[22 anos] Iniciando hoje, novamente, a estrada do PMO! +história breve

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: [22 anos] Iniciando hoje, novamente, a estrada do PMO! +história breve

Mensagem  Evolutivo em 28/4/2017, 21:58

Para conseguir nosso objetivo de uma vida livre de pornografia devemos abrir mão de algumas coisas. Bloquear sites que contenham gatilhos. Bloquear redes sociais, youtube, sites de busca, sites de torrent e qualquer possibilidade de se deparar com pornografia.

O primeiro passo para se livrar desse mal é admitir nossa IMPOTÊNCIA perante a pornografia. Somos viciados, perdemos o controle. A partir daí o que podemos fazer para tornar impossível o acesso a pornografia? O que podemos fazer para substituir esse prazer virtual por prazeres reais? O que podemos fazer para reensinar o cérebro a ter prazeres com mulheres de carne e osso? São perguntas que devem ser respondidas com sinceridade.

Sem bloqueador você não conseguirá.

E outra coisa, esqueça essa história de ex-viciado. Nós seremos viciados pelo resto da vida, podemos estar em recuperação, mas o vício está la. Nunca seremos capazes de "controlar" nosso uso de pornografia, nunca poderemos ver de maneira saudável. Logo o vício não tem cura, mas tem tratamento, e esse tratamento se chama reboot.

Evolutivo
Moderador
Moderador

Mensagens : 1003
Data de inscrição : 23/05/2015

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [22 anos] Iniciando hoje, novamente, a estrada do PMO! +história breve

Mensagem  Realistico em 29/4/2017, 12:38

O que você falou, concordo e discordo em alguns pontos.

Acho importante sermos um pouco humildes sim durante nossa jornada e evitar o máximo algumas coisas que podem levar a sexualidade. Uma das pessoas que transei na minha pre-jornada inclusive conheci no Tinder, com o tempo percebi que estava me fazendo mais mal do que bem, desinstalei o instagram há muito tempo, assino o feed de poucas pessoas no facebook e parei de atiçar minhas amigas de forma a evitar nudes ou conversas de sexo ao menos até estar 100% (apesar de considerar que isso faz parte da vida de uma pessoa comum). Quanto a isso, aprendi minha lição e iniciei minha nova jornada com o objetivo de manter ela mais limpa possível de qualquer conteúdo sensual.

Concordo quando fala que por sermos viciados em pornografia, nunca poderemos voltar a acessá-la de forma segura. Nosso cérebro pode se adaptar, mas ele está fodido e pode ser que nunca volte ao normal. Eu renunciei a voltar ao loop do vício e em me tornar quem eu era novamente. Não sei a definição de viciado ou ex-viciado, mas uso no sentido de que ex-viciado é quem não mais se sujeita ao ciclo.

Eu não sei se você já conseguiu fazer jornadas maiores ou de ter controle sobre você mesmo, mas o vício não é um bicho de 7 cabeças. É possível vencer se você construir o hábito de lutar contra os desejos, vencer e criar o "efeito vencedor" (recomendo a todos que veja o vídeo do xTED sobre isso, é realmente muito interessante). Não temos que nos submeter a sua força, podemos ser mais forte que qualquer vício, se quisermos.

Mas discordo sobre os bloqueadores: eles podem ser úteis sim no sentido de que pode filtrar o acesso ao site através de uma pesquisa prévia, se eu usasse o bloqueador, eu não teria "recaído" ontem e iniciado outra jornada, já que o próprio site me avisaria que tem teor sexual. É um sistema falho (e muito), mas pode ajudar sim. Agora imaginar que ele vai bloquear toda a pornografia e assim você estará protegido, é uma ilusão, quando a vontade vir você simplesmente vai dar um jeito de burlar ou de acessar por outro meio.

Pra mim, bloqueadores, usados da forma que falei acima, prestam um desserviço em não te ajudar a criar força de vontade e em te impedir de criar o hábito de lutar e vencer os desejos de praticar PMO. Fiz 69 dias, aprendi meus gatilhos e a lidar com eles e foi isso que me fez chegar tão longe. Estou confiante de que conseguirei ir muito mais longe agora e sem grande dificuldade, é só ver como eu "recaí".

Mas agradeço o seu comentário, foi bom para fazer algumas reflexões. Espero ver seu relato de quando tiver realmente curado.

Abraços.


_______________________________________



Relatos do meu reboot
"Não se comprometa em ser perfeito, se comprometa em fazer mais e melhor!"
avatar
Realistico

Mensagens : 28
Data de inscrição : 23/08/2016
Localização : Minas Gerais

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [22 anos] Iniciando hoje, novamente, a estrada do PMO! +história breve

Mensagem  AutoThan em 29/4/2017, 14:15

Realistico escreveu:Concordo quando fala que por sermos viciados em pornografia, nunca poderemos voltar a acessá-la de forma segura. Nosso cérebro pode se adaptar, mas ele está fodido e pode ser que nunca volte ao normal. Eu renunciei a voltar ao loop do vício e em me tornar quem eu era novamente. Não sei a definição de viciado ou ex-viciado, mas uso no sentido de que ex-viciado é quem não mais se sujeita ao ciclo.

Acredito que por meio da explicação científica da plasticidade cerebral realmente não exista uma forma de tornar-se ex-viciado, apenas uma pessoa que já não está envolvida na compulsão causada pela P.M.O, ou então, sofrendo das consequências que ela causa. O certo é que as "vias" de vício em nosso cérebro sempre vão estar presentes, mesmo que enfraquecidas pelo reboot.

"...Agora imaginar que ele vai bloquear toda a pornografia e assim você estará protegido, é uma ilusão, quando a vontade vir você simplesmente vai dar um jeito de burlar ou de acessar por outro meio.

Pra mim, bloqueadores, usados da forma que falei acima, prestam um desserviço em não te ajudar a criar força de vontade e em te impedir de criar o hábito de lutar e vencer os desejos de praticar PMO..."

O fato é que o método determina como indispensável o uso de bloqueadores, e até podemos concordar que eles não são perfeitos, mas dentro do padrão do reboot eles são colocados como uma ferramenta, ou seja, eles não são a única forma de evitar que você tenha uma recaída, existem  em conjunto com os bloqueadores certas atitudes que complementam a eficácia do método, por isso que muitas vezes é plausível a inutilização/eliminação de algo que te faça cair, sem bloqueadores o método não é aplicado corretamente.
Sobre o desserviço realmente não acredito que seja dessa forma, se bem configurados, e com atitudes rígidas eles vão estar sendo a última barreira entre você e a pornografia, quando seu lado humano falhar o bloqueador vai ser o mecanismo que te salva.
Em geral, sempre coloco em minha mente que o melhor bloqueador e mais eficaz é a nossa própria mente, porque se ela estiver de acordo com os princípios do ebook, é certo que em um breve tempo a pessoa irá retomar o controle da vida.

Um abraço e muito sucesso!

_______________________________________



avatar
AutoThan
Moderador
Moderador

Mensagens : 275
Data de inscrição : 05/08/2016
Idade : 18
Localização : Curitiba

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [22 anos] Iniciando hoje, novamente, a estrada do PMO! +história breve

Mensagem  Realistico em 29/4/2017, 18:50

Eu até entendo que é bom promover o livro como um método único, talvez até como uma forma de conseguir dinheiro para manter este site/fórum, mas seja o método lá descrito ou qualquer outro, não existe oráculo a ser seguido quando se trata de vício. A única coisa que deve ser seguida, de fato, é a abstenção do comportamento compulsivo que traz prejuízos manifestos a sua vida.

Então, no final das contas, não importa se você começou a malhar, a correr, a meditar ou a socializar, e sim se você se abstém do comportamento. Claro que isso tudo pode ajudar, e é uma boa oportunidade para aprimorar o estilo de vida, mas são apenas acessórios prescindíveis.

_______________________________________



Relatos do meu reboot
"Não se comprometa em ser perfeito, se comprometa em fazer mais e melhor!"
avatar
Realistico

Mensagens : 28
Data de inscrição : 23/08/2016
Localização : Minas Gerais

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [22 anos] Iniciando hoje, novamente, a estrada do PMO! +história breve

Mensagem  Evolutivo em 29/4/2017, 23:54

Realistico escreveu:O que você falou, concordo e discordo em alguns pontos.

Acho importante sermos um pouco humildes sim durante nossa jornada e evitar o máximo algumas coisas que podem levar a sexualidade. Uma das pessoas que transei na minha pre-jornada inclusive conheci no Tinder, com o tempo percebi que estava me fazendo mais mal do que bem, desinstalei o instagram há muito tempo, assino o feed de poucas pessoas no facebook e parei de atiçar minhas amigas de forma a evitar nudes ou conversas de sexo ao menos até estar 100% (apesar de considerar que isso faz parte da vida de uma pessoa comum). Quanto a isso, aprendi minha lição e iniciei minha nova jornada com o objetivo de manter ela mais limpa possível de qualquer conteúdo sensual.

Concordo quando fala que por sermos viciados em pornografia, nunca poderemos voltar a acessá-la de forma segura. Nosso cérebro pode se adaptar, mas ele está fodido e pode ser que nunca volte ao normal. Eu renunciei a voltar ao loop do vício e em me tornar quem eu era novamente. Não sei a definição de viciado ou ex-viciado, mas uso no sentido de que ex-viciado é quem não mais se sujeita ao ciclo.

Eu não sei se você já conseguiu fazer jornadas maiores ou de ter controle sobre você mesmo, mas o vício não é um bicho de 7 cabeças. É possível vencer se você construir o hábito de lutar contra os desejos, vencer e criar o "efeito vencedor" (recomendo a todos que veja o vídeo do xTED sobre isso, é realmente muito interessante). Não temos que nos submeter a sua força, podemos ser mais forte que qualquer vício, se quisermos.

Mas discordo sobre os bloqueadores: eles podem ser úteis sim no sentido de que pode filtrar o acesso ao site através de uma pesquisa prévia, se eu usasse o bloqueador, eu não teria "recaído" ontem e iniciado outra jornada, já que o próprio site me avisaria que tem teor sexual. É um sistema falho (e muito), mas pode ajudar sim. Agora imaginar que ele vai bloquear toda a pornografia e assim você estará protegido, é uma ilusão, quando a vontade vir você simplesmente vai dar um jeito de burlar ou de acessar por outro meio.

Pra mim, bloqueadores, usados da forma que falei acima, prestam um desserviço em não te ajudar a criar força de vontade e em te impedir de criar o hábito de lutar e vencer os desejos de praticar PMO. Fiz 69 dias, aprendi meus gatilhos e a lidar com eles e foi isso que me fez chegar tão longe. Estou confiante de que conseguirei ir muito mais longe agora e sem grande dificuldade, é só ver como eu "recaí".

Mas agradeço o seu comentário, foi bom para fazer algumas reflexões. Espero ver seu relato de quando tiver realmente curado.

Abraços.


Amigo, "conseguir jornadas maiores" não é carteirada. Mas se você quer saber enfrento diariamente além da PMO, as drogas, em especial a cocaína. E venho me mantendo limpo um dia de cada vez desde meados do ano passado. A pornografia eu tive pouquíssimos lapsos desde que fiz um reboot de 150 dias, e consegui superar todos os efeitos negativos que ela tinha causado em mim. Mas isso não é nenhum pouco importante, estou falando isso, porque parece que é necessário para eu ter credibilidade para você correto?

O que eu aprendi lutando contra a doença da adicção é que força de vontade é inútil, pois a força da doença sempre será maior do que a nossa. Nós não devemos lutar contra nossos impulsos. O que precisamos é de BOA VONTADE para fazer o que é sugerido (nesse caso pelo método como parar?) e o que for necessário para uma vida que se sustente sem o objeto do vício. Lutar contra o vício é inútil, é dar murro em ponta de faca. Bloqueadores configurados de maneira correta são ESSENCIAIS. Eu venho me mantendo limpo só por hoje porque meu PC não entra NEM EM SITES DE BUSCA. Eu abri mão do que foi necessário para não ter acesso a pornografia. Tive fissura, obviamente, mas não recaí porque estava protegido. Assim como estou protegido contra as drogas, quando encontro diariamente outras pessoas com o mesmo problema, quando evito pessoas, lugares e hábitos da ativa, quando busco mudar meus hábitos e me abrir pro novo.

Reboot inclui bloqueio, abstinencia, e religação. Se você não faz um desses três você não vai conseguir se manter limpo por muito tempo. Simples assim.

Evolutivo
Moderador
Moderador

Mensagens : 1003
Data de inscrição : 23/05/2015

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [22 anos] Iniciando hoje, novamente, a estrada do PMO! +história breve

Mensagem  AutoThan em 30/4/2017, 00:07

Olá!
Acabei de ler sua resposta e a do Evolutivo, achei a resposta dele bem completa e fundamental sobre o caso.
Te digo que o processo do reboot é basicamente (com algumas diferenças é claro) a forma que nos livramos de qualquer tipo de vício, e isso é os três pilares básicos da recuperação que o Evolutivo falou:

Reboot inclui bloqueio, abstinencia, e religação. Se você não faz um desses três você não vai conseguir se manter limpo por muito tempo. Simples assim.

Não se trata de uma promoção do livro ou alguma coisa do tipo, isso é apenas o básico pra você se livrar de qualquer vício...

_______________________________________



avatar
AutoThan
Moderador
Moderador

Mensagens : 275
Data de inscrição : 05/08/2016
Idade : 18
Localização : Curitiba

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum