Compartilhe
Ir em baixo
avatar
Mensagens : 234
Data de inscrição : 18/05/2015
Idade : 27
Localização : Mato Grosso
Ver perfil do usuário

Re: Diário de Kaled. The Secrets of the Soul

em 19/2/2018, 23:54
40° ao 42° dia.

O que 3 dias sem dinheiro para comprar até comida me ensinaram sobre Temperança e Amor ao Próximo.

Algumas semanas antes:

Visitei um potencial cliente, mas ele não tinha interesse nenhum. Queria apenas comida. Não quis nem me ouvir. Meu coração ficou tão indignado. Que me recusei a ajuda-lo. Na semana seguinte encontrei-me novamente com ele e mais uma vez ele pediu a minha ajuda. Recusei novamente.

Durante o retiro uma das coisas que estudei foi sobre amor ao próximo. E justamente sobre mendigos e alcoólatras.

Prometi que sempre que houvesse a possibilidade de ajudar eu ajudaria. As vezes uma conversa vale mais que algumas moedas.

Quando estava na rodoviária um deles se aproximou de mim. Pediu esmola. Ele estava sujo e cheirava a álcool. Não o ajudei. Eu havia prometido que nem se fosse somente com um diálogo, eu ajudaria.

Mas o primeiro sintoma do egoísmo é a mentira.

Eu disse não tenho nada. Menti eu tinha, pouco mas tinha.

Meu hábito já estava formado e somente depois de eu perde-lo de vista vi o erro que havia cometido.

Enfim vou avançar um pouco a história. Quando desembarquei 17 hrs depois em minha cidade já estava sem dinheiro.

Já era quase sexta feira a noite. Fui fazer compras pois em casa eu não tinha nada. Mas o cartão não passou.

Fiquei triste. Mas lembrei-me de algumas frutas que tinha trazido da viagem. Vasculhei toda a casa, como eu almoço fora, geralmente não tenho estoque de alimentos em casa. 70 % de minha alimentação é crua. Duas semanas depois o que podia ter na geladeira já estava estragado.

Mas ainda encontrei um pouco de aveia, farinha de tapioca, fuba, chia, pipoca, gérmen de trigo e castanhas.

Esta era a comida para 3 dias.

Fiquei constrangido e preferi não pedir ajuda para meus pais. Comecei então a pensar nos milhões de famintos do mundo. E como eu era rico, pois ainda tinha algo para comer. Muitos não tinham. Pensei na triste perspectiva global de 20 milhões de famintos para 2020 segundo a OMS. De pessoas que não tem um único punhado de arroz para comer. Eu percebi então que o mundo jamais melhoraria.

Ah como eu era feliz. Quanta comida eu tinha, mesmo sendo tão pouca.

No primeiro dia comi tapioca e pipoca.

As frutas se foram no café da manhã do segundo dia. Comi elas com aveia e leite de castanhas. E

De almoço preparei um bolo com o fubá, o gérmen de trigo, a chia e um resto de açúcar mascavo. Aquele foi o melhor bolo que já comi em minha vida.

No 3° dia eu já não tinha, mais nada. Segunda é meu dia de jejum. E pensei se hoje eu já não comeria nada. Então não faz mal ficar mais um dia sem refeição.

No terceiro dia me doeu saber o quão intemperante eu já fui. Desperdiçando, comendo mais do que devia... Não tendo domínio próprio e comprando comidas caras. Agora lá estava eu. E nada de tudo isso agora realmente importava.

Eu não tinha dinheiro nem para comer. Eu não era melhor do que um andarilho alcoólatra faminto.

Foi então que eu aprendi que alcoólatras também sentem fome. Frio, dor, medo e solidão. Eu não sei por que virei as costas aqueles dois homens. Talvez tenha sido egoísmo. Talvez eu estivesse tão absorto em minha própria vida que eu já não conseguia mais ver o meu próximo.

Eu estava cego, mas agora enxergo.

Enfim no 3° dia consegui jantar. Vendi em um dia o que demoro até 2 semanas para vender.

Eu aprendi a lição. E Deus recompensou.

Não sei se voltarei a cometer o mesmo erro, mas algo em mim mudou, que eu mesmo sou incapaz de compreender.

Enviado pelo Topic'it

_______________________________________


Quem abandona a luta não poderá nunca saborear o gosto de uma vitória.

Textos Judaicos
avatar
Mensagens : 1959
Data de inscrição : 26/04/2017
Idade : 16
Ver perfil do usuário

Re: Diário de Kaled. The Secrets of the Soul

em 20/2/2018, 21:26
Kaled escreveu:40° ao 42° dia.

O que 3 dias sem dinheiro para comprar até comida me ensinaram sobre Temperança e Amor ao Próximo.

Algumas semanas antes:

Visitei um potencial cliente, mas ele não tinha interesse nenhum. Queria apenas comida. Não quis nem me ouvir. Meu coração ficou tão indignado. Que me recusei a ajuda-lo. Na semana seguinte encontrei-me novamente com ele e mais uma vez ele pediu a minha ajuda. Recusei novamente.

Durante o retiro uma das coisas que estudei foi sobre amor ao próximo. E justamente sobre mendigos e alcoólatras.

Prometi que sempre que houvesse a possibilidade de ajudar eu ajudaria. As vezes uma conversa vale mais que algumas moedas.

Quando estava na rodoviária um deles se aproximou de mim. Pediu esmola. Ele estava sujo e cheirava a álcool. Não o ajudei. Eu havia prometido que nem se fosse somente com um diálogo, eu ajudaria.

Mas o primeiro sintoma do egoísmo é a mentira.

Eu disse não tenho nada. Menti eu tinha, pouco mas tinha.

Meu hábito já estava formado e somente depois de eu perde-lo de vista vi o erro que havia cometido.

Enfim vou avançar um pouco a história. Quando desembarquei 17 hrs depois em minha cidade já estava sem dinheiro.

Já era quase sexta feira a noite. Fui fazer compras pois em casa eu não tinha nada. Mas o cartão não passou.

Fiquei triste. Mas lembrei-me de algumas frutas que tinha trazido da viagem. Vasculhei toda a casa, como eu almoço fora, geralmente não tenho estoque de alimentos em casa. 70 % de minha alimentação é crua. Duas semanas depois o que podia ter na geladeira já estava estragado.

Mas ainda encontrei um pouco de aveia, farinha de tapioca, fuba, chia, pipoca, gérmen de trigo e castanhas.

Esta era a comida para 3 dias.

Fiquei constrangido e preferi não pedir ajuda para meus pais. Comecei então a pensar nos milhões de famintos do mundo. E como eu era rico, pois ainda tinha algo para comer. Muitos não tinham. Pensei na triste perspectiva global de 20 milhões de famintos para 2020 segundo a OMS. De pessoas que não tem um único punhado de arroz para comer. Eu percebi então que o mundo jamais melhoraria.

Ah como eu era feliz. Quanta comida eu tinha, mesmo sendo tão pouca.

No primeiro dia comi tapioca e pipoca.

As frutas se foram no café da manhã do segundo dia. Comi elas com aveia e leite de castanhas. E

De almoço preparei um bolo com o fubá, o gérmen de trigo, a chia e um resto de açúcar mascavo. Aquele foi o melhor bolo que já comi em minha vida.

No 3° dia eu já não tinha, mais nada. Segunda é meu dia de jejum. E pensei se hoje eu já não comeria nada. Então não faz mal ficar mais um dia sem refeição.

No terceiro dia me doeu saber o quão intemperante eu já fui. Desperdiçando, comendo mais do que devia... Não tendo domínio próprio e comprando comidas caras. Agora lá estava eu. E nada de tudo isso agora realmente importava.

Eu não tinha dinheiro nem para comer. Eu não era melhor do que um andarilho alcoólatra faminto.

Foi então que eu aprendi que alcoólatras também sentem fome. Frio, dor, medo e solidão. Eu não sei por que virei as costas aqueles dois homens. Talvez tenha sido egoísmo. Talvez eu estivesse tão absorto em minha própria vida que eu já não conseguia mais ver o meu próximo.

Eu estava cego, mas agora enxergo.

Enfim no 3° dia consegui jantar. Vendi em um dia o que demoro até 2 semanas para vender.

Eu aprendi a lição. E Deus recompensou.

Não sei se voltarei a cometer o mesmo erro, mas algo em mim mudou, que eu mesmo sou incapaz de compreender.

Enviado pelo Topic'it

Cara, nessa horas deus mostra como tava errado.
Cara sempre quando posso ajudo, tipo quando um carinha vem pedindo dinheiro no vidro do carro eu dou mesmo que é R$0,50 ajuda. Cara já passei por isso e é complicado.
Ajudar o próximo é mesma coisa que se ajudar, não sei te explicar mais é bom. Mais que Bom, que você viu de outra forma e que continue bem no reboot!


Att.
Vysk

Enviado pelo Topic'it
avatar
Mensagens : 234
Data de inscrição : 18/05/2015
Idade : 27
Localização : Mato Grosso
Ver perfil do usuário

Re: Diário de Kaled. The Secrets of the Soul

em 21/2/2018, 23:17
Dia 43 a 44

O trabalho tem sido maravilhoso. Estou conhecendo uma garota, sim mais uma vez. Uma nova garota.
Não sei se vai ser agora.
Mas não ligo tanto assim.
Depois de 60 dias sem reset um término de namoro me derrubou e me levou ao fundo do poço novamente.

Mas com a ajuda do Pai celeste. Estou avançando pouco a pouco.
Estou super feliz por meu crescimento.

Tantas coisas boas tem ocorrido em minha vida ... Que sinto como se nunca tivesse sido tão feliz como o tenho sido agora.

Enviado pelo Topic'it

_______________________________________


Quem abandona a luta não poderá nunca saborear o gosto de uma vitória.

Textos Judaicos
avatar
Mensagens : 1959
Data de inscrição : 26/04/2017
Idade : 16
Ver perfil do usuário

Re: Diário de Kaled. The Secrets of the Soul

em 21/2/2018, 23:21
Kaled escreveu:Dia 43 a 44

O trabalho tem sido maravilhoso. Estou conhecendo uma garota, sim mais uma vez. Uma nova garota.
Não sei se vai ser agora.
Mas não ligo tanto assim.
Depois de 60 dias sem reset um término de namoro me derrubou e me levou ao fundo do poço novamente.

Mas com a ajuda do Pai celeste. Estou avançando pouco a pouco.
Estou super feliz por meu crescimento.

Tantas coisas boas tem ocorrido em minha vida ... Que sinto como se nunca tivesse sido tão feliz como o tenho sido agora.

Enviado pelo Topic'it

Cara kkk realmente, o reboot mostra essa percepção da vida kkkkk, mais conversa com ela sem interesse e vê se ela tem interesse em você com tempo! Investi um pouco nela, mais não crie muitas esperanças e senão pode levar a recaída!
Continue assim!


Att.
Vysk

Enviado pelo Topic'it
avatar
Mensagens : 194
Data de inscrição : 16/02/2018
Ver perfil do usuário

Re: Diário de Kaled. The Secrets of the Soul

em 21/2/2018, 23:27
Kaled escreveu:Dia 43 a 44

O trabalho tem sido maravilhoso. Estou conhecendo uma garota, sim mais uma vez. Uma nova garota.
Não sei se vai ser agora.
Mas não ligo tanto assim.
Depois de 60 dias sem reset um término de namoro me derrubou e me levou ao fundo do poço novamente.

Mas com a ajuda do Pai celeste. Estou avançando pouco a pouco.
Estou super feliz por meu crescimento.

Tantas coisas boas tem ocorrido em minha vida ... Que sinto como se nunca tivesse sido tão feliz como o tenho sido agora.

Enviado pelo Topic'it

Caramba que legal cara! Fico feliz por vc. Realmente o reboot funciona.

_______________________________________
avatar
Mensagens : 234
Data de inscrição : 18/05/2015
Idade : 27
Localização : Mato Grosso
Ver perfil do usuário

Re: Diário de Kaled. The Secrets of the Soul

em 21/2/2018, 23:39
Vysk escreveu:
Kaled escreveu:Dia 43 a 44

O trabalho tem sido maravilhoso. Estou conhecendo uma garota, sim mais uma vez. Uma nova garota.
Não sei se vai ser agora.
Mas não ligo tanto assim.
Depois de 60 dias sem reset um término de namoro me derrubou e me levou ao fundo do poço novamente.

Mas com a ajuda do Pai celeste. Estou avançando pouco a pouco.
Estou super feliz por meu crescimento.

Tantas coisas boas tem ocorrido em minha vida ... Que sinto como se nunca tivesse sido tão feliz como o tenho sido agora.

Enviado pelo Topic'it

Cara kkk realmente, o reboot mostra essa percepção da vida kkkkk, mais conversa com ela sem interesse e vê se ela tem interesse em você com tempo! Investi um pouco nela, mais não crie muitas esperanças e senão pode levar a recaída!
Continue assim!


Att.
Vysk

Enviado pelo Topic'it

Verdade Vyskão...

A vida é muito melhor sem PMO. Vemos o mundo literalmente de outra maneira.

Quanto a mina estou ainda na Zone Friend. Sem muita pressa...

Enviado pelo Topic'it

_______________________________________


Quem abandona a luta não poderá nunca saborear o gosto de uma vitória.

Textos Judaicos
avatar
Mensagens : 234
Data de inscrição : 18/05/2015
Idade : 27
Localização : Mato Grosso
Ver perfil do usuário

Re: Diário de Kaled. The Secrets of the Soul

em 21/2/2018, 23:46
B.Wayne escreveu:
Kaled escreveu:Dia 43 a 44

O trabalho tem sido maravilhoso. Estou conhecendo uma garota, sim mais uma vez. Uma nova garota.
Não sei se vai ser agora.
Mas não ligo tanto assim.
Depois de 60 dias sem reset um término de namoro me derrubou e me levou ao fundo do poço novamente.

Mas com a ajuda do Pai celeste. Estou avançando pouco a pouco.
Estou super feliz por meu crescimento.

Tantas coisas boas tem ocorrido em minha vida ... Que sinto como se nunca tivesse sido tão feliz como o tenho sido agora.

Enviado pelo Topic'it

Caramba que legal cara! Fico feliz por vc. Realmente o reboot funciona.

Sim o reboot. Funciona... E eu que já cheguei a duvidar dele... Rsrsrs.

Mas quanto mais ferramentas usar-mos mais fácil será a luta (apesar que a luta nunca é fácil).

Enviado pelo Topic'it

_______________________________________


Quem abandona a luta não poderá nunca saborear o gosto de uma vitória.

Textos Judaicos
avatar
Mensagens : 234
Data de inscrição : 18/05/2015
Idade : 27
Localização : Mato Grosso
Ver perfil do usuário

Re: Diário de Kaled. Quando tudo parecer estar contra vc, lembre-se que o avião decola contra o vento, não com a ajuda dele.

em 25/2/2018, 01:39
Dia 45 a 47. Quase queda e novo amor.

No começo eu não queria admitir, mas sim eu estou gostando desta garota.
Na verdade ela sempre foi o tipo de garota com quem sonhei.
As vezes até parece que o universo está conspirando ao meu favor.
Ela estava a mais de 500 km de distância e surpreendentemente ela veio se hospedar na mesma casa em que eu estava hospedado.

Tivemos a oportunidade de estarmos juntos, próximos por uma semana. Nos divertimos muito juntos. Sorrimos e eu até levei ela para tomar o melhor açaí do estado. Rsrsrs...

Mas a possibilidade de se apaixonar, desperta gatilhos. E hoje fiquei sozinho quase o dia todo. E isso foi perigoso. Quase caí.

Foi por um fio.

Eu a conheci na infância... Éramos vizinhos... Mas ela se mudou e perdemos o contato.

Meses atrás ela ouviu falar de um curso de culinária vegetariana que eu estava dando. Entrou em contato mas não conseguiu assistir o curso.

Foi então que as coisas começaram a ficar ainda mais mágicas.

Há algumas semanas atrás eu tive um sonho com ela. Eu fiquei tão impressionado com o sonho que levantei de madrugada para procurar o seu contato em uma rede social.

Mas o fato é que eu nem me recordava de seu nome. Vasculhei a rede social por vários minutos até obsono em dominar novamente e eu adormecer.

Na manhã seguinte rercordei-me de uma pista. O histórico de conversas da rede social, possuia o registro de todas as conversas. Ela havia me mandado mensagem sobre o meu curso meses antes.

Entrei em contato com ela e contei-lhe sobre o sonho.

Semanas depois estava eu em um evento (no hotel de luxo que comentei neste diário) e uma mulher me perguntou se conhecia ela. Eu disse que sim. Ela então falou para que eu a convidasse para aquele evento que era sobre o meu trabalho.

Eu a convidei e ela veio. eram 500 km de distância.

Foi então que as coisas foram ficando cada vez mais surpreendentes.

Ela se interessou pelo meu trabalho, algumas semanas depois ela retornou para conhecer e aprender mais sobre o trabalho que faço.

Foi então que fomos parar na mesma casa.

Uma garota dos tempos de infância. Um sonho. 500 km de distância. Um evento de trabalho em um hotel de luxo. O que tudo isso poderia ter em comum?

Nem eu mesmo sei, mas não vejo a hora de continuar a escrever a minha história.

Enviado pelo Topic'it

_______________________________________


Quem abandona a luta não poderá nunca saborear o gosto de uma vitória.

Textos Judaicos
avatar
Moderador
Moderador
Mensagens : 1099
Data de inscrição : 18/02/2016
Idade : 29
Localização : RJ
Ver perfil do usuário

Re: Diário de Kaled. The Secrets of the Soul

em 25/2/2018, 09:13
História inspiradora Kaled.
Estou na torcida para que vocês deem certo.

Apenas tente não desviar o foco do seu reboot, pois o reboot em si vai ajudar muito na socialização com ela!

_______________________________________
" Nunca estagne, sempre procure crescer, mesmo que seja aos poucos... ."



                    Meta  29/12/2018
avatar
Mensagens : 1959
Data de inscrição : 26/04/2017
Idade : 16
Ver perfil do usuário

Re: Diário de Kaled. The Secrets of the Soul

em 25/2/2018, 11:50
Kaled escreveu:Dia 45 a 47. Quase queda e novo amor.

No começo eu não queria admitir, mas sim eu estou gostando desta garota.
Na verdade ela sempre foi o tipo de garota com quem sonhei.
As vezes até parece que o universo está conspirando ao meu favor.
Ela estava a mais de 500 km de distância e surpreendentemente ela veio se hospedar na mesma casa em que eu estava hospedado.

Tivemos a oportunidade de estarmos juntos, próximos por uma semana. Nos divertimos muito juntos. Sorrimos e eu até levei ela para tomar o melhor açaí do estado. Rsrsrs...

Mas a possibilidade de se apaixonar, desperta gatilhos. E hoje fiquei sozinho quase o dia todo. E isso foi perigoso. Quase caí.

Foi por um fio.

Eu a conheci na infância... Éramos vizinhos... Mas ela se mudou e perdemos o contato.

Meses atrás ela ouviu falar de um curso de culinária vegetariana que eu estava dando. Entrou em contato mas não conseguiu assistir o curso.

Foi então que as coisas começaram a ficar ainda mais mágicas.

Há algumas semanas atrás eu tive um sonho com ela. Eu fiquei tão impressionado com o sonho que levantei de madrugada para procurar o seu contato em uma rede social.

Mas o fato é que eu nem me recordava de seu nome. Vasculhei a rede social por vários minutos até obsono em dominar novamente e eu adormecer.

Na manhã seguinte rercordei-me de uma pista. O histórico de conversas da rede social, possuia o registro de todas as conversas. Ela havia me mandado mensagem sobre o meu curso meses antes.

Entrei em contato com ela e contei-lhe sobre o sonho.

Semanas depois estava eu em um evento (no hotel de luxo que comentei neste diário) e uma mulher me perguntou se conhecia ela. Eu disse que sim. Ela então falou para que eu a convidasse para aquele evento que era sobre o meu trabalho.

Eu a convidei e ela veio. eram 500 km de distância.

Foi então que as coisas foram ficando cada vez mais surpreendentes.

Ela se interessou pelo meu trabalho, algumas semanas depois ela retornou para conhecer e aprender mais sobre o trabalho que faço.

Foi então que fomos parar na mesma casa.

Uma garota dos tempos de infância. Um sonho. 500 km de distância. Um evento de trabalho em um hotel de luxo. O que tudo isso poderia ter em comum?

Nem eu mesmo sei, mas não vejo a hora de continuar a escrever a minha história.

Enviado pelo Topic'it

Tenho Fé! Que vai tudo certo! Continue assim!

Att.
Vysk

Enviado pelo Topic'it
avatar
Mensagens : 558
Data de inscrição : 08/07/2017
Ver perfil do usuário

Re: Diário de Kaled. The Secrets of the Soul

em 25/2/2018, 15:23
Legal khaled, gostei, vou acompanhar sua história

abs

_______________________________________






Acompanhe meu diário


Vamos lá debater, serei eternamente grato!
http://www.comoparar.com/t5410-diario-do-budista

Valeu pelo apoio!
avatar
Mensagens : 234
Data de inscrição : 18/05/2015
Idade : 27
Localização : Mato Grosso
Ver perfil do usuário

Re: Diário de Kaled. The Secrets of the Soul

em 26/2/2018, 14:30
Eder escreveu:História inspiradora Kaled.
Estou na torcida para que vocês deem certo.

Apenas tente não desviar o foco do seu reboot, pois o reboot em si vai ajudar muito na socialização com ela!

Obrigado Eder. Realmente preciso tomar muito cuidado. Estes dias tenho ficado sozinho em casa, procrastinando... Muito perigoso. Preciso redobrar os cuidados se não a queda virá rapidamente.

Enviado pelo Topic'it

_______________________________________


Quem abandona a luta não poderá nunca saborear o gosto de uma vitória.

Textos Judaicos
avatar
Mensagens : 234
Data de inscrição : 18/05/2015
Idade : 27
Localização : Mato Grosso
Ver perfil do usuário

Re: Diário de Kaled. The Secrets of the Soul

em 26/2/2018, 14:31
Budista Rebooter escreveu:Legal khaled, gostei, vou acompanhar sua história

abs

Tamos Juntos.

Obrigado Budista!

Enviado pelo Topic'it

_______________________________________


Quem abandona a luta não poderá nunca saborear o gosto de uma vitória.

Textos Judaicos
avatar
Mensagens : 234
Data de inscrição : 18/05/2015
Idade : 27
Localização : Mato Grosso
Ver perfil do usuário

Re: Diário de Kaled. The Secrets of the Soul

em 26/2/2018, 22:36
Dia 48
Procrastinação

Sim, essa é a palavra! Tenho procrastinado demais estes ultimos dias.

E sei que isso pode me levar ao precipício.

Procrastinar com tanto trabalho por fazer parece ser burrice.

Sei que principalmente para os rebooters isso pode ser o começo da queda.

Mas não vou continuar assim.

O estranho é que mesmo trabalhando acabamos procrastinando.

Eu novamente fiquei perto da queda. Vi alguns vídeos, nada pornô. Mas que me deixaram muito desconfortável. Fui pesquisar umas roupas íntimas para comprar e mais gatilhos ativados. Assisti alguns trailers e também tive que me segurar.

Caramba parece que não tem para onde olhar sem ser tentado. A música funk na rua, os outdoors, as mulheres com pouca roupa...

Mas amanhã será melhor que hoje. Ao menos a minha mente estará mais forte, pois o mundo sempre há de ser ainda pior do que antes.

Sigo lutando.

P.S. A garota me mandou um áudio hoje. Eu não retornei contato depois que ela foi embora.

Ela ter puxado assunto foi um bom sinal. Ela parece estar ansiosa para nos revermos. Disse que vai pagar um açaí para mim já que paguei para ela.


Att.
Kaled.

Enviado pelo Topic'it

_______________________________________


Quem abandona a luta não poderá nunca saborear o gosto de uma vitória.

Textos Judaicos
avatar
Mensagens : 194
Data de inscrição : 16/02/2018
Ver perfil do usuário

Re: Diário de Kaled. The Secrets of the Soul

em 27/2/2018, 00:10
Tô na torcida pra que dê certo com a garota, Kaled.
Abraço!

_______________________________________
avatar
Mensagens : 246
Data de inscrição : 25/01/2018
Ver perfil do usuário

Re: Diário de Kaled. The Secrets of the Soul

em 27/2/2018, 15:07
Kaled, sei que a procrastinação é embaçado mesmo. Luto muito contra ela. Sei que tenho minhas obrigações, mas a vontade de deixar tudo pra depois, é muito grande. Depois vem aquela culpa por saber que não fizemos o que tínhamos que ter feito. Talvez esse tem sido um dos maiores desafios no meu reboot. Manter uma lista diária de tarefas a cumprir tem ajudado. Não é nada milagroso, mas ajuda sim. E a gente tem que se obrigar véio... Não racionalizar coisas do tipo: daqui a pouco eu faço, ou, ainda tenho bastante tempo, etc... Pega e faz, sem pensar muito.
É mais fácil falar do que fazer. Mas tamu junto nessa parceiro!

_______________________________________


http://www.comoparar.com/t6843-diario-sevenfalls
avatar
Mensagens : 234
Data de inscrição : 18/05/2015
Idade : 27
Localização : Mato Grosso
Ver perfil do usuário

Re: Diário de Kaled. The Secrets of the Soul

em 28/2/2018, 22:43
B.Wayne escreveu:Tô na torcida pra que dê certo com a garota, Kaled.
Abraço!

Valeu Wayne!
Obg.
Tamo Junto.

Abraços.

Enviado pelo Topic'it

_______________________________________


Quem abandona a luta não poderá nunca saborear o gosto de uma vitória.

Textos Judaicos
avatar
Mensagens : 234
Data de inscrição : 18/05/2015
Idade : 27
Localização : Mato Grosso
Ver perfil do usuário

Re: Diário de Kaled. The Secrets of the Soul

em 28/2/2018, 22:46
Sevenfalls escreveu:Kaled, sei que a procrastinação é embaçado mesmo. Luto muito contra ela. Sei que tenho minhas obrigações, mas a vontade de deixar tudo pra depois, é muito grande. Depois vem aquela culpa por saber que não fizemos o que tínhamos que ter feito. Talvez esse tem sido um dos maiores desafios no meu reboot. Manter uma lista diária de tarefas a cumprir tem ajudado. Não é nada milagroso, mas ajuda sim. E a gente tem que se obrigar véio... Não racionalizar coisas do tipo: daqui a pouco eu faço, ou, ainda tenho bastante tempo, etc... Pega e faz, sem pensar muito.
É mais fácil falar do que fazer. Mas tamu junto nessa parceiro!

Verdade brother! Eu sempre fiz listas. Amo listas. Mas agora estou relaxado. Estou com um planejamento de metas para 2018 para fazer desde o final de dezembro e até agora nada.

Eu preciso ter mais vergonha na cara... Mais coragem e atitude.

Enviado pelo Topic'it

_______________________________________


Quem abandona a luta não poderá nunca saborear o gosto de uma vitória.

Textos Judaicos
avatar
Mensagens : 234
Data de inscrição : 18/05/2015
Idade : 27
Localização : Mato Grosso
Ver perfil do usuário

Re: Diário de Kaled. The Secrets of the Soul

em 28/2/2018, 23:17
Dia 49° ao 50°.
Balanço dos 50 dias.

Não é hardmode. Mas é minha jornada de qualquer jeito. É o meu reboot ao estilo Kalediano. Rsrsrs

Não é a minha primeira vez que chego aos 50. Mas espero que seja a última. E que o meu relógio não pare mais.

Eu queria ter escrito ontem. Mas fiquei sem net.

Mas não faz diferença. Aqui estou eu.

Durante estes 50 dias eu caí. Sim confesso que caí uma vez. Não em P. Mas em M. Não retomei a contagem pois sabia que isso iria me desmotivar.

Nos últimos dias tenho estado quase que o dia todo sozinho. E vcs sabem, isso é muiiiito perigoso. Apareceram vários gatilhos e berei ao precipício da queda.

Mas enfim... Aqui estou eu! Não posso dizer que cheguei ao 50° dia. Forte e invencible. Pelo contrário me apresento a vcs nestes 50 dias de reboot como um soldado ferido, cansado e assustado. Medo. Sim essa é a palavra. Medo de não conseguir, medo de cair.

O soldado está ferido. Fragilizado pela guerra. Quem não está afinal?

Essa é a verdade. Mas ainda não é hora de partir da guerra! Eu tenho forças para lutar.

E sei que por mais difícil que a luta seja. Preciso continuar.

Se a batalha cessa é por que o soldado morreu ou se tornou um desertor.

Movimento é vida. Por tanto, PMO escute bem: eu lutarei... Lutarei até o sangue brotar de minha face. Lutarei até minhas mãos calejarem... Lutarei até o meu suor se misturar ao pó e ao sangue.

E continuarei lutando enquanto Deus permitir.

Lutemos!

Obrigado a todos os amigos que fizeram dessa luta possível. Sem vcs estes 50 dias seriam muito mais difíceis e tristes.

Obrigado em especial ao Brit. O Brit sumiu... Mas ele tem sido um irmão para mim. Sem ele a guerra seria bem mais tensa. Essa Vitória é sua também Brit parabéns pra gente.

Obrigado ao Budista Rebboter que me acompanha desde o época em que conhecemos o Brit. Nos afastamos do fórum mas voltamos... Caímos mas nos levantamos. E aqui estamos nós!
Eu ainda me lembro Budista do nick zoado no seu perfil kkk... Lembra te aconselhei a mudar o nick... Assim como o Brit também te aconselhou na época. Estamos juntos irmão.

Obrigado ao Viskão, nos conhecemos a pouco tempo... Mas a luta é a mesma... O relógio também! Bora chegar ao final juntos brother... Nada de cair... Cuidado com a mulherada rsrsrs...
Obrigado pela interação em meu fórum! Você é um cara de sorte. Aproveite bem ela.

Obrigado aos outros meninos que passaram por aqui me dando apoio... Não fiquem longe brothers: Wayne, Eder, SevenFalls e companhia.

Se não puder voar, corra. Se não puder correr, ande. Se não puder andar, rasteje, mas continue em frente de qualquer jeito... Martin Luther King. 

Att.
Kaled.

Enviado pelo Topic'it

_______________________________________


Quem abandona a luta não poderá nunca saborear o gosto de uma vitória.

Textos Judaicos
avatar
Mensagens : 1959
Data de inscrição : 26/04/2017
Idade : 16
Ver perfil do usuário

Re: Diário de Kaled. The Secrets of the Soul

em 1/3/2018, 05:34
Kaled escreveu:Dia 49° ao 50°.
Balanço dos 50 dias.

Não é hardmode. Mas é minha jornada de qualquer jeito. É o meu reboot ao estilo Kalediano. Rsrsrs

Não é a minha primeira vez que chego aos 50. Mas espero que seja a última. E que o meu relógio não pare mais.

Eu queria ter escrito ontem. Mas fiquei sem net.

Mas não faz diferença. Aqui estou eu.

Durante estes 50 dias eu caí. Sim confesso que caí uma vez. Não em P. Mas em M. Não retomei a contagem pois sabia que isso iria me desmotivar.

Nos últimos dias tenho estado quase que o dia todo sozinho. E vcs sabem, isso é muiiiito perigoso. Apareceram vários gatilhos e berei ao precipício da queda.

Mas enfim... Aqui estou eu! Não posso dizer que cheguei ao 50° dia. Forte e invencible. Pelo contrário me apresento a vcs nestes 50 dias de reboot como um soldado ferido, cansado e assustado. Medo. Sim essa é a palavra. Medo de não conseguir, medo de cair.

O soldado está ferido. Fragilizado pela guerra. Quem não está afinal?

Essa é a verdade. Mas ainda não é hora de partir da guerra! Eu tenho forças para lutar.

E sei que por mais difícil que a luta seja. Preciso continuar.

Se a batalha cessa é por que o soldado morreu ou se tornou um desertor.

Movimento é vida. Por tanto, PMO escute bem: eu lutarei... Lutarei até o sangue brotar de minha face. Lutarei até minhas mãos calejarem... Lutarei até o meu suor se misturar ao pó e ao sangue.

E continuarei lutando enquanto Deus permitir.

Lutemos!

Obrigado a todos os amigos que fizeram dessa luta possível. Sem vcs estes 50 dias seriam muito mais difíceis e tristes.

Obrigado em especial ao Brit. O Brit sumiu... Mas ele tem sido um irmão para mim. Sem ele a guerra seria bem mais tensa. Essa Vitória é sua também Brit parabéns pra gente.

Obrigado ao Budista Rebboter que me acompanha desde o época em que conhecemos o Brit. Nos afastamos do fórum mas voltamos... Caímos mas nos levantamos. E aqui estamos nós!
Eu ainda me lembro Budista do nick zoado no seu perfil kkk... Lembra te aconselhei a mudar o nick... Assim como o Brit também te aconselhou na época. Estamos juntos irmão.

Obrigado ao Viskão, nos conhecemos a pouco tempo... Mas a luta é a mesma... O relógio também! Bora chegar ao final juntos brother... Nada de cair... Cuidado com a mulherada rsrsrs...
Obrigado pela interação em meu fórum! Você é um cara de sorte. Aproveite bem ela.

Obrigado aos outros meninos que passaram por aqui me dando apoio... Não fiquem longe brothers: Wayne, Eder, SevenFalls e companhia.

Se não puder voar, corra. Se não puder correr, ande. Se não puder andar, rasteje, mas continue em frente de qualquer jeito... Martin Luther King. 

Att.
Kaled.

Enviado pelo Topic'it

Isso ai! Vamos até o fim! Valeu manin!


Att.
Vysk

Enviado pelo Topic'it
avatar
Mensagens : 558
Data de inscrição : 08/07/2017
Ver perfil do usuário

Re: Diário de Kaled. The Secrets of the Soul

em 1/3/2018, 08:14
Opa Kaled, tava até esquecido do nick haha, mas não era legal aqui, era árbitro de alguma coisa que não vou falar hehe.

Enfim!

Fico feliz pela lembrança.

Sobre bandeira feminista, eu também não concordo. Tem um livro interessante que expõe o comportamento masculino diante delas, os efeitos provocados pelo feminismo e está cada vez mais claro. Vejo muitos homens perdendo sua real natureza por causa do q a mulher diz e aí quebram a cara porque na prática oq as mulheres dizem não agrada elas.

Eu cortei com a feminista, fique tranquilo que eu só me interessei pelo sexo, mas me chamou de 'cuzão' e impus minha autoridade, foi uma grande experiência já que eu não ativo de modo imediato essas coisas (eu tenho dificuldade em desagradar pessoas).


_______________________________________






Acompanhe meu diário


Vamos lá debater, serei eternamente grato!
http://www.comoparar.com/t5410-diario-do-budista

Valeu pelo apoio!
avatar
Mensagens : 236
Data de inscrição : 12/07/2017
Ver perfil do usuário

Re: Diário de Kaled. The Secrets of the Soul

em 1/3/2018, 11:39
Parabéns amigo pelos 50 dias. Quase 2/3 completos do Reboot. Já viu alguma mudança?

_______________________________________
avatar
Mensagens : 194
Data de inscrição : 16/02/2018
Ver perfil do usuário

Re: Diário de Kaled. The Secrets of the Soul

em 1/3/2018, 14:26
Fala brother!
Fico muito feliz por vc ter chegado nessa marca. Continue assim. Geral tá contigo!
Valeu!

_______________________________________
avatar
Mensagens : 234
Data de inscrição : 18/05/2015
Idade : 27
Localização : Mato Grosso
Ver perfil do usuário

Re: Diário de Kaled. The Secrets of the Soul

em 1/3/2018, 22:30
Arjuna escreveu:Parabéns amigo pelos 50 dias. Quase 2/3 completos do Reboot. Já viu alguma mudança?

Faaaaala Arjuna!

Obg pelas felicitações.

Sim, senti muitas mudanças nestes últimos 50 dias. Principalmente em relação a mente. Ela está muito mais clara.

Não vou mentir. Quase todo dia sou fortemente tentado a cair.
Mas não desisto.

A vontade de voltar ao PMO é grande. Mas sei que é um prazer efêmero e momentâneo.

Por tanto preciso desconstruir esse hábito.

Enviado pelo Topic'it

_______________________________________


Quem abandona a luta não poderá nunca saborear o gosto de uma vitória.

Textos Judaicos
avatar
Mensagens : 234
Data de inscrição : 18/05/2015
Idade : 27
Localização : Mato Grosso
Ver perfil do usuário

Re: Diário de Kaled. The Secrets of the Soul

em 1/3/2018, 22:31
B.Wayne escreveu:Fala brother!
Fico muito feliz por vc ter chegado nessa marca. Continue assim. Geral tá contigo!
Valeu!

Valeu mano. Tamo junto!

Enviado pelo Topic'it

_______________________________________


Quem abandona a luta não poderá nunca saborear o gosto de uma vitória.

Textos Judaicos
Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum