Compartilhe
Ir em baixo
VanKelly
Mensagens : 23
Data de inscrição : 10/12/2016

Relato de uma esposa de viciado em PMO

em 10/12/2016, 17:39
Olá! Boa noite. Gostaria de deixar o meu relato. Primeiramente eu levei um tempo para decidir me registrar porque estava em dúvida se seria bom ou não pra mim, eu gostaria de esquecer tudo que tem acontecido mas eu simplesmente não consigo... Sad
Vou tentar resumir:
Sei do problema do meu marido desde que começamos a namorar(apesar que ele ainda não via como um vício), cheguei a terminar o noivado por conta disso. (Meu pai tem o "mesmo" problema, o qual eu descobri ainda criança no computador dele e isso meio que me causou um trauma) Enquanto namorados nós não mantínhamos relações por convicções religiosas e eu acreditava que quando nos casassemos o problema seria resolvido, achava que era mais por questão de curiosidade. Engano meu, recentemente ele me falou que ficou pior depois de casados(isso acabou comigo, visto que me senti inútil e traída). Durante nosso casamento descobri algumas vezes e sempre encarei como um vício(embora no fundo não consiga separar o fato de ser um vício da "traição") porém essa última foi a gota dágua pra mim, descobri milhares de vídeos no histórico dele e isso aconteceu quando meu bebé recém nascido estava no hospital( momento muito delicado pra mim). Durante a gravidez ele também recaiu. Eu já faço tratamento para depressão e transtorno do pânico há anos e na gravidez e pos parto consegui ficar sem medicamentos (e continuo sem). Mas depois disso eu fiquei arrasada e quis ir embora de casa. Mas resolvi pesquisar o assunto e encontrei o site e o eBook e enviei pra ele. Eu queria de fato ajudá-lo. Ele comprou, e está no projeto há mais de 70 dias, também está fazendo terapia e usando florais. Realmente vejo um empenho muito grande nele. Ele é um excelente pai e marido também. Mas não consigo esquecer, não consigo deixar de ficar magoada e não consigo confiar plenamente nele. Isso tem causado um desconforto na nossa relação e sinto que nesse aspecto não estou sendo de ajuda. Estou me tratando pra vencer esses sentimentos e superar tudo isso. Mas sei que o fato do meu pai ter um problema semelhante( diferença que ele tbm faz cibersexo) me afeta muito mais.
Bom é isso aí, espero que ler relatos de pessoas que passam por algo parecido possa me ajudar. Porque as vezes sinto que o problema é comigo...
Abs.


Última edição por VanKelly em 11/12/2016, 20:33, editado 2 vez(es)
avatar
M.V
Moderador
Moderador
Mensagens : 1734
Data de inscrição : 02/10/2015
Idade : 37

Re: Relato de uma esposa de viciado em PMO

em 10/12/2016, 17:51
Se seu marido está indo bem no Reboot, tenha paciência. Qualquer situação de stress pode desencadear um possível reset. Entrar nesse vício é fácil, mas sair não é tão fácil assim, é possível sair mas temos que pagar o preço.
Acredito que você deve apoiar seu esposo, mas não entre na neura da racionalização pelo vício em PMO do seu esposo e do seu pai, isso pode lhe causar prejuízos emocionais.
Paciência, relaxe, busque a paz de espírito, perdão, autoconhecimento e o amor verdadeiro.

Abçs.

Sucesso!!!

_______________________________________
Veja Meu Diário e Histórias de Sucesso
http://comoparar.forumeiros.com/t1587-novo-tempo-nova-vida
http://comoparar.forumeiros.com/t3600-300-dias-de-reboot-novo-tempo-nova-vida


" A PORNOGRAFIA MATA O AMOR" ...

NÃO PERMITA QUE SEU CÉREBRO PRIMITIVO LHE COMANDE E TE DEIXE EM ESTADO DE HIPOFRONTALIDADE.

..."É MELHOR SER ESCRAVO DOS BLOQUEADORES QUE SER ESCRAVO DA PORNOGRAFIA"... (PROJETO, TOGURO)

ABÇS E SUCESSO NESSA JORNADA!!!

VanKelly
Mensagens : 23
Data de inscrição : 10/12/2016

Re: Relato de uma esposa de viciado em PMO

em 10/12/2016, 18:06
Obrigada Mário, acredito que esse seja o segredo: paciência! E sim, eu racionalizo muito as coisas. Sou de natureza muito pensativa, e isto tem me causado muita dor. Tenho certeza que vamos conseguir, mas tem dias que é realmente difícil...
avatar
Blpr
Moderador
Moderador
Mensagens : 5205
Data de inscrição : 30/05/2015

Re: Relato de uma esposa de viciado em PMO

em 11/12/2016, 10:57
VanKelly escreveu:Obrigada Mário, acredito que esse seja o segredo: paciência! E sim, eu racionalizo muito as coisas. Sou de natureza muito pensativa, e isto tem me causado muita dor. Tenho certeza que vamos conseguir, mas tem dias que é realmente difícil...

Quando um casal se compromete juntos a vencer o vício, à superação é mais motivadora. Aliás convide seu parceiro a compartilhar sua experiência de reboot aqui no fórum. É salutar também. Conseguiu já 70 dias é um progresso e tanto.
VanKelly
Mensagens : 23
Data de inscrição : 10/12/2016

Re: Relato de uma esposa de viciado em PMO

em 11/12/2016, 20:23
Na vdd já vai fazer 80 dias!
VanKelly
Mensagens : 23
Data de inscrição : 10/12/2016

Re: Relato de uma esposa de viciado em PMO

em 11/12/2016, 20:28
Já é um vitorioso. Tenho minhas dificuldades mas estou feliz por ele ter aceitado a ajuda e estar se empenhando tanto. Tem feito muito bem a ele.Com certeza está mais feliz
avatar
Domi1
Moderador
Moderador
Mensagens : 382
Data de inscrição : 20/09/2015

Re: Relato de uma esposa de viciado em PMO

em 14/12/2016, 11:05
Saber que tem alguém que nos aceita em nossa jornada sempre é um conforto para a alma.
Quando uma pessoa é viciada seja lá em quer for, ela além de deixar muitas vezes a dignidade dela, a vida dela se torna o vício, quando se tem alguém se tem mais um motivo para sair do fundo do poço.
Apesar de não sermos a transformação, pois isso vem de dentro de cada um, somos um porto seguro para as piores horas.
Que sorte de ele ter você.
Parabéns
VanKelly
Mensagens : 23
Data de inscrição : 10/12/2016

Re: Relato de uma esposa de viciado em PMO

em 14/12/2016, 14:13
Vdd Domi1
dimbooter
Mensagens : 69
Data de inscrição : 03/08/2016

Re: Relato de uma esposa de viciado em PMO

em 22/12/2016, 17:24
VanKelly, entendo sua situação, estou a 141 sem PMO, minha esposa não sabe ainda do meu problema, acho q não sabe. Mas com minhas mudanças der atitudes ela já me fez alguns questionamentos, inclusive se estou fazendo uso de algum medicamento para desempenho sexual. Vejo a felicidade dela estampada em seu rosto, nossa foram 12 anos de casados e só agora estou descobrindo a felicidade plena de uma relação conjugal. Não tive coragem de contar e acho não contarei, hoje tenho uma consciência muito pesada por isto. Não sei se minha esposa me perdoaria, mas no seu caso, como vocês dois estão enfrentando isto juntos e se existe amor, então tente.

_______________________________________
VanKelly
Mensagens : 23
Data de inscrição : 10/12/2016

Recaida

em 4/1/2017, 03:03
Pois é pessoal, hj descobri que ele teve recaída depois de 100 dias. Estava sem bloqueadores (apesar de eu ter alertado da importância e sempre estar lembrando de que ele precisava comprar(o uso gratuito expirou). Tínhamos tido um desentendimento durante uma viagem longa e cansativa. E ele já vinha não tendo cuidado com gatilhos, como fotos de mulheres de lingerie na internet(eu tbm o alertei sobre). Agora ele disse que acionou um contador mais rígido. Quem sabe isso não sirva pra ele ver que precisa ter cuidado e fazer alguns sacrifícios para vencer o vício. Quanto a mim, estou um pouco desanimada, sabe... Vou apenas esperar o tempo e ver quais providências ele toma a repeito (como instalar os bloqueadores e tal...) Tbm não vou me sentir culpada. Problemas acontecem, não há como o proteger de tudo. Mas sinto que preciso me afastar um pouco, viver mais para mim e parar de competir com a pornografia. Desde que começou o reboot estamos tendo uma vida sexual muito mais frequente e prazerosa que antes e mesmo assim aconteceu, sei que eu não sou o problema. Sei que sou bastante atraente. Já me senti com a auto estima muito baixa por conta desse problema, mas espero não me sentir mais assim. Já senti vontade de dar o troco, mas sei que de longe esse não é o caminho. Já senti vontade de desistir de tudo e seguir minha vida sozinha (pq realmente estou com muita dificuldade de perdoar, embora tenha esse desejo) Agora esperar o tempo e ver como vão ficar as coisas.
Sorte para todos nós.
VanKelly
Mensagens : 23
Data de inscrição : 10/12/2016

Re: Relato de uma esposa de viciado em PMO

em 6/1/2017, 13:45
Nós conversamos ontem de novo e eu expus meus sentimentos. Pedi que ele fizesse alguns sacrifícios e ele concordou. No fds vai pensar melhor exatamente qual será os passos que ele vai dar. Sei que ele tbm esta muito triste com a situação, mas acredito que foi só mais uma batalha e vamos conseguir juntos vencer a guerra contra essa praga que é a pornografia.
Mas tenho que confessar que estou com a auto estima muito baixa. Eu acabo me comparando com as mulheres que ele vê. E eu sou uma mulher real. Conscientemente eu sei que sou atraente em muitos sentidos, mas como mulher, as vezes me sinto assim. Acho que principalmente pq estou no meu período e estou com o ciclo todo desregular. Mas quando leio alguns relatos de homens que afirmam amar as parcerias e por causa dos efeitos do vício nem sequer conseguem manter relações fico menos triste com minha situação. Afinal nunca tivemos problemas nesse sentido. Muito pelo contrário, ele sempre demonstrou ter muito desejo por mim. Então agora é esperar o tempo curar esses sentimentos...
VanKelly
Mensagens : 23
Data de inscrição : 10/12/2016

Re: Relato de uma esposa de viciado em PMO

em 6/1/2017, 16:13
Dimbooter, parabéns por suas conquistas! E que ótimo que está sentindo os benefícios do reboot em seu relacionamento. Olha, a decisão de contar ou não é sua, mas pela minha experiência é muito melhor contar do que ela vir a descobrir sozinha. Ainda mais que você identificou o problema e esta se tratando e com ótimos resultados. Se você fizer isso hoje ela irá compreender e ainda tera uma parceira na luta, mas se ela descobrir por conta própria pode ser mais difícil...
ABS .
dimbooter
Mensagens : 69
Data de inscrição : 03/08/2016

Re: Relato de uma esposa de viciado em PMO

em 7/1/2017, 08:34
Obrigado VanKelly. Estou muito convencido de que não quero isto para minha vida, estou lendo um livro chamado o "O Poder do Hábito" e este livro está me fazendo perceber, perceber não, entender que podemos fazer muito mais pelas nossas vidas. Sinto em meu coração, que pornografia não existe e que se trata apenas de uma mal hábito. Eu não apenas parei de ver pornografia, mudei minha vida radicalmente, em tudo. Agora eu durmo cedo, faço corrida, pratico leitura, eu não conseguia ler, olha que absurdo e não vejo mais televisão, celular e internet somente a trabalho e para acompanhar nossas lutas aqui no grupo..

Quanto a contar, não, não agora! Sempre fui muito feliz em minha relação e a faço minha esposa feliz também, até então este é um problema pessoal e que estou lutando para vencer e vou vencer com a ajuda de vocês, pessoas anônimos, pessoas do bem ("cisco no olho agora"), este grupo está sendo minha salvação.

Boa sorte a você, a seu companheiro, tenha fé, vocês vão conseguir.
Amor e Paz...


_______________________________________
VanKelly
Mensagens : 23
Data de inscrição : 10/12/2016

Re: Relato de uma esposa de viciado em PMO

em 8/1/2017, 17:04
Fico feliz que tenha feito tantas mudanças! Você e sua esposa merecem!
Dei uma olhada na resenha desse livro, parece ser bem interessante. Realmente vale a pena fazer esforços para mudar hábitos tão nocivos.
Felicidades a vcs!
avatar
Antônio71
Moderador
Moderador
Mensagens : 1094
Data de inscrição : 16/01/2016
Idade : 46

Re: Relato de uma esposa de viciado em PMO

em 9/2/2017, 15:09
Vankelly, eu coloquei a resposta abaixo no diário da Lua:


Não tem nada a ver não, Vankelly! O sexo real é sempre bem vindo e ter criatividade e jogos durantes as relações é algo inteiramente salutar e prazeroso.

O segredo é tirá -lo das fantasias e trazê- lo para a realidade com você.

Em relação à MP deixe para pratica-la junto com ele a dois! O problema não é a manipulação dos órgãos genitais em si, são as fantasias que a acompanha e que intensifica os caminhos neurais do vício em PMO.

Por isso não é aconselhável nem você e nem ele praticarem MO sozinhos por causa das fantasias

_______________________________________
VanKelly
Mensagens : 23
Data de inscrição : 10/12/2016

Re: Relato de uma esposa de viciado em PMO

em 18/2/2017, 19:12
Obrigada Antônio!

O autor desta mensagem foi removido do fórum - Ver a mensagem

Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum