Compartilhe
Ver o tópico anteriorIr em baixoVer o tópico seguinte
avatar
Nero
Mensagens : 114
Data de inscrição : 14/01/2017

Re: Meu Diário - A última esperança

em 30/1/2017, 18:01
Hoje foi um dia para colocar a alimentação e os exercícios em dia. As fantasias diminuíram de ontem pra hoje, mas ainda me incomodam. Me sinto meio pra baixo e desesperançoso, mas é passageiro.


Arthuranônimo - Obrigado por comentar e pela força! É foda né, cara. Ainda tenho bastante dificuldade em socializar. Não sei o que posso fazer quanto a isso, por enquanto. Abraços!


Stark - Fala, velho! É foda ser virgem e ver os amigos namorando, estudando e progredindo. Isso nos deixa muito pra baixo e sem esperanças mesmo. E também recusei muitos convites de meninas para ficar comigo, isso me corrói até hoje, sempre penso " e se...". Mas é só o início da jornada, não podemos desanimar. Abraços!

_______________________________________
Meu diário: http://www.comoparar.com/t4471-meu-diario-a-ultima-esperanca
avatar
Brit
Moderador
Moderador
Mensagens : 996
Data de inscrição : 09/01/2017
Idade : 26
Localização : São Paulo - SP

Re: Meu Diário - A última esperança

em 30/1/2017, 23:44
Eaí Nero!
já li todo o seu diário... primeira sensação que fica é que você já é um cara melhor hoje do que quando começou. Você está indo muito bem! Continue assim. Tenho certeza que irei ler a sua trajetória nas histórias de sucesso.
Cara eu tbém demorei para beijar e sei que isso incomoda, mas não dê tanta importância pra isso agora.
A gente já sabe que o vício em PMO nos afasta de tantas experiências, mas ficar remoendo isso não ajuda em nada. Quando estivermos livres e vivendo uma vida plena poderemos realmente curtir cada momento, como muitos jamais irão.
Parabéns por estar se cuidando man! Persista nisso! Gostei muito da sua atitude de dizer que esses sentimentos negativos são apenas passageiros, é isso mesmo! Não devemos ficar alimentando coisas negativas.

Cara eu estava lendo o e-book e li um trecho que me remeteu ao que eu te falava no meu diário. Me identifiquei demais e me inspirou bastante, dá uma olhada:

Eu me sinto o cara que fui antes de internalizar o vício, um misto do que eu era com dez anos de idade, somado a tudo que aprendi nessa vida até os 23. O reboot foi como um processo de auto escultura. Esculpindo toda essa camada suja que a PMO criou, para trazer de volta a minha essência, que há tantos anos ficou adormecida com o vício.

Espero que te inspire também! Força aí!

_______________________________________

Meu diário:
http://www.comoparar.com/t4440-diario-do-brit
avatar
Nero
Mensagens : 114
Data de inscrição : 14/01/2017

Re: Meu Diário - A última esperança

em 3/2/2017, 22:11
Passando para atualizar meu diário. Me sinto um pouco estagnado no reboot, mas acho que faz parte, ainda to no começo. Estou mantendo meus bons hábitos alimentares. Dei uma diminuída nos exercícios, tô a três dias sem fazer, porque lesionei a panturrilha. Tenham cuidado quando começarem a praticar exercícios em casa. Aqueçam e alonguem TODOS os músculos. Eu cometi o erro de não fazer e agora to pagando por isso. Nem caminhar direito tenho conseguido. No mais, ainda procrastino muito e tenho ficado até tarde na internet, o que tá acabando com a minha disposição. Tenho que resolver isso, tô pensando em ficar sem internet por uns 15 dias.


Brit - Valeu pelas palavras, amigo! Realmente, melhorei muito o meu eu desde que comecei o reboot, mas tenha um longo caminho pela frente. Tenho fé que manterei meus bons hábitos que conquistei no rebooot permanentemente. Essa frase que você postou é muito inspiradora, me fez lembrar de coisas boas, e me deu bons sentimentos de esperança... Abraços!

_______________________________________
Meu diário: http://www.comoparar.com/t4471-meu-diario-a-ultima-esperanca
avatar
Stark
Moderador
Moderador
Mensagens : 958
Data de inscrição : 22/07/2016
Idade : 19
Localização : Torre Stark

Re: Meu Diário - A última esperança

em 3/2/2017, 22:51
Cara esse é o "problema" de fazer exercícios em casa, as vezes não alongamos e nem nos aquecemos, e ainda fazemos os movimentos errados - sei disso porque também já me faturei malhando em casa, por isso todo cuidado é pouco.

Essa de ficar sem internet pode ser uma boa, eu mesmo quando fico o dia sem internet minha produtividade vai a mil, tenta procurar novos hobbies, um curso, caminhada, tocar algum instrumento ou qualquer outra coisa que te tire da frente do PC.

Ah e parabéns pelos 26 dias de reboot, está indo muito bem.

_______________________________________

Só se pode alcançar um grande êxito quando nos mantemos fiéis a nós mesmos.
-Nietzsche
avatar
Nero
Mensagens : 114
Data de inscrição : 14/01/2017

Re: Meu Diário - A última esperança

em 6/2/2017, 19:29
Ontem saí com a família, fui pra um parque com piscinas e muita natureza. Muito agradável o passeio. Me acendeu uma vontade de sair de casa. Tenho que manter isso. A parte ruim foi ficar secando as mulheres de biquini, que me acendeu algumas fantasias, mas desviei o pensamento, não me mantive em nenhuma delas.

Hoje foi dia de voltar a rotina de exercícios e alimentação. E voltar com a meditação, que parei por ficar procrastinando muito na internet. A procrastinação tem me atrapalhado com meditação, leitura, e na hora de dormir. Outro problema a resolver. Por hoje é só.

_______________________________________
Meu diário: http://www.comoparar.com/t4471-meu-diario-a-ultima-esperanca
avatar
Brit
Moderador
Moderador
Mensagens : 996
Data de inscrição : 09/01/2017
Idade : 26
Localização : São Paulo - SP

Re: Meu Diário - A última esperança

em 6/2/2017, 21:52
Mto bom Nero! Fico feliz por vc e continuo te acompanhando!

Momentos assim se tornam ainda mais prazerosos por uma razão simples: a gente não carrega aquela vergonha que nos acompanhava. Eu pelo menos sinto que sou mais honesto.
Não tem problema ver as mulheres de biquini só tente mudar a sua postura. Sem querer te pressionar, mas na próxima tenta dar uma paquerada. Sei que é difícil, mas aos poucos vamos vencendo nossa timidez.

Abraços! Mta força aí! Te cuida!

_______________________________________

Meu diário:
http://www.comoparar.com/t4440-diario-do-brit
avatar
Marco
Mensagens : 1060
Data de inscrição : 09/01/2017

Re: Meu Diário - A última esperança

em 11/2/2017, 18:23
I aí meu amigo, como estão as coisas?

Passando aqui para agradecer a seu apoio lá no meu diário. Foi fundamental para eu retornar. Passei duas semanas em queda livre mas estou na luta novamente.

Realmente olhar mulheres (reais) de biquínis causa um fissura na gente, ainda mais em nós que lutamos contra esse vício.

Vejo que seu reboot está a todo vapor meu amigo. Parabéns. O sucesso é só uma questão de tempo. Vou retomar as suas dicas de meditação e ver se agora pratico alguns exercícios.

Força. Sucesso.

_______________________________________
Meu diário: http://www.comoparar.com/t4437p475-diario-de-marco-de-volta-para-a-realidade#126309


Crux Sacra Sihi mihi lux; non draco sihi mihi dux; vade retro satana!; nunquan suad mihi vana; sunt mala quae libas; ipse venena bibas
avatar
Nero
Mensagens : 114
Data de inscrição : 14/01/2017

Re: Meu Diário - A última esperança

em 13/2/2017, 10:41
Brit Valeu pela força, Brit! Vou tentar por em prática essas dicas, mas paquerar não faz parte do meu mundo, por enquanto. Tenho que resolver muitos problemas antes disso.


Marco Olá, Marco! Feliz por vê-lo novamente no fórum. Tenho evoluído em pequenos aspectos da vida. Muito pouco mesmo. Mas tenho me mantido firme. Embora eu goste de praias e parques, é muito difícil ver todas aquelas mulheres de biquini, é foda. Dá muita fissura mesmo. Muito difícil não reparar. Abraços!

_______________________________________
Meu diário: http://www.comoparar.com/t4471-meu-diario-a-ultima-esperanca
avatar
Nero
Mensagens : 114
Data de inscrição : 14/01/2017

Re: Meu Diário - A última esperança

em 13/2/2017, 10:55
35 dias! Nunca na minha vida, desde que eu descobri a masturbação e pornografia, fiquei tanto tempo sem um nem outro. Praticamente todos os dias desde os 8 anos eu tenho me masturbado. Ficar tanto tempo assim é algo novo para mim. Já é o meu record pessoal. Já tive bons e maus momentos, tive flatline e ereções fortes nesse meio tempo, mas nunca me estimulei e fiquei fantasiando. Surpreendentemente ainda não tive polução noturna. Talvez seja porque eu não fique me "tocando".

Tive uma relativa melhora na minha comunicação e ansiedade, não gaguejo tanto nem suo frio pra falar com alguém. Tenho feito programas familiares e me bateu uma vontade de sair de casa, mesmo que passeira, e nem que tenha que ser no supermercado. Rs

Mas vamos á luta!



_______________________________________
Meu diário: http://www.comoparar.com/t4471-meu-diario-a-ultima-esperanca
avatar
Stark
Moderador
Moderador
Mensagens : 958
Data de inscrição : 22/07/2016
Idade : 19
Localização : Torre Stark

Re: Meu Diário - A última esperança

em 13/2/2017, 14:07
Nero escreveu:35 dias! Nunca na minha vida, desde que eu descobri a masturbação e pornografia, fiquei tanto tempo sem um nem outro. Praticamente todos os dias desde os 8 anos eu tenho me masturbado. Ficar tanto tempo assim é algo novo para mim. Já é o meu record pessoal. Já tive bons e maus momentos, tive flatline e ereções fortes nesse meio tempo, mas nunca me estimulei e fiquei fantasiando. Surpreendentemente ainda não tive polução noturna. Talvez seja porque eu não fique me "tocando".

Tive uma relativa melhora na minha comunicação e ansiedade, não gaguejo tanto nem suo frio pra falar com alguém. Tenho feito programas familiares e me bateu uma vontade de sair de casa, mesmo que passeira, e nem que tenha que ser no supermercado. Rs

Mas vamos á luta!


Parabéns Nero!! Me motivei bastante lendo isso ai.
Também tenho esse problema da gagueira, só que no meu caso é só quando eu fico nervoso (tipo uma apresentação da escola), ocasiões assim eu atropelo todas as palavras e ninguém entende nada kkkkkk quero muito melhorar isso ai.

Vamos a luta brother!

_______________________________________

Só se pode alcançar um grande êxito quando nos mantemos fiéis a nós mesmos.
-Nietzsche
avatar
Tom Hansen
Mensagens : 55
Data de inscrição : 11/08/2015
Idade : 24

Re: Meu Diário - A última esperança

em 13/2/2017, 14:40
Nero, li seu diário e gostaria de parabenizá-lo cara. Você tem muita força de vontade. Meu contato com porno começou mais ou menos na mesma idade que você começou. É foda man. Eu quando for pai vou tentar de tudo para evitar que esse mal chegue aos meus filhos. Uma dica que tem me ajudando há tempos no reboot é musculação. Se você tiver a oportunidade de fazer, e se sentir bem, faça. Até porque é uma desculpa para sair de casa também, conhecer pessoas, trocar ideias. Não sei se entendi errado, mas parece que você não estuda né, faculdade ou coisa do tipo, seria bom se você começasse alguma coisa. Lugares assim são ótimos para melhorar as habilidades sociais. Enfim, boa sorte man, continue no caminho que os resultados serão sendo acrescentados!

_______________________________________
"Our greatest weakness lies in giving up. The most certain way to succeed is always to try one more time."



MEU DIÁRIO: http://www.comoparar.com/t4647-deixando-o-mal-para-tras
avatar
Nero
Mensagens : 114
Data de inscrição : 14/01/2017

Re: Meu Diário - A última esperança

em 14/2/2017, 12:59
Stak = Iae, Stark, que bom que o meu relato lhe serviu de motivação. Isso me motiva a continuar em frente. Pois é, nem diria que é gagueira, mas, dar umas atropeladas nas palavras quando falo com desconhecidos se tornou bem comum de uns tempos pra cá. Quanto mais nos isolamos do mundo, piores ficam nossas habilidades sociais. Ficamos uns bobões. rs Valeu pela força! Vamos á luta!


Tom Hansen = Valeu pelas dicas pela força. É foda, eu vejo meus sobrinhos com aqueles tablets jogando, e fico com medo deles terem acesso precoce a essas porcarias. Mas tenho vergonha de falar pros pais deles. O jeito é proteger nossos próprios filhos no futuro. Tenho feito exercícios em casa e pretendo começar em breve uma academia. Estudar é muito bom mesmo para ficar mais sociável. Quando eu estudava fazia amigos, conversa de tudo, era engraçado, etc. Tenho que arrumar um emprego e iniciar um curso. Ou pelo menos só um emprego neste ano. Forte abraço. Vamos á luta!

_______________________________________
Meu diário: http://www.comoparar.com/t4471-meu-diario-a-ultima-esperanca
avatar
Nero
Mensagens : 114
Data de inscrição : 14/01/2017

Re: Meu Diário - A última esperança

em 17/2/2017, 20:08
Olá, pessoal, passando para atualizar meu diário.

Sem grandes fissuras nos últimos dias, mas sempre volta aquela vontadezinha de assistir um P. ou procurar um que eu assisti lá pelos meus 11, 12 anos. O jeito é não perder a linha. Assisti uns filmes de luta e me deu mais vontade de malhar e aprender a lutar, e, é claro, ter um corpo atlético. Meu corpo é desproporcional, um pouco acima do peso, tenho ginecomastia ou lipomastia, enfim, a famosa "tetinha", e sou alvo de piadas até de familiares. Isso baixa consideravelmente a minha auto estima. Quem sabe se eu ficar com um corpo atlético eu não consiga minimizar isso, e se for lipomastia, quero eliminar por completo. Tudo isso devido ao sedentarismo, má alimentação e masturbação, que sugava minhas energias e me fazia desistir. Agora não mais!


_______________________________________
Meu diário: http://www.comoparar.com/t4471-meu-diario-a-ultima-esperanca
avatar
Stark
Moderador
Moderador
Mensagens : 958
Data de inscrição : 22/07/2016
Idade : 19
Localização : Torre Stark

Re: Meu Diário - A última esperança

em 17/2/2017, 20:37
Nero escreveu:Olá, pessoal, passando para atualizar meu diário.

Sem grandes fissuras nos últimos dias, mas sempre volta aquela vontadezinha de assistir um P. ou procurar um que eu assisti lá pelos meus 11, 12 anos. O jeito é não perder a linha. Assisti uns filmes de luta e me deu mais vontade de malhar e aprender a lutar, e, é claro, ter um corpo atlético. Meu corpo é desproporcional, um pouco acima do peso, tenho ginecomastia ou lipomastia, enfim, a famosa "tetinha", e sou alvo de piadas até de familiares. Isso baixa consideravelmente a minha auto estima. Quem sabe se eu ficar com um corpo atlético eu não consiga minimizar isso, e se for lipomastia, quero eliminar por completo. Tudo isso devido ao sedentarismo, má alimentação e masturbação, que sugava minhas energias e me fazia desistir. Agora não mais!

Cara sei bem como é isso, meu corpo faz o estilo magrão tlgd? os familiares sempre comentavam isso e fazia piadinhas, fazia até mais que meus amigos (até porque amigo o cara pode mandar ele se f****). Depois que entrei para o karatê meu físico deu melhorada, nada de espetacular mas a galera comenta que tá muito melhor e as piadas acabaram. Claro que não quero parar por aqui, vou fazer uns exercícios em casa mesmo (flexões, abdominais, agachamentos, etc.).

Recomendo muito fazer uma arte marcial cara, seja ela qual for, os benefícios são inúmeros (melhor autoestima, mais "moral", autodefesa, autocontrole, etc), tem meu apoio, afinal você vai ter que gastar suas energias com outra coisa que não seja PM certo ?

Sucessos.

_______________________________________

Só se pode alcançar um grande êxito quando nos mantemos fiéis a nós mesmos.
-Nietzsche
avatar
Marco
Mensagens : 1060
Data de inscrição : 09/01/2017

Re: Meu Diário - A última esperança

em 17/2/2017, 23:47
Nero escreveu:Olá, pessoal, passando para atualizar meu diário.

Sem grandes fissuras nos últimos dias, mas sempre volta aquela vontadezinha de assistir um P. ou procurar um que eu assisti lá pelos meus 11, 12 anos. O jeito é não perder a linha. Assisti uns filmes de luta e me deu mais vontade de malhar e aprender a lutar, e, é claro, ter um corpo atlético. Meu corpo é desproporcional, um pouco acima do peso, tenho ginecomastia ou lipomastia, enfim, a famosa "tetinha", e sou alvo de piadas até de familiares. Isso baixa consideravelmente a minha auto estima. Quem sabe se eu ficar com um corpo atlético eu não consiga minimizar isso, e se for lipomastia, quero eliminar por completo. Tudo isso devido ao sedentarismo, má alimentação e masturbação, que sugava minhas energias e me fazia desistir. Agora não mais!


Parabéns Nero pelos 40 dias. Muito bom. Fico muito feliz cara, começamos juntos e logo logo vou ver você no pódio. Força.

Essa falta de energia que você relata era uma das coisas que mais me incomodava durante as semanas em PMO. Já posso notar que isso está modificando.

Releve os comentários dos familiares. Use-os para se tornar mais forte, engrossar a casca. Eu posso entende o que você fala - não é toda camisa de malha fina que serve pra mim não... Smile Smile

E continue o combate ao sedentarismo e má alimentação. Sucesso.

_______________________________________
Meu diário: http://www.comoparar.com/t4437p475-diario-de-marco-de-volta-para-a-realidade#126309


Crux Sacra Sihi mihi lux; non draco sihi mihi dux; vade retro satana!; nunquan suad mihi vana; sunt mala quae libas; ipse venena bibas
avatar
Brit
Moderador
Moderador
Mensagens : 996
Data de inscrição : 09/01/2017
Idade : 26
Localização : São Paulo - SP

Re: Meu Diário - A última esperança

em 19/2/2017, 21:59
Eaí Nero! Agradeço a mensagem de apoio deixada no meu diário! Vlw mesmo irmão! Já estou tranquilo e consciente de que as coisas estão evoluindo sim...

Cara feliz demais por vc. Talvez vc não tenha notado, mas olha vc aí evoluindo: fazendo planos de se cuidar, mudar a aparência, viver mais ativo, ficar sarado. É isso aí mano!! Coloque isso em prática, não deixe passar.
Lógico que ninguém fica sarado do dia pra noite, pensar assim pode te frustrar, mas é só ter paciência que os resultados virão e logo vc vai estar por aí exibindo um corpo legal. Todo mundo consegue e vc tbém vai conseguir, só que temos que começar se não nunca vamos mudar. Só de sair do sedentarismo já será uma baita conquista!
Pra mim foi difícil até entrar na academia pra pedir informações, um dia criei coragem e fui lá conhecer, nisso a mulher já me falou que eu podia experimentar ir lá por uma semana e no outro dia eu já estava lá suando.

PS: no primeiro treino eu cheguei a passar mal, não aguentei, fiquei tonto e achei que fosse desmaiar/ vomitar, tive que parar e sair, maior vergonha kkk mas os professores foram gente boa, me ajudaram e me deram a maior força!

Coragem e sucesso aí man! Abraço!

_______________________________________

Meu diário:
http://www.comoparar.com/t4440-diario-do-brit
avatar
Mestrechefe
Mensagens : 176
Data de inscrição : 16/10/2015
Idade : 23
Localização : RJ

Re: Meu Diário - A última esperança

em 19/2/2017, 22:56
Rapaz, tô achando que você vai conseguir. Parece estar no caminho certo, só precisa continuar nele.
Saiba que também estou aqui na torcida pelo seu sucesso, continue firme.

Há braço!

_______________________________________
Desistir, só morto.

Diário do pai:
http://www.comoparar.com/t1682-a-saga-do-mestrechefe-desistir-jamais
avatar
Nero
Mensagens : 114
Data de inscrição : 14/01/2017

Re: Meu Diário - A última esperança

em 20/2/2017, 11:24
Stark escreveu:
Nero escreveu:Olá, pessoal, passando para atualizar meu diário.

Sem grandes fissuras nos últimos dias, mas sempre volta aquela vontadezinha de assistir um P. ou procurar um que eu assisti lá pelos meus 11, 12 anos. O jeito é não perder a linha. Assisti uns filmes de luta e me deu mais vontade de malhar e aprender a lutar, e, é claro, ter um corpo atlético. Meu corpo é desproporcional, um pouco acima do peso, tenho ginecomastia ou lipomastia, enfim, a famosa "tetinha", e sou alvo de piadas até de familiares. Isso baixa consideravelmente a minha auto estima. Quem sabe se eu ficar com um corpo atlético eu não consiga minimizar isso, e se for lipomastia, quero eliminar por completo. Tudo isso devido ao sedentarismo, má alimentação e masturbação, que sugava minhas energias e me fazia desistir. Agora não mais!

Cara sei bem como é isso, meu corpo faz o estilo magrão tlgd? os familiares sempre comentavam isso e fazia piadinhas, fazia até mais que meus amigos (até porque amigo o cara pode mandar ele se f****). Depois que entrei para o karatê meu físico deu melhorada, nada de espetacular mas a galera comenta que tá muito melhor e as piadas acabaram. Claro que não quero parar por aqui, vou fazer uns exercícios em casa mesmo (flexões, abdominais, agachamentos, etc.).

Recomendo muito fazer uma arte marcial cara, seja ela qual for, os benefícios são inúmeros (melhor autoestima, mais "moral", autodefesa, autocontrole, etc), tem meu apoio, afinal você vai ter que gastar suas energias com outra coisa que não seja PM certo ?

Sucessos.

Valeu, Stark! É foda ter um corpo que não nos agrade, mas é possível mudar isso. Pretendo fazer alguma arte marcial, sempre quis na verdade, sempre assisti filmes de luta e sou muito fã de artes marciais. Pretendo fazer karatê ou Muay thay. Abraços


Brit Obrigado pela força, Brit. Estou bem mais focado em mudar meu físico do que das outras vezes(que eu desisti, aliás). Embora eu esteja um pouco impaciente, querendo mudar logo, tenho consciência que isso pode levar muitos meses.

Marco e Mestrechefe Valeu pelas palavras e pela ânimo, pessoal. Vou usar isso como combustível para me manter firme até o final. Forte abraço




Atualizando o Diário

Ainda tenho muita dificuldade em combater a procrastinação. Fico ocioso na internet por muitas horas. Ainda tô pensando se corto a internet por um tempo ou se acesso apenas para atualizar meu diário - o que poderia me faz voltar de novo a internet. Só sei que isso me afastou da meditação e da leitura, o que é péssimo. Sempre tive uma ansiedade monstruosa, mas de uns tempos pra cá mal conseguia sair de casa e comprar alguma coisa. Isso diminuiu bastante. Agora já consigo responder alguém que pedir um informação com mais naturalidade e não tenho mais suadeira e nervosismo ao comprar qualquer coisa. Só ainda tenho dificuldade de sair de casa para socializar. Não tenho muitas opções além de sair com a família. Se eu for sair sozinho, eu teria que ficar perambulando sem destino e provavelmente desistiria. Então o jeito é ir mudando meus hábitos aos poucos até que eu consiga um emprego e possa socializar com mais frequência. Por isso vou começar a ler agora mesmo o livro "O poder do hábito", dizem que é muito bom.

Tenho pesquisado sobre PNL e achei muito interessante, principalmente sobre relacionamentos e rapport. Vi que pode ajudar a combater a ansiedade e depressão, etc e ajudar na socialização. Tô assistindo vários vídeos sobre o assunto e já baixei vários ebooks. Até a próxima, pessoal.

_______________________________________
Meu diário: http://www.comoparar.com/t4471-meu-diario-a-ultima-esperanca
avatar
Heitor..
Mensagens : 239
Data de inscrição : 05/01/2017

Re: Meu Diário - A última esperança

em 21/2/2017, 09:20
eai Nero parabéns pelos 43 dias man já é uma grande vitoria, cara sobre a meditação PNL eu indico muito, ela é muito boa, pois ela implanta muitos pensamentos de autoestima e auto-confiança no seu subconsciente, e o livro poder do hábito tbm é muito bom pois ele faz você abrir os olhos para as "deixas" que te fazem recair e taus. Abraço irmão
avatar
Nero
Mensagens : 114
Data de inscrição : 14/01/2017

Re: Meu Diário - A última esperança

em 22/2/2017, 23:12
Hoje(ontem) um antigo amigo veio aqui em casa, fiquei bem apreensivo com a presença dele, com dele me convidar pra sair e me tirar da minha zona de conforto. Ele veio me convidar para sua formatura. Normalmente eu ficaria desesperado, pensando o tempo todo nisso, mas não estou. Inclusive estou bem empolgado para ir. Sinto um bom avanço contra minha ansiedade. Agora preciso voltar para a meditação e melhorar ainda mais. Abandonar vícios é sempre muito benéfico. Ainda estou na fase da abstinência e de um processo de ruptura de uma zona de conforto. Largar PMO, se alimentar bem e deixar de ser sedentário não é fácil, mas tudo isso ajuda no processo de reprogramação mental. Inclusive não tenho tido grande vontade de acessar P. apenas de me masturbar, ás vezes. O que já mostra um grande avanço no processo.

O caminho é longo, mas vamos á luta

_______________________________________
Meu diário: http://www.comoparar.com/t4471-meu-diario-a-ultima-esperanca
avatar
couto94
Mensagens : 1120
Data de inscrição : 10/08/2015

Re: Meu Diário - A última esperança

em 23/2/2017, 05:53
E aí nero, blz cara? A ansiedade vai melhorando com o passar da restauração do nosso cérebro da P. Continue na luta, não desanime. Sua vida vai melhorar.
avatar
Nero
Mensagens : 114
Data de inscrição : 14/01/2017

Re: Meu Diário - A última esperança

em 6/3/2017, 21:40
Olá, pessoal, passando para atualizar o diário.

Já estou a quase 60 dias sem PMO, o que para mim era inimaginável. Só de ficar todo esse tempo sem masturbação, já é uma vitória pessoal, e pretendo tirar isso da minha vida. Quero ter a meta de só gozar com sexo, esquecer meios solitários de prazer, que sempre foi algo inútil na minha vida. Quero esquecer que masturbação é necessário para ter prazer.


Sobre outros aspectos, minha ansiedade diminuiu bastante, mas nem tanto, muito por erros meus. Semana passada tive dias péssimos, com pensamentos negativos, solidão, briguei com a família, voltei a pensar em suicídio, coisa que era praticamente diária antes do reboot. Na sexta fui para o jantar de formatura de um amigo, durante a semana até consegui me manter calmo, mas no dia fiquei extremamente nervoso, até a hora de ir. Isso mesmo, até uma simples ida num restaurante me deixa extremamente nervoso, tal é o nível da minha fobia social. Já no local, falei com conhecidos que não via há muitos anos, foi muito legal rever várias pessoas, sair, voltar tarde. Gostei muito, fiquei leve.

No outro dia fui no centro, e, sempre ficava um pouco nervo, nesse dia não. Não senti nada de ansiedade. Simplesmente fui, comi um suchi com a minha irmã e voltei. Domingo já comecei a sentir leves sensações de ansiedade, dormi muito tarde e hoje fiquei muito cansado, sem vontade de fazer nada, fiz exercícios com muito custo, porque vontade eu não tinha nenhuma. Me sinto meio na estaca zero com ansiedade, levando em conta sexta e sábado, que foram dias muito tranquilos, que tive muita vontade de sair e socializar. Ou seja, ressocialização deve ser algo constante, ininterrupto, sem grandes espaços de tempo. Esse é um erro que cometo, mas é complicado arrumar atividades para fazer sem ter um emprego, nem dinheiro pra ir em lugar nenhum. O jeito é se socializar com familiares mesmo. Só quem tem um nível avançado de ansiedade sabe como é, sentir ansia e dor de barriga sempre quando tem compromisso. Por isso 90 dias não é nada para mim, tenho muitos problemas para resolver, e preciso de muito mais tempo. Mas em relação a PMO, estou levando na boa.


Por hoje é só. Abraços, pessoal!


_______________________________________
Meu diário: http://www.comoparar.com/t4471-meu-diario-a-ultima-esperanca
avatar
Stark
Moderador
Moderador
Mensagens : 958
Data de inscrição : 22/07/2016
Idade : 19
Localização : Torre Stark

Re: Meu Diário - A última esperança

em 6/3/2017, 22:13
Parabéns Nero pelos quase 60 dias!! É uma ótima marca.

Como disse o amigo Broda lá no meu diário: A recuperação não é linear, uns dias tu vai se sentir muito bem, já outros nem tanto. Mas o que importa é que você está evoluindo.
Abrçs.

_______________________________________

Só se pode alcançar um grande êxito quando nos mantemos fiéis a nós mesmos.
-Nietzsche
avatar
Marco
Mensagens : 1060
Data de inscrição : 09/01/2017

Re: Meu Diário - A última esperança

em 7/3/2017, 06:10
Nero escreveu: Só quem tem um nível avançado de ansiedade sabe como é, sentir ansia e dor de barriga sempre quando tem compromisso. Por isso 90 dias não é nada para mim, tenho muitos problemas para resolver, e preciso de muito mais tempo. Mas em relação a PMO, estou levando na boa.


Sei como é Nero. As vezes eu tenho ansiedade pelos compromissos mais bestas possíveis. tipo ir no shopping no sábado a tarde pra tirar dinheiro no banco e só. Estava lendo uma histórias de sucesso e vi a do Toguro. Ele colocou para si uma meta de 300 dias pois sua intenção não era apenas largar o vício em PMO mas combater os problemas de ansiedade. Você está certo, 90 dias não será nada, precisaremos de muito mais tempo.

Queria ter a cura da ansiedade pra te dizer mas ainda estou procurando ela.

Parabéns pelos 60 dias. Uma conquista enorme. Sucesso.

_______________________________________
Meu diário: http://www.comoparar.com/t4437p475-diario-de-marco-de-volta-para-a-realidade#126309


Crux Sacra Sihi mihi lux; non draco sihi mihi dux; vade retro satana!; nunquan suad mihi vana; sunt mala quae libas; ipse venena bibas
avatar
Heitor..
Mensagens : 239
Data de inscrição : 05/01/2017

Re: Meu Diário - A última esperança

em 7/3/2017, 08:42
Nero escreveu:Olá, pessoal, passando para atualizar o diário.

Já estou a quase 60 dias sem PMO, o que para mim era inimaginável. Só de ficar todo esse tempo sem masturbação, já é uma vitória pessoal, e pretendo tirar isso da minha vida. Quero ter a meta de só gozar com sexo, esquecer meios solitários de prazer, que sempre foi algo inútil na minha vida. Quero esquecer que masturbação é necessário para ter prazer.


Sobre outros aspectos, minha ansiedade diminuiu bastante, mas nem tanto, muito por erros meus. Semana passada tive dias péssimos, com pensamentos negativos, solidão, briguei com a família, voltei a pensar em suicídio, coisa que era praticamente diária antes do reboot. Na sexta fui para o jantar de formatura de um amigo, durante a semana até consegui me manter calmo, mas no dia fiquei extremamente nervoso, até a hora de ir. Isso mesmo, até uma simples ida num restaurante me deixa extremamente nervoso, tal é o nível da minha fobia social. Já no local, falei com conhecidos que não via há muitos anos, foi muito legal rever várias pessoas, sair, voltar tarde. Gostei muito, fiquei leve.

No outro dia fui no centro, e, sempre ficava um pouco nervo, nesse dia não. Não senti nada de ansiedade. Simplesmente fui, comi um suchi com a minha irmã e voltei. Domingo já comecei a sentir leves sensações de ansiedade, dormi muito tarde e hoje fiquei muito cansado, sem vontade de fazer nada, fiz exercícios com muito custo, porque vontade eu não tinha nenhuma. Me sinto meio na estaca zero com ansiedade, levando em conta sexta e sábado, que foram dias muito tranquilos, que tive muita vontade de sair e socializar. Ou seja, ressocialização deve ser algo constante, ininterrupto, sem grandes espaços de tempo. Esse é um erro que cometo, mas é complicado arrumar atividades para fazer sem ter um emprego, nem dinheiro pra ir em lugar nenhum. O jeito é se socializar com familiares mesmo. Só quem tem um nível avançado de ansiedade sabe como é, sentir ansia e dor de barriga sempre quando tem compromisso. Por isso 90 dias não é nada para mim, tenho muitos problemas para resolver, e preciso de muito mais tempo. Mas em relação a PMO, estou levando na boa.


Por hoje é só. Abraços, pessoal!

Eai Nero parabéns pelos 57 dias kra, é foda msm essa oscilação de humor, mas continue firme na luta que eu quero ver seu depoimento na historia de sucesso hein. Kra é foda msm está desempregado e precisando de gold kkk, mas é isso ai vamos atrás dessa vitoria man. Abraços
Ver o tópico anteriorVoltar ao TopoVer o tópico seguinte
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum