Compartilhe
Ir em baixo
avatar
Mad Max
Mensagens : 96
Data de inscrição : 30/03/2016

3º DIA

em 17/3/2018, 02:12
Hoje foi o 3º dia e ainda ta fácil, mas as vezes dá uma vontade de fantasiar, estou me controlando para não fantasiar e se possível combinar encontros reais, nada de sexo por enquanto, apenas bons bate papos. Li anteontem o capítulo sobre erros comuns no reboot, e tenho conseguido interiorizar melhor a questão de criar alternativas de prazer para o cérebro e dificultar o prazer via fantasia/masturbação. Com o tempo inconscientemente vamos adestrando a mente a associar orgasmo com mulher real, ferormônio, cortejo etc., tanto tempo agindo contrário a tudo isso que creio que levará uns bons meses para me recuperar. Como tem sido difícil regular meus horários de sono...impressionante!

Boa sorte a todos!

_______________________________________
avatar
Mad Max
Mensagens : 96
Data de inscrição : 30/03/2016

4º DIA

em 18/3/2018, 02:54
Boa noite pessoal,

Hoje foi um dia proveitoso, mas poderia ter sido muito melhor. Proveitoso porque consegui dedicar-me razoavelmente ao reboot e além disso estudar outros assuntos que preciso. Li um capítulo do ebook sobre as recaídas e a importância de em caso de reset recuperar-se o mais rápido possível, pois é muito comum (e aconteceu comigo várias vezes) quando se reseta esperar pelo ressurgimento da força de vontade para recomeçar a batalha, mas isso não passa de auto engano e sabotagem da mente, pois se dependesse de força de vontade ninguém estaria viciado em nada.

Hoje achei estranho pois fui verificar alguns sites que imaginei que o k9 bloquearia, pois assim configurei, qual não foi minha surpresa quando vi que meu pc estava quase que totalmente aberto, os sites não estavam sendo bloqueados. Tomei um susto e o pior é que para recuperar a senha do k9 é maior trabalhão e eu só poderia fazer isso a partir de segunda, a maioria das minhas atividades estão no computador, como trabalhar com acesso a tudo que não posso 24h em pleno fim de semana? Entrei aqui no fórum hoje e comecei a pesquisar sobre outros bloqueadores, achei o tal do Qustodio, instalei e configurei, depois parece que o k9 voltou a funcionar e as páginas que deveriam voltaram a ficar bloqueadas. De qualquer forma o Qustodio agora está no meu pc e funcionando muito bem, bloqueia coisas que o k9 não estava bloqueando, só que não permite a tática da dificultação de senha, já que exige senha e email para logar, logo ou elimino os dois ou nenhum dos dois, se eliminar senha e email (temporário) qualquer problema que dê, para desinstalar só formatando o computador, e se manter email  por mais que se crie uma senha dificílima sempre será possível alterar por email. Por enquanto não excluí esse email que criei para o Qustodio e não fiz uma senha impossível, até porque quero ver antes como o programa se comporta, de qualquer forma k9 ta funcionando bem.

Percebi e li aqui no fórum que o k9 não está mais bloqueando imagens pornográficas do Google, então esta é outra brecha que ainda preciso cobrir, apesar de que nunca fantasiei através de imagens, mas é algo que tem que se bloqueado para não dar chance a oportunidade.

Combinei com um contato do whatsapp de sair e ir no cinema amanhã, fiquei na dúvida se deveria ir ou não, mas depois de tudo que li no ebook e de todas as falhas que já cometi, acho que pode ser uma ótima experiência saudável e social, nem vou com segundas intenções, apenas conversar e curtir a companhia, até porque na fase que estou no reboot é para dar descanso ao cérebro e sem sexo nas primeira semanas. Como aprendi aqui, a religação é fundamental, e creio que todos meus resets deveram-se a falta de religação, pois mais importante que o número de dias em abstinência é conseguir gerar uma mudança de comportamento.

Desejo a todos um ótimo domingo!

_______________________________________
avatar
Mad Max
Mensagens : 96
Data de inscrição : 30/03/2016

5º DIA

em 19/3/2018, 01:10
Hoje foi um dia de discussões acaloradas, todas as discussões em família, algo comum em quase toda casa mas que pode ser muito irritante e frustrante. Escrevi no meu bloco de anotações alguns ensinamentos que tirei das situações e que preciso interiorizar, pois assim situações deste tipo tornam-se fonte de aprendizado e evolução. No que tange ao contexto aqui do fórum sempre que nos sentimos de alguma forma desagradados tendemos a querer buscar alívio na PMO, e uma lição que aprendi no ebook foi que : "não devemos usa a pmo como remédio." Outra: "não devemos aguardar pela vinda da força de vontade para começar a realizar algo ou lutar por ou contra algo", a força de vontade virá com o tempo, após iniciarmos o mais rápido possível as tarefas, assim através de uma "meta força de vontade" emularemos o ânimo, a disposição e a força de vontade que popularmente conhecemos como tal.

Hoje foi mais um dia de reboot...sobrevivi.

Abraços a todos e boa semana!

_______________________________________
avatar
Mad Max
Mensagens : 96
Data de inscrição : 30/03/2016

6º DIA

em 20/3/2018, 00:41
Boa noite pessoal, completei hoje o sexto dia, nada de novo aconteceu, não tem sido difícil, assim como nunca foram os primeiros dias comigo. Difícil tem sido administrar o tempo e tantas coisas para  cumprir ao longo do dia, reboot, trabalho, estudo, demandas domésticas, cachorro, lazer etc...mas continuo animado.

Amanhã começo na musculação, acho que vai ser legal, até porque no momento vai ser uma das raras atividades de lazer que tenho, tenho me correspondido com uma mulher também no whatsapp, e morrido de medo de estar ativando os caminhos neurais da PMO ao fazer isso. Por isso tenho evitado ficar de papo e olhando fotos (normais) por lá, a ideia é conhecer pessoalmente logo e ver no que dá. A forma como a conheci já começou errada e contrária aos princípios ensinados no ebook, foi quando estava afundado há poucas semanas e fiz uso de aplicativos de paquera, mas agora tentando me reerguer novamente já os excluí e bloqueei todos, mas o contato dela mantive no whatsapp. "Conhecer pessoas reais em situações reais, e não em situações virtuais"...sinto-me meio culpado por manter esse contato, mas e se der certo? Na verdade não é apenas um contato que peguei e mantive, mas 10, estou depurando-os aos poucos e vendo se algum vai rolar algo. Estou errado? Impressionante como estes aplicativos fazem mal a minha cabeça, fico compulsivo em querer muitos perfis e procurar sempre um melhor, sei lá, para mim e para qualquer pessoa que sofra com PMO não deve fazer nada bem.

Grato a todos, boa sorte!

_______________________________________
avatar
Marco
Mensagens : 1639
Data de inscrição : 09/01/2017

Re: Diário de Mad Max

em 20/3/2018, 06:11
Boa Mad Max, parabéns pelos seis dias.

Olha esses aplicativos reativam nosso efeito caçador e o hábito da PMO de buscarmos sempre a cena perfeita (no caso, a mulher perfeita).

Fez bem em excluir esse aplicativo.

Sua rotina não dá brechas pra PMO. Se mantem sempre ocupado.

Sucesso!
avatar
Mad Max
Mensagens : 96
Data de inscrição : 30/03/2016

10º DIA

em 24/3/2018, 20:52
Boa noite pessoal,

Estou aqui completando o décimo dia, esta semana tive uma queda na produtividade e qualidade do reboot, não resetei mas me organizei mal e por isso pouco postei. Discussões familiares fizeram-me sentir desânimo e procrastinar, e é sabido que justamente nessas ocasiões ficamos mais vulneráveis ao vício em PMO, mas não foi o caso desta vez, graças a D-us.

Procurando cumprir com o "Desafio dos 21 dias" revisei todo o sistema de bloqueadores aqui do meu PC, e demorei a avançar neste quesito, pois fiquei inseguro em eliminar algumas senhas e depois ter problemas para acessar sites importantes ou não gostar do funcionamento do bloqueador novo. Ficou da seguinte forma: tenho instalado aqui o K9 com o método de dificultação de senha, mas acabei instalando também o Qustodio, já que um dia desses o k9 aparentemente parou de funcionar, mas já ta normal. O Qustodio não permite a dificultação de senha, ou se fica com a senha e um email cadastrado para login ou elimina-se os dois, e aí para desinstalar depois só formatando. Fiquei essa semana travado nisso, pois não estava com coragem para eliminar a senha e o email do Qustodio, queria usar ele uns dias e ver se ele travaria algo importante que não deveria ser travado. Depois instalei o Block Free também, pois o Google imagens permite obter pornografia facilmente através de imagens. Fiquei na dúvida porque ele bloqueia toda e qualquer imagem , e como estou terminando uma monografia fiquei com medo de precisar de alguma imagem. Fiquei com essas duas dúvidas durante essa semana, e não pude avançar no Desafio de 21 dias.

Hoje eu decidi colocar tudo em dia, principalmente o reboot e comecei por tomar uma decisão final sobre os bloqueadores. Primeiramente gostei muito da ideia de ter além do k9 outro bloqueador sempre em atividade, pois agora mesmo que eu pegue a senha do k9 meu pc estará sempre protegido, e mais do que isso, excluí a conta de email que criei para o Qustodio e antes disso coloquei uma senha de 10 dígitos, depois eliminei, logo não tenho mais como desinstalar o Qustodio. Próxima decisão referia-se ao Block Free e ao Google imagens, fiquei realmente em dúvida , pois não haveria mais jeito de pesquisar uma imagem no Google, e infelizmente se quisermos achar pornografia lá, tudo estará disponível. Mas duas coisas levaram-me a tomar a decisão de desinstalar o Block Free: a primeira é que me dei conta que mesmo bloqueando o Google imagens os demais buscadores permanecem com suas pesquisas por imagens desbloqueadas, logo não faz diferença alguma bloquear apenas o Google imagens. O segundo motivo é que eu nunca, que eu me lembre, busquei fantasiar através de imagens tanto analógicas como digitais, mas isso é algo pessoal meu, caso assim não fosse seria obrigado na hora a bloquear (se fosse possível) toda e qualquer imagem. No fim das contas creio que estou com meu pc bastante seguro com o k9 e com o Qustodio, sem falar no Applock no emulador Androide. E assim concluí o dia 3 do "Desafio dos 21 dias" e segui em frente fechando hoje os 5 primeiros dias do Desafio. Estabeleci a meta e obrigação de usar o whatsapp para falar com meus contatos femininos no máximo por 10 min ao dia e não mais que 2x por dia, sempre buscando marcar um encontro real, quanto à internet não há como restringir, já que praticamente todas minhas obrigações estão no PC e na internet, mas com esses bloqueadores acredito que está tudo bem, agora nem com a senha do k9 estou vulnerável.

No mais estou marcando de sair com uma garota amanhã e com outra durante a semana, aos poucos estou vendo o que vai sobrar disso e se algo legal vai rolar, e não estou me referindo a sexo. Já me encontro matriculado também na academia e 2ª feira começa se D-us quiser, já era hora! Bem agora vou ler mais um capítulo para revisão do ebook.

Desejo força e alegria a todos do fórum, abraços!

_______________________________________
avatar
Mad Max
Mensagens : 96
Data de inscrição : 30/03/2016

14º DIA

em 28/3/2018, 14:48
Olá pessoal,

Cheguei aos 14 dias...tenho lutado para implementar em minha vida a metodologia do reboot como preconizada aqui no site, e acho que tenho ido razoavelmente bem. Um grande aliado tem sido o "Desafio de 21 Dias", pois é estimulante ter que passar pelos testes diários e assim parece que os dias iniciais de reboot fluem melhor. Não que eu consiga cumprir a meta de cada dia no próprio dia, tanto que estou atrasado, comecei o dia 7 hoje mas no reboot estou no 14º.

Esta semana finalmente iniciei na musculação e tem sido muito bom gastar essa energia, movimentar o corpo e melhorar a auto estima. Também tenho procurado melhorar a alimentação, pois afinal tudo se relaciona né, maus hábitos adquiridos, má alimentação e baixa qualidade do sono, creio que a maioria dos que sofrem com PMO devem sofrer com estas coisas em maior ou menor grau, sem falar na questão da possível baixa de testosterona, porque mesmo que o problema de PMO não seja hormonal, mas sim cerebral, devido a este estilo de vida danoso é possível que junto ocorra uma baixa produção de testosterona agindo em sinergia com todos os sintomas resultantes da PMO. Devido a tudo isso tenho procurado estudar, na medida do possível, sobre um estilo de vida mais saudável do ponto de vista biológico e orgânico.

Minha maior dificuldade ainda é a religação, como isso é difícil para mim! Ontem por exemplo foi um dia em que eu tentei implementar o desafio do dia 6, que era ficar fora de casa o máximo de tempo e fazer coisas agradáveis e/ou produtivas. Pois então, aproveitei que saí cedo do trabalho e fui dar um mergulho na praia e peguei um pouco de sol, mas não posso dizer que senti esse prazer todo, mas foi bom de qualquer forma. Final da tarde fui encontrar uma garota que eu estava conversando pelo whatsapp e que havia conhecido num aplicativo. Eu cada vez mais vejo como não é o ideal conhecer alguém primeiro de forma virtual, porque vemos uma foto e claro que damos prosseguimento à conversa colocando expectativas naquela foto, e quando vemos no real em geral uma grande decepção acontece. Eu sabia dessa possibilidade e nem estava tão interessado na garota, mas pensei que seria positivo do ponto de vista do reboot ter essa experiência, pois pelo menos seria ao vivo e a cores. O fato é que não foi legal, não tive paciência para o estilo da menina e fisicamente não me atraia, mas antes eu já havia decidido não me preocupar com isso pois a meta seria conversar e tentar ter bons momentos de conversa. Conhecer alguém numa situação real é outra coisa, pois já é sabido de antemão o que atraí ou não, seja um jeito de falar, uma personalidade ou a beleza mesmo, e querendo ou não é muito difícil não fantasiar nada quando estamos para conhecer alguém da internet, a única coisa que temos são diálogos virtuais e fotos. Foi essa vida de chats que acabou comigo conjuntamente com a masturbação. A questão é, com a vida moderna do jeito que está, todos tão focados em si mesmos, nos seus smartphones e phones de ouvido que cada vez torna-se mais difícil conhecer alguém em situações normais do dia a dia, coisa que antigamente não era. Penso em fazer umas viagens, é um bom dinheiro investido e bom para conhecer pessoas novase contextos novos, quanto a meus amigos, parece que eles gostam mais de beber cerveja e falar de mulher (falar bobagens que não levam a nada) e futebol do que efetivamente tentar alguma coisa com uma mulher interessante, um comportamento tão tipicamente brasileiro...

Ontem devido a essas frustrações já citadas senti um pequeno impulso em querer me "remediar" com masturbação, algo bem típico de um cérebro viciado, mas não deixei ir para frente. Hoje ao tentar combinar com outro contato do whatsapp um encontro, senti-me tentado também a me masturbar, mas consegui me controlar e entender que o que vale no momento não é ter sexo ou qualquer outra gratificação física, o que conta é trocar uma ideia, ter boas horas de conversa e gerar uma situação de prazer saudável, não interessa se vou achar a mulher atraente ou não, se eu a achar e ela me achar ótimo, caso contrário bom também, conversaremos e tentaremos desassociar mulher de masturbação.

Abraços a todos!

_______________________________________
avatar
Mad Max
Mensagens : 96
Data de inscrição : 30/03/2016

19º DIA

em 1/4/2018, 23:19
Boa noite amigos do fórum,

Aqui estou eu completando o décimo nono dia de reboot, nem acredito que consegui chegar aqui novamente após meu último reset, o qual drenou muito das minhas forças. Venho procurando colocar em prática os ensinamentos tanto de ebook quanto do "Desafio de 21 dias". E como já escrevi em outro post, semana passada iniciei na academia de ginástica, e tem sido bem legal movimentar o corpo e fazer força, é estimulante treinar para ficar com o corpo mais em forma, a auto estima melhora. Além disso, tenho procurado investir em encontros reais com garotas, e hoje tive a oportunidade de conhecer um contato do whatsapp, uma garota que conheci num aplicativo, mas desde que reiniciei o reboot adotei por tática não excluí-la, mas também não ficar de papo excessivamente pelo whatsapp e procurar um encontro real.

Estava meio apreensivo, pois ir encontrar alguém que nunca se viu ao vivo mas apenas por uma tela é diferente de conhecer alguém numa situação real, sei que comecei errado em conhecê-la através de um ambiente virtal, mas agora pelo menos quero aproveitar e conhecer ao vivo e quem sabe usar como religação se for o caso. Procurei mentalizar que não importaria se ela seria bonita ou não aos meu olhos, o mais importante seria conseguir ter prazer, bons momentos de bate papo ao vivo com uma garota real, sem expectativas e sem sexo. Bem, o encontro começou meio desengonçado por assim dizer e eu não estava sabendo perceber se ela estava gostando ou não, mas tentei aproveitar ao máximo a situação, a caminhada, o papo e ela. Com o desenrolar do passeio as coisas foram engrenando e num certo ponto consegui um approach melhor, cheguei mais perto, encostei e em certo ponto nos beijamos.

Cabe aqui uma nota: não vou dizer que senti uma excitação que me leva-se nas alturas e acho que nem deveria esperar por isso, nós que realizamos o reboot devemos ser muito pacientes e saber reaprender a aproveitar as pequenas coisas da vida, então me dei por satisfeito, não por ter ficado com ela, mas por ter conseguido curtir razoavelmente uma situação real com uma mulher, e pensar que há 18 anos isso seria tão instintivo e fácil...Eu coloquei na cabeça hoje que mesmo que não nos beijássemos o importante seria ter uma conversa agradável, curtir uma bonita paisagem e é isso. Rolou um pouco mais ótimo, mas caso eu me sentisse totalmente indiferente a isso ficaria bastante incomodado, por isso o cuidado que devemos ter em não querer mais do que estamos prontos a digerir. Talvez repetindo a experiência mais vezes, reaprendendo a associar prazer com mulheres reais em situações reais e com todas as imperfeiçoes que seres e situações reais possuem, seja possível recuperar a sensibilidade e fazer o cérebro enterrar os caminhos neurais das fantasias e da masturbação.

Em paralelo a isso tudo tenho lido muito sobre alimentação, exercícios e estilo de vida que levam a um equilibrado balanço hormonal no corpo, pois uma boa taxa de testosterona e uma reduzida taxa de estrogênio, assim como uma alta sensibilidade à insulina só pode contribuir para uma vida saudável e ser aliado de um reboot bem sucedido, pois não me admiraria se anos de masturbação e uma vida sexual não saudável levariam a uma baixa taxa de testosterona, apesar de saber que nosso problema não é baixa testosterona mas sim dessensibilização cerebral.

Na quinta feira, se não me engano, tive uma ejaculação involuntária dormindo, é um saco isso, mas foi só uma vez e isso não significa reset conforme o ebook.

Agradeço a todos, boa semana e força!

_______________________________________
avatar
Mad Max
Mensagens : 96
Data de inscrição : 30/03/2016

35º DIA

em 18/4/2018, 20:20
Boa noite colegas de fórum,

Andei sumido e postando pouco, mas desta vez não foi por um mau motivo e sim por bons motivos creio eu. Bem há muito tempo que não chegava a esta marca de 35 dias, desta vez cheguei com relativa facilidade. O que mudou? Acho que desta vez estou tentando ao menos de forma real implementar a religação, que é 50% do reboot, e como tenho feito isso? Primeiro entrando numa academia de musculação, tentar aos poucos recuperar a boa forma é estimulante e interessante pois percebi que uma boa parte do meu tempo tem sido dedicada a fazer exercícios, pesquisar sobre exercícios e dietas saudáveis que estou implementando, e essas coisas mobilizam tempo e energia que nem tenho quase pensado em me masturbar.

Outro ponto é que tenho buscado encontros reais e evitar ao máximo ficar de conversa pelo telefone, mesmo as conversas que tenho tido pelo whatsapp sempre  têm o objetivo de um encontro real e me desvincular ao máximo de papos virtuais. Neste ínterim como já relatei no último post conheci uma menina e o encontro foi legal, e o que me animou mais foi o desejo de reencontrá-la novamente, é fundamental essa reconexão com o ferormônio, não adianta, o virtual deve ser banido e toda e qualquer experiência real é válida. Estou tentando colocar na cabeça que prazer e adrenalina só existem em encontros reais e não em masturbação virtual. Acho que algum efeito positivo tenho conquistado já que estou há 35 dias sem me masturbar, e além disso, tenho combinado outros encontros com outras meninas, até que eu ache uma que eu realmente curta mais.  Mas o fundamental vale dizer não é apenas o encontro em si, mas o fato de conseguir curtir bons momentos com a presença feminina e sem ter nenhum elemento erótico envolvido, às vezes só um leve contato, uma conversa, uma caminhada et cetera.

Não me testei no âmbito do sexo ainda, tenho receio de falhar e também julgo cedo, sem falar que esses meus encontros ainda estão muito incipientes para pensar em sexo. Melhor curtir degrau a degrau, e se também no sexo não for mil maravilhas não é o fim do mundo, pois faz parte da própria prática melhorar a performance sexual com paciência e tranquilidade.

Pontos ainda travados que não mostraram evolução estão minha preguiça e dificuldade para dormir e acordar e estudar, mas creio que talvez não se deva apenas ao vício mas a uma questão de personalidade mesmo, talvez eu sempre tenha sido preguiçoso. Esta característica, mesmo que não sendo algo terrível em termos de PMO, é ruim pois deixa "buracos" para que ocorram um resets. Estou atrasado também no "desafio de 21 dias" mas mesmo assim tem sido de grande ajuda completar estas metas diárias. No mais tudo razoavelmente bem fora o receio de falhar ou ter ejaculação precoce, mas acho que vou superar isso apenas com o tempo e a prática frequente.

Grato a todos, abraços!

_______________________________________
Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum