Compartilhe
Ir em baixo
avatar
Mensagens : 101
Data de inscrição : 01/09/2017
Ver perfil do usuário

Caí, mas to me levantando.

em 20/11/2017, 06:27
Sei que é foda assumir que perdi a linha e fiz algo que prometi não mais fazer. É um saco, mas não há tempo para lamber feridas. Caiu, levanta. Errou, refaça.

Você que lê esse texto pode me achar um fraco, um bobo,
ou qualquer outra coisa ruim. Eu também tô me achando isso. Mas, eu não sou perfeito. É no fundo estou orgulhoso de mim porque 122 dias é muito mais do que eu jamais sonhei. É óbvio que eu queria que durasse a vida inteira, mas tropecei.

Agora uma coisa importante é reanalisar todo o processo da queda, o que me levou a isso.

Brother, se você caiu, estamos aqui pra te ajudar a levantar. Se está pensando em ter uma sessão de PMO,
estou aqui para te falar para não fazer isso. Assim que tive a sessão, lembrei do motivo de ter parado com isso. Lembrei do quão bosta me sentia.

Força amigos, estamos juntos.
avatar
Mensagens : 181
Data de inscrição : 28/02/2017
Ver perfil do usuário

Re: Diário do Urso Polar - Já cai mais vezes do que posso contar, mas não desisto

em 20/11/2017, 07:22
Realmente,nada de lamber as feridas!

Pensa nos seus mais de 100 dias e medita no forte que vc foi e vai conseguir de novo com certeza!

_______________________________________
MEU DIÁRIO !
avatar
Mensagens : 260
Data de inscrição : 22/09/2017
Idade : 36
Localização : Salvador
Ver perfil do usuário

Re: Diário do Urso Polar - Já cai mais vezes do que posso contar, mas não desisto

em 21/11/2017, 11:58
Urso Polar escreveu:

Baggins,

Finalmente eu falei com minha esposa e foi muito bom.  Cara, estou uns mil quilos mais leve. Tive essa grande vitória.

Todo o cuidado é pouco. Esse vício é traiçoeiro. Temos que manter vigilante.

Tamo junto


Faaala grande Urso Polar!

Fico muito feliz em saber que conseguiu abrir o jogo com sua mulher. Sei que é muito difícil admitir isso para nossas esposas, nunca se sabe como vão reagir, mas vendo um interesse sincero e um esforço verdadeiro, elas acabam se unindo a nós nessa luta. Parabéns!

Vi agora que você teve uma recaída. Como a gente já falou aqui e no meu diário, a rapidez em se reerguer é muito importante, parabéns pela atitude em recomeçar logo. E é duplamente importante porque, além de não perder tudo o que você tem conquistado até agora, é também fundamental para combater esse sentimento ruim que nos assola quando recaímos.

Lembre-se que você não está começando do zero. Sei que você sabe disso, mas estou relembrando a você porque às vezes a sensação de desânimo é tão forte que não conseguimos enxergar nossos avanços.

Se estiver disposto a contar mais detalhes sobre como se deu essa recaída, sou todo olhos (versão cibernética de "sou todo ouvidos" Laughing )

Você vai ver que quando menos esperar, este dia ficará lá pra trás.

Força meu velho! Tamo junto!

_______________________________________


Diário - o Livro Vermelho - http://www.comoparar.com/t5868-o-livro-vermelho-de-baggins
avatar
Mensagens : 101
Data de inscrição : 01/09/2017
Ver perfil do usuário

Re: Diário do Urso Polar - Já cai mais vezes do que posso contar, mas não desisto

em 22/11/2017, 05:56
Pioneer escreveu:Realmente,nada de lamber as feridas!

Pensa nos seus mais de 100 dias e medita no forte que vc foi e vai conseguir de novo com certeza!

Pioneer,

muito obrigado brother. Tamo junto nessa caminhada irmão. Na luta constante contra esse vício.

Abraço Brother
avatar
Mensagens : 101
Data de inscrição : 01/09/2017
Ver perfil do usuário

Re: Diário do Urso Polar - Já cai mais vezes do que posso contar, mas não desisto

em 22/11/2017, 06:09
Grande Amigo Baggins,

É sempre um prazer receber uma visita sua!

Baggins escreveu:
Fico muito feliz em saber que conseguiu abrir o jogo com sua mulher. Sei que é muito difícil admitir isso para nossas esposas, nunca se sabe como vão reagir, mas vendo um interesse sincero e um esforço verdadeiro, elas acabam se unindo a nós nessa luta. Parabéns!

Realmente irmão, é um alívio e um apoio muito grande. A conversa veio de modo natural, nada forçado. A gente tava conversando calmamente e quando surgiu uma brecha, eu toquei no assunto: Foi muito bacana.

Baggins escreveu:Vi agora que você teve uma recaída. Como a gente já falou aqui e no meu diário, a rapidez em se reerguer é muito importante, parabéns pela atitude em recomeçar logo. E é duplamente importante porque, além de não perder tudo o que você tem conquistado até agora, é também fundamental para combater esse sentimento ruim que nos assola quando recaímos.
Lembre-se que você não está começando do zero. Sei que você sabe disso, mas estou relembrando a você porque às vezes a sensação de desânimo é tão forte que não conseguimos enxergar nossos avanços.
Se estiver disposto a contar mais detalhes sobre como se deu essa recaída, sou todo olhos (versão cibernética de "sou todo ouvidos" Laughing )
Você vai ver que quando menos esperar, este dia ficará lá pra trás.

Cara, foi a maior bobagem que eu fiz. Muito obrigado pelos seus olhos/ouvidos kkkkkkk. Eu vou contar como foi em um post mais detalhado, mas adianto que foi uma fraqueza tão grande, não era a primeira vez que eu estava passando por aquilo no reboot e conscientemente, repito CONSCIENTEMENTE tive uma recaída. Já tinha passado por coisa pior. Mas serviu para ver que um dos meus pontos de queda são as madrugadas com insônia e ociosidade e ficar longe do fórum.

Voltei aos meus estudos sobre o vício. Comprei a versão completa do ebook e vou estudá-lo de novo. Muito obrigado pelo apoio amigo. Tamo junto.
avatar
Moderador
Moderador
Mensagens : 1826
Data de inscrição : 18/08/2017
Idade : 33
Localização : Daily War - A guerra ainda não acabou!
Ver perfil do usuário

Re: Diário do Urso Polar - Já cai mais vezes do que posso contar, mas não desisto

em 28/11/2017, 12:30
Urso Polar escreveu:
Sei que é foda assumir que perdi a linha e fiz algo que prometi não mais fazer. É um saco, mas não há tempo para lamber feridas. Caiu, levanta. Errou, refaça.

Você que lê esse texto pode me achar um fraco, um bobo,
ou qualquer outra coisa ruim. Eu também tô me achando isso. Mas, eu não sou perfeito. É no fundo estou orgulhoso de mim porque 122 dias é muito mais do que eu jamais sonhei. É óbvio que eu queria que durasse a vida inteira, mas tropecei.

Agora uma coisa importante é reanalisar todo o processo da queda, o que me levou a isso.

Brother, se você caiu, estamos aqui pra te ajudar a levantar. Se está pensando em ter uma sessão de PMO,
estou aqui para te falar para não fazer isso. Assim que tive a sessão, lembrei do motivo de ter parado com isso. Lembrei do quão bosta me sentia.

Força amigos, estamos juntos.  
Oi Urso,

Sinto muito pela queda, mano! Mas estou feliz em saber que já está tudo bem, que já voltou ao caminho. 

Você é um cara vencedor! Temos muito a aprender com você, o seu diário é uma fonte de inspiração. Tenho certeza que vai dar a volta por cima novamente.

Se sentir necessidade de desabafar alguma coisa, cara, pedir auxílio em alguma questão, fique à vontade. Estamos aqui para entreajudarmos. Um forte abraço, meu camarada. E parabéns por nunca abaixar a cabeça diante desse vício. Vamos que vamos! Abração.

_______________________________________
“Quando até o laço do sapato tentar te derrubar, ande sozinho, ande descalço, mas não pare de andar.” 


avatar
Mensagens : 101
Data de inscrição : 01/09/2017
Ver perfil do usuário

Re: Diário do Urso Polar - Já cai mais vezes do que posso contar, mas não desisto

em 29/11/2017, 04:41
5&4 escreveu:
Oi Urso,

Sinto muito pela queda, mano! Mas estou feliz em saber que já está tudo bem, que já voltou ao caminho. 

Você é um cara vencedor! Temos muito a aprender com você, o seu diário é uma fonte de inspiração. Tenho certeza que vai dar a volta por cima novamente.

5&4,

muito obrigado pelo apoio brother, fico muito feliz e agradecido pelas palavras de incentivo e por saber que contribuo de alguma maneira. Eu estou bem estressado com a faculdade e com o serviço e acho que isso tem me deixado bem para baixo. Estou sem motivação esses dias, o que eu acho que me deixou com a guarda baixa e acabei me sabotando.

5&4 escreveu:Se sentir necessidade de desabafar alguma coisa, cara, pedir auxílio em alguma questão, fique à vontade. Estamos aqui para entreajudarmos. Um forte abraço, meu camarada. E parabéns por nunca abaixar a cabeça diante desse vício. Vamos que vamos! Abração.

Aqui é um espaço muito bom, em que sempre me senti livre para poder falar desse problema que me incomoda a tantos anos. A ajuda aqui é que me mantem firme nesse propósito.

Obrigado mano, seu diário é uma inspiração para nós e vejo que você é alguém muito ativo que tem ajudado a todos aqui. valeu brother. Tamo junto.
avatar
Mensagens : 101
Data de inscrição : 01/09/2017
Ver perfil do usuário

Rasgando o verbo

em 29/11/2017, 05:25
Caros irmãos e irmãs,

Não tem coisa mais burra que bater punheta. Seja diante de uma foto, um gif, um vídeo ou fantasiando pensando naquela colega do trabalho ou da faculdade/escola. É uma mentira.

O mais triste é se perceber viciado nisso. Perceber que suas fantasias dificilmente ou nunca irão se realizar. (Nem sei se seria bom se elas se realizassem) Que você mais uma vez caiu no conto do vigário que você mesmo contou para si. Que voluntariamente se embrenhou nesse "chorume" e que quando termina a sessão de PMO, você está ali, diante da única realidade que existia desde o início, numa solidão foda. Aí se pergunta: por que, diabos, eu fiz isso, de novo? e de novo? e de novo?

Quando percebe, anos se passaram e você está ali, novamente se fazendo as mesmas perguntas. Parado, como se o peso de uma vida caísse sobre os seus ombros e não houvesse forças para se levantar. Prostrado, abatido, cansado de ser esse cara que não queria ser. Um punheteiro, um viciado.

Quantas vezes prometi para mim mesmo que não ia mais fazer isso. Eu perdi a conta. Mas basta uma fantasia, um desejo e tudo volta. Não precisa que ninguém se insinue, basta minha mente viajar na ideia.

Não há paz nesse vício, não há alegrias ou prazeres. O que há é o confronto consigo mesmo. O tédio da vida que invade sua mente e mostra que as fantasias são apenas mentiras que inventamos por alguns segundos para fugir da vida. Mas a vida é inevitável.

O CONSELHO QUE DOU PARA MIM E PARA VOCÊS É QUE NÃO ACREDITEM NAS PROMESSAS DA MASTURBAÇÃO E DA PORNOGRAFIA. SÃO MENTIRAS, SÃO DOCES NO PRINCÍPIO MAS ACABAM POR NOS DESTRUIR E DEIXAM UM GOSTO AMARGO DIFÍCIL DE IR EMBORA. FAZEM APENAS COM QUE A GENTE QUEIRA MAIS. NÃO CAIA NESSA.

avatar
Mensagens : 260
Data de inscrição : 22/09/2017
Idade : 36
Localização : Salvador
Ver perfil do usuário

Re: Diário do Urso Polar - Já cai mais vezes do que posso contar, mas não desisto

em 1/12/2017, 12:36
Spoiler:

Urso Polar escreveu:
Caros irmãos e irmãs,

Não tem coisa mais burra que bater punheta. Seja diante de uma foto, um gif, um vídeo ou fantasiando pensando naquela colega do trabalho ou da faculdade/escola. É uma mentira.

O mais triste é se perceber viciado nisso. Perceber que suas fantasias dificilmente ou nunca irão se realizar. (Nem sei se seria bom se elas se realizassem) Que você mais uma vez caiu no conto do vigário que você mesmo contou para si. Que voluntariamente se embrenhou nesse "chorume" e que quando termina a sessão de PMO, você está ali, diante da única realidade que existia desde o início, numa solidão foda. Aí se pergunta: por que, diabos, eu fiz isso, de novo? e de novo? e de novo?

Quando percebe, anos se passaram e você está ali, novamente se fazendo as mesmas perguntas. Parado, como se o peso de uma vida caísse sobre os seus ombros e não houvesse forças para se levantar. Prostrado, abatido, cansado de ser esse cara que não queria ser. Um punheteiro, um viciado.

Quantas vezes prometi para mim mesmo que não ia mais fazer isso. Eu perdi a conta. Mas basta uma fantasia, um desejo e tudo volta. Não precisa que ninguém se insinue, basta minha mente viajar na ideia.

Não há paz nesse vício, não há alegrias ou prazeres. O que há é o confronto consigo mesmo. O tédio da vida que invade sua mente e mostra que as fantasias são apenas mentiras que inventamos por alguns segundos para fugir da vida. Mas a vida é inevitável.

O CONSELHO QUE DOU PARA MIM E PARA VOCÊS É QUE NÃO ACREDITEM NAS PROMESSAS DA MASTURBAÇÃO E DA PORNOGRAFIA. SÃO MENTIRAS, SÃO DOCES NO PRINCÍPIO MAS ACABAM POR NOS DESTRUIR E DEIXAM UM GOSTO AMARGO DIFÍCIL DE IR EMBORA. FAZEM APENAS COM QUE A GENTE QUEIRA MAIS. NÃO CAIA NESSA.


Urso meu velho!

Texto bastante profundo e reflexivo, direto ao ponto! Reflete bem o que sentimos e pensamos após uma recaída recente.

É esse gosto amargo que temos que abstrair e seguir adiante. Obrigado pelo texto. Serve-nos como um poderoso lembrete sobre o que estamos enfrentando.

Força irmão! Não deixe que estes sentimentos estraguem seus dias!

Um grande abraço!

_______________________________________


Diário - o Livro Vermelho - http://www.comoparar.com/t5868-o-livro-vermelho-de-baggins
avatar
Mensagens : 181
Data de inscrição : 28/02/2017
Ver perfil do usuário

Re: Diário do Urso Polar - Já cai mais vezes do que posso contar, mas não desisto

em 1/12/2017, 18:59
Quando percebe, anos se passaram e você está ali, novamente se fazendo as mesmas perguntas. Parado, como se o peso de uma vida caísse sobre os seus ombros e não houvesse forças para se levantar. Prostrado, abatido, cansado de ser esse cara que não queria ser. Um punheteiro, um viciado.

Perfeito cara! É exatamente assim... Neutral

_______________________________________
MEU DIÁRIO !
avatar
Moderador
Moderador
Mensagens : 1826
Data de inscrição : 18/08/2017
Idade : 33
Localização : Daily War - A guerra ainda não acabou!
Ver perfil do usuário

Re: Diário do Urso Polar - Já cai mais vezes do que posso contar, mas não desisto

em 2/12/2017, 07:36
Que texto maravilhoso! Bem profundo. 

Obrigado por postá-lo.

_______________________________________
“Quando até o laço do sapato tentar te derrubar, ande sozinho, ande descalço, mas não pare de andar.” 


avatar
Mensagens : 1175
Data de inscrição : 28/04/2017
Idade : 18
Ver perfil do usuário

Re: Diário do Urso Polar - Já cai mais vezes do que posso contar, mas não desisto

em 3/12/2017, 10:50
Que maravilha, mano. Tocou no ponto certo!

_______________________________________
avatar
Mensagens : 260
Data de inscrição : 22/09/2017
Idade : 36
Localização : Salvador
Ver perfil do usuário

Re: Diário do Urso Polar - Já cai mais vezes do que posso contar, mas não desisto

em 11/12/2017, 09:46
Fala Urso, meu velho!

Como andam as coisas irmão? Espero que estejam bem.

Eu sei que os ursos polares só ficam bebendo Coca-cola essa época do ano, então cuidado com essa saúde, hein? Laughing

Brincadeiras à parte, quando puder, mande notícias!

Um grande abraço!

_______________________________________


Diário - o Livro Vermelho - http://www.comoparar.com/t5868-o-livro-vermelho-de-baggins
avatar
Mensagens : 260
Data de inscrição : 22/09/2017
Idade : 36
Localização : Salvador
Ver perfil do usuário

Re: Diário do Urso Polar - Já cai mais vezes do que posso contar, mas não desisto

em 18/12/2017, 15:10
Grande Urso!

Passando aqui para dar um alô!

Tô sentindo sua falta aqui, meu velho! Pode me chamar de chato, que eu não ligo! Laughing

Espero que esteja envolvido em algum projeto pessoal, se superando, como você já demonstrou aqui. Se não estiver tão bem assim, saiba que você é maior que tudo isso. Releia seu diário e você verá que não estou enganado.

Um grande abraço pra você e sua esposa!

Tamo junto!

_______________________________________


Diário - o Livro Vermelho - http://www.comoparar.com/t5868-o-livro-vermelho-de-baggins
avatar
Mensagens : 151
Data de inscrição : 07/09/2017
Ver perfil do usuário

Re: Diário do Urso Polar - Já cai mais vezes do que posso contar, mas não desisto

em 18/12/2017, 15:57
Urso Polar escreveu:
spoiler:
Caros irmãos e irmãs,

Não tem coisa mais burra que bater punheta. Seja diante de uma foto, um gif, um vídeo ou fantasiando pensando naquela colega do trabalho ou da faculdade/escola. É uma mentira.

O mais triste é se perceber viciado nisso. Perceber que suas fantasias dificilmente ou nunca irão se realizar. (Nem sei se seria bom se elas se realizassem) Que você mais uma vez caiu no conto do vigário que você mesmo contou para si. Que voluntariamente se embrenhou nesse "chorume" e que quando termina a sessão de PMO, você está ali, diante da única realidade que existia desde o início, numa solidão foda. Aí se pergunta: por que, diabos, eu fiz isso, de novo? e de novo? e de novo?

Quando percebe, anos se passaram e você está ali, novamente se fazendo as mesmas perguntas. Parado, como se o peso de uma vida caísse sobre os seus ombros e não houvesse forças para se levantar. Prostrado, abatido, cansado de ser esse cara que não queria ser. Um punheteiro, um viciado.

Quantas vezes prometi para mim mesmo que não ia mais fazer isso. Eu perdi a conta. Mas basta uma fantasia, um desejo e tudo volta. Não precisa que ninguém se insinue, basta minha mente viajar na ideia.

Não há paz nesse vício, não há alegrias ou prazeres. O que há é o confronto consigo mesmo. O tédio da vida que invade sua mente e mostra que as fantasias são apenas mentiras que inventamos por alguns segundos para fugir da vida. Mas a vida é inevitável.

O CONSELHO QUE DOU PARA MIM E PARA VOCÊS É QUE NÃO ACREDITEM NAS PROMESSAS DA MASTURBAÇÃO E DA PORNOGRAFIA. SÃO MENTIRAS, SÃO DOCES NO PRINCÍPIO MAS ACABAM POR NOS DESTRUIR E DEIXAM UM GOSTO AMARGO DIFÍCIL DE IR EMBORA. FAZEM APENAS COM QUE A GENTE QUEIRA MAIS. NÃO CAIA NESSA.

perfeito, mano
expressou muito bem o que fico pensando sobre isso

_______________________________________
avatar
Mensagens : 101
Data de inscrição : 01/09/2017
Ver perfil do usuário

VACILÃO - Eu estou sendo um vacilão

em 21/12/2017, 09:09
Queridos amigos e amigas, irmãos e irmãs de caminhada,

Hoje eu vou desabafar de um modo como eu nunca fiz antes aqui. PERDOEM-ME SE O TEXTO FICAR LONGO DEMAIS. Mas eu preciso escrever.

Eu não imaginava quando comecei o reboot em 18 de julho de 2017 que eu iria cair de novo. Mas caí. Eu sabia que não era imune a quedas, mas pensava que já era mais forte do que elas. Pensava que conseguiria contornar os motivos e situações que me levavam a cair. Mas não é bem assim. Um dia eu bebi demais em uma festa e comecei a fantasiar. De madrugada, com insônia e ainda sob efeito da bebida eu não resisti e vi pornografia e me masturbei. Desde lá, já faz mais ou menos um mês e pouco, não venho conseguindo manter o reboot como havia conseguido antes.

Tenho andado estressado por muitos motivos. Toda hora é uma coisa para fazer, algo para consertar, olhar, comprar, estudar, arrumar, etc... Minha vida é um ciclo enorme de coisas chatas para fazer. Não há um momento em que eu não esteja preocupado com alguma coisa para fazer. Não há um momento para relaxar. A masturbação vira um escape rápido disso tudo. Mas é uma merda, eu me sinto pior, eu sei que é mentira, mas no momento em que faço parece que tudo some. Mergulho em um mundo de sonhos, que sei que são mentiras. Apesar de não ser mais evangélico, gosto muito dos livros de provérbios e eclesiastes. Permitam-me citar uma passagem que acho muito legal que resume essa mentira que conto para mim mesmo:

"Suave é ao homem o pão da mentira, mas depois a sua boca se encherá de cascalho" .Provérbios 20, 17

Quando eu termino uma sessão de PMO eu me lembro do porquê eu busquei por onze anos me livrar desse vício. A sensação de fracasso toma conta de mim e é como se implodisse a minha moral. Não consigo olhar para mim mesmo. O reboot era uma das poucas coisas que tinha para orgulhar de mim e depois disso tudo, nem isso tenho mais.

Eu sei que é mentira. Eu sei que são apenas fotos, vídeos, gifs, etc... Pixels e nada mais. Mas eu vou mesmo assim. É inacreditável, mas eu faço isso. Depois de ter tido vitórias, como contar para minha esposa sobre o vício, de passar 04 meses sem ver pornografia e me masturbar. Eu caí, e estou tropeçando e caindo e chafurdando nesse vício.

Termino esse texto na esperança de resgatar as forças que tive no início. Não sejam vacilões e vacilonas como eu estou sendo agora. Sejam fortes, acreditem. Não se banqueteiem na mentira, porque nunca traz saciedade. A verdade, por mais amarga que seja, é a única que alimenta.

Aos meus amigos e amigas, vou ser meloso agora, mas saibam que mesmo sem conhecê-los eu os tenho comigo no coração. Esse lugar é um porto seguro.

Um grande abraço a todos e estamos juntos nessa luta,

Urso Polar
avatar
Mensagens : 101
Data de inscrição : 01/09/2017
Ver perfil do usuário

Respondendo aos meus brothers

em 21/12/2017, 11:50
Galera,

Não me levem a mal, mas vou responder tudo em uma mensagem só.

Baggins escreveu:
Urso meu velho! Texto bastante profundo e reflexivo, direto ao ponto! Reflete bem o que sentimos e pensamos após uma recaída recente. É esse gosto amargo que temos que abstrair e seguir adiante. Obrigado pelo texto. Serve-nos como um poderoso lembrete sobre o que estamos enfrentando. Força irmão! Não deixe que estes sentimentos estraguem seus dias!

Pioneer escreveu:Perfeito cara! É exatamente assim...

5&4 escreveu:Que texto maravilhoso! Bem profundo. Obrigado por postá-lo

Zyzz escreveu:Que maravilha, mano. Tocou no ponto certo!

Petruchio escreveu:perfeito, mano. expressou muito bem o que fico pensando sobre isso

Obrigado pelas palavras de incentivo. Fico feliz de saber que o que escrevo tem relevância. O fórum tem me ajudado muito. Esses dias foram ruins, porque eu me entreguei ao vício de uma forma que está difícil. Hoje reuni um pouco de forças para poder enfrentar a procastinação. O que tem me deixado chateado são as coisas pequenas, mas que são ruins que vão acontecendo todos os dias. Parece aquela torneira pingando, que de tanto acontecer vão me deixando com raiva.

Escrevi uma nova mensagem que entitulei de “VACILÃO- Eu estou sendo um vacilão”, que completa a mensagem anterior.

No mais, um grande abraço e estamos juntos.
avatar
Mensagens : 101
Data de inscrição : 01/09/2017
Ver perfil do usuário

Re: Diário do Urso Polar - Já cai mais vezes do que posso contar, mas não desisto

em 21/12/2017, 12:02
Baggins escreveu:Fala Urso, meu velho! Como andam as coisas irmão? Espero que estejam bem. Eu sei que os ursos polares só ficam bebendo Coca-cola essa época do ano, então cuidado com essa saúde, hein? Laughing Brincadeiras à parte, quando puder, mande notícias! Um grande abraço!

Baggins escreveu:
Grande Urso! Passando aqui para dar um alô! Tô sentindo sua falta aqui, meu velho! Pode me chamar de chato, que eu não ligo! Laughing Espero que esteja envolvido em algum projeto pessoal, se superando, como você já demonstrou aqui. Se não estiver tão bem assim, saiba que você é maior que tudo isso. Releia seu diário e você verá que não estou enganado.Um grande abraço pra você e sua esposa! Tamo junto!

Grande amigo Baggins,

As minhas mais humildes desculpas por demorar a responder. As coisas estão muito estressantes, mas agora peguei umas férias e tô bem. É uma pena que eu não tenha coca-cola, uma bem geladinha, porque está um calor de matar. Sad

Eu demorei para aparecer porque estava com vergonha de voltar aqui e admitir que tive quedas sucessivas desde a última vez. Mas não posso me enganar e deixar que as coisa se percam desse jeito. Muito obrigado pelas palavras. Escrevi um novo desabafo, que completa o anterior. Pretendo não sumir por tanto tempo. Na vida off-line, sem ser o Urso, eu sou uma pessoa muito fechada, não consigo lidar com essas questões tão facilmente. Aqui é um ótimo lugar para que eu aprenda a vencer esse bloqueio. Muito obrigado Amigo.

Um grande abraço  
Mensagens : 128
Data de inscrição : 08/06/2017
Ver perfil do usuário

Re: Diário do Urso Polar - Já cai mais vezes do que posso contar, mas não desisto

em 21/12/2017, 12:39
Fala, Urso Polar!

Entendo o seu sofrimento, pois estamos no mesmo barco. Não fiquei tanto tempo sem PMO assim como você, mas depois de 30 dias sóbrio, também tive dificuldades em recuperar aquele ânimo.

Sei o quanto o difícil se levantar após uma recaída, mas não temos escolha. Ninguém está imune à pornografia e masturbação, Urso. Até mesmo os que não são viciados, como nós, pode acabar se viciando um dia. Mas uma coisa eu julgo ser importante, temos consciência de quão maléfica é a PMO, e estamos em luta constante para nos livrar desse hábito; isso já faz de nós vitoriosos.

Atualmente está com quantos dias?

Força aí, rapaz! E conta comigo.


_______________________________________
avatar
Mensagens : 695
Data de inscrição : 27/08/2016
Idade : 26
Ver perfil do usuário

Re: Diário do Urso Polar - Já cai mais vezes do que posso contar, mas não desisto

em 21/12/2017, 12:47
Assim como vc, alcancei muitos dias uma vez e caí. Te aconselho a se manter no caminho aconteça o que acontecer.

Nesse nosso caso, quando caimos com muitos dias,  existem dois tipos de rebooters. Os que caem e nunca mais voltam ao normal. Estes apresentam algumas caracteristicas: recusa em seguir o metodo do jeito certo; questionamento de si próprio; promessas heroicas de vencer o vício de modo extraordinario, sempre acompanhado de fracasso constante; pedidos de exclusão do diário; sumiço do forum; abandono do seu diario entre outros fenomenos.
E o segundo caso, dos que caem sucessivas vezes mas vão fechando as brechas de modo que consigam voltar ao normal. Alguns precisam até se abdicar da internet por um tempo grande. Mas vão fechando o cerco até conseguirem colocar o trem nos trilhos novamente. Fique ligado que só existem esses dois caminhos. Avalie qual é a sua provavel tendencia. Seja sincero e se mantenha na luta. FORÇA.

_______________________________________
avatar
Mensagens : 151
Data de inscrição : 07/09/2017
Ver perfil do usuário

Re: Diário do Urso Polar - Já cai mais vezes do que posso contar, mas não desisto

em 21/12/2017, 17:30
acho que devemos tratar o PMO como um vício eterno.
porém com a religação, podemos ter uma vida normal. ou melhor do que a da maioria das pessoas, pq já conhemos fundo do poço e muitas delas estão nesse vicio e nem sabem

não sei se meus conselhos vão te servir pois vc é um cara que conseguiu muitos dias, enquanto eu só consegui 29 em setembro
mas o que está me fazendo ter animo de novo, é não ficar sofrendo com as quedas. to mais focado em ter a ideia de que sou um viciado e das coisas que preciso fazer pra me livrar.
sofro pois sou viciado, e não por que caí

bora voltar com tudo ursão. com certeza seu reboot não foi todo perdido

_______________________________________
avatar
Mensagens : 101
Data de inscrição : 01/09/2017
Ver perfil do usuário

Re: Diário do Urso Polar - Já cai mais vezes do que posso contar, mas não desisto

em 24/12/2017, 10:55
_Anonymus escreveu:Fala, Urso Polar! Entendo o seu sofrimento, pois estamos no mesmo barco. Não fiquei tanto tempo sem PMO assim como você, mas depois de 30 dias sóbrio, também tive dificuldades em recuperar aquele ânimo. Sei o quanto o difícil se levantar após uma recaída, mas não temos escolha. Ninguém está imune à pornografia e masturbação, Urso. Até mesmo os que não são viciados, como nós, pode acabar se viciando um dia. Mas uma coisa eu julgo ser importante, temos consciência de quão maléfica é a PMO, e estamos em luta constante para nos livrar desse hábito; isso já faz de nós vitoriosos.Atualmente está com quantos dias? Força aí, rapaz! E conta comigo.

Fala _Anonymous,

Muito obrigado pela mensagem. É esse apoio aqui do fórum é que nos mantêm firme na luta, apesar das quedas pessoais. Realmente é muito difícil se levantar, principalmente porque o cérebro está viciado nesse processo. É uma coisa natural subvertida que se vira contra nós. Por isso é difícil, o nosso próprio cérebro nos sabota, porque ele acha que estamos perdendo chances de nos reproduzir. Ele não entende que estamos indo para uma mentira.

Depois da queda, confesso, que fiquei bem desanimado e até pensei em apagar o diário. Fiquei com muita vergonha de admitir que caí. Não queria voltar,
porque eu tinha conseguido uma sequência boa de dias e tudo se desfez, e eu caí consciente de que estava caíndo.

Já tem uns dias que estou sem pornografia. Desinstalei o facebook e o instagram do meu celular porque eles me faziam querer PMO. Mas a masturbação não consegui afastar de todo. Tem dias que eu faço e tem dias que não. Então não sei dizer muito bem quantos dias são.

Cara, muito obrigado pelo apoio. Estamos juntos.
avatar
Mensagens : 101
Data de inscrição : 01/09/2017
Ver perfil do usuário

Re: Diário do Urso Polar - Já cai mais vezes do que posso contar, mas não desisto

em 24/12/2017, 11:09
Bolseiro_carioca escreveu:Assim como vc, alcancei muitos dias uma vez e caí. Te aconselho a se manter no caminho aconteça o que acontecer. Nesse nosso caso, quando caimos com muitos dias,  existem dois tipos de rebooters. Os que caem e nunca mais voltam ao normal. Estes apresentam algumas caracteristicas: recusa em seguir o metodo do jeito certo; questionamento de si próprio; promessas heroicas de vencer o vício de modo extraordinario, sempre acompanhado de fracasso constante; pedidos de exclusão do diário; sumiço do forum; abandono do seu diario entre outros fenomenos. E o segundo caso, dos que caem sucessivas vezes mas vão fechando as brechas de modo que consigam voltar ao normal. Alguns precisam até se abdicar da internet por um tempo grande. Mas vão fechando o cerco até conseguirem colocar o trem nos trilhos novamente. Fique ligado que só existem esses dois caminhos. Avalie qual é a sua provavel tendencia. Seja sincero e se mantenha na luta. FORÇA.

Bolseiro_carioca, você não podia estar mais certo.

Eu fiquei assim no mês de novembro e parte de dezembro, por isso que demorei a voltar. Eu estava considerando a minha rotina estressante e acabava usando isso como justificativa para poder me afundar ainda mais na PMO.

Eu já conheço o caminho correto e sei o que fazer. Sempre terei milhares de desculpas para as minhas quedas e motivos para buscar alívio na PMO.
Mas sei que nenhum deles é bom ou verdadeiro o suficiente para que eu possa justificar o vício.

Abidicar da internet é complicado para mim, porque eu e a minha esposa utilizamos para trabalho e estudo. Eu tenho que ser sincero mesmo. Não adianta fugir e mentir dizendo que nunca vai dar certo. Eu tenho que aprender a enfrentar esse vício. Sinceridade e sempre se manter na luta. Essa é a razão.
Obrigado brother.
avatar
Mensagens : 101
Data de inscrição : 01/09/2017
Ver perfil do usuário

Re: Diário do Urso Polar - Já cai mais vezes do que posso contar, mas não desisto

em 24/12/2017, 11:15
Petruchio escreveu:acho que devemos tratar o PMO como um vício eterno. porém com a religação, podemos ter uma vida normal. ou melhor do que a da maioria das pessoas, pq já conhemos fundo do poço e muitas delas estão nesse vicio e nem sabem não sei se meus conselhos vão te servir pois vc é um cara que conseguiu muitos dias, enquanto eu só consegui 29 em setembro mas o que está me fazendo ter animo de novo, é não ficar sofrendo com as quedas. to mais focado em ter a ideia de que sou um viciado e das coisas que preciso fazer pra me livrar.
sofro pois sou viciado, e não por que caí bora voltar com tudo ursão. com certeza seu reboot não foi todo perdido

Petruchio,
pode ter certeza que os seus conselhos e suas palavras servem, e muito mais que isso são um apoio que preciso para voltar a ter foco no reboot. O número de dias não diz muita coisa. Aprendi, assim como você disse que somos viciados e a religação server para nos dar uma vida normal longe da PMO.

Para mim foi tenso depois da queda. Eu fiquei muito chateado e deprimido, tanto que levei quase um mês para voltar a escrever no fórum. Mas como eu mesmo já disse e você reforçou agora, não adianta se lamentar pelas quedas. A gente sofre por ser viciado, mas a luta é assim mesmo.

Com certeza o tempo que fiquei limpo serve para muita coisa e me motiva a buscar a minha reabilitação.

Muito obrigado pelas palavras mano. Com certeza estamos juntos nessa jornada.
avatar
Mensagens : 260
Data de inscrição : 22/09/2017
Idade : 36
Localização : Salvador
Ver perfil do usuário

Re: Diário do Urso Polar - Já cai mais vezes do que posso contar, mas não desisto

em 26/12/2017, 10:58
Fala Urso!

É muito bom vê-lo aqui na luta outra vez

Lembre-se que cada erro, cada falha e cada derrota guardam lições importantes e precisamos nos manter firmes e com o espírito leve para que possamos enxergá-las.

Analisando a situação, o número de dias de seu reboot por si só já indicam seu entendimento e comprometimento com a restauração. Já incorporou o modus operandi de alguém que vai se livrar desse vício de forma definitiva. E apesar de tudo isso, perceba: ainda estamos no "reconhecimento do terreno". E tropeços podem ocorrer. Assim como o reboot não é uma mera abstinência da P, os resultados do que você já conseguiu não são uma mera contagem de dias. Portanto esses 122 dias são apenas a "ponta do iceberg" do seu potencial, lembre-se disso! (Analogia perfeita para um Urso Polar Laughing )

Quando comecei a participar do fórum, você já estava com uma quantidade de dias que poucos conseguem chegar. De lá pra cá, enquanto eu já tinha "escorregado" três vezes, você continuou firme. Eu tive um tipo de aprendizado e você outro. E fico feliz que você esteja de volta para que as informações dessas experiências sejam compartilhadas para que juntos possamos fechar o cerco de forma eficiente contra esse vício insolente.

O post do Bolseiro_carioca foi no âmago da questão. Por mais doloroso que seja, mantenha-se na linha, faça o que você vinha fazendo, corrija essa falha que o fez entrar nesse loop novamente, converse com sua mulher sobre como você se sente, use o que estiver ao seu alcance para se restabelecer.

Já aprendemos uma lição importante: se reerguer rápido torna tudo mais fácil. E isso você realmente já incorporou: veio aqui no fórum, relatou o ocorrido, refletiu sobre essa situação. Mas no post seguinte,  "Rasgando o verbo", pude notar que sua sensação de derrota foi muito grande. Talvez pelo fato da grande quantidade de dias, aliado ao fato de você cair conscientemente, você provavelmente pensou que jogou tudo fora.

E tudo isso me lembrou o que já passei e que já incorporei: culpa e vergonha não ajudam em nada. Temos que ter a postura de um cientista analisando um experimento (aquele mesmo, com jaleco branco e pranchetinha na mão, anotando os detalhes e soltando uns muxoxos de vez em quando What a Face ). A ideia aqui não é ficar chateado porque um experimento deu ou não certo, mas sim verificar os fatores determinantes de sucesso ou fracasso e tomar medidas para que o resultado seja o esperado.

Lembre-se irmão que essa sensação que literalmente implode sua determinação é, nada mais e nada menos, um dos muitos sintomas que enfrentamos, a sensação que todas as coisas chatas da vida surgem todas ao mesmo tempo para atormentar, que nada é interessante e que nenhum esforço vale a pena. E como todo sintoma, temos que analisar um jeito de combatê-lo.

Estou passando por isso recentemente. Essas últimas duas semanas lutei com afinco contra a procrastinação, fiz as coisas na marra, mas consegui resolver várias pendências, mesmo sem nenhuma vontade. Confesso que está sendo muito "dolorido", mas também muito gratificante.

E é isso meu velho. Não sei se ficou meio confuso o que eu queria passar, mas saiba que estou aqui torcendo muito por você, de coração!

Um grande abraço!

_______________________________________


Diário - o Livro Vermelho - http://www.comoparar.com/t5868-o-livro-vermelho-de-baggins
Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum