Compartilhe
Ver o tópico anteriorIr em baixoVer o tópico seguinte
avatar
lucasco
Mensagens : 89
Data de inscrição : 16/06/2015
Idade : 22
Localização : Curitiba/PR
http://lucascomunicacao.com

De uma Revista P até a Violência - O RECOMEÇO

em 16/6/2015, 02:52
Olá amigos, tudo bem? Segue minha história bem resumida do meu processo neste site! Espero receber a ajuda de vocês!

Minha história
Meu nome é Lucas, tenho 20 Anos, sou de Curitiba-PR, e tenho este vício desde 2008. Começou com uma revista P emprestada de um amigo no tempo do Ensino Fundamental ainda. Levei a revista pra casa e escondi debaixo da cama, na inocencia da primeira vez, eu nem sabia como fazer ou o que fazer com aquilo, mas levei a revista outras vezes pra casa, até "aprender" o que fazer com aquilo. Meus pais descobriram e queimaram a revista na churrasqueira..rs Mas o vício não foi queimado. Passou um tempo e eu descobri que existia filmes pornográficos nas madrugadas. Ficava acordado até tarde para assisti-los sozinho escondido. Descobri em mim os impulsos sexuais, e entorpecido pelas alterações em meu corpo e meu cérebro desde então nunca mais parei de me masturbar,Era uma revista, depois veio o cine privê, depois os sites com imagens pornográficas, depois os vídeos pornográficos. Entre 2009 e 2010 fiquei praticamente livre e achei que havia me libertado, porém no final do ano de 2010 entrando no Ensino Médio, outras pressões da vida, como primeiro emprego, novas amizades, novos relacionamentos, o vício voltou com uma força violenta mais absurda do que eu poderia imaginar, cheguei a ver pornografia todos os dias e não conseguia ficar sem. Nunca havia namorado ninguém, nem ficado com ninguém desde então, (por causa de minha opção religiosa - sou cristão - estava esperando minha verdadeira esposa - emfim, algo em que acredito ser certo -nada de impor o que é certo ou errado pra voces haha) o tempo passou, conheci muitas garotas, desejei várias, e pela vergonha ou até me escondendo através da religião eu comecei a encontrar um tipo de "alívio" para o desejo ao invés de pedir alguma delas para namorar ou me satisfazer fisicamente com outra pessoa sem ser comigo mesmo - Nada daquilo fazia sentido, por mais que eu não estava me satisfazendo com garotas estava entorpecendo e enchendo minha mente com P.

Alguém para Ajudar
Desde 2013 tenho uma amiga fiel à quem conto minha vida e aconselho ela durante muito tempo, a amizade se tornou paixão, e pedi ela em namoro, primeiramente rejeitou, ficamos meses sem se comunicar, porém em setembro do ano passado voltamos com nossa amizade de sempre, fomos em um evento juntos (Um Acampamento) lá - ela me contou que estava apaixonada por mim, e eu disse o mesmo a ela, começamos a namorar - e caras no natal, não aguentei guardar toda aquela mentira dentro de mim, se brother, você tem este vício, e tem uma namorada, conte pra ela, encontre coragem em voce mesmo e tente contar - isso vai te ajudar demais a se libertar! sério! Ela também poderá ser sua parceira contra esta luta!  No meu caso foi mais louco! Enquanto contava meu problema ela mandava emoticons de susto, e de espanto, mas contei até o final, achando que aquilo era tudo uma surpresa pra ela, mas o que ela falou depois foi um "baque", ela contou que também tinha o mesmo problema, que também era viciada em P, e que estava lutando contra isso assim como eu, descobriu em sua infância com sua irmã mais velha, e até então não conseguia largar isso, estava alguns meses sem. Foi o melhor presente de natal que eu recebi, não sei se posso chamar de presente, mas saber que alguém que sofre ou já sofreu com isso, que sabe como é, e que será sua futura esposa te ajudar nisto é gratificante demais!

Recaídas & Insconstância
O namoro começou a evoluir demais, os beijos quentes, os abraços, os encontros, porém toda vez que volto de um dia com ela, o desejo fica a flor da pele (por causa de nossa fé e do que acreditamos- não transamos antes do casamento.) E para eliminar aquele desejo louco, que as vezes é somente saudade, ou realmente a vontade de se deitar com ela, que começa vendo as fotos dela, depois lendo nossas conversas, depois não consigo me controlar e volto as práticas antigas e vejo P e me masturbo   como válvula de escape para aquela pressão do Corpo. E tem sido assim desde o Início do nosso Relacionamento no ano Passado. Bom, depois que contei no natal, não tive coragem de perguntar pra ela se de lá pra cá ela teve recaídas, pelo que aparenta e diz a mim, ela se libertou mesmo! No meu caso, não consigo contar a ela que estou constantemente recaindo e que vejo outras mulheres mas que amo ela e quero somente ter relações com ela. Tem sido bem difícil. Confessar à um amigo semana retrasada me ajudou bastante. Fiquei uma semana inteira sem ver P. passou, Vi minha namorada, assistimos filmes juntos, teve o dia dos namorados, e passamos juntos se beijando e pegando, mas nada de "mão boba" ou sexo. Ela não permite isso. Mesmo se eu tentar. Eu também não faço. E não permiterei até Tentar. Já conversamos sobre casamento, e estamos em um processo de preparo, para isso acontecer e poder ter ela por inteiro, e ela também me ter. Emfim. Mas o que mais me angustía é que não desejo entrar com isso no casamento. Não quero levar isso pra frente amigos. Quero que isso acabe imediatamente.

Violência e Egoísmo
Há mais ou menos 3 meses atrás, em meados de abril, nossa relação esquentou muito, tivemos mais oportunidades para se encontrarmos sozinhos e termos nossos momentos, o problema é que o vício veio aumentando e comecei a perceber meu egoísmo, no momento do beijo - eu queria o beijo do jeito que eu queria, durando o tempo que eu desejava que durasse, com a mordida daquele jeito, exatamente como dava prazer em mim, sem pensar em gerar prazer a minha namorada. Me tornei um egoísta compulsivo por beijos. Chegamos a brigar porque levei ela para uma Rua deserta para se beijarmos a vontade - já que ela é bem tímida e não gosta de ficar de amassos em público, o beijo que eu esperava não aconteceu - e fiquei grandemente irritado - Duas vezes, em dois encontros - percebi que estava nascendo em mim uma Violência que não era comum, eu nunca fui assim, ela começou a sentir medo até pelo fato de as vezes eu querer definir as coisas e não deixar acontecer - Na primeira vez, foi um beijo que ela recusou de despedida e segurei o braço dela fortemente e dei um beijo forçado - imediatamente vi que loucura havia feito - e quase com lágrimas na mesma hora pedi perdão pra ela. Na segunda vez, estávamos juntos e se beijando e chegou um momento que ela se constrangeu por ter pessoas por perto, mas eu não parei e insisti demais. até que ela ficou bem triste e discutimos de novo. A questão dos beijos e do toque físico já gerou muitas discussão e hoje é um tema já bem delicado no inicio do nosso namoro e sei que é porcausa do meu vício na pornografia. Eu me transformei de um cavalheiro para um Bruto, de um Homem, para um Escravo dos meus desejos. Não servia mais para alimentar os desejos dela, apenas os meus. Bom - nos ultimos 2 meses lutei muito e consegui vencer meu Egoísmo e minha violência acabou.  Porém o vício na P continua... dia após dia, e olha, é sempre relacionado a saudade dela, começa com o sentimento de saudade, de querer estar perto, de ter ela, depois se transforma pelo desejo por sexo, e aí bum, caí novamente.

Meu trabalho é prejudicial ?

Não sei, mas acho que boa parte do que colabora para o meu vício é o fato de eu ser Web Designer /Design Gráfico - Constantemente tenho que estar no google imagens, no tumblr, ou em sites de bancos deimagens, procurando imagens de boa qualidade para usar nos meus projetos - Trabalho em casa - e fico praticamente 24hrs enfurnado dentro do meu quarto - minha família apelidou meu quarto de Caverna - pra vocês terem uma ideia. Sad Não sinto vontade de sair do quarto, se tornou uma caverna mesmo este lugar, ultimamente estou procurando um emprego fixo e vou parar de ser freelance, Com tudo que tenho lido de voces e no livro e em vídeos sei que a comunicação pode ajudar muito no processo. Também passo praticamente 24hrs do dia Online no Facebook -- Pois cuido de 5 ou mais Páginas no facebook como SocialMedia. Porém nunca havia usado bloqueadores antes, ao descobrir vocês, acabei de instalar o K9 e vou começar a usá-lo! Acho que vai me ajudar muito! Falando em descobrir...

A GRANDE DESCOBERTA
Há um mes atrás mais ou menos encontrei o gary wilson em um vídeo legendado no youtube, depois do vídeo dele, consegui ficar uma semana sem ver P, depois recaí, talvez porque nao segui nenhuma disciplina exata para o processo, apenas fui vivendo cada dia. Descobri também o site dele yourbrainonporn.com mas não conhecia vocês. Achei e até conversei com alguns amigos-conselheiros que também sofrem com o problema para traduzir o site dele e o fórum para portugues. Sinceramente nunca imaginaria que vocês existiam! Hoje, madrugada do dia 16, caí. Após longo sentimento de saudade de minha namorada. Logo quando caio, sempre procuro preencher minha mente denovo, com todo conteúdo contra esse mal que eupossa encontrar, vi algumas palestras, alguns vídeos motivacionais, alguns vídeos de especialistas, e sempre tento ver mais vídeos diferentes, e não somente o mesmo para que meu cérebro não crie argumentos rápidos contra ele e aceite suas ideias. Então, no ultimo vídeo que encotrei, um suposto usuário de vocês indicou e colocou o link do fórum. Na mesma hora entrei, e estou aqui lendo e re-lendo histórias, fiz imediamente minha conta, instalei o contador, e comecei imediatamente o reboot! Obrigado por vocês existirem! Por favor continuem com isto! É insano! É como se fosse a casa de recuperação Online para Viciados em P. rs De verdade, de coração, não sabe como me sinto feliz em encontrar vocês! Eu espero contar meu progresso e ajudar outros também que estiverem começando ou no mesmo nível que eu. E posteriormente daqui um Ano gostaria de Ajudar vocês neste Projeto magnífico!

Por fim, comecei a lutar de verdade.
Muito Obrigado.
Me ajudem. Eu preciso.


Última edição por lucasco em 16/6/2015, 20:27, editado 1 vez(es)

_______________________________________
avatar
Ponta de lance
Mensagens : 15
Data de inscrição : 16/03/2015
Idade : 23

Re: De uma Revista P até a Violência - O RECOMEÇO

em 16/6/2015, 03:12
Seja bem vindo guerreiro, estamos juntos nessa luta! Peço pa enviar o link do video de gary wilson legendado! Abraços e sucessos

_______________________________________
avatar
lucasco
Mensagens : 89
Data de inscrição : 16/06/2015
Idade : 22
Localização : Curitiba/PR
http://lucascomunicacao.com

Obrigado

em 16/6/2015, 07:55
Obrigado ponta de lance! Segue o link do vídeo que pediu : https://www.youtube.com/watch?v=YeesOuPUPPA. Bora na luta! Hoje é um novo dia! =)

_______________________________________
GabrielP
Mensagens : 41
Data de inscrição : 29/10/2014

Re: De uma Revista P até a Violência - O RECOMEÇO

em 16/6/2015, 09:36
Legal Lucas, seja bem vindo. E muito foco nessa nossa caminhada.
avatar
lucasco
Mensagens : 89
Data de inscrição : 16/06/2015
Idade : 22
Localização : Curitiba/PR
http://lucascomunicacao.com

Re: De uma Revista P até a Violência - O RECOMEÇO

em 16/6/2015, 20:28
Valeu GabrielIP! Estamos juntos!

_______________________________________
avatar
Dr. Medicina
Mensagens : 87
Data de inscrição : 15/06/2015
Idade : 25

Re: De uma Revista P até a Violência - O RECOMEÇO

em 16/6/2015, 20:48
lucasco escreveu:Olá amigos, tudo bem? Segue minha história bem resumida do meu processo neste site! Espero receber a ajuda de vocês!

Minha história
Meu nome é Lucas, tenho 20 Anos, sou de Curitiba-PR, e tenho este vício desde 2008. Começou com uma revista P emprestada de um amigo no tempo do Ensino Fundamental ainda. Levei a revista pra casa e escondi debaixo da cama, na inocencia da primeira vez, eu nem sabia como fazer ou o que fazer com aquilo, mas levei a revista outras vezes pra casa, ...........................

E ai lucasco...

Seja bem vindo ao Fórum e parabéns pela decisão de se livrar do PMO!!

Comecei a poucos dias e também sou de Curitiba-PR!! kkk Mas tenho 23 anos...

Sempre que puder vou acompanhar o seu diário aqui...FORÇA!!

Abraço cara...

_______________________________________
Diário
~~> http://comoparar.forumeiros.com/t753-dr-medicina-diario-ultimo-post-uma-dica-incrivel


A minha maior ARMA para vencer o PMO: Manter minha mente ocupada no gerenciamento do meu próprio negócio Online. Não fico ocioso, produzo coisas boas e ainda ganho para me manter na facul.
Para mim funciona, se quiser tentar ~~> http://bit.ly/ArmaParaVencer
Meu sonho é trocar o vício em PMO pelo de ser um Empreendedor Digital







Insanidade é continuar fazendo sempre a mesma coisa
e esperar resultados diferentes.
Albert Einstein
DragonWarrior
Mensagens : 28
Data de inscrição : 16/02/2015
Idade : 19

Re: De uma Revista P até a Violência - O RECOMEÇO

em 16/6/2015, 21:44
Prazer Lucas, bem vindo ao fórum, vamos juntos lutar contra esse vício terrível rumo à uma vida melhor! Very Happy Abraços e boas sorte! Laughing

_______________________________________
avatar
lucasco
Mensagens : 89
Data de inscrição : 16/06/2015
Idade : 22
Localização : Curitiba/PR
http://lucascomunicacao.com

Re: De uma Revista P até a Violência - O RECOMEÇO

em 16/6/2015, 22:08
Tamo junto então Dr Medicina haha Curitiba representando! Prazer DragonWarrior - Vamos na luta brothers! Vamos conseguir!

_______________________________________
avatar
Mr.Nobody
Mensagens : 54
Data de inscrição : 08/06/2015

Re: De uma Revista P até a Violência - O RECOMEÇO

em 16/6/2015, 23:02
dae mano,
também falei com minha namorada, ela também relatou que já teve o mesmo vício diário, mas que com o tempo, conseguiu parar. Talvez com mulheres seja mais fácil o reboot.
A vantagem de ter alguém em quem confiar é que pude dar a combinação para achar a senha do bloqueador para ela guardar na casa dela, em local seguro de mim hehe

força véi, tamo junto na luta!

_______________________________________
"Não jogue fora os resultados que estão germinando, mesmo que tu não os veja ainda, por 2 segundos de prazer ruim com esse teu pau broxa. (...) Não vale a pena deixar isso escapar pra sustentar alguma atriz pornô sem graça do outro lado do mundo que nem sabe que você existe." Lion

"'Eu quero isso!'; 'Eu quero aquilo!'; 'Eu quero...' O que quer que seja. É uma condição impermanente, insatisfatória, pois não contém nada que nos possa realmente satisfazer. Vem e vai e é é não eu"
avatar
lucasco
Mensagens : 89
Data de inscrição : 16/06/2015
Idade : 22
Localização : Curitiba/PR
http://lucascomunicacao.com

Re: De uma Revista P até a Violência - O RECOMEÇO

em 17/6/2015, 22:45
POOOO! que legal Mr.Nobody!!! Cara que massa, tamo junto na luta mesmo! É realmente muito bom poder confiar em alguém, galera, fiz caminhada ontem 2 vezes, acho que andei uns 5-10km (pra quem vivia dentro de uma caverna melhorei bastante rs ) Hoje vou ler o segundo capítulo do e-book, já vi os vídeos, hoje é meu segundo dia no reboot - nenhum sintoma de abstinência ainda, dizem que manifesta lá pelo sétimo, oitavo dia, vamos ficar espertos brothers! Qualquer coisa! estarei na ativa aqui direto! Vamos conversando! abraço! força, foco, fé e determinação que voces vão conseguir!

_______________________________________
avatar
lucasco
Mensagens : 89
Data de inscrição : 16/06/2015
Idade : 22
Localização : Curitiba/PR
http://lucascomunicacao.com

Re: De uma Revista P até a Violência - O RECOMEÇO

em 18/6/2015, 06:23
Dois dias pessoal! na batalha! Rumo ao terceiro capítulo do E-book! Os relatos do ebook me ajudaram muito - alguns são muito fortes, teve um que tive vontade de vomitar sério! Mas é bom pra voce entender que voce pode chegar aquele nível de desgraça na sua vida. Vamos lutar! só descansarei daqui 10 anos sem isso. Pratiquem algum esporte físico, levantem ferro, corram, caminhem, tentem nao ficarem sozinhos com o computador! É noiz.

_______________________________________
avatar
Dr. Medicina
Mensagens : 87
Data de inscrição : 15/06/2015
Idade : 25

Re: De uma Revista P até a Violência - O RECOMEÇO

em 18/6/2015, 16:01
lucasco escreveu:Dois dias pessoal! na batalha! Rumo ao terceiro capítulo do E-book! Os relatos do ebook me ajudaram muito - alguns são muito fortes, teve um que tive vontade de vomitar sério! Mas é bom pra voce entender que voce pode chegar aquele nível de desgraça na sua vida. Vamos lutar! só descansarei daqui 10 anos sem isso. Pratiquem algum esporte físico, levantem ferro, corram, caminhem, tentem nao ficarem sozinhos com o computador! É noiz.

É isso ai cara!! E o bloqueador? Já instalou?! rsrs...
Quando eu ouvia falar do bloqueador aqui no fórum eu sempre julgava como algo quase inútil - por saber burlar eles - mas depois entendi a necessidade deles!! Penso que talvez possa ser o seu pensamento, por ser um cara que trabalha diretamente no computador (e com certeza sabe manipular essas máquinas muito melhor do que eu...kk), dei um ótimo motivo, lá no meu diário, para que a gente instale eles mesmo assim... se quiser, dá uma olhada lá... Wink

Abraço cara!! Força e nada de descanso daqui a 10 anos...kkk

_______________________________________
Diário
~~> http://comoparar.forumeiros.com/t753-dr-medicina-diario-ultimo-post-uma-dica-incrivel


A minha maior ARMA para vencer o PMO: Manter minha mente ocupada no gerenciamento do meu próprio negócio Online. Não fico ocioso, produzo coisas boas e ainda ganho para me manter na facul.
Para mim funciona, se quiser tentar ~~> http://bit.ly/ArmaParaVencer
Meu sonho é trocar o vício em PMO pelo de ser um Empreendedor Digital







Insanidade é continuar fazendo sempre a mesma coisa
e esperar resultados diferentes.
Albert Einstein
avatar
lucasco
Mensagens : 89
Data de inscrição : 16/06/2015
Idade : 22
Localização : Curitiba/PR
http://lucascomunicacao.com

Re: De uma Revista P até a Violência - O RECOMEÇO

em 18/6/2015, 23:23
Poooooo! E aí Dr. Medicina? Já sim! Infelizmente o K9 fazia meu notebook reiniciar a cada 4 segundos, tive que desinstalar, estou com o kurupira, ele é bem versão teste, mas acho que já quebra um galho de bloqueador, vi teu post lá mano, muito bom! me ajudou a tomar algumas decisões, aquele tópico sobre argumentos contra bloqueadores também foi uma grande fonte de inspiração. Hoje pratiquei bastante exercício físico. Foi um dia bem cheio não consegui ler o capítulo de hoje, mas amanhã vou ler sem falta 2 capítulos. Continuando na luta - rumo aos 90 dias... ta no começo ainda... Abração cara! vamos que vamos.

- dica : Uma coisa que eu estou livre : Televisão, não assisto tv. caras, se voces estao nessa luta contra o vício, precisam entender que as imagens ficam no subconsciente nao adianta ficar sem P e ver as dançarinas do faustão, as mulheres do rodrigo faro ou programas semelhantes, tudo aquilo vai juntando em sua mente, no fim de 9 -10 dias quando sua "bolsa" estiver cheia, todas as imagens serão jogadas aos seus olhos como uma metralhadora e voce nao vai conseguir lutar contra todas elas de uma vez. tentem ler bastante e exercitar bastante o físico - outra coisa que me ajuda - falar abertamente sobre o vício com amigos e pessoas. quanto mais voce esconde, mais o vicio vira um gigante invencivel, quanto mais voce abre isso para pessoas de sua confiança - assim como fazemos no fórum, mais o gigante vai perdendo seu poder sobre nós. Começamos descobir seus pontos fracos e não somente ele descobrir o nosso.

No mais - Lutem! Lutem! Lutem. =)

_______________________________________
avatar
HolyMajesty
Mensagens : 2
Data de inscrição : 16/06/2015
Idade : 23
Localização : Curitiba

Re: De uma Revista P até a Violência - O RECOMEÇO

em 18/6/2015, 23:40
Bem vindo irmão!

_______________________________________
king king king
avatar
lucasco
Mensagens : 89
Data de inscrição : 16/06/2015
Idade : 22
Localização : Curitiba/PR
http://lucascomunicacao.com

Re: De uma Revista P até a Violência - O RECOMEÇO

em 19/6/2015, 13:17
Valeeeu HolyMajesty! Tamojunto! De curitiba também? haha - estou no 3° dia vencendo... lembrem, é como uma panela de pressão.. as pressões do dia vão preencher sua mente e seu organismo, quando voce achar que for forte, porém nao tiver um dia muito legal - virá a tentação de cair novamente na prática da PMO. É como uma válvula que despressuriza sua mente. Tente fazer alguma coisa que retire a pressão que está sentindo. Vai ajudar bastante Wink Abraço pra todo mundo!

_______________________________________

O autor desta mensagem foi removido do fórum - Ver a mensagem

O autor desta mensagem foi removido do fórum - Ver a mensagem

avatar
Eleazar
Mensagens : 170
Data de inscrição : 01/04/2015

Re: De uma Revista P até a Violência - O RECOMEÇO

em 19/6/2015, 18:33
Lucasco, seja bem-vindo ao fórum companheiro!

Todos nós estamos nesse caminho, cremos que juntos podemos alcançar os resultados almejados.
Estou à disposição para ajudar no que puder cara.

Abraço!

_______________________________________


avatar
lucasco
Mensagens : 89
Data de inscrição : 16/06/2015
Idade : 22
Localização : Curitiba/PR
http://lucascomunicacao.com

Re: De uma Revista P até a Violência - O RECOMEÇO

em 20/6/2015, 23:31
Hoje estou completando 4 dias! Já estou sentindo diferença no meu relacionamento, hoje foi o melhor encontro com a minha namorada HÁ MESES caras! - A Confiança dela em mim voltou, ela viu outro lucas, outro cara se apresentou pra ela hoje, foi totalmente diferente, foi demais! As coisas estão mudando, estou tendo mais vontades para praticar esportes ou exercícios físicos, e tenho passado muito menos tempo recluso sozinho... Estou me superando - ontem tive minha penultima aula no DETRAN para Carro, torçam por mim, terça feira ultima aula e aí só marcar prova prática pessoal! Bora dirigir! Bora viver!

_______________________________________
avatar
lucasco
Mensagens : 89
Data de inscrição : 16/06/2015
Idade : 22
Localização : Curitiba/PR
http://lucascomunicacao.com

Re: De uma Revista P até a Violência - O RECOMEÇO

em 20/6/2015, 23:53
Pessoal, tem uma duvida, hoje com minha namorada, saímos juntos, nos beijamos, nos abraçamos, emfim, mas não houve sexo, apenas beijos e carinho, eu tive umas ereções curtas e fiquei excitado com ela hoje, isso é bom ou ruim? Bom né? Fiquei na dúvida pessoal! Me ajudem!

(Façam o reboot lendo o e-book! Este livro é fantástico! Cada relato me dá mais argumentos contra meu próprio cérebro para reprogramá-lo do zero.)

_______________________________________
avatar
Dr. Medicina
Mensagens : 87
Data de inscrição : 15/06/2015
Idade : 25

Re: De uma Revista P até a Violência - O RECOMEÇO

em 21/6/2015, 07:59
lucasco escreveu:Pessoal, tem uma duvida, hoje com minha namorada, saímos juntos, nos beijamos, nos abraçamos, emfim, mas não houve sexo, apenas beijos e carinho, eu tive umas ereções curtas e fiquei excitado com ela hoje, isso é bom ou ruim? Bom né? Fiquei na dúvida pessoal! Me ajudem!

(Façam o reboot lendo o e-book! Este livro é fantástico! Cada relato me dá mais argumentos contra meu próprio cérebro para reprogramá-lo do zero.)

Depende!

Se você ficou fantasiando com coisas que vc via no P, ai não é nada bom...melhor não fazer isso..

Mas cara, se foi resultado da interação de vocês, de forma totalmente natural, isso é ótimo!! Aliás, acho que esse é o objetivo final do Reboot! Deixar de ter necessidade de excitação com P e sim se excitar com a sua parceira (com pessoas reais)... Fazer seu cérebro entender que é disso que ele precisa, e não de PMO.

Então, se foi a primeira opção, controle a sua mente nesse momentos e foque nela. Mas se foi a segunda opção, seja feliz com a sua parceira cara!! É uma das melhores sensações da vida! Ótima para você colocar no lugar da PMO...

Se quiser acompanhar o meu diário: http://comoparar.forumeiros.com/t753-dr-medicina-diario-como-tenho-vencido

Abraço...

_______________________________________
Diário
~~> http://comoparar.forumeiros.com/t753-dr-medicina-diario-ultimo-post-uma-dica-incrivel


A minha maior ARMA para vencer o PMO: Manter minha mente ocupada no gerenciamento do meu próprio negócio Online. Não fico ocioso, produzo coisas boas e ainda ganho para me manter na facul.
Para mim funciona, se quiser tentar ~~> http://bit.ly/ArmaParaVencer
Meu sonho é trocar o vício em PMO pelo de ser um Empreendedor Digital







Insanidade é continuar fazendo sempre a mesma coisa
e esperar resultados diferentes.
Albert Einstein
avatar
lucasco
Mensagens : 89
Data de inscrição : 16/06/2015
Idade : 22
Localização : Curitiba/PR
http://lucascomunicacao.com

Re: De uma Revista P até a Violência - O RECOMEÇO

em 21/6/2015, 12:38
Agora que eu vi sua resposta Anonymous! Poxa! então mano! tenta mesmo encontrar outra válvula de escape pra ti fora da PMO para que não piore até seu estado físico como comentou.. Por mais que seus testículos estejam inflamados - se sua válvula de escape da pressão diária for a PMO, nada, nem mesmo o sangue, vai te fazer parar - li relatos desse nível no livro, então tome cuidado para não piorar sua saúde, o maior reconhecimento você já fez, que é reconhecer o vício, como o Dr.Medicina sempre fala, não deixe de instalar os bloqueadores! Eles vão te ajudar muito! Abraço e melhoras! Força!

_______________________________________
avatar
lucasco
Mensagens : 89
Data de inscrição : 16/06/2015
Idade : 22
Localização : Curitiba/PR
http://lucascomunicacao.com

Re: De uma Revista P até a Violência - O RECOMEÇO

em 21/6/2015, 12:38
Obrigado Eleazar! Pode contar comigo também para o que for aqui dentro do fórum! Estou a disposição mano!

_______________________________________
avatar
lucasco
Mensagens : 89
Data de inscrição : 16/06/2015
Idade : 22
Localização : Curitiba/PR
http://lucascomunicacao.com

Re: De uma Revista P até a Violência - O RECOMEÇO

em 21/6/2015, 12:42
Dr. Medicina escreveu:

Depende!

Se você ficou fantasiando com coisas que vc via no P, ai não é nada bom...melhor não fazer isso..

Mas cara, se foi resultado da interação de vocês, de forma totalmente natural, isso é ótimo!! Aliás, acho que esse é o objetivo final do Reboot! Deixar de ter necessidade de excitação com P e sim se excitar com a sua parceira (com pessoas reais)... Fazer seu cérebro entender que é disso que ele precisa, e não de PMO.

Então, se foi a primeira opção, controle a sua mente nesse momentos e foque nela. Mas se foi a segunda opção, seja feliz com a sua parceira cara!! É uma das melhores sensações da vida! Ótima para você colocar no lugar da PMO...

..

Opa! E aí Dr.Medicina? Tranquilo? Então mano, a ereção aconteceu pensando nela, e na interação de nós dois, sem nenhum envolvimento de P. Fico feliz por ver que então o meu cérebro está respondendo da maneira correta.. Sei que os dias mais difíceis ainda estão por vir, como já vi em outros relatos, o sétimo, oitavo e nono dia sem PMO começam os sintomas da abstinência! Mas estou na luta! Vamos vencer! Obrigado pelo esclarecimento mano! Abração!

_______________________________________
avatar
lucasco
Mensagens : 89
Data de inscrição : 16/06/2015
Idade : 22
Localização : Curitiba/PR
http://lucascomunicacao.com

Re: De uma Revista P até a Violência - O RECOMEÇO

em 22/6/2015, 13:23
6 dias caras! Ontem comecei a ter sintomas de abstinencia de PMO!!! Senti imensa vontade de me masturbar, mas como sei que minha Masturbação leva a fantasias sexuais, lutei imensamente contra, e venci, consegui desligar o notebook sem acessar P, no momento da vontade, entrei aqui no fórum e comecei a ler algumas conversas, e voces me ajudaram! O fórum me ajudou nos argumentos contra o meu cérebro, e então venci a luta de ontem, hoje temos mais um leão pra vencer! Bora lutar! Dias mais hard estão pra chegar pra mim, mas com ajuda de voces, do fórum, do e-book, sei que vou conseguir! Abraço! Força, foco e fé. Boa segunda pra todos!

_______________________________________
Ver o tópico anteriorVoltar ao TopoVer o tópico seguinte
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum