Compartilhe
Ver o tópico anteriorIr em baixoVer o tópico seguinte
avatar
Batman23
Mensagens : 100
Data de inscrição : 24/09/2016

Re: 22 - Saindo da procrastinação

em 29/9/2016, 21:59
Entendi cara, quem sabe ela num vira uma amiga, e se torna uma ponte pra outras amizade e outra minas, mas ninguém entende as mulheres mesmo kkkk
avatar
contratante
Mensagens : 122
Data de inscrição : 14/03/2016
Idade : 23

Re: 22 - Saindo da procrastinação

em 30/9/2016, 01:19
Batman23 escreveu:Entendi cara, quem sabe ela num vira uma amiga, e se torna uma ponte pra outras amizade e outra minas, mas ninguém entende as mulheres mesmo kkkk

Também pensei nisso, não vejo problema em ter amigas, foda é a vontade de ter uma namorada... Ta difícil achar uma garota descente para namorar por aqui, elas só querem saber de ficar.

_______________________________________
avatar
contratante
Mensagens : 122
Data de inscrição : 14/03/2016
Idade : 23

Re: 22 - Saindo da procrastinação

em 30/9/2016, 01:30
39º dia

Hoje foi novamente um ótimo dia! Fui a academia e fiz um treino completo, li durante várias horas vários textos, artigos e por um bom tempo um livro que tem me ensinado como agir em certas situações, já que, eu não tenho senso comum praticamente nenhum. Assisti alguns vídeos, um deles do Tai Lopez, imagino que algumas pessoas do fórum o conheçam, suas ideias e mentalidade tem me influenciado um pouco nos últimos dias, além de vários outras pessoas que também o tem feito, através de textos ou palestras. Tenho assistido diversos TED Talks, muitos deles focados em educação, empreendedorismo e desenvolvimento pessoal. Eles são muito engrandecedores! Minha visão de mundo tem se tornado mais abrangente e arrisco dizer que até mais sábia, diariamente esses textos que leio e vídeos que assisto tem mudado meu mindset, espero que, de uma forma positiva. Ultimamente tenho pensado muito a cerca de sexo, não sei o que fazer. Recentemente assisti um vídeo que fala dos benefícios de ficar um mês ou mais sem qualquer tipo de orgasmo, tenho de fato notado eles. Porém, é muito complicado manter-se em tal estado, volta e meia os desejos são muito fortes, eu sei que não vale a pena voltar pra pmo de forma alguma, só não tenho certeza se vale ou não a pena me envolver com mulheres meramente com tal objetivo. Não consigo achar correto tal tipo de objetificação sexual. Cheguei a pensar em ir em prostitutas para tentar resolver tal problema. Gostaria de sugestões para ter uma noção melhor de como "resolver" essa situação, ter 22 anos e ser virgem é uma situação que tenho certas vezes visto como problema, e outras como algo até positivo. Bem, por hoje é só isso. Muito obrigado para aqueles que me acompanham, em breve, assim que eu possuir mais conhecimentos, eu poderei comentar nos diários dos outros rebooters, não o tenho feito no momento por falta de experiência e conhecimento mesmo.


Última edição por contratante em 2/2/2017, 03:22, editado 1 vez(es)

_______________________________________
avatar
icsvortex
Mensagens : 267
Data de inscrição : 02/09/2016

Re: 22 - Saindo da procrastinação

em 30/9/2016, 12:34
contratante escreveu:39º dia

Hoje foi novamente um ótimo dia! Fui a academia e fiz um treino completo, li durante várias horas vários textos, artigos e por um bom tempo um livro que tem me ensinado como agir em certas situações, já que, eu não tenho senso comum praticamente nenhum. Assisti alguns vídeos, um deles do Tai Lopez, imagino que algumas pessoas do fórum o conheçam, suas ideias e mentalidade tem me influenciado um pouco nos últimos dias, além de vários outras pessoas que também o tem feito, através de textos ou palestras. Tenho assistido diversos TED Talks, muitos deles focados em educação, empreendedorismo e desenvolvimento pessoal. Eles são muito engrandecedores! Minha visão de muito tem se tornado mais abrangente e arrisco dizer que até mais sábia, diariamente esses textos que leio e vídeos que assisto tem mudado meu mindset, espero que, de uma forma positiva. Ultimamente tenho pensado muito a cerca de sexo, não sei o que fazer. Recentemente assisti um vídeo que fala dos benefícios de ficar um mês ou mais sem qualquer tipo de orgasmo, tenho de fato notado eles. Porém, é muito complicado manter-se em tal estado, volta e meia os desejos são muito fortes, eu sei que não vale a pena voltar pra pmo de forma alguma, só não tenho certeza se vale ou não a pena me envolver com mulheres meramente com tal objetivo. Não consigo achar correto tal tipo de objetificação sexual. Cheguei a pensar em ir em prostitutas para tentar resolver tal problema. Gostaria de sugestões para ter uma noção melhor de como "resolver" essa situação, ter 22 anos e ser virgem é uma situação que tenho certas vezes visto como problema, e outras como algo até positivo. Bem, por hoje é só isso. Muito obrigado para aqueles que me acompanham, em breve, assim que eu possuir mais conhecimentos, eu poderei comentar nos diários dos outros rebooters, não o tenho feito no momento por falta de experiência e conhecimento mesmo.


Eai amigo, você está fazendo um ótimo reboot 40 dias parabéns, então vamo lá, ficar sem ejacular por um tempo é horrível mesmo e você sendo virgem como você falou ae eu não recomendaria gps porque você ainda está novo cara da tempo de você arrumar uma namorada, você tá novo ainda, eu já transei com GPS e não vale a pena não só o dinhero que agente gasta mas também a nossa energia sexual que vai embora, mas ai é com você, se você quiser perder virgindade com GPS tudo bem, mas tem o local, a mulher que vai transar e também ter a consciência de que você tá curioso pra saber como é o sexo, eu já levei um amigo meu em um puteiro em bh pra perder virgindade ele tem 26 anos, pra ele foi de boa, comeu e foi embora, mas o caso é que ele já tinha 26 o cara já tá velho e foi uma decisão dele, mas você tem 22, pensa direito se vale a pena mesmo, se achar que quer mesmo eu respeito isso, abraçao.
avatar
contratante
Mensagens : 122
Data de inscrição : 14/03/2016
Idade : 23

Re: 22 - Saindo da procrastinação

em 30/9/2016, 22:10
icsvortex escreveu:
Eai amigo, você está fazendo um ótimo reboot 40 dias parabéns, então vamo lá,  ficar sem ejacular por um tempo é horrível mesmo e você sendo virgem como você falou ae eu não recomendaria gps porque você ainda está novo cara da tempo de você arrumar uma namorada, você tá novo ainda, eu já transei com GPS e não vale a pena não só o dinhero que agente gasta mas também a nossa energia sexual que vai embora, mas ai é com você, se você quiser perder virgindade com GPS tudo bem, mas tem o local, a mulher que vai transar e também ter a consciência de que você tá curioso pra saber como é o sexo, eu já levei um amigo meu em um puteiro em bh pra perder virgindade ele tem 26 anos, pra ele foi de boa, comeu e foi embora, mas o caso é que ele já tinha 26 o cara já tá velho e foi uma decisão dele, mas você tem 22,  pensa direito se vale a pena mesmo, se achar que quer mesmo eu respeito isso, abraçao.

Muito obrigado por ter lido meu texto anterior e ter vindo comentar no meu diário, seja bem vindo. Eu tenho pensado em relação a isso como tinha dito, é de fato complicado, o ideal é fazer com uma mulher que você goste, isso se não for uma que ame. Porém, para mim é muito complicado, moro em cidade pequena, os ambientes daqui são muito limitados, eu estava pesquisando na internet tipos de personalidade e descobri o porque de eu ser dessa forma, minha personalidade é racional. O que me transforma num cara que a maior parte do tempo é lógico e não gosta de futilidade. Imagina, como vou conhecer uma mulher se eu não gosto de festas, bares, igrejas e praticamente qualquer ambiente que tenha por aqui? Gostaria de ter uma solução, um tipo de lugar que eu ficasse a vontade. Acho que nessa minha situação é muito complicado. Talvez quando eu arrumar outro emprego eu consiga conhecer uma mulher legal lá, espero que sim. Vou pensar no que você me disse, um amigo meu perdeu a virgindade dele com uma prostituta tbm, ele até foi outras 2 ou 3 vezes em outras depois por ter gostado, chegou a me incentivar a ir também. Eu sempre fui contar por não ter libido e ter noção de que seria uma decepção, atualmente a libido ta ficando cada vez mais alta, ainda mais treinando na academia e com uma alimentação saudável. Ainda assim, eu não consigo ver a mulher como objeto para meramente satisfazer minhas necessidades sexuais, talvez seja apenas meu lado lógico se manifestando e me impedindo de perder logo a virgindade. O pior problema nem é esse, estou a 2 anos e meio sem "pegar" mulher nenhuma, graças a gigantesca falta de libido que tive durante o período de vício, mesmo quando tinha um pouco nunca era suficiente para tomar uma atitude. Eu espero conseguir resolver esses problemas logo, é uma situação chata ficar com essa vontade desgraçada me perturbando e atrapalhando meus treinos, estudos e projetos de desenvolvimento.
Novamente, muito obrigado pelo seu comentário!


Última edição por contratante em 1/10/2016, 11:50, editado 1 vez(es)

_______________________________________
avatar
contratante
Mensagens : 122
Data de inscrição : 14/03/2016
Idade : 23

Re: 22 - Saindo da procrastinação

em 30/9/2016, 22:17
Cometi um erro de edição no comentário do amigo acima, alguém poderia me ajudar a resolver?

_______________________________________
avatar
icsvortex
Mensagens : 267
Data de inscrição : 02/09/2016

Re: 22 - Saindo da procrastinação

em 1/10/2016, 10:47
contratante escreveu:Cometi um erro de edição no comentário do amigo acima, alguém poderia me ajudar a resolver?

é so ir no edit ai voce muda oq errou
avatar
contratante
Mensagens : 122
Data de inscrição : 14/03/2016
Idade : 23

Re: 22 - Saindo da procrastinação

em 1/10/2016, 11:05
icsvortex escreveu:
contratante escreveu:Cometi um erro de edição no comentário do amigo acima, alguém poderia me ajudar a resolver?

é so ir no edit ai voce muda oq errou

Sim, só não sei como mexer no quote do amigo acima, sabe como fazê-lo?

_______________________________________
avatar
icsvortex
Mensagens : 267
Data de inscrição : 02/09/2016

Re: 22 - Saindo da procrastinação

em 1/10/2016, 11:09
contratante escreveu:Eai amigo, você está fazendo um ótimo reboot 40 dias parabéns, então vamo lá,  ficar sem ejacular por um tempo é horrível mesmo e você sendo virgem como você falou ae eu não recomendaria gps porque você ainda está novo cara da tempo de você arrumar uma namorada, você tá novo ainda, eu já transei com GPS e não vale a pena não só o dinhero que agente gasta mas também a nossa energia sexual que vai embora, mas ai é com você, se você quiser perder virgindade com GPS tudo bem, mas tem o local, a mulher que vai transar e também ter a consciência de que você tá curioso pra saber como é o sexo, eu já levei um amigo meu em um puteiro em bh pra perder virgindade ele tem 26 anos, pra ele foi de boa, comeu e foi embora, mas o caso é que ele já tinha 26 o cara já tá velho e foi uma decisão dele, mas você tem 22,  pensa direito se vale a pena mesmo, se achar que quer mesmo eu respeito isso, abraçao.

Muito obrigado por ter lido meu texto anterior e ter vindo comentar no meu diário, seja bem vindo. Eu tenho pensado em relação a isso como tinha dito, é de fato complicado, o ideal é fazer com uma mulher que você goste, isso se não for uma que ame. Porém, para mim é muito complicado, moro em cidade pequena, os ambientes daqui são muito limitados, eu estava pesquisando na internet tipos de personalidade e descobri o porque de eu ser dessa forma, minha personalidade é racional. O que me transforma num cara que a maior parte do tempo é lógico e não gosta de futilidade. Imagina, como vou conhecer uma mulher se eu não gosto de festas, bares, igrejas e praticamente qualquer ambiente que tenha por aqui? Gostaria de ter uma solução, um tipo de lugar que eu ficasse a vontade. Acho que nessa minha situação é muito complicado. Talvez quando eu arrumar outro emprego eu consiga conhecer uma mulher legal lá, espero que sim. Vou pensar no que você me disse, um amigo meu perdeu a virgindade dele com uma prostituta tbm, ele até foi outras 2 ou 3 vezes em outras depois por ter gostado, chegou a me incentivar a ir também. Eu sempre fui contar por não ter libido e ter noção de que seria uma decepção, atualmente a libido ta ficando cada vez mais alta, ainda mais treinando na academia e com uma alimentação saudável. Ainda assim, eu não consigo ver a mulher como objeto para meramente satisfazer minhas necessidades sexuais, talvez seja apenas meu lado lógico se manifestando e me impedindo de perder logo a virgindade. O pior problema nem é esse, estou a 2 anos e meio sem "pegar" mulher nenhuma, graças a gigantesca falta de libido que tive durante o período de vício, mesmo quando tinha um pouco nunca era suficiente para tomar uma atitude. Eu espero conseguir resolver esses problemas logo, é uma situação chata ficar com essa vontade desgraçada me perturbando e atrapalhando meus treinos, estudos e projetos de desenvolvimento.
Novamente, muito obrigado pelo seu comentário![/quote]

amigo voce esta no caminho certo, temos quer ser logicos msm, ainda mais no mundo de hoje em que esta ficando dificil achar uma pessoa para um relacionamento serio, igual ontem tava comversando com uma mina no zap e ela dizendo que é evangelica que ta procurando uma pessoa pra namorar serio querendo me conhecer e tal , ate ai beleza , papo vai papo vem, descobrir que ela adora essas casas de forro que vai todo final de semana, que sempre fica com 1 homem diferente ,ela falou isso comigo depois que ela ficou mais avontade, ai voce pensa, vale a pena ter um relacionamentos com mulheres desse tipo claro que nao, eu sou como voce mulher desse tipo pra mim é fria nao vale a pena nem pra transar, perde a graça cara,mas enfim é horrivel ficar com alibido alto e ficar a merce de poluçao noturna mais essa é a real , apenas nao se preocupe em pegar mulheres isso vai te ajudar a nao ficar tao ancioso e sim voce tem que se preocupar em estudar e começar uma carreira ai sim voce vai ter mulheres pulando em voce, mulher gosta de homems com objetivos na vida que nao dependa de ninguem para viver, que seja homem de verdade , e com seu alibido subindo nao demora muito pra voce arrumar uma namorada,aqui eu tenho certeza que alguma mulher olha pra voce quando voce sai na rua, isso acontece todo dia comigo , nossa testosterona ta almentano e as mulheres adoram.

abraçao.
avatar
contratante
Mensagens : 122
Data de inscrição : 14/03/2016
Idade : 23

Re: 22 - Saindo da procrastinação

em 1/10/2016, 11:49
icsvortex escreveu:

amigo voce esta no caminho certo, temos quer ser logicos msm, ainda mais no mundo de hoje em que esta ficando dificil achar uma pessoa para um relacionamento serio, igual ontem tava comversando com uma mina no zap e ela dizendo que é evangelica que ta procurando uma pessoa pra namorar serio querendo me conhecer e tal , ate ai beleza , papo vai papo vem, descobrir que ela adora essas casas de forro que vai todo final de semana, que sempre fica com 1 homem diferente ,ela falou isso comigo depois que ela ficou mais avontade, ai voce pensa, vale a pena ter um relacionamentos com mulheres desse tipo claro que nao, eu sou como voce mulher desse tipo pra mim é fria nao vale a pena nem pra transar, perde a graça cara,mas enfim é horrivel ficar com alibido alto e ficar a merce de poluçao noturna mais essa é a real , apenas nao se preocupe em pegar mulheres isso vai te ajudar a nao ficar tao ancioso e sim voce tem que  se preocupar em estudar e começar uma carreira ai sim voce vai ter mulheres pulando em voce, mulher gosta de homems com objetivos na vida que nao dependa de ninguem para viver, que seja homem de verdade , e com seu alibido subindo nao demora muito pra voce arrumar uma namorada,aqui eu tenho certeza que alguma mulher olha pra voce quando voce sai na rua, isso acontece todo dia comigo , nossa testosterona ta almentano e as mulheres adoram.

abraçao.

Concordo com você, eu não consigo ver sentido lógico em sair pra ficar pegando mulher todo final de semana, eu sou do tipo de cara que prefere e quer se envolver. De fato, esta cada vez mais difícil achar mulheres interessadas em relacionamentos, chega a ser engraçado, muitas reclamam que "todo homem é igual" e quando você, tenta e é de fato diferente nesse aspecto, ou elas te evitam (algumas mulheres me evitam por eu ser muito educado Shocked), ou o tratam como amigo, dificilmente tem interesse em algo mais sério. Meu amigo vem comentando comigo que tem que aproveitar a juventude, sair e se divertir mais. Feliz ou infelizmente, eu não sou desse jeito, a todo momento que eu deveria estar me divertindo fazendo algo como sair com esse amigo e outros conhecidos, eu estou pensando que poderia estar estudando, assistindo documentários, ou ainda praticando algo divertido que me levasse a resultados positivos. Eu já não consigo mais fazer algo que não traga resultados sem me sentir culpado ou com agonia. Não que eu não me divirta nunca, eu apenas tenho minha forma de ver as coisas. Eu como já devo ter comentado, gosto muito de assistir filmes, algumas séries, animes e agora até doramas. Gosto muito de ler, praticar esportes, ir a academia pra treinar, já fiz yoga e pretendo voltar, gosto muito de cantar(karaokê), gosto de lutas(pratiquei várias e vou começar o karatê em breve), adoro jogos que estimulam a mente(pretende ser neurocientista, leio muito sobre alguns aspectos do cérebro, tenho profundo interesse em métodos de aumento das capacidades cognitivas como um todo), já fui extremamente viciado em jogos online, hoje em dia nem os jogo mais porque sou muito exagerado em tudo que faço. Bem, além dessas coisas citadas tem muitas outras que gosto e sou até apaixonado em fazer, o que eu não gosto é ficar falando sobre besteiras, quem pegou quem, ficar bebendo pra esquecer os problemas da vida ao invés de enfrentá-los e coisas do tipo. Quer ocupar sua mente? Vamos fazer algo minimamente produtivo que dê algum retorno mínimo, se não for pra te tornar mais inteligente ou com raciocínio melhor, que ao menos seja para treinar seu corpo de alguma forma. Eu estou aplicando esse pensamento em tudo na vida, estou levando isso cada dia de forma mais séria, a vida é uma só, não acredito em deuses e não possuo religião. Sou agnóstico ateu, muitos sabem disso, algumas pessoas se assustam ao saberem disso. Graças a essas coisas eu busco sempre me desenvolver e aprender, dia após dia, tenho me tornado estressado graças ao problema da libido e ao ver coisas ilógicas acontecendo ao meu redor, infelizmente os erros de pessoas próximas a mim tem contribuído muito com isso. Tenho que focar mais pesado na meditação para não ficar tão estressado e sério. Em relação a mulheres nos olhando, assim como acontece com você tem acontecido comigo também. Chega a ser absurdo a quantidade de mulheres(e até homens) que tem me notado, antes eu parecia até invisível, talvez graças a postura, qualidade da minha pele, foco de visão e outros fatores terem se modificado absurdamente nesse pequeno período de dias.Eu pareço outra pessoa, diferente daquele garoto bobo, que ria de qualquer coisa e não tinha interesse em porra nenhuma além de pornografia, diversão fútil e dormir. Estou me tornando um homem, quero continuar nesse caminho, a pornografia tinha não apenas parado, como também retrocedido alguns aspectos da minha vida. Buscarei ao máximo bloquear essa maldição da minha vida. Tenho pensado em evitar pensar em mulheres e relacionamentos com elas o máximo possível, vou focar na minha carreira e desenvolvimento pessoal pleno. Essas outras coisas tem me estressado. Muito obrigado pelo seu comentário!

_______________________________________
avatar
icsvortex
Mensagens : 267
Data de inscrição : 02/09/2016

Re: 22 - Saindo da procrastinação

em 1/10/2016, 12:55
Arrow afro
avatar
contratante
Mensagens : 122
Data de inscrição : 14/03/2016
Idade : 23

Re: 22 - Saindo da procrastinação

em 2/10/2016, 00:00
41º dia

Acordei as 9:20h, o que é cedo para mim que sou vespertino, tenho buscado acordar cada vez mais cedo. Pretendo acordar as 4h novamente para aproveitar meu dia de forma altamente efetiva. Caminhei em jejum pela manhã, passei no meu curso de inglês para resolver certos detalhes como remarcação de horários, pegar declaração, entre outros. Em casa eu li bastante, quase terminei um livro inteiro apenas hoje, encontrei um documentário muito interessante sobre Nikola Tesla, comecei a assisti-lo e infelizmente ainda não o terminei. Fui a casa de um amigo e conversei com ele e seu primo, ficamos conversando sobre a vida, relacionamentos, sociabilidade e outras coisas. O assunto estava muito interessante, após isso fomos juntos em um churrasco do pai desse meu amigo, o ambiente não estava ruim, estávamos jogando sinuca e batendo papo as vezes. Após algumas horas pedi para meu amigo me deixar em casa, ele logo o fez. Em casa retomei minha leitura e tentei desenrolar uma conversa com a garota que puxou assunto comigo mais cedo, espero que consiga algo disso. Vou tentar terminar a leitura do livro agora ou amanhã cedo, ainda preciso meditar antes de dormir, não tenho tido muita disciplina nesse aspecto. Em relação a pmo tive certos desejos hoje graças a ter tomado um pouco de cerveja, notei que durante o consumo de alcool minha mente fica bem mais desinibida, já fazia 5 meses que não ingeria nada alcoólico. Quando eu bebia fora do reboot eu só ficava bobo ou agressivo, agora durante eu consigo ficar mais focado no objetivo de flertar e abordar mulheres, apesar de não o ter feito. Engraçado reparar nos detalhes de como o reboot o afeta, são tantas as coisas que chega as vezes a parecer placebo, apesar de não achar ser. Os desejos por pornografia ainda não cessaram, porém não chega a ser uma frenesi. Com isso penso que é ainda mais importante evitar alcool, ao menos no meu caso durante o reboot. Devo buscar me socializar mais por mais difícil que seja e sempre buscar me desenvolver em sentidos gerais, o reboot é só o começo do seu desenvolvimento! Muito obrigado para aqueles que leem e acompanham o meu diário, espero em breve ler mais comentários, boa noite!

_______________________________________
avatar
moonshine
Mensagens : 129
Data de inscrição : 21/09/2016
Idade : 25

Re: 22 - Saindo da procrastinação

em 2/10/2016, 15:10
contratante escreveu:41º dia

Acordei as 9:20h, o que é cedo para mim que sou vespertino, tenho buscado acordar cada vez mais cedo. Pretendo acordar as 4h novamente para aproveitar meu dia de forma altamente efetiva. Caminhei em jejum pela manhã, passei no meu curso de inglês para resolver certos detalhes como remarcação de horários, pegar declaração, entre outros. Em casa eu li bastante, quase terminei um livro inteiro apenas hoje, encontrei um documentário muito interessante sobre Nikola Tesla, comecei a assisti-lo e infelizmente ainda não o terminei. Fui a casa de um amigo e conversei com ele e seu primo, ficamos conversando sobre a vida, relacionamentos, sociabilidade e outras coisas. O assunto estava muito interessante, após isso fomos juntos em um churrasco do pai desse meu amigo, o ambiente não estava ruim, estávamos jogando sinuca e batendo papo as vezes. Após algumas horas pedi para meu amigo me deixar em casa, ele logo o fez. Em casa retomei minha leitura e tentei desenrolar uma conversa com a garota que puxou assunto comigo mais cedo, espero que consiga algo disso. Vou tentar terminar a leitura do livro agora ou amanhã cedo, ainda preciso meditar antes de dormir, não tenho tido muita disciplina nesse aspecto. Em relação a pmo tive certos desejos hoje graças a ter tomado um pouco de cerveja, notei que durante o consumo de alcool minha mente fica bem mais desinibida, já fazia 5 meses que não ingeria nada alcoólico. Quando eu bebia fora do reboot eu só ficava bobo ou agressivo, agora durante eu consigo ficar mais focado no objetivo de flertar e abordar mulheres, apesar de não o ter feito. Engraçado reparar nos detalhes de como o reboot o afeta, são tantas as coisas que chega as vezes a parecer placebo, apesar de não achar ser. Os desejos por pornografia ainda não cessaram, porém não chega a ser uma frenesi. Com isso penso que é ainda mais importante evitar alcool, ao menos no meu caso durante o reboot. Devo buscar me socializar mais por mais difícil que seja e sempre buscar me desenvolver em sentidos gerais, o reboot é só o começo do seu desenvolvimento! Muito obrigado para aqueles que leem e acompanham o meu diário, espero em breve ler mais comentários, boa noite!


Fala, meu amigo. Estou muito feliz com seu desenvolvimento. É muito inspirador ver sua disciplina e foco. Espero que dê certo com essa garota que você está desenrolando. Um grande abraço!

_______________________________________
avatar
contratante
Mensagens : 122
Data de inscrição : 14/03/2016
Idade : 23

Re: 22 - Saindo da procrastinação

em 2/10/2016, 16:47
moonshine escreveu:

Fala, meu amigo. Estou muito feliz com seu desenvolvimento. É muito inspirador ver sua disciplina e foco. Espero que dê certo com essa garota que você está desenrolando. Um grande abraço!

Muito obrigado. Espero continuar demonstrando o progresso que tenho feito na minha vida, quero me esforçar para poder me tornar um exemplo positivo para o pessoal do fórum, da minha cidade e até mesmo de outros lugares no futuro! Em relação a garota é complicado, terminei de ler o livro que explica alguns conceitos simples de conquista, o livre tem muito sentido em suas explicações, concordo e imagino que os métodos nele apresentados de fato funcionem, porém eu não concordo em seguir com grande parte deles. Eu concordo com o ponto de não me tornar submisso as mulheres, coisa essa que no passado eu fazia mesmo que inconscientemente as vezes. Só não irei me tornar o tipo de casa que mente, manipula, engana e entra em joguinhos desprezíveis de controle de poder para alcançar objetivos fúteis como sexo sem interesse em relações e coisas desse tipo. Eu pessoalmente prefiro ficar sozinho a ter que recorrer a esse tipo de coisa, nada disso se encaixar nos meus objetivos de vida, não busco prazeres momentâneos e sem benefícios na vida, ainda mais ao maleficiar e enganar outras pessoas. Esse é o tipo de rigidez que aplico na minha vida. Como sempre eu me estendi demais na resposta... Mais tarde farei novamente o resumo do meu dia, estou como sempre estudando bastante hoje.

_______________________________________
avatar
contratante
Mensagens : 122
Data de inscrição : 14/03/2016
Idade : 23

Re: 22 - Saindo da procrastinação

em 2/10/2016, 23:56
42º dia

Hoje acordei extremamente cedo, principalmente para mim(5:45h). Eu tinha ido dormir quase 3 horas, e o engraçado é que acordei bem disposto e animado para ir estudar! Comecei a ler e assistir vídeos imediatamente, fiquei nisso até umas 8 horas, tinha saído para caminhar em jejum, pratica essa que é muito boa para definir. No caminho encontro um amigo e vamos juntos votar. Na volta eu conversei bastante com ele, estava falando das ideias que tenho tido de montar um negócio e dos estudos que tenho feito para tornar tais ideias em algo sólido, chamei-o para que no futuro(espero que próximo) possamos montar um negócio juntos.

Continuarei meus estudos com esse objetivos, dentre muitos outros em mente. Li sobre um método novo de estudo e aprendizado hoje, explicado pelo empreendedor Tim Ferriss, ele o chama de "disss" tem um vídeo dele explicando tal método no youtube, aconselho aquele interessados em desenvolvimento pessoal, ou mesmo aquele que tem interesse em aprender coisas novas olhar o vídeo. Ele é um dos empreendedores que mais me inspiram e mais admiro, pretendo seguir alguns de seus passos em minha jornada.

Estava lendo novamente o primeiro livro de relacionamentos emprestado pelo meu amigo para ter um entendimento mais profundo do mesmo. Quero entender melhor a mente feminina e porque elas agem dessa forma(difícil pacas), as conversas que tive com as garotas não foram a frente, atualmente estou conversando com apenas 2. Eu tenho pensado em deixar tal aspecto da minha vida de lado no momento, ao menos até eu ter condições de assumir um relacionamento que eu considere saudável e com uma mulher que me complete.

Ainda não consegui começar a estudar para o enem e ta bem em cima já, ainda assim eu tenho uma estranha convicção que estudando agora consigo passar. Talvez seja confiança excessiva causada pelo reboot. Hoje eu sai um bocado da minha zona de conforto e fui pra rua sozinho, fiquei andando por lá e procurando algum conhecido para conversar ou oportunidade de conhecer novas pessoas, apenas comi um salgado e não surgiu nada para mim Neutral .

Enquanto estava vagando pela rua eu trocava mensagem com uma outra garota que conheci no grupo de inglês que criei, tenho conversado com essa garota as vezes, ela parece ser simpática, infelizmente não sinto atração alguma por ela, não faz meu tipo. Também estava pesquisando sobre política, essa situação que estava tendo recentemente me deixava meio estressado, não gosto nem um pouco dessa época de propagandas políticas.

Após ler um pouco a respeito comecei a me interessar em relação a pesquisar sobre os candidatos para ter um voto mais consciente, eu gostaria muito de após tamanha pesquisa encontrar ao menos um candidato descente, o que aparentemente é cada vez mais difícil de se encontrar. Em relação ao reboot, minha libido ainda varia um bocado, não sei se é graças a minha extrema seriedade em relação a vida que tem aumentado constantemente ou meramente uma questão hormonal ou coisa do tipo.

As vezes eu me sinto com uma atração absurda por mulheres, outras eu não sinto praticamente nada. Tenho sentido uma vontade constante e enjoada de ver pornografia, as vezes me vem imagens das modelos de cams que assistia constantemente, busco sempre apagar essas imagens da minha mente assim que aparecem, impedindo assim que isso atrapalhe meu progresso. Me esforçarei para continuar firme no reboot, os resultados tem sido cada vez melhores e mais absurdos, porém ainda tenho muito o que resolver para concluir tal projeto.

_______________________________________
avatar
icsvortex
Mensagens : 267
Data de inscrição : 02/09/2016

Re: 22 - Saindo da procrastinação

em 3/10/2016, 12:28
Fala ae amigao, muito bom ler seus posts , acompanhando.
avatar
moonshine
Mensagens : 129
Data de inscrição : 21/09/2016
Idade : 25

Re: 22 - Saindo da procrastinação

em 3/10/2016, 19:42
Boa noite, meu amigo! Estou muito feliz com sua evolução. Não conhecia o Tim Ferriss, vou dar uma procurada sobre ele.

Talvez seja uma boa chamar essa garota pra sair mesmo que seja pra tomar uma cerveja. É um fator construtivo para auxiliar na socialização. Eu preciso muito fazer algo do tipo, mas como estou no círculo casa-ônibus-serviço ainda não achei uma moça que consiga ter uma conversa bacana.

Estou torcendo pela sua conclusão do reboot! Um grande abraço.

_______________________________________
avatar
Batman23
Mensagens : 100
Data de inscrição : 24/09/2016

Re: 22 - Saindo da procrastinação

em 3/10/2016, 22:07
Muito bom ver esse avanço Contratante, muito corajoso mesmo da sua parte essa tentativa de socialização, concordo com o Moonshine, nem que role nada, você pode ter ganhado um amiga. Grande abraço!
avatar
contratante
Mensagens : 122
Data de inscrição : 14/03/2016
Idade : 23

Re: 22 - Saindo da procrastinação

em 4/10/2016, 08:42
icsvortex escreveu:Fala ae amigao, muito bom ler seus posts , acompanhando.

Muito obrigado!

moonshine escreveu:Boa noite, meu amigo! Estou muito feliz com sua evolução. Não conhecia o Tim Ferriss, vou dar uma procurada sobre ele.

Talvez seja uma boa chamar essa garota pra sair mesmo que seja pra tomar uma cerveja. É um fator construtivo para auxiliar na socialização. Eu preciso muito fazer algo do tipo, mas como estou no círculo casa-ônibus-serviço ainda não achei uma moça que consiga ter uma conversa bacana.

Estou torcendo pela sua conclusão do reboot! Um grande abraço.

Rapaz, eu acho esse cara incrível. Eu pretendo aplicar o método dele pra aprender um monte de coisas, sou fanático por evolução e aprendizado, utilizando o "disss" é possível aprender algo novo num período de 6 a 12 meses a nível de competição mundial. Quem não quer isso!?

Ultimamente tenho começado a ficar meio pra baixo graças a meus amigos estarem distanciados, isso é muito chato para mim. Somos amigos a muitos anos, repentinamente por minha personalidade real surgir ele me falou que estou chato, e isso mexei um pouco comigo. Eu as poucos me transformo nos "contratantes" desse anime que tanto amo, pena que na realidade ser assim é totalmente prejudicial, preciso reencontrar minha personalidade sociável rápido. Ser lógico demais é tenso para viver numa sociedade.

Estou louco para ir na cidade vizinha e voltar a trabalhar como professor, eu amo essa minha profissão, é ótimo passar o conhecimento adquirido para os outros, é um dos meus maiores objetivos de vida! Em relação a garota, ela é simpática e legal. Posso até ser amigo dela, o problema é que aparenta muito ela querer outra coisa, não sinto atração por ela, talvez tenha que por ela na friendzone kkkk

Batman23 escreveu:Muito bom ver esse avanço Contratante, muito corajoso mesmo da sua parte essa tentativa de socialização, concordo com o Moonshine, nem que role nada, você pode ter ganhado um amiga. Grande abraço!

Estou tentando me socializar aos poucos, é complicado porque eu era um cara fechado por muito tempo graças a timidez e falta de auto confiança, atualmente com a confiança nas alturas e uma timidez minima para situações de chegar em mulheres apenas. Vou tentar me tornar amigo da garota, não consigo sentir atração nela, ela não faz meu tipo. O foda é que noto ainda ter muita libido para mulheres no youtube, e nem tanta para reais, poucas me atraem tanto. Talvez eu tenha internalizado muito as lições aprendidas no livro de como lidar com as mulheres, no caso a parte que diz que se vc demonstrar muito interesse ou certificá-las do mesmo, elas vão te usar e brincar com vc. Tenho que reler os outros livros para entender ainda melhor. Obrigado pelo seu comentário!

_______________________________________
avatar
Autoconhecedor
Mensagens : 277
Data de inscrição : 26/08/2016
Idade : 24

Re: 22 - Saindo da procrastinação

em 5/10/2016, 12:44
Fala, contratante,

Cara, me identifiquei com muitas coisas suas, essa questão da lógica excessiva foi uma das principais. Eu tinha um pensamento muito parecido com o seu, do tipo: por que perder tempo com conversas fúteis? ou algo semelhante. Entretanto, hj em dia eu percebo que isso era uma desculpa/racionalização minha para me afastar de situações sociais. O que tem me ajudado bastante nisso é justamente socializar, andar com pessoas sociáveis, fazer brincadeiras, rir...você percebe que  pode se divertir com coisas simples, não precisa ser um cara 100% sério, lógico. A real é que vc tem que balancear melhor, não é bom ficar nos extremos, caso contrário, vc ou não será levado a sério em lugar nenhum ou será uma pessoa que não consegue se divertir socialmente.

E já que vc curte desenvolvimento pessoal, dá uma olhada nos vídeos do felipe marx no youtube, especialmente o curso sobre ser o protagonista da sua vida. E dá uma olhada tb no livro thebookpook, sobre relacionamentos.

Sou fã do Tai Lopez tb, tanto é que dei um boost nas minhas leituras graças às práticas dele de ler um livro por dia. Além de ter lido alguns que ele recomendou, como Managing Oneself do Peter Drucker, do Michael Jordan - Nunca deixe de tentar, do Mark Cuban - How to win at the sport of business. Baixei pela net tb aqueles 67 steps program. Outra coisa importantíssima foi a importância dos mentores, de vc passar 33% do tempo com gente acima de vc, 33% do tempo com pessoas do seu nível e 33% com pessoas ''abaixo''.

Tem muita coisa além disso, a gente vai trocando ''figurinhas''   com o tempo Laughing

Flw brother

_______________________________________


Aprendendo com os erros e acertos deste serumaninho: http://comoparar.forumeiros.com/t3797-23-diario-de-um-autoconhecedor
avatar
contratante
Mensagens : 122
Data de inscrição : 14/03/2016
Idade : 23

Re: 22 - Saindo da procrastinação

em 5/10/2016, 13:10
Autoconhecedor escreveu:Fala, contratante,

Cara, me identifiquei com muitas coisas suas, essa questão da lógica excessiva foi uma das principais. Eu tinha um pensamento muito parecido com o seu, do tipo: por que perder tempo com conversas fúteis? ou algo semelhante. Entretanto, hj em dia eu percebo que isso era uma desculpa/racionalização minha para me afastar de situações sociais. O que tem me ajudado bastante nisso é justamente socializar, andar com pessoas sociáveis, fazer brincadeiras, rir...você percebe que  pode se divertir com coisas simples, não precisa ser um cara 100% sério, lógico. A real é que vc tem que balancear melhor, não é bom ficar nos extremos, caso contrário, vc ou não será levado a sério em lugar nenhum ou será uma pessoa que não consegue se divertir socialmente.

E já que vc curte desenvolvimento pessoal, dá uma olhada nos vídeos do felipe marx no youtube, especialmente o curso sobre ser o protagonista da sua vida. E dá uma olhada tb no livro thebookpook, sobre relacionamentos.

Sou fã do Tai Lopez tb, tanto é que dei um boost nas minhas leituras graças às práticas dele de ler um livro por dia. Além de ter lido alguns que ele recomendou, como Managing Oneself do Peter Drucker, do Michael Jordan - Nunca deixe de tentar, do Mark Cuban - How to win at the sport of business. Baixei pela net tb aqueles 67 steps program. Outra coisa importantíssima foi a importância dos mentores, de vc passar 33% do tempo com gente acima de vc, 33% do tempo com pessoas do seu nível e 33% com pessoas ''abaixo''.

Tem muita coisa além disso, a gente vai trocando ''figurinhas''   com o tempo Laughing

Flw brother

Desde que li seu nick fiquei com vontade de entrar no seu diário para ler e eventualmente comentar. Infelizmente, um dos meu bloqueadores não o permitiu. Concordo que ser extremo é algo maléfico para um indivíduo, porém, não conheço uma pessoa "totalmente equilibrada ou balanceada", cada pessoa tende mais para um lado, poderia ser sim uma racionalização para me impedir de me socializar, eu até achava que era isso mesmo. Mas hoje notei que não é exatamente isso, as limitações de minha cidade pequena me impedem de ter acesso ao tipo de ambiente que de fato me fascina. Hoje estava numa cafeteria em frente a uma faculdade na cidade vizinha, o local me encantou desde que o vi de fora, dentro dele uma música tranquila a volume ambiente. Um local aconchegante, com comidas saudáveis e bebidas saborosas que não te destroem o organismo aos poucos como bebidas alcoólicas e refrigerantes. Um ambiente bacana para conhecer pessoas com gostos parecidos dos meus, ou ao menos pessoas mais tranquilas, assim aparenta ao menos.

Tenho cada vez mais pensado na ideia de "criar" esse ambiente para mim em minha cidade, essa ideia tem a cada dia se solidificado e criado forma em minha mente. Para isso necessitarei logicamente de investimento em dinheiro, tempo e planejamento, não será algo para agora. Eu não me arrependo de não socializar em ambientes que não suporto, só fico triste de não me sentir bem onde os outros se sentem, isso me torna excluso em relação a minha sociedade. Não sou 100% lógico, acredito e gosto de ser uns 90%, em nossa sociedade impera a futilidade, estupidez, diversão e prazer instantâneos. Essas coisas reinam por aqui, tanto é que a mídia nos vende tais coisas por meio de músicas com qualidade mediana a baixa, comida venenosa e saborosa, bebidas que iludem-no com felicidade imediata destruindo sua saúde, sexo é vendido como um produto, tornando a visão da mulher cada vez mais objetificada. Eu sempre fui muito lógico, hoje noto isso, eu nunca tive crença em deuses ou religiões, sempre fui do tipo questionador extremo. Sou um cara extremamente curioso e intenso pela busca de minhas paixões, eu nunca tive muito interesse nas coisas, graças a pmo provavelmente. Porém, os poucos interesses que tive eu deu o meu máximo neles.

Atualmente, graças ao tempo livre, ambição e foco gerados pelo reboot. Tenho a cada dia treinado mais minha mente, corpo e tudo que eles representam das melhores formas que tenho pesquisado. Tem crescido em mim um stress e até mesmo ódio constante graças as pessoas "auto-limitadas" que me cercam, as pessoas se limitam graças a sua ignorância e falta de vontade de correr atrás de formas de evoluir, hoje vejo que é possível você se tornar tudo aquilo que você quiser. Quanto mais pesquiso sobre isso, mais abrangente minha visão fica em relação a isso. Existem pouquíssimas coisas que não é possível mais fazer graças a estar muito velho, as pessoas precisam entender isso. Eu não pretendo me tornar um cara extremamente sociável, vejo o lado social como uma forma de relaxar, conhecer pessoas interessantes e obter conhecimento ou passá-lo para elas. Eu não curto perder meu tempo, ele é o bem mais precioso que possuo, uso-o para me desenvolver e aperfeiçoar. Talvez eu esteja sendo exagerado demais, eu compreendo isso. Mas isso é o que desejo, não possuo objetivos como ter família e viver uma vida feliz com um monte de filhos, NÃO! Meu objetivo de vida é buscar conhecimento, aprender tudo que é possível e me desenvolver até o limite do ser humano, estou apaixonado por tal objetivo, nele são contidos diversos sub-objetivos, hoje montei no meu diário uma parte inicial deles para esse resto de ano. Pretendo atingir ao menos grande parte deles, são objetivos em várias áreas diferentes de minha vida. Lutarei para conquistá-los da melhor forma que puder!

Olharei o canal do Felipe Marx, obrigado pela dica. Em relação a livros, após ler os que tenho aqui, que são cerca de 20 ou 30, adicionarei os seus a minha lista, muito obrigado pelas dicas! Estava pensando em comprar os 67 passos, porém por ser em dólar ficaria muito caro pra comprar sendo desempregado. Obrigado pelo seu comentário, seja bem-vindo ao meu diário e volte sempre para comentar!

_______________________________________
avatar
Autoconhecedor
Mensagens : 277
Data de inscrição : 26/08/2016
Idade : 24

Re: 22 - Saindo da procrastinação

em 5/10/2016, 14:06
Cara, é legal sua atitude determinada em se autodesenvolver e questionar o status quo, de não ser um alienado, mas pensar por si mesmo. Eu tenho uma mentalidade parecida, sou ateu, desejo me tornar empreendedor ao invés de concursado, lembrando que a pressão dos meus pais era grande - não que seja ruim, mas por uma questão de gosto e de não trabalhar só por dinheiro -, busco aprofundar, ser cada vez melhor nas coisas que eu faço, desde aparar a barba ou jogando tênis ou tocando guitarra.

A minha percepção, entretanto, é que o fato de vc saber sobre determinadas coisas ou agir de determinada maneira não é motivo pra começar a odiar ou se afastar das outras pessoas, é algo parecido com o que o Tai Lopez fala: passe 33% do seu tempo com pessoas ''melhores do q vc '', 33% do tempo com pessoas do ''seu nível'' e 33% do seu tempo com pessoas ''abaixo''. Por exemplo, se vc é ateu, vc não precisa odiar um cristão ou um espírita, pelo contrário, vc pode bater papos de religião ou não, e rirem juntos, serem amigos. Obviamente vc tende a se identificar com pessoas parecidas, só acho que se a gente julgar menos e aproveitar o momento mais as coisas se tornam mais belas. E ter um equilíbrio entre profissional, saúde, pessoal, social/relacionamentos/família, espiritual.

Voltando pro Tai lopez como exemplo, ele lê um livro por dia, busca desenvolvimento pessoal constantemente, tem sua empresa, aparenta se alimentar bem e faze exercícios físicos, troca ideias com outros milionários, mas sabe equilibrar, sabe se divertir, vai pra festas, já namorou modelos. Ou seja, a gente precisa ter um equilíbrio em todas as áreas das nossas vidas. Saber quando focar no profissional, dar uma atenção pro pessoal, pra sua saúde e para os relacionamentos, com sua família, amigos e mulheres, é uma necessidade biológica nossa não ficar isolado e procurar mulheres.

Em relação a não ter filhos, blz, cada um tem sua opção, conheço gente que não tem e é feliz tb. Só acho que viver sozinho, sem mulher, é um extremo q eu não to afim de passar haha Razz

Quanto aos 67 steps, eu baixei por torrent. Tenho ele aqui, se quiser...

E quanto ao meu diário, se vc souber a palavra que estiver bloqueando, eu mudo.

abraço

_______________________________________


Aprendendo com os erros e acertos deste serumaninho: http://comoparar.forumeiros.com/t3797-23-diario-de-um-autoconhecedor
avatar
contratante
Mensagens : 122
Data de inscrição : 14/03/2016
Idade : 23

Re: 22 - Saindo da procrastinação

em 6/10/2016, 13:26
Autoconhecedor escreveu:Cara, é legal sua atitude determinada em se autodesenvolver e questionar o status quo, de não ser um alienado, mas pensar por si mesmo. Eu tenho uma mentalidade parecida, sou ateu, desejo me tornar empreendedor ao invés de concursado, lembrando que a pressão dos meus pais era grande - não que seja ruim, mas por uma questão de gosto e de não trabalhar só por dinheiro -, busco aprofundar, ser cada vez melhor nas coisas que eu faço, desde aparar a barba ou jogando tênis ou tocando guitarra.

A minha percepção, entretanto, é que o fato de vc saber sobre determinadas coisas ou agir de determinada maneira não é motivo pra começar a odiar ou se afastar das outras pessoas, é algo parecido com o que o Tai Lopez fala: passe 33% do seu tempo com pessoas ''melhores do q vc '', 33% do tempo com pessoas do ''seu nível'' e 33% do seu tempo com pessoas ''abaixo''. Por exemplo, se vc é ateu, vc não precisa odiar um cristão ou um espírita, pelo contrário, vc pode bater papos de religião ou não, e rirem juntos, serem amigos. Obviamente vc tende a se identificar com pessoas parecidas, só acho que se a gente julgar menos e aproveitar o momento mais as coisas se tornam mais belas. E ter um equilíbrio entre profissional, saúde, pessoal, social/relacionamentos/família, espiritual.

Voltando pro Tai lopez como exemplo, ele lê um livro por dia, busca desenvolvimento pessoal constantemente, tem sua empresa, aparenta se alimentar bem e faze exercícios físicos, troca ideias com outros milionários, mas sabe equilibrar, sabe se divertir, vai pra festas, já namorou modelos. Ou seja, a gente precisa ter um equilíbrio em todas as áreas das nossas vidas. Saber quando focar no profissional, dar uma atenção pro pessoal, pra sua saúde e para os relacionamentos, com sua família, amigos e mulheres, é uma necessidade biológica nossa não ficar isolado e procurar mulheres.

Em relação a não ter filhos, blz, cada um tem sua opção, conheço gente que não tem e é feliz tb. Só acho que viver sozinho, sem mulher, é um extremo q eu não to afim de passar haha Razz

Quanto aos 67 steps, eu baixei por torrent. Tenho ele aqui, se quiser...

E quanto ao meu diário, se vc souber a palavra que estiver bloqueando, eu mudo.

abraço

Obrigado!Eu tenho tendência a ser muito exagerado quando coloco algo na minha cabeça, me decidi alcançar meus objetivos, e é o que farei, estou disposto a sacrificar a maior parte das coisas que gosto para alcançar tudo isso, ao menos por enquanto. Meus parentes sempre me coagiram a ser médico, engenheiro e coisas do tipo. Eu sei que querem para meu bem, mas o fato de ninguém nem tentar ouvir a opinião da outra pessoa e ter a mente aberta me irrita, não consigo evitar. Eu ouço todos e pondero, busco entender e aceitar sempre, as pessoas simplesmente caso me escutem, o que é raro, nem tentam compreender e apontam que eu não consigo.

Concordo que não é necessário se afastar, estava vendo um vídeo ontem muito interessante, ele explica como foi feito o estudo para utilizar a heroína misturada com outras drogas em pacientes nos hospitais, esse complexo é utilizado como anestésico, se não me engano. Os estudos foram feitos com ratos a muito tempo, mostrando que num ambiente sociável e com coisas para se fazer, os ratos não se tornavam viciados. Os seres humanos e outros animais, são seres sociáveis, necessitam de se socializar para manter a mente e o corpo saudáveis. Eu tenho consciência disso, só não gosto de fazer isso por obrigação, eu vi o vídeo dos 33%, achei a ideia muito interessante e lógica.

Retemos 90% do conhecimento quando o explicamos a alguém, é um dos motivos que amo minha profissão, ser professor é apaixonante! Eu só acho, que esses 33% inferiores tem que ao menos ser pessoas interessadas em vc ou em algo, o pessoal que conheço aqui, meus colegas, não se interessam por quase nada, eu sou um cara extremamente intenso, eu não gosto de mais ou menos, é tudo ou nada. Se for pra jogar bola, coisa essa em que sou horrível, eu só vou voltar a jogar caso eu possa praticar numa frequência e nível que eu possa melhorar, eu jogava bola com eles todo sábado e nunca evoluia, e eu odiava isso. Não vejo sentido em fazer algo para ficar estagnado na mesma merda a vida inteira, a vida é uma só, tem coisa pra caralho, possibilidades quase infinitas de diversão e aprendizado, por que eu desperdiçaria meu tempo, ambição e possibilidades repetindo algo fútil que eu sequer gosto!?

Estou buscando esse balanceamento que o Tai Lopez demonstra, sempre que vejo seus vídeos eu fico muito inspirado, o cara é simplesmente sensacional. Ele demonstra inteligência, humildade, simpatia e vários outros quesitos que desejo conquistar. Mas eu não sou o Tai, não desejo ser o Tai Lopez, desejo absorver ou aprender algumas características que ele possui e incorporar elas em mim, eu não gosto de festas fúteis, as dele até parecem legais, ele tem um monte de amigos aí eu suponho que isso torne os ambientes bacanas mesmo. Porém o mesmo não ocorre comigo, talvez o reboot esteja modificando tal aspecto meu sem eu notar, me tornando menos travado ou anti festas. Eu precisaria testar isso daqui a algum tempo para me certificar.

Quanto aos filhos, eu nunca pensei em tê-los, nunca achei lógico vc se colocar em tal dívida eterna e sacrificar-se tanto em prol de uma criança que no futuro não viverá por você. Pode parecer egoísta dizer isso, mas pense bem, muitos pais cuidam de seus filhos dizendo que no futuro eles cuidaram deles de volta(não digo que todos falam isso) o que não é uma troca injusta. Eu pretendo focar meu tempo em pesquisar e buscar o desenvolvimento da humanidade, claro que falar é fácil, por isso tenho estudado e buscado me aperfeiçoar em tudo que for possível como um louco. Hoje até arrumei meu quarto por conta própria! Nem lembrava de já ter feito isso na vida kkk.

Eu penso assim de mulheres porque eu não tenho tido uma libido descente a quase 2 anos e meio cara, quando vc passa muito tempo sem algo essas coisa se torna cada vez menos necessária, nesse mês cerca de 5 garotas me deram um mole absurdo enquanto eu jogava pokémon go(sou nerd, me julguem) uma delas eu até queria ter pego, mas eu acabei desperdiçando minha chance. Isso me mostrou que o reboot de fato funciona, e em mais formas do que demonstrando no e-book, eu suponho. As mulheres me notando assim não é algo normal, ao menos eu não acredito que seja, penso ser devido a feromônios ou "energia sexual presa". Meu interesse por elas tem aumentado aos poucos sim, mas eu não vejo sentido em correr atrás disso no momento, estou buscando melhorar como homem e pessoa, "pegar mulheres" agora me ajudaria em que!? Me deixaria mais inteligente? Forte? Saudável? De qualquer forma, é um estress que quero evitar, sempre que me envolvo com mulheres eu fico irritado e as vezes mais traumatizado.

Depois de meu último relacionamento com uma ex, eu fiquei até hoje sem nem ficar com mulher alguma, eu perdi o interesse por ver que eu não tenho noção alguma disso, isso tem 2 anos e meu, estou esse tempo todo na minha. Eu tinha os meus amigos durante esse tempo, porém atualmente eles se afastaram por motivos de estarmos nos tornando adultos. Pretendo começar minha faculdade logo para não ficar totalmente solitário, estava querendo fazer psicologia para depois começar minha pós em neurociência, inspirado pelo reboot, por um livro sobre neurociência e por diversos neurocientistas que leio sobre ou vejo vídeos com frequência. Eu penso que quanto maior seu sacrifício e dependendo da forma que vc usa seu tempo, se vc estudar as melhores formas de estudo, é possível vc aprender muito mais do que a grande maioria julga ser possível. É só administrar bem o tempo e intensidade de estudos e aprendizado, tenho lido muito sobre esse tipo de assunto, para poder entender tais métodos, utilizando-os para complementar meu esforço, tempo e foco.

Eu concluo que mesmo tendo libido agora, eu me limito a não me envolver com mulheres o máximo que consigo. No momento é necessário todos esse sacrifícios para as metas, ontem eu escrevi uma parte dos meus objetivos para concluir ainda esse ano, essa lista contém eles variados divididos em corpo, mente e outras questões referentes a desenvolvimento pessoal. Quem sabe mais pra frente eu posto alguma aqui!? Por agora não devo fazê-lo porque acredito que só falar não os traz. Muito obrigado pelo seu comentário autoconhecedor, gostaria sim do torrent dos "67 steps' se possível. Eu não sei a palavra que bloqueia seu diário, depois busco ver isso, gostaria muito de comentar lá também. Volte sempre no meu diário!

_______________________________________
avatar
APzeiro
Mensagens : 59
Data de inscrição : 10/05/2016

Re: 22 - Saindo da procrastinação

em 7/10/2016, 11:52
Olá contratante, me identifico c vc. Eu ultimamente tenho me apaixonado por aprendizado, conhecimento e desenvolvimento..porem as vezes eu quero fazer td que desejo ao msm tempo...o q não da certo..como vc faz para lidar c isso?? Vc foca um assunto de cada vez ?? Um abraço

_______________________________________
avatar
contratante
Mensagens : 122
Data de inscrição : 14/03/2016
Idade : 23

Re: 22 - Saindo da procrastinação

em 7/10/2016, 12:13
APzeiro escreveu:Olá contratante, me identifico c vc. Eu ultimamente tenho me apaixonado por aprendizado, conhecimento e desenvolvimento..porem as vezes eu quero fazer td que desejo ao msm tempo...o q não da certo..como vc faz para lidar c isso?? Vc foca um assunto de cada vez ?? Um abraço

Boa tarde meu amigo, eu estudo e leio sobre diversos assuntos, sinto um prazer tremendo, felicidade e sensação de estar me desenvolvendo a ler sobre alguns assuntos que me interessam.
Existem vários métodos de estudo que te ajudam de forma surpreendente a aprender com mais velocidade e até mesmo qualidade! Eu gosto de usar o método pomodoro, anki, existe também a pirâmide do aprendizado e agora estou estudando o "disss", método usado por Tim Ferriss. Assim como você, me interesso por muitas áreas diferentes de conhecimento. Eu achava que eu tinha que encontrar uma área que eu fosse apaixonado(a maioria das pessoas segue aquilo que da dinheiro ou esta na "moda", essa ideia nunca me agradou), hoje em dia vejo que não é bem assim. Existem pessoas que são conhecidas como "multipotentialites", pessoas essas que estudam e especializam em muitas áreas, que por vezes não tem muita conexão entre si. Este vídeo abaixo fala sobre isso, quem e o que são os multipotentialites, eu sou um deles. Sou apaixonado por línguas, filosofia, história, curiosidades e diversas áreas da ciência como: Psicologia, biologia, neurociência, economia e agora tenho começado a me interessar por matemática e física também. Estou sempre buscando aprender, nesse momento estou ouvindo um audiobook de um excelente livro do Carl Sagan, cientista que sou um grande fã. O nome do livro é "o mundo assombrado pelos demônios", aconselho qualquer pessoa lê-lo. Link do vídeo sobre "multipotentialites":https://www.youtube.com/watch?v=QJORi5VO1F8
O que eu faço é estudar diversos temas que me atraem, separando um tempo para focar em cada um, não aconselho você ou outras pessoas a fazer tal coisa também. Possui suas vantagens e desvantagens, eu tenho tantas coisas que desejo e vou estudar que necessito me dedicar muito para com elas. Isso tem contribuído em me tornar um cara solitário, não desejo isso pra ninguém, sou um apaixonado por ciência e conhecimento, adoro debater e discutir temas diversos que farão eu modificar minha visão em relação a algo ou fortificar meus argumentos. Torço para que você siga as áreas que ame também, muitos vão dizer para você ser engenheiro, médico ou concursao. Faça o que você quer! Só não desista, porque o caminho não é nada fácil.

_______________________________________
Ver o tópico anteriorVoltar ao TopoVer o tópico seguinte
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum