Compartilhe
Ir em baixo
Tiago Mendes
Tiago Mendes
Moderador
Moderador
Mensagens : 1776
Data de inscrição : 31/07/2016

Diário de Tiago - Página 41 Empty Re: Diário de Tiago

em 3/8/2019, 20:04
Agradeço  ao Wolverine e ao Soli Deo Gloria pela força. Muito obrigado mesmo.

Infelizmente eu não consegui me recompor. Muito pelo contrário. Cai feio mesmo.

O mês de julho foi de perda total. Não sei se por ser um mês de férias eu acabei relaxando. O fato é que não quero ficar procurando desculpas. Não cuidei e o tempo foi passando. Quando dei por mim o mês acabou e os dias todos jogados no lixo.

Me desconectei totalmente da vida de oração, o que considero ser a coluna da minha força de vontade em não voltar para este vício. Os bloqueadores como sempre ajudaram, porém, a masturbação e algumas outras situações reais que vivenciei foram minando minha energia. A partir daí não demorou muito para que eu me auto-sabotasse.

O foda é que sempre se repete o mesmo sortilégio. No fim das contas só o que resta é a sensação de vazio e de que aquilo tudo não valeu nada a pena. Chegar no fundo do poço no entanto tem os seus efeitos positivos, se é que posso dizer assim. Chega um ponto em que se é obrigado a reconhecer que não dá mais, e o único caminho é procurar sair disso. Essa consciência é o trampolim que dá o impulso para sair do buraco.

Aos poucos estou voltando a rotina de oração e organizando alguns trabalhos que acumularam. Também estou voltando com alguns exercícios e caminha que me faz muito bem. Minha alimentação também estava um descontrole total, retomei o controle há alguns dias.

É isso. Vida que segue. Só aprendizados. PMO por mais que seja atraente e prazeroso (uma fuga nesse mundo tão estressante) acaba se tornando um mal maior - perda de tempo e atraso de vida.

_______________________________________


Me acompanhe AQUI
(1º reboot concluído em 2018)
Tiago Mendes
Tiago Mendes
Moderador
Moderador
Mensagens : 1776
Data de inscrição : 31/07/2016

Diário de Tiago - Página 41 Empty Re: Diário de Tiago

em 9/8/2019, 14:57
Zerando o contador. Em uma semana tive duas recaídas. Problemas familiares e no trabalho mexeram com meu estado emocional. O start foram estímulos reais, mas acabei matando o desejo por meio virtual.

_______________________________________


Me acompanhe AQUI
(1º reboot concluído em 2018)
Tiago Mendes
Tiago Mendes
Moderador
Moderador
Mensagens : 1776
Data de inscrição : 31/07/2016

Diário de Tiago - Página 41 Empty Re: Diário de Tiago

em 13/8/2019, 21:02
Desde o último post tive que reiniciar o contador. Acho que não deu nem pra perceber.
Aconteceram umas coisas bastante desagradáveis que prefiro nem comentar aqui para não chocar ninguém. No momento o meu sentimento em relação a pornografia é de total repulsa, asco, nojo. Me faltam palavras para adjetivar meu estado depois dos acontecimentos dos últimos dias.
Em tempo, leitura atenta do guia introdutório, alguns vídeos e vida de oração estão me ajudando a voltar pro rumo. Me encontro um pouco isolado, sem saco pras pessoas. Reação meio que esperada depois do que passei.

_______________________________________


Me acompanhe AQUI
(1º reboot concluído em 2018)
Tiago Mendes
Tiago Mendes
Moderador
Moderador
Mensagens : 1776
Data de inscrição : 31/07/2016

Diário de Tiago - Página 41 Empty Re: Diário de Tiago

em 19/8/2019, 20:31
Depois de uma semana me sinto melhor e quase recuperado das merdas que fiz.
Ainda assim tive dificuldades na questão do sono e também da alimentação - falta de um e excesso de outro.
Noite passada tive muitos sonhos eróticos. Acordei excitado e mesmo depois de um tempinho o negócio não baixava. Fiquei com muita tensão na região pélvica, e mais tarde acabei me masturbando pra aliviar.
Pornografia 0, tudo bloqueado.

_______________________________________


Me acompanhe AQUI
(1º reboot concluído em 2018)
Tiago Mendes
Tiago Mendes
Moderador
Moderador
Mensagens : 1776
Data de inscrição : 31/07/2016

Diário de Tiago - Página 41 Empty Re: Diário de Tiago

em 22/8/2019, 11:11
Prestes a completar 10 dias desse novo reboot e fico me perguntado o que deu errado. Eu estava muito bem depois de concluir o primeiro reboot, mas agora parece que o que eu vivi foi uma ilusão e que agora eu voltei para a minha realidade que é estar constantemente lutando contra este vício. Apesar desses 10 dias longe de qualquer estímulo pornográfico eu reconheço que não está sendo fácil lidar com o forte desejo sexual. Só não caí nesse período por conta dos bloqueadores, e isso é muito triste considerando que há pouco mais de um mês eu nem considerava a possibilidade de consumir novamente esse lixo. Parece que o caminho para o vício sempre fica lá, embora não mais utilizado, esquecido, basta uma nova sessão para que todo mecanismo volte com tudo.

A experiência que vivencie, e que não encontrei uma forma suave de relatar, se deu em um ambiente horrível. Creio que em sã consciência eu jamais faria aquilo. Isso me fez questionar até que ponto a "cura" ocorre no período de 90 dias. Olhando para mim hoje, vejo que vou precisar de um tempo bem maior para me recuperar. Talvez eu nem possa falar em recuperação. Seria mais adequado o termo controle. Parece que os 90 dias são o tempo necessário para que o corpo se acostume aos novos hábitos, porém, além de não ser fácil essa mudança de hábito, mantê-la também não é, ainda que se chegue a uma estabilidade. É como um treino para ganhar massa muscular: você muda a alimentação, faz os exercícios e, aos poucos, o corpo vai se acostumando aquele rotina e os músculos vão se desenvolvendo. Contudo, se você resolve parar com essa rotina e volta a se alimentar mal e a ter uma vida sedentária, provavelmente vai perder massa corporal e outros benefícios adquiridos.

Nesse momento eu só quero que o tempo passe e que o meu corpo volte a disciplina de antes. É muito ruim você estar ali trabalhando e, de repente, do nada, vem aquele desejo de se masturbar e de ver pornografia. Não só no trabalho, mas comigo também acontece na hora de levantar, de dormir, quando fico muito tempo no celular e, quando dou por mim, já estou vagando de forma desnecessária pela internet, no fundo com o intuito de me estimular com material erótico. Vejo que realmente não dá pra vacilar com esse vício, pois, se você volta, voltam também todos os efeitos nocivos experimentados antes. Sem contar que o relacionamento com as pessoas fica todo prejudicado. O vício influencia na forma como você olha, conversa e até na postura corporal. O outro se transforma apenas em um objeto a ser usado. E foi assim que me senti na experiência que tive. Na fissura do vício usei e fui usado, numa situação totalmente degradante.

Toda essa experiência me faz notar que ainda se sabe muito pouco sobre os reais efeitos da pornografia no cérebro humano. Além dos malefícios que citei tem a questão das pessoas que desenvolvem HOCD, tara por coisas bizarras na hora do sexo, ansiedade, baixa autoestima, enfim. É cada coisa que a gente lê aqui no fórum que não tem como não pensar que as consequências do vício em pornografia vão muito além do que se sabe, do que a literatura científica sobre este hábito demonstra. Até porque se percebe um certo receio de tocar nesse assunto. Prefere-se achar que é algo normal e que as causas de todos esses problemas sejam outras. De minha parte, só tenho a dizer que quanto mais aprendo e vivencio os efeitos da pornografia em mim, mas desejo tenho de me livrar dela. De preferência para o resto da vida.

_______________________________________


Me acompanhe AQUI
(1º reboot concluído em 2018)
Rottweiler
Rottweiler
Mensagens : 238
Data de inscrição : 22/07/2019
Idade : 28

Diário de Tiago - Página 41 Empty Re: Diário de Tiago

em 26/8/2019, 18:02
Acompanhando suas publicações.

vlw.
abraço.

_______________________________________
DIÁRIO: www.comoparar.com/t9368-diario-do-rottweiler

rmotta
rmotta
Moderador
Moderador
Mensagens : 384
Data de inscrição : 01/08/2019
Idade : 26

Diário de Tiago - Página 41 Empty Re: Diário de Tiago

em 1/9/2019, 20:37
Tiago Mendes escreveu:Prestes a completar 10 dias desse novo reboot e fico me perguntado o que deu errado. Eu estava muito bem depois de concluir o primeiro reboot, mas agora parece que o que eu vivi foi uma ilusão e que agora eu voltei para a minha realidade que é estar constantemente lutando contra este vício. Apesar desses 10 dias longe de qualquer estímulo pornográfico eu reconheço que não está sendo fácil lidar com o forte desejo sexual. Só não caí nesse período por conta dos bloqueadores, e isso é muito triste considerando que há pouco mais de um mês eu nem considerava a possibilidade de consumir novamente esse lixo. Parece que o caminho para o vício sempre fica lá, embora não mais utilizado, esquecido, basta uma nova sessão para que todo mecanismo volte com tudo.

A experiência que vivencie, e que não encontrei uma forma suave de relatar, se deu em um ambiente horrível. Creio que em sã consciência eu jamais faria aquilo. Isso me fez questionar até que ponto a "cura" ocorre no período de 90 dias. Olhando para mim hoje, vejo que vou precisar de um tempo bem maior para me recuperar. Talvez eu nem possa falar em recuperação. Seria mais adequado o termo controle. Parece que os 90 dias são o tempo necessário para que o corpo se acostume aos novos hábitos, porém, além de não ser fácil essa mudança de hábito, mantê-la também não é, ainda que se chegue a uma estabilidade. É como um treino para ganhar massa muscular: você muda a alimentação, faz os exercícios e, aos poucos, o corpo vai se acostumando aquele rotina e os músculos vão se desenvolvendo. Contudo, se você resolve parar com essa rotina e volta a se alimentar mal e a ter uma vida sedentária, provavelmente vai perder massa corporal e outros benefícios adquiridos.

Nesse momento eu só quero que o tempo passe e que o meu corpo volte a disciplina de antes. É muito ruim você estar ali trabalhando e, de repente, do nada, vem aquele desejo de se masturbar e de ver pornografia. Não só no trabalho, mas comigo também acontece na hora de levantar, de dormir, quando fico muito tempo no celular e, quando dou por mim, já estou vagando de forma desnecessária pela internet, no fundo com o intuito de me estimular com material erótico. Vejo que realmente não dá pra vacilar com esse vício, pois, se você volta, voltam também todos os efeitos nocivos experimentados antes. Sem contar que o relacionamento com as pessoas fica todo prejudicado. O vício influencia na forma como você olha, conversa e até na postura corporal. O outro se transforma apenas em um objeto a ser usado. E foi assim que me senti na experiência que tive. Na fissura do vício usei e fui usado, numa situação totalmente degradante.

Toda essa experiência me faz notar que ainda se sabe muito pouco sobre os reais efeitos da pornografia no cérebro humano. Além dos malefícios que citei tem a questão das pessoas que desenvolvem HOCD, tara por coisas bizarras na hora do sexo, ansiedade, baixa autoestima, enfim. É cada coisa que a gente lê aqui no fórum que não tem como não pensar que as consequências do vício em pornografia vão muito além do que se sabe, do que a literatura científica sobre este hábito demonstra. Até porque se percebe um certo receio de tocar nesse assunto. Prefere-se achar que é algo normal e que as causas de todos esses problemas sejam outras. De minha parte, só tenho a dizer que quanto mais aprendo e vivencio os efeitos da pornografia em mim, mas desejo tenho de me livrar dela. De preferência para o resto da vida.

Olá Tiago!

Li seu diário e seu relato mais recente. O que está acontecendo com você , era uma coisa que me perguntava, como seria lidar com esse vício após o reboot. É triste vivermos com uma coisa perigosa assim, saber que por mais “tratados” que estejamos, um momento de crise pode ser o suficiente para acabar com tanto esforço.

Assim como você, eu me apaguei muito ao lado espiritual durante esse reboot, tenho fortalecido minha fé em Deus e trazendo-O para mais próximo de mim em orações e atitudes, sinto que se não fosse esse apoio espiritual já teria desandado.

Quero te desejar forças, meu amigo.
Não desista de lutar, como você mesmo disse, quanto mais aplicamos a cultura do reboot em nossas vidas, mais entendemos o lixo que PM se torna.

Estarei acompanhado seu diário.

Grande abraço

_______________________________________
“To live like I see, a place in this world for me."

          SEM PM                  HARDMODE


Acompanhe meu diário ->   Image hosted by servimg.com

Recordes: king

- Sem PM ->  103 dias
- Hardmode -> 13 dias
Tiago Mendes
Tiago Mendes
Moderador
Moderador
Mensagens : 1776
Data de inscrição : 31/07/2016

Diário de Tiago - Página 41 Empty Re: Diário de Tiago

em 8/9/2019, 21:38
Muito obrigado rmotta e Rottweiler pelo apoio.

Dias difíceis.

Tenho feito coisas que há algum tempo atrás sequer passavam pela minha cabeça.

Tenho procurado sexo na rua.

Para evitar este tipo de comportamento resolvi satisfazer o desejo entrando em chats online. E dali masturbação.

Talvez tenha escolhido um mal menor, mas, de qualquer jeito, um mal.

Precisando urgentemente por ordem nessa bagunça.

_______________________________________


Me acompanhe AQUI
(1º reboot concluído em 2018)
The_Survivor
The_Survivor
Moderador
Moderador
Mensagens : 914
Data de inscrição : 10/06/2018
Idade : 32
http://www.comoparar.com/t7742-diario-the-survivor-idade-30-anos

Diário de Tiago - Página 41 Empty Re: Diário de Tiago

em 9/9/2019, 21:10
Opa meu amigo,

Espero que consiga dar a volta por cima, você foi um dos caras que sempre tive como referência durante muito tempo, para mim você é capaz de dar a volta por cima, o Tguerreiro que conheci ainda existe! Você é capaz de contornar a situação! Espero que tenha forças para conseguir dar a volta por cima, deixo esse vídeo motivacional a você.

Está na hora de renascer o Tguerreiro, referência para muitos, você pode!


Que Deus esteja conosco.

_______________________________________
Diário de Tiago - Página 41 Ora%C3%A7%C3%A3oS%C3%A3oJorge10

Tiago Mendes
Tiago Mendes
Moderador
Moderador
Mensagens : 1776
Data de inscrição : 31/07/2016

Diário de Tiago - Página 41 Empty Re: Diário de Tiago

em 9/9/2019, 21:15
Esclarecendo um pouco as coisas.

Pode até parecer que eu estou sendo contraditório achando que me masturbar em chats é melhor do que ter sexo real. Na verdade, no contexto em as coisas estão  acontecendo, nenhum dos dois é bom.

Embora eu não não tenha me relacionado com uma pessoa que ganha a vida com prostituição, foram encontros fortuitos, em locais totalmente inadequados (nojentos) e sem nenhuma proteção.

Aconteceu três vezes. Nem sei o nome da pessoa e isso parece que só desperta ainda mais a vontade de procurar por isso.

De fato eu não paguei por nada, não fui cobrado, mas não posso afirmar se a pessoa ganha a vida com isso, ou não.

Sinto que estou me envolvendo com algo que não vale apena, me arriscando, e o pior, me sentindo extremamente culpado por isso.

Preciso dar um tempo desses estímulos. Todos eles inclusive o real. Essa forma de viver a sexualidade está errada. Fico me perguntando que mulher séria vai querer (ou merecer) um cara assim que nem eu, sem controle dos próprios desejos.

Pra quem olha de fora pode até parecer bobagem, talvez digam que eu deveria aproveitar, mas só quem teve a mente afetada pela pornografia sabe como tudo isso é difícil. Essa forma de olhar pra outra pessoa como se fosse um mero objeto. E eu tenho sentido muito isso. No fim fica uma sensação de vazio porque a pessoa não significou nada, e no fundo a vontade é de que ela significasse.

Eu não sou um animal. Isso não me satisfaz. Não faz sentido pra mim.


Última edição por Tiago Mendes em 9/9/2019, 21:26, editado 1 vez(es)

_______________________________________


Me acompanhe AQUI
(1º reboot concluído em 2018)
Tiago Mendes
Tiago Mendes
Moderador
Moderador
Mensagens : 1776
Data de inscrição : 31/07/2016

Diário de Tiago - Página 41 Empty Re: Diário de Tiago

em 9/9/2019, 21:24
The_Survivor

Valeu.

Gostei da mensagem.

As coisas vão melhorar sim. Nenhum dia é igual ao outro. E eu vou me deixar surpreender pelo novo que virá.

Sim. Deus está conosco.

_______________________________________


Me acompanhe AQUI
(1º reboot concluído em 2018)
5&4
5&4
Moderador
Moderador
Mensagens : 2528
Data de inscrição : 18/08/2017
Localização : Battlefield - Vencer é uma questão de escolha!

Diário de Tiago - Página 41 Empty Re: Diário de Tiago

em 11/9/2019, 10:42
Tiago Mendes escreveu:Esclarecendo um pouco as coisas.

Pode até parecer que eu estou sendo contraditório achando que me masturbar em chats é melhor do que ter sexo real. Na verdade, no contexto em as coisas estão  acontecendo, nenhum dos dois é bom.

Embora eu não não tenha me relacionado com uma pessoa que ganha a vida com prostituição, foram encontros fortuitos, em locais totalmente inadequados (nojentos) e sem nenhuma proteção.

Aconteceu três vezes. Nem sei o nome da pessoa e isso parece que só desperta ainda mais a vontade de procurar por isso.

De fato eu não paguei por nada, não fui cobrado, mas não posso afirmar se a pessoa ganha a vida com isso, ou não.

Sinto que estou me envolvendo com algo que não vale apena, me arriscando, e o pior, me sentindo extremamente culpado por isso.

Preciso dar um tempo desses estímulos. Todos eles inclusive o real. Essa forma de viver a sexualidade está errada. Fico me perguntando que mulher séria vai querer (ou merecer) um cara assim que nem eu, sem controle dos próprios desejos.

Pra quem olha de fora pode até parecer bobagem, talvez digam que eu deveria aproveitar, mas só quem teve a mente afetada pela pornografia sabe como tudo isso é difícil. Essa forma de olhar pra outra pessoa como se fosse um mero objeto. E eu tenho sentido muito isso. No fim fica uma sensação de vazio porque a pessoa não significou nada, e no fundo a vontade é de que ela significasse.

Eu não sou um animal. Isso não me satisfaz. Não faz sentido pra mim.
Oi, Tiago Mendes!

Cara, sei bem como é se sentir com um animal irracional a busca de prazer! Infelizmente, a PMO ferra com a nosso mecanismo "normal" de prazer e passamos a fazer coisas que até mesmo nós duvidamos, questionamos. Graças a Deus eu consegui tratar esses momentos que para mim eram regados de muita dor e culpa na terapia, foi fundamental perdoar-me pelos meus esporádicos atos de anormalidade de busca pelo prazer.

Eu sei que o mapa do reboot ainda está gravado em sua mente; como disse o The_Survivor, aquele TGuerreiro ainda está aí. E esse gigante vai despertar novamente e você voltará a vencer a si mesmo. Simplesmente, perdoe-se, jogue fora toda culpa, vergonha e acusação. Deixe o caminho livre para que você possa se levantar e seguir bravamente.

Um forte abraço, amigo!

_______________________________________
Diário de Tiago - Página 41 Bms-eb11
Urso Polar
Urso Polar
Moderador
Moderador
Mensagens : 280
Data de inscrição : 01/09/2017

Diário de Tiago - Página 41 Empty Re: Diário de Tiago

em 12/9/2019, 15:25
Tiago Mendes escreveu:Prestes a completar 10 dias desse novo reboot e fico me perguntado o que deu errado. Eu estava muito bem depois de concluir o primeiro reboot, mas agora parece que o que eu vivi foi uma ilusão e que agora eu voltei para a minha realidade que é estar constantemente lutando contra este vício. Apesar desses 10 dias longe de qualquer estímulo pornográfico eu reconheço que não está sendo fácil lidar com o forte desejo sexual. Só não caí nesse período por conta dos bloqueadores, e isso é muito triste considerando que há pouco mais de um mês eu nem considerava a possibilidade de consumir novamente esse lixo. Parece que o caminho para o vício sempre fica lá, embora não mais utilizado, esquecido, basta uma nova sessão para que todo mecanismo volte com tudo.

A experiência que vivencie, e que não encontrei uma forma suave de relatar, se deu em um ambiente horrível. Creio que em sã consciência eu jamais faria aquilo. Isso me fez questionar até que ponto a "cura" ocorre no período de 90 dias. Olhando para mim hoje, vejo que vou precisar de um tempo bem maior para me recuperar. Talvez eu nem possa falar em recuperação. Seria mais adequado o termo controle. Parece que os 90 dias são o tempo necessário para que o corpo se acostume aos novos hábitos, porém, além de não ser fácil essa mudança de hábito, mantê-la também não é, ainda que se chegue a uma estabilidade. É como um treino para ganhar massa muscular: você muda a alimentação, faz os exercícios e, aos poucos, o corpo vai se acostumando aquele rotina e os músculos vão se desenvolvendo. Contudo, se você resolve parar com essa rotina e volta a se alimentar mal e a ter uma vida sedentária, provavelmente vai perder massa corporal e outros benefícios adquiridos.

Nesse momento eu só quero que o tempo passe e que o meu corpo volte a disciplina de antes. É muito ruim você estar ali trabalhando e, de repente, do nada, vem aquele desejo de se masturbar e de ver pornografia. Não só no trabalho, mas comigo também acontece na hora de levantar, de dormir, quando fico muito tempo no celular e, quando dou por mim, já estou vagando de forma desnecessária pela internet, no fundo com o intuito de me estimular com material erótico. Vejo que realmente não dá pra vacilar com esse vício, pois, se você volta, voltam também todos os efeitos nocivos experimentados antes. Sem contar que o relacionamento com as pessoas fica todo prejudicado. O vício influencia na forma como você olha, conversa e até na postura corporal. O outro se transforma apenas em um objeto a ser usado. E foi assim que me senti na experiência que tive. Na fissura do vício usei e fui usado, numa situação totalmente degradante.

Toda essa experiência me faz notar que ainda se sabe muito pouco sobre os reais efeitos da pornografia no cérebro humano. Além dos malefícios que citei tem a questão das pessoas que desenvolvem HOCD, tara por coisas bizarras na hora do sexo, ansiedade, baixa autoestima, enfim. É cada coisa que a gente lê aqui no fórum que não tem como não pensar que as consequências do vício em pornografia vão muito além do que se sabe, do que a literatura científica sobre este hábito demonstra. Até porque se percebe um certo receio de tocar nesse assunto. Prefere-se achar que é algo normal e que as causas de todos esses problemas sejam outras. De minha parte, só tenho a dizer que quanto mais aprendo e vivencio os efeitos da pornografia em mim, mas desejo tenho de me livrar dela. De preferência para o resto da vida.

Mano,

Só você sabe pelo que está passando. Mas a sua descrição de depois da queda é exatamente o que eu senti depois das 2 vezes mais brutais que caí desde que comecei aqui no fórum. Parece que toda a nossa motivação vai para o lixo e que acordamos de um sonho bom em uma realidade ruim.

Mas se lembre brother, planta forte nasce do esterco. Então tire forças dessa merda toda. Não se iluda com os substitutos de pornografia. Não adianta. Eles também te jogam pro buraco.

Não é fácil. Eu já tive recomeçar várias vezes. Mas vamos seguindo. O sonho da liberdade tem que ser maior que a fissura.

Força, porque se você deixar essa merda de come vivo. Mas se reagir, essa queda se torna apenas uma lembrança em um Reboot bem sucedido.

Abraço, fico na torcida por você.

_______________________________________
NUNCA ESQUECER:
Dia 18/11/2017:
Recaída após 120 dias limpo e seguido do abandono do fórum.
Dia 26/10/2018: início do segundo Reboot - 70 dias limpo.
Dia 10/01/2019: início do terceiro reboot, seguido de uma séries de tropeços e abandono do fórum
dia 08/07/2019: Dia em que eu voltei pra cá

Carta de adeus à PMO

avatar
Convidado
Convidado

Diário de Tiago - Página 41 Empty Re: Diário de Tiago

em 16/9/2019, 21:04
Mais de 300 dias de Reboot. Isso é uma ótima marca, quero muito poder um dia chegar nesse feito. Eu estava há 60 dias sem M e 14 sem P, mas ontem caí, achei que estava tudo sob controle e realmente parecia estar, eu pelo que sou hoje comparado com quem eu era há 3, 4 meses tive uma melhora significativa. Pra se ter uma ideia eu nem da cama levantava, mesmo com altas doses de remédios controlados e após algumas tentativas de Reboot e 4 recaídas, na verdade 5 com a de ontem nesse período em que conheci o Reboot, o fato é que ontem eu senti que pudesse cair, parece que inconscientemente eu estava pedindo para sair com os amigos sabendo que teria bebida e maconha e com isso usar e talvez me testar para ver se eu ia conseguir ter controle sobre mim, mas não foi o que aconteceu, eu caí e já estou com vontade de cair de novo, é coisa de maluco, não dá pra entender, parece que tudo estava no meu absoluto controle. Aliás, hoje pensei muito sobre essa questão do auto controle. Cara, não adianta, quando achamos que o jogo está ganho, entramos de salto alto e é aí que nos complicamos. Hoje é meu primeiro dia longe da PMO.
Tiago Mendes
Tiago Mendes
Moderador
Moderador
Mensagens : 1776
Data de inscrição : 31/07/2016

Diário de Tiago - Página 41 Empty Re: Diário de Tiago

em 21/9/2019, 17:22
5&4:

5&4 escreveu:
Tiago Mendes escreveu:Esclarecendo um pouco as coisas.

Pode até parecer que eu estou sendo contraditório achando que me masturbar em chats é melhor do que ter sexo real. Na verdade, no contexto em as coisas estão  acontecendo, nenhum dos dois é bom.

Embora eu não não tenha me relacionado com uma pessoa que ganha a vida com prostituição, foram encontros fortuitos, em locais totalmente inadequados (nojentos) e sem nenhuma proteção.

Aconteceu três vezes. Nem sei o nome da pessoa e isso parece que só desperta ainda mais a vontade de procurar por isso.

De fato eu não paguei por nada, não fui cobrado, mas não posso afirmar se a pessoa ganha a vida com isso, ou não.

Sinto que estou me envolvendo com algo que não vale apena, me arriscando, e o pior, me sentindo extremamente culpado por isso.

Preciso dar um tempo desses estímulos. Todos eles inclusive o real. Essa forma de viver a sexualidade está errada. Fico me perguntando que mulher séria vai querer (ou merecer) um cara assim que nem eu, sem controle dos próprios desejos.

Pra quem olha de fora pode até parecer bobagem, talvez digam que eu deveria aproveitar, mas só quem teve a mente afetada pela pornografia sabe como tudo isso é difícil. Essa forma de olhar pra outra pessoa como se fosse um mero objeto. E eu tenho sentido muito isso. No fim fica uma sensação de vazio porque a pessoa não significou nada, e no fundo a vontade é de que ela significasse.

Eu não sou um animal. Isso não me satisfaz. Não faz sentido pra mim.
Oi, Tiago Mendes!

Cara, sei bem como é se sentir com um animal irracional a busca de prazer! Infelizmente, a PMO ferra com a nosso mecanismo "normal" de prazer e passamos a fazer coisas que até mesmo nós duvidamos, questionamos. Graças a Deus eu consegui tratar esses momentos que para mim eram regados de muita dor e culpa na terapia, foi fundamental perdoar-me pelos meus esporádicos atos de anormalidade de busca pelo prazer.

Eu sei que o mapa do reboot ainda está gravado em sua mente; como disse o The_Survivor, aquele TGuerreiro ainda está aí. E esse gigante vai despertar novamente e você voltará a vencer a si mesmo. Simplesmente, perdoe-se, jogue fora toda culpa, vergonha e acusação. Deixe o caminho livre para que você possa se levantar e seguir bravamente.

Um forte abraço, amigo!

Olá amigo.

Te agradeço pela sua mensagem. Hoje eu estou bem melhor. Interessante você falar em perdão, culpa, acusação. Eu tenho trabalhado muito essas questões dentro da espiritualidade, e sinto que estou me curando disso. Acho que a esperança aos poucos está se acendendo no meu coração.

Mais uma vez, obrigado!

Urso Polar:

Urso Polar escreveu:
Tiago Mendes escreveu:Prestes a completar 10 dias desse novo reboot e fico me perguntado o que deu errado. Eu estava muito bem depois de concluir o primeiro reboot, mas agora parece que o que eu vivi foi uma ilusão e que agora eu voltei para a minha realidade que é estar constantemente lutando contra este vício. Apesar desses 10 dias longe de qualquer estímulo pornográfico eu reconheço que não está sendo fácil lidar com o forte desejo sexual. Só não caí nesse período por conta dos bloqueadores, e isso é muito triste considerando que há pouco mais de um mês eu nem considerava a possibilidade de consumir novamente esse lixo. Parece que o caminho para o vício sempre fica lá, embora não mais utilizado, esquecido, basta uma nova sessão para que todo mecanismo volte com tudo.

A experiência que vivencie, e que não encontrei uma forma suave de relatar, se deu em um ambiente horrível. Creio que em sã consciência eu jamais faria aquilo. Isso me fez questionar até que ponto a "cura" ocorre no período de 90 dias. Olhando para mim hoje, vejo que vou precisar de um tempo bem maior para me recuperar. Talvez eu nem possa falar em recuperação. Seria mais adequado o termo controle. Parece que os 90 dias são o tempo necessário para que o corpo se acostume aos novos hábitos, porém, além de não ser fácil essa mudança de hábito, mantê-la também não é, ainda que se chegue a uma estabilidade. É como um treino para ganhar massa muscular: você muda a alimentação, faz os exercícios e, aos poucos, o corpo vai se acostumando aquele rotina e os músculos vão se desenvolvendo. Contudo, se você resolve parar com essa rotina e volta a se alimentar mal e a ter uma vida sedentária, provavelmente vai perder massa corporal e outros benefícios adquiridos.

Nesse momento eu só quero que o tempo passe e que o meu corpo volte a disciplina de antes. É muito ruim você estar ali trabalhando e, de repente, do nada, vem aquele desejo de se masturbar e de ver pornografia. Não só no trabalho, mas comigo também acontece na hora de levantar, de dormir, quando fico muito tempo no celular e, quando dou por mim, já estou vagando de forma desnecessária pela internet, no fundo com o intuito de me estimular com material erótico. Vejo que realmente não dá pra vacilar com esse vício, pois, se você volta, voltam também todos os efeitos nocivos experimentados antes. Sem contar que o relacionamento com as pessoas fica todo prejudicado. O vício influencia na forma como você olha, conversa e até na postura corporal. O outro se transforma apenas em um objeto a ser usado. E foi assim que me senti na experiência que tive. Na fissura do vício usei e fui usado, numa situação totalmente degradante.

Toda essa experiência me faz notar que ainda se sabe muito pouco sobre os reais efeitos da pornografia no cérebro humano. Além dos malefícios que citei tem a questão das pessoas que desenvolvem HOCD, tara por coisas bizarras na hora do sexo, ansiedade, baixa autoestima, enfim. É cada coisa que a gente lê aqui no fórum que não tem como não pensar que as consequências do vício em pornografia vão muito além do que se sabe, do que a literatura científica sobre este hábito demonstra. Até porque se percebe um certo receio de tocar nesse assunto. Prefere-se achar que é algo normal e que as causas de todos esses problemas sejam outras. De minha parte, só tenho a dizer que quanto mais aprendo e vivencio os efeitos da pornografia em mim, mas desejo tenho de me livrar dela. De preferência para o resto da vida.

Mano,

Só você sabe pelo que está passando. Mas a sua descrição de depois da queda é exatamente o que eu senti depois das 2 vezes mais brutais que caí desde que comecei aqui no fórum. Parece que toda a nossa motivação vai para o lixo e que acordamos de um sonho bom em uma realidade ruim.

Mas se lembre brother, planta forte nasce do esterco. Então tire forças dessa merda toda. Não se iluda com os substitutos de pornografia. Não adianta. Eles também te jogam pro buraco.

Não é fácil. Eu já tive recomeçar várias vezes. Mas vamos seguindo. O sonho da liberdade tem que ser maior que a fissura.

Força, porque se você deixar essa merda de come vivo. Mas se reagir, essa queda se torna apenas uma lembrança em um Reboot bem sucedido.

Abraço, fico na torcida por você.

Fala Urso!

Cara, eu tenho pensado muito nas outras pessoas que passam por este problema. Todos nós sofremos com isso, de formas e níveis diferentes, mas o problema é o mesmo.

Já faz um tempo que tenho incluído nas minhas orações todos aqueles que passam por isso, pois sei o quanto é difícil. Chega momentos em que o troço é tão pesado que parece que não vamos dar conta. Mas sei que é possível viver livre disso, e a vida é muito melhor sem. A questão é que é preciso manter uma certa vigilância pra não retornar pra lama.

Lonely Soul:

Lonely Soul escreveu:Mais de 300 dias de Reboot. Isso é uma ótima marca, quero muito poder um dia chegar nesse feito. Eu estava há 60 dias sem M e 14 sem P, mas ontem caí, achei que estava tudo sob controle e realmente parecia estar, eu pelo que sou hoje comparado com quem eu era há 3, 4 meses tive uma melhora significativa. Pra se ter uma ideia eu nem da cama levantava, mesmo com altas doses de remédios controlados e após algumas tentativas de Reboot e 4 recaídas, na verdade 5 com a de ontem nesse período em que conheci o Reboot, o fato é que ontem eu senti que pudesse cair, parece que inconscientemente eu estava pedindo para sair com os amigos sabendo que teria bebida e maconha e com isso usar e talvez me testar para ver se eu ia conseguir ter controle sobre mim, mas não foi o que aconteceu, eu caí e já estou com vontade de cair de novo, é coisa de maluco, não dá pra entender, parece que tudo estava no meu absoluto controle. Aliás, hoje pensei muito sobre essa questão do auto controle. Cara, não adianta, quando achamos que o jogo está ganho, entramos de salto alto e é aí que nos complicamos. Hoje é meu primeiro dia longe da PMO.

Amigo, o jogo segue. Agente tem que tá sempre de olho vivo pra não cair nessas paradas, tanto vícios sexuais quanto drogas, tudo fode com a vida.

A questão não é nem o tempo que se fica longe. Claro que os benefícios vêm, mas você pode estar com 300 dias, e por estar muito confiante, achar que vai conseguir dominar essa droga, e acaba caindo feio.

Acho que a gente deve preencher a vida com outros hábitos, talvez até mudar algumas amizades, e esquecer essas paradas que viciam, pois só atrasam a nossa vida.

_______________________________________


Me acompanhe AQUI
(1º reboot concluído em 2018)
rmotta
rmotta
Moderador
Moderador
Mensagens : 384
Data de inscrição : 01/08/2019
Idade : 26

Diário de Tiago - Página 41 Empty Re: Diário de Tiago

em 25/9/2019, 01:00
Olá Tiago.

Passando pra desejar forças no reboot, meu camarada.

Abraços

_______________________________________
“To live like I see, a place in this world for me."

          SEM PM                  HARDMODE


Acompanhe meu diário ->   Image hosted by servimg.com

Recordes: king

- Sem PM ->  103 dias
- Hardmode -> 13 dias
Tiago Mendes
Tiago Mendes
Moderador
Moderador
Mensagens : 1776
Data de inscrição : 31/07/2016

Diário de Tiago - Página 41 Empty Re: Diário de Tiago

em 22/10/2019, 11:40
Agradeço ao rmotta pelo comentário e peço desculpas pela demora absurda em responder.

Bem, vamos lá ao que tem acontecido comigo.

Eu estava realmente muito mal com minha situação depois daqueles acontecimentos que não tive coragem de detalhar nem aqui no fórum. Dizem respeito basicamente a alguns encontros fortuitos que mantive e que foram bastante tóxicos, com alto nível de depravação e sem nenhuma ligação afetiva, zero. Claro que isso desembocou na pornografia e acabei tendo sucessivas quedas.

Os três meses longe da pornografia foram maravilhosos, mas eu acabei indo, aos poucos, jogando tudo fora com atitudes, digamos, de risco. Minha mente, ainda com efeitos da pornografia acabou me sabotando, claro que com o meu consentimento.

Eu realmente não estava mais aguentando tanta incoerência em mim. Ficava alguns dias sem e acabava caindo novamente. Fiquei nessa de julho ao final de setembro.

No fundo eu sabia o que deveria fazer. Tomar vergonha na cara e recomeçar. Mas como fazer isso com toda aquela vergonha que estava sentindo? Como confessar algo que não tive coragem de relatar nem aqui, no completo anonimato?

Sei que não sou nenhum santo, na verdade a santidade é mais um ideal pra mim. Contemplo a vida daquelas pessoas e penso: uau! como essas pessoas conseguiram isso? Como foram capazes de atos tão heroicos e virtuosos, conseguindo demonstrar tanto amor e desapego em favor do próximo? Esse ideal não é de forma nenhuma algo negativo pra mim, muito pelo contrário, me faz querer ser melhor, e esse melhor não necessariamente significa ser igual a alguém, mas inspirado por grandes exemplos, chegar a um estado que, no momento, só consigo expressar com o famoso clichê "ser a melhor versão de si mesmo".

A mesma coisa digo da castidade. Nunca fui casto, mas ela é um dom que eu busco e quero muito. Quero por que me faz bem, faz me sentir inteiro, coerente. Pode substituir o termo castidade por reboot em hardmode, relacionamento que envolva afeto, respeito e não apenas o prazer pelo prazer, enfim. Castidade não é castração, repressão, castidade é liberdade, domínio de si.

Bom, não aguentando mais a situação imunda em que me encontrava, confessei-me. Por incrível que pareça tive coragem de botar todo aquele lixo pra fora, e como me senti bem depois disso!!!

Agora falta apenas uma semana para completar um mês. Apesar do pouco tempo os resultados já começam a aparecer, e bem mais rápido que no último reboot. Passados os primeiros dias, que são sempre mais difíceis, experimento agora uma disposição absurda, muita criatividade e pensamentos a mil para novos projetos. Fisicamente também estou muito bem, obrigado.

Por enquanto, é isso. Sou muito grato por este espaço existir e podermos interagir, mesmo com nossas diferenças, nos ajudando e buscando sermos melhores.

Um abração a todos.

_______________________________________


Me acompanhe AQUI
(1º reboot concluído em 2018)
Ramon 06
Ramon 06
Mensagens : 340
Data de inscrição : 12/09/2019
Idade : 23

Diário de Tiago - Página 41 Empty Re: Diário de Tiago

em 28/10/2019, 06:55
Tiago Mendes escreveu:Agradeço ao rmotta pelo comentário e peço desculpas pela demora absurda em responder.

Bem, vamos lá ao que tem acontecido comigo.

Eu estava realmente muito mal com minha situação depois daqueles acontecimentos que não tive coragem de detalhar nem aqui no fórum. Dizem respeito basicamente a alguns encontros fortuitos que mantive e que foram bastante tóxicos, com alto nível de depravação e sem nenhuma ligação afetiva, zero. Claro que isso desembocou na pornografia e acabei tendo sucessivas quedas.

Os três meses longe da pornografia foram maravilhosos, mas eu acabei indo, aos poucos, jogando tudo fora com atitudes, digamos, de risco. Minha mente, ainda com efeitos da pornografia acabou me sabotando, claro que com o meu consentimento.

Eu realmente não estava mais aguentando tanta incoerência em mim. Ficava alguns dias sem e acabava caindo novamente. Fiquei nessa de julho ao final de setembro.

No fundo eu sabia o que deveria fazer. Tomar vergonha na cara e recomeçar. Mas como fazer isso com toda aquela vergonha que estava sentindo? Como confessar algo que não tive coragem de relatar nem aqui, no completo anonimato?

Sei que não sou nenhum santo, na verdade a santidade é mais um ideal pra mim. Contemplo a vida daquelas pessoas e penso: uau! como essas pessoas conseguiram isso? Como foram capazes de atos tão heroicos e virtuosos, conseguindo demonstrar tanto amor e desapego em favor do próximo? Esse ideal não é de forma nenhuma algo negativo pra mim, muito pelo contrário, me faz querer ser melhor, e esse melhor não necessariamente significa ser igual a alguém, mas inspirado por grandes exemplos, chegar a um estado que, no momento, só consigo expressar com o famoso clichê "ser a melhor versão de si mesmo".

A mesma coisa digo da castidade. Nunca fui casto, mas ela é um dom que eu busco e quero muito. Quero por que me faz bem, faz me sentir inteiro, coerente. Pode substituir o termo castidade por reboot em hardmode, relacionamento que envolva afeto, respeito e não apenas o prazer pelo prazer, enfim. Castidade não é castração, repressão, castidade é liberdade, domínio de si.

Bom, não aguentando mais a situação imunda em que me encontrava, confessei-me. Por incrível que pareça tive coragem de botar todo aquele lixo pra fora, e como me senti bem depois disso!!!

Agora falta apenas uma semana para completar um mês. Apesar do pouco tempo os resultados já começam a aparecer, e bem mais rápido que no último reboot. Passados os primeiros dias, que são sempre mais difíceis, experimento agora uma disposição absurda, muita criatividade e pensamentos a mil para novos projetos. Fisicamente também estou muito bem, obrigado.

Por enquanto, é isso. Sou muito grato por este espaço existir e podermos interagir, mesmo com nossas diferenças, nos ajudando e buscando sermos melhores.

Um abração a todos.

Obrigado por me responder na categoria sobre dúvidas...
Li seu último relato, fico feliz que se levantou. Sabemos como é fácil cair mesmo quando temos uma religião que nos diz para se guardar. A maneira como devemos olhar para o pecado é diferente antes e depois de cometê-lo. Antes, devemos olhar para ele como uma coisa enorme, que devemos evitar a qualquer custo. Mas depois de fazer, não adianta mais, aí sim devemos olhar para o mal como algo pequeno diante da misericórdia, pois o que passou passou. Entendeu a lógica?!
Forte abraço, irmão.

_______________________________________
Há quem diga que a abstinência dói, eu digo que dói é
cair e ficar na lama


Cheguei ao fórum: 12/09/2019 Like a Star @ heaven
Recorde sem M: 43 dias 11h 34m cheers 27/09/2019 a 09/11/2019



Meu diário
http://www.comoparar.com/t9522-diario-de-ramon-06-largando-o-vicio-pela-milessima-vez#250163
Tiago Mendes
Tiago Mendes
Moderador
Moderador
Mensagens : 1776
Data de inscrição : 31/07/2016

Diário de Tiago - Página 41 Empty Re: Diário de Tiago

em 28/10/2019, 11:49
Ramon 06 escreveu:Obrigado por me responder na categoria sobre dúvidas...
Li seu último relato, fico feliz que se levantou. Sabemos como é fácil cair mesmo quando temos uma religião que nos diz para se guardar. A maneira como devemos olhar para o pecado é diferente antes e depois de cometê-lo. Antes, devemos olhar para ele como uma coisa enorme, que devemos evitar a qualquer custo. Mas depois de fazer, não adianta mais, aí sim devemos olhar para o mal como algo pequeno diante da misericórdia, pois o que passou passou. Entendeu a lógica?!
Forte abraço, irmão.

Entendi perfeitamente. 🙂

Muito grato pelas palavras, amigo, de verdade!

_______________________________________


Me acompanhe AQUI
(1º reboot concluído em 2018)
Tiago Mendes
Tiago Mendes
Moderador
Moderador
Mensagens : 1776
Data de inscrição : 31/07/2016

Diário de Tiago - Página 41 Empty Re: Diário de Tiago

em 29/10/2019, 19:25
Completo hoje um mês sem PMO. As coisas estão relativamente tranquilas, estou tendo mais facilidade e experimentando benefícios mais rapidamente que no último reboot. Só o que está me incomodando são sonhos eróticos que estou tendo com frequência. Acordo com uma sensação ruim, como se tivesse recaído. No mais, tudo tranquilo.

_______________________________________


Me acompanhe AQUI
(1º reboot concluído em 2018)
rmotta
rmotta
Moderador
Moderador
Mensagens : 384
Data de inscrição : 01/08/2019
Idade : 26

Diário de Tiago - Página 41 Empty Re: Diário de Tiago

em 30/10/2019, 00:47
Tiago Mendes escreveu:Completo hoje um mês sem PMO. As coisas estão relativamente tranquilas, estou tendo mais facilidade e experimentando benefícios mais rapidamente que no último reboot. Só o que está me incomodando são sonhos eróticos que estou tendo com frequência. Acordo com uma sensação ruim, como se tivesse recaído. No mais, tudo tranquilo.

Olá Tiago.

Parabéns pelos 31 dias limpo!

Nosso cérebro é danado em brincar conosco, as vezes por uma vontade de ter relação sexual, ou por uma relação sexual recente, ou até mesmo acessando a Apps de relacionamento. Acho que o ideal é nos manter o mais ocupado possível com outras atividades, desta forma acostumamos nosso cérebro a não se "preocupar" em gerar conteúdos assim.

Siga firme!
Deus o abençoe.

Abraços

_______________________________________
“To live like I see, a place in this world for me."

          SEM PM                  HARDMODE


Acompanhe meu diário ->   Image hosted by servimg.com

Recordes: king

- Sem PM ->  103 dias
- Hardmode -> 13 dias
Rottweiler
Rottweiler
Mensagens : 238
Data de inscrição : 22/07/2019
Idade : 28

Diário de Tiago - Página 41 Empty Re: Diário de Tiago

em 30/10/2019, 11:04
Parabéns pelo mês alcançado!

_______________________________________
DIÁRIO: www.comoparar.com/t9368-diario-do-rottweiler

Tiago Mendes
Tiago Mendes
Moderador
Moderador
Mensagens : 1776
Data de inscrição : 31/07/2016

Diário de Tiago - Página 41 Empty Re: Diário de Tiago

em 1/11/2019, 12:02
Ontem a noite foi difícil, parecia que ia explodir. Tive uma ereção muito forte depois do banho que quase não acabava mais. Vontade muito grande de me aliviar.

Acho que nesse sentido ser casado tem lá suas vantagens. Esses momentos podem ser compartilhados com a esposa, o que acaba ajudando também na religação com os prazeres reais.

Pra acabar de completar, depois de um período sem, tive novamente sonhos eróticos. Na cena tinha um homem que penso ser um ator pornô, no próprio sonho me senti extremamente desconfortável, como se ele fosse fazer alguma coisa comigo e eu querendo reagir sem poder me mexer. Na verdade não foi um sonho, foi um pesadelo horrível!

Me senti aliviado ao acordar e ver que aquilo não era real. Também acordei sem a costumeira ereção espontânea que vem ocorrendo toda manhã.

Ô luta difícil! O fantasma da pornografia me persegue. 😓

_______________________________________


Me acompanhe AQUI
(1º reboot concluído em 2018)
Master_DW
Master_DW
Mensagens : 682
Data de inscrição : 15/11/2018
Idade : 18

Diário de Tiago - Página 41 Empty Re: Diário de Tiago

em 1/11/2019, 14:41
Sinistro irmão, desejo forças, porque o pior já passou, né?

_______________________________________
Meu diário: http://www.comoparar.com/t8521-estilo-de-vida-diario-de-um-homem


Objetivos iniciais:
1 dia
3 dias
7 dias
10 dias

Objetivos de médio prazo:
14 dias
21 dias ( Meu recorde)

Objetivos de longo prazo:
30 dias
60 dias
90 dias

Tiago Mendes
Tiago Mendes
Moderador
Moderador
Mensagens : 1776
Data de inscrição : 31/07/2016

Diário de Tiago - Página 41 Empty Re: Diário de Tiago

em 1/11/2019, 15:17
Master_DW escreveu:Sinistro irmão, desejo forças, porque o pior já passou, né?

Põe sinistro nisso.

Obrigado pela força.

_______________________________________


Me acompanhe AQUI
(1º reboot concluído em 2018)
Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum