevivente
Sobrevivente
Mensagens : 255
Data de inscrição : 15/05/2015

Novo começo Empty Re: Novo começo

em 29/1/2016, 00:49
Assim como vc, eu entrei aqui primeiro pra desabafar. Acho que o desabafo é o ato de nascimento de todos aqui. Ao nascer estamos falando para nós mesmos e não para os outros. Nós precisamos ler o que escrevemos depois. E sempre retorno aos meus relatos, pq eles me mostram o caminho que percorri. O contador para mim não representa muito, mas meus relatos sim mostram a transformação acontecendo. Não queria ler alguém me dizendo o que fazer, o livro já diz, só o que vale é o reencontro com aquela pessoa que o vício em PMO sabotou.
chino79
chino79
Mensagens : 4
Data de inscrição : 18/01/2016

Novo começo Empty Re: Novo começo

em 4/2/2016, 00:58
Sobrevivente escreveu:Assim como vc, eu entrei aqui primeiro pra desabafar. Acho que o desabafo é o ato de nascimento de todos aqui. Ao nascer estamos falando para nós mesmos e não para os outros. Nós precisamos ler o que escrevemos depois. E sempre retorno aos meus relatos, pq eles me mostram o caminho que percorri. O contador para mim não representa muito, mas meus relatos sim mostram a transformação acontecendo. Não queria ler alguém me dizendo o que fazer, o livro já diz, só o que vale é o reencontro com aquela pessoa que o vício em PMO sabotou.

É isso mesmo, o desabafo é importante, e é a partir daí que começam as trocas de experiências, e o apoio entre os que passam o mesmo probema. Pra mim ajudou muito.
O contador me ajuda mais pra ter o controle de há quanto tempo eu parei, eu provavelmente esqueceria sem ele, tanto que nem coloquei uma meta para mim.

_______________________________________
Novo começo Img?u=6529265738711040
Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum