Compartilhe
Ir em baixo
Moderador
Moderador
Mensagens : 118
Data de inscrição : 24/06/2018
Idade : 45
Ver perfil do usuário

Re: Início de uma nova etapa na minha vida

em 21/9/2018, 07:27
5&4 escreveu:Parabéns, Nino!

Poucos conseguem chegar até aqui, e você conseguiu! Parabéns! Valeu cada não dado ao vício, valeu cada sacrifício feito, valeu tudo realizado em prol de vencer a PMO. 

A luta continua, parceiro! Agora, é seguir em frente - mais firme do que nunca. Um forte abraço.

Obrigado 5&4!!!
Com certeza valeu cada não dado ao vicio e agora é hora de seguir em frente sim, aplicando o aprendizado obtido com o reboot e continuar usufruindo dos beneficios obtidos... E que venham muitos mais!!!
Grande abraço!!!

_______________________________________
Moderador
Moderador
Mensagens : 118
Data de inscrição : 24/06/2018
Idade : 45
Ver perfil do usuário

Re: Início de uma nova etapa na minha vida

em 21/9/2018, 07:50
CTroy escreveu:
Spoiler:

Nino escreveu:Desde que comecei o reboot tenho procurado introduzir atividades de religação no meu dia a dia, tanto porque elas são muito importantes para o reboot quanto porque eu sempre procurei ter uma boa qualidade de vida, sempre percebi que com o corpo mais saudável a mente funciona melhor, mas sempre tem as épocas de descuido devido a correria no trabalho, ou algum problema que acontece, ou alguma outra desculpa qualquer... O que tenho percebido durante o reboot é que as minhas atividades de religação estão sendo ligadas a atividades que pratico sozinho... caminhadas no parque, leitura de livros, passeios em livrarias ou lugares que há tempo não ia, mas o curioso é que todas essas atividades que estou procurando fazer são atividades que faço sozinho, até tenho filtrado mais os eventos sociais e encontros com amigos... agora eu aceito convites apenas se eu achar que vale a pena para o meu bem estar emocional, não tenho mais ido mais a encontro com amigos com tanta frequência nem recebido muitas pessoas em casa também... e isso tem me feito muito bem. Não estou me afastando do contato social por não estar me sentindo bem ou sem vontade de encontrar pessoas, apenas tenho utilizado um filtro de só fazer coisas que vão me fazer bem, as que não vão me acrescentar ou só gerar um desgaste energético desnecessário eu tenho evitado e utilizado esse tempo para as minhas atividades de religação solitárias porém muito prazerosas... Adoro caminhar sozinho no parque ouvindo musica com fone de ouvido e, quando tenho tempo livre, ao final da caminhada tomar uma agua de coco sentindo os efeitos benéficos da caminhada e do contato com a natureza... Tem sido um dos maiores prazeres que eu reinseri na minha vida, eu sempre fui adepto de caminhadas mas com a correria do dia a dia fui diminuindo a frequencia, mas agora sempre que tenho um tempo livre, e o clima permite, saio para caminhar. Outra atividade que tenho feito é buscar musicas para ouvir, eu sempre gostei muito de ouvir musica e quando tinha tempo ficava navegando na internet em busca de musicas novas que eu gostasse, mas com o inicio do reboot eu restringi bastante o uso de internet e acabei parando de navegar em busca de musicas, então assinei o apple music e retomei o habito de buscar musicas, já estou criando um lista de musicas bem interessante no celular... eu aliei as minhas caminhadas com os momentos de ouvir musicas novas e ir adicionando a minha lista as que eu mais gosto... Estou gostando muito dessa nova forma de ouvir musica.
Mais uma coisa nova que estou fazendo é retomar o habito da leitura, nesse periodo sempre que podia passava em alguma livraria em busca de algum livro novo, mas as vezes terminava de ler um livro e ainda não tinha comprado nenhum novo, então assinei o kindle unlimited, que é como se fosse uma biblioteca virtual e tem bastante livros interessantes, inclusive muitos lançamentos disponíveis na assinatura mensal... fiz um teste com um livro que eu havia comprado online e quando o livro chegou em casa eu já tinha lido mais da metade pelo tablet e continuei lendo pelo tablet até terminar (fiquei com um livro novo e sem uso em casa aguardando aparecer alguma ocasião para presentear alguém, rsrs), agora já estou lendo o segundo livro pelo kindle... Esse habito novo me deixou muito feliz por um motivo especial, desde que eu comecei o reboot eu só vinha usando o tablet para entrar no fórum ou facebook (apesar que não dou menor bola para facebook, entro raramente), pois devido a proposta do reboot de parar de ver pornografia eu fiquei sem saber o que ver na internet, afinal quase todos os sites de noticias tem alguma noticia mais picante ou fotos sensuais que podem servir de gatilho, então preferi não arriscar... mas com isso fiquei muito limitado ao ter o que fazer com o tablet, e com a assinatura do apple music e kindle adquiri novos hábitos que além de saudáveis são muito prazerosos, sinto isso como uma atividade de religação muito boa, pois criou uma transformação na minha mente do que fazer nos momentos de descanso e lazer usando a internet, pois passar a vida se controlando para usar a internet por medo de aparecer algum gatilho é muito importante durante o reboot (e fundamental), mas pode ficar meio complicado com o passar do tempo (no pós reboot), afinal ficar lembrando o tempo todo que não pode fazer algo nos faz lembrar do assunto, né... agora com esses novos hábitos para usar internet com o tablet acredito que as lembranças da época que eu via P vão ficar cada vez mais distantes...
Percebi que as minhas atividades de religação estão sendo ficar mais em contato comigo e está sendo muito bom... Além disso estou cada vez mais conectado com o meu marido, ter feito o reboot compartilhando tudo com ele foi e está sendo muito saudável na nossa relação, nós sempre fomos muito próximos mas agora estamos mais ainda... o engraçado é que ele nunca se incomodou de eu ver P, mesmo ele não tendo o habito de ver, eu é que quis buscar um caminho para solucionar a minha ER (que ainda não foi solucionada mas não me importo mais em ficar esperando isso ser solucionado, se for para acontecer vai acontecer naturalmente) e acabei descobrindo o reboot, no começo do meu reboot eu até fiquei incomodado por ele não valorizar tanto o que eu estava fazendo, mas depois entendi que esse processo de me abster de ver P é para mim, isso está proporcionando mais qualidade vida para mim, não é porque isso não chegou a atrapalhar o meu casamento que eu não deveria ter parado de ver P, e sim para mim... Enfim, as melhorias estão acontecendo na minha vida, e isso reflete também no meu relacionamento, mas eu que estou sendo o principal beneficiado.
Essa semana vou completar os 90 dias do processo do reboot, mas eu não consigo enxergar que esses 90 dias finalizaram uma etapa, sinto que ainda é o começo... O que posso dizer é que após esses quase 90 dias fica mais fácil lidar com o processo de parar de ver P, mas a vontade ainda continua, bem mais fraca mas continua... a vontade de praticar PMO não existe mais, e chego a ficar envergonhado quando lembro que eu fazia isso, mas a vontade de ver P continua, obvio que uma vontade de ver coisas leves, tipo nudes ou contos, mas eu sei que isso seria só no começo e depois de um tempo iria me aprofundar mais e acabaria voltando a praticar PMO... então só de imaginar isso me faz ficar longe de qualquer coisa que possa me levar de volta para o lugar que eu estava antes de iniciar o reboot, não quero de maneira nenhuma trocar como eu sou hoje por como eu era antes do reboot.

Parabéns, Nino por ter completado o reboot de 90 dias e por este seu relato.

Só você sabe o quanto foi difícil atingir esta marca e agora faz parte de um grupo seleto de vencedores. Orgulhe-se disso!

Agora, é só caprichar no período pós-reboot, mantendo os bons hábitos e procurando sempre evoluir para que os benefícios já adquiridos se tornem cada vez mais sólidos, assim como para conquistar outros benefícios também.

Sinta-se à vontade para fazer um relato nas Histórias de Sucesso. Será de grande valia para o Fórum e você poderá inspirar outras pessoas a superar o vício em pornografia.

Parabéns, você é um vencedor!

Forte abraço.

Obrigado CTroy!!!
Vocês todos envolvidos nesse projeto do reboot estão de parabéns por ajudarem tantas pessoas e por trazerem a consciencia de um vicio tão escondido porém tão devastador... Pode ter certeza que vocês estão fazendo parte de um momento historico onde a consciencia de um vicio relativamente novo (acredito que depois da internet esse vicio se expandiu de forma gigantesca) precisa de entendimento e ferramentas para o incio de um processo de recuperação de todos que se envolveram com ele.. E obrigado por proporcionarem esse forum que me ajudou no entendimento do vicio e está ajudando tantas pessoas que como eu não tinham consciencia que existia o vicio em pornografia e nem das consequencias devastadoras que ele acarreta... Parabéns a todos envolvidos nesse projeto!!!
Quanto ao relato nas historias de sucesso eu agradeço muito e assim que possivel irei postar sim... como já relatei antes no meu diario eu gosto muito de escrever e contar com detalhes os meus pensamentos, então vou começar a elaborar o meu relato e depois de conclui-lo (e edita-lo várias vezes para não ficar muito longo, rsrs) irei posta-lo.
Quanto a conclusão dos 90 dias iniciais do reboot eu continuo me sentindo no inicio desse processo, mas feliz em ter aprendido tantas informações sobre o vicio em P e forte para continuar em frente com as ferramentas que adquiri dirante o reboot.
Grande abraço!!!

_______________________________________
avatar
Moderador
Moderador
Mensagens : 747
Data de inscrição : 20/09/2015
Ver perfil do usuário

Re: Início de uma nova etapa na minha vida

em 21/9/2018, 11:44
Nino!


Nino, que coisa linda a música, fiquei emocionada por ser lembrada por algo bonito, sabe o que mais me arrepia? Minhas 3 músicas clássicas prediletas são relacionadas com a Lua.

Beethoven - Moonlight;
Claude Debussy - Clair de Lune; e
Chopin - Nocturne 9°

Quando li o nome da música eu fiquei comovida de imediato. Eu agradeço imensamente pelo seu carinho, eu também me sinto grata de te conhecer, você é uma ótima pessoa, eu gosto de gente que tem paixão pela vida e você tem por ela e pelas pessoas.

Agora eu tenho uma proposta:

Que tal você vir nos ajudar na moderação?
Como eu disse em uma publicação, nós precisamos de pessoas de diferentes perfis para ajudar a todos de forma satisfatória, e você acrescentaria muito aqui, falei com os moderadores e eles já estavam de olho em você Wink .

Pensa com carinho na minha proposta. Mas não se sinta obrigado a aceitar, nem mal em rejeitar caso ache que seria demais para você ok?

Beijos e esperamos o seu relato de sucesso.

Moderador
Moderador
Mensagens : 118
Data de inscrição : 24/06/2018
Idade : 45
Ver perfil do usuário

Re: Início de uma nova etapa na minha vida

em 23/9/2018, 09:35
Domi1 escreveu:Nino!


Nino, que coisa linda a música, fiquei emocionada por ser lembrada por algo bonito, sabe o que  mais me arrepia? Minhas 3 músicas clássicas prediletas são relacionadas com a Lua.  

Beethoven - Moonlight;
Claude Debussy - Clair de Lune; e
Chopin - Nocturne 9°

Quando li o nome da música eu fiquei comovida de imediato. Eu agradeço imensamente pelo seu carinho, eu também me sinto grata de te conhecer, você é uma ótima pessoa, eu gosto de gente que tem paixão pela  vida e você tem por ela e pelas pessoas.

Agora eu tenho uma proposta:

Que tal você vir nos ajudar na moderação?
Como eu disse em uma publicação, nós precisamos de pessoas de diferentes perfis para ajudar a todos de forma satisfatória, e você acrescentaria muito aqui, falei com os moderadores e eles já estavam de olho em você  Wink .

Pensa com carinho na minha proposta. Mas não se sinta obrigado a aceitar, nem mal em rejeitar caso ache que seria demais para você ok?

Beijos e esperamos o seu relato de sucesso.


Oi Domi!!!
Que legal que você gostou da musica, fiquei feliz. Eu ouvia bastante musica classica quando era criança por causa da minha mãe que sempre gostou de musica classica... com o passar do tempo fui parando de ouvir, mas com a sua mensagem fiquei curioso de saber como seria ouvir novamente, vou colocar na minha lista...
Quanto ao convite para fazer parte da moderação do forum fiquei lisonjeado, mas confesso que tomei um susto, não sei se estou preparado para isso, rsrs... Mas fiquei muito honrado com o convite e aceito sim, o que eu puder fazer para ajudar a todos como fui ajudado aqui no forum eu vou fazer... Quando puder me passe as informações de como funciona por e-mail que vou estudar e se me sentir apto para fazer isso vou fazer com muita satisfação.
Grande beijo!!!

_______________________________________
avatar
Moderador
Moderador
Mensagens : 747
Data de inscrição : 20/09/2015
Ver perfil do usuário

Re: Início de uma nova etapa na minha vida

em 24/9/2018, 13:43
Olá Nino,

Que honra digo eu por você ter aceito.
Agora é só ler mais vezes o e-book para ficar com os conceitos mais internalizados e ser solícito quanto as dúvidas e aflições das pessoas. Tudo no seu ritmo e sem pressão afinal é um trabalho voluntário.

Logo mais mudaremos a sua permissão aqui.

beijos.
avatar
Moderador
Moderador
Mensagens : 747
Data de inscrição : 20/09/2015
Ver perfil do usuário

Re: Início de uma nova etapa na minha vida

em 24/9/2018, 22:01
Olá Nino,

Agora sim, oficialmente um Guardião do Fórum.
Assim que ler essa mensagem entre na aba Assuntos Diversos da Moderação, na Ala da moderação para receber as orientações pertinentes e você se apresentar para os demais moderadores que atuam aqui.

Será uma boa oportunidade para você ver como cada um de nós somos diferentes e que o seu jeito de escrever muito é uma característica que faltava entre nós.

Beijinhos
Moderador
Moderador
Mensagens : 118
Data de inscrição : 24/06/2018
Idade : 45
Ver perfil do usuário

Re: Início de uma nova etapa na minha vida

em 25/9/2018, 09:47
Olá Domi!!!
Já fiz a minha apresentação aos demais moderadores do forum e em breve começarei atuar como moderador aqui na categoria homossexuais, vou ler novamente o ebook para fortalecer o meu conhecimento e espero poder a ajudar a todos aqui no fórum.
Beijos!!!

_______________________________________
avatar
Moderador
Moderador
Mensagens : 1811
Data de inscrição : 10/12/2015
Ver perfil do usuário

Re: Início de uma nova etapa na minha vida

em 28/9/2018, 12:19
Olá!

Parabéns por ter completado um reboot tão rápido e por estar mandando tão bem! Depois terei que separar um tempinho para ler seu diário todo, certamente tem conhecimentos valiosos aqui, porque posso te dizer que é muito difícil conseguir emendar um reboot tão consistente em tão pouco tempo, certamente você é um cara diferenciado.

Parabéns também pela indicação para moderador, se você se mantiver ativo, será uma valiosa ajuda para todos.

Abraços!

_______________________________________


Meu diário I > http://www.comoparar.com/t2081-virando-homem
Meu diário II > http://www.comoparar.com/t5904-virando-homem (continuação)
Moderador
Moderador
Mensagens : 118
Data de inscrição : 24/06/2018
Idade : 45
Ver perfil do usuário

Re: Início de uma nova etapa na minha vida

em 29/9/2018, 14:04
Broda escreveu:
Olá!

Parabéns por ter completado um reboot tão rápido e por estar mandando tão bem! Depois terei que separar um tempinho para ler seu diário todo, certamente tem conhecimentos valiosos aqui, porque posso te dizer que é muito difícil conseguir emendar um reboot tão consistente em tão pouco tempo, certamente você é um cara diferenciado.

Parabéns também pela indicação para moderador, se você se mantiver ativo, será uma valiosa ajuda para todos.

Abraços!

Obrigado Broda!!!
É muito bom receber uma mensagem como a sua, da muita satisfação de estar fazendo parte desse projeto tão importante que é o reboot... Eu já li um pouco o seu diario e vi que vc é uma pessoa muito positiva e tem muita força de vontade, logo vc vai completar o seu reboot e tb espero que vc continue participando do forum, acho muito importante continuarmos após o reboot para nos mantermos fortes e tb ajudarmos os demais colegas aqui do forum... Depois vou ler mais do seu diario.
Quanto a ter completado reboot em pouco tempo eu acho que é porque passei muito tempo querendo melhorar vários aspectos da minha vida, e eu nem sabia que era viciado em P, só descobri quando conheci esse fórum, eu comecei buscando curar a minha ER mas com passar do tempo e tendo mais entendimento de tudo o que envolve o reboot eu deixei essa meta de curar a minha ER em paralelo e foquei em todos os beneficios que seguir o reboot proporciona em todos os setores da vida... Eu ainda não curei a minha ER, mas já tive muitas melhoras, porém nos outros setores da minha vida as mudanças estão sendo gigantescas, estou muito satisfeito com todos as melhoras que estão acontecendo.
Quando puder da uma lida no meu diario, vai demorar um pouco porque eu tenho o habito de escrever bastante, rsrs... Eu estou preparando o meu relato para as historias de sucesso, assim que conclui-lo vou publicar, mas vou publicar um ultimo relato aqui no meu diario relacionado as analises que venho fazendo de varios setores na minha vida e de como estão sendo influenciados pelo reboot, eu quero publica-lo mesmo após ter concluido os 90 dias iniciais do reboot porque essas analises que eu fiz me ajudam a entender de uma forma geral como o vicio em P influenciou a minha vida e tb como estão sendo as mudanças na minha vida com o reboot, no meu caso eu tive necessidade de ampliar as influencias do vicio em P para todos os setores da minha vida e não só o lado sexual, eu sinto que as emoções de todos os setores estão misturadas e a forma que encontrei de concluir o reboot foi entrando em contato com todas elas... O que combina com a parte da religação do reboot... Vou concluir esse proximo relato para publicar no meu diario e em seguida vou me concentrar no relato para as historias de sucesso, o dificil vai ser eu conseguir fazer um relato que não seja muito longo, rsrs... Mas vou conseguir.
Vou seguir firme e forte aqui no forum como moderador, vai ser uma experiencia muito positiva para mim e espero ajudar os colegas... E vou acompanhar o seu diario.
Grande abraço!!!

Obs. Muito legal o seu avatar do Barney, até hoje não consegui escolher um avatar para mim...

_______________________________________
Moderador
Moderador
Mensagens : 118
Data de inscrição : 24/06/2018
Idade : 45
Ver perfil do usuário

Sobre o Lado Profissional.

em 30/9/2018, 11:24
Bem, esse é um tema que deixei para publicar por ultimo aqui no meu diário porque é a pedra no meu sapato... eu amo a minha profissão, mas não gosto nem um pouco da forma que conduzi (ou melhor, foi conduzido) o meu lado profissional... Vou explicar porque estou dizendo isso...
Eu sou arquiteto e trabalho criando projetos e executando obras... desde os meus 12 anos eu já sabia que queria ser arquiteto mas não contei a minha família e guardei esse desejo comigo (meu pai queria que eu fizesse medicina porque é uma profissão em que não iria faltar trabalho no futuro), então guardei comigo o desejo pela arquitetura até os 16 anos quando chegou o momento das inscrições dos vestibulares... Apesar do meu pai não achar uma boa escolha ele permitiu que eu a seguisse e aos 17 anos iniciei a faculdade de arquitetura. O meu pai nunca valorizou a minha profissão mas proporcionou a minha formação com tudo que foi necessário (faculdade, moradia, alimentação, etc)... dessa forma pude me concentrar em estágios para complementar o aprendizado durante a minha formação, sem me preocupar em trabalhar para bancar os meus estudos.
Desde que me formei sempre trabalhei como arquiteto autônomo, mas o motivo de ter optado em ser autônomo foi por não ver possibilidades de emprego onde pudesse exercer a minha paixão que é fazer projetos, não foi por uma escolha de não ter um emprego fixo... nesse momento de recém formado comecei a perceber que o meu pai tinha razão, a profissão que eu escolhi realmente não tinha um bom mercado de trabalho, mas mesmo assim não me imaginava exercendo outra profissão. Nos primeiros anos de formado fui exercendo o meu trabalho aos trancos e barrancos por não saber a forma certa de exerce-lo, mesmo fazendo estágios durante a faculdade eu não não sabia como cuidar do lado comercial do meu trabalho, acabava sempre explorado e exausto no final de cada trabalho, o que me impulsionava a trabalhar era a paixão em criar projetos, mas na pratica eu acabava acompanhando obras sem receber por isso..sempre com a desculpa dos clientes em fazer alguma alteração no projeto durante a obra e eu por não saber que deveria cobrar por isso acabava acompanhando a obra inteira sem remuneração. Até que chegou um momento em que eu decidi trabalhar executando as obras dos meus projetos, assim seria uma forma de eu ser remunerado por um trabalho que eu já vinha desenvolvendo parcialmente nos meus projetos anteriores (e sem remuneração)... mas a realidade foi outra, acabei ficando sobrecarregado com a função de executar obras e desenvolver projetos simultaneamente (quem já fez uma construção nova ou uma reforma sabe o quanto é estressante), eu sempre quis agradar a todos, os clientes e os prestadores de serviço, então eu ficava no meio deles absorvendo todos os problemas e resolvendo tudo para não desagradar ninguém, inclusive os prejuízos financeiros quando alguma coisa dava errado eu assumia... no final de cada obra eu ficava com uma estafa tão grande que as vezes ficava meses sem conseguir trabalhar por total falta de energia. Enfim, a possibilidade de bons ganhos financeiros executando obras não se aplicava muito bem para mim, pois além de muitas vezes absorver os prejuízos de problemas que sempre acontecem em obras (que nem eram problemas meus, mas eu me sentia culpado e pegava os problemas para mim) também tinha o fato de não conseguir captar novos projetos quando estava com alguma obra em andamento, pois a minha energia toda estava voltada para executar a obra da melhor forma possível (para todos, menos para mim) e não sobrava energia para captar novos projetos. Cheguei num ponto de parar de trabalhar com obras por períodos de 1 ano umas 3 vezes, mas acabava sempre voltando pela necessidade financeira... Eu sempre que voltava a trabalhar executando obras me esforçava para fazer tudo diferente e não passar mais pelas situações abusivas que eu já tinha passado, onde clientes queriam a minha atenção full time, não importando se era domingo, feriado ou tarde da noite... mas no decorrer da obra voltava tudo do mesmo jeito de antes e no final de novo a estafa. Tinha momentos de tanto stress que eu chegava fantasiar que poderia ter uma doença grave para ficar internado e assim poder interromper aquele trabalho abusivo sem ter culpa... olha a que ponto eu puder chegar, preferir ter uma doença grave do que continuar trabalhando executando obras... Mas eu sei que a responsabilidade sobre os abusos emocionais que tive com esses trabalhos sempre foi minha por não saber me impor e colocar limites, então tantos os clientes quantos os prestadores de serviço se ajustavam a minha forma de trazer as responsabilidades dos outros para mim, afinal se eu estava permitindo porque eles iriam se opor a essa comodidade... Lógico que tive alguns alguns clientes que eram muito justos e não se aproveitavam disso, mas eram excessões.
Bem, eu relatei como foi a minha trajetória na maior parte da minha vida profissional para mostrar que demorei muito para entender a minha forma de ser e consequentemente a minha forma de trabalhar... Já faz alguns anos que venho martelando na mesma tecla de que quero só trabalhar com projetos e não mais executar obras, e sempre acabo aceitando executar alguma obra por necessidade financeira devido a não ter muitos projetos. Mas agora estou conseguindo mudar a minha forma de pensar e revisando qual a forma que eu quero trabalhar, sinto que estou bem próximo de atingir a mudança que eu sempre quis, que é trabalhar criando projetos e, se o cliente quiser contratar, o meu acompanhamento de obra, não vou ser mais a pessoa que executa a obra, e sim o arquiteto que vai acompanhar a obra para verificar se tudo está sendo executado da forma correta, e quando não estiver correto apresentar soluções para a sua solução, esse é o trabalho que me sinto apto e quero desenvolver. Não vou atuar mais executando obras e assumindo a responsabilidade por todos os profissionais envolvidos na obra, para isso existe construtoras com equipes grandes e estruturadas que cobram muito bem por esse trabalho.
Bem, depois dessa gigantesca introdução eu vou explicar porque estou contando tudo isso no meu diário... para dizer que esse conflito profissional sempre aconteceu na minha vida e foi responsável pelo inicio (ou agravamento) do meu vicio em pornografia, pois diante de tanta pressão no meu lado profissional, e sem saber o que fazer para resolver isso, a pratica da PMO entrou como uma forma de alivio na minha vida, lógico que um alivio momentâneo que todos nós já conhecemos, mas devido a falta de informação do mal que a pornografia faz eu fui desenvolvendo o vicio sem perceber, utilizando sempre para suprir a angustia de algum problema que estava passando... então imagina o tanto de angustia numa pessoa frustrada com a profissão que escolheu e ama. Sei que a maioria desenvolveu o vicio em P no inicio da vida sexual (puberdade), mas por eu ser mais velho que a maioria aqui do fórum fui desenvolver o vicio mais tarde... quando a internet começou no Brasil eu já era formado e já estava lidando com os conflitos profissionais que descrevi, então o início do meu vicio foi marcado também pelos conflitos sexuais (a dificuldade de me aceitar gay) mas principalmente pelas angustias profissionais que eu passei, afinal a profissão é um dos principais pilares da nossa estrutura emocional, e quando ela não está bem acabamos procurando alivio em algo (e aí depende do que cada um vai ter ao seu alcance para buscar alivio), e temos a chance de nos viciar... Eu por exemplo comecei a procurar pornografia para buscar mais conhecimento da minha sexualidade (ok, escolha bem burra mas eu não sabia na época), mas não tinha o habito da PMO nesse momento, eu estava querendo entender se eu sentia atração por homens ou por mulheres, e mesmo assim eu via muito pouco, eu estava utilizando a internet para conhecer pessoas, e através do anonimato ter a segurança para ir com calma até sentir o momento que eu estivesse apto para conhecer alguém pessoalmente, mas com a disponibilidade da pornografia ali a qualquer momento eu fui aos poucos conhecendo a PMO... foi acontecendo aos poucos sem eu perceber, mas no meu caso sinto que o catalisador para o vicio se desenvolver foram as angustias que eu sentia no meu lado profissional.
Hoje eu estou me sentindo muito diferente e num processo de transformação, e isso está sendo em grande parte pela clareza na minha mente que o reboot está proporcionando... eu sinto que eu batalhei bastante para me tornar uma pessoa melhor durante a minha vida, mas no momento que eu conheci o reboot eu tive a oportunidade de colocar em pratica tudo que sempre tentei mas não conseguia. Estou preparando a minha historia de sucesso para publicar aqui no fórum e nela pretendo relatar como foi o meu processo durante o reboot, de acordo com o que já venho publicando aqui no meu diario.

_______________________________________
avatar
Moderador
Moderador
Mensagens : 747
Data de inscrição : 20/09/2015
Ver perfil do usuário

Re: Início de uma nova etapa na minha vida

em 30/9/2018, 13:28
Oi Nino,
Realmente o trabalho é complicado para a maioria das pessoas, na engenharia de controle que é a minha área de formação e infelizmente, quase ninguém trabalha na área, nós não somos de fato preparados para o mercado, pouco sabemos como gerenciar as nossas contras ou até mesmo como fazer um currículo, é frustrante. A engenharia como um todo enfrenta esse cenário e hoje os engenheiros estão se formando para trabalhar no banco.
Porém eu nunca gostei de engenharia e fiz porque eu já não aguentava o vestibular, eu fiz uma escolha errada na vida, eu deveria ter sido mais Nino naquele momento, hoje eu resolvi largar tudo para fazer novamente o vestibular, fazer o que ama é viver no risco.
Durante o reboot meu parceiro ficou desempregado e foi trabalhar com os amigos em uma empresa que eles criaram, ter seu próprio negócio é frustrante, o retorno é muito demorado, direto estamos contando as moedas no final do mês, mas eu nunca pediria para ele ir para um emprego mais "seguro", seria ótimo para mim ter um homem com melhores condições financeiras, mas construir essa empresa o transformou em uma pessoa muito melhor e mais motivada, o dinheiro ainda é problema, mas fazer o que gosta é de fato a única opção para ser bem sucedido, pois o sucesso tem haver com realização e não só com cifras.
Mas não sejamos hipócritas, dinheiro é muito importante, mas precisamos ter estratégias hoje para nos destacar.
Não sei quais foram as suas estratégias até o momento, mas com certeza agora com a cabeça mais limpa e por você estar mais motivado terá melhores idéias.
Você tem portfólio, site, e até mesmo alguns vídeos falando sobre seus projetos? Eu percebi que os arquitetos hoje tem partido para esse apelo. Como eu disse, não sei nada da sua vida profissional e nem precisa responder as minhas perguntas, eu quero é te estingar a se reinventar, a ver o que de fato o mercado está buscando e a você mesmo valorizar o seu trabalho, criar o seu conceito de sucesso e para isso você precisa ser notado.
Guarde dinheiro e contrate um fotógrafo, ligue para seus antigos clientes e tire fotos dos projetos, faça um site com relatos, curiosidades que isso passa mais segurança também.
Infelizmente só fazer um bom trabalho não é mais suficiente, mas eu tenho certeza que agora você está mais perto de enfrentar esse problema de forma mais eficiente.

Toda força do mundo NINO!!!
Moderador
Moderador
Mensagens : 118
Data de inscrição : 24/06/2018
Idade : 45
Ver perfil do usuário

Re: Início de uma nova etapa na minha vida

em 4/10/2018, 06:09
Domi1 escreveu:Oi Nino,
Realmente o trabalho é complicado para a maioria das pessoas, na engenharia de controle que é a minha área de formação e infelizmente, quase ninguém trabalha na área, nós não somos de fato preparados para o mercado, pouco sabemos como gerenciar as nossas contras ou até mesmo como fazer um currículo, é frustrante. A engenharia como um todo enfrenta esse cenário e hoje os engenheiros estão se formando para trabalhar no banco.
Porém eu nunca gostei de engenharia e fiz porque eu já não aguentava o vestibular, eu fiz uma escolha errada na vida, eu deveria ter sido mais Nino naquele momento, hoje eu resolvi largar tudo para fazer novamente o vestibular, fazer o que ama é viver no risco.
Durante o reboot meu parceiro ficou desempregado e foi trabalhar com os amigos em uma empresa que eles criaram, ter seu próprio negócio é frustrante, o retorno é muito demorado, direto estamos contando as moedas no final do mês, mas eu nunca pediria para ele ir para um emprego mais "seguro", seria ótimo para mim ter um homem com melhores condições financeiras, mas construir essa empresa o transformou em uma pessoa muito melhor e mais motivada, o dinheiro ainda é problema, mas fazer o que gosta é de fato a única opção para ser bem sucedido, pois o sucesso tem haver com realização e não só com cifras.
Mas não sejamos hipócritas, dinheiro é muito importante, mas precisamos ter estratégias hoje para nos destacar.
Não sei quais foram as suas estratégias até o momento, mas com certeza agora com a cabeça mais limpa e por você estar mais motivado terá melhores idéias.
Você tem portfólio, site, e até mesmo alguns vídeos falando sobre seus projetos? Eu percebi que os arquitetos hoje tem partido para esse apelo. Como eu disse, não sei nada da sua vida profissional e nem precisa responder as minhas perguntas, eu quero é te estingar a se reinventar, a ver o que de fato o mercado está buscando e a você mesmo valorizar o seu trabalho, criar o seu conceito de sucesso e para isso você precisa ser notado.
Guarde dinheiro e contrate um fotógrafo, ligue para seus antigos clientes e tire fotos dos projetos, faça um site com relatos, curiosidades que isso passa mais segurança também.
Infelizmente só fazer um bom trabalho não é mais suficiente, mas eu tenho certeza que agora você está mais perto de enfrentar esse problema de forma mais eficiente.

Toda força do mundo NINO!!!

Olá Domi!!!
Em primeiro lugar obrigado pelas dicas, gostei muito e me instigou a planejar novas estrategias de divulgação do meu trabalho, inclusive depois de ler esse seu comentario comprei um ebook no Amazon chamado "Mostre seu Trabalho!", eu nunca fui muito aberto a livros de auto ajuda ou que prometem formulas milagrosas, mas como esse ebook tava baratinho, e o tema é mostrar o trabalho (e não alguma formula milagrosa para ganhar dinheiro, rsrs) resolvi arriscar. Esse é um tema que preciso melhorar, eu nunca fiz uma boa divulgação do meu trabalho, o que sempre contou ao meu favor na hora de fechar os trabalhos foi o contato pessoal, onde me desenvolvo bem ao explicar sobre o meu trabalho e mostro paixão no que faço, mas a minha divulgação para novos clientes é muito fraca, todos os trabalhos que eu fecho são de indicações de antigos clientes, não uso nenhuma outra forma de captação... Sempre pensei muito sobre isso mas nunca coloquei em pratica, tenho um site com alguns trabalhos (que só divulgo como portifolio quando alguém solicita um orçamento) mas deixei de registrar muitos trabalhos interessantes porque sempre fui muito perfeccionista e deixei para fazer uma produção de fotos posteriormente mas não fiz devido a correria imposta pela execução de obras e falta de estimulo pelos conflitos de não trabalhar da forma que eu gostaria... sabe quando vc se ve numa situação que não está contente mas não pode sair dela devido a necessidade financeira, e com isso acaba repetindo sempre a mesma forma de agir e tendo as mesmas frustrações? Então, essa é uma situação que eu sempre passei na minha vida e que agora com as transformações que estão acontecendo com o reboot estou me sentindo impulsionado a mudar...
Quanto a fazer um novo vestibular da para ver que você está construindo um novo caminho e não se acomodou numa situação que não te fazia feliz, por mais que seja dificil (pelo lado financeiro, tempo de dedicação a nova profissão, etc) esse é o caminho que eu acredito ser o certo para sermos felizes e realizados, eu sempre percebi que alguma coisa estava errada na forma que eu conduzi o meu trabalho mas demorei muito tempo para chegar nesse ponto que estou hoje em que entendi que eu tenho que fazer as mudanças necessárias para mudar o meu trabalho e me sentir realizado... Você já está fazendo isso (bem mais cedo do que eu, rsrs) e vai colher os frutos desse esforço e dedicação. E achei muito legal que vc e o seu parceiro pensam de forma parecida e se apoiam, acho que isso é fundamental num relacionamento e nos da força para seguir em frente, montar um negocio proprio é realmente frustrante porque é muita dedicação e pouco retorno no começo (e as vezes esse começo é muito demoradao), sei disso porque o meu marido trabalhava em uma empresa grande mas não estava contente e quis mudar de profissão, eu o estimulei a buscar cursos nessa nova área e o ajudei a montar o negocio dele, nesse tempo com a nova profissão já fizemos varias mudanças no formato de trabalho dele e aos poucos as coisas estão melhorando, mas é lento esse percurso...me estimula conhecer pessoas com a sua garra e determinação, e desenvolvi muito carinho por você nesse periodo que nos conhecemos aqui no forum... Torço que vc e o seu parceiro conquistem todos os seus objetivos, e se eu puder ajudar como vc tem me ajudado conte comigo.
Grande beijo!!!

_______________________________________
avatar
Moderador
Moderador
Mensagens : 747
Data de inscrição : 20/09/2015
Ver perfil do usuário

Re: Início de uma nova etapa na minha vida

em 4/10/2018, 13:29
Nino,

Eu também tenho muito carinho por você. E me sinto feliz que eu tenha te ajudado de algum forma.
Nós sempre temos que ficar de olho no que os outros estão fazendo de diferente para ficarmos atualizados, faça pesquisas de nomes de arquitetos e veja os sites deles, o que tem de novo.
Tem uma moça no youtube que ela filma os lugares que ela reformou, e também eu percebi que muitos arquitetos tem feito sites com conteúdo, mostrando perfis de lugares para determinados tipos de pessoas, acho que isso pode ser feito por você. Ou ainda filtrar um público de acordo com o seu estilo.
Eu estou falando isso porque eu AMO coisas de casa, e vivo vendo e sonhando com casas novas. Então eu leio muito sobre novas formas de construção, leio sites e revistas inclusive do Cau, assisto canais canais sobre arquitetura voltados para compradores, além de entrar em sites de corretoras para ver os novos empreendimentos (sim, eu tenho um passa tempo estranho).
Meu sogro trabalhou com o Rui Ohtake, então na casa dele tem vários projetos legais, inclusive o do parque linear Tietê , que era um projeto lindo que não foi para frente T.T
Enfim, veja o que está dando certo para os outros para conseguir traçar um perfil para você, a tecnologia engole quem se apaga, e eu tenho certeza que você faz um ótimo trabalho, afinal conseguir projeto por indicação é sempre um desafio e esse você já superou.

Emano as melhores energia para você nessa nova fase da sua carreira.
Beijos querido, seu sentimento por mim é recíproco.

Moderador
Moderador
Mensagens : 118
Data de inscrição : 24/06/2018
Idade : 45
Ver perfil do usuário

Sobre conflitos emocionais.

em 8/10/2018, 10:05
Vou falar um pouco sobre um tema que eu tenho pensado nos últimos dias... Passei por conflitos emocionais esse final de semana, na sexta tive um desentendimento com a minha irmã que gerou repercussão com a minha mãe, tive que ligar no sábado para a minha mãe para explicar o meu ponto de vista... a minha mãe é uma fofa e me tranquilizou, mas essa situação que foi criada por eu ter explanado o meu pensamento me deixou triste, (coisa que eu não fazia com frequência antes do reboot, eu não tinha coragem para emitir a minha opinião se soubesse que alguém poderia discordar)... Pra piorar tive um desentendimento com o meu marido por causa de divergências políticas, o que serviu para piorar a minha tristeza, mas eu e o meu marido resolvemos rapidamente essas divergências e ficamos bem... O que quero relatar aqui é ontem pensei muito em P, não tive nenhuma recaída mas fiquei intrigado com o fato de ter sentido vontade de ver P porque estava triste, não teve nenhuma conexão sexual o meu desejo em ver P, e sim para tentar diminuir a minha tristeza, achei bem complicado lidar com isso e usei todas as minhas estratégias para mudar os meus pensamentos... Deu certo, não aconteceu nada mas fiquei com muita raiva de me sentir fraco para ficar com esses pensamentos na cabeça, afinal eu já conquistei tanta força depois que parei de ver P e mesmo assim me vi numa situação de risco, foi muito complicado ter que lidar com isso e voltar a minha cabeça pro eixo, mas estou conseguindo...
Enfim, mais um aprendizado, o vicio em P não funciona para mim só para suprir alguma lacuna no lado sexual, ele funciona para me sentir momentaneamente anestesiado com alguma tristeza que eu esteja sentindo... mas com essa consciência que eu tive tenho elementos para reforçar a minha mente e continuar em frente com reboot e continuar me sentindo feliz e realizado com essa conquista... Eu perdi as eleições mas ganhei consciência que não vai existir um mundo ideal que eu não tenha que lidar com conflitos emocionais e sim existe uma força dentro de mim de buscar o que é melhor para mim, e definitivamente o melhor para mim é continuar sem ver P. Agora tenho certeza que ganhei mais alguns músculos emocionais nessa decisão de não ver P.
Ta complicado ainda lidar com esses sentimentos, mas hoje eu tenho certeza que vou conseguir entrar no eixo e não ficar mais com essa tristeza... Já estou pensando a longo prazo em coisas positivas e daqui a pouco as coisas se normalizam.

_______________________________________
avatar
Moderador
Moderador
Mensagens : 747
Data de inscrição : 20/09/2015
Ver perfil do usuário

Re: Início de uma nova etapa na minha vida

em 8/10/2018, 14:03
Olá Nino,

Há horas que precisamos ser resilientes e entender que há vezes que existe dois lados, principalmente quando envolve política e religião.
Porque eu digo isso?
Nesses dois casos envolve muitas vezes os medos, as inseguranças e as necessidades de cada um. Que vão muito além as vezes das convicções morais.

Vamos dar um exemplo da competição Haddad x Bolsonaro
As pessoas que defendem um ou outro defendem de acordo com o que elas acham que será melhor para sí, e não porque querem uma Venezuela ou que as minorias sejam massacradas.
Pelo o que eu percebi quem vota no Haddad é porque tem medo de que as boas conquistas obtidas até agora acabem e que a desigualdade social cresça mais ainda e quem vota no Bolsonaro se vê com medo ante a criminalidade que vem crescendo, são pessoas que se veem reféns em seu próprio país. Todas essa gente está pensando no melhor para todos, da forma dela, certo ou errado é o nosso bichinho interior assustado gritando por melhorias. Claro que há gente ruim, mas a maioria só está com medo.
Claro que temos que ser firmes com nossas convicções, mas nós precisamos tentar ver pelo lado do outro até mesmo para argumentar.
Eu tento usar isso sempre para me manter estável emocionalmente (eu já tive uma depressão profunda e por isso devo sempre ter muita atenção no meu estado mental), e para mim só funciona quando eu consigo compreender o próximo, mesmo que as idéias dele sejam opostas a minha.
Claro que eu nunca vou concordar ou defender absurdos, mas principalmente com política e religião é preciso ter um pouco mais de flexibilidade.


Volte a falar com seus entes queridos, entenda o lado deles, mas isso não significa que deva abrir mão do seu. blz?
No próximo comentário falarei sobre a P
avatar
Moderador
Moderador
Mensagens : 747
Data de inscrição : 20/09/2015
Ver perfil do usuário

Re: Início de uma nova etapa na minha vida

em 8/10/2018, 14:13
Agora sim, vamos falar sobre a P

Os vícios se relacionam com as emoções, quem é viciado em beber não bebe porque é uma pessoa frustrada por não ser sommelier, o álcool entra como um tapa buraco emocional, seja no começo para a pessoa esquecer a timidez ou o julgamento sobre o que ele acha de sí, seja para afogar as mágoas, ele está lá como um facilitador na hora de enfrentar a própria barreira emocional.
A PMO também está nesse tipo de saída, porque ele traz um relaxamento muscular e uma sensação de recompensa instantânea, você no final da sessão está anestesiado daquela sensação anterior, e vai fazendo isso até ter substituído a situação de contrariedade por de recompensa.
Eu já havia te dito que se usa a PMO como válvula de escape e agora você realmente tomou consciência disso.
Ninguém levará uma vida saudável se não enfrentar de fato os problemas, pois é assim que evoluímos e aprendemos o que serve e o que não serva para nós neh?

Sempre que você tiver um momento de onde a estabilidade emocional desaparecer, lembre que isso também significa que há toda a sua parte hormonal sendo alterada também, o corpo sabe disso e atua em resposta, você o ensinou por anos que a resposta é P, agora vai ter que trabalhar nesses eventuais momentos que a resposta é olhar para dentro e arrumar soluções reais.

Beijinhos Nino Lindo.
Parabéns por ter se segurado
Moderador
Moderador
Mensagens : 118
Data de inscrição : 24/06/2018
Idade : 45
Ver perfil do usuário

Re: Início de uma nova etapa na minha vida

em 14/10/2018, 10:05
Olá Domi!!!
Faz dias que estou para responder as suas mensagens (que sempre me ajudam muito) mas essa semana foi corrida por causa do feriado... Está tudo bem comigo e os meus familiares, eu achei que iria ficar algum resquicio por causa dos meus desentendimentos da semana passada mas não ficou, está tudo bem com a minha irmã e minha mãe... Com o meu marido nem preciso falar, ele é muito especial e não se deixa abalar com nenhum tipo de desentendimento, eu tirei a sorte grande ao me casar com ele, rsrs... Quanto as eleições eu preferi me abster de acompanhar, não me identifico com nenhum dos dois que continuaram na disputa então estou evitando qualquer contato com esse assunto, até parei de entrar no facebook, tenho ficado espantado com o baixo nivel dos comentariaos das pessoas quando querem defender o seu candidato, então como não tenho candidato tenho passado a parte desse assunto... Vida que segue.
Quanto a P eu tenho pensado muito no assunto e me sinto tentado a ver "inocentes" nudes, mas a minha teimosia é maior do que a tentação, rsrs... Sinto que estou numa etapa nova que a minha mente está encontrando alguma brecha para me fazer pensar que ver só um pouco de P não significa nada, afinal eu já estou tão bem com o meu reboot completado, mas eu não acredito nesse raciocínio e me apego ao meu objetivo de quando iniciei o reboot e sigo em frente...
Eu quis contar aqui essas coisas que estou passando para mostrar que na hora que completamos o reboot temos que continuar vigilantes porque essas tentações não vão sumir, só vão ser enfraquecidas, e lembrar de todos os beneficios que ganhamos com o reboot é o que da força para continuarmos... Acredito que passando a ansiedade de coisas novas que estão acontecendo essa vontade de ver P vai ficar irrelevante.
Novidades boas:
Vou fazer o projeto de uma casa de praia que a cliente me deu toda a liberdade criativa para criar, vou poder escolher se a casa deve ser com estrutura metalica (estou pesquisando o aço corten como opção pela maresia) ou concreto ou o que eu achar melhor... É o sonho de todo arquiteto ter um projeto desse, vou começar a documentar o processo de criação desde o inicio para iniciar a minha nova estrategia de divulgação de trabalho (as suas dicas me ajudaram bastante), só vou esperar passar as eleições para voltar a utilizar as rdes sociais e começar a divulgar esse meu novo foco de trabalho, projetos.
Fiz o projeto de uma casa nova para mim e o meu marido, ainda não comprarmos o terreno e nem temos dinheiro para isso, rsrs... mas tudo na minha vida começa com um projeto e depois as coisas vão acontecendo e eu consigo concretizar, estou muito animado com essa nova meta para as nossas vidas, eu adoro a minha casa, mas no futuro ela vai ser um fonte de renda para a gente, então nada melhor do que eu planejar uma casa nova...
É isso, a minha ansiedade está um pouco alta, mas tenho certeza que vou conseguir ir abaixando aos poucos... E melhor ainda, vou continuar vitorioso no meu reboot.
De novo vou falar de uma musica que está tocando enquanto escrevo essa mensagem, quando puder procura para ouvir... É da Lady Gaga com o Bradley Cooper, de um filme que lançou essa semana, não sei o nome da musica mas é a musica principal do filme, tem outras musicas deles porque o filme é um musical, mas essa principal é muito bonita.
Beijos!!!

_______________________________________
avatar
Moderador
Moderador
Mensagens : 747
Data de inscrição : 20/09/2015
Ver perfil do usuário

Re: Início de uma nova etapa na minha vida

em 16/10/2018, 16:53
Sempre acompanhado de boas músicas, fiquei escutando o dia ela e me deixou meio reflexiva o que é ótimo!

Eu fiquei muito feliz que esteja planejando uma nova casa para você e que surgiu esse novo projeto, uma casa na praia em que você pode se expressar nela é incrível, temos que aproveitar esses deleites da profissão.
As vezes só uma mudança de postura e pensamento desencadeia grandes transformações, você agora deve entender a diferença entre estar empolgado e ansioso, assim suas emoções ficarão mais claras e mais fáceis de serem controladas, pois é ruim quando elas vem de forma desordenada.
Eu sou uma pessoa muito ansiosa, e ainda não consigo separar a ansiedade de medo ou euforia, porém comparado a um ano atrás eu sou outra, minhas mãos pararam de suar quando conheço uma pessoa diferente.
Quando eu era criança eu era muito tímida e aprendi no teatro que a timidez tem haver com o medo que temos de nós mesmos, de confirmarem aquilo que desconfiamos ser. A ansiedade é mais complexa, porém também tem haver com medo você deve separar esse medo da parte boa que é a empolgação, aquele gás que ganhamos sempre que estamos nesse estado de consciência.

Nino, o final do reboot é sempre complicado pois querendo ou não da uma sensação de dever cumprido e aí acabamos relaxando, você não tem mais o corpo sujo, agora é só você e a sua cabeça, seu corpo nesse momento está se reequilibrando e ordenando as coisas com o que ele tem, sem se utilizar das reservas que a pornografia tinha fornecido para ele.
Cuidado com os nudes, clipes e redes sociais, tudo deve ser usado de forma adequada, e no seu caso o nudes não deve ser uma opção. OK?

Obrigada por compartilhar seus bons momentos aqui. Estou muito feliz por você querido.
Beijinhos
Moderador
Moderador
Mensagens : 118
Data de inscrição : 24/06/2018
Idade : 45
Ver perfil do usuário

Re: Início de uma nova etapa na minha vida

em 6/11/2018, 08:03
Domi1 escreveu:Sempre acompanhado de boas músicas, fiquei escutando o dia ela e me deixou meio reflexiva o que é ótimo!

Eu fiquei muito feliz que esteja planejando uma nova casa para você e que surgiu esse novo projeto, uma casa na praia em que você pode se expressar nela é incrível, temos que aproveitar esses deleites da profissão.
As vezes só uma mudança de postura e pensamento desencadeia grandes transformações, você agora deve entender a diferença entre estar empolgado e ansioso, assim suas emoções ficarão mais claras e mais fáceis de serem controladas, pois é ruim quando elas vem de forma desordenada.
Eu sou uma pessoa muito ansiosa, e ainda não consigo separar a ansiedade de medo ou euforia, porém comparado a um ano atrás eu sou outra, minhas mãos pararam de suar quando conheço uma pessoa diferente.
Quando eu era criança eu era muito tímida e aprendi no teatro que a timidez tem haver com o medo que temos de nós mesmos, de confirmarem aquilo que desconfiamos ser. A ansiedade é mais complexa, porém também tem haver com medo você deve separar esse medo da parte boa que é a empolgação, aquele gás que ganhamos sempre que estamos nesse estado de consciência.

Nino, o final do reboot é sempre complicado pois querendo ou não da uma sensação de dever cumprido e aí acabamos relaxando, você não tem mais o corpo sujo, agora é só você e a sua cabeça, seu corpo nesse momento está se reequilibrando e ordenando as coisas com o que ele tem, sem se utilizar das reservas que a pornografia tinha fornecido para ele.
Cuidado com os nudes, clipes e redes sociais, tudo deve ser usado de forma adequada, e no seu caso o nudes não deve ser uma opção. OK?

Obrigada por compartilhar seus bons momentos aqui. Estou muito feliz por você querido.
Beijinhos

Olá Domi!!!
Saudade de trocar mensagem com você, eu li a sua resposta mas deixei para responder em um momento com mais tempo e acabei esquecendo, rsrs... Tenho mantido o habito de escrever no bloco de notas para publicar depois, mas como esses ultimos tempos foram agitados devido as divergencias entre as pessoas por causa das eleições eu optei por me afastar das redes sociais até o termino das eleições, e com isso acabei não tendo nenhum tema interessante para publicar no meu diário...
Confesso que não senti nenhuma falta das redes sociais, eu não tenho nenhum gatilho em redes sociais, utilizo somente para ter contato com amigos e parentes, eu não tenho muita paciencia para redes sociais e entrava 1 ou 2 vezes por semana e devia fazer 1 postagem por ano, rsrs... mas nessas eleições parei de acessar as redes sociais para não ficar acompanhando as brigas e desentendimentos por causa de politica... Enfim, eleições encerradas e vida que segue. Agora vou focar em utilizar as redes sociais para divulgar o meu lado profissional, ainda tenho tenho um pouco de resistencia em utilizar redes sociais devido a ansiedade que gera esperar comentarios e curtidas, mas estou bolando algumas estrategias para me ajudar a superar essa resistencia. Vou publicar aqui no meu diario um relato sobre a ansiedade, eu comentei sobre as mudanças profissionais que estou elaborando e isso tem me gerado bastante ansiedade, então fiz uma analise geral do quanto a ansiedade influencia na minha vida e tb em relação ao vicio em PMO...
Eu estou bem em relação ao reboot, as minhas metas estão bem fortes e se de vez em quando da vontade de ver algum nude eu espero a vontade passar e vou procurar alguma coisa para mudar o meu pensamento, a leitura tem sido a minha principal aliada nesses momentos de ansiedade, tenho lido de 1 a 2 livros por semana, o curioso é que sempre gostei de livros mais densos e dramaticos, mas devido a tensão geral no pais durante as eleições optei por livros leves, estilo comedia romantica, e está sendo bem divertido, rsrs...
O lado afetivo (e sexual) com o meu marido está muito bom, eu conquistei muita coisa boa por ter feito o reboot... ainda tenho coisas para conquistar, mas se tudo continuar como está já estará otimo, nós sempre tivemos muita conexão, mas depois de ter eliminado o habito de PMO da minha vida nós estamos mais ligados ainda... Ele sempre soube que eu praticava PMO e não implicava com isso, pois muitas vezes eu praticava após termos relações devido a minha ER, mas ter tirado esse habito da minha vida foi como um afrodisiaco na nossa relação, tanto que ele interrompeu as esporádicas MO que praticava (mesmo sendo bem poucas vezes que ele praticava) e ele tb está curtindo essa fase de só termos O juntos.
Bem, não vou me alongar mais por aqui e deixar esses temas para escrever na minha historia de sucesso, rsrs... eu sou um pouco perfeccionista e quero escrever um relato bem escrito, e isso demanda tempo, então ainda não reservei um tempo para começar a escreve-lo, mas acredito que esse mês vou conseguir escrever...
Grande beijo!!!

_______________________________________
avatar
Moderador
Moderador
Mensagens : 747
Data de inscrição : 20/09/2015
Ver perfil do usuário

Re: Início de uma nova etapa na minha vida

em 7/11/2018, 11:34
Faça ao seu tempo o relato.

Acho que você não deve esperar muitos comentários, o que você deve ter em mente é que melhor que os comentários é a divulgação. As vezes a pessoa nem dá tanta bola, mas surge uma oportunidade e ela lembra de você.

Faça publicações no Facebook e crie uma página para o seu trabalho, como fazem os outros arquitetos. Com uma busca rápida você consegue comparar os trabalhos e tentar fazer uma página bem legal.

Lembre que você não precisa divulgar só os seus trabalhos nessa página, mas coisas que são relacionadas ao seu trabalho, assim nasce a curiosidade de outras pessoa sobre o assunto e você ganha maior alcance de visualizações. O Instagran ajuda bastante também.
Mas se prepare primeiro, não cobre que sua página bombe logo de cara e siga firme com o seu projeto.

Estou torcendo por você querido e parabéns pelo o seu trabalho na moderação, eu estou muito contente contigo.

Beijinhos
avatar
Mensagens : 9
Data de inscrição : 19/10/2018
Ver perfil do usuário

Re: Início de uma nova etapa na minha vida

em 7/11/2018, 17:01
Li sua historia e te parabenizo de coração, Nino.
Bom aprender com relatos de força de vontade e comprometimento.
Abraço grande.

_______________________________________
Por que você permanece na prisão se a porta está completamente aberta? — Rumi

Moderador
Moderador
Mensagens : 118
Data de inscrição : 24/06/2018
Idade : 45
Ver perfil do usuário

Re: Início de uma nova etapa na minha vida

em 8/11/2018, 04:24
Domi1 escreveu:Faça ao seu tempo o relato.

Acho que você não deve esperar muitos comentários, o que você deve ter em mente é que melhor que os comentários é a divulgação. As vezes a pessoa nem dá tanta bola, mas surge uma oportunidade e ela lembra de você.

Faça publicações no Facebook e crie uma página para o seu trabalho, como fazem os outros arquitetos. Com uma busca rápida você consegue comparar os trabalhos e tentar fazer uma página bem legal.

Lembre que você não precisa divulgar só os seus trabalhos nessa página, mas coisas que são relacionadas ao seu trabalho, assim nasce a curiosidade de outras pessoa sobre o assunto e você ganha maior alcance de visualizações. O Instagran ajuda bastante também.
Mas se prepare primeiro, não cobre que sua página bombe logo de cara e siga firme com o seu projeto.

Estou torcendo por você querido e parabéns pelo o seu trabalho na moderação, eu estou muito contente contigo.

Beijinhos

Obrigado Domi!!!
Os seus conselhos e apoio sobre a divulgação do meu trabalho profissional estão sendo valiosos, eu estou fazendo a organização de fotos e da forma que vou começar a divulgar o meu trabalho nas redes sociais, preferi esperar passar as eleições para os animos se acalmarem e em breve vou começar a divulgação.
Quanto ao meu trabalho na moderação estou muito contente de poder ajudar os colegas aqui do forum, e a sua forma de atuar na moderação é um exemplo.
Beijos!!!

_______________________________________
Moderador
Moderador
Mensagens : 118
Data de inscrição : 24/06/2018
Idade : 45
Ver perfil do usuário

Re: Início de uma nova etapa na minha vida

em 8/11/2018, 04:33
doutor.H escreveu:Li sua historia e te parabenizo de coração, Nino.
Bom aprender com relatos de força de vontade e comprometimento.
Abraço grande.

Obrigado Doutor.H!!!
Fiquei muito contente com a sua mensagem e saber que o meu diario está ajudando os colegas aqui do forum, estou acompanahndo o seu diario e gosto muito da forma como você escreve, acredito de coração que vc fará um excelente reboot.
Abraços!!!

_______________________________________
Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum