Compartilhe
Ir em baixo
avatar
Gregory16
Mensagens : 721
Data de inscrição : 15/08/2017

Re: Diário do Carvalho

em 24/1/2018, 07:45
joaocrv escreveu:Hoje acordei bem melhor do que estava ontem. Que dias difíceis esses dois passados... Senti uma angústia enorme, que parecia que ia tomar conta do meu ser. Parece que o remédio já está fazendo um pouco do seu trabalho, já que parei por poucos dias apenas.
Apesar disso tudo, encontrei com meu namorado e estou enfrentando um processo de término, infelizmente. Hoje saímos e estou com uma irritabilidade sem medidas, da mesma forma que terminei com ele da outra vez. Eu gosto muito, mas muito dele. Mas sempre tive algo no fundo do meu coração que diz que ele não é a "minha pessoa". Sinto que estou nadando contracorrente para que tudo dê certo entre a gente. Mas acaba que não está dando mais.
Uma hora dei uma crise de tristeza e conversamos. Eu disse que queria que a gente desse um tempo ou terminássemos. Foi uma conversa bem de boa, ele é muito apaixonado por mim e só quer ver o bem de nós dois, apesar de ele ter chorado bastante e ficado bem triste.
Amanhã vou na psicóloga e vou conversar com ela sobre essas duas opções: ou nós terminamos ou demos um tempo pro meu remédio "fazer efeito" e eu ver se vale a pena tentarmos outra vez, mas cada um segue sua vida pra ficar com outra pessoa durante esse tempo. Quase certeza que ela vai me aconselhar a seguir a opção número 1.
Se Deus quiser vai dar tudo certo. Sei que estou a passar por momentos muito difíceis daqui pra frente. Terminar com uma pessoa que se gosta não é fácil.
Mas acaba que sinto que estou prendendo-o. Eu querendo ser mais livre (não para ficar com outros caras, mas pra ficar mais comigo mesmo) e ele querendo um amor.
Quem lê aqui, mande energias positivas pra mim. Confio muito que o que Deus faz na minha vida, sempre é para o meu melhor. Estou preparado para qualquer coisa que venha.

Like a Star @ heaven
Parabéns pelas duas semanas, que bom que já superou aqueles dois dias tristes. Terminar com alguém que se gosta realmente não deve ser fácil, e parece ser mesmo uma ótima ideia a discutir com sua psicóloga. Dar um tempo parece uma boa opção, aí você pensaria melhor, mas como disse que "Sinto que estou nadando contracorrente para que tudo dê certo entre a gente" parece ser melhor que termine mesmo.

_______________________________________
marcosbanc
Moderador
Moderador
Mensagens : 313
Data de inscrição : 07/01/2018

Re: Diário do Carvalho

em 27/1/2018, 20:39
Querido como está o Reboot? O pós término ?
Saibas que você é uma pessoa pela qual tenho muito apreço. Acompanho seu diário quase que diariamente.
Saudados abraços!!!

_______________________________________
Visite meu diário e me ajude a vencer!

http://www.comoparar.com/t6668-reboot-marcos
avatar
joaocrv
Mensagens : 92
Data de inscrição : 17/01/2018

Re: Diário do Carvalho

em 28/1/2018, 06:19
marcosbanc escreveu:Querido como está o Reboot? O pós término ?
Saibas que você é uma pessoa pela qual tenho muito apreço. Acompanho seu diário quase que diariamente.
Saudados abraços!!!

Oi meu querido!
Infelizmente terminei mesmo... Estou meio sumido daqui pois ainda não me sinto confortável de comentar sobre isso... Apesar de que estou com uma força gigantesca dentro de mim que está me fazendo muito bem. Não estou ficando na bad frequentemente... Claro que às vezes vem o pensamento de nós dois juntos mas consigo controlar para não virar emoção. Estou muito bem!
Muito obrigado pela preocupação. Muito apreço por isso!
Sigo firme no reboot, graças a Deus!!!

Bjo grande
Like a Star @ heaven

_______________________________________

avatar
joaocrv
Mensagens : 92
Data de inscrição : 17/01/2018

Dia 24

em 2/2/2018, 18:11
Segue-se o Reboot! Graças a Deus estou recebendo muitas forças dos meus amigos em relação ao meu término. De uma forma geral, estou muito, mas muito bem. Claro que às vezes bate saudades das épocas antigas e dele mesmo, mas entendo, de coração, que o rompimento deveria ocorrer. É foda terminar gostando da pessoa.
Mas é um ciclo que se fecha, pra se abrir outro com também muitas coisas legais, tenho certeza.
Por enquanto, não sinto vontade nenhuma de PMO. Penso em seguir no hard mode, mas estou um pouquinho na dúvida, pois estou querendo ainda curtir algumas pegações, já que esse ano ainda não fiz sexo. Apesar disso, ainda não estou pronto para voltar para os aplicativos. Fazem quase 10 dias que terminei, ainda.

Fui ao psiquiatra e ela estava querendo trocar meu medicamento (antidepressivo, que tomo para irritabilidade) para um ansiolítico, chamado Buspirona. Ainda quero esperar para que eu saia dessa zona de emoções vulneráveis, pelo término recente, para tentar essa troca. Quero fazer de tudo para que eu viva independente dos medicamentos. Sou extremamente capaz disso, já que sou sempre uma pessoa muito alegre, extrovertida e divertida.

Aos que me acompanham, desculpem pelo sumiço. Está tudo bem, gratidão pelas energias!
Like a Star @ heaven

_______________________________________

avatar
joaocrv
Mensagens : 92
Data de inscrição : 17/01/2018

Dia 30

em 8/2/2018, 13:21
Dia 30, que orgulho!
Muito feliz que as coisas estão caminhando como deveriam. Nesses dias não estou sentindo nenhuma vontade de PMO. Como começaram minhas aulas no dia 05, estou com a cabeça muito mais ocupada. Apesar disso, meu semestre está mais tranquilo. 3 dias de aulas só pela manhã e 2 o dia inteiro. Muito hospital, lar de idosos e ambulatório. Graças a Deus amo o que estou fazendo, tudo é muito instigante!
No início da semana passei por maus bocados. Saíram as relações das novas turmas do internato para esses próximos meses e fiquei longe de todos os meus amigos e conhecidos. Na minha turma só havia gente de outras salas. Na segunda feira fiquei bem mal, bem mal mesmo. Sem conseguir dormir, fazendo de tudo para mudar de turma. Mas as coisas tomaram um rumo maravilhoso. Todas as vezes à noite, quando medito, peço sempre para que Deus faça o que for melhor na minha vida, independente do que eu queira. Que tenha sempre muito crescimento pessoal e amadurecimento. E é isso que meu coração sentiu. Um tempo de aprender, de fazer novas amizades e de ter contato com energias diferentes. Ao longo da semana fui muito bem recebido e estou EXTREMAMENTE feliz. Minha vida é valiosa. Gratidão por tudo que eu estou vivendo agora!

Penso muito se estou preparado para ficar com alguém novo. Carnaval está aí mas não vou instalar aplicativos por enquanto. Vou deixar rolar, apesar de não ter muitos contatinhos na reserva. Mais uma vez, que Deus faça o melhor pra mim. Tudo acontece na hora certa.
Muita gratidão! Muita!

Grande fluxo de energia positiva pra todos que estão lendo isso Smile
Like a Star @ heaven

_______________________________________

marcosbanc
Moderador
Moderador
Mensagens : 313
Data de inscrição : 07/01/2018

Re: Diário do Carvalho

em 8/2/2018, 21:48
joaocrv escreveu:Dia 30, que orgulho!
Muito feliz que as coisas estão caminhando como deveriam. Nesses dias não estou sentindo nenhuma vontade de PMO. Como começaram minhas aulas no dia 05, estou com a cabeça muito mais ocupada. Apesar disso, meu semestre está mais tranquilo. 3 dias de aulas só pela manhã e 2 o dia inteiro. Muito hospital, lar de idosos e ambulatório. Graças a Deus amo o que estou fazendo, tudo é muito instigante!
No início da semana passei por maus bocados. Saíram as relações das novas turmas do internato para esses próximos meses e fiquei longe de todos os meus amigos e conhecidos. Na minha turma só havia gente de outras salas. Na segunda feira fiquei bem mal, bem mal mesmo. Sem conseguir dormir, fazendo de tudo para mudar de turma. Mas as coisas tomaram um rumo maravilhoso. Todas as vezes à noite, quando medito, peço sempre para que Deus faça o que for melhor na minha vida, independente do que eu queira. Que tenha sempre muito crescimento pessoal e amadurecimento. E é isso que meu coração sentiu. Um tempo de aprender, de fazer novas amizades e de ter contato com energias diferentes. Ao longo da semana fui muito bem recebido e estou EXTREMAMENTE feliz. Minha vida é valiosa. Gratidão por tudo que eu estou vivendo agora!

Penso muito se estou preparado para ficar com alguém novo. Carnaval está aí mas não vou instalar aplicativos por enquanto. Vou deixar rolar, apesar de não ter muitos contatinhos na reserva. Mais uma vez, que Deus faça o melhor pra mim. Tudo acontece na hora certa.
Muita gratidão! Muita!

Grande fluxo de energia positiva pra todos que estão lendo isso Smile
Like a Star @ heaven

Meu coração se regozija pelas suas vitórias! Fico ansioso (no bom sentido) por suas postagens. São 30 dias de lutas. Você é forte meu amado, não se esqueça disso! Ainda que ande pelo vale da sombra da morte, não te acontecerá nada, porque Deus está com você!

Que esse carnaval venha repleto de energias positivas para todos que, sobretudo, passam por problemas relacionados a PMO.

Avante guerreiro!!!’

_______________________________________
Visite meu diário e me ajude a vencer!

http://www.comoparar.com/t6668-reboot-marcos
avatar
joaocrv
Mensagens : 92
Data de inscrição : 17/01/2018

Re: Diário do Carvalho

em 13/2/2018, 06:13
marcosbanc escreveu:
joaocrv escreveu:Dia 30, que orgulho!
Muito feliz que as coisas estão caminhando como deveriam. Nesses dias não estou sentindo nenhuma vontade de PMO. Como começaram minhas aulas no dia 05, estou com a cabeça muito mais ocupada. Apesar disso, meu semestre está mais tranquilo. 3 dias de aulas só pela manhã e 2 o dia inteiro. Muito hospital, lar de idosos e ambulatório. Graças a Deus amo o que estou fazendo, tudo é muito instigante!
No início da semana passei por maus bocados. Saíram as relações das novas turmas do internato para esses próximos meses e fiquei longe de todos os meus amigos e conhecidos. Na minha turma só havia gente de outras salas. Na segunda feira fiquei bem mal, bem mal mesmo. Sem conseguir dormir, fazendo de tudo para mudar de turma. Mas as coisas tomaram um rumo maravilhoso. Todas as vezes à noite, quando medito, peço sempre para que Deus faça o que for melhor na minha vida, independente do que eu queira. Que tenha sempre muito crescimento pessoal e amadurecimento. E é isso que meu coração sentiu. Um tempo de aprender, de fazer novas amizades e de ter contato com energias diferentes. Ao longo da semana fui muito bem recebido e estou EXTREMAMENTE feliz. Minha vida é valiosa. Gratidão por tudo que eu estou vivendo agora!

Penso muito se estou preparado para ficar com alguém novo. Carnaval está aí mas não vou instalar aplicativos por enquanto. Vou deixar rolar, apesar de não ter muitos contatinhos na reserva. Mais uma vez, que Deus faça o melhor pra mim. Tudo acontece na hora certa.
Muita gratidão! Muita!

Grande fluxo de energia positiva pra todos que estão lendo isso Smile
Like a Star @ heaven

Meu coração se regozija pelas suas vitórias! Fico ansioso (no bom sentido) por suas postagens. São 30 dias de lutas. Você é forte meu amado, não se esqueça disso! Ainda que ande pelo vale da sombra da morte, não te acontecerá nada, porque Deus está com você!

Que esse carnaval venha repleto de energias positivas para todos que, sobretudo, passam por problemas  relacionados a PMO.

Avante guerreiro!!!’

Obrigado meu querido! Espero que esteja tudo bem contigo! Bjo grande!
Like a Star @ heaven

_______________________________________

avatar
joaocrv
Mensagens : 92
Data de inscrição : 17/01/2018

Dia 35

em 13/2/2018, 06:23
Por esses dias está ficando quase tudo um pouquinho mais difícil.

Estou curtindo muuuuuuito o carnaval. Muita felicidade mas muito cansaço também. Acabou que beijei uns 5 carinhas na rua, durante esses 3 dias que se passaram. Apesar disso, acabo chegando em casa muito carente. Antes havia planejado de não beber nesse carnaval, pois fiquei com muito medo de recair, tanto de namoro quanto da PMO, Principalmente pelo namoro, pois da outra vez que terminei, fiquei 2 semanas solteiro e, quando fui na balada, bebi todas e saí de lá chorando de saudade do meu ex.
Perdi o controle e estou bebendo bastante todos os dias do carnaval ahahaha. Mas até que está tranquilo.

Ontem quase que tive uma recaída da PMO. Cheguei em casa muito bêbado, e ainda dei um pito em um "cigarro" que meus amigos estavam fumando. Foi ótimo... Rimos bastante e nos divertimos bastante também. Mas acabou que cheguei em casa com muita vontade de transar. Quase que um amigo que havia pego há tempos veio aqui pra casa, já que estou sozinho. Mas aí não deu certo e eu quase recaí. Os gatilhos mais fortes pra mim são os dias que: 1) chego em casa bêbado 2) fico estressado ou muito cansado ou 3) quando acordo a noite e não consigo mais dormir. Então acabou que 2 dos maiores gatilhos estavam presentes.
Meu aplicativo estava ativado. Mas acabava que, por causa da carência, eu estava revirando ele toda hora quando estava sozinho. Isso estava me fazendo mal. Parecia uma busca desesperada por alguém. Me deixa ansioso e meio triste quando não vejo nenhuma mensagem. Aí resolvi deletar hoje.

Apesar de tudo, não estou seguro ainda para transar. Estaria um pouco se não estivesse tomando o Pristiq, já que ano passado estava sem o remédio, fazendo o Reboot e estava um pouco seguro na primeira transa, que rolou por volta de 40 dias.

E tô pensando aqui... Acho que quero ficar sem ninguém por um tempo. Mesmo que beijar, transar, sei lá. Ter um tempo pra mim, sozinho, me resolver primeiro. Carência só nos leva a pessoas erradas!

Firme e forte então no Reboot. Deus vai colocar uma pessoa no meu caminho no momento certo do meu Reboot. Por enquanto, um Hard-Mode-Like.
Like a Star @ heaven

_______________________________________

avatar
joaocrv
Mensagens : 92
Data de inscrição : 17/01/2018

Dia 31 (Throwback)

em 13/2/2018, 16:59
Um coisa que esqueci de relatar aqui é que por volta do dia 31 comecei a expelir sêmen pela urina. Praticamente todas as vezes que estou fazendo xixi, ao final, sai um líquido esbranquiçado e com cheiro de esperma. Achei muito estranho, mas parece ser normal né, uma forma de o corpo eliminar o que está sendo produzido mas não é expelido.

Uma outra coisa que estou fazendo, meio off topic, é, desde o dia 28 do Reboot, passar um óleo, do tipo cicatrizante e com vitaminas, no pênis. Sempre notava que meu pênis, por ser muito seco e por, as vezes, reter urina por baixo da pele, dava muita dermatite e infeccionava com frequência. Com o uso do óleo estou notando MUITA diferença, com a cabeça menos irritada e a pele com muito mais viço. Às vezes até pode ajudar no retorno da sensibilidade, já que tem vitamina E e A e óleos essenciais, não sei.

_______________________________________

marcosbanc
Moderador
Moderador
Mensagens : 313
Data de inscrição : 07/01/2018

Re: Diário do Carvalho

em 13/2/2018, 18:15
Joao, parabéns pelos seus processos! Lembro que antigamente tinha muita polução noturna, hoje não tenho mais. Não sei como meu corpo expele meu semen, desde o começo do Reboot ejaculei 2 vezes apenas e transando. Porém não me sinto cheio mais! Estou normal.
Sobre essa questão de penis seco eu sempre tive problemas com infecção urinária. E às vezes após eu receber sexo oral eu sofria de uretrite (que geralmente passa em alguns dias), quase
sempre quando o sexo oral era desconfortável.
Na última vez em que recebi sexo oral senti bastante ardor na uretra alguns dias após, mas sem nenhum corrimento, e que passou poucos dias depois, porém como tenho uma doença reumatológica meio que tenho pré disposição a desenvolver inflamação em alguns tecidos específicos, dentre eles a uretra.
Irei experimentar suas dicas!
Poderias me passar seu contato ?

Abraços e sucesso!!!

_______________________________________
Visite meu diário e me ajude a vencer!

http://www.comoparar.com/t6668-reboot-marcos
avatar
joaocrv
Mensagens : 92
Data de inscrição : 17/01/2018

Re: Diário do Carvalho

em 13/2/2018, 18:27
marcosbanc escreveu:Joao, parabéns pelos seus processos! Lembro que antigamente tinha muita polução noturna, hoje não tenho mais. Não sei como meu corpo expele meu semen, desde o começo do Reboot ejaculei 2 vezes apenas e transando. Porém não me sinto cheio mais! Estou normal.
Sobre essa questão de penis seco eu sempre tive problemas com infecção urinária. E às vezes após eu receber sexo oral eu sofria de uretrite (que geralmente passa em alguns dias), quase
sempre quando o sexo oral era desconfortável.
Na última vez em que recebi sexo oral senti bastante ardor na uretra alguns dias após, mas sem nenhum corrimento, e que passou poucos dias depois, porém como tenho uma doença reumatológica meio que tenho pré disposição a desenvolver inflamação em alguns tecidos específicos, dentre eles a uretra.
Irei experimentar suas dicas!
Poderias me passar seu contato ?

Abraços e sucesso!!!

E aí meu querido! Eu também, mais no começo, estava tendo muita polução noturna. Agora, engraçado, não estou tendo muitos sonhos sexuais. Deve ser ação do Reboot! Pois é cara! Eu lembro de ter lido isso no seu diário mesmo!
No meu caso, tenho muita dermatite na cabeça mesmo, diferentemente de uretrite. Quero saber mais sobre isso que cê tem!
Me passa seu contato no privado, cê consegue? Não to conseguindo te mandar mensagem!

Abraço grande!

_______________________________________

avatar
joaocrv
Mensagens : 92
Data de inscrição : 17/01/2018

Organização

em 14/2/2018, 12:40
Por questões de organização, vou dividir meu diário, sendo que, na primeira parte, vou colocar os acontecimentos mais diretos em relação a PMO e na segunda parte sobre minha vida, quando tiver vontade de escrever. Acho que isso facilita pra quem quer acompanhar somente a caminhada do Reboot.

Mas quero usar esse diário também para meus desabafos pessoais. Isso me ajuda a colocar pra fora coisas que muitas vezes não consigo ou não quero falar com meus amigos mais íntimos. É isso ai!

Obrigado a todos que, mesmo em off, acompanham o diário!
Like a Star @ heaven

_______________________________________

avatar
joaocrv
Mensagens : 92
Data de inscrição : 17/01/2018

Dia 36

em 14/2/2018, 12:51
PMO: sem vontade alguma
Primeiro dia que amanheço com uma surpresa de uma ereção matinal. Pelo que eu vejo é um bom sinal, certo!?
Libido baixa, talvez flatline.
Sem uso de aplicativos.
Refleti bastante e acho que quero continuar esse Reboot meio que no hard mode. Fiquei com alguns caras no carnaval mas nada de sexo. Vou tentar manter assim até os 90 dias, apesar que minha meta total não é essa, é 1 ano (de um ano para uma vida sem PM).

Estou cada vez mais ligado à astrologia. Estou seguindo um instagram que todos os dias diz a lua regente e as energias do dia. Li bastante que após o carnaval as pessoas tendem a ficar um período mais introspectivas. E hoje foi esse dia. Fiquei pensando muito em meu ex namorado, e quase que fiz a besteira de chamá-lo para conversar, mesmo sabendo que isso era uma péssima ideia. Tenho certeza que não daríamos certo outra vez (já terminamos uma vez, quase que pelos mesmos motivos que agora). É muito ruim terminar com uma pessoa por saber que vocês não dão certo juntos, mesmo sabendo que gosta muito dela.
Apesar disso, acho que é a carência falando muito mais alto. Sempre que tenho vontade de voltar, fico vagando no instagram, curtindo fotos de outros caras e na esperança que alguém me mande uma mensagem. Pura carência.
Mas acho que devo me voltar mais para mim. A teoria de que "devemos amar primeiramente a gente pra depois amar outra pessoa" funciona muito pra mim. Tenho isso muito claro. Claro que eu me amo, mas ainda anão consigo enxergar que eu sou autossuficiente. Que eu não preciso do outro pra suprir uma carência que eu supostamente tenho. Estou doido pra ir à psicologa pra contar isso tudo. Preciso que ela me ouça e me conte mais sobre isso. Gosto dela porque me faz pensar sempre. Nunca me diz a solução de nada, mas me faz refletir demais. Pena que é só na quarta feira que vem.
Quando terminei, fiquei pensando que não sou uma pessoa que quer namorar por agora. Mas refleti e vi que eu estava só um pouco traumatizado de uma relação que era muito melosa. Não gosto disso, e fico achando que será sempre ou 8 ou 80. Na minha vida sempre pego ou caras melosos demais ou secos demais. Minha meta é achar um 44 agora hahahaha. Estou pronto para namorar sim. Basta eu achar uma pessoa legal e que esteja no padrão do que eu quero para agora (ou até para minha vida). Ser solteiro é bom, e namorar também. Basta você estar bem resolvido nos dois. Muito amor daqui pra frente, amor próprio!
Enquanto isso seguimos firme e forte, com muuuuita gratidão por tudo!
Like a Star @ heaven

_______________________________________

Fernando Gay No PMO
Mensagens : 51
Data de inscrição : 18/10/2017

Re: Diário do Carvalho

em 14/2/2018, 16:49
Parabéns, seguindo seu Reboot

Enviado pelo Topic'it
mynameisnando
Mensagens : 35
Data de inscrição : 01/02/2018

Re: Diário do Carvalho

em 14/2/2018, 17:30
Acompanhando..

Boa sorte!!! Laughing

_______________________________________
"Afinal, o que são 5 segundos de prazer perto de um vida inteira de liberdade?". Arrow

E di chi sarà il coraggio, allora, se non sarà il mio?
Se si spegne quella luce
Resto io
Di chi è la più profonda decisione?
Al di là dei sogni appesi ad una canzone
Oggi riconosco il suono
Della voce di chi sono.
marcosbanc
Moderador
Moderador
Mensagens : 313
Data de inscrição : 07/01/2018

Re: Diário do Carvalho

em 15/2/2018, 20:31
joaocrv escreveu:PMO: sem vontade alguma
Primeiro dia que amanheço com uma surpresa de uma ereção matinal. Pelo que eu vejo é um bom sinal, certo!?
Libido baixa, talvez flatline.
Sem uso de aplicativos.
Refleti bastante e acho que quero continuar esse Reboot meio que no hard mode. Fiquei com alguns caras no carnaval mas nada de sexo. Vou tentar manter assim até os 90 dias, apesar que minha meta total não é essa, é 1 ano (de um ano para uma vida sem PM).

Estou cada vez mais ligado à astrologia. Estou seguindo um instagram que todos os dias diz a lua regente e as energias do dia. Li bastante que após o carnaval as pessoas tendem a ficar um período mais introspectivas. E hoje foi esse dia. Fiquei pensando muito em meu ex namorado, e quase que fiz a besteira de chamá-lo para conversar, mesmo sabendo que isso era uma péssima ideia. Tenho certeza que não daríamos certo outra vez (já terminamos uma vez, quase que pelos mesmos motivos que agora). É muito ruim terminar com uma pessoa por saber que vocês não dão certo juntos, mesmo sabendo que gosta muito dela.
Apesar disso, acho que é a carência falando muito mais alto. Sempre que tenho vontade de voltar, fico vagando no instagram, curtindo fotos de outros caras e na esperança que alguém me mande uma mensagem. Pura carência.
Mas acho que devo me voltar mais para mim. A teoria de que "devemos amar primeiramente a gente pra depois amar outra pessoa" funciona muito pra mim. Tenho isso muito claro. Claro que eu me amo, mas ainda anão consigo enxergar que eu sou autossuficiente. Que eu não preciso do outro pra suprir uma carência que eu supostamente tenho. Estou doido pra ir à psicologa pra contar isso tudo. Preciso que ela me ouça e me conte mais sobre isso. Gosto dela porque me faz pensar sempre. Nunca me diz a solução de nada, mas me faz refletir demais. Pena que é só na quarta feira que vem.
Quando terminei, fiquei pensando que não sou uma pessoa que quer namorar por agora. Mas refleti e vi que eu estava só um pouco traumatizado de uma relação que era muito melosa. Não gosto disso, e fico achando que será sempre ou 8 ou 80. Na minha vida sempre pego ou caras melosos demais ou secos demais. Minha meta é achar um 44 agora hahahaha. Estou pronto para namorar sim. Basta eu achar uma pessoa legal e que esteja no padrão do que eu quero para agora (ou até para minha vida). Ser solteiro é bom, e namorar também. Basta você estar bem resolvido nos dois. Muito amor daqui pra frente, amor próprio!
Enquanto isso seguimos firme e forte, com muuuuita gratidão por tudo!
Like a Star @ heaven

Oi querido! Sou tão grato pela sua vida. Me espelho muito em seus posts.
Eu acredito muito no amor próprio, acredito que é a chave pra uma vida e relacionamentos prósperos. Levo sempre comigo o seguinte versículo: "Se alguém diz: Eu amo a Deus, e odeia a seu irmão, é mentiroso. Pois quem não ama a seu irmão, ao qual viu, como pode amar a Deus, a quem não viu?" 1 João 4:20 - Minha introspecção com Deus, de maneira positiva, me trouxe essa característica de querer sempre o bem do próximo, sobretudo dos meus amigos. Pensava eu: como posso amar a Deus, que não vejo, se mal amo aos que vejo?
Aprendi a me bastar, me suportar, entender o que gosto e o que não gosto. Deitar, olhar para o teto e estar em paz. Eu necessito de outrem? Sim, somos seres sociais, mas eu me basto. Aprendi a não aceitar quem não me agrega, aliás acabei essa semana com uma amizade individualista, em que somente eu era amigo, o outro era sanguessuga. Não estou mais admitindo que roubem minha felicidade, de maneira alguma, aliás, me basto, e como me basto, esse reboot me ensina todos os dias que não necessito me humilhar, que cada dia é um dia de oportunidades. O que tenho eu para realizar de diferente neste dia? - Me pergunto.
Namorar é gostosinho! Apoiar a cabeça no peito do outro, abraçar o mais forte que puder! (sou profissional) e se sentir seguro. Conversar sobre assuntos da vida, sobre como estão seus pais, os planos para o futuro, as matérias atrasadas da faculdade, dar conselhos, receber críticas. Se não for assim, não quero. Namorar, pra mim, não é exigência, mas completude. E pra isso você precisa ser completo pra saber se valorizar a ponto de ser feliz sozinho, e mais feliz ainda com outrem.
Acompanho de pertinho cada passo seu e comemoro seus avanços. Que iremos vencer não tenho dúvidas, a dúvida que resta agora é quando será nosso churras Laughing

Abraços meu nobre amigo!!!!

_______________________________________
Visite meu diário e me ajude a vencer!

http://www.comoparar.com/t6668-reboot-marcos
avatar
joaocrv
Mensagens : 92
Data de inscrição : 17/01/2018

Re: Diário do Carvalho

em 18/2/2018, 16:32
Fernando Gay No PMO escreveu:Parabéns, seguindo seu Reboot

Enviado pelo Topic'it

mynameisnando escreveu:Acompanhando..

Boa sorte!!! Laughing

Obrigado, queridos! Gratidão!

marcosbanc escreveu:
joaocrv escreveu:PMO: sem vontade alguma
Primeiro dia que amanheço com uma surpresa de uma ereção matinal. Pelo que eu vejo é um bom sinal, certo!?
Libido baixa, talvez flatline.
Sem uso de aplicativos.
Refleti bastante e acho que quero continuar esse Reboot meio que no hard mode. Fiquei com alguns caras no carnaval mas nada de sexo. Vou tentar manter assim até os 90 dias, apesar que minha meta total não é essa, é 1 ano (de um ano para uma vida sem PM).

Estou cada vez mais ligado à astrologia. Estou seguindo um instagram que todos os dias diz a lua regente e as energias do dia. Li bastante que após o carnaval as pessoas tendem a ficar um período mais introspectivas. E hoje foi esse dia. Fiquei pensando muito em meu ex namorado, e quase que fiz a besteira de chamá-lo para conversar, mesmo sabendo que isso era uma péssima ideia. Tenho certeza que não daríamos certo outra vez (já terminamos uma vez, quase que pelos mesmos motivos que agora). É muito ruim terminar com uma pessoa por saber que vocês não dão certo juntos, mesmo sabendo que gosta muito dela.
Apesar disso, acho que é a carência falando muito mais alto. Sempre que tenho vontade de voltar, fico vagando no instagram, curtindo fotos de outros caras e na esperança que alguém me mande uma mensagem. Pura carência.
Mas acho que devo me voltar mais para mim. A teoria de que "devemos amar primeiramente a gente pra depois amar outra pessoa" funciona muito pra mim. Tenho isso muito claro. Claro que eu me amo, mas ainda anão consigo enxergar que eu sou autossuficiente. Que eu não preciso do outro pra suprir uma carência que eu supostamente tenho. Estou doido pra ir à psicologa pra contar isso tudo. Preciso que ela me ouça e me conte mais sobre isso. Gosto dela porque me faz pensar sempre. Nunca me diz a solução de nada, mas me faz refletir demais. Pena que é só na quarta feira que vem.
Quando terminei, fiquei pensando que não sou uma pessoa que quer namorar por agora. Mas refleti e vi que eu estava só um pouco traumatizado de uma relação que era muito melosa. Não gosto disso, e fico achando que será sempre ou 8 ou 80. Na minha vida sempre pego ou caras melosos demais ou secos demais. Minha meta é achar um 44 agora hahahaha. Estou pronto para namorar sim. Basta eu achar uma pessoa legal e que esteja no padrão do que eu quero para agora (ou até para minha vida). Ser solteiro é bom, e namorar também. Basta você estar bem resolvido nos dois. Muito amor daqui pra frente, amor próprio!
Enquanto isso seguimos firme e forte, com muuuuita gratidão por tudo!
Like a Star @ heaven

Oi querido! Sou tão grato pela sua vida. Me espelho muito em seus posts.
Eu acredito muito no amor próprio, acredito que é a chave pra uma vida e relacionamentos prósperos. Levo sempre comigo o seguinte versículo: "Se alguém diz: Eu amo a Deus, e odeia a seu irmão, é mentiroso. Pois quem não ama a seu irmão, ao qual viu, como pode amar a Deus, a quem não viu?" 1 João 4:20 - Minha introspecção com Deus, de maneira positiva, me trouxe essa característica de querer sempre o bem do próximo, sobretudo dos meus amigos. Pensava eu: como posso amar a Deus, que não vejo, se mal amo aos que vejo?
Aprendi a me bastar, me suportar, entender o que gosto e o que não gosto. Deitar, olhar para o teto e estar em paz. Eu necessito de outrem? Sim, somos seres sociais, mas eu me basto. Aprendi a não aceitar quem não me agrega, aliás acabei essa semana com uma amizade individualista, em que somente eu era amigo, o outro era sanguessuga. Não estou mais admitindo que roubem minha felicidade, de maneira alguma, aliás, me basto, e como me basto, esse reboot me ensina todos os dias que não necessito me humilhar, que cada dia é um dia de oportunidades. O que tenho eu para realizar de diferente neste dia? - Me pergunto.
Namorar é gostosinho! Apoiar a cabeça no peito do outro, abraçar o mais forte que puder! (sou profissional) e se sentir seguro. Conversar sobre assuntos da vida, sobre como estão seus pais, os planos para o futuro, as matérias atrasadas da faculdade, dar conselhos, receber críticas. Se não for assim, não quero. Namorar, pra mim, não é exigência, mas completude. E pra isso você precisa ser completo pra saber se valorizar a ponto de ser feliz sozinho, e mais feliz ainda com outrem.
Acompanho de pertinho cada passo seu e comemoro seus avanços. Que iremos vencer não tenho dúvidas, a dúvida que resta agora é quando será nosso churras Laughing

Abraços meu nobre amigo!!!!

Meu querido amigo,
Gosto demais de ler suas palavras! É muito lindo poder dizer: eu me amo, eu me basto! Somos seres sociais, sim, mas esse momento de sermos "autossuficientes" em certos quesitos é essencial para ter uma vida com mais completude! E sem dúvidas, para amar alguém temos que estar bem resolvidos, já que ninguém vem para nos completar, mas sim para complementar, pois somos completos sozinhos!
Namorar é muito, mas muito gostoso! Torço que eu possa aproveitar ao máximo esses meus últimos dois anos de faculdade para poder, por volta dos 27/28 anos poder achar alguém bacana para juntar os trapos! hehehee
Gratidão imensa de você estar sempre aqui comigo. Essa caminhada é nossa!
Uma luz cheia de positividade no seu caminho, te desejo!

Bjo grande!
Like a Star @ heaven

_______________________________________

avatar
joaocrv
Mensagens : 92
Data de inscrição : 17/01/2018

Dia 40

em 18/2/2018, 16:46
PMO: uma pequena vontade de M, exatamente pelo período de mais estresse e mais "rollercoaster emocional"
Três dias com ereção matinal seguidos! Até dois dias atrás estava expelindo sêmen depois de urinar. Hoje tive um sonho com sexo mas acabou que não tive polução noturna.
Pênis ainda com pouca sensibilidade.
Libido baixa, muito ajudada pelo medicamento (Pristiq), que estou pretendendo tomar até meados de Abril, no qual substituirei, por indicação da psiquiatra, pela Buspirona (Ansiolítico).
Sem uso de aplicativos.
Em uso de óleo cicatrizante na cabeça do pênis, com ótimos resultados na aparência da pele e redução da dermatite, secura e infecções.
Meditações diárias de pelo menos 5 minutos.

Gratidão pela vida! Passei um fim de semana muito gostoso. Muita família, estudos, tranquilidade e seriados. Foi excelente porque tive a oportunidade de largar o celular por quase dois dias seguidos, já que não uso internet de planos e lá no interior não tem Wifi.
Estou com um grande problema de vício em celular. Isso está me deixando EXTREMAMENTE ansioso. Toda hora fico com vontade de ir no instagram, facebook (uso somente por causa de um grupo, LDRV) e Whatsapp. Mas acaba que, como entro muitas vezes, as histórias acabam e eu fico vagando, vagando e vagando sem ver coisas novas. Estou com um pressentimento que estou construindo um hábito, já que entro sem pensar e vejo coisas que às vezes não tenho nem vontade de ver, apenas por ver mesmo. Isso está sendo péssimo pra mim. Todas as vezes que entro no Instagram e não tem nada, acabo por ver as curtidas das pessoas e vejo meu ex curtindo fotos de caras aleatórios. Me dá uma coisa ruim, é quase uma auto-mutilação.
Falando nisso, hoje ele me chamou querendo voltar o namoro. Depois de muita conversa, disse que eu gostava muito, mas muito dele. Mas que no momento eu queria ter um tempo para mim, só para mim. Não estou no momento certo de compartilhar meu tempo com outras pessoas e de me envolver emocionalmente. Quero ser o meu "meu". Quero me gostar, assim como disse no post passado. A conversa foi muito boa, apesar de tudo. Conversamos sobre a vida e ele pareceu aceitar que não iriamos voltar. Combinamos que nos falaríamos todo domingo, pois ele queria manter contato. Acho que esse contato é positivo, pois penso que cortar esse contato é muito regra social: "não se pode falar com ex.". Isso é uma bobagem, pois nos damos certo, até um certo ponto, e ficamos juntos por 1 ano. Só não quero que ele tenha esperança de que com isso a gente possa voltar e nem quero ficar na bad por causa disso. Se não der certo vou cortar.
Tenho muita fé que Deus coloca as coisas na nossa vida no momento certo e coloca apenas as coisas certas. Estou muito feliz que estou vendo a maioria das coisas pelo lado positivo. Falo mais sobre isso em outro post.

Força para todos que, de alguma forma, me acompanham, mesmo caladinhos Smile
Gratidão por tudo! Esse é o sentimento mais puro!
Like a Star @ heaven

_______________________________________

marcosbanc
Moderador
Moderador
Mensagens : 313
Data de inscrição : 07/01/2018

Re: Diário do Carvalho

em 18/2/2018, 16:57
joaocrv escreveu:PMO: uma pequena vontade de M, exatamente pelo período de mais estresse e mais "rollercoaster emocional"
Três dias com ereção matinal seguidos! Até dois dias atrás estava expelindo sêmen depois de urinar. Hoje tive um sonho com sexo mas acabou que não tive polução noturna.
Pênis ainda com pouca sensibilidade.
Libido baixa, muito ajudada pelo medicamento (Pristiq), que estou pretendendo tomar até meados de Abril, no qual substituirei, por indicação da psiquiatra, pela Buspirona (Ansiolítico).
Sem uso de aplicativos.
Em uso de óleo cicatrizante na cabeça do pênis, com ótimos resultados na aparência da pele e redução da dermatite, secura e infecções.
Meditações diárias de pelo menos 5 minutos.

Gratidão pela vida! Passei um fim de semana muito gostoso. Muita família, estudos, tranquilidade e seriados. Foi excelente porque tive a oportunidade de largar o celular por quase dois dias seguidos, já que não uso internet de planos e lá no interior não tem Wifi.
Estou com um grande problema de vício em celular. Isso está me deixando EXTREMAMENTE ansioso. Toda hora fico com vontade de ir no instagram, facebook (uso somente por causa de um grupo, LDRV) e Whatsapp. Mas acaba que, como entro muitas vezes, as histórias acabam e eu fico vagando, vagando e vagando sem ver coisas novas. Estou com um pressentimento que estou construindo um hábito, já que entro sem pensar e vejo coisas que às vezes não tenho nem vontade de ver, apenas por ver mesmo. Isso está sendo péssimo pra mim. Todas as vezes que entro no Instagram e não tem nada, acabo por ver as curtidas das pessoas e vejo meu ex curtindo fotos de caras aleatórios. Me dá uma coisa ruim, é quase uma auto-mutilação.
Falando nisso, hoje ele me chamou querendo voltar o namoro. Depois de muita conversa, disse que eu gostava muito, mas muito dele. Mas que no momento eu queria ter um tempo para mim, só para mim. Não estou no momento certo de compartilhar meu tempo com outras pessoas e de me envolver emocionalmente. Quero ser o meu "meu". Quero me gostar, assim como disse no post passado. A conversa foi muito boa, apesar de tudo. Conversamos sobre a vida e ele pareceu aceitar que não iriamos voltar. Combinamos que nos falaríamos todo domingo, pois ele queria manter contato. Acho que esse contato é positivo, pois penso que cortar esse contato é muito regra social: "não se pode falar com ex.". Isso é uma bobagem, pois nos damos certo, até um certo ponto, e ficamos juntos por 1 ano. Só não quero que ele tenha esperança de que com isso a gente possa voltar e nem quero ficar na bad por causa disso. Se não der certo vou cortar.
Tenho muita fé que Deus coloca as coisas na nossa vida no momento certo e coloca apenas as coisas certas. Estou muito feliz que estou vendo a maioria das coisas pelo lado positivo. Falo mais sobre isso em outro post.

Força para todos que, de alguma forma, me acompanham, mesmo caladinhos Smile
Gratidão por tudo! Esse é o sentimento mais puro!
Like a Star @ heaven

Olá querido! Não posso ver um post seu que já venho comentar rsrs
Sobre essa questão da ansiedade com telefone, eu experimentei isso com os apps. Sabe, eu me dei conta que estava trocando "um vício pelo outro", e não é isso que quero. Tenho a infelicidade de ter plano no celular e tê-lo disponível tanto por motivos profissionais quanto pessoais, e vez ou outra abro os apps, mas devido ao meu enorme temor no serviço, dificilmente utilizo-os lá.
Sobre o ex, não vejo problema em conversar com ele. Uma pessoa que conviveu com o outro 1 ano, claro que se preocupa. Mas cuidado pra não gerar expectativas, viu?
Torço muito pela sua felicidade, meu lindo! I love you

Saudosos abraços do seu fã.

_______________________________________
Visite meu diário e me ajude a vencer!

http://www.comoparar.com/t6668-reboot-marcos
avatar
joaocrv
Mensagens : 92
Data de inscrição : 17/01/2018

Dia 46

em 24/2/2018, 15:29
PMO: sem vontade alguma
Parada na eliminação de sêmen na urina. ,
Pênis ainda com pouca sensibilidade.
Libido baixa
Sem uso de aplicativos.
Em uso de óleo cicatrizante na cabeça do pênis, com ótimos resultados na aparência da pele e redução da dermatite, secura e infecções.
Meditações diárias de pelo menos 5 minutos.
Estou com mais força que nunca para completar a primeira parte desse Reboot (90 dias). Nem cogito recair, nem por algum momento sequer. Meu celular está com bloqueadores, mas meu computador não. Eu não costumo dar certo com bloqueadores... Minha atividade fica muito limitada. Estou contando com minha força de vontade, e tem dado certo (sei que não é o ideal).

Na quarta feira fui à psicóloga e ela me incentivou a fazer a troca da medicação, sendo que eu havia planejado mudar em meados de Abril. Ela me fez abrir os olhos que eu estava apenas acomodado com o remédio, principalmente por ser um antidepressivo e que ele me livraria das "bads pesadas" por causa do fim do relacionamento. Ela não estava resolvendo meus problemas de irritabilidade (que era o princípio pelo qual procurei tomar o remédio no fim do ano passado, quando ainda estava namorando) e ainda me dando um plus de reduzir minha libido a zero (isso era positivo em partes, porque me ajuda no processo de reboot, mas acaba que eu não sinto muito as mudanças boas provocadas pelo tempo sem PMO). Estou fazendo o desmame do medicamento para introduzir a Buspirona. Se alguém já tomou o medicamento e tá lendo aqui, peço pra me dar um toque pra gente trocar umas ideias Very Happy
Sai ontem para uma festa da faculdade e, surpreendentemente, fiquei com 2 carinhas. Surpreendentemente porque é uma "festa hétero", a princípio. Fiquei com um calouro e com o namorado da minha amiga (relacionamento aberto, né!? hahaha). Ainda estou com problemas de timidez excessiva para chegar nos caras (praticamente nunca cheguei em alguém! hahaha), e queria muito mudar isso. Acaba me limitando muito a ficar com caras que eu acho interessante. Estava paquerando um calouro meu da faculdade, que é bissexual, há tempos. Mas uma colega minha chegou nele no ano passado (até ela chegou e eu não! pff) e eles estão namorando hoje! Tô perdendo demais, e espero que o reboot me ajude nesse processo.

Vejo que cada vez mais a espiritualidade forte está presente na minha vida. Para mim é muito novo o sentimento de que podemos ter uma espiritualidade forte sem ter uma religião. A meditação está mudando minha vida. Todas as noites que medito, sinto o poder que o sentimento de gratidão tem na nossa vida. Durmo sorrindo e acordo sorrindo. É incrível! Se alguém souber do assunto e souber onde eu posso estudar mais sobre espiritualidade e energias, me dá um toque! É incrível como esse ano estou com uma visão bastante diferente da vida. Acho que o término me ajudou muito em relação a isso, já que busquei muitas alternativas para contornar as possibilidades de sofrimento. Estou começando a ver a vida cada vez mais como uma chance que Deus nos dá de aprendermos. Sempre tive uma visão mais "reclamativa", olhando meus problemas como castigos. Então cada vez mais eu tendia a minimizar as coisas boas e exaltar, de alguma forma, meus problemas. Isso é duplamente ruim. Além de não ver as coisas legais que estão acontecendo, você se vitimiza com seus problemas. Agora, com muuuuita ajuda da meditação, antes de dormir, agradeço por todas as coisas legais que aconteceram comigo no dia, pensando em cada uma delas, mesmo que sejam coisas bobas ou rotineiras. Além disso, mudei a minha visão: não são mais problemas, são desafios. Todos esses desafios que a vida manda, são grandes, mas enormes oportunidades de crescermos. Reflita: você aprende ou cresce com as coisas boas que acontecem com você? Muito pouco né!? O que mais temos com isso é alegria e felicidade, mas pouquíssimo aprendizado. Agora, quando você está em um momento de desafio, você pesquisa, você busca, você pensa, você sai da sua zona de conforto para resolver. E essa parte é a que mais gera crescimento pessoal. Igual aqui no Reboot: você cresce mais vendo pornografia e se masturbando ou agora no processo de ficar livre do vício?
Veja a vida com positividade nos desafios, esqueça a palavra problema e valorize cada sorriso na sua vida!


Gratidão por tudo e pela força que tem sido me dada para aproveitar todas as coisas como forma de aprendizado!
Like a Star @ heaven

_______________________________________

marcosbanc
Moderador
Moderador
Mensagens : 313
Data de inscrição : 07/01/2018

Re: Diário do Carvalho

em 25/2/2018, 23:00
joaocrv escreveu:PMO: sem vontade alguma
Parada na eliminação de sêmen na urina. ,
Pênis ainda com pouca sensibilidade.
Libido baixa
Sem uso de aplicativos.
Em uso de óleo cicatrizante na cabeça do pênis, com ótimos resultados na aparência da pele e redução da dermatite, secura e infecções.
Meditações diárias de pelo menos 5 minutos.
Estou com mais força que nunca para completar a primeira parte desse Reboot (90 dias). Nem cogito recair, nem por algum momento sequer. Meu celular está com bloqueadores, mas meu computador não. Eu não costumo dar certo com bloqueadores... Minha atividade fica muito limitada. Estou contando com minha força de vontade, e tem dado certo (sei que não é o ideal).

Na quarta feira fui à psicóloga e ela me incentivou a fazer a troca da medicação, sendo que eu havia planejado mudar em meados de Abril. Ela me fez abrir os olhos que eu estava apenas acomodado com o remédio, principalmente por ser um antidepressivo e que ele me livraria das "bads pesadas" por causa do fim do relacionamento. Ela não estava resolvendo meus problemas de irritabilidade (que era o princípio pelo qual procurei tomar o remédio no fim do ano passado, quando ainda estava namorando) e ainda me dando um plus de reduzir minha libido a zero (isso era positivo em partes, porque me ajuda no processo de reboot, mas acaba que eu não sinto muito as mudanças boas provocadas pelo tempo sem PMO). Estou fazendo o desmame do medicamento para introduzir a Buspirona. Se alguém já tomou o medicamento e tá lendo aqui, peço pra me dar um toque pra gente trocar umas ideias Very Happy
Sai ontem para uma festa da faculdade e, surpreendentemente, fiquei com 2 carinhas. Surpreendentemente porque é uma "festa hétero", a princípio. Fiquei com um calouro e com o namorado da minha amiga (relacionamento aberto, né!? hahaha). Ainda estou com problemas de timidez excessiva para chegar nos caras (praticamente nunca cheguei em alguém! hahaha), e queria muito mudar isso. Acaba me limitando muito a ficar com caras que eu acho interessante. Estava paquerando um calouro meu da faculdade, que é bissexual, há tempos. Mas uma colega minha chegou nele no ano passado (até ela chegou e eu não! pff) e eles estão namorando hoje! Tô perdendo demais, e espero que o reboot me ajude nesse processo.

Vejo que cada vez mais a espiritualidade forte está presente na minha vida. Para mim é muito novo o sentimento de que podemos ter uma espiritualidade forte sem ter uma religião. A meditação está mudando minha vida. Todas as noites que medito, sinto o poder que o sentimento de gratidão tem na nossa vida. Durmo sorrindo e acordo sorrindo. É incrível! Se alguém souber do assunto e souber onde eu posso estudar mais sobre espiritualidade e energias, me dá um toque! É incrível como esse ano estou com uma visão bastante diferente da vida. Acho que o término me ajudou muito em relação a isso, já que busquei muitas alternativas para contornar as possibilidades de sofrimento. Estou começando a ver a vida cada vez mais como uma chance que Deus nos dá de aprendermos. Sempre tive uma visão mais "reclamativa", olhando meus problemas como castigos. Então cada vez mais eu tendia a minimizar as coisas boas e exaltar, de alguma forma, meus problemas. Isso é duplamente ruim. Além de não ver as coisas legais que estão acontecendo, você se vitimiza com seus problemas. Agora, com muuuuita ajuda da meditação, antes de dormir, agradeço por todas as coisas legais que aconteceram comigo no dia, pensando em cada uma delas, mesmo que sejam coisas bobas ou rotineiras. Além disso, mudei a minha visão: não são mais problemas, são desafios. Todos esses desafios que a vida manda, são grandes, mas enormes oportunidades de crescermos. Reflita: você aprende ou cresce com as coisas boas que acontecem com você? Muito pouco né!? O que mais temos com isso é alegria e felicidade, mas pouquíssimo aprendizado. Agora, quando você está em um momento de desafio, você pesquisa, você busca, você pensa, você sai da sua zona de conforto para resolver. E essa parte é a que mais gera crescimento pessoal. Igual aqui no Reboot: você cresce mais vendo pornografia e se masturbando ou agora no processo de ficar livre do vício?
Veja a vida com positividade nos desafios, esqueça a palavra problema e valorize cada sorriso na sua vida!


Gratidão por tudo e pela força que tem sido me dada para aproveitar todas as coisas como forma de aprendizado!
Like a Star @ heaven
Primeiro de tudo, assiste esse vídeo:




Gratidão é o sentimento mais nobre que podemos ter, transforma nossa vida de uma maneira surpreendente, pois ao invés de olharmos uma situação com olhos de juiz conseguimos perceber a positividade do fato, e assim tirar proveito daquilo que pode nos gerar vida.
Eu sou grato pela sua vida, pelo seu diário, por tê-lo aqui. Tenho aprendido tanto com você, e isso me motiva muito a superar os meus próprios dilemas.
Ontem na igreja orei por nós! Por todos que passamos por esse processo de reboot. Vai dar certo, viu? É só ter paciência.
O tempo passa e quando ele passa tudo se resolve.



_______________________________________
Visite meu diário e me ajude a vencer!

http://www.comoparar.com/t6668-reboot-marcos
avatar
joaocrv
Mensagens : 92
Data de inscrição : 17/01/2018

Re: Diário do Carvalho

em 4/3/2018, 15:27
marcosbanc escreveu:
joaocrv escreveu:PMO: sem vontade alguma
Parada na eliminação de sêmen na urina. ,
Pênis ainda com pouca sensibilidade.
Libido baixa
Sem uso de aplicativos.
Em uso de óleo cicatrizante na cabeça do pênis, com ótimos resultados na aparência da pele e redução da dermatite, secura e infecções.
Meditações diárias de pelo menos 5 minutos.
Estou com mais força que nunca para completar a primeira parte desse Reboot (90 dias). Nem cogito recair, nem por algum momento sequer. Meu celular está com bloqueadores, mas meu computador não. Eu não costumo dar certo com bloqueadores... Minha atividade fica muito limitada. Estou contando com minha força de vontade, e tem dado certo (sei que não é o ideal).

Na quarta feira fui à psicóloga e ela me incentivou a fazer a troca da medicação, sendo que eu havia planejado mudar em meados de Abril. Ela me fez abrir os olhos que eu estava apenas acomodado com o remédio, principalmente por ser um antidepressivo e que ele me livraria das "bads pesadas" por causa do fim do relacionamento. Ela não estava resolvendo meus problemas de irritabilidade (que era o princípio pelo qual procurei tomar o remédio no fim do ano passado, quando ainda estava namorando) e ainda me dando um plus de reduzir minha libido a zero (isso era positivo em partes, porque me ajuda no processo de reboot, mas acaba que eu não sinto muito as mudanças boas provocadas pelo tempo sem PMO). Estou fazendo o desmame do medicamento para introduzir a Buspirona. Se alguém já tomou o medicamento e tá lendo aqui, peço pra me dar um toque pra gente trocar umas ideias Very Happy
Sai ontem para uma festa da faculdade e, surpreendentemente, fiquei com 2 carinhas. Surpreendentemente porque é uma "festa hétero", a princípio. Fiquei com um calouro e com o namorado da minha amiga (relacionamento aberto, né!? hahaha). Ainda estou com problemas de timidez excessiva para chegar nos caras (praticamente nunca cheguei em alguém! hahaha), e queria muito mudar isso. Acaba me limitando muito a ficar com caras que eu acho interessante. Estava paquerando um calouro meu da faculdade, que é bissexual, há tempos. Mas uma colega minha chegou nele no ano passado (até ela chegou e eu não! pff) e eles estão namorando hoje! Tô perdendo demais, e espero que o reboot me ajude nesse processo.

Vejo que cada vez mais a espiritualidade forte está presente na minha vida. Para mim é muito novo o sentimento de que podemos ter uma espiritualidade forte sem ter uma religião. A meditação está mudando minha vida. Todas as noites que medito, sinto o poder que o sentimento de gratidão tem na nossa vida. Durmo sorrindo e acordo sorrindo. É incrível! Se alguém souber do assunto e souber onde eu posso estudar mais sobre espiritualidade e energias, me dá um toque! É incrível como esse ano estou com uma visão bastante diferente da vida. Acho que o término me ajudou muito em relação a isso, já que busquei muitas alternativas para contornar as possibilidades de sofrimento. Estou começando a ver a vida cada vez mais como uma chance que Deus nos dá de aprendermos. Sempre tive uma visão mais "reclamativa", olhando meus problemas como castigos. Então cada vez mais eu tendia a minimizar as coisas boas e exaltar, de alguma forma, meus problemas. Isso é duplamente ruim. Além de não ver as coisas legais que estão acontecendo, você se vitimiza com seus problemas. Agora, com muuuuita ajuda da meditação, antes de dormir, agradeço por todas as coisas legais que aconteceram comigo no dia, pensando em cada uma delas, mesmo que sejam coisas bobas ou rotineiras. Além disso, mudei a minha visão: não são mais problemas, são desafios. Todos esses desafios que a vida manda, são grandes, mas enormes oportunidades de crescermos. Reflita: você aprende ou cresce com as coisas boas que acontecem com você? Muito pouco né!? O que mais temos com isso é alegria e felicidade, mas pouquíssimo aprendizado. Agora, quando você está em um momento de desafio, você pesquisa, você busca, você pensa, você sai da sua zona de conforto para resolver. E essa parte é a que mais gera crescimento pessoal. Igual aqui no Reboot: você cresce mais vendo pornografia e se masturbando ou agora no processo de ficar livre do vício?
Veja a vida com positividade nos desafios, esqueça a palavra problema e valorize cada sorriso na sua vida!


Gratidão por tudo e pela força que tem sido me dada para aproveitar todas as coisas como forma de aprendizado!
Like a Star @ heaven
Primeiro de tudo, assiste esse vídeo:




Gratidão é o sentimento mais nobre que podemos ter, transforma nossa vida de uma maneira surpreendente, pois ao invés de olharmos uma situação com olhos de juiz conseguimos perceber a positividade do fato, e assim tirar proveito daquilo que pode nos gerar vida.
Eu sou grato pela sua vida, pelo seu diário, por tê-lo aqui. Tenho aprendido tanto com você, e isso me motiva muito a superar os meus próprios dilemas.
Ontem na igreja orei por nós! Por todos que passamos por esse processo de reboot. Vai dar certo, viu? É só ter paciência.
O tempo passa e quando ele passa tudo se resolve.



Meu querido,
KKKKKKKKKKKKKK primeiramente. Morri de rir com o vídeo. Mas é bem assim mesmo que devemos fazer. Todo sentimento incrustado e não manifestado não é sentimento positivo, independente de seu conteúdo e sua forma! Expressemo-nos mais!!

Muita gratidão por suas palavras, muita mesmo! Gostaria de te dar um abraço lendo tudo isso!
Um grande beijo pra vc, te desejo o melhor sempre!
Gratidão!
Like a Star @ heaven

_______________________________________

avatar
joaocrv
Mensagens : 92
Data de inscrição : 17/01/2018

Dia 54

em 4/3/2018, 15:44
PMO: sem vontade alguma
Pênis ainda com pouca sensibilidade.
Libido baixa
Sem uso de aplicativos.
Em uso de óleo cicatrizante na cabeça do pênis, com ótimos resultados na aparência da pele e redução da dermatite, secura e infecções.
Meditações diárias de pelo menos 5 minutos.
Ainda não estou observando mudanças significativas no meu comportamento em relação ao Reboot. Estou seguindo em um "hard mode". Só dando uns beijinhos. E só. Nada sexual.
Várias vezes com ereções espontâneas! Ótima notícia, né!?

Comecei na segunda feira (26 de fevereiro) minha atividade de religação, a natação. Estou me sentindo muito bem! Esse gasto de energia é muito necessário para desviar de qualquer outra energia que possa ter no meu corpo, como a ansiedade, que me acompanha de tempos em tempos. Como estou fazendo junto com meu irmão, estão sendo duas atividades de conexão: com o esporte e um estreitamento muito forte do meu laço familiar. É indispensável fazer algo que você goste durante o Reboot. Como cês já sabem, ajuda a controlar os níveis de hormônio no nosso cérebro, principalmente de dopamina. Espero que eu siga firme e forte.
Além disso, comecei essa semana a tomar a Buspirona (ansiolítico), em substituição a Desvenlafaxina (antidepressivo). Estou me sentindo um pouco esquisito. Alguns dias estou me sentindo muito bem após tomar a medicação, mas tem alguns dias que ela está me deixando muito irritado. Engraçado que no primeiro dia que tomei, tive polução noturna, depois de muito tempo que não tinha. Acho que pode estar relacionado com a troca de medicação, porque o antidepressivo praticamente deixa a gente sem gozar.
Já até pensei em parar de tomar, mas estou querendo ter um pouco mais de paciência até umas 4 semanas de medicação, já que esse é o tempo de medicações desse tipo (ansiolíticos não benzo e antidepressivos) "assentarem" no organismo. Paciência, então, é (uma das) a palavra chave do mês. Caminhando até a retirada de todo medicamento Smile

Que força que eu tô, nú! Que isso! Acho que nunca tive tanta força como a que estou tendo agora! Queria desabafar que PMO não é mais uma opção... Depois de muito tempo lutando contra isso, quero que tudo se consolide e que minha vida, depois desse 9 de janeiro (dia que abri mão dessas coisas todas), seja muito cheia de luz e com cada vez menos medo.
A todos que dão uma olhadinha aqui, estou amplamente divulgando um livro que está mudando minha vida. E quero também dizer aos estudantes de psicologia que sinto uma pequena inveja de vocês por conhecerem tanto a mente humana. Estou nesse caminho, aprendendo de pouquinho a pouquinho no meu tempo livre. O nome do livro é Um Novo Mundo - O Despertar de uma Nova Consciência. Esse é um livro que está consolidando todas as mudanças que estou tendo nesse período da minha vida. É incrível como que cada vez mais sinto que cada coisinha que acontece na nossa vida tem um propósito de muito, mas muito crescimento pessoal. Esse livro me ajuda muito a entender a origem dos pensamentos que a gente fala assim "nó, parece que tem um tanto de gente colocando abobrinha na minha cabeça", ou "meu Deus, preciso fazer isso agora! Olha esse impulso, preciso realizar" e até mesmo um "faz esse trem errado aí" e "sente medo porque isso é uma ameaça terrível", quando é uma simples projeção e uma fantasia. Ele me ajuda muito a entender também que cada vez mais precisamos evoluir para escutar cada vez mais nosso consciente (nosso "coração") ao invés de nosso ego (nossos "pensamentos"). Cara, isso está mudando minha vida. E quero muito que isso mude a vida de cada vez mais gente.

Muita muita muita gratidão por tudo. Por minha família, pelos meus amigos, pela faculdade, pela natação, pelo Reboot, pela paz, pelas meditações, pelo período de iluminação e pela valorização de coisas pequenas do dia a dia. Tá vendo? Olha um tanto de coisa que acontece de bom com a gente e esquecemos de valorizar. Aí acontece uma coisa negativa e se sobrepõe a tudo. Como a gente desbalanceia tudo na nossa vida, né!?

Bjo de muita luz!
Like a Star @ heaven

_______________________________________

marcosbanc
Moderador
Moderador
Mensagens : 313
Data de inscrição : 07/01/2018

Re: Diário do Carvalho

em 4/3/2018, 17:50
joaocrv escreveu:PMO: sem vontade alguma
Pênis ainda com pouca sensibilidade.
Libido baixa
Sem uso de aplicativos.
Em uso de óleo cicatrizante na cabeça do pênis, com ótimos resultados na aparência da pele e redução da dermatite, secura e infecções.
Meditações diárias de pelo menos 5 minutos.
Ainda não estou observando mudanças significativas no meu comportamento em relação ao Reboot. Estou seguindo em um "hard mode". Só dando uns beijinhos. E só. Nada sexual.
Várias vezes com ereções espontâneas! Ótima notícia, né!?

Comecei na segunda feira (26 de fevereiro) minha atividade de religação, a natação. Estou me sentindo muito bem! Esse gasto de energia é muito necessário para desviar de qualquer outra energia que possa ter no meu corpo, como a ansiedade, que me acompanha de tempos em tempos. Como estou fazendo junto com meu irmão, estão sendo duas atividades de conexão: com o esporte e um estreitamento muito forte do meu laço familiar. É indispensável fazer algo que você goste durante o Reboot. Como cês já sabem, ajuda a controlar os níveis de hormônio no nosso cérebro, principalmente de dopamina. Espero que eu siga firme e forte.
Além disso, comecei essa semana a tomar a Buspirona (ansiolítico), em substituição a Desvenlafaxina (antidepressivo). Estou me sentindo um pouco esquisito. Alguns dias estou me sentindo muito bem após tomar a medicação, mas tem alguns dias que ela está me deixando muito irritado. Engraçado que no primeiro dia que tomei, tive polução noturna, depois de muito tempo que não tinha. Acho que pode estar relacionado com a troca de medicação, porque o antidepressivo praticamente deixa a gente sem gozar.
Já até pensei em parar de tomar, mas estou querendo ter um pouco mais de paciência até umas 4 semanas de medicação, já que esse é o tempo de medicações desse tipo (ansiolíticos não benzo e antidepressivos) "assentarem" no organismo. Paciência, então, é (uma das) a palavra chave do mês. Caminhando até a retirada de todo medicamento Smile

Que força que eu tô, nú! Que isso! Acho que nunca tive tanta força como a que estou tendo agora! Queria desabafar que PMO não é mais uma opção... Depois de muito tempo lutando contra isso, quero que tudo se consolide e que minha vida, depois desse 9 de janeiro (dia que abri mão dessas coisas todas), seja muito cheia de luz e com cada vez menos medo.
A todos que dão uma olhadinha aqui, estou amplamente divulgando um livro que está mudando minha vida. E quero também dizer aos estudantes de psicologia que sinto uma pequena inveja de vocês por conhecerem tanto a mente humana. Estou nesse caminho, aprendendo de pouquinho a pouquinho no meu tempo livre. O nome do livro é Um Novo Mundo - O Despertar de uma Nova Consciência. Esse é um livro que está consolidando todas as mudanças que estou tendo nesse período da minha vida. É incrível como que cada vez mais sinto que cada coisinha que acontece na nossa vida tem um propósito de muito, mas muito crescimento pessoal. Esse livro me ajuda muito a entender a origem dos pensamentos que a gente fala assim "nó, parece que tem um tanto de gente colocando abobrinha na minha cabeça", ou "meu Deus, preciso fazer isso agora! Olha esse impulso, preciso realizar" e até mesmo um "faz esse trem errado aí" e "sente medo porque isso é uma ameaça terrível", quando é uma simples projeção e uma fantasia. Ele me ajuda muito a entender também que cada vez mais precisamos evoluir para escutar cada vez mais nosso consciente (nosso "coração") ao invés de nosso ego (nossos "pensamentos"). Cara, isso está mudando minha vida. E quero muito que isso mude a vida de cada vez mais gente.

Muita muita muita gratidão por tudo. Por minha família, pelos meus amigos, pela faculdade, pela natação, pelo Reboot, pela paz, pelas meditações, pelo período de iluminação e pela valorização de coisas pequenas do dia a dia. Tá vendo? Olha um tanto de coisa que acontece de bom com a gente e esquecemos de valorizar. Aí acontece uma coisa negativa e se sobrepõe a tudo. Como a gente desbalanceia tudo na nossa vida, né!?

Bjo de muita luz!
Like a Star @ heaven

Muito muito muito muito feliz pelo seu progresso! Cada passinho que você consegue dar eu comemoro junto à você. Todos esses momentos, bons e ruins, são importantes para a construção de quem somos.
Como sempre digo, o reboot é muito mais que a cura para a DE, é a descoberta do verdadeiro EU, a busca do autocontrole, da sensatez e do amor próprio!
Você está indo bem e, repiso, me orgulho muito de você.

Conte comigo para o que você precisar, viu?

Um beijo grande do seu fã! Like a Star @ heaven

_______________________________________
Visite meu diário e me ajude a vencer!

http://www.comoparar.com/t6668-reboot-marcos
avatar
joaocrv
Mensagens : 92
Data de inscrição : 17/01/2018

Dia 61

em 11/3/2018, 18:10
PMO: sem vontade alguma
Pênis ainda com pouca sensibilidade.
Libido normal! Muita vontade de dar uns beijos e quem sabe de algo a mais hehehe Smile Mas sempre com calma, tudo ocorrendo na hora certa.
Sem uso de aplicativos.
Duas ereções matinais essa semana e uma polução noturna! Parece que os sonhos sexuais deram uma diminuída boa!

Gratidão por tudo! Óia só esses 61 dias! Só tenho a agradecer por essa força de vontade e a tudo conspirando para que meu amor próprio predomine sobre meus impulsos! Isso é lindo demais!

Essa semana foi mais uma de uso da medicação na qual troquei. Não sei se estou me sentindo bem com ela. Me dando muita tonteira e hipotensão... Além disso, tenho associado um pouco a tomar a medicação e ficar ainda mais irritadiço, sem motivo aparente. Acabou que tomei uma decisão, lá pela quarta feira, mais ou menos, de tirar o medicamento. Foi uma semana de muita reflexão: se insistiria mais um pouco com a Buspirona (tem quase 3 semanas que estou tomando, já era para estar bem adaptado) ou se pararia de tomar. Acabou que decidi ficar sem o medicamento.
Estou em um momento de tanto trabalho interior que gostaria de fazer isso sozinho. Poder curar tudo ("tudo") que tenho de deficiência por dentro e poder aprimorar as minhas dificuldades e tampar meus "buraquinhos" de falta e carência. Isso é muito legal!
Ontem me decidi que vou procurar um homeopata. Isso vai muito a favor dessa minha nova fase, que está sendo de utilização de meios mais naturais possíveis pra me construir. Às vezes a gente precisa disso: de auto conhecimento e de auto cura. Claro que em alguns momentos precisamos de medicamento para nos ajudar, mas creio que atualmente sou capaz de passar por esse momento sem fazer uso (ou de usar medicamentos mais naturais, não alopáticos).
Pessoas que tomam algum antidepressivo, seja por qualquer motivo, deve entender o que eu falava/falo: o remédio afeta em muito a sua função sexual e, em muita gente, deixa o indivíduo muito estável... estável até demais! É muito difícil expressarmos emoções: por um lado, então, evita que você chegue ao "fundo do poço", mas também não te deixa, por outro lado, expressar toda sua felicidade. Isso é engraçado, porque depois de 1 semana que tirei o medicamento (última semana de fevereiro), chorei de tanta felicidade ao ler aquele livro, sendo capaz de mostrar minha alegria! Que gostoso é poder sentir isso!

Ontem meditei por 30 minutos seguidos. Nossa, que coisa maravilhosa! Acho que todo mundo deveria experimentar essa sensação de leveza, tranquilidade e sensação de estar presente. Não vou me delongar muito, mas a sensação de começar a se libertar dos pensamentos e viver a sua essência é boa demais. Quando se vive por seus pensamentos, por seu ego, você se limita a viver em um de dois tempos: ou no passado, remoendo tudo que aconteceu e se apegando a coisas que não fazem mais sentido atualmente, ou no futuro, que é IMPOSSÍVEL de ser previsto. Viver agora é viver com o coração, amando cada pedacinho simples do seu dia. Ver a chuva caindo, as folhas balançando ao vento, os animais voando em cada florzinha... Isso é bom demais, isso é viver com qualidade!
Me deixou muito marcado uma frase que minha amiga me disse: viva agora, viva sem expectativa, viva sem se apegar somente aos objetivos (ah, quero passar no vestibular. Passei. Ah, agora quero me formar. Formei. Ah, agora quero constituir uma família...) e aproveite o caminho. O caminho é lindo. Quando você se acostuma a se apegar aos objetivos, quando você chega ao final da vida, na qual você costuma não ter muitos objetivos, a vida perde o sentido. Você não se acostumou a admirar a beleza do caminho. Então tudo fica custoso, sem objetivo, sem cor e é aí que a depressão te define e te pega sem defesas. Isso me gerou uma reflexão enorme.

Essa semana estou planejando em sair na sexta com minha amiga: beber uns gorós e sair pra balada! Dar uns beijos, dançar, curtir muito e me divertir. Estou precisando demais disso, já que a necessidade carnal chama! hahahahaha
Que sejamos cada vez mais iluminados e presentes!
Like a Star @ heaven

_______________________________________

Conteúdo patrocinado

Re: Diário do Carvalho

Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum