Compartilhe
Ver o tópico anteriorIr em baixoVer o tópico seguinte
avatar
ilCapo
Moderador
Moderador
Mensagens : 412
Data de inscrição : 02/11/2016
Idade : 21
Localização : Corleone, Sicilia

Re: Dia a dia - Diário del Capo

em 25/5/2017, 18:12
Davi51 escreveu:Cara !! li um pouco do seu diário, e me identifiquei muito, o que mais me motiva a fazer o reboot são meus estudos, que sempre estiveram prejudicados devido a PMO!! Vou começar a te acompanhar! Grande abraço fique com Deus

Olá, meu amigo! Obrigado pela presença! Pois é cara, o meu rendimento nos estudos ficou muito ruim por conta da pornografia. Não conseguia estudar sequer 1h, já ficava ansioso pra acabar, já achava muito. O tempo passava muito rápido, e eu nem sentia. Hoje, 1h dá pra fazer bastante coisa, consigo render muito mais do que antes. Sucesso aí na caminhada, brother! Wink

_______________________________________


"FOCO, FORÇA e FÉ"
avatar
Heitor..
Mensagens : 258
Data de inscrição : 05/01/2017

Re: Dia a dia - Diário del Capo

em 25/5/2017, 22:26
Eai icapo, vou passar a te acompanhar tbm, mais um pra te deixar menos carente... kkkk, brincadeiras a parte. Ainda não li todo seu diario mas vou tentar ler ele todo até sábado no máximo mas já me identifiquei muito com sua historia e tals, essa fobia social, carência ansiedade com mulheres e tals, cara continue firme na luta e não desista. ABRAÇOS
avatar
ilCapo
Moderador
Moderador
Mensagens : 412
Data de inscrição : 02/11/2016
Idade : 21
Localização : Corleone, Sicilia

Re: Dia a dia - Diário del Capo

em 27/5/2017, 09:22
Heitor.. escreveu:Eai icapo, vou passar a te acompanhar tbm, mais um pra te deixar menos carente... kkkk, brincadeiras a parte. Ainda não li todo seu diario mas vou tentar ler ele todo até sábado no máximo mas já me identifiquei muito com sua historia e tals, essa fobia social, carência ansiedade com mulheres e tals, cara continue firme na luta e não desista. ABRAÇOS

kkkkkk boa, meu amigo, já tá ajudando mesmo haha Agradeço a visita. Realmente a participação aqui é muito importante, nos instiga a permanecer firmes na luta e sempre focando em nunca mais consumir pornografia. Grande abraço, man. Sucesso no seu Reboot! Wink

_______________________________________


"FOCO, FORÇA e FÉ"
avatar
ilCapo
Moderador
Moderador
Mensagens : 412
Data de inscrição : 02/11/2016
Idade : 21
Localização : Corleone, Sicilia

37 dias sem PMO (Hard Mode)

em 27/5/2017, 09:52
Dia 22/05 ao 27/05

Essa semana foi bem normal. Foi uma semana boa, e consegui me motivar mais para superar os obstáculos que aparecem em minha frente. Acho que detalhar a semana seja pouco útil, mas no geral, eu venho sentindo dificuldades em estudar como eu gostaria, mas não estou deixando de estudar. Sinto-me motivado a superar a dificuldade com as notas na faculdade. Se ao nos depararmos com uma dificuldade, não pararmos nela e enxergarmos esse determinado acontecimento como um obstáculo a ser superado, teremos mais forças para enfrentar nossos desafios. Mentalizar o que se deseja alcançar tem servido muito para mim. Desde que comecei a faculdade, só faço me dar mal, mas vou superar esse problema com muita dedicação e esforço. E como vi numa música do diário do Mr robot: "Não vai chover para sempre".

Com relação a gatilhos e sonhos e vontade de consumir P. Na noite da quinta-feira para sexta-feira, lembro-me de ter tido um sonho erótico com uma menina do Ensino Médio. Eu achava ela bonitinha fisicamente, mas nunca senti vontade de namorar com ela. Ela não faz muito o meu tipo. Tive alguns gatilhos ao longo da semana, mas muito pequenos, os quais tentei logo mudar de pensamento. Não senti vontade alguma de consumir pornografia. O que eu tenho medo é não saber dosar bem a quantidade de estudos e de diversão, acabar me sobrecarregando muito nos estudos, e por algum vacilo cair em PMO. Mas só de escrever, já me motiva a saber como fazer as coisas direito.

Com relação a exercícios e atividades de religação. Na quarta e na sexta, fiz alguns exercícios de força em casa mesmo, e praticamente saí todo dia de casa, seja pra descer com meu cachorro, seja pra missa que eu fui, seja pra somente dar uma pequena volta.

Sinto-me mais calmo ao lidar com minha mãe. Apesar de hoje ela estar bem estressada, e termos, infelizmente, discutido um pouco enquanto levávamos meu cachorro ao veterinário, consegui ficar calado boa parte do tempo e evitar uma discussão maior. Tenho que dar tempo a ela.

Vou partir para os estudos. Espero voltar ainda hoje, mais tarde. Deixo aqui meu sincero desejo de sucesso a todos. Grande abraço! Wink

_______________________________________


"FOCO, FORÇA e FÉ"
avatar
Arqueiro
Mensagens : 667
Data de inscrição : 10/01/2016
Idade : 24

Re: Dia a dia - Diário del Capo

em 27/5/2017, 12:39
bacana irmão, continua firme!!

Forte abraço

_______________________________________


Diario
http://www.comoparar.com/t2365p650-24-arqueiro-de-jesus-fe-coragem

O Reboot é o caminho para um vida livre da pornografia & Jesus Cristo é o caminho para vida eterna!!!
avatar
ilCapo
Moderador
Moderador
Mensagens : 412
Data de inscrição : 02/11/2016
Idade : 21
Localização : Corleone, Sicilia

Re: Dia a dia - Diário del Capo

em 30/5/2017, 18:10
Arqueiro escreveu:bacana irmão, continua firme!!

Forte abraço

Obrigado pela presença, brother! Abração Wink

_______________________________________


"FOCO, FORÇA e FÉ"
avatar
ilCapo
Moderador
Moderador
Mensagens : 412
Data de inscrição : 02/11/2016
Idade : 21
Localização : Corleone, Sicilia

40 dias sem PMO

em 30/5/2017, 18:29
Sábado (27/05/2017): Sábado foi massa! Resolvi ir ao cinema, e chamei dois amigos meus. Fomos ao shopping e assistimos Piratas do Caribe. Foi muito bom pra relaxar a mente, ver pessoas, sair de casa e fazer algo de diferente, pois há muito tempo mesmo que eu não ia nem ao shopping nem ao cinema. Enfim, foi muito massa!

Domingo (28/05/2017): O domingo inteiro passei fora de casa. Saí as 9h voltei as 21h30. Fui para um retiro do grupo da igreja que eu participo. Fomos a missa de manhã cedo, e, depois ficamos numa casa, onde aconteceu o retiro. No geral, foi um momento muito [MUITO] bacana mesmo, pois trocamos muitas experiências concretas sobre como nós tentamos viver o evangelho em nossas vidas, e no final, cada um de nós (somos 10 ao todo) falou um pouco sobre os pontos positivos e pontos negativos de cada um do grupo. Isso ajuda bastante a melhorar aspectos da vida que precisam ser melhorados.

Avaliação geral sobre mim:

1) A procrastinação está relativamente alta. Disposição para estudar está muito baixa, bem como a organização da vida em geral. Tenho duas provas sexta-feira, já estudei há um tempo antes, mas até agora não revisei praticamente nada. E estou mesmo bem perdido com relação aos meus estudos. E desorganizado. Procurarei outras fontes para mudar essa situação. Os passeios com meu cachorro estão desorganizados, mas não passo mais de dois dias sem passear com ele.

2) A autoestima está muito boa. Estou muito bem comigo mesmo e com a minha vida como um todo. Fico muito contente com a dedicação que venho tendo com meu cachorro, e por isso tenho recebido muito carinho dele em troca. Afinal, pra mim, que quero ter filho, é quase um estágio pra paternidade. Estou fazendo exercício físico em casa mesmo, e isso também deve estar aumentando minha autoestima e melhorado meu humor.

3) A minha participação no Fórum e a releitura do e-book não estão como eu gostaria. Não participei aqui nem domingo nem segunda, e também faz tempo que eu queria ler o e-book e eu não consegui. Tenho medo de quebrar a disciplina o experimento, afinal o Reboot é PRA SEMPRE.

4) O relacionamento com as mulheres está muito fraco. Só tenho uma amiga na faculdade, muito gente fina por sinal, mas fora ela, não tenho me relacionado mesmo com outras meninas. É um ponto que eu tenho muita vontade de melhorar, mas não tenho feito nada para mudar. E não tenho muita perspectiva pro futuro. Só sei que quero fazer aula de dança, e a minha matricula na escola de dança não passará de julho.

No geral, percebo que não tenho motivos para reclamar de minha vida. Tenho que ajustar esse aspectos que falei, para reorganizar as coisas e seguir bem com minha vida. No mais, é isso. Deixo aqui meu grande abraço a todos!

_______________________________________


"FOCO, FORÇA e FÉ"
avatar
ilCapo
Moderador
Moderador
Mensagens : 412
Data de inscrição : 02/11/2016
Idade : 21
Localização : Corleone, Sicilia

Re: Dia a dia - Diário del Capo

em 30/5/2017, 18:54


"Sono uno di quelli che quando prova lo fa
Rischiando davvero e se la cosa non va
Va bene lo stesso
Valeva la pena di perdere
E l'ho fatto adesso
Gioco tutto vinco o perdo"

(Tradução livre:)

"Sou um daqueles que quando tenta faz
Arriscando mesmo e se a coisa não vai
De qualquer forma tudo bem
Valeu a pena perder
E foi o que eu fiz agora
Jogo tudo, venço ou perco"

_______________________________________


"FOCO, FORÇA e FÉ"
avatar
ilCapo
Moderador
Moderador
Mensagens : 412
Data de inscrição : 02/11/2016
Idade : 21
Localização : Corleone, Sicilia

50 dias sem PMO

em 7/6/2017, 20:58
Passando pra atualizar os dias. Tou vivo na luta. Lendo o e-book. Ao mesmo tempo estou bastante desorganizado com a faculdade, e meio ansioso, pois estou com dificuldade de cumprir com minhas atividades. Seguindo na luta.

_______________________________________


"FOCO, FORÇA e FÉ"
avatar
ilCapo
Moderador
Moderador
Mensagens : 412
Data de inscrição : 02/11/2016
Idade : 21
Localização : Corleone, Sicilia

53 dias sem PMO - Hard Mode

em 11/6/2017, 19:59
Com relação ao vício em PMO, posso considerar que está controlado. No entanto estou tendo atitudes muito contra produtivas, que quando eu comecei pela primeira vez a fazer o Reboot eu simplesmente exclui da minha vida, como ficar assistindo televisão sozinho a noite e acessar o Youtube no meu computador dentro do meu quarto. Esses dois hábitos, que eu fazia constantemente, no meu primeiro experimento eu simplesmente exclui, mas agora, estou me permitindo fazer isso, e não acho que esteja me fazendo bem. Vez ou outra eu fico navegando a esmo na internet, o que é pessimamente ruim.

Na verdade, estou bastante perdido com relação a minha vida. Minha faculdade está muito ruim, estou com bastante coisa atrasada. Minha vida está bastante desorganizada, estou sem passear com meu cachorro há uma semana, estou sem foco, determinação e coragem. Lembro-me o que quanto eu já fui determinado, focado e corajoso em fazer as coisas, mas esse cara parece estar adormecido dentro de mim.

O Fórum foi o responsável para eu dar uma mudada completa em minha vida, com certeza. Se hoje eu me considerar ruim, eu me consideraria muito pior se eu estivesse mergulhado no mundo da pornografia, e eu não estou. E isso para mim é motivo de muita satisfação e alegria. Ficar sem pornografia, era, no mínimo, uma das coisas mais importantes que eu queria fazer na minha vida, e aqui estou eu.

Talvez mudar algumas atitudes, alguns hábitos ruim, organizar-me melhor, ter mais objetivo, procurar por mais foco. Parece que eu sei tudo o que eu tenho que fazer, mas eu simplesmente não sei como fazer. em algo dentro de mim que me impede de tomar as atitudes corretas. Eu oro, peço a ajuda a Deus, falo comigo mesmo, reflito sobre minha vida, mas parece que nada tem adiantado. Eu estou absolutamente ferrado com uma cadeira da universidade, que eu sinceramente não gostaria de reprovar, mas não sei se de fato conseguirei fazer o contrário. Estou lutando, sei que é preciso acreditar, mas tem aquela voz dizendo "você não vai conseguir".

As crises sempre passam. Isso é só uma fase. Todos dizem isso. Eu também já estive bem no fundo do poço, viciado em pornografia. Me masturbava todo dia, vendo vídeos pornô e a cada sessão de pornografia, eu sentia que estava acabando comigo mesmo, com a minha vida. Talvez essa dificuldade que eu venho enfrentando seja a vida, nua e crua, como ela é. E tomara que seja isso mesmo. Não sei se ainda posso relacionar essas minhas dificuldades com o vício em PMO, uma vez que já tem um tempo considerável que eu não consumo P. Mas estou na luta.

Lembro-me, sem cessar, que o contrário de "Vitória" não é "Fracasso", mas sim "Desistir". Uma coisa estou certo: não irei desistir nunca. Quero fazer dessa dificuldade uma história para eu contar. Eu escolhi fazer um curso superior o qual eu me identificava bastante, mas desde o início eu só venho tendo dificuldades com o curso. Mas lá no futuro, isso será uma história para eu contar pros meus filhos. Isso, de fato, eu quero fazer. Fazer das dificuldades obstáculos para serem superados. Ainda que eu reprove essa cadeira, mas eu voltarei mais forte da próxima vez para contribuir com a sociedade. Tenho muito esse desejo dentro de mim, de fazer a diferença aonde eu passar, mas hoje sinto-me um zero à esquerda, um Zé ninguém. Mas são apenas momentos, eles vão passar. Ainda cantarei a música de Capital Inicial: "São águas passadas, escolha uma estrada e não olhe, não olhe pra trás".

_______________________________________


"FOCO, FORÇA e FÉ"
avatar
Davi51
Mensagens : 114
Data de inscrição : 06/03/2017

Re: Dia a dia - Diário del Capo

em 11/6/2017, 21:11
Falaa mano, tbm estou tendo problema com os estudos, mas diferente de você estou afundado no vício ainda, além de fazer cursinho... Não tenho dúvidas da sua capacidade, alguém que fica mais de 50 dias longe da pornografia sem dúvidas terá um futuro brilhante! Essa dificuldade faz parte do processo, ela só te deixa mais forte! Grande abraço

_______________________________________

Meu diário:
http://www.comoparar.com/t4765-outra-vez
avatar
ilCapo
Moderador
Moderador
Mensagens : 412
Data de inscrição : 02/11/2016
Idade : 21
Localização : Corleone, Sicilia

Re: Dia a dia - Diário del Capo

em 12/6/2017, 15:07
Davi51 escreveu:Falaa mano, tbm estou tendo problema com os estudos, mas diferente de você estou afundado no vício ainda, além de fazer cursinho... Não tenho dúvidas da sua capacidade, alguém que fica mais de 50 dias longe da pornografia sem dúvidas terá um futuro brilhante! Essa dificuldade faz parte do processo, ela só te deixa mais forte! Grande abraço

Força, meu irmão! Não sei os problemas que você está enfrentando, mas sei o quanto o vício acaba conosco. Luta para tirar a pornografia da tua vida, meu irmão. Às vezes essas épocas acontecem para nós aprendermos e sairmos dela mais fortes, prontos pra luta. Sucesso pra você também, cara!

_______________________________________


"FOCO, FORÇA e FÉ"
avatar
ilCapo
Moderador
Moderador
Mensagens : 412
Data de inscrição : 02/11/2016
Idade : 21
Localização : Corleone, Sicilia

58 dias sem PMO

em 16/6/2017, 11:37
Na tentativa de fazer uma auto-análise sincera, eu percebo que ao invés de meu preocupar mais com os dias que se passam sem PMO eu devo preocupar-me mais em estar com minha mente limpa das fantasias e das tentações, dos gatilhos que nos deparamos vez ou outra na rua ou na internet. Sendo bem sincero, eu ainda estou caindo no mesmo erro de apenas estudar e não investir tanto em atividades de religação, principalmente pra conhecer pessoas novas. Nisso, eu fico entediado, e vez ou outra tenho vontade de me masturbar. Mas a masturbação para mim é um gatilho muito forte para voltar para P, então eu me controlo. Mas sinto que esse controle é simplesmente forçado, ao invés de ser um controle consciente. E um controle forçado é muito ruim, porque a qualquer momento você sente que vai cair, porque você não está com uma base sólida para manter-se firme sem se masturbar, e consequentemente, ver pornografia.

É muito saudável para a mente ler o e-book, escrever no seu diário daqui do Fórum, ou ler os blogs do Toguro ou do Magrão. Fazer isso constantemente é um exercício muito bom para nós, porque eu vejo que sem fazer isso, eu me permito deixar levar muito mais pelos gatilhos do que se eu estivesse com a disciplina de ler o e-book ou participar do Fórum, por exemplo. Deixar a TV de lado, usar o computador somente para estudos, bloquear o acesso ao Youtube, bloquear as redes sociais, limitar o acesso ao Whatsapp é essencial para manter-se controlado do vício em PMO, e o mais importante, ter uma vida mais produtiva. Ainda que a Internet e as redes sociais facilitem demasiado nossas vidas, é necessário um controle sobre elas, pois do contrário a utilizaremos sem nenhum propósito, e mais cedo ou mais tarde, vamos cair por conta de um gatilho.

_______________________________________


"FOCO, FORÇA e FÉ"
avatar
Marco
Mensagens : 1131
Data de inscrição : 09/01/2017

Re: Dia a dia - Diário del Capo

em 19/6/2017, 19:57
Meu amigo, como estás?

Enriquecedor todos os relatos que você colaciona aqui no Fórum. Por favor, continue participando pois ganhamos muito com sua presença aqui.

Você percebeu como nós temos auto e baixos constantes travando essa luta? Você relata momentos bem pra baixo e outros momentos de boa autoestima, de segurança e confiança. Acontece comigo também e com muitos outros. O importante é continuar atravessando o deserto, como diz uma frase do ebook.

Gostei muito disso que escreveu de modo que vou guardá-lo para mim. Fique com Deus e um grande abraço.

Il Capo escreveu:Lembro-me, sem cessar, que o contrário de "Vitória" não é "Fracasso", mas sim "Desistir". Uma coisa estou certo: não irei desistir nunca. Quero fazer dessa dificuldade uma história para eu contar. Eu escolhi fazer um curso superior o qual eu me identificava bastante, mas desde o início eu só venho tendo dificuldades com o curso. Mas lá no futuro, isso será uma história para eu contar pros meus filhos. Isso, de fato, eu quero fazer. Fazer das dificuldades obstáculos para serem superados. Ainda que eu reprove essa cadeira, mas eu voltarei mais forte da próxima vez para contribuir com a sociedade. Tenho muito esse desejo dentro de mim, de fazer a diferença aonde eu passar, mas hoje sinto-me um zero à esquerda, um Zé ninguém. Mas são apenas momentos, eles vão passar. Ainda cantarei a música de Capital Inicial: "São águas passadas, escolha uma estrada e não olhe, não olhe pra trás".

_______________________________________
"Expecta Dominum viriliter age et confortetur cor tuum et sustine Dominum"

 

avatar
ilCapo
Moderador
Moderador
Mensagens : 412
Data de inscrição : 02/11/2016
Idade : 21
Localização : Corleone, Sicilia

Re: Dia a dia - Diário del Capo

em 19/6/2017, 21:12
Marco escreveu:Meu amigo, como estás?

Enriquecedor todos os relatos que você colaciona aqui no Fórum. Por favor, continue participando pois ganhamos muito com sua presença aqui.

Você percebeu como nós temos auto e baixos constantes travando essa luta? Você relata momentos bem pra baixo e outros momentos de boa autoestima, de segurança e confiança. Acontece comigo também e com muitos outros. O importante é continuar atravessando o deserto, como diz uma frase do ebook.

Gostei muito disso que escreveu de modo que vou guardá-lo para mim. Fique com Deus e um grande abraço.

Il Capo escreveu:Lembro-me, sem cessar, que o contrário de "Vitória" não é "Fracasso", mas sim "Desistir". Uma coisa estou certo: não irei desistir nunca. Quero fazer dessa dificuldade uma história para eu contar. Eu escolhi fazer um curso superior o qual eu me identificava bastante, mas desde o início eu só venho tendo dificuldades com o curso. Mas lá no futuro, isso será uma história para eu contar pros meus filhos. Isso, de fato, eu quero fazer. Fazer das dificuldades obstáculos para serem superados. Ainda que eu reprove essa cadeira, mas eu voltarei mais forte da próxima vez para contribuir com a sociedade. Tenho muito esse desejo dentro de mim, de fazer a diferença aonde eu passar, mas hoje sinto-me um zero à esquerda, um Zé ninguém. Mas são apenas momentos, eles vão passar. Ainda cantarei a música de Capital Inicial: "São águas passadas, escolha uma estrada e não olhe, não olhe pra trás".

Grande Marcão! Verdade, meu brother, temos muito disso, e por incrível que pareça, eu não consigo por mim mesmo perceber que esses altos e baixos fazem parte da vida, que são simplesmente normais. E ao invés de continuar atravessando o deserto, às vezes bate aquela vontade de desistir de tudo. Isso é a vida real.

Obrigado pela presença cara, sempre contribuindo pra com esses insights que você manda. Grande abraço cara. Foi mals não estar acompanhando teu diário cara, mas vou mudar isso aí! Fica com Deus Wink

_______________________________________


"FOCO, FORÇA e FÉ"
avatar
ilCapo
Moderador
Moderador
Mensagens : 412
Data de inscrição : 02/11/2016
Idade : 21
Localização : Corleone, Sicilia

61 dias sem PMO

em 19/6/2017, 21:20
Sendo bem sincero, não sei o que escrever. Estou passando para não perder a contagem e atualizar o diário, pra dar o "ar da graça". Devo dizer que, sinceramente, estou meio perdido nas coisas da vida, em tudo no geral. Apesar de estar bem comigo mesmo, satisfeito com minha vida, estou perdido. Na minha cabeça só me vem "não sei o que estou fazendo", "pra que estou fazendo isso", "porque eu faço isso". Só perguntas, dúvidas et cetera . A minha vontade nesse exato momento é viver o que diz a música de Supercombo: "Eu devia sorrir mais, abraçar meus pais, viajar o mundo e socializar". Queria fazer tudo isso intensamente. Mas na vida real, parece que tá meio difícil de fazer isso no momento. De qualquer forma, estou disposto a mudar de vida, investir mais em mim mesmo. Dei um primeiro passo pra mudança começando a ler o e-book novamente, desde sexta, e quero fazer isso amanhã, e nos outros dias. Ler o e-book pra mim foi essencial, então me esforçarei para fazer isso. Tenho vontade de mudar, fazer algo novo, fazer planos, mas a vida parece um "torpor" [hmmm, que palavra difícil]. Mas estamos aí, na luta. Sempre! No pain no gain

_______________________________________


"FOCO, FORÇA e FÉ"
avatar
ilCapo
Moderador
Moderador
Mensagens : 412
Data de inscrição : 02/11/2016
Idade : 21
Localização : Corleone, Sicilia

61 dias sem P

em 21/6/2017, 13:39
20.06.17

Acabei de me masturbar. Sinceramente, eu tenho um certo receio com relação à masturbação, por não conseguir desassociá-la da pornografia, porém desta vez foi diferente. Simplesmente me masturbei, sem me deparar com nenhum material pornográfico ou que fosse semelhante à pornografia. Fiz de modo que fosse rápido, da mesma forma que recomenda o e-book. Ainda assim fico com um certo receio. Eu realmente tenho medo de retornar para a pornografia, e espero que isso não seja uma brecha. Apesar da masturbação em si não fazer mal, eu ainda acho melhor evitar ao máximo a masturbação, para evitar se deixar levar por outros pensamentos.

Hoje o dia não foi muito produtivo nos estudos, apesar de eu ter feito bastante coisa. Fui ao médico para tratar de uma faringite, voltei, li 40 minutos do e-book, em seguida fui passear com meu cachorro. Quando voltei, fiz meus exercícios físicos em casa mesmo, me alimentei direitinho e fui fazer um trabalho para quinta (amanhã). Estudei em torno de 2h30, o que foi bem pouco, mas foi melhor do que nada. Eu estou com um receio de que estou abrindo muitas brechas com relação a disciplina, com relação a me policiar para não ficar à esmo na internet, a evitar alguns gatilhos, e percebo que esse é um ponto que eu preciso melhorar comigo mesmo e começar a implementar as mudanças aos poucos. Ler o e-book me ajuda demais a estar bem comigo mesmo e a estar com uma autoestima elevada, por isso pretendo relê-lo novamente e me disciplinar para não deixar de fazer isso.

Eu me sinto bastante perdido na vida, sobre o que fazer, como fazer, porquê fazer as coisas que eu faço, mas eu espero estar alterando essa situação. O meu receio é ficar “dependente” do e-book “para sempre”, sem conseguir tomar um rumo da minha vida. Mas vai que é algo normal para todos nós que somos ou fomos viciados em pornografia.

Como eu estou fazendo um Reboot novamente, eu percebo, sinceramente, que ele poderia estar melhor, do ponto de vista do meu cérebro e não necessariamente em função dos dias que eu fico sem consumir P. Estou me esforçando bastante para ler o e-book – apesar de achar um pouco chato estar lendo o mesmo material umas quatro vezes e não passar para materiais mais profundos – e continuarei a fazê-lo. De uma forma ou de outra, reciclar a leitura sempre faz lembrar de uma coisa que estava esquecida em nossa mente. Mas por outro lado, eu acabo esnobando um pouco do e-book e me achando como se eu já soubesse de tudo, e tenho eu um certo receio que esses sentimentos não sejam tão bons para meu Reboot. Mas estou seguindo a vida, ou “deixa[ndo] a vida me levar”, e mesmo assim acho que estou relativamente bem. Não sei, mas só o fato de estar vivo já me deixa satisfeito comigo mesmo, sabe... E agradeço muito a Deus por estar vivo, e acho isso muito importante. Venho descobrindo que, apesar de alguns vezes ambiciosos, os seres humanos não precisam de muita coisa para serem felizes: às vezes um ou dois filhos pra cuidar, uma esposa bonita para amar, um cachorro (talvez), um violão para tocar umas músicas, uns aparelhos de ginástica para manter a saúde, e muitos amigos legais para conversar. O que transcende a isso é dispensável, podemos viver felizes sem.

Uma coisa bastante clara que eu pude perceber é que as fantasias que eu tinha, como se fossem ainda um resquício das minhas longas sessões de pornografia, praticamente sumiram, não existem mais. Talvez seja um sinal de que a masturbação fora mesmo limpa. Mas de qualquer forma isso é um motivo que me deixa bem alegre. Uma outra coisa que eu percebi mudar em mim foi a percepção sobre as mulheres: antes eu queria encontrar uma parceira só por motivos carnais, de sexo, mas hoje eu vejo a consciência que eu tenho de que o sexo é muito importante, de que é importante ter uma mulher bonita, mas se o relacionamento se basear na “beleza pela beleza”, ou seja, “na carne pela carne”, e estendendo-se, “no sexo pelo sexo”, o relacionamento não durará muito. Ou se durar, não acho que seria um relacionamento pleno. Eu quero muito fazer sexo, afinal sou virgem e principalmente ultimamente que parece que eu estou numa fissura do caramba, mas se for somente “sexo pelo sexo”, como eu antigamente pensava, não será tão interessante. Um relacionamento é muito mais do que sexo, mas não era assim que eu via antes. Eu até tentava enxergar por este prisma, mas não conseguia, a pornografia não deixava.

Quero estabelecer outra meta: escrever todos os dias no meu diário, um parágrafo, pelo menos. Quero, além disso, escrever no diário dos outros Rebooters, para ajudar e ser ajudado. Era assim que eu fazia, e significava muito para mim.

_______________________________________


"FOCO, FORÇA e FÉ"
avatar
ilCapo
Moderador
Moderador
Mensagens : 412
Data de inscrição : 02/11/2016
Idade : 21
Localização : Corleone, Sicilia

62 dias sem P

em 21/6/2017, 14:30
Ontem eu me masturbei duas vezes, mas o fiz sem P e sem fantasias. Creio que foi limpo, mas como falei, sempre tenho um pé atrás com a masturbação, não acho que seja bom de se fazer. Espero tirar algum aprendizado disso. Parece que foi coincidência, mas eu tava precisando muito, muito de um texto para me motivar, para me reerguer, e parei no diário do Victor Lord com um texto top que só fez me ajudar e me deu vontade de escrever aqui. O fato é que eu estou fraco. Entro na internet e parece que estou procurando algum gatilho de P, e senti vontade de consumir P logo menos, mas me esforçarei bastante para não fazê-lo. Sinceramente, acredito que as coisas que eu vinha aprendendo foram enferrujadas, e só de ler dois diários aqui, o do Victor Lord e o do Marco, as coisas parece que já se estabilizaram.

O que eu vou fazer agora é não acessar o Youtube no meu computador, e não ver a televisão. Preciso também bloquear alguns canais da TV, pois por incrível que pareça, até mesmo uns programas de cirurgias plásticas contém gatilhos para nós. É uma coisa que eu necessito fazer. Eu estava claramente racionalizando sobre "já que o Reboot tá ruim, melhor zerar tudo mesmo". Mas revi que isso não é nada produtivo, que só faz mal.

Eu preciso urgentemente estudar hoje, mas quando terminar, retornarei ao Fórum para participar. Acredito que um dos meus vacilos fora ter deixado de participar do Fórum. Preciso também ocupar minha mente com os aprendizados do e-book, ou dos blogs do Magrão e do Toguro.

O que eu sinto é que pelo fato de já ter lido o e-book, e os blogs do Magrão e do Toguro várias vezes, eu não preciso mais lê-los. Não sei se é, mas creio que isso é mais outra racionalização contra-produtiva para o experimento, e não permitirei ela tomar conta de mim.

Enfim, percebo que fiquei um pouco mais motivado para seguir a vida, mas me lembro também que é preciso sempre ter FOCO e DETERMINAÇÃO para fazer as coisas, só não sei se conseguirei implementá-las. Quero voltar a participar do Fórum!!!

_______________________________________


"FOCO, FORÇA e FÉ"
avatar
Marco
Mensagens : 1131
Data de inscrição : 09/01/2017

Re: Dia a dia - Diário del Capo

em 21/6/2017, 22:03
ilCapo escreveu:
20.06.17

Acabei de me masturbar. Sinceramente, eu tenho um certo receio com relação à masturbação, por não conseguir desassociá-la da pornografia, porém desta vez foi diferente. Simplesmente me masturbei, sem me deparar com nenhum material pornográfico ou que fosse semelhante à pornografia. Fiz de modo que fosse rápido, da mesma forma que recomenda o e-book. Ainda assim fico com um certo receio. Eu realmente tenho medo de retornar para a pornografia, e espero que isso não seja uma brecha. Apesar da masturbação em si não fazer mal, eu ainda acho melhor evitar ao máximo a masturbação, para evitar se deixar levar por outros pensamentos.

Hoje o dia não foi muito produtivo nos estudos, apesar de eu ter feito bastante coisa. Fui ao médico para tratar de uma faringite, voltei, li 40 minutos do e-book, em seguida fui passear com meu cachorro. Quando voltei, fiz meus exercícios físicos em casa mesmo, me alimentei direitinho e fui fazer um trabalho para quinta (amanhã). Estudei em torno de 2h30, o que foi bem pouco, mas foi melhor do que nada. Eu estou com um receio de que estou abrindo muitas brechas com relação a disciplina, com relação a me policiar para não ficar à esmo na internet, a evitar alguns gatilhos, e percebo que esse é um ponto que eu preciso melhorar comigo mesmo e começar a implementar as mudanças aos poucos. Ler o e-book me ajuda demais a estar bem comigo mesmo e a estar com uma autoestima elevada, por isso pretendo relê-lo novamente e me disciplinar para não deixar de fazer isso.

Eu me sinto bastante perdido na vida, sobre o que fazer, como fazer, porquê fazer as coisas que eu faço, mas eu espero estar alterando essa situação. O meu receio é ficar “dependente” do e-book “para sempre”, sem conseguir tomar um rumo da minha vida. Mas vai que é algo normal para todos nós que somos ou fomos viciados em pornografia.

Como eu estou fazendo um Reboot novamente, eu percebo, sinceramente, que ele poderia estar melhor, do ponto de vista do meu cérebro e não necessariamente em função dos dias que eu fico sem consumir P. Estou me esforçando bastante para ler o e-book – apesar de achar um pouco chato estar lendo o mesmo material umas quatro vezes e não passar para materiais mais profundos – e continuarei a fazê-lo. De uma forma ou de outra, reciclar a leitura sempre faz lembrar de uma coisa que estava esquecida em nossa mente. Mas por outro lado, eu acabo esnobando um pouco do e-book e me achando como se eu já soubesse de tudo, e tenho eu um certo receio que esses sentimentos não sejam tão bons para meu Reboot. Mas estou seguindo a vida, ou “deixa[ndo] a vida me levar”, e mesmo assim acho que estou relativamente bem. Não sei, mas só o fato de estar vivo já me deixa satisfeito comigo mesmo, sabe... E agradeço muito a Deus por estar vivo, e acho isso muito importante. Venho descobrindo que, apesar de alguns vezes ambiciosos, os seres humanos não precisam de muita coisa para serem felizes: às vezes um ou dois filhos pra cuidar, uma esposa bonita para amar, um cachorro (talvez), um violão para tocar umas músicas, uns aparelhos de ginástica para manter a saúde, e muitos amigos legais para conversar. O que transcende a isso é dispensável, podemos viver felizes sem.

Uma coisa bastante clara que eu pude perceber é que as fantasias que eu tinha, como se fossem ainda um resquício das minhas longas sessões de pornografia, praticamente sumiram, não existem mais. Talvez seja um sinal de que a masturbação fora mesmo limpa. Mas de qualquer forma isso é um motivo que me deixa bem alegre. Uma outra coisa que eu percebi mudar em mim foi a percepção sobre as mulheres: antes eu queria encontrar uma parceira só por motivos carnais, de sexo, mas hoje eu vejo a consciência que eu tenho de que o sexo é muito importante, de que é importante ter uma mulher bonita, mas se o relacionamento se basear na “beleza pela beleza”, ou seja, “na carne pela carne”, e estendendo-se, “no sexo pelo sexo”, o relacionamento não durará muito. Ou se durar, não acho que seria um relacionamento pleno. Eu quero muito fazer sexo, afinal sou virgem e principalmente ultimamente que parece que eu estou numa fissura do caramba, mas se for somente “sexo pelo sexo”, como eu antigamente pensava, não será tão interessante. Um relacionamento é muito mais do que sexo, mas não era assim que eu via antes. Eu até tentava enxergar por este prisma, mas não conseguia, a pornografia não deixava.

Quero estabelecer outra meta: escrever todos os dias no meu diário, um parágrafo, pelo menos. Quero, além disso, escrever no diário dos outros Rebooters, para ajudar e ser ajudado. Era assim que eu fazia, e significava muito para mim.

Sua benção Padrinho...

kkk I aí Don Corleone?

Primeiramente parabéns por ter chegado até aqui. Você é um campeão definitivo dessa luta.

Parabéns por ter eliminado as fantasias e pela mudança de visão em relação as mulheres. Isso prova que seu processo de limpeza foi bem profundo e eficaz. A questão das fantasias me incomoda muito, muito mesmo. Porque é como se seu consciente estivesse em uma queda de braço com seu inconsciência. A pessoa sabe perfeitamente que fantasias são irreais, falsas e não prestam, mas o cérebro continua as produzindo mesmo assim. Ver que você praticamente eliminou as fantasias me dá um pouco de esperança pro meu caso.

Seu projeto de futuro ideal também me basta. Não tem pra que desejar mais do que isso. Talvez eu queira mais filhos.. Very Happy

Eis que chegamos a questão: será que ficaremos dependentes do reboot? Eu creio que não meu amigo. Eu creio que o reboot se encerra quando ele nos devolve o domínio sobre o nosso vício. E o que seria isso? Talvez seja quando não nos sentimos mais ameaçados por qualquer coisa que tenha peitos e bundas, pois ver isso será inevitável. Teremos o domínio quando pudermos sentar no sofá e assistir game of thrones sem problema. Sei lá, em algum momento não deveremos estar preso a teoria do reboot.

Agora, por outro lado o princípio da religação é algo que tem independência da teoria do reboot e pode ser levado para muitas outras esferas de nossas vidas. Isso eu quero fazer. Não quero perder nunca mais essa necessidade de sair de minha zona de conforto e me religar à vida real cada vez mais.

Entendo sua estagnação. É coisa do reboot e da vida real. Cabe a nós nos mexermos e nos transformarmos. Hoje três coisas mudariam minha vida singularmente: 1) arrumar uma namorada; 2) arrumar um emprego; 3) arrumar uma pós-graduação. Alguma dessas coisas eu sonho em conseguir ainda no reboot. O que mudaria tua vida Il Cappo? Já pensasse nisso? O que lhe tiraria da estagnação? Talvez não seja porque nós não sabemos o que queremos, mas porque acreditemos que o que queremos não é possível de ser alcançado de imediato e com isso deixemos nossos sonhos ao acaso e à sorte, e ao "Deus dará".

Minha falha no meu último reboot foi não ter me mexido. Precisamos nos mexer meu amigo. Sair da zona agradável. Não podemos deixar que a zona do indiferentismo seja ela mesma nossa zona de conforto.

Abraço e sucesso!

_______________________________________
"Expecta Dominum viriliter age et confortetur cor tuum et sustine Dominum"

 

avatar
Marco
Mensagens : 1131
Data de inscrição : 09/01/2017

Re: Dia a dia - Diário del Capo

em 21/6/2017, 22:05
Tenho uma sugestão de leitura: "A idade decisiva" de Meg Jay. Espero que goste.

_______________________________________
"Expecta Dominum viriliter age et confortetur cor tuum et sustine Dominum"

 

avatar
ilCapo
Moderador
Moderador
Mensagens : 412
Data de inscrição : 02/11/2016
Idade : 21
Localização : Corleone, Sicilia

Re: Dia a dia - Diário del Capo

em 22/6/2017, 18:51
Marco escreveu:
ilCapo escreveu:
20.06.17

Acabei de me masturbar. Sinceramente, eu tenho um certo receio com relação à masturbação, por não conseguir desassociá-la da pornografia, porém desta vez foi diferente. Simplesmente me masturbei, sem me deparar com nenhum material pornográfico ou que fosse semelhante à pornografia. Fiz de modo que fosse rápido, da mesma forma que recomenda o e-book. Ainda assim fico com um certo receio. Eu realmente tenho medo de retornar para a pornografia, e espero que isso não seja uma brecha. Apesar da masturbação em si não fazer mal, eu ainda acho melhor evitar ao máximo a masturbação, para evitar se deixar levar por outros pensamentos.

Hoje o dia não foi muito produtivo nos estudos, apesar de eu ter feito bastante coisa. Fui ao médico para tratar de uma faringite, voltei, li 40 minutos do e-book, em seguida fui passear com meu cachorro. Quando voltei, fiz meus exercícios físicos em casa mesmo, me alimentei direitinho e fui fazer um trabalho para quinta (amanhã). Estudei em torno de 2h30, o que foi bem pouco, mas foi melhor do que nada. Eu estou com um receio de que estou abrindo muitas brechas com relação a disciplina, com relação a me policiar para não ficar à esmo na internet, a evitar alguns gatilhos, e percebo que esse é um ponto que eu preciso melhorar comigo mesmo e começar a implementar as mudanças aos poucos. Ler o e-book me ajuda demais a estar bem comigo mesmo e a estar com uma autoestima elevada, por isso pretendo relê-lo novamente e me disciplinar para não deixar de fazer isso.

Eu me sinto bastante perdido na vida, sobre o que fazer, como fazer, porquê fazer as coisas que eu faço, mas eu espero estar alterando essa situação. O meu receio é ficar “dependente” do e-book “para sempre”, sem conseguir tomar um rumo da minha vida. Mas vai que é algo normal para todos nós que somos ou fomos viciados em pornografia.

Como eu estou fazendo um Reboot novamente, eu percebo, sinceramente, que ele poderia estar melhor, do ponto de vista do meu cérebro e não necessariamente em função dos dias que eu fico sem consumir P. Estou me esforçando bastante para ler o e-book – apesar de achar um pouco chato estar lendo o mesmo material umas quatro vezes e não passar para materiais mais profundos – e continuarei a fazê-lo. De uma forma ou de outra, reciclar a leitura sempre faz lembrar de uma coisa que estava esquecida em nossa mente. Mas por outro lado, eu acabo esnobando um pouco do e-book e me achando como se eu já soubesse de tudo, e tenho eu um certo receio que esses sentimentos não sejam tão bons para meu Reboot. Mas estou seguindo a vida, ou “deixa[ndo] a vida me levar”, e mesmo assim acho que estou relativamente bem. Não sei, mas só o fato de estar vivo já me deixa satisfeito comigo mesmo, sabe... E agradeço muito a Deus por estar vivo, e acho isso muito importante. Venho descobrindo que, apesar de alguns vezes ambiciosos, os seres humanos não precisam de muita coisa para serem felizes: às vezes um ou dois filhos pra cuidar, uma esposa bonita para amar, um cachorro (talvez), um violão para tocar umas músicas, uns aparelhos de ginástica para manter a saúde, e muitos amigos legais para conversar. O que transcende a isso é dispensável, podemos viver felizes sem.

Uma coisa bastante clara que eu pude perceber é que as fantasias que eu tinha, como se fossem ainda um resquício das minhas longas sessões de pornografia, praticamente sumiram, não existem mais. Talvez seja um sinal de que a masturbação fora mesmo limpa. Mas de qualquer forma isso é um motivo que me deixa bem alegre. Uma outra coisa que eu percebi mudar em mim foi a percepção sobre as mulheres: antes eu queria encontrar uma parceira só por motivos carnais, de sexo, mas hoje eu vejo a consciência que eu tenho de que o sexo é muito importante, de que é importante ter uma mulher bonita, mas se o relacionamento se basear na “beleza pela beleza”, ou seja, “na carne pela carne”, e estendendo-se, “no sexo pelo sexo”, o relacionamento não durará muito. Ou se durar, não acho que seria um relacionamento pleno. Eu quero muito fazer sexo, afinal sou virgem e principalmente ultimamente que parece que eu estou numa fissura do caramba, mas se for somente “sexo pelo sexo”, como eu antigamente pensava, não será tão interessante. Um relacionamento é muito mais do que sexo, mas não era assim que eu via antes. Eu até tentava enxergar por este prisma, mas não conseguia, a pornografia não deixava.

Quero estabelecer outra meta: escrever todos os dias no meu diário, um parágrafo, pelo menos. Quero, além disso, escrever no diário dos outros Rebooters, para ajudar e ser ajudado. Era assim que eu fazia, e significava muito para mim.

Entendo sua estagnação. É coisa do reboot e da vida real. Cabe a nós nos mexermos e nos transformarmos. Hoje três coisas mudariam minha vida singularmente: 1) arrumar uma namorada; 2) arrumar um emprego; 3) arrumar uma pós-graduação. Alguma dessas coisas eu sonho em conseguir ainda no reboot. O que mudaria tua vida Il Cappo? Já pensasse nisso? O que lhe tiraria da estagnação? Talvez não seja porque nós não sabemos o que queremos, mas porque acreditemos que o que queremos não é possível de ser alcançado de imediato e com isso deixemos nossos sonhos ao acaso e à sorte, e ao "Deus dará".

Minha falha no meu último reboot foi não ter me mexido. Precisamos nos mexer meu amigo. Sair da zona agradável. Não podemos deixar que a zona do indiferentismo seja ela mesma nossa zona de conforto.


Meu amigo! Cara, me identifico com esse seu projeto também, creio que isso faria uma diferença significativa em minha vida. Principalmente arrumar uma namorada, acho que estou precisando bastante.

Ultimamente eu tenho estado bem ao "Deus dará", sem fazer muitas coisas, parece que a vida perdeu o sentido. Mas sei que a vida não deve ser encarada desta maneira, é preciso sair de onde estamos e fazer! Aí é que está o problema ... kk

Cara, agradeço a reflexão. Estava apenas seguindo a vida, meio que sobrevivendo e não vivendo de fato. Mas as coisas vão mudar, tenho fé. E vamos, sim, sair de nossa zona de conforto! Grande abraço, meu brother, sucesso no seu reboot. Tmj Wink

_______________________________________


"FOCO, FORÇA e FÉ"
avatar
ilCapo
Moderador
Moderador
Mensagens : 412
Data de inscrição : 02/11/2016
Idade : 21
Localização : Corleone, Sicilia

64 dias sem P

em 22/6/2017, 20:15
Só de participar do Fórum, já me deu um gás a mais. Escrevi nos diários do Marco e do Brit, coisa que queria fazer há muito tempo. Na verdade, o meu desejo verdadeiro era escrever no diário de todos, mas o máximo que eu consigo é escrever no diário de uns quatro ou cinco. É muito bom participar aqui. Embora eu perceba que ainda tem aprendizados para serem reciclados, pois fiquem um tempo considerável sem ler nem participar do Fórum, aprendi muitas coisas hoje. Sinto-me motivado para seguir minha vida.

Buscarei fazer o básico. Sem gatilhos, disciplina para dormir, menos TV, exercícios físicos e atividades de religação (ir pro cinema com amigos, por exemplo). Acho que fazendo isso já melhorará bastante coisa. No mais, acho que é isso. Sucesso a todos, e escrevam aqui, preciso da vossa ajuda para seguir com minha vida. Grande abraço!

_______________________________________


"FOCO, FORÇA e FÉ"
avatar
Victor Lord
Moderador
Moderador
Mensagens : 1162
Data de inscrição : 24/03/2017

Re: Dia a dia - Diário del Capo

em 23/6/2017, 11:27
ilCapo escreveu:
Só de participar do Fórum, já me deu um gás a mais. Escrevi nos diários do Marco e do Brit, coisa que queria fazer há muito tempo. Na verdade, o meu desejo verdadeiro era escrever no diário de todos, mas o máximo que eu consigo é escrever no diário de uns quatro ou cinco. É muito bom participar aqui. Embora eu perceba que ainda tem aprendizados para serem reciclados, pois fiquem um tempo considerável sem ler nem participar do Fórum, aprendi muitas coisas hoje. Sinto-me motivado para seguir minha vida.

Buscarei fazer o básico. Sem gatilhos, disciplina para dormir, menos TV, exercícios físicos e atividades de religação (ir pro cinema com amigos, por exemplo). Acho que fazendo isso já melhorará bastante coisa. No mais, acho que é isso. Sucesso a todos, e escrevam aqui, preciso da vossa ajuda para seguir com minha vida. Grande abraço!

Graaadne iLCapo, tudo beleza contigo meu amigo? Vi que você estava online e decidi vir aqui em teu diário. Vou ser muito sincero contigo. Eu terminei o reboot, mas ontem uma briga extremamente nociva me deixou mal em casa. Acabei quebrando algo pois foi sem querer, e as acusações foram graves, todo tipo de difamação e acusação, além de terem me chamado de vagabundo. Confesso que caí na deles, e acabei desabafando, discutindo e falando verdades na cara de meus familiares . Só que tem uma coisa, eu percebi que fiquei mais resiliente, quando eles ontem me acusaram antes de eu entrar em discussões de emprego isso e aquilo, de correr atrás. Eu ficava com cara de bobo, meio que não ligando e não dando trégua. Percebi que dar importância demais as coisas, as críticas e entrar na armadilha de começar também a discutir, nos fazem ficar maus emocionalmente. Quando li seu diário, aliás quando li agora a pouco alguns relatos seus de dias atrás, vi eram bastante detalhados, dei uma lida em todos eles, e vi que sua vida etá meio bagunçada. Se te conforta, a minha também está um pouco, as emoções estão continuando a vir a tona, as discussões de ontem me fizeram entrar em estado confuso, tedioso, depressivo, pensamentos de todo o tipo, enfim uma conturbação total. Terminei o reboot e continuo meio que assim, só que é culpa minha pois recaí em MO para descontar minhas frustrações das brigas e momentos e pensamentos estranhos. Assumo total responsabilidade disso, e quando assumimos isso, as coisas parece que ficam mais fáceis e organizáveis, as coisas fluem mesmo ruins, sabemos que esses momentos ruins passam, e que um dia estamos altos e noutro estamos baixos, é assim o reboot, e na VIDA. Não desista da tua faculdade, da vida, do amor, da coragem, da determinação , da alegria, de realizar seus maiores desejos e sonhos. Também estou desse jeito nesse momento, sem foco, sem concentração, com pensamentos estagnados e confusos, tudo desorganizado em minha rotina. Por isos medito, pois meditação ajuda demais, a organizar pensamentos, ter maior auto estima, mais disposiçao, energia e clareza mental. Tomar um banho gelado ajuda também, viver o presente, ler algo que goste. Tentar resolver um passo de cada vez, passar no fórum, ler histórias de sucesso, ler novamente o ebook, entre dezenas de coisas que ajudam nossa vida e cotidiano. Não desista do fórum cara, você vai vencer esta luta por completo, TENHA CERTEZA disso, naõ vai sobrar nenhuma merda de migalha desse vício e de seus sintomas procrastinadores e sugadores. Nossa ente será limpa 100% e nosso corpo irá se transformar, nossa libido voar, isso são realidade do reboot. Mas para isso eu e você, voce, vamos fazer um pacto, de ajeitar algumas coisas de nossa vida. Vamos fazer assim, ficar 1 semana sem fantasiar nada, e ver nada nenhuma mulher como objeto. Depois dessa 1 semana voltamos aqui e contamos nossa experiência, depois aumentamos esse tempo, para mais 1 semana ou 15 dias. E também fazer o pacto de não se masturbar, pois eu também caí ontem, e estou sentindo uma tristeza e desânimo enorme, pois deixei a MO com um pouco de fantasias, e aquela adrenalina da P retornou. E isso meu amigo, pode resultar em queda das feias, e eu não quero isso a mim e nem a você. Então 1 semana sem fantasias e ignorando pensamentos intrusivos, fantasias e flashes, e também vendo as coisas como naturais. É duro 1 semana? Sim, mas vamos conseguir, e vamos moldar nosso cérebro esse novo hábito, já que não estamos totalmente curados cerebralmente e psicologicamente, da libido tambem. E façamos um pacto de meditar mais também, nem que seja 10 minutos ao dia, respirar e relaxar nossa mente. Pacto de nos tornarmos homens em meio a tantas críticas falta de amigos, falta de uma parceira, essas coisas vão vir, mas primeiro precisamos nos tornar homens maduros, para nossos amigos, familiares e namorada nos verem resilientes, fortes e disciplinados. Eu tambem estou sem experiencia profissional nenhuma, era dispensado de todos os empregos, e minha situação está feia, carteira manchada, sem muitos cursos, sem foco, sem concentraçao, e com uma nevoa mental, sei que foi por causa das brigas e mo também, porém quando isso passar a mim e a você, nos tornaremos gigantes. Então grande abraço ilCapo, desculpe escrever muito, por mais que eu esteja meio desanimado e triste, com a mente turbinada e estranha, quando fico assim tem um ''benefício'' de um escrever bastante rsr e querer ajudar para encontrar na minha escrita soluções para meus proprios problemas, e dos outros também. Leia de coração, sua vida mudará, estamos em tempos de auto conhecimento, de reflexões e de tomar atitudes de mudança de vida, e VAMOS CONSEGUIR por em prática esses hábitos. Comecemos ilCapo, agora mesmo, e vençamos, um forte abraço!
avatar
Victor Lord
Moderador
Moderador
Mensagens : 1162
Data de inscrição : 24/03/2017

Re: Dia a dia - Diário del Capo

em 23/6/2017, 11:33
ilCapo escreveu:
Só de participar do Fórum, já me deu um gás a mais. Escrevi nos diários do Marco e do Brit, coisa que queria fazer há muito tempo. Na verdade, o meu desejo verdadeiro era escrever no diário de todos, mas o máximo que eu consigo é escrever no diário de uns quatro ou cinco. É muito bom participar aqui. Embora eu perceba que ainda tem aprendizados para serem reciclados, pois fiquem um tempo considerável sem ler nem participar do Fórum, aprendi muitas coisas hoje. Sinto-me motivado para seguir minha vida.

Buscarei fazer o básico. Sem gatilhos, disciplina para dormir, menos TV, exercícios físicos e atividades de religação (ir pro cinema com amigos, por exemplo). Acho que fazendo isso já melhorará bastante coisa. No mais, acho que é isso. Sucesso a todos, e escrevam aqui, preciso da vossa ajuda para seguir com minha vida. Grande abraço!

Ae ilCapo, ontem eu dei uma passada la no diário do Toguro, e ri muito das tretas dele kk. Já tinha passado antes, mas sempre que vou lá, uma força me toma, uma renovação como se a vida não fosse tão séria assim como eu imaginava. me sinto como se fosse o próprio Toguro, todos temos um pouco dessa garra e poder dentro de nós ahahahaha, temos que ser CRUS e durões cara, é isso entende? Se vier tentações? Ignore elas, se vier fantasias? Ignore. Vontade de se masturbar? Ignore. O Toguro fazia isso pelos relatos dele, e ainda por cima ajudava, ajudava e ajudava igual um louco. Vamos nos tornar mais assertivos e resilientes, disso você pode cer. Vá se ferrar aMO, a P, a tristeza, procrastinaçao, confusao mental, a vitimização a fraqueza. VAMOS VENCER!  Na vida real eu sou durão mas ao mesmo tempo reflexivo. No fórum eu tento ser totalmente reflexivo, mas ser um pouco decisivo e duro as vezes é bom, seja com nós mesmos ou com outros amigos, mandar a real. Uma pena o toguro ter sumido, espero que ele volte algum dia!
avatar
ilCapo
Moderador
Moderador
Mensagens : 412
Data de inscrição : 02/11/2016
Idade : 21
Localização : Corleone, Sicilia

Re: Dia a dia - Diário del Capo

em 26/6/2017, 15:24
Victor Lord escreveu:
ilCapo escreveu:
Só de participar do Fórum, já me deu um gás a mais. Escrevi nos diários do Marco e do Brit, coisa que queria fazer há muito tempo. Na verdade, o meu desejo verdadeiro era escrever no diário de todos, mas o máximo que eu consigo é escrever no diário de uns quatro ou cinco. É muito bom participar aqui. Embora eu perceba que ainda tem aprendizados para serem reciclados, pois fiquem um tempo considerável sem ler nem participar do Fórum, aprendi muitas coisas hoje. Sinto-me motivado para seguir minha vida.

Buscarei fazer o básico. Sem gatilhos, disciplina para dormir, menos TV, exercícios físicos e atividades de religação (ir pro cinema com amigos, por exemplo). Acho que fazendo isso já melhorará bastante coisa. No mais, acho que é isso. Sucesso a todos, e escrevam aqui, preciso da vossa ajuda para seguir com minha vida. Grande abraço!

Graaadne iLCapo, tudo beleza contigo meu amigo? Vi que você estava online e decidi vir aqui em teu diário. Vou ser muito sincero contigo. Eu terminei o reboot, mas ontem uma briga extremamente nociva me deixou mal em casa. Acabei quebrando algo pois foi sem querer, e as acusações foram graves, todo tipo de difamação e acusação, além de terem me chamado de vagabundo. Confesso que caí na deles, e acabei desabafando, discutindo e falando verdades na cara de meus familiares . Só que tem uma coisa, eu percebi que fiquei mais resiliente, quando eles ontem me acusaram antes de eu entrar em discussões de emprego isso e aquilo, de correr atrás. Eu ficava com cara de bobo, meio que não ligando e não dando trégua. Percebi que dar importância demais as coisas, as críticas e entrar na armadilha de começar também a discutir, nos fazem ficar maus emocionalmente. Quando li seu diário, aliás quando li agora a pouco alguns relatos seus de dias atrás, vi eram bastante detalhados, dei uma lida em todos eles, e vi que sua vida etá meio bagunçada. Se te conforta, a minha também está um pouco, as emoções estão continuando a vir a tona, as discussões de ontem  me fizeram entrar em estado confuso, tedioso, depressivo, pensamentos de todo o tipo, enfim uma conturbação total. Terminei o reboot e continuo meio que assim, só que é culpa minha pois recaí em MO para descontar minhas frustrações das brigas e momentos e pensamentos estranhos. Assumo total responsabilidade disso, e quando assumimos isso, as coisas parece que ficam mais fáceis e organizáveis, as coisas fluem mesmo ruins, sabemos que esses momentos ruins passam, e que um dia estamos altos e noutro estamos baixos, é assim o reboot, e na VIDA. Não desista da tua faculdade, da vida, do amor, da coragem, da determinação , da alegria, de realizar seus maiores desejos e sonhos. Também estou desse jeito nesse momento, sem foco, sem concentração, com pensamentos estagnados e confusos, tudo desorganizado em minha rotina. Por isos medito, pois meditação ajuda demais, a organizar pensamentos, ter maior auto estima, mais disposiçao, energia e clareza mental. Tomar um banho gelado ajuda também, viver o presente, ler algo que goste. Tentar resolver um passo de cada vez, passar no fórum, ler histórias de sucesso, ler novamente o ebook, entre dezenas de coisas que ajudam nossa vida e cotidiano. Não desista do fórum cara, você vai vencer esta luta por completo, TENHA CERTEZA disso, naõ vai sobrar nenhuma merda de migalha desse vício e de seus sintomas procrastinadores e sugadores. Nossa ente será limpa 100% e nosso corpo irá se transformar, nossa libido voar, isso são realidade do reboot. Mas para isso eu e você, voce, vamos fazer um pacto, de ajeitar algumas coisas de nossa vida. Vamos fazer assim, ficar 1 semana sem fantasiar nada, e ver nada nenhuma mulher como objeto. Depois dessa 1 semana voltamos aqui e contamos nossa experiência, depois aumentamos esse tempo, para mais 1 semana ou 15 dias. E também fazer o pacto de não se masturbar, pois eu também caí ontem, e estou sentindo uma tristeza e desânimo enorme, pois deixei a MO com um pouco de fantasias, e aquela adrenalina da P retornou. E isso meu amigo, pode resultar em queda das feias, e eu não quero isso a mim e nem a você. Então 1 semana sem fantasias e ignorando pensamentos intrusivos, fantasias e flashes, e também vendo as coisas como naturais. É duro 1 semana? Sim, mas vamos conseguir, e vamos moldar nosso cérebro esse novo hábito, já que não estamos totalmente curados cerebralmente e psicologicamente, da libido tambem. E façamos um pacto de meditar mais também, nem que seja 10 minutos ao dia, respirar e relaxar nossa mente. Pacto de nos tornarmos homens em meio a tantas críticas  falta de amigos, falta de uma parceira, essas coisas vão vir, mas primeiro precisamos nos tornar homens maduros, para nossos amigos, familiares e namorada nos verem resilientes, fortes e disciplinados. Eu tambem estou sem experiencia profissional nenhuma, era dispensado de todos os empregos, e minha situação está feia, carteira manchada, sem muitos cursos, sem foco, sem concentraçao, e com uma nevoa mental, sei que foi por causa das brigas e mo também, porém quando isso passar a mim e a você, nos tornaremos gigantes. Então grande abraço ilCapo, desculpe escrever muito, por mais que eu esteja meio desanimado e triste, com a mente turbinada e estranha, quando fico assim tem um ''benefício'' de um escrever bastante rsr e querer ajudar para encontrar na minha escrita soluções para meus proprios problemas, e dos outros também. Leia de coração, sua vida mudará, estamos em tempos de auto conhecimento, de reflexões e de tomar atitudes de mudança de vida, e VAMOS CONSEGUIR por em prática esses hábitos. Comecemos ilCapo, agora mesmo, e vençamos, um forte abraço!

Meu amigo! Satisfação em ter você no meu diário. Suas palavras são sempre sábias, e sempre nos ajudam cara Muito obrigado mesmo!

Victor Lord escreveu:Só que tem uma coisa, eu percebi que fiquei mais resiliente, quando eles ontem me acusaram antes de eu entrar em discussões de emprego isso e aquilo, de correr atrás. (...) Se te conforta, a minha também está um pouco, as emoções estão continuando a vir a tona, as discussões de ontem  me fizeram entrar em estado confuso, tedioso, depressivo, pensamentos de todo o tipo, enfim uma conturbação total.

Cara, bote fé. Uma coisa muito importante eu percebi, ao fazer o Reboot. E foi assim mesmo como você relatou. Muitas vezes eu ficava com muita raiva, fazia muita merda, mas quando eu comecei a fazer o Reboot parece que um estado de paz se instalou em mim e as coisas conseguiam fluir com maior normalidade, feito gente grande, e isso era um pouco de plenitude. Com certeza é o efeito do Reboot, da autodisciplina, do foco, e como você falou, da consciência de que a briga não vai nos acrescentar em nada, muito pelo contrário, vai acabar com a gente. Realmente, às vezes a gente não aguenta, mas as brigas só fodem conosco. Mas é assim mesmo, meu amigo. Vivendo e aprendendo. Também tenho muito desse problema, mas venceremos. Agora que os problemas aparecerão, mas como obstáculos a serem superados, e não barreiras.

Victor Lord escreveu:Não desista do fórum cara, você vai vencer esta luta por completo, TENHA CERTEZA disso, naõ vai sobrar nenhuma merda de migalha desse vício e de seus sintomas procrastinadores e sugadores. Nossa ente será limpa 100% e nosso corpo irá se transformar, nossa libido voar, isso são realidade do reboot.

Vei, com certeza. Já senti o gostinho dessa plenitude e é tudo o que a gente deseja na nossa vida. Pornografia, gatilhos, só nos impedem de viver essa sensação ímpar de liberdade. E ah, cara, com relação ao pacto, vamos fazer sim! Os gatilhos atrapalham o nosso desempenho, principalmente com relação a olhar mulheres como "mulheres": outra coisa que é tão boa de se exercitar. Teve um tempo que eu estava bem legal quanto a esse quesito, mas fui abaixando a rédea, e alguns pensamentos voltaram. Eu não sei mais se, necessariamente, ficar olhando demais para mulheres prejudica o Reboot, e faz mal com relação ao vício em PMO sabe, mas era bem assim que eu tava. Chegava até a trocar olhares, coisa que eu nem conseguia fazer. Na verdade, acho que olhar para as mulheres não tem problema em si, e parece que eu consegui fazer isso bem. Creio mesmo que ruim seria se nós olhássemos para bundas, e peitos, e fantasiássemos... Aí acho que é ruim sim. Mas enfim, ultimamente eu tenho pensado que esse aspecto é um ponto que nós devemos tirar por nós mesmo, sabe.. Vou ver se falo mais sobre isso depois...

Vamos vencer sim, meu amigo! Somos VENCEDORES só de estarmos aqui neste Fórum, o que já é motivo de muita alegria. Eu também sou muito ruim de participar no diário dos outros Rebooters, mas me esforçarei para participar do seu diário, cara. Satisfação em tê-lo aqui. Continua assim, meu amigo, você é um exemplo para todos nós aqui. Desejo pra você um sincero abraço, e sucesso na sua caminhada, guerreiro!


_______________________________________


"FOCO, FORÇA e FÉ"
Ver o tópico anteriorVoltar ao TopoVer o tópico seguinte
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum