Compartilhe
Ir em baixo
avatar
Alpino
Mensagens : 183
Data de inscrição : 09/07/2017
Localização : SC

Re: Se abstenha de atos reiterados que proporcionem pensamentos negativos.

em 5/9/2017, 01:26
Eu me pergunto: será que meus parentes não se tocam que fazer sempre essa pergunta (você não namora? )é irritante para quem ouvi ?
Eu arrumei uma a pouco tempo o que deu uma aliviada, mas ainda tenho essa mesma paranoia que você. Essa pressão até modifica a maneiro com que você se olha no espelho e se expressa diante as pessoas. O complexo de inferioridade toma conta geral.
Quanto aos estudos, não há melhores professores que os livros e exercícios.

avatar
BrCoyote
Mensagens : 165
Data de inscrição : 21/12/2016
Idade : 24
Localização : Brasília

Re: Se abstenha de atos reiterados que proporcionem pensamentos negativos.

em 7/9/2017, 20:26
Fala mano chegando agora no seu diário, fiz um rápido overview, vou passar a te acompanhar.

Alguns apontamentos:
Primeiro: Não perca tanto tempo aqui no Fórum (eu por exemplo, posto apenas uma vez na semana, sempre que alcanço alguma meta, leio rapidamente diários alheios e vazo), é uma forma de não desperdiçar tempo, além de evitar de ficar pensando em algo relacionado ao vício. E ainda tem o controle da dopamina, ficar aqui no fórum vicia pelo efeito da novidade e pela falsa sensação de socialização.

Segundo: Esqueça esse negócio de 90 dias. Afinal o que você vai fazer depois disso? Cair novamente em PMO? Evidente que essa não é a intenção, os dias são apenas um marcador de referência. Você sabe, é um dia de cada vez, comemore cada dia, assim a ansiedade declina.

Terceiro: Cara eu tenho esses mesmos problemas em relação a namorada, ainda não superei. Seu relato foi certeiro, assim como o de outros colegas.

Eu também tenho a mesma frustração que você: tenho 24 anos e nunca consegui ter uma namorada. Olho a minha volta e vejo todo mundo namorando, menos eu. É algo que, às vezes, é desesperador. Eu fico pensando "como aquele cara conseguiu uma namorada e eu nada?". Estou nesse reboot, pois creio que o vício de PMO me afastou desde cedo do contato com mulheres e é algo que quero reverter logo. Também é muito chata essa cobrança de ficarem perguntando sobre namorada. Às vezes, nem sei o que responder, mas vamos conseguir, meu amigo.

Quase que um retrato de mim.

Quarto: Sua evolução e maturidade em relação ao enfrentamento do vício é perceptível, continue assim. E se puder comece o quanto antes a praticar algum exercício físico, eu recomendo musculação. Nos estudos uma frase: "As palavras frias e mortas de um bom livro são infinitamente superiores à voz quente e viva de um professor idiota". Seja autodidata.

Falou.
BrCoyote
Zero to Hero

_______________________________________
"Enquanto há vida, há esperança. (Eclesiastes 9:4)"
Meu Recorde sem PMO em Hard Mode: EM ANDAMENTO
Meu diário: Leia Aqui!
Principais Conquistas: 37 dias, 35 dias, 31 dias, 29 dias, 27 dias, 24 dias, 20 dias, 17 dias(2x), 14 dias(2x), 13 dias,
12 dias, 11 dias(2x), 10 dias(3x)

avatar
Conor Mcgregor.
Mensagens : 1164
Data de inscrição : 05/05/2017
Idade : 28

Re: Se abstenha de atos reiterados que proporcionem pensamentos negativos.

em 8/9/2017, 05:22
TristeDesesperado escreveu:É normal ter vontade de ter muita vontade de fazer sexo depois dos 30 dias de abstenção da PMO? Eu não vejo nada mais erótico pela Internet... Mas mesmo assim tô com um pequeno delírio de fazer sexo.... =( Isso é ruim, sabe? Eu não tenho como materializar essa vontade.... =(

Sim...O tesão fica acumulado...As vezes a vontade vem e volta

_______________________________________
DA UMA PASSADA NO MEU DIÁRIO: http://www.comoparar.com/t5738-diario-do-mcgregor

"NOS VEMOS NO PÓDIO" - TOGURO  ( A LENDA DO FORUMEIROS).

Toguro, entra em contato meu velho!

avatar
Conor Mcgregor.
Mensagens : 1164
Data de inscrição : 05/05/2017
Idade : 28

Re: Se abstenha de atos reiterados que proporcionem pensamentos negativos.

em 8/9/2017, 05:23
Mas depois do reboot, essa vontade frenética vai diminuindo...Até as coisas voltarem ao normal...

_______________________________________
DA UMA PASSADA NO MEU DIÁRIO: http://www.comoparar.com/t5738-diario-do-mcgregor

"NOS VEMOS NO PÓDIO" - TOGURO  ( A LENDA DO FORUMEIROS).

Toguro, entra em contato meu velho!

TristeDesesperado
Mensagens : 153
Data de inscrição : 04/08/2017

Re: Se abstenha de atos reiterados que proporcionem pensamentos negativos.

em 9/9/2017, 06:42
BrCoyote escreveu:Fala mano chegando agora no seu diário, fiz um rápido overview, vou passar a te acompanhar.

Alguns apontamentos:
Primeiro: Não perca tanto tempo aqui no Fórum (eu por exemplo, posto apenas uma vez na semana, sempre que alcanço alguma meta, leio rapidamente diários alheios e vazo), é uma forma de não desperdiçar tempo, além de evitar de ficar pensando em algo relacionado ao vício. E ainda tem o controle da dopamina, ficar aqui no fórum vicia pelo efeito da novidade e pela falsa sensação de socialização.

Segundo: Esqueça esse negócio de 90 dias. Afinal o que você vai fazer depois disso? Cair novamente em PMO? Evidente que essa não é a intenção, os dias são apenas um marcador de referência. Você sabe, é um dia de cada vez, comemore cada dia, assim a ansiedade declina.

Terceiro: Cara eu tenho esses mesmos problemas em relação a namorada, ainda não superei. Seu relato foi certeiro, assim como o de outros colegas.

Eu também tenho a mesma frustração que você: tenho 24 anos e nunca consegui ter uma namorada. Olho a minha volta e vejo todo mundo namorando, menos eu. É algo que, às vezes, é desesperador. Eu fico pensando "como aquele cara conseguiu uma namorada e eu nada?". Estou nesse reboot, pois creio que o vício de PMO me afastou desde cedo do contato com mulheres e é algo que quero reverter logo. Também é muito chata essa cobrança de ficarem perguntando sobre namorada. Às vezes, nem sei o que responder, mas vamos conseguir, meu amigo.

Quase que um retrato de mim.

Quarto: Sua evolução e maturidade em relação ao enfrentamento do vício é perceptível, continue assim. E se puder comece o quanto antes a praticar algum exercício físico, eu recomendo musculação. Nos estudos uma frase: "As palavras frias e mortas de um bom livro são infinitamente superiores à voz quente e viva de um professor idiota". Seja autodidata.

Falou.
BrCoyote
Zero to Hero


Fala Coyote,

Eu sei que 90 dias não quer dizer nada. Mas é uma simbologia, sabe? Conheço o fórum há mais de três anos e venho tentando completar o reboot. Chegar aos 90 dias seria como se fosse uma "vitória". Mas, claro, não vou abaixar a guarda.

É. Parece que é normal ficar com um pouco de raiva de nós mesmos por não ter nenhuma namorada. Em verdade, creio que seja inveja da nossa parte ao ver um homem com a sua namorada. Naesee caso, a comparação permite nos sentirmos inferiores. O bom é saber que podemos namorar a qualquer idade...

É verdade. Para mim, o fórum dá um efeito análogo ao que acontrce quando estamos usando o Facebook. A minha mente é ansiosa e viciada em novidades. Resultado é que passo muito tempo perdendo meu tempo no fórum. Vou parar de usar o fórum assiduamente. Quando completsr o renoot, pretendo usá-lo de um em um mês...

O see humao nunca vai ser comparado a um livro, afinal de contas não somos máquinas para memlrizar todos os detalhes de uma página. Eu concordo. Livros fazem um trabalho melhor do que um professor pelo menos nos cursos que não envolvam cálculo ou laboratório. Como o meu curso é de humanas, soa meio que inútil haver um professor...

Musculação eu pretendo fazer. Sinceramente, só não fiz até agora porque quero pagar as coisas com o meu dinheiro. Acho um saco pedir as coisas para os meus pais. Pretendo estagiar no próximo semeetre... Espero que eu não entre em um estágio voluntário Sad
TristeDesesperado
Mensagens : 153
Data de inscrição : 04/08/2017

Re: Se abstenha de atos reiterados que proporcionem pensamentos negativos.

em 9/9/2017, 20:15
Estou constantemente tendo sonhos relacionados a abstenção da PMO. Por exemplo, sempre sonho que eu me masturbo... Daí subitamente eu me acordo achando que eu tinha recaído. Ao longo desse reboot, já foram uns 9 ou 10 sonhos relacionados a isso. Quando não era eu me masturbando, era eu fazendo sexo com alguma mulher que nunca tinha visto Oo'

Sinto que o meu escroto fica doendo quando eu faço um simples esforço. Não sei se isso está relacionado ao acúmulo de sêmen. Para um cara que se masturbava quatro ou cinco vezes diariamente assiduamente durante três anos....

A vontade de transar tá alta. Apesar disso, eu não fantasio com as moças que eu vejo na rua ou na faculdade. Não tenho vontade de se masturbar. Recentemente estou com uma pequena vontade de ver erotismos na Internet, mas não procuro esse material por saber que foi isso que me levou a ver as mulheres de um jeito completamente distorcido... É melhor se prevenir. É melhor não dar nem um primeiro gole...

Não sei o motivo mas hoje tive vontade de fazer trote com as acompanhantes aqui na minha cidade. Eu instalei um aplicativo chamado "WePhone" pelo android. Dá para fazer ligações gratuitas por lá. Enfim, eu fiquei morrendo de vontade de fazer essa conduta estranha... Ainda bem esses sites de acompanhantes tão cheio de erotismos para assim não acessar e pegar o telefone.

Pena que só poderei saborear um erotismo quando eu estiver dentro desse erotismo... E sei que vai demorar muito! HEHEHE Sad

40 dias sem M e 36 dias sem P.

Tentarei ser menos ansioso. Para isso, o primeiro passo é controlar o meu vício de ficar lendo os diários desse fórum a cada 2 em 2 horas. Eu dou block pelo PC, mas não bloqueio pelo tablet -.-'
Convidado
Convidado

Re: Se abstenha de atos reiterados que proporcionem pensamentos negativos.

em 10/9/2017, 00:25
Salve, amigo.

Um dos maiores erros daqueles que não "pegam ninguém" é achar que a felicidade se resume em ter uma bela namorada ou comer várias garotas. Cara, depois dê uma olhada em meu diário e em alguns posts que fiz em outros diários e você verá cada presepada que já me envolvi por ter acesso a várias mulheres. Em alguns casos até atrapalha mais do que ajuda ter uma vida sexual ativa.

Mulher é MUITO complicado de lidar, ao mesmo tempo que é a melhor coisa do mundo, pode te jogar em um inferno emocional insano. Tome muito cuidado, e leia Nessahan Alita (jogue no google).

O foco agora é nos livrarmos dessa imundície de pornografia e masturbação. Você e eu estamos com tempos parecidos de reboot, vamo comemorar junto essa porra.

Sangue no olho e força no inferno.

Abraços.
TristeDesesperado
Mensagens : 153
Data de inscrição : 04/08/2017

Re: Se abstenha de atos reiterados que proporcionem pensamentos negativos.

em 13/9/2017, 18:52
Estou na faculdade. Como eu já estou cansado de estudar, resolvi dar uma passada por aqui.

Nem sei mais quantos dias sem PMO estou. Só sei que viver sem PMO é muito dificil. A vida aqui fora é cheio de complicações e muito estresse. Nunca pensei que iria ter tantos ataques de raiva e de muita tristeza ao longo desse tempo.

É duro aceitar a realidade do jeito que ela é. Minha vida nunda ficou tão ruim como agora. Sei que, apesar de esses problemas surgirem, eles serão os passos de minha evolução. É por isso que não abro mão de viver essa vida do jeito que ela é.

A PMO serviu como um oracúlo para enxergar vários outros problemas que não eram até então percebidos. Os "três pilares do desenvolvimento", que são corpo, mente, espírito ainda precisarão ser bastante desenvolvidos para garantir resiliência contra as pressões diárias ee agentes externos e contrários a minha pessoa.

Ter fé. Nunca desistir vai ter que ser levado à tona. Mesmo sozinho, sem ninguém que possa me dar bons conselhos de como chegar mais cedo na linha de chegada, vou ter que resistir. É uma longa caminhada. Muitos eesistem e ficarão frustrados para sempre por não conseguirem vencer o seu maior inimigo, que é você mesmo.

Confesso que não estou fazendo o reboot por meio da forma recomendável. Não consigo me socializar. Talvez seja porque ainda tenho baixa autoestima. Essa, por sua vez, diminuiu consideravelmente ao longo do processo do reboot. Por exemplo, acabei de olhar para uma garota muito bem bonita e extremamente cheirosa que está sentado nesse exato momento na minha frente estudando. Em outras épocas, estaria eu apreensivo para falar com a garota e, caso não falasse, me sentiria como um verdadeiro fracassado. Hoje, apesar daquela vontade de conhecer uma fêmea atraente, não me bate uma raiva ou tristeza oumuma ânsia por não estar conseguindo ser notado por ela.


Última edição por TristeDesesperado em 13/9/2017, 19:23, editado 1 vez(es)
avatar
Zyzz
Mensagens : 1158
Data de inscrição : 28/04/2017
Idade : 18

Re: Se abstenha de atos reiterados que proporcionem pensamentos negativos.

em 13/9/2017, 19:12
Disse tudo meu velho.

Forte abrç.

_______________________________________
TristeDesesperado
Mensagens : 153
Data de inscrição : 04/08/2017

Re: Se abstenha de atos reiterados que proporcionem pensamentos negativos.

em 13/9/2017, 19:22
Realmente você sente uma vontade de conhecer uma fêmea quando está há muito tempo sem PMO. O interessante é que eu nem penso em chegar numa garota por causa e seumcorpo bem gostoso para meter e ter um belo orgasmo(esse era o meu pensamrnto). Eu só quero mesmo agora é ter uma conversa prazerosa.

Confesso que sou carente em relação ao número de farotas que eu interajo. Interagir eu interajo, mas não pasaa se meras conversas banais e de curto prazo. Nunca na minha vida toda conversei com uma garota (tá, só conversei uma única vez por 30 minutos com uma. Isso foi aconteddu no ano passssdo quando estava no ônibus) por mais e 10 minutos. Nunca sentei no banco ao lado de uma garota para conversar sobre a vida.

Isso me afeta? Afeta, né? Várias garotas lindas e não conseguir seduzir ou conquistar ou pelo menos criar afeto com uma única é chato, né? Mas o que eu posso fazer?   Não tenho muito tempo mesmo para ser interessante. Minha vida é regada por estudo. Até de madrugada (2:40 a.m.) eu já inicio novamente a maratona de donhecimento. E o pior é que fica muito acumulado o conteúdo. Revisar matérias passadas dos semestres passados mais estudar e revisar matérias novas está sendo um pouco dificultoso. A madrugada só servr mesmo para revisar.

Queria me destacar nesse curso, isto é, mostrar para os outros que eu tenho conhecimento. Porém, não consigo ter tempo de participar de grupos de pesquisa ou ser monitor, pois se não não dsria pars estudar direito o conteúdo.


Um dia a luz e as trevas aparecerão e cessarão no transcorrer do caminho. Cabe nunca desistir de prosseguir na caminhada árdua do desenvolvimento. Missão dada é missão cumproda!
TristeDesesperado
Mensagens : 153
Data de inscrição : 04/08/2017

Re: Se abstenha de atos reiterados que proporcionem pensamentos negativos.

em 14/9/2017, 05:25
É normal chegar aos 20 e perceber que os seus pais estão se fechando? Tipo, cada um fica no seu canto. Ninguém vem falar mais comigo ou falar coisas boas. Só existe reclamação e cobrança. Não existe mais aquela empolgação familiar que havia antes...

Minha mãe, por exemplo, só saber falar comigo gritando para resmungar de alguma situação que eu fiz ou que aconteceu no trabalho dela. SÓ isso mesmo! Não percebo mais nenhum carinho ou algo do tipo. O mais massa é que, quando eu falo com ela, ela diz "tô cansada, me deixa em paz" ou grita "CALA A BOCA! Seu chato!". Droga? Que eu fiz? Passo o dia todo estudando e ainda recebo esse tratamento? -.-'

Meu pai fica na dele. Não fala mais comigo também. Na verdade, ele não fala muito com a minha mãe também. Não se abre muito com a gente... Dá para até notar como ele fala com agente com algum amigo dele... É bem chato. Falar com o amigo dele é um tom de alegria, por enquanto que falar comigo ou com minha mãe é um tom bem melancólico... Não gosto muito falar com ele porque ele não diz nenhuma palavra. Só fica dizendo "Hum..Hum..." e ainda, por enquanto que eu estou falando, fica lendo alguma coisa na Internet. Dá para ver como ele nem se importa muito com o que eu falo.

Notório observar que eu não sentia isso quando estava enclausurado quando estava consumindo a PMO. Só que, como é perceptível, aquela vontade de interagir e de se integrar mais com as pessoas é bastante normal... Poxa, é chato... Já não tenho amigos na faculdade e agora nem tenho meus meus pais para conversar direito =( Fico muito mal às vezes com essa situação... Viver em uma casa como se fosse um desconhecido.... Sem interação... Sem boas conversas...

Com isso, a minha habilidade quando ao desenvolvimento de relação social está teoricamente cessada. Caramba, como tenho muitos problemas para consertar! Agora é tentar de alguma forma conseguir ser mais espotâneo, menos fechado e mais alegre na faculdade para, pelo menos, ter quem conversar... KKKKKK. Só que não dá muito certo ser alegre em um curso totalmente áspero em que você precisa passar horas e horas tentando não ficar acumulando as matérias para o outro dia (apesar de, SEMPRE, você consegue a proeza de acumular as matérias que foram dadas em sala de aula. Na verdade, acumulo porque estudo para concurso e para OAB... Passar na faculdade de Direito é moleza. Difícil mesmo é estudar para OAB ou concurso público. Completamente diferente)


Isso é normal acontecer quando você chega numa idade de 20 anos? =/
avatar
Bolseiro_carioca
Mensagens : 685
Data de inscrição : 27/08/2016
Idade : 26

Re: Se abstenha de atos reiterados que proporcionem pensamentos negativos.

em 14/9/2017, 09:01
Sim, cara, é normal. Cmg tbm acontece o mesmo. Mas vou te dizer que a culpa não é sua. Provavelmente seus pais estao pagando por alguma péssima escolha que eles fizeram na VIDA. Tipo, manter um casamento falido por muito tempo. Ou não ter se dedicado a estudar e conseguir empregos melhores. Então a frustação deles termina te afetando mas eles ainda te amam. E vc tem que se esforça pra quebrar essa barreira com jeito e não absorver os problemas deles. Que pertencem apenas a eles mesmo, não a você. Cuide do que te interessa, sua faculdade e o reboot. Foque e expanda seu lado social com outras pessoas. Não lamente, se esforce e corra atrás.

_______________________________________
avatar
Aquilles
Mensagens : 274
Data de inscrição : 12/06/2017

Re: Se abstenha de atos reiterados que proporcionem pensamentos negativos.

em 14/9/2017, 09:05
É como você disse, você só ver agora porque não tá mais com PMO, aconteceu a mesma coisa comigo. Mas já pensou, faz sentido você ficar triste? Você reconheceu um problema, tirou o véu que te cegava, não deveria ficar feliz por agora poder revolvê-lo? E se você só fosse se tocar disso aos 30 anos e a parede entre vocês estivesse muito maior?
Vai dando teu jeito cara, faz por ti, se não tá funcionando a interação com eles se esforça mais, se realmente quiser, analisa aí as horas que eles podem estar mais abertos, os assuntos, vai que não seja também o jeito que tu fala? Mesmo com toda a boa vontade do mundo, se você tiver com a cara fechada ninguém vai ser muito aberto contigo, teu corpo fala. E mesmo se tu tiver indo muito bem, demora um tempo até eles darem o braço a torcer e nesse tempo tu vai ter que continuar fazendo, mesmo sem receber em troca. Não seria muito estranho alguém que era fechado contigo começasse a ser legal? Eu ficaria desconfiado por um tempo.
Mas a grande verdade que eu acho é que depois que chegamos na fase adulta isso é normal mesmo. Adulto não serve pra morar com os pais. Já vi até filmes que falavam sobre isso. Depois que o cara virou adulto ele tem que buscar sua independência, senão vai passar o resto da vida recebendo cobranças dos pais e é tratado como criança .
Já dizia Augusto Cury ''se na juventude é normal morar com os pais, na vida adulta se torna uma grande fonte de problemas e baixo autoestima''.
Mas veja pelo lado bom, pelo menos você faz alguma coisa, e eu que tô com vinte e fazendo absolutamente nada, já pensou?
Continua firme aí sem PMO que é o que importa, tem muito o que acontecer ainda.

E que história é essa que tua vida não esteve tão ruim, estava bem pior quando estava com todos esses problemas e nem conseguia ver alienado pela PMO, não acha?

_______________________________________


Meu diário: http://www.comoparar.com/t5744-diario-do-aquilles
Convidado
Convidado

Re: Se abstenha de atos reiterados que proporcionem pensamentos negativos.

em 14/9/2017, 23:33
É normal nessa geração atual. Não se esqueça que nossos pais são a primeira geração rebelde, frutos do Woodstock. A tecnologia e as redes sociais foram o fermento que faltavam para que virassem adultos chatos, reclamões e frustrados. Não que sejamos exemplo, mas nossos pais, infelizmente tem muito mais defeitos que nossos avós.
TristeDesesperado
Mensagens : 153
Data de inscrição : 04/08/2017

Re: Se abstenha de atos reiterados que proporcionem pensamentos negativos.

em 15/9/2017, 11:14
Realmente tenho que dizer que a minha mãe odeia o trabalho dela. Ela é professora de química. Fica sempre irritada com a direção e os alunos na instituição em que ela trabalha. Ela realmente muita frustrada com o trabalho dela! Escuto desde criança a mesma coisa: "quero sair do meu trabalho". O problema é que ela vive reclamando sobre isso mas não faz nada. Tipo, ela chega do trabalho e fica assistindo televisão ou acessando a Internet. Não sai de casa, não faz NENHUMA atividade física, só fala pelo telefone com os irmãos (creio que ela não tem nenhum amigo. Colegas talvez possua, mas amigo(a) mesmo não tem mesmo). Ainda para piorar a situação, fica super irritada com o salário que ela recebe. Nas palavras delas, "trabalho muito, mas recebo pouco". Os únicos locais que ela sai: supermercado, casa dos pais, trabalho e, raramente, para a igreja (agora tá assistido a missa na televisão -.-').

Para piorar o quadro, ela tem problemas estomacais graves, tem muita queda de cabelos e várias outras coisas que é melhor nem citar para não estender muito o texto.  Talvez o estresse que ela tem com a vida esteja relacionado com todos esses fatores citados.

Entre meu pai e minha mãe, a minha mãe é a pessoa que mais grita, mais discute, mais xinga, gosta muito de "marcar território", esconde várias coisas, é a mais sensível, e também é a mais "criança" também. Meu pai é muito calmo... Ele não perde a cabeça tão fácil.
___________________________________________________________________________________


É útil sim saber dos nossos problemas mais cedo do que tarde! Eu não queria dizer que a abstenção da PMO fosse ruim, visto que para a gente evoluir temos que passar pelo sofrimento. De fato, sair da PMO é doloroso. É ver a vida como ela é.

__________________________________________________________________________________

Hoje eu sequei algumas mulheres. Infelizmente fiquei vendo não só o rosto da garota, mas fiquei contemplando o belo par de coxas e panturrilhas definidas que elas possuíam. Eram cinco garotas... Não fantasiei e não fiquei ereto... Só pensei que elas eram bastante gostosas....

_____________________________________________________________________________

46º dia sem M e 41º dia sem P. Não dá mais para recair. Aquela compulsão não existe mais. Só dá para recair se eu forçar mesmo a me masturbar ou ver pornografia. Não vejo graça viver naquela vida medíocre de antes. Só o mero simbolismo da  virada de ano me deixa mais firme nesse reboot. Caramba! Imagine chegar em 2018 limpo? Trata-se de um mero simbolismo, né? Mas realmente seria um "FELIZ 2018!" xD

Até mesmo quando eu sinto que eu tenho graves problemas que ainda precisam ser consertados, graves estresses com a matéria acumulada com esse curso, eu não tenho aquela vontade de se masturbar. Também, não fico involuntariamente alisando o pênis. Antigamente era estranho... Eu lendo alguma coisa e a minha mão "involuntariamente" alisando o.O'

O vício em P não foi tão dfiícil assim de sair. Assstia pornografia só para me masturbar mesmo... Nunca fui daquele cara que passava umas 4 horas em sites pornográficos. Passava, em média, uns 15 minutos por dia procurando um vídeo bom para conseguir me masturbar. Só teve um único dia que passei 2 horas assistindo pornografia, conseguindo chegar na marca da 8ª masturbação diária. Mas vou deixar de usar bloqueadores? Não! Até é bom porque você evita procrastinar.



Só uso esse fórum agora depois de passar várias horas estudando. Confesso que fiquei um pouco viciado aqui. É bem maneiro ficar digitando o que você pensa. Não consigo fazer essa "terapia" com as outras pessoas.




Última edição por TristeDesesperado em 15/9/2017, 12:12, editado 2 vez(es)
avatar
Heitor..
Mensagens : 315
Data de inscrição : 05/01/2017

Re: Se abstenha de atos reiterados que proporcionem pensamentos negativos.

em 15/9/2017, 11:51
Eai Triste, não se deixe abalar mano, dá pra ver que a sua família deve ser bastante frustrada mesmo mano, mas isso não é culpa sua, é culpa deles mesmo talvez eles carreguem um casamento frustrado e continuam nele mesmo somente pelo comodismo. Na minha casa é quase igual, porém meu pai que vive o dia todo reclamando da minha mãe e colocando ela pra baixo, minha mãe ta desempregada e depende dele financeiramente, e também é cristã ai tem aquivo de não se divorciar e tals.. mas dá pra perceber lógico que se ela tivesse condições já teria se separado, e eu meio que iria gostar disso, a vezes da vontade de mandar meu pai tomar no c... Minha irmã dorme até meio dia não faz nd nem limpa a casa mas ele só põe a culpa de tudo em minha mãe chega da ódio e minha irmã tá pouco se fudendo pra isso, lava os pratos uma vez na semana e olhe lá. Meus pais tbm são assim, não sai muito meu pai é pior, só faz trabalhar e quando minha mãe fala que vai ir na casa dos parentes ele ainda reclama... se fuder. Cara tente ajudar seus pais no que vc puder mas saiba que a culpa deles viver recamado não é sua, e não desista desista do reboot.
Cara um conselho pra você, como vc mesmo viu na minha historia e na sua o SER HUMANO que só vive pro trabalho vive constantemente frustrado e reclamando da vida, eu sei que vc têm que estudar e tudo mais para arrumar um trabalho mas não se isole muito, vc msm falou que não está socializando, se agr na época da faculdade vc não socializar imagine depois que trabalhar? vc pode virar um cara frustrado tbm que só vive pro trabalho. Não estou falando que vc tem que parar de estudar, mas vc pode ta se auto-sabotando, vc se isola do mundo e usa da desculpa que está fazendo isso pq estuda de mais e está sem tempo, mas vc sabe que se vc quiser tem como abrir uma brecha no fim de semana pra dar um rolé, comece a conversar mais com seus colegas da facul, se enturme com algum grupo ai vc vai ver que em algum momento eles irão te chamar pra curtir alguma festa ou mesmo uma pizzaria ou algo do tipo. ABRAÇOS MAN fique firme

TristeDesesperado
Mensagens : 153
Data de inscrição : 04/08/2017

Re: Se abstenha de atos reiterados que proporcionem pensamentos negativos.

em 15/9/2017, 12:12
Tem razão. Talvez eu esteja me autosabotando. Sei o problema, mas fico ainda na zona de conforto. Uso realmente a desculpa que eu fico estudando muito para não fazer amizade...
Bom comentário. Me fez refletir que realmente não dá para ficar parado e aceitar a vida como ela é. Se eu não consigo amigos, tentarei. O negócio é não desistir mesmo. Mesmo que eu fale besteira ou nunca faça realmente amigos, ainda estaria aumentando a minha habilidade social, visto que estaria falando com uma pessoa.
Boa reflexão. É, sem dúvidas, minha mente estava querendo ficar na zona de conforto. -.-‘ Mais cedo ou mais tarde alguém se interessa pelo o que eu falo xD

Droga, cara... Como você mesmo menciona, o nosso pior inimigo somos nós mesmo. Eu tava realmente dando desculpas para mim mesmo do porque eu não tenho isso ou aquilo. Mas ela não vai me enganar mais. Sofrerei muito, mas nunca desistirei dos meus desejos!



Valeu Heitor!!!
avatar
BrCoyote
Mensagens : 165
Data de inscrição : 21/12/2016
Idade : 24
Localização : Brasília

Re: Se abstenha de atos reiterados que proporcionem pensamentos negativos.

em 16/9/2017, 10:03
Mano cuidado com esse "estudar muito", sabemos que há uma curva de aprendizado e um limite máximo de conteúdo que conseguimos absorver com qualidade durante determinado período de tempo. Faça outras coisas, por exemplo musculação, caminhada, pedalada, etc.

Isso pode te ajudar no quesito socialização. Entenda que a maioria das pessoas são frustradas mesmo, agora depende de nós não permitir que esse estado mental nos domine. Pode oscilar, mas sempre mantenha a cabeça limpa e poderosa. Leia sobre vida simples, minimalismo, entenda mais sobre a felicidade, princípios do estoicismo, frugalidade, low profile, essas coisas me ajudaram bastante, se não fosse por elas....eu já teria posto um fim.

Você é um cara novo, não fique só na faculdade(erro que cometi), aprenda algo que gere valor, te traga grana para o seu bolso. É o que os gringos, chamam de book smart X street smart. No começo foquei muito no primeiro(e foi um erro), agora foco no segundo. Faça o mesmo, melhor, sugiro que fala o mesmo.

No mais parabéns pelos dias, siga nessa pegada.

Falou,
BrCoyote
Zero to Hero

_______________________________________
"Enquanto há vida, há esperança. (Eclesiastes 9:4)"
Meu Recorde sem PMO em Hard Mode: EM ANDAMENTO
Meu diário: Leia Aqui!
Principais Conquistas: 37 dias, 35 dias, 31 dias, 29 dias, 27 dias, 24 dias, 20 dias, 17 dias(2x), 14 dias(2x), 13 dias,
12 dias, 11 dias(2x), 10 dias(3x)

avatar
Bolseiro_carioca
Mensagens : 685
Data de inscrição : 27/08/2016
Idade : 26

Re: Se abstenha de atos reiterados que proporcionem pensamentos negativos.

em 16/9/2017, 15:00
Todas as dicas dadas aqui são valorosas para vc e pra muitos que ficam lendo os diários aleatoriamente. O q foi dito de focar na QUALIDADE do conhecimento é FATO. Um exemplo: não adianta ter faculdade se vc não tem INGLÊS.

Aproveite o reboot e o seu tempo de reconstrução para aprender isso tbm, cara. Nós rebooters somos como um músculo que está destruído e irá se reconstruir mais FORTE e PODEROSO. Não se auto sabote.

Use o forum para desabafar e expor seus pensamentos. A auto-sabotagem é o segundo passo de TODO reboot. O primeiro é lidar com as tensões físicas causadas pela abstinência. Esse problema é resolvido quase sempre com 1 mes de reboot em modo hard. Depois q passa a fase osso. Vem o enfrentamento psicologico, é vc CONTRA vc. Nessas horas que somos postos a prova de fogo.

A autosabotagem nada mais é do que nós mesmo nos colocando para baixo. Não querendo sair da zona de conforto.

As fissuras se tornam mais fáceis, cada vez que resistimos, mas o nosso LADO NEGRO É QUE É mais complicado. Quando nossa versão covarde aparece devemos apenas olhar no olho dele e pensar que ridículo ele é por não querer mudar, por ter medo de transar e falhar, por se contentar com POUCO.

_______________________________________
avatar
Alpino
Mensagens : 183
Data de inscrição : 09/07/2017
Localização : SC

Re: Se abstenha de atos reiterados que proporcionem pensamentos negativos.

em 17/9/2017, 01:44
Através de uma breve comparação de suas postagens, é bem notável que você evoluiu muito psicologicamente. Antes você focava muito no problemas, agora na solução.
Sem dúvidas 2018 vai ser um ano como nunca apreciado antes por todos nós, eu espero.
avatar
Gregory16
Mensagens : 721
Data de inscrição : 15/08/2017

Re: Se abstenha de atos reiterados que proporcionem pensamentos negativos.

em 17/9/2017, 07:57
TristeDesesperado escreveu:
Realmente tenho que dizer que a minha mãe odeia o trabalho dela. Ela é professora de química. Fica sempre irritada com a direção e os alunos na instituição em que ela trabalha. Ela realmente muita frustrada com o trabalho dela! Escuto desde criança a mesma coisa: "quero sair do meu trabalho". O problema é que ela vive reclamando sobre isso mas não faz nada. Tipo, ela chega do trabalho e fica assistindo televisão ou acessando a Internet. Não sai de casa, não faz NENHUMA atividade física, só fala pelo telefone com os irmãos (creio que ela não tem nenhum amigo. Colegas talvez possua, mas amigo(a) mesmo não tem mesmo). Ainda para piorar a situação, fica super irritada com o salário que ela recebe. Nas palavras delas, "trabalho muito, mas recebo pouco". Os únicos locais que ela sai: supermercado, casa dos pais, trabalho e, raramente, para a igreja (agora tá assistido a missa na televisão -.-').

Para piorar o quadro, ela tem problemas estomacais graves, tem muita queda de cabelos e várias outras coisas que é melhor nem citar para não estender muito o texto.  Talvez o estresse que ela tem com a vida esteja relacionado com todos esses fatores citados.

Entre meu pai e minha mãe, a minha mãe é a pessoa que mais grita, mais discute, mais xinga, gosta muito de "marcar território", esconde várias coisas, é a mais sensível, e também é a mais "criança" também. Meu pai é muito calmo... Ele não perde a cabeça tão fácil.
___________________________________________________________________________________


É útil sim saber dos nossos problemas mais cedo do que tarde! Eu não queria dizer que a abstenção da PMO fosse ruim, visto que para a gente evoluir temos que passar pelo sofrimento. De fato, sair da PMO é doloroso. É ver a vida como ela é.

__________________________________________________________________________________

Hoje eu sequei algumas mulheres. Infelizmente fiquei vendo não só o rosto da garota, mas fiquei contemplando o belo par de coxas e panturrilhas definidas que elas possuíam. Eram cinco garotas... Não fantasiei e não fiquei ereto... Só pensei que elas eram bastante gostosas....

_____________________________________________________________________________

46º dia sem M e 41º dia sem P. Não dá mais para recair. Aquela compulsão não existe mais. Só dá para recair se eu forçar mesmo a me masturbar ou ver pornografia. Não vejo graça viver naquela vida medíocre de antes. Só o mero simbolismo da  virada de ano me deixa mais firme nesse reboot. Caramba! Imagine chegar em 2018 limpo? Trata-se de um mero simbolismo, né? Mas realmente seria um "FELIZ 2018!" xD

Até mesmo quando eu sinto que eu tenho graves problemas que ainda precisam ser consertados, graves estresses com a matéria acumulada com esse curso, eu não tenho aquela vontade de se masturbar. Também, não fico involuntariamente alisando o pênis. Antigamente era estranho... Eu lendo alguma coisa e a minha mão "involuntariamente" alisando o.O'

O vício em P não foi tão dfiícil assim de sair. Assstia pornografia só para me masturbar mesmo... Nunca fui daquele cara que passava umas 4 horas em sites pornográficos. Passava, em média, uns 15 minutos por dia procurando um vídeo bom para conseguir me masturbar. Só teve um único dia que passei 2 horas assistindo pornografia, conseguindo chegar na marca da 8ª masturbação diária. Mas vou deixar de usar bloqueadores? Não! Até é bom porque você evita procrastinar.



Só uso esse fórum agora depois de passar várias horas estudando. Confesso que fiquei um pouco viciado aqui. É bem maneiro ficar digitando o que você pensa. Não consigo fazer essa "terapia" com as outras pessoas.


Parabéns pelas 6 semanas, estou acompanhando seu diário agora. Também viciei aqui, é muito mesmo digitar o que pensa. Realmente essa vontade de fazer PMO vai passando conforme o tempo passa, sucesso com o reboot!

_______________________________________
TristeDesesperado
Mensagens : 153
Data de inscrição : 04/08/2017

Re: Se abstenha de atos reiterados que proporcionem pensamentos negativos.

em 25/9/2017, 14:43
Já tive três poluções noturnas.

Minha socialização melhorou bastante hoje. O engraçado é que eu fui mais espontâneo com as pessoas do que nos dias anteriores porque eu não estava pensando muito. Eu estava muito relaxado. Não tive também pensamentos negativos e futurísticos sobre o que aconteceria na minha vida se agisse de um modo X. Acho que isso está acontecendo porque eu estou fazendo coisas que estão fora da rotina. Acho que o dia fica muito maneiro quando a conduta que você faz é imprevisível.

Confesso que, apesar de eu nunca ter sido " viciado " (se comparado com os outros rebooters) em pornografia, eu estou tendo muita vontade de ver alguma mulher nua. Sério! Eu tenho um desejo intenso na minha mente de ver alguma mulher fazendo alguma pose sensual só para ficar contemplando-a. Apesar disso, eu não caio na armadilha de acessar alguma imagem erótica pelo Google imagens. Sei muito bem que ver mulheres sensuais pela Internet sempre foi o gatilho que levasse a masturbação exacerbada.

Estou achando esse reboot muito fácil. E, caramba! Já estamos quase em outubro! Nem acredito que já estou há praticamente 1 mês e uns dez dias para completar o simbólico reboot! Será uma grande vitória mesmo!

Não entendo o motivo, mas eu não acho as mulheres tão bonitas como eram antes. Deveria ser ao contrário, eu acho, visto que, como eu não assisto mais pornografia e nenhum conteúdo erótico na Internet, minha mente não mais recebe imagens de mulheres completamente preparadas para causar tesão no homem e, por isso, deveria valorizar muito mais as mulheres que estão ao redor

Eu não crio um juízo de bestialidade ao ficar “enfeitiçado” ao ver uma mulher de boa aparência. Não sei explicar isso. É como se aquela mulher que é bonita fosse só mais uma no universo. Tanto faz se eu conversar com ela ou não. Antigamente, eu, ao ver qualquer mulher que achava bonita, ficava cogitando na minha cabeça o que eu iria fazer para chegar naquela moça.  Hoje, tanto faz se eu for um dia interagir com ela ou não... Isso é tão bom!!! Me lembro dos dias de tormento que eu tinha só porque queria chegar naquela mina mas não conseguia! Acho que eu já escrevi que eu chegava do ônibus totalmente estressado. Talvez já disse aqui que meus pais estavam querendo que eu fosse a um psiquiatra para me acalmar minha raiva.

E olha que bom!? Eu amadureci também quanto ao quesito de ter uma namorada. Eu não tenho mais ansiedade de ter uma só porque a maioria da minha idade possui. Claro, não vou desconsiderar que seja ótimo imaginar um namoro, mas isso não é mais um tormento, algo que me faça inferior, algo que seja essencialmente necessário para minha vida. As minhas preocupações são outras, principalmente de ter uma boa renda. A minha preocupação com os estudps aumentou demais durante esse período ee abstenção

Não tenho mais aqueles pensamentos negativos quando eu vejo um casal namorando. Outra coisa boa!

Agora, um problema que, apesar de ser diminuído por conta do reboot, ainda existe, é a ansiedade. Poxa, eu queria ser espontâneo com as pessoas que nem hoje. Sinto que a culpa está relacionada ao que eu penso. Se eu não pensasse tanto assim, eu teria um dia mais feliz. Por exemplo, é como se o pensamento, apesar de ser um fator que pudesse alavancar ainda mais o progresso de um meio chegar a determinado fim, fosse um fator perturbante que colocasse 1001 problemas no meio para chegar ao seu fim -.-‘ mas isso é outra história!







Era um completo escravoceta.


Última edição por TristeDesesperado em 25/9/2017, 17:07, editado 7 vez(es)
TristeDesesperado
Mensagens : 153
Data de inscrição : 04/08/2017

Re: Se abstenha de atos reiterados que proporcionem pensamentos negativos.

em 25/9/2017, 14:43
Depois vou essponder os comentários com calma.
TristeDesesperado
Mensagens : 153
Data de inscrição : 04/08/2017

Re: Se abstenha de atos reiterados que proporcionem pensamentos negativos.

em 28/9/2017, 10:22
Bolseiro_carioca escreveu:Todas as dicas dadas aqui são valorosas para vc e pra muitos que ficam lendo os diários aleatoriamente. O q foi dito de focar na QUALIDADE do conhecimento é FATO. Um exemplo: não adianta ter faculdade se vc não tem INGLÊS.

Aproveite o reboot e o seu tempo de reconstrução para aprender isso tbm, cara. Nós rebooters somos como um músculo que está destruído e irá se reconstruir mais FORTE e PODEROSO. Não se auto sabote.

Use o forum para desabafar e expor seus pensamentos. A auto-sabotagem é o segundo passo de TODO reboot. O primeiro é lidar com as tensões físicas causadas pela abstinência. Esse problema é resolvido quase sempre com 1 mes de reboot em modo hard. Depois q passa a fase osso. Vem o enfrentamento psicologico, é vc CONTRA vc. Nessas horas que somos postos a prova de fogo.

A autosabotagem nada mais é do que nós mesmo nos colocando para baixo. Não querendo sair da zona de conforto.

As fissuras se tornam mais fáceis, cada vez que resistimos, mas o nosso LADO NEGRO É QUE É mais complicado. Quando nossa versão covarde aparece devemos apenas olhar no olho dele e pensar que ridículo ele é por não querer mudar, por ter medo de transar e falhar, por se contentar com POUCO.

Perfeito. Você resumiu como foi a minha situação no reboot. Inicialmente, do primeiro dia até o 14º dia, eu estava bastante animado com o reboot por notar que eu estava acordando mais cedo, conversando com as mulheres de uma maneira diferente de antes, etc...

Depois do ânimo, ocorreu o primeiro pico de tensão. Durou exatamente duas semanas para acabar. Foi um descontrole emocional grave. Esse descontrole emocional está associado totalmente com a abstenção. Você vai ficar pasmo quando ler.

Associo esse ódio pela simples abstenção da PMO. Observe que eu sou um cara que nunca se relacionou para ter amizade com uma garota. Antigamente, eu pensava sempre que aquela garota seria ótimo na cama. Enfim, só achava que a finalidade de uma mulher seria me dar orgasmos. De alguma forma, sempre quando eu pensava que não tinha uma namorada, me batia um ódio profundo que eu ficava descontrolado. Acho que isso derivada pela simples razão de meu cérebro queria porque queria receber uma dose de PMO novamente. Você quer ver até onde chegou esse ódio só pelo simples fato de ter pensado em não ter uma namorada? Quebrei um ventilador de R$180 por inteiro, joguei um copo de vidro no chão. Todas essas condutas sempre foram antencedidas pelo pensamento de não ter uma namorada. E esse pensamento vinha em minha mente várias vezes ao dia. Também, eu fiquei bastante mau humorado com os meus pais. Acho que foi por isso que eu senti na pele que eles também estavam falando e se importando pouco de comigo.

Depois desse descontrole emocional de não ter uma namorada, subitamente eu verifiquei como estava a minha vida. Passei vários dias refletindo sobre o que estou fazendo na minha vida. Foram dias tensos também, porque o tanto de negativismo que eu recebi da minha própria mente foi tão grande que eu diminui o meu rendimento nos estudos, passava mais tempo deitado na cama e dormindo. Chorava no meu quarto escondido também. Foi esse momento que eu escrevi aqui que a abstenção da PMO foi um oráculo para descobrir novos problemas. Quantos dias durou esse estado emocional de tristeza? Mais ou menos umas duas semanas também!

Só sei que quando eu cheguei na casa do 50º sem PMO, a minha vida tomou um outro rumo. Agora estou mais equilibrado. Sei dos meus problemas e estou lutando para mudar. Um deles, por exemplo, é de ter ainda uma grave ansiedade. Penso muito no futuro e é muito chato para nossa autoestima fazer esse exercício. O outro é a falta de educação que eu tenho com os meus pais. É que tenho que parar de entrar na onda da minha mãe... Ela gosta de reclamar de tudo e de todos e só sabe gritar... Daí eu também me descontrolo ao ver toda aquela arruaça que ela faz ao conversar com a família e começo a gritar também e muitas vezes xingar ela com adjetivos que fazem qualquer mulher ficar com mais raiva ainda e ter baixo autoestima, como, por exemplo, dizer "sua feia", " sua gorda", "gorducha", etc... Acho que a maior burrice que o homem pode fazer é entrar em discussão com uma mulher que está nervosa. Elas sempre vão querer ter razão mesmo em tudo. Não vão associar logicamente os fatos, vão criar mentiras para influenciar o mérito de quem tem razão, e ainda ficam mais com raiva ainda da gente quando a gente contraria elas (-_-).

Tenho preocupação de ficar desempregado por o índice de reprovação na OAB ser enorme. Mas acho que não tenho nada a temer, visto que eu estou estudando a matéria que dá para fazer muitas questões de concurso. Um problema que estou sentindo em relação aos estudos é não conseguir ter muito tempo de revisar todo o conteúdo que eu já estudei. Fica complicado de fazer isso depois da primeira prova do semestre. Estamos praticamente em outubro e as aulas vão finalizar em novembro. E vejo que a quantidade de que se tem de estudar fica muito mais denso agora. Daí, por isso, não consigo ter muito tempo para revisar o conteúdo passado. Isso é ruim! Mas não sei se agora eu consigo revisar o conteúdo passado, visto que necessito muito menos tempo de sono aora. Antigamente, vivendo em PMO, precisava de 6 a 8 horas de sono. Hoje em dia umas 4h e 30 minutos já é suficiente para manter vigor durante o dia.

Eu sei que existe ainda um elemento de autosabotagem em mim, pois tudo que é novo ou mais pesado é difícil de ter que lidar e nossa inconsciência, por mera autodefesa, tenta evitar um possível dano. Mas... É partir para conquistar ou ficar sempre na defesa... Um múculo só evolui se ela receber efetivamente o dano. Quanto mais dano sofrido, mais resistência e maturidade garantida.


TristeDesesperado
Mensagens : 153
Data de inscrição : 04/08/2017

Re: Se abstenha de atos reiterados que proporcionem pensamentos negativos.

em 28/9/2017, 10:25
Gregory16 escreveu:

Obrigado amigo pela consideração!

É ótimo desabafar no fórum. Mas, na minha opinião, eu deveria parar de fazer isso...
Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum