Compartilhe
Ver o tópico anteriorIr em baixoVer o tópico seguinte
avatar
Realistico
Mensagens : 28
Data de inscrição : 23/08/2016
Localização : Minas Gerais

[22 anos] Iniciando hoje, novamente, a estrada do PMO! +história breve

em 23/8/2016, 19:41
Então pessoal... na verdade, sou novo no fórum, mas já conheço do NOFAP há muito tempo. Estou feliz por estar aqui, haja vista que esse problema é levado muito a sério no exterior e no Brasil infelizmente há um ceticismo enorme, uma descrença da ciência e muito poucos sites especializados. Peço perdão, desde já, caso esteja postando no lugar errado e ficando a minha sugestão para os moderadores mudarem para o local correto.

Na verdade, comecei a levar o desafio a sério apenas no final de maio desse ano. Antigamente conseguia mantê-lo por apenas uns 5 dias, mas em maio desse ano, após simplesmente bugar na frente de uma mulher linda e sensual (pra não falar outra coisa), vi que a coisa estava ficando séria. Era o meu chamado. Ela me olhava, mandava todos os sinais de interesse enquanto treinava na academia, se aproximou, puxei papo e vi que não conseguia fazer ABSOLUTAMENTE NADA. Não me veio nada a mente, não estava aparentemente interessado e o assunto morreu. Fiquei com vergonha por ela, foi embaraçoso.

Primeiro, decidi abandonar a masturbação/orgasmo por 10 dias. Eu sabia que se largasse tudo de uma vez eu falharia como as inúmeras vezes antes. Manti o porno nesse prazo, com o compromisso de que NÃO TOCARIA NO MEU PÊNIS por razão nenhuma no mundo. E assim foi, após esse tempo o desafio começou para valer, consegui fazê-lo por pouco mais de 30 dias, com algumas relações sexuais e tive uma decaída.

Não digo que seja exclusivamente por culpa disso, mas como eu desenvolvi ejaculação precoce após o desafio eu comecei a tentar aquelas técnicas estúpidas como "kegels", "reverse kegels" ou seja lá como elas se chamavam. Acabava me masturbando todo dia, segurando o orgasmo... depois passei a me permitir a gozar e alguns dias depois, adivinhem? Acessei pornografia novamente, e como eu já estava praticamente curado, não sofri os efeitos pesados do PMO. (Diga-se de passagem: "depressão pós-masturbação", falta de energia, decaída de motivação, e etc.)

No outro dia, foi a mesma coisa. Senti um baque, mas ainda estava bem. E de novo... e de novo, até que usei PMO por quase 15 dias seguidos e os efeitos acabaram voltando.

Enfim, como já disse... praticamente me curei, sofri de um pouco de disfunção erétil, logo no começo do desafio arranjei uma transa e com certa dificuldade consegui uma ereção (confesso que tive que imaginar cenas dos vídeos), e sentia todos os sintomas comuns, como ansiedade social, falta de energia, falta de motivação, negatividade, estava completamente travado socialmente, estava sempre fadigado, era muito preocupado socialmente e por aí vai.

Após certo tempo, estava praticamente curado, era outra pessoa. Nem eu me reconhecia mais. Já fazia musculação e fazia dieta há muito tempo antes de iniciar o desafio para valer. Mas confesso que nesse período o meu shape ficou melhor, finalmente a minha musculatura abdominal começou a aparecer.

O único problema que permanecia era a ejaculação precoce. Sempre fui muito confiante e nunca deixei isso me abalar muito, mas era sempre uma sensação chata. Conseguia satisfazer a mulher que eu estava, apesar disso e lembro que pouco antes da minha decaída eu estava em passos curtos e lentos começando a durar mais. Além disso, não sei se eram os hormônios ou se simplesmente o meu cérebro, mas as vontades de recaída se tornaram poucas, mas bem fortes. Também estava começando a experimentar sonhos esquisitos, onde, ao contrário do que a maioria tinha (sonhar de estar transando), eu sonhava que estava me masturbando.

Dia 20/08/2016 eu decidi começar o meu desafio novamente, adotando a mesma estratégia. Tinha planejado ficar 10 dias só na pornografia (e sem masturbação/orgasmo), mas tenho pressa e vou tentar começar desde já parar tudo de uma vez. Creio que eu esteja mais forte dessa vez.

A meta? Inicialmente, 120 dias. Ou... até eu curar essa maldita ejaculação precoce e regularizar os meus hormônios. Não quero fazer PMO o resto da vida, sei que se eu cortar só a pornografia eu não vou querer me masturbar todo dia e talvez até o faça com alguma frequência. Porém, pornografia, nunca mais.


Abraços.


Última edição por Realistico em 24/8/2016, 13:20, editado 1 vez(es)

_______________________________________



Relatos do meu reboot
"Não se comprometa em ser perfeito, se comprometa em fazer mais e melhor!"
avatar
Canaã
Mensagens : 2778
Data de inscrição : 13/01/2016

Saudações.

em 23/8/2016, 21:26
Vai vencer sim. É uma caminhada longa e difícil, mas não é impossível. Seja-bem vindo. Gostaria de te dar algumas dicas para o seu começo de reboot:

1) Veja os vídeos do Gary Wilson. Te dará uma visão teórico-prática do que você está enfrentando. Os vídeos estão em: http://vicioempornografiacomoparar.com/videos/

2) Leia o ebook do Projeto. É um excelente material de compilação e a base metodológica deste fórum. Leia, decore e verá o quanto seu entendimento sobre este vício irá mudar.

3) Procure se inteirar sobre o uso de bloqueadores. Os blocks são fundamentais para dificultar e tornar mais difícil o acesso a este lixo da PMO. Temos tópicos específicos e muita gente que entende bem sobre bloqueadores, entre eles o Toguro. Mais sobre bloqueadores estão aqui: http://vicioempornografiacomoparar.com/bloqueadores/

4) Devemos substituir o ´´prazer´´da pornografia por outros prazeres saudáveis. Assim seu cérebro irá buscar dopamina em outros afazeres. Os preferidos aqui do pessoal são: musculação, leitura, caminhada, socialização, etc.

5) Aqui será o seu diário. Escreva aqui, pelo menos 1 vez ao dia, pelo menos no primeiro mês, para que os rebooters possam te acompanhar e oferecer dicas importantes sobre o método como parar.

6) Escreva no diário dos outros também. Não se acanhe. Ajudará outras pessoas, ao mesmo tempo que será ajudado.

7) Instale um contador de dias na sua assinatura, para medir seu progresso. Orientações a este respeito estão aqui: http://comoparar.forumeiros.com/t5-como-instalar-um-contador-de-dias

8 ) Não deixe de ler a página sobre orientações básicas do reboot que está em: http://comoparar.forumeiros.com/t78-reboot-de-pornografia-orientacoes-basicas

9) Sobre o e-book (versão 1-gratuita e a versão 2)podem ser encontrados aqui:

1) Link para baixar o E-book Vício em Pornografia Como Parar?, versão antiga (GRATUITO):
https://drive.google.com/file/d/0B_ZBYrwrvOuJbHozT3Fib0VmMTg/view

2) Link para assistir a apresentação do Novo E-book Vício em Pornografia Como Parar? e também para comprar o livro: http://vicioempornografiacomoparar.com/vls/

3) Link Direto para a compra do Novo E-book Vício em Pornografia Como Parar? (sem a apresentação): http://vicioempornografiacomoparar.com/ebook

Enfim, um excelente reboot para você e espero, dentro em breve, ouvir relatos de mudança e bem-estar de sua pessoa.

Abraço.
avatar
M.V
Moderador
Moderador
Mensagens : 1804
Data de inscrição : 02/10/2015
Idade : 36

Re: [22 anos] Iniciando hoje, novamente, a estrada do PMO! +história breve

em 24/8/2016, 18:21
Olá Realistico

Seja bem vindo ao Fórum

Sobre o Experimento Reboot Leia isso:

http://comoparar.forumeiros.com/f1-orientacoes-basicas

Informações adicionais sobre bloqueadores Leia isso:

http://blokporn.blogspot.com.br/2016/07/formatei-o-pc-para-acessar-pornografia.html

http://comoparar.forumeiros.com/t295-as-12-maiores-falacias-que-contamos-a-nos-mesmos-sobre-a-nao-instalacao-de-bloqueadores

Informações adicionais Sobre o Fórum:

http://blokporn.blogspot.com.br/2016/07/qual-e-funcao-do-forum.html

Esteja sempre que possível aqui no Fórum tirando dúvidas, postando nos diários dos outros usuários, pois o sistema de ajuda mútua também é importante para internalizar o processo do Reboot no cérebro. Os primeiros dias de Reboot são mais difíceis porque é uma situação nova e o cérebro detesta sair da zona de conforto, então os sintomas de desconfortos são naturais nesse início, mas o melhor está por vir depois que você internalizar na sua mente que P e M não são mais opções para sua vida, seu cérebro também não vai querer mais sair desse novo sistema, isso só se consegue com o tempo de Reboot, não sabemos ao certo quanto tempo, mas faça o experimento de 90 dias primeiro para fazer uma avaliação melhor do Reboot. Realmente o que vem fácil também tende a ir embora fácil, assim é o prazer originado da pornografia e masturbação, logo devemos obter prazer de forma natural buscar se religar ao sexo real e vivermo o melhor da vida. Nessa guerra você tem que controlar os instintos do sistema natural de recompensas comandados pelo cérebro primitivo que se ilude pela pornografia pensando que aquilo é uma possibilidade de perpetuação da espécie. Coloque seu cérebro inteligente no comando e deixe que ele gerencie sua vida.
Se chegou ao fundo do poço é hora de escalar de volta para o caminho da luz.

Sentimentos de culpa pelo que vício não irão lhe ajudar em nada. O Vício em pornografia é um problema biológico, pois nosso sistema de recompensas sexual primitivo pensa que os estímulos artificiais são casos reais para passarmos nossos genes adiantes e então a cada novidade pornográfica esse sistema sexual primitivo fica mais imbecilizado e entra no ciclo vicioso, a teoria do Reboot descrita no E-BOOK explica isso com maiores detalhes. Estamos aqui para lhe ajudar.

Abçs

Sucesso e vitórias na sua Jornada

_______________________________________
Veja Meu Diário e Histórias de Sucesso
http://comoparar.forumeiros.com/t1587-novo-tempo-nova-vida
http://comoparar.forumeiros.com/t3600-300-dias-de-reboot-novo-tempo-nova-vida


" A PORNOGRAFIA MATA O AMOR" ...

NÃO PERMITA QUE SEU CÉREBRO PRIMITIVO LHE COMANDE E TE DEIXE EM ESTADO DE HIPOFRONTALIDADE.

..."É MELHOR SER ESCRAVO DOS BLOQUEADORES QUE SER ESCRAVO DA PORNOGRAFIA"... (PROJETO, TOGURO)

ABÇS E SUCESSO NESSA JORNADA!!!

avatar
Realistico
Mensagens : 28
Data de inscrição : 23/08/2016
Localização : Minas Gerais

Re: [22 anos] Iniciando hoje, novamente, a estrada do PMO! +história breve

em 5/9/2016, 11:05
05/09

Estou no nofap já mais ou menos um mês, infelizmente cedi aos impulsos umas sete vezas no total (inclusive ontem). Após ler o ebook disponibilizado, notei que não sou forte o suficiente para simplesmente parar com o PMO de uma vez e não ter uma decaída. Quando faço isso, após 7 ou 8 dias sempre acontece uma recaída, seja pelo impulso ou porque vejo uma coisa minimamente sexual que me intriga.

Decidi o seguinte: Vou cortar a pornografia de vez da minha vida, já que os malefícios maiores são tragos por ela. Mas, vou reduzir minha taxa de masturbação ao máximo e permitir sua extinção de forma gradual. O que decidi fazer, ao menos por agora, é me masturbar uma vez por semana

Quando consegui ficar 30+ dias eu fiz algo parecido e após uma duas semanas eu me masturbava apenas de 20 em 20 dias e estava mantendo todos os benefícios (energia, confiança, concentração, memória e etc.)

_______________________________________



Relatos do meu reboot
"Não se comprometa em ser perfeito, se comprometa em fazer mais e melhor!"
avatar
Canaã
Mensagens : 2778
Data de inscrição : 13/01/2016

Re: [22 anos] Iniciando hoje, novamente, a estrada do PMO! +história breve

em 5/9/2016, 11:16
Realistico escreveu:O que decidi fazer, ao menos por agora, é me masturbar uma vez por semana

Desculpe dizer, mas é uma péssima ideia. A masturbação religa os caminhos neurais de pornografia que estão no cérebro. Para a nossa geração masturbação é sinônimo de pornografia. Corte o problema pela raiz; corte a masturbação.

Leia o ebook do Projeto e veja os vídeos do Gary Wilson.

Deus o abençoe.

Dá uma olhada nesse vídeo:

avatar
Realistico
Mensagens : 28
Data de inscrição : 23/08/2016
Localização : Minas Gerais

Re: [22 anos] Iniciando hoje, novamente, a estrada do PMO! +história breve

em 5/9/2016, 11:58
Você está há quantos dias sem PMO?

Cara... é muito complicado, desde que comecei eu sempre tenho uma recaída no 7º ou 8º dia. Se eu conseguisse manter por 10 dias, que é quando eu costumo a sentir os benefícios, eu tenho certeza que consigo ficar por mais tempo. Só que não consigo passar dessa linha, tá foda.

_______________________________________



Relatos do meu reboot
"Não se comprometa em ser perfeito, se comprometa em fazer mais e melhor!"
avatar
Canaã
Mensagens : 2778
Data de inscrição : 13/01/2016

Re: [22 anos] Iniciando hoje, novamente, a estrada do PMO! +história breve

em 5/9/2016, 12:07
Realistico escreveu:Você está há quantos dias sem PMO?

Cara... é muito complicado, desde que comecei eu sempre tenho uma recaída no 7º ou 8º dia. Se eu conseguisse manter por 10 dias, que é quando eu costumo a sentir os benefícios, eu tenho certeza que consigo ficar por mais tempo. Só que não consigo passar dessa linha, tá foda.

Atualmente indo para 9 meses sem PMO.

Sim, complicado é para todo mundo. Também estava desse jeito no ano de 2012; eu aguentava só 4 dias sem praticar PMO. Tem que dar tempo ao tempo, cai aqui; levanta acolá; nunca desistir. Esse é um vício maldito.

Busque se voltar a Deus; somente Cristo liberta desse vício.
avatar
Realistico
Mensagens : 28
Data de inscrição : 23/08/2016
Localização : Minas Gerais

Re: [22 anos] Iniciando hoje, novamente, a estrada do PMO! +história breve

em 5/9/2016, 12:17
Obrigado pela força... vou seguir seu conselho e fazer sem PMO. Daqui a 10 dias eu volto pra falar como foi.

Abraços!

_______________________________________



Relatos do meu reboot
"Não se comprometa em ser perfeito, se comprometa em fazer mais e melhor!"
avatar
Canaã
Mensagens : 2778
Data de inscrição : 13/01/2016

Re: [22 anos] Iniciando hoje, novamente, a estrada do PMO! +história breve

em 5/9/2016, 12:23
Realistico escreveu:Obrigado pela força... vou seguir seu conselho e fazer sem PMO. Daqui a 10 dias eu volto pra falar como foi.

Abraços!

Não vai ser fácil, mas te garanto que é mais eficaz.


Deus te abençoe, amigo.
avatar
Realistico
Mensagens : 28
Data de inscrição : 23/08/2016
Localização : Minas Gerais

Re: [22 anos] Iniciando hoje, novamente, a estrada do PMO! +história breve

em 15/9/2016, 09:18
Então... hoje faz 12 dias que estou sem PMO. Tive alguns probleminhas com algumas exposições à sexo (não) explícito, mas nada que me prejudicasse de fato. Acho que estou finalmente me desvinculando da pornografia, é como se ela nem existisse mais.

A esta altura pensei que estaria sentindo algumas melhoras significantes na confiança, energia e disposição. Provavelmente foi atrasado porque transei com uma amiga no domingo e gozei. Como aconteceu da outra vez, sem problemas em ficar ereto, o problema é a ejaculação precoce (EP). Quando iniciamos a penetração não durei muito tempo.

Quando estava começando a melhorar rolou o sexo. Vejo hoje que isso foi uma atraso na minha vida e só fiz porque moro em outra cidade, vou poucas vezes na cidade em que ela mora e infelizmente tinha mandado mensagem enquanto estava pensando com meu pênis (é, você sabe, aqueles momentos de pico da excitação).

De qualquer maneira, apesar de não ter melhoras significantes, sinto que regredi (por causa do sexo - perdi os benefícios da retenção de sêmen), mas não estou começando do zero, houve pouca melhora, mas houve. Enfim, pra não ficar floodando muito este tópico vou voltar aqui para relatar quando eu começar a sentr os "super poderes" ou tiver um forte desejo por recaída (o que não creio que acontecerá tão cedo).

Abraços a todos,
que sigamos em diante.


_______________________________________



Relatos do meu reboot
"Não se comprometa em ser perfeito, se comprometa em fazer mais e melhor!"
avatar
Realistico
Mensagens : 28
Data de inscrição : 23/08/2016
Localização : Minas Gerais

Re: [22 anos] Iniciando hoje, novamente, a estrada do PMO! +história breve

em 19/9/2016, 12:43
Hoje faz 16 dias que estou sem pornografia. E confesso que aconteceu algo que nunca tinha acontecido comigo antes, nem mesmo quando fiz 30+ dias. Após os dez dias eu começo a sentir uma certa sensibilidade com esperma, em alguns momentos eu sinto como se eu pudesse gozar mesmo sem estar ereto, como se eu tivesse que "me segurar" para não deixar sair.

Não sei se isso tem haver com aqueles exercícios do músculo PC, que já fiz há algum tempo atrás e hoje em dia comecei a fazer com menor frequência. Enfim... estava urinando e nesse momento senti essa sensação, sem querer acabei "liberando" essa sensação e notei que quando terminei de expelir a urina, ao final, saiu um líquido um pouco grosso, em tom branco quase transparente. Não parecia ser esperma, deve ser o que o povo costuma chamar de "pre-esperma". Parecia ser diferente da lubrificação natural do pênis também.

Também, tenho tido flashbacks de relações sexuais que eu tive. Apesar de estar pensando em sexo, fico feliz que não fico pensando em pornografia e sim de relações pessoais que tive neste ano. Vou evitar ficar pensando muito sobre isso. Provavelmente foi por causa disso que aconteceu isso. Enfim, só quis deixar registrado.

_______________________________________



Relatos do meu reboot
"Não se comprometa em ser perfeito, se comprometa em fazer mais e melhor!"
avatar
Realistico
Mensagens : 28
Data de inscrição : 23/08/2016
Localização : Minas Gerais

Re: [22 anos] Iniciando hoje, novamente, a estrada do PMO! +história breve

em 20/9/2016, 23:32
No dia 17 (ontem) comecei a sentir alguns benefícios, não é como se tivesse explodido tudo (leia-se: sentir todos os benefícios em 100%), mas já senti melhoras significantes. O problema foi que o meu humor estava meio instável, acordei muito bem, não sei se foi algumas pressões (prazos do meu estágio, provas e um colega de república atrasando o repasse para pagamento das contas), mas no período da tarde eu comecei a ficar meio estressado, sem graça e nervoso (raiva). Vale a pena adicionar que estou tomando banhos gelados (cold showers) desde o início da contagem.

Benefícios:
* Maior energia (eu diria 20%)
* Melhor humor (eu diria 40%)
* Conseguia planejar as coisas de forma mais calma, melhor concentração, poderia dizer assim
* Menor postergação de coisas (eu diria 15%) e mais disposição (eu diria 20%): sentia-me no dever de cumprir as coisas e simplesmente fazia
* Diminuição razoável de ansiedade social (eu diria 30%, no meu momento de bom humor): me importando menos com o que pensariam/falariam de mim, só queria cumprir minhas obrigações
* Senti um aumento significante de energia sexual, eu não conseguia me conter de olhar para a bunda
das meninas. (eu diria 30%)
* Melhor qualidade de sono e em menor quantidade: creio ter diminuído uns 40m de sono e ter acordado muito melhor, estava passando pela fase em que precisava de dormir 9h/10h por dia e ainda me sentia um pouco cansado.

Os sintomas que ainda sinto são:
* os flashbacks das minhas relações passadas estão a mil, não acontecem o dia inteiro, mas quando acontece, se eu não me segurar, acaba passando a imagem de toda a transa nos meus olhos;
* sensibilidade em relação ao gozo, isto é, quando fico excitado (seja porque algum conteúdo sem menor relação com sexo ajudou, seja quando nada me motivou), ou quando vou urinar, sinto que tenho que "me segurar" pra não deixar o esperma sair, na grande maioria das vezes estou ereto, mas acontece isso até mesmo quando está flácido;
* a libido está meio instável, em alguns momentos muito excitado, em outros momentos parece que meu pênis foi baleado: mas é importante salientar que eu não teria problema algum em transar, como disse, sem problemas com ereção;
* ejaculação precoce (apesar da minha última transa ser no dia 11/09/2016, isto é, há 09 dias atrás)

Abraços, volto para relatar quando houver alguma alteração substancial nos benefícios, nos sintomas restantes, ou algum outro evento que seja valioso.

_______________________________________



Relatos do meu reboot
"Não se comprometa em ser perfeito, se comprometa em fazer mais e melhor!"
avatar
Realistico
Mensagens : 28
Data de inscrição : 23/08/2016
Localização : Minas Gerais

Re: [22 anos] Iniciando hoje, novamente, a estrada do PMO! +história breve

em 26/9/2016, 09:22
23 dias e seguindo...

Confesso que não sinto nenhum desejo de ver pornografia, não sei se é o método que eu adotei (eu gosto de fingir que ela nem existe, porque se você pensar em não assistir pornografia, você está indiretamente pensando em assistir pornografia). Infelizmente, vez ou outra continuo sendo exposto (gosto de ler sobre sedução, formas de melhorar o sexo, ponto g, e por aí vai -- fui exposto ao ler um relato de campo num fórum de sedução, ele postou uma foto da mulher pelada, mas felizmente o amigo embaçou as partes da mulher, ufa!!), e sinto que os meus benefícios caem na hora. Sempre bloqueio quando sou exposto. Por isso, estou pensando seriamente em limitar os sites em que posso ir ou até mesmo em dar um tempo do uso da internet. Ao menos por uns 20 dias, até sentir os benefícios em 100%.

Os benefícios que relatei antes, tem dia que estão mais forte, quando está crescendo eu sou exposto a algo e sinto que eles retornam ao mesmo ponto em que relatei. Só quero acrescentar que as ereções matutinas começaram, antes, apesar de não ter nenhum problema em ter ereção, elas não eram fortes, ou eram fracas. Percebi uma mudança no meu pênis também, ele está mais forte, mais grosso e maior. Não cheguei a medir antes, mas arrisco dizer que está 2cm maior.

Quero acrescentar também que os flashbacks desapareceram. Não tive mais nenhum. Também estou tendo controle maior sobre aquela vontade de gozar quando fico excitado ou quando estou mijando. Mas isso eu não posso dizer se é por causa do nofap ou se é por causa dos exercícios no músculo PC que estou fazendo.

_______________________________________



Relatos do meu reboot
"Não se comprometa em ser perfeito, se comprometa em fazer mais e melhor!"
Rebirth
Mensagens : 203
Data de inscrição : 19/08/2016
Idade : 22

Re: [22 anos] Iniciando hoje, novamente, a estrada do PMO! +história breve

em 26/9/2016, 10:12
Parabens pela melhorar parceiro! Tem ido muito bem o seu reboot, estarei acompanhando sua jornada.
avatar
Realistico
Mensagens : 28
Data de inscrição : 23/08/2016
Localização : Minas Gerais

Re: [22 anos] Iniciando hoje, novamente, a estrada do PMO! +história breve

em 29/9/2016, 12:25
Rebirth escreveu:Parabens pela melhorar parceiro! Tem ido muito bem o seu reboot, estarei acompanhando sua jornada.
Obrigado pelo interesse amigo, espero que possa te ajudar de alguma maneira.

Dia 26...

Bom, ainda sinto que os benefícios que eu tive regrediram um pouco (não estou na estaca zero, diria que caiu 5% de todos os benefícios). Infelizmente a sexualidade está em todo lugar, a gente querendo ou não acaba sendo exposto. Em nome duma cura mais rápida e melhor, decidi restringir significativamente os sites que acesso, o tempo que permaneço e os livros que eu leio. Eu gosto de ler sobre desenvolvimentos pessoal, estava traduzindo um livro sobre técnicas dedilhar uma mulher sexualmente, o livro não contém nenhuma imagem explícita, mas em nome do que expus acima, vou interromper a tradução (que estava na metade) por ao menos uns 20 dias.

Além disso, quero acrescentar algumas coisas: desde o começo da jornada, não tive quase nenhum desejo por pornografia (ainda bem, sinto que estou consistente e inquebrável), que as ereções matinais desapareceram, que há alguns dias atrás estava tendo picos intensos de excitação, que tive um benefício razoável na memória (sinto que ela está melhor) e que estou sofrendo alterações enormes de humor, chegando a casos bizarros em que, de manhã, estou completamente cheio de energia, disposto e completamente excitado. E a noite, cansado, deprimido, sem paciência e sem nenhuma disposição para flertar.

Não sei se seria uma segunda onda de flatline, ou se minha regressão (maldita exposição) causou isso. Estou em época de provas e trabalhos na faculdade e estou mudando de república, e quero pensar que tudo isso é devido ao enorme estresse que isso acaba gerando. Também, comecei a fazer corridas em jejum nos dias que não faço academia.

Volto em 15 ou 20 dias, caso haja alguma mudança significativa.

_______________________________________



Relatos do meu reboot
"Não se comprometa em ser perfeito, se comprometa em fazer mais e melhor!"
avatar
Realistico
Mensagens : 28
Data de inscrição : 23/08/2016
Localização : Minas Gerais

Re: [22 anos] Iniciando hoje, novamente, a estrada do PMO! +história breve

em 13/10/2016, 19:34
Alerta de mensagem longa!!!!

40 dias!!! Batendo record. (era de 34 dias)

Como passei por certas variações consideráveis, preferi fazer relatos diários, pois aqui as coisas podem mudar completamente de um dia para o outro, não são como os primeiros dias em que você tem uma sequência de dias bons e outros ruins. E também, quero deixar bem claro sobre o momento em que eu começar a sentir os benefícios, pois essa é uma das partes mais interessantes para quem está começando, a maioria só fala que começou a sentir depois de 15 dias e nessa jornada, está tudo sendo completamente diferente. Eu senti sim uma melhora, como narrei acima, mas como já passei pela fase dos benefícios VERDADEIROS, posso dizer que aquilo não chega nem perto de uma melhora significante.

Dia 26 até dia 29:
Bom... como relatei acima, no dia 26 eu estava sofrendo enormes alterações de humor. Deste dia em diante, estava realmente com baixa energia, confiança quase zero, conversa confusa (me embaralho, às vezes, ao falar) e uma ansiedade extrema. A excitação está extremamente baixa, estava procurando uma mulher para flertar e conseguir um beijo, mas agora que a libito está zero, vou prorrogar até quando eu voltar a normalidade. Bom, se não der... paciência, existem mais e a cada dia está nascendo mais mulheres pra gente! Enfim. Creio que não há mais dúvidas de que estava novamente na flatline. A primeira ocorreu na primeira semana, entre os dias 2 e 8, e agora entre o dia 24 até o dia 29.

Acho importante deixar registrado aqui uma coisa que descobri: o caminho não é linear, e isso você provavelmente já sabia. Mas acrescento algo mais: NEM MESMO PARA A MESMA PESSOA! O reboot é complicado mesmo, seguido por dias maravilhosos e por dias que parece que você está no inferno. Posso garantir isso pra vocês. Falo isso por experiência própria, na minha última tentativa (30+ dias, com uma decaída aproximadamente no dia 35), após 15 dias eu recebi os "super poderes", isto é, os benefícios em seu máximo, não conseguia nem me conter quando caminhava na rua (eu SEMPRE estava cantando), minha excitação estava no pico (não conseguia evitar de olhar a bunda das garotas), ansiedade social zero, memória funcionando muito bem, estava finalmente no controle da minha própria vida, poderia falar e fazer o que quisesse, estava realmente me sentindo livre. Sabe aquela cena de filme, de um cara que finalmente consegue transar e depois vai dar uma volta na rua todo alegre, cumprimentando a todos e transpirando felicidade? Bom, esse era eu. E a diferença era que eu estava assim TODOS os dias. Claro, eu estava transando todo final de semana. Não sei se esse é o motivo, e pra falar a verdade nem quero saber, só acho importante que isso esteja esclarecido e que, mais importante do que isso, o caminho é sempre ter paciência.

Um texto que me ajudou a entender melhor essa minha fase são estes: 1) http://yourbrainonporn.com/porn-masturbation-and-mojo-neuroscience-perspective / 2) http://www.yourbrainonporn.com/i-quit-porn-but-my-potency-and-libido-are-decreasing-help
(Estão em inglês, usando o google tradutor dá pra ter uma boa noção, pra quem não sabe inglês)


Dia 30 até dia 40
No dia 30, os efeitos negativos psicológicos da flatline diminuiram bastante. No dia 31 eles desapareceram. Não quer dizer que estava super feliz, contenente e energético. Psicologicamente, ouso dizer que estava no mesmo ponto em que inciei: falta de energia e de ânimo, dormindo 8h por dia, ansiedade social, memória não tão legal, procastinação, fadiga e etc. Quando os efeitos da flatline te atingem, é como se ao invés deles estivessem no zero (neutro, sem dever, nem ter "a mais"), eles passam a ficar em negativo, como se você estivesse, na verdade, em débito tudo isso que citei. Estou neutro , apenas não há sensações psicológicas negativas relevantes. Os efeitos físicos da flatline ainda estão presentes, como o pênis parecer morto, menor e não conseguir uma ereção 100%, além de uma libido beirando a zero. Foi assim entre o dia 30 até o dia 34 (mesma coisa).

No dia 34 eu tive alguns impulsos em olhar pornografia, provavelmente o que impulsionou foi ter reinstalado o instagram. Cheguei a olhar algumas fotos de mulheres de biquine e coisas do tipo (espiadas em sites de acompanhantes, felizmente não mostrava muita coisa explícita), mas retomei a consciência, lembrei o que estava muito próximo de acontecer, parei e desinstalei o aplicativo. Também desinstalei o filtro k9, porque cheguei numa fase em que eu burlo ele inconscientemente (acessando por outros meios) e acabo me permitindo "evoluir" em imagens, achando que estou protegido e me enganando. Foi definitivamente o impulso mais forte que tive até agora, estou consciente e vou tomar as preocauções necessárias. Quase tive uma recaída. Também, senti algumas dores testiculares (blue balls) depois de um tempo.

No dia 35 não tive uma ereção matinal, mas senti que quando fui no banheiro ela estava mais forte e senti que meu pênis parecia maior. Creio que aos poucos estou sentindo mais energia, estou postergando menos, a libido está voltando, a confiança também e estou tomando o controle da minha própria vida novamente. Alias, hoje eu decidi ter o primeiro contato com uma mulher que eu queria conhecer há muito tempo, alias, ela foi meio que um dos motivos para eu voltar ao nofap novamente. Alguns impulsos mais fracos em olhar pornografia, mas totalmente controláveis. Nos dias 36 e 37 foi a mesma coisa, certo desejo totalmente controlável por dar uma recaída, as fotos do facebook acho que acabaram por influenciar nisso, senti a libido crescendo lentamente.


No dia 38 senti que minha libido cresceu consideravelmente, minha confiança e minha energia começaram a crescer também (em proporção menores), estou mais disposto, flertando com as meninas, postergando menos e tomando mais iniciativa das coisas e etc. Foi um dia que ri bastante e estava consideravelmente sociável. Meu humor está estabilizado, pouco desejo por assistir pornografia, mas totalmente controlável.

No dia 39 a libido, confiança e energia voltaram a neutralidade. Nenhum desejo em assistir pornografia. Estou com o nariz meio entupido, e escorrendo, talvez seja o início de uma gripe, estou tomando bastante água para ver se isso desaparece o mais rápido possível. Senti certa dor/incômodo nos meus testículos também.

Dia 40 foi bem normal e pareceu bastante o dia 38, melhoras de pouco em pouco na energia, disposição, melhora na sociabilidade, a minha fala está mais clara, menor procrastinação, menor ansiedade social e maior clareza da minha mente. Estou começando a entrar naquele estado de "foda-se tudo", onde a gente fica meio egoísta e passa a se importar menos para as coisas. É um efeito direto das melhoras na ansiedade social. Minha libido está neutra, não estou muito excitado, nem muito sem tesão, mas sinto que tive algumas melhoras. Ao contrário do que relatei nos dias anteriores, sinto que se tivesse com uma mulher eu poderia ter uma relação sexual sem problemas algum. Li alguns materiais de sedução e vi alguns vídeos também (prática em campo) em que mostrava a escalação dentro do local do sexo, com tudo tampado e etc., não sei se isso está me prejudicando, mas pelo bem da estrada, vou abandonar todo tipo de conteúdo relacionado a isso por 7 dias.

Abraços, volto quando sentir necessidade!!!

_______________________________________



Relatos do meu reboot
"Não se comprometa em ser perfeito, se comprometa em fazer mais e melhor!"
avatar
Blpr
Moderador
Moderador
Mensagens : 4952
Data de inscrição : 30/05/2015

Re: [22 anos] Iniciando hoje, novamente, a estrada do PMO! +história breve

em 13/10/2016, 19:48
Realistico escreveu:Alerta de mensagem longa!!!!

40 dias!!! Batendo record. (era de 34 dias)

Como passei por certas variações consideráveis, preferi fazer relatos diários, pois aqui as coisas podem mudar completamente de um dia para o outro, não são como os primeiros dias em que você tem uma sequência de dias bons e outros ruins. E também, quero deixar bem claro sobre o momento em que eu começar a sentir os benefícios, pois essa é uma das partes mais interessantes para quem está começando, a maioria só fala que começou a sentir depois de 15 dias e nessa jornada, está tudo sendo completamente diferente. Eu senti sim uma melhora, como narrei acima, mas como já passei pela fase dos benefícios VERDADEIROS, posso dizer que aquilo não chega nem perto de uma melhora significante.

Dia 26 até dia 29:
Bom... como relatei acima, no dia 26 eu estava sofrendo enormes alterações de humor. Deste dia em diante, estava realmente com baixa energia, confiança quase zero, conversa confusa (me embaralho, às vezes, ao falar) e uma ansiedade extrema. A excitação está extremamente baixa, estava procurando uma mulher para flertar e conseguir um beijo, mas agora que a libito está zero, vou prorrogar até quando eu voltar a normalidade. Bom, se não der... paciência, existem mais e a cada dia está nascendo mais mulheres pra gente! Enfim. Creio que não há mais dúvidas de que estava novamente na flatline. A primeira ocorreu na primeira semana, entre os dias 2 e  8, e agora entre o dia 24 até o dia 29.

Acho importante deixar registrado aqui uma coisa que descobri: o caminho não é linear, e isso você provavelmente já sabia. Mas acrescento algo mais: NEM MESMO PARA A MESMA PESSOA! O reboot é complicado mesmo, seguido por dias maravilhosos e por dias que parece que você está no inferno. Posso garantir isso pra vocês. Falo isso por experiência própria, na minha última tentativa (30+ dias, com uma decaída aproximadamente no dia 35), após 15 dias eu recebi os "super poderes", isto é, os benefícios em seu máximo, não conseguia nem me conter quando caminhava na rua (eu SEMPRE estava cantando), minha excitação estava no pico (não conseguia evitar de olhar a bunda das garotas), ansiedade social zero, memória funcionando muito bem, estava finalmente no controle da minha própria vida, poderia falar e fazer o que quisesse, estava realmente me sentindo livre. Sabe aquela cena de filme, de um cara que finalmente consegue transar e depois vai dar uma volta na rua todo alegre, cumprimentando a todos e transpirando felicidade? Bom, esse era eu. E a diferença era que eu estava assim TODOS os dias. Claro, eu estava transando todo final de semana. Não sei se esse é o motivo, e pra falar a verdade nem quero saber, só acho importante que isso esteja esclarecido e que, mais importante do que isso, o caminho é sempre ter paciência.

Um texto que me ajudou a entender melhor essa minha fase são estes: 1) http://yourbrainonporn.com/porn-masturbation-and-mojo-neuroscience-perspective / 2) http://www.yourbrainonporn.com/i-quit-porn-but-my-potency-and-libido-are-decreasing-help
(Estão em inglês, usando o google tradutor dá pra ter uma boa noção, pra quem não sabe inglês)


Dia 30 até dia 40
No dia 30, os efeitos negativos psicológicos da flatline diminuiram bastante. No dia 31 eles desapareceram. Não quer dizer que estava super feliz, contenente e energético. Psicologicamente, ouso dizer que estava no mesmo ponto em que inciei: falta de energia e de ânimo, dormindo 8h por dia, ansiedade social, memória não tão legal, procastinação, fadiga e etc. Quando os efeitos da flatline te atingem, é como se ao invés deles estivessem no zero (neutro, sem dever, nem ter "a mais"), eles passam a ficar em negativo, como se você estivesse, na verdade, em débito tudo isso que citei. Estou neutro , apenas não há sensações psicológicas negativas relevantes. Os efeitos físicos da flatline ainda estão presentes, como o pênis parecer morto, menor e não conseguir uma ereção 100%, além de uma libido beirando a zero. Foi assim entre o dia 30 até o dia 34 (mesma coisa).

No dia 34 eu tive alguns impulsos em olhar pornografia, provavelmente o que impulsionou foi ter reinstalado o instagram. Cheguei a olhar algumas fotos de mulheres de biquine e coisas do tipo (espiadas em sites de acompanhantes, felizmente não mostrava muita coisa explícita), mas retomei a consciência, lembrei o que estava muito próximo de acontecer, parei e desinstalei o aplicativo. Também desinstalei o filtro k9, porque cheguei numa fase em que eu burlo ele inconscientemente (acessando por outros meios) e acabo me permitindo "evoluir" em imagens, achando que estou protegido e me enganando. Foi definitivamente o impulso mais forte que tive até agora, estou consciente e vou tomar as preocauções necessárias. Quase tive uma recaída. Também, senti algumas dores testiculares (blue balls) depois de um tempo.

No dia 35 não tive uma ereção matinal, mas senti que quando fui no banheiro ela estava mais forte e senti que meu pênis parecia maior. Creio que aos poucos estou sentindo mais energia, estou postergando menos, a libido está voltando, a confiança também e estou tomando o controle da minha própria vida novamente. Alias, hoje eu decidi ter o primeiro contato com uma mulher que eu queria conhecer há muito tempo, alias, ela foi meio que um dos motivos para eu voltar ao nofap novamente. Alguns impulsos mais fracos em olhar pornografia, mas totalmente controláveis. Nos dias 36 e 37 foi a mesma coisa, certo desejo totalmente controlável por dar uma recaída, as fotos do facebook acho que acabaram por influenciar nisso, senti a libido crescendo lentamente.


No dia 38 senti que minha libido cresceu consideravelmente, minha confiança e minha energia começaram a crescer também (em proporção menores), estou mais disposto, flertando com as meninas, postergando menos e tomando mais iniciativa das coisas e etc. Foi um dia que ri bastante e estava consideravelmente sociável. Meu humor está estabilizado, pouco desejo por assistir pornografia, mas totalmente controlável.

No dia 39 a libido, confiança e energia voltaram a neutralidade. Nenhum desejo em assistir pornografia. Estou com o nariz meio entupido, e escorrendo, talvez seja o início de uma gripe, estou tomando bastante água para ver se isso desaparece o mais rápido possível. Senti certa dor/incômodo nos meus testículos também.

Dia 40 foi bem normal e pareceu bastante o dia 38, melhoras de pouco em pouco na energia, disposição, melhora na sociabilidade, a minha fala está mais clara, menor procrastinação, menor ansiedade social e  maior clareza da minha mente. Estou começando a entrar naquele estado de "foda-se tudo", onde a gente fica meio egoísta e passa a se importar menos para as coisas. É um efeito direto das melhoras na ansiedade social. Minha libido está neutra, não estou muito excitado, nem muito sem tesão, mas sinto que tive algumas melhoras. Ao contrário do que relatei nos dias anteriores, sinto que se tivesse com uma mulher eu poderia ter uma relação sexual sem problemas algum. Li alguns materiais de sedução e vi alguns vídeos também (prática em campo) em que mostrava a escalação dentro do local do sexo, com tudo tampado e etc., não sei se isso está me prejudicando, mas pelo bem da estrada, vou abandonar todo tipo de conteúdo relacionado a isso por 7 dias.

Abraços, volto quando sentir necessidade!!!

Um reebooter que acessa qualquer conteúdo virtual que tem sensualidade já reativa aos poucos a fissura. Desativar redes sociais durante o reboot é para evitar estes estímulos. A restauração significa passar um longo período sem ativar estes estímulos artificiais. Se for para conhecer e ter intimidades com mulheres, deve ser tudo real. Eu mesmo recai nos meus três primeiros reboots por causa de manter redes sociais abertas. Ficava vendo garotas de biquíni e fuçando perfis de mulheres no face. Para perder a compulsão, deve investir esta energia sexual somente em interações sexuais reais.

_______________________________________
Link do e-book grátis:

https://drive.google.com/open?id=0B_ZBYrwrvOuJTDctSjhvdGQ1V1E


avatar
Realistico
Mensagens : 28
Data de inscrição : 23/08/2016
Localização : Minas Gerais

Re: [22 anos] Iniciando hoje, novamente, a estrada do PMO! +história breve

em 13/10/2016, 21:00
Estou ciente disso, a pior coisa que fiz até hoje, após iniciar o reboot, foi ter reinstalado o instagram. Foi, de longe, o maior desejo eu rever "pornografia" novamente. Eu digo em aspas porque, pode até parecer sem noção e mentira isso, mas o que eu senti vontade foi de ter a satisfação de ver a pornografia, me masturbar e chegar ao orgasmo, e não da pornografia em si. Não sei se isso faz sentido para vocês, só quem passou por isso acho que vai entender. O engraçado foi que eu pude lembrar o que poderia ter acontecido, toda aquela sensação ruim, aquela fraqueza, aquela impotência e pude voltar ao controle. No facebook até que não tenho problemas com isso, porque assino o feed de poucas pessoas, e dos que assino não tem nenhuma que fica postando foto de biquine e coisas do tipo.

A hora é agora amigos, a mudança é hoje, essa é a vez certa. Estou cada dia mais forte, só estou dando esses vacilos que relatei acima, mas já tenho consciência e vou consertar isso.


_______________________________________



Relatos do meu reboot
"Não se comprometa em ser perfeito, se comprometa em fazer mais e melhor!"
avatar
Realistico
Mensagens : 28
Data de inscrição : 23/08/2016
Localização : Minas Gerais

Re: [22 anos] Iniciando hoje, novamente, a estrada do PMO! +história breve

em 15/10/2016, 18:28
Dia 41 e 42.

No dia 41 foi bem normal. Não estava ruim, nem estava maravilhoso. Não senti muitas diferenças.

No dia 42 tive meu primeiro "sonho de recaída", eu estava sentado na minha mesa, vendo alguns vídeos estúpidos no youtube, as coisas começaram a esquentar e quando fui ver, estava digitando [o nome de um site porno] na aba, botando vários para carregar, assistindo, colocando na "melhor parte" e me masturbando compulsivamente. Após 40 minutos eu gozei. Tive aquele momento de consciência pós-PMO, estava congelado e percebi o tanto que sou fraco, impotente e o tanto que regredi. Eu quase chorei por ter visto o tanto que era fraco. Enfim, acordei (muito aliviado, pois era só um sonho), vi que não tive poluição noturna, nem estava com ereção matutina. No sonho, vale destacar (alguém provavelmente vai pensar que eu "visualizei" pornografia no meu sonho), não me foi mostrado as cenas pornográficas, apenas a experiência de eu estar fazendo PMO. Foi um dia complicado, normal durante o dia, mas a noite comecei a sentir uma frustração e uma aflição por não conseguir melhoras, parece que estou totalmente estagnado, estou cogitando até mesmo me masturbar uma vez e gozar, para ver se isso ajuda em algo.

_______________________________________



Relatos do meu reboot
"Não se comprometa em ser perfeito, se comprometa em fazer mais e melhor!"
avatar
couto94
Mensagens : 1120
Data de inscrição : 10/08/2015

Re: [22 anos] Iniciando hoje, novamente, a estrada do PMO! +história breve

em 15/10/2016, 18:50
Se vc se masturbar acabará desencadeando o "efeito caçador" que te levará à pornografia. Segue firme meu irmão, vai dar tudo certo no final.
Evolutivo
Moderador
Moderador
Mensagens : 1040
Data de inscrição : 23/05/2015

Re: [22 anos] Iniciando hoje, novamente, a estrada do PMO! +história breve

em 15/10/2016, 20:07
Ver pornografia e não se masturbar é pior que PMO, o problema não está na masturbação, mas na pornografia.

Instalou bloqueadores? Como andam as atividades extranet?

Não pense em cortar a PMO da sua vida. Viva um dia de cada vez. Afirme "Só por hoje não vou praticar" não temos controle sobre o amanhâ, apenas sobre o hoje.

Ore todo dia a um poder superior que voce acredite pedindo pra ficar limpo hoje, e agradeça a noite. Isso ajuda a manter o foco diáriamente. Essa é uma doença fisica, mental e espiritual.

avatar
Realistico
Mensagens : 28
Data de inscrição : 23/08/2016
Localização : Minas Gerais

Re: [22 anos] Iniciando hoje, novamente, a estrada do PMO! +história breve

em 15/10/2016, 21:04
Bom, perfeito... tive uma recaída no meu dia 42, estava vendo um vídeo com certa sensualidade e acabei gozando sem nem tocar no meu pênis. Além disso, depois disso, acabei assistindo um vídeo meio que pornográfico, foi mostrado a vagina da mulher e eu já imaginava isso. Somado a isso, estava me sentindo totalmente frustrado hoje com a falta de benefícios, estava tendo a sensação de que estava estagnado. De qualquer maneira, vou contar isso como uma recaída e iniciar, desde hoje, a nova caminhada.

Na minha caminhada, vou me permitir a masturbação. O problema é a pornografia, isso sempre foi dito, a gente apenas acrescenta a masturbação e o orgasmo como meios de facilitar o processo e a cura, já que tá tudo meio que conectado. Mas será algo bem regulado, não vou me masturbar toda hora que eu sentir tesão, vou guardar isso para os dias em que eu sentir que não vou conseguir segurar mais. Como foi o caso de hoje. E na minha última recaída foi a mesma coisa, tentei me abster da pornografia e do orgasmo, mas quando chegou o dia do "acerto de contas", não tem jeito.

O lado positivo é que:
* estou apenas cansado fisicamente, não estou exaustado mentalmente como eu costumava ficar quando eu me masturbava.
* o material que eu recaí está longe do conteúdo que eu costumava assistir, foram alguns segundos em que foi mostrado a vagina, num vídeo bem escuro... talvez eu teria mais "dano" lendo uma revista da playboy.
* como regredi, ao menos vou me livrar dessa sensação de estagnação que já estava me rondando há um bom tempo (nem que seja pra me sentir pior, mas vou sentir algo)

O lado negativo é que vou demorar mais tempo ainda para me curar, mas sem paranóia.

O que aprendi dessa caminhada: Eu não quero me abster do PMO "apenas para me curar" e depois voltar do ponto em que eu havia saído. Pessoal, não tem jeito... O único modo de fazer disso um estilo de vida é se você fazer algo sustentável. Nós fomos programados para querer sexo, principalmente depois que perdemos a virgindade. Não tem como fugir muito disso. Eu não estou namorando (apesar de querer muito), nem estava ficando com ninguém, eu precisava de uma válvula de escape e o meu bloqueio à abstenção de tudo fez com que eu me masturbasse com estimulação superficial (por mais que tenha sido muito leve, talvez até mais que uma revista). Ou alguém realmente acredita que não vai mais se masturbar pelo resto da vida?

Enfim, era só isso o que eu tinha a falar. Aprovei pra cagar mais um pouco na coisa (efeito chaser, é assim que chama?) e fiz PMO por mais três vezes. Estou encerrando a "janela" e vou dormir o sono dos justos. Amanhã começa tudo de novo, farei relatos diários e organizarei melhor a minha caminhada, talvez monte um planilha, pois sei da preocupação que todos os iniciantes sofrem e espero ajudá-los assim. Agora, é rumo aos 180 dias!

_______________________________________



Relatos do meu reboot
"Não se comprometa em ser perfeito, se comprometa em fazer mais e melhor!"
avatar
Realistico
Mensagens : 28
Data de inscrição : 23/08/2016
Localização : Minas Gerais

Re: [22 anos] Iniciando hoje, novamente, a estrada do PMO! +história breve

em 16/10/2016, 12:00
Então pessoal... hoje acabei me masturbando novamente para a pornografia, a minha mente estava gritando "só mais hoje, aproveita para começar segunda" e eu cedi. Bom, se for necessário isso para acalmar minha mente e eu realmente poder começar amanhã, prefiro ceder, um dia a mais ou a menos não faz diferença para a minha jornada. Só quero deixar aqui o controle que eu estava fazendo, pois já considero que estou progredindo sobre quem eu era há muitos dias atrás.





Consegui manter 42 dias e sei que consigo muito mais. Só quis postar essa imagem para mostrar que o caminho é assim mesmo, algumas recaídas... mas já melhorei, o que são alguns dias em relação a quem fazia a mesma quantidade em um dia só?

_______________________________________



Relatos do meu reboot
"Não se comprometa em ser perfeito, se comprometa em fazer mais e melhor!"
avatar
Realistico
Mensagens : 28
Data de inscrição : 23/08/2016
Localização : Minas Gerais

Re: [22 anos] Iniciando hoje, novamente, a estrada do PMO! +história breve

em 26/12/2016, 15:32
Bom, após tanto tempo tentando, caindo e levantando, acho que finalmente conseguirei subir no cavalo novamente. Consegui algumas vezes por 10 dias, outras por 5, outras por 2... mas agora me sinto mais confiante e acho que vai dar certo.

1ª semana (19/12/16 até 26/12/16): Os primeiros dias sentia os sintomas que todos costumam relatar: dormindo por mais tempo, cansaço físico, sensação geral de fadiga e tristeza, preguiça, desmotivação, pênis com ereções fracas e em tamanho menor, ansiedade social extrema, falta de energia e libido zero. No dia 6 tive alguns flashbacks de transas que tive e em outro momento veio um desejo muito forte por recair, mas relembrei o que já passei pela prática do PMO e impedi que avancasse para algo mais. No dia 7 eu senti alguns picos de aumento da minha libido, apesar do pênis ainda estar menor e com ereções fracas.

_______________________________________



Relatos do meu reboot
"Não se comprometa em ser perfeito, se comprometa em fazer mais e melhor!"
avatar
Realistico
Mensagens : 28
Data de inscrição : 23/08/2016
Localização : Minas Gerais

Novo record! 69 dias.

em 28/4/2017, 20:37
Pessoal, consegui fazer 69 dias (bem sugestivo, não?) de nofap nesta jornada.

Relatei diariamente tudo o que senti até o meu último dia, gosto de guardar, até mesmo para postar no meu relato de quando eu finalmente estiver curado.

Dia 01 até 69:
* Dia 0 ~ 10: Um pouco cansado, meu pênis ficava meio estranho quando via algo levemente sensual e minhas mãos tremiam por um tempo, dormindo muito, flashbacks vinham com certa facilidade e sentia ansiedade. Em regra, eram mais intensos no começo e depois foi diminuindo. Depois, alguns dias sofria sintomas muito intensos, como depressão profunda, outro eram muito tranquilos e eu estava com um excelente humor. Isso quando não ficava super bem por grande parte do dia e na outra parte batia essa depressão; as variações de humor que eu sentia nessa fase não eram tão intensas, mas eram significativas. Tive dois sonhos onde eu estava indo praticar PMO, mas quando fui de fato realizar o ato eu acordei. Foi um período difícil, principalmente por eu ter passado o carnaval dentro de casa. Nos últimos dias, vale destacar que o desejo por PMO diminuiu significativamente e, antes de dormir, tinha que tomar cuidado (pensamentos e posição para dormir) pois estava muito sensível sexualmente e tinha que "me segurar" para não ejacular. Essa sensibilidade parou no último dia, creio que saiu um pouco de esperma quando fui urinar, porque estava com um cheiro esquisito e eu senti uma perda de energia. Em consequência veio o efeito caçador.
- Malefícios destacáveis: sensibilidade peniana intensa, pequenas alterações de humor, sonhos de praticar PMO e flashbacks.
- Benefícios destacáveis: diminuição gradual dos sintomas relacionados a desânimo e afalta de energia; e minha ereção melhorou significativamente (mais forte e meu pênis ficou maior).

* Dia 11 ~ 14: Essa fase foi onde ocorreram alterações de humor mais intensas (pra mim, são os piores sintomas de largar o vício), no decorrer do dia eu ia ficando sem energia, deprimido, totalmente esgotado e um tédio infernal (nada me animava: vídeo games, nem séries de humor, socializar e etc.); me ver em momentos diferentes do dia era ver duas pessoas diferentes, eu me tornava irreconhecível. Super feliz, alegre e até cantando no início do dia, no final do dia estava a beira de me esconder para não ter que socializar, extremamente ansioso e fadigado. Teve um dia que ocorreuuma ânsia de vômito bem intensa (o que me surpreendeu, já que não me lembro de acontecer em outras jornadas), que durou quase uma hora.
- Malefícios destacáveis: alterações de humor extremas, acompanhadas de bem ou mal estar físico, ânsia de vômito eventual.
- Benefícios destacáveis: flashbacks de menor duração e com menos frequência, menor sensibilidade no pênis.

* Dia 15 ~ 21: A intensidade das alterações de humor ficaram mais razoáveis, mas no geral, os dias estão seguindo com bom humor e poucos momentos com depressão (são apenas alguns minutos, se e quando acontece). Duraram mais uns dois dias e a alteração de humor sumiu por completo. Sinto que estou mais descansado quando acordo, mas voltei a dormir 8h. Não sinto que estou ganhando energia com o nofap ainda, sinto que apenas não estou "perdendo" energia. Os flashbacks (de sexo ou de vídeos pornográficos) acontecem diariamente, mas costumam ser mais rápidos. Teve um dia que fui exposto a uma foto de uma mulher com peitos pra fora, durante o resto do dia eu senti uma fraqueza, mas nada que me afetasse muito. Consegui também começar a dormir com roupa, pois a sensibilidade peniana estava me incomodando muito e qualquer movimento "brusco" me dava vontade de ejacular. Esses dias foram tranquilos (não foram felizes nem tristes), sem muitas variações nem dificuldades. Tive alguns sonhos bem reais, seja sobre usando PMO ou relacionado a sexo. Importante salientar também que minha libido foi diminuindo nos dois primeiros dias e depois estava literalmente no zero, não que tivesse melhorado muito antes, mas antes ainda restava alguma coisa. É uma sensação muito esquisita, você consegue se excitar emocionalmente vendo as mulheres, mas sexualmente você não tem respostas. Foi durante este período que a flatline começou. Nos dois últimos dias acabei vendo fotos sensuais acidentalmente, mas nada que me afetasse muito. No dia 21 foi a primeira vez que tive uma vontade de praticar PMO de maneira um pouco mais intensa, mas muito controlável.
- Malefícios destacáveis: alterações de humor com menor intensidade, diminuindo até desapareceram e libido zero, flashback com grande intensidade e com a medida da diminuição da libido, desapareceram.
- Benefícios destacáveis: sinto que não tenho falta de energia (apesar de não ganhar muita também); a sensibilidade do pênis no começo estava fraca e foi diminuindo gradativamente até não acontecer mais.
* Observações: Aqui as coisas foram de péssimas pra menos piores, as alterações de humor extremas de felicidade e tristeza (que pra mim são os piores sintomas) foram reduzidas, os flashbacks diminuiram um pouco (quase nada), a sensibilidade do pênis diminuiu e foi a parte que a flatline bateu mais forte.

Dia 22 - 29: No começo tive blueballs, meus testiculos doeram bastante e por umas duas horas fiquei com uma vontade bem forte de ejacular. No outro dia senti um pouco de dor nos testituculos e notei que a temperatura do meu corpo está mais alta, tenho a sensação de que estou sempre quente. Depois a dor desapareceu, mas ainda sinto um certo incômodo nos testiculos e sinto que eles estão mais rígidos (duros). O humor está estável (nem feliz, nem triste), pouquíssimos flashbacks, a ereção que raramente acontece, perdeu um pouco de força e meu pênis diminuiu um pouco, mas ainda está muito melhor em comparação em como ele estava no início. No dia 26 recebi nudes de uma amiga, apenas vi e exclui... mas enfim, paciência né. No dia 27 fiz sexo com uma amiga, notei que ainda sofro de ejaculação precoce de forma bem severa na primeira ejaculação (foi só ela encostar no pênis), na segunda eu tenho mais controle... mas precisa melhorar muito. No dia 28 senti um pouco do efeito caçador, mas consegui me controlar sem muita dificuldade. Dia 29 decidi cortar o café, também voltei a sentir algumas dores testiculares, inclusive os testículos ficaram rígidos novamente.
- Malefícios destacáveis: dores testiculares e a sensação de que tenho que me segurar para não ejacular.
- Benefícios destacáveis: humor estabilizado e um pouco de melhora na libido.
* Observações: O humor começou a se estabilizar, os flashbacks praticamente desapareceram e a flatline diminiu um pouco, mas ainda estava forte. O ruim foi as dores testiculares e a vontade de ejacular, foi muito difícil de me controlar, doeu bastante (fisicamente, essas dores são bem sérias), mas como transei nesse período deu pra aliviar um pouco.

Dia 30 - 40: Nos dois primeiros dias eu dormi pouco e acordei muito bem. Minha libido está começou a melhorar, no começo quando pensava em mulher já vinha uma ereção bem forte, mas não estou com a libido tão alta como ficou na última vez que fiz o nofap. No dia 31 recebi nudes, tive um desejo bem forte de ceder ao PMO, mas me controlei; neste dia também comecei a fazer os exercícios kegels e reverse kegels para ver se melhoro um pouco o problema na ejaculação. Nos dias 33 e 34 senti que piorei um pouco, meu humor e as suas decorrencias positivas diminuiram, a libido diminuiu um pouco, voltei a dormir muito e a acordar cansado. No dia 35 eu dormi menos e acordei bem, meu humor melhorou um pouco e acordei com a libido bem alta. Dia 36 acordei bem, dormi um pouco mais e a libido está melhorando; também recebi dois boquete no dia 36 e ejaculei nas duas. Nos dias seguintes conheci uma mulher legal, recebi nudes e etc; decidi passar a evitar esses tipos de contatos ao menos por ora. Às vezes batia uma certa ansiedade. Foi mais do mesmo, alguns dias dormia menos e acordava bem, outros dormia mais e acordava super cansado. O humor ficou estabilizado, não estou super feliz e energético, nem triste e cansado. As dores testiculares sumiram e os flashbacks também. A libido melhorou um pouco... mas não está tão alta. Meu corpo voltou a temperatura normal assim que pararam as dores testiculares e a vontade de ejacular (sem motivos). No final do dia 40 eu senti uma energia, uma facilidade em ser eu mesmo e falar o que queria ou pensava. Foi a primeira vez nesta jornada que senti os "super poderes". Nesta etapa também senti melhoras, alguns dias acordei com uma ereção bem forte.
* Observações: Senti algumas melhoras significativas, mas foi o período em que mais fui exposto a fotos de mulheres peladas ou coisas sensuais e creio que isso me empurrou pra trás um pouco. Foi o primeiro momento em que eu experimentei ficar sem neblina cerebral (brainfog) e sentir os benefícios do nofap de maneira plena, pela que durou apenas algumas horas.

Dia 41 ~ 44: Mais do mesmo... sem "super poderes" quando acordei. Humor estabilizado, a libido está a mesma coisa, sem ânsia alguma em praticar PMO, sem ansiedade ou falta de energia. Tomei um pouco de café neste dia, me deu uma energia bem legal. No dia 42 senti um desejo razoavelmente forte em entrar num site específico (relatos de sexo com vídeos) que sempre me levava a recair, o pensamento retornou algumas vezes no dia, mas resisti.
* Observações: Dias comuns, mais do mesmo, sem coisas positivas nem negativas.

Dia 45 ~ 46: No dia 45 eu finalmente experimentei minha verdadeira personalidade, é uma sensação diferente, de bem estar no seu próprio corpo. Acho que a neblina cerebral (brainfog) está finalmente desaparecendo. Consequentemente, minha disposição para as coisas melhorou. Ao contrário do que acontecia nos dias anteriores, meu corpo está conseguindo coletar energia e no final do dia passei a me sentir bem comigo mesmo. Vale destaque que senti umas dores testiculares também. Em geral: mais confiante, disposto e energético. Não foi uma coisa gritante, mas foram melhoras perceptíveis. No dia 46 eu acordei bem e foi bem parecido com o dia 45, na verdade já acordei bem, ao invés de ir melhorando no decorrer do dia (diferente do dia 45), mas desde o começo do dia estava com aquela vontade de ejacular, meio que me segurando para não gozar, até que fui urinar e saiu um pouco de esperma (sim, ao final da urina, botei a mão e notei um líquido transparente com cheiro de esperma), isso fez com que eu ficasse o resto do dia bem fraco fisicamente.
* Observações: Foi o período em que senti poucas coisas negativas e senti muitas positivas. Por um momento pensei que os sintomas da abstinência (withdrawals) finalmente estavam indo embora. Mas durou pouco...

Dia 47 ~ 54: No dia 47 acordei cansado, a libido estava bem baixa, o que me fez pensar de fato eu cheguei a sair da flatline ou se apenas começei outra. O humor piorou, não estava interessado em socializar com ninguém e contatos sociais me cansavam. Estava fadigado, entediado e até um pouco ansioso. Dormi muito, acordei um pouco indisposto no dia 48 e sem motivação de fazer algo que me fizesse gastar muita energia. Tive alguns flashbacks de vídeos pornos que eu assistia ou de transas que tive. Notei que a rigidez do meu pênis diminuiu durante esse período, as ereções não estavam tão fortes como antes e tive a impressão de que diminuiu até um pouco no tamanho/grossura e minha libido voltou a abaixar. No dia 48 foi a mesma coisa, flashbacks voltando, libido abaixando, vontade de socializar zerada, sem muita motivação, cansaço físico e aquele estado de confusão mental voltou novamente; além do tédio e da sensação de que nada poderia me aliviar do tédio ou me trazer felicidade, a noite, para finalizar, veio tesão e vontade de praticar PMO. Dia 50 foi a mesma coisa, mas o que foi mais intenso foi o tédio e a sensação de que nada me alegrava. Constantes pensamentos de praticar PMO surgiram, principalmene por uma decepção com uma garota que eu estava querendo sair. Dia 51 o cansaço físico diminuiu um pouco, a libido está no zero, o desânimo, a fadiga e a desmotivação estão presentes e os flashbacks permanecem e trazem junto uma força de praticar PMO novamente. No dia 52 foi praticamente a mesma coisa, a diferença é que fui fazer uma limpeza no celular e acabei sendo exposto a umas fotos eróticas, tapei minha visão e deletei todas. Nos dias 52 e 53 recebi nudes. No dia 54 tive um sonho bizarro, sonhei que estava com minha família numa cidade que não conhecia e me deixaram pra trás, acordei chorando, foi bem estranho; recebi nudes no final do dia também. Nos outros dias foram bem parecidos também.
* Observações: Foi um período que regredi, não que as coisas chegaram a um ponto em que estavam excelentes, foi uma segunda onda de flatline que veio com tudo: libido baixa, desânimo, fadiga, pênis diminuiu e ficou mais fino, flashbacks voltaram, nada fazia meu humor ficar melhor, desmotivação, desejo de praticar PMO e voltei a dormir mais tempo e a acordar mais cansado; isso prejudicou minhas corridas de manhã. No decorrer dos dias voltei a tomar café também, comecei a tomar muito e decidi cortar a quantidade.

Dia 55 ~ 64: Meu corpo voltou a ficar quente, a libido estava alterando entre 100% e 0% durante o dia, ainda estava sentindo que minha energia estava sendo sugada e ainda dormia por muito tempo. Era um daqueles dias em que você só quer que o dia passe, o tédio era tão forte que impossibilitava que as coisas que me dão prazer (jogar, assistir séries e ler coisas de sedução) mudassem meu humor para melhor. Foi um dia que senti muitos impulsos em voltar a praticar PMO, a minha mente trouxe vários argumentos usáveis para eu ter uma recaída, mas segui em frente; principalmente porque ia ficar uns dois dias sozinhos e tive algumas rejeições de mulheres (meu maior gatilho pra praticar PMO). Na verdade, eu estava desesperado por sexo, queria preencher a vontade sexual a qualquer custo; é como se você sentisse o tesão queimando você por dentro. Foi a primeira vez que eu me senti assim nesta jornada. No dia 56 o cansaço físico praticamente desapareceu, os flashbacks desapareceram (desde o dia 55 eu não tive nenhum), a libido está estabilizada em baixa, estou com um pouco de raiva e sem paciência e pra falar a verdade completamente sem esperança, até hoje tive apenas dois dias bons, o resto foi uma merda ou normal e a falta de benefícios relacionados a energia e confiança estão me deixando desmotivados de continuar a jornada. Decidi cortar todo tipo de sexting que eu mantinha com minhas amigas também e também parar de visitar relatos de sedução e coisas parecidas.. No dia 57 voltei a normalidade, dormi um tempo razoável, sem grandes desejos de praticar PMO, sem cansaço físico, fadiga, libido ainda baixa, tamanho do pênis está igual, sem muita motivação ou energia, tive alguns poucos flashbacks e etc; tive outro sonho estranho de ter sido abandonado pela minha mãe e eu ir embora de casa. Dia 58, 59 e 60 foi basicamente a mesma coisa, finalmente saí da flatline e minha vida voltou ao mesmo modo que estava antes, sem coisas positivas, nem negativas. No dia 61 acordei bem (e dormi um pouco menos), mas no decorrer do dia fui ficando cansado, entediado e sem paciência. No dia 62 acordei cansado, no decorrer do dia estava me sentindo melhor, até uma hora que fui urinar e saiu um pouco de esperma, então voltei a ficar cansado, com preguiça e desesperançoso. No dia 63 a vontade de gozar a qualquer momento apareceu, tive alguns momentos de baixa, mas em geral foi normal. No dia 64 foi o primeiro dia que eu acordei bem e me senti bem até o final do dia, não senti praticamente nada de negativo. Senti algumas coisas em pontos bem específicos durante esse período: ao final quando ia urinar saia um pouco de esperma e às vezes isso me deixava cansado, uma vontade de ejacular sem qualquer motivo, durange alguns dias acordei com uma ereção matutina, dores no testículos e flashbacks, mas acontecia poucas vezes (quando acontecia) e era bem rápido. Outra coisa que percebi nesse período foi que minha barba, que sempre foi falhada, começou a avançar em alguns pontos onde não tinha cabelo.
* Observações: Apesar da libido ficar por bastante tempo baixa, o meu pênis voltou ao tamanho normal e ficou um pouco mais rígido. Não estava tão duro quanto ficou em dias passados, mas está normal. De pouco em pouco saí do período intenso da flatline e voltei a me sentir normal, sem grandes mudanças para melhor ou pior. Sem libido muito alta, sem desejo de praticar PMO, sem muita motivação e etc. É um período bem frustrante, porque eu sempre fico esperando que as coisas melhorem e nunca parecem chegar. Então, como sempre digo, apenas quero que os dias passem. Ainda não havia recuperado o suficiente para manter as corridas de manhã. No começo senti alguns impulsos de praticar PMO, que praticamente desapareceram com o decorrer dos dias.

Dia 65 ~ 69: Acordei bem, voltei a dormir, e acordei um pouco menos bem. Eu sinto que a cada dia que passa vou acumulando mais energia, minha mente está mais clara (passando aquele estado de indiferença geral e desesperança), minha libido está subindo (minha ereção está melhor e meu pênis voltou a ficar maior e mais grosso), a ansiedade social começou a diminuir (estou começando a me importar menos com o que pensam de mim e me controlo menos sobre o que e quando falar) e estou um pouco mais disposto (com menos procrastinação), enfim, é uma sensação geral de bem estar. É como se eu pudesse acessar (ao menos um pouco) minhas emoções e minha verdadeira personalidade. No dia 66 foi a mesma coisa, exceto que fiz um pouco de sexting (sexo por texto? não sei se essa seria a definição) com uma amiga e ela me mandou umas fotos de calcinha... senti aquela vontade de que poderia ejacular a qualquer momento e um pouco fraco na hora, mas nada demais; talvez ainda não esteja preparado pra esse tipo de coisa e preferi parar, em via das dúvidas. Dia 67 me senti um pouco mais ansioso, quente e impaciente, e senti blueballs (dores testiculares) na academia, mas foi um bom dia também. Os dias 68 tive muito tempo ocioso na faculdade e isso me deixou entediado e ansioso, mas em geral foi um dia bom. O dia 69 acordei muito cansado fisicamente, dormi tarde e acordei um pouco cedo; libido baixa, dores testiculares, notei que quando urinava o cheiro estava diferente e estava saindo esperma. Provavelmente eram os efeitos da retenção de sêmen (hoje fazem 34 dias de hardmode). Para fechar bem o dia 69, entrei num site de relatos de sedução e cai de cara num relato com uma mulher de lingerie, voltei para a pagina principal para ver se o site era seguro ou se só fui zicado no relato errado, e a capa dos links de todos relatos tinham fotos envolvidas (algumas peladas cortando as partes íntimas e outras mostrando os peitos de forma exposta) e quando menos esperava eu soltei um jato de esperma intenso. Bom, não me sinto tão esgotado quanto esperava, mas paciência. Lá se foram 33 dias de hardmode. Quando ejaculei tive o maior desejo de entrar nos relatos e continuar as fotos, mas me controlei. O efeito caçador quase venceu, mas me contive e sai do site.
* Observações: Ainda sentia flashbacks e vontade de ejacular sem motivos, mas nada que fugisse do controle, e também ocorria vez ou outra. Não foi um período que me senti maravilhoso, mas foi a primeira vez que tive um período em que eu não sentia os efeitos negativos em relação a energia, de desânimo, indiferença e de estar "preso" na minha própria mente (maior clareza mental).

Como foi essa jornada: fui exposto algumas vezes, às vezes intencionalmente (nudes de amigas, conversas de sexo e etc.), às vezes não intencionalmente (cenas de sexo em seriados), mas eu nunca considerei uma recaída porque sempre quis fazer do nofap um estilo de vida, de forma que eu mantivesse o mesmo hábito pelo resto da vida. Portanto, é inimaginável que eu não peça/receba nudes de uma namorada, que possivelmente pode se tornar noiva e esposa ou que eu tenha um xilique todas as vezes que aparecer uma cena de sexo num seriado, não é mesmo?

Talvez alguns nem considerem que o que ocorreu seja uma recaída, eu mesmo tenho minhas dúvidas, mas você vai entender meu motivo:

Eu estava no reddit, e como sempre gostei de coisas relacionadas a desenvolvimento pessoal (sexo, sedução, meditação, finanças e estudos) eu estava no subreddit chamado "seduction", e vi o tópico de um cara relatando como conseguiu uma garota, avisando que tinha prints e fotos no relato, eu inocentemente (ou não) entrei no site e imediatamente apareceu uma foto de uma mulher em lingerie. Como era conteúdo sexual eu sai do site e pensei: que porra de site é esse? E notei que todos os relatos tinham minuatura de algo sexual: fotos (amadoras) de garota de calcinha, de lingerie, mostrando as pernas e meio-peladas. Então após eu ver a última eu imediatamente gozei, não consegui nem me controlar.

O efeito caçador e as racionalizações vieram com tudo (você já gozou, que diferença faz se ver mais dessas fotos e se masturbar?, por exemplo), mas como estou com bastante controle, não tive muita dificuldade.

Eu realmente não sei se eu saí do site para ver se era seguro (porque eu gosto de sites que possuam conteúdo de sedução) ou se saí para ter acesso a mais fotos sensuais (porque eu queria ver mais fotos amadoras de garotas). E estou realmente confuso. Provavelmente foi para ter acesso a mais fotos sensuais. Mas sou um (quase ex) viciado, minha opinião não serve de base para nada.

Então, para o bem ou para o mal. Iniciarei novamente a jornada, mirando os 90 dias (cheguei tão perto), depois 120, 180 e depois simplesmente parar de contar e seguir o meu estilo de vida (mais) saudável sem a pornografia. Para quem animou ler os meus relatos diários, vai ver que eu fui exposto, às vezes até a coisas piores do que vi hoje e não resetei. Mas considerando que isso provavelmente não faz parte da vida comum de uma pessoa normal, e também pelo fato de já ter sido exposto algumas vezes na jornada, decidi resetar.

Na próxima farei relatos semanais, acho que ficam mais fáceis, relacionando com os benefícios que eu sentir.

E lá vamos nós.

_______________________________________



Relatos do meu reboot
"Não se comprometa em ser perfeito, se comprometa em fazer mais e melhor!"
Ver o tópico anteriorVoltar ao TopoVer o tópico seguinte
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum