Compartilhe
Ir em baixo
LonelyWolf98
Mensagens : 5
Data de inscrição : 24/03/2018

Realmente tenho vicio em PMO? O Reboot me ajudaria?

em 24/3/2018, 01:41
Ola, li alguns relatos aqui no fórum e ainda tenho algumas duvidas.
No meu caso não tive dificuldade em largar a pornografia (meio cedo para falar pois só parei a 25 dias), sem nenhuma recaída ou algo do tipo.
Achei que tinha vicio em PMO pois apresento vários sintomas citados como: ER (Inclusive com PMO demoravam entre 40 min e 1 hora), DE e Flatline. No inicio desse ano fazia o uso de PMO praticamente todos os dias antes de dormir.
Atualmente estou praticamente a 1 mês sem ver Pornografia, mas tive algumas recaídas na masturbação (sem o uso de pornografia) 2 vezes na primeira semana e 1 vez nas outras semanas.
Com cerca de 22 dias de Reboot eu sai com uma GP (Não foi a primeira vez que sai com essa) e a minha experiencia foi a seguinte:
- Uma leve sensibilidade que era praticamente nula.
- Percebi que estava ereto mas completamente seco inicialmente.
- Sentia prazer mas sempre que quase estava ejaculando sentia o meu pênis ficando flácido (meia bomba) e tinha que recomeçar tudo de novo. (Não sei se encaixa em DE ou Flatline)
- Só para ressaltar eu não estava nervoso, mas meio que senti que estava me distraindo. Pensando em coisas aleatórias durante o sexo.
- No final só consegui finalizar depois de 1 hora e por meio da masturbação.

E quando eu estava me utilizando de PMO eu não sentia a necessidade, meio que era uma "rotina" acho que isso estava ligado a depressão. Por isso achei fácil parar de ver. Quanto a masturbação as vezes sinto uma vontade de me aliviar e não consegui resistir, o máximo que consegui foi fazer sem pornografia mas isso foi nas primeiras semanas.

Então segue as minhas duvidas:
Sera que o meu problema é algo físico? por causa da pressão colocada por tanto tempo e a masturbação a "seco"(sem uso de lubrificante ou creme)?
Ou mesmo sem eu sentir a falta da pornografia pode ser ela a causa disso?
Se alguém tiver alguma experiencia parecida com a minha me ajudaria muito, desde já agradeço.
Se estiver quebrando alguma regra ou falei algo errado só avisar.
avatar
TGuerreiro
Moderador
Moderador
Mensagens : 1354
Data de inscrição : 31/07/2016

Re: Realmente tenho vicio em PMO? O Reboot me ajudaria?

em 24/3/2018, 07:07
Vinte e cinco dias de reboot é pouco e, no teu caso, seria bom que parasse também com a masturbação, pois isso iria aumentar a sensibilidade peniana.

Você tem que fazer um esforço e testar para ver se essa medida resolve o problema. Pelos muitos relatos aqui do fórum de casos parecidos com o seu é bem provável que sim.
LonelyWolf98
Mensagens : 5
Data de inscrição : 24/03/2018

Re: Realmente tenho vicio em PMO? O Reboot me ajudaria?

em 27/3/2018, 01:42
Realmente tenho um problema com a masturbação, estou tentando ficar sem. Mas essa semana mesmo acabei não conseguindo me controlar e acabei fazendo isso no trabalho mesmo... mas já diminui de 1 vez por dia para umas 2 vezes no máximo por semana. Espero conseguir ficar sem mais pra frente.
E a minha duvida é o seguinte, na relação como citei ele fica "'meia bomba"' algumas vezes, isso seria DE ou Flatline?
E quando eu tiver que me masturbar se eu fizer sem colocar muita pressão de formar leve, atrapalharia muito o reboot?

Estou tentando ao máximo ocupar a minha mente para não pensar nisso e me controlar melhor.

Desde já agradeço.
avatar
Goku
Mensagens : 485
Data de inscrição : 15/04/2017

Re: Realmente tenho vicio em PMO? O Reboot me ajudaria?

em 27/3/2018, 07:26
No seu caso é DE. Fatline seria se você estivesse em Reboot há alguns dias. Nao há este lance de pressão em punheta cara. Ver o ebook. A questão são as fantasias!!! E um Reboot de verdade pra mim e pra quem tem DE é corta masturbação por 90 dias também. Mude a mentalidade ou estará se enganando.

_______________________________________



[h3]Acesse meu Diario: http://www.comoparar.com/t5019p200-diario-do-goku-sem-o-reboot-perderemos-tudo-corre-ainda-dar-tempo/h3]

Kaioken: 7 Dias  (ALCANÇADO)
Super Saiyan 1: 14 Dias ( ALCANÇADO)
Super Saiyan 2: 21 Dias (ALCANÇADO)
Super Saiyan 3: 31 Dias (ALCANÇADO)
Super Saiyan 4: 40 Dias (ALCANÇADO)
Goku transformação Divina: 50 Dias (ALCANÇADO)
Super Saiyan Deus: 60 Dias (ALCANÇADO)
Super Saiyan Deus + Kaioken: 70 Dias (ALCANÇADO)
Instinto Superior incompleto: 80 Dias (ALCANÇADO)
Instinto Superior Completo: 90 Dias (ALCANÇADO)
avatar
TGuerreiro
Moderador
Moderador
Mensagens : 1354
Data de inscrição : 31/07/2016

Re: Realmente tenho vicio em PMO? O Reboot me ajudaria?

em 27/3/2018, 08:41
LonelyWolf98 escreveu:Realmente tenho um problema com a masturbação, estou tentando ficar sem. Mas essa semana mesmo acabei não conseguindo me controlar e acabei fazendo isso no trabalho mesmo... mas já diminui de 1 vez por dia para umas 2 vezes no máximo por semana. Espero conseguir ficar sem mais pra frente.
E a minha duvida é o seguinte, na relação como citei ele fica "'meia bomba"' algumas vezes, isso seria DE ou Flatline?
E quando eu tiver que me masturbar se eu fizer sem colocar muita pressão de formar leve, atrapalharia muito o reboot?

Estou tentando ao máximo ocupar a minha mente para não pensar nisso e me controlar melhor.

Desde já agradeço.

A flatline é apenas um período de baixa libido causado pela dessensibilização do cérebro após experimentar doses muito grandes de dopamina, a medida que o cérebro se recupera ela passa. A DE pode ter várias causas, mas isso você pode pesquisar facilmente no tio Google, vamos nos ater a questão do vício em ponografia.

A ereção está muito ligada aos estímulos. Quanto mais esses estímulos fazem o cérebro liberar dopamina, maior será a ereção. Veja esse caso em que você se masturbou no banheiro do trabalho. Já se perguntou porque não esperou chegar em casa para realizar o ato? Talvez seria meio sem graça, não é mesmo? O risco muitas vezes aumenta a descarga de dopamina, fazendo com que a ereção aconteça mais rapidamente.

Você disse não ter certeza se é realmente viciado em PMO, mas o seu comportamento é de um viciado. Esse comportamento se manifesta não só quando se está na frente de uma tela, embora seja aí que o problema geralmente surge.  A promiscuidade vivenciada no mundo real muitas vezes é um sintoma do vício. Só lembrar do experimento citado por Gary Wilson, onde o ratinho se anima com uma fêmea, mas, logo depois da cópula, o estímulo diminui  e ele para. Quando, porém, outras fêmeas vão sendo colocadas, o pobre rato copula até a exaustão.

Leio em muitos relatos aqui que o comportamento promíscuo é normal, que o homem é assim mesmo desde os tempos das cavernas. Uma coisa é certa, o mecanismo de recompensa do nosso cérebro não mudou muito de lá pra cá, mas a nossa realidade mudou, e muito. Nossos ancestrais, quando encontravam uma fêmea, copulavam com ela e disso vinham várias consequências,  ela engravidava e tinha que cuidar da prole e outras fêmeas não estavam o tempo todo disponíveis. Caçar, se proteger de agressores, tudo isso criava uma barreira natural que faziam nossos ancestrais ter um certo equilíbrio em relação ao sexo.

Hoje temos camisinha, pílulas abortivas e as pessoas (tanto homens quanto mulheres) podem perfeitamente trocar de parceiro como quem troca de roupa. Dessa forma, o ciclo pode sempre se reiniciar. Somos o ratinho do experimento. Quando perdemos o interesse por uma parceira vamos atrás de outra e criamos a necessidade de situações que proporcionem cada vez mais prazer. A pornografia tanto pode levar a este tipo de comportamento como ser uma consequência dele, um meio que encontramos onde até os limites da realidade que ainda existem podem ser transpostos.

Nessas circunstancias o reboot é algo salutar, pois faz com que os níveis de dopamina voltem ao normal. Assim, você vai passar a ter mais prazer e interesse nas coisas simples. E é aí que a DE tende a diminuir e até desaparecer, pois teu cérebro passa a reagir de forma mais rápida a estímulos normais. Claro que as causas podem ser outras como problemas no fluxo de sangue do pênis, fumo, stress, falta de sono, etc etc. Mas isso você pode pesquisar e procurar algum profissional que trate esses problemas.

Só para completar, em relação a sua segunda pergunta. Pelo método, a masturbação pode ser feita como forma de aliviar a tensão sexual quando se está há vários dias sem sexo, desde que feita sem fantasias sexuais, o que pra mim é meio difícil. Bom mesmo é evitar o quanto puder. Em relação a pressão aplicada, pelo menos pra mim, nunca influenciou em nada o prazer.

_______________________________________


>>>Link do Diário
LonelyWolf98
Mensagens : 5
Data de inscrição : 24/03/2018

Re: Realmente tenho vicio em PMO? O Reboot me ajudaria?

em 28/3/2018, 01:26
TGuerreiro escreveu:
LonelyWolf98 escreveu:Realmente tenho um problema com a masturbação, estou tentando ficar sem. Mas essa semana mesmo acabei não conseguindo me controlar e acabei fazendo isso no trabalho mesmo... mas já diminui de 1 vez por dia para umas 2 vezes no máximo por semana. Espero conseguir ficar sem mais pra frente.
E a minha duvida é o seguinte, na relação como citei ele fica "'meia bomba"' algumas vezes, isso seria DE ou Flatline?
E quando eu tiver que me masturbar se eu fizer sem colocar muita pressão de formar leve, atrapalharia muito o reboot?

Estou tentando ao máximo ocupar a minha mente para não pensar nisso e me controlar melhor.

Desde já agradeço.

A flatline é apenas um período de baixa libido causado pela dessensibilização do cérebro após experimentar doses muito grandes de dopamina, a medida que o cérebro se recupera ela passa. A DE pode ter várias causas, mas isso você pode pesquisar facilmente no tio Google, vamos nos ater a questão do vício em ponografia.

A ereção está muito ligada aos estímulos. Quanto mais esses estímulos fazem o cérebro liberar dopamina, maior será a ereção. Veja esse caso em que você se masturbou no banheiro do trabalho. Já se perguntou porque não esperou chegar em casa para realizar o ato? Talvez seria meio sem graça, não é mesmo? O risco muitas vezes aumenta a descarga de dopamina, fazendo com que a ereção aconteça mais rapidamente.

Você disse não ter certeza se é realmente viciado em PMO, mas o seu comportamento é de um viciado. Esse comportamento se manifesta não só quando se está na frente de uma tela, embora seja aí que o problema geralmente surge.  A promiscuidade vivenciada no mundo real muitas vezes é um sintoma do vício. Só lembrar do experimento citado por Gary Wilson, onde o ratinho se anima com uma fêmea, mas, logo depois da cópula, o estímulo diminui  e ele para. Quando, porém, outras fêmeas vão sendo colocadas, o pobre rato copula até a exaustão.

Leio em muitos relatos aqui que o comportamento promíscuo é normal, que o homem é assim mesmo desde os tempos das cavernas. Uma coisa é certa, o mecanismo de recompensa do nosso cérebro não mudou muito de lá pra cá, mas a nossa realidade mudou, e muito. Nossos ancestrais, quando encontravam uma fêmea, copulavam com ela e disso vinham várias consequências,  ela engravidava e tinha que cuidar da prole e outras fêmeas não estavam o tempo todo disponíveis. Caçar, se proteger de agressores, tudo isso criava uma barreira natural que faziam nossos ancestrais ter um certo equilíbrio em relação ao sexo.

Hoje temos camisinha, pílulas abortivas e as pessoas (tanto homens quanto mulheres) podem perfeitamente trocar de parceiro como quem troca de roupa. Dessa forma, o ciclo pode sempre se reiniciar. Somos o ratinho do experimento. Quando perdemos o interesse por uma parceira vamos atrás de outra e criamos a necessidade de situações que proporcionem cada vez mais prazer. A pornografia tanto pode levar a este tipo de comportamento como ser uma consequência dele, um meio que encontramos onde até os limites da realidade que ainda existem podem ser transpostos.

Nessas circunstancias o reboot é algo salutar, pois faz com que os níveis de dopamina voltem ao normal. Assim, você vai passar a ter mais prazer e interesse nas coisas simples. E é aí que a DE tende a diminuir e até desaparecer, pois teu cérebro passa a reagir de forma mais rápida a estímulos normais. Claro que as causas podem ser outras como problemas no fluxo de sangue do pênis, fumo, stress, falta de sono, etc etc. Mas isso você pode pesquisar e procurar algum profissional que trate esses problemas.

Só para completar, em relação a sua segunda pergunta. Pelo método, a masturbação pode ser feita como forma de aliviar a tensão sexual quando se está há vários dias sem sexo, desde que feita sem fantasias sexuais, o que pra mim é meio difícil. Bom mesmo é evitar o quanto puder. Em relação a pressão aplicada, pelo menos pra mim, nunca influenciou em nada o prazer.

Entendo, realmente eu tenho um problema com a masturbação, estou tentando marcar um psiquiatra pois sei que tem algo de errado comigo em relação a sexualidade...
Como disse estou tentando ocupar minha mente para não ter mais essas "recaidas" fazendo coisas como curso e projetos pessoais. Pois eu meio que me engano nesse quesito, tipo da ultima vez que me masturbei nem estava pensando em fazer isso, só fui urinar e quando cheguei no banheira estava com uma baita ereção que não queria descer e sem vontade de urinar... Por isso sei que preciso de ajuda psiquiatra... Estava pensando em fazer um diário no fórum mas vou esperar chegar em pelo menos 40 dias.
Obrigado pela ajuda, Vou reler o Ebook com mais atenção e se tudo der certo começo o diário. E novamente obrigado pela atenção.
avatar
Projeto
Admin
Admin
Mensagens : 1732
Data de inscrição : 27/07/2014
http://www.vicioempornografiacomoparar.com

Re: Realmente tenho vicio em PMO? O Reboot me ajudaria?

em 3/4/2018, 14:06
LonelyWolf98
Mensagens : 5
Data de inscrição : 24/03/2018

Re: Realmente tenho vicio em PMO? O Reboot me ajudaria?

em 3/4/2018, 23:47
Me desculpe estar postando novamente, mas no momento estou cheio de duvidas.
Eu vim acabar no forum pois estava tendo uma falta de sensibilidade no pênis e por isso acontecia algumas vezes de ter DE e demora para gozar. Estou a 35 dias sem PMO e a 10 dias sem a masturbação, e hoje sai com uma amiga e as coisas acabaram esquentando e quando o ato foi acontecer... no oral estava tudo ok, mas na hora da penetração vi que estava meia bomba, e fiquei tentando deixa-lo ereto e isso ficou por meia hora. A ponto de que acabei gozando e não fiquei ereto... Resumindo a coisa piorou. Estou tentado a ver PMO para ver se vou conseguir ficar ereto... pensando seriamente, pois nessa segunda tenho uma consulta com o urologista e não sei se consigo ficar ereto... No caso se ficar ereto sei que é PMO e informo isso a ele e começo o reboot do zero, e se não tiver resultados nem com PMO poderei informar isso na consulta.

Sei que posso estar cometendo uma burrice, mas estou pensando seriamente nisso...
LonelyWolf98
Mensagens : 5
Data de inscrição : 24/03/2018

Re: Realmente tenho vicio em PMO? O Reboot me ajudaria?

em 3/4/2018, 23:54

De acordo com o teste fiquei como "2" e não viciado. Mas como o "TGuerreiro" disse eu tenho algumas atitudes que meio que contradizem isso... pretendo me aprofundar melhor em um psiquiatra essas questões mas como sou ansioso não to conseguindo aguardar...
avatar
Projeto
Admin
Admin
Mensagens : 1732
Data de inscrição : 27/07/2014
http://www.vicioempornografiacomoparar.com

Re: Realmente tenho vicio em PMO? O Reboot me ajudaria?

em 4/4/2018, 10:15
LonelyWolf98 escreveu:Me desculpe estar postando novamente, mas no momento estou cheio de duvidas.
Eu vim acabar no forum pois estava tendo uma falta de sensibilidade no pênis e por isso acontecia algumas vezes de ter DE e demora para gozar. Estou a 35 dias sem PMO e a 10 dias sem a masturbação, e hoje sai com uma amiga e as coisas acabaram esquentando e quando o ato foi acontecer... no oral estava tudo ok, mas na hora da penetração vi que estava meia bomba, e fiquei tentando deixa-lo ereto e isso ficou por meia hora. A ponto de que acabei gozando e não fiquei ereto... Resumindo a coisa piorou. Estou tentado a ver PMO para ver se vou conseguir ficar ereto... pensando seriamente, pois nessa segunda tenho uma consulta com o urologista e não sei se consigo ficar ereto... No caso se ficar ereto sei que é PMO e informo isso a ele e começo o reboot do zero, e se não tiver resultados nem com PMO poderei informar isso na consulta.

Sei que posso estar cometendo uma burrice, mas estou pensando seriamente nisso...

Como outros já disseram aqui, você tem todos os sintomas do vício. Seu relato é clássico, existem milhares deles aqui no fórum. Basta pesquisar. No mais, essa sua justificativa para usar PMO é ingenua. Pois se você precisar de PMO para ter uma ereção, isso é apenas mais um indicativo de que você está viciado. Aliás, a própria racionalização em si, para assistir PMO com apenas 35 dias de reboot, é digna de uma pessoa viciada. Se você não está viciado, qual o problema de ficar "90 diazinhos" sem pornografia?

Estranho...


LonelyWolf98 escreveu:

De acordo com o teste fiquei como "2" e não viciado. Mas como o "TGuerreiro" disse eu tenho algumas atitudes que meio que contradizem isso... pretendo me aprofundar melhor em um psiquiatra essas questões mas como sou ansioso não to conseguindo aguardar...

Apenas lendo o seu relato, eu já identifiquei 4 itens. A intenção de postar o teste era para você usar como uma ferramenta para sanar dúvidas e não para justificar o uso de PMO. Repito: se você não está viciado, fique 90 dias sem PMO. Problema não vai causar  e como você "não está viciado", vai ser moleza, certo?

_______________________________________



"Você pode não ter força de vontade para parar de ver pornografia, mas certamente tem para instalar os bloqueadores - Porque ainda não o fez?"

"Prefiro ser escravo dos bloqueadores, do que escravo da pornografia"
Conteúdo patrocinado

Re: Realmente tenho vicio em PMO? O Reboot me ajudaria?

Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum