Compartilhe
Ir em baixo
Convidado
Convidado

Desativado

em 25/7/2018, 09:04
Infelizmente surtei


Última edição por Willbah em 26/7/2018, 17:37, editado 1 vez(es)
avatar
Mensagens : 1436
Data de inscrição : 20/01/2015
Idade : 32
Ver perfil do usuário

Erotização

em 25/7/2018, 09:14
Olá Amigo! Seja bem vindo! Seria bom fazer um contador de dias pra vc.
Eu tenho 32 anos. Bom poder contar com alguém próximo a minha faixa etária.
Você disse tudo quando citou a EROTIZAÇÃO. Já até escrevi um texto no meu blog sobre a Orientação da carga erótica e do desejo. Essa energia - sexual - é muito intensa em nós. Ela pode ser construtiva ou destrutiva. Redirecioná-la para que seja construtiva é a grande sacada. No caso da P quando já é um vício essa energia é totalmente destrutiva, porque o prazer fica mecânico, não há um prazer genuíno, um gozo de fato, é uma repetição. Fiquemos atentos. Sei que vou aprender muito com você e com seu processo. Estamos juntos.

_______________________________________
Recordes:
90 dias - em 2015
71 dias - em 2016
32 dias - 2017 - maio
15 dias - 2017 - junho/julho
32 dias - 2017 - agosto - último
26 dias - 2018 - janeiro
81 dias - 2018 - julho

Convidado
Convidado

Re: Desativado

em 25/7/2018, 09:58
Desativado


Última edição por Willbah em 26/7/2018, 17:39, editado 1 vez(es)
avatar
Mensagens : 286
Data de inscrição : 11/09/2017
Ver perfil do usuário

Re: Desativado

em 25/7/2018, 10:51
Bem-vindo ao fórum, amigo!

O seu vício é bem aprofundado, porém não foi paralisante, pois você saía à caça, se aventurava pelo mundo real.

Nesse caso, acho que você provavelmente vai ter mais facilidade pra realizar as atividades de religação.

É muito pior quando acontece o vício paralisante, onde o viciado se isola, quase não faz mais sexo real e obtém prazer quase que exclusivamente via PMO.

Sobre orgulho, timidez e dificuldade de olhar nos olhos, isso tem muito a ver com dopamina alta, e o reboot atenua bastante esses problemas logo nas primeiras semanas.

Abs!


Última edição por Internet em 25/7/2018, 11:20, editado 1 vez(es)

_______________________________________
Conquistas (reboot de P):

21 dias
34 dias
69 dias

 
Convidado
Convidado

Re: Desativado

em 25/7/2018, 11:07
Desativado


Última edição por Willbah em 26/7/2018, 17:40, editado 1 vez(es)
avatar
Mensagens : 1436
Data de inscrição : 20/01/2015
Idade : 32
Ver perfil do usuário

Re: Desativado

em 25/7/2018, 11:45
Sobre o blog. Vou te passar meu whatsapp e se vc não tiver problemas com a identificação a gente se fala por lá e te passou o blog. Por que seu eu postar o link aqui pode ficar muito exposto. Mas confesso que to em dúvida se já o fiz anteriormente.

35991592516

_______________________________________
Recordes:
90 dias - em 2015
71 dias - em 2016
32 dias - 2017 - maio
15 dias - 2017 - junho/julho
32 dias - 2017 - agosto - último
26 dias - 2018 - janeiro
81 dias - 2018 - julho

Convidado
Convidado

Re: Desativado

em 25/7/2018, 23:35
Desativado


Última edição por Willbah em 26/7/2018, 17:40, editado 1 vez(es)
Convidado
Convidado

Re: Desativado

em 26/7/2018, 05:51
Desativado


Última edição por Willbah em 26/7/2018, 17:40, editado 1 vez(es)
Mensagens : 59
Data de inscrição : 24/06/2018
Idade : 44
Ver perfil do usuário

Re: Desativado

em 26/7/2018, 06:06
Willbah escreveu:Rumo ao quinto dia. Agora, às 00:26, acordado e pensando merda. Bebi em casa com um amigo, foi legal, iria aproveitar e dormir cedo e simplesmente pedi um uber. Fui e voltei duas vezes. 60 reais na conta do cartão e sou assalariado, não ganho bem. Fiquei olhando a mala dos motoristas como sempre esperando que eles vissem e simplesmente oferecessem o banquete pra mim, mas como sempre só conversamos a viagem inteira e um ou outro me deu a entender que tinha sacado, mas como sou medro/tímido e no fundo acho indelicado se oferecer assim não rolou nada.
Só penso e me sinto a pior criatura do universo, a criatura mais podre que já existiu. Esses desejos fantasiosos estão me destruindo porque sei que para realizá-los terei que me ferir muito, muito...Sou um lixo humano!
Não vou largar o reboot por ódio de mim e da minha vontade demoníaca de mamar caras desconhecidos que só querem alguém servindo eles. Não pode meu Deus ser falta de caráter, tenho um bom coração....
Estou aqui na merda, mas P ou M ou O nem pensar. Espero que consiga diminuir B e F mas não está fácil. Um dia serei uma pessoa comum sem essa mancha negra me assombrando, esse demônio faminto que me atiça e me cutuca e me leva a querer saciar meus desejos e fantasias sexuais como se fossem uma necessidade básica como comida ou sono?
Não sei o que fazer nem pensar. Mas estou na luta. Meu Deus, que vontade deixar de existir...

Olá Willian,
Li o seu relato e senti a sua dor pelo que está passando, principalmente na sua ultima postagem, então venho aqui oferecer o meu apoio na sua jornada em buscar melhorar e se tratar do vicio em PMBFO, aliás achei muito interessante o seu ponto de vista de acrescentar BF ao vicio de PMO, afinal o vicio é muito mais extenso e cada um desenvolve caracteristicas particulares no vicio de acordo com as confusões, traumas e frustrações no desenvolvimento da sexualidade, mas hoje todos carregamos as consequencias disso... Acho que a conscientização do vicio é muito recente e ainda estamos descobrindo como ele funciona, e provavelmente um dia as siglas que vc acrescentou (BF) entrarão para o glossario do vicio, da mesma forma de quando surgiu o termo GLS que depois foi mudando varias vezes para acrescentar outras identidades a sigla (LGBT e por aí em diante). 
Em primeiro lugar você ter assumido o vicio é um passo muito grande, acredito que existem muitas, mas muitas pessoas que são viciadas e não tem a conscientização do vicio, eu mesmo não tinha noção que era viciado, eu sabia que tinha um problema (a ER) mas achava que ele foi provocado pelos traumas na minha iniciação sexual e dificuldade para aceitar a homossexualidade (no meu diario eu relato isso, chama "O inicio de uma nova etapa na minha vida"), mas não sabia que esse problema poderia ter sido causado ou agravado pelo vicio em pornografia... Eu estou fazendo o reboot há pouco tempo (e é o meu primeiro reboot) e já senti alguns beneficios durante esse periodo, mas esse é um vicio muito dificil de lidar porque não temos com quem conversar, e poder dividir o que passamos é muito reconfortante e de grande valor no tratamento do vicio... Eu já frequentei grupos de mutua ajuda para familiares de alcoolatras (Al-Anon) devido a familiares com esse vicio e aprendi muita coisa nesse periodo, mas mesmo com a proposta anonima desses grupos eu não me sentiria a vontade de falar sobre o meu vicio em P pessoalmente, acho que pelo menos no inicio não, então para mim esse forum está oferecendo a oportunidade de falar sobre o vicio, trocar experiencias e buscar crescimento no combate ao vicio, sem ter que lidar com a dificuldade de falar sobre o vicio pessoalmente... Acho que num grupo de mutua ajuda presencial eu demoraria muito tempo para conseguir me destravar e ir contando a minha historia.
Quanto as sensações que vc está passando pelas consequencias do seu vicio não se culpe, o vicio age em todos nós de forma parecida e é natural a sensação de culpa e frustração depois de termos agido pelo impulso do vicio sem pensar nas consequencias na hora... Gastar R$ 60,00 em corridas de Uber na intenção de ter um momento sexual (com estimulo provocado pelo vicio) é muito frustrante mas poderiam acontecer outras coisas provocadas pelo vicio que tb causariam prejuizo financeiro (por exemplo faltar a um trabalho para ficar consumindo PMO), mas imagino que a grande frustração é maior que a financeira, é a de ver o vicio dominando e te levando a fazer coisas que te causam dor emocional depois... Acho que nesse momento vc tem que acalmar a sua mente e pensar que vc já deu um grande passo que é buscar combater o vicio, e ter paciencia porque cada um tem um ritmo e o tempo para concretizar as mudanças que deseja fazer pode ser curto ou longo, mas não tem como saber agora quanto tempo vai demorar, acho que é por isso que a todos os grupos de mutua ajuda (AA, NA...) utilizam como base viver um dia de cada vez.
Quanto a busca e fantasia, tão bem colocadas por vc no seu diario, vc tem que tratar como parte do seu vicio, e por isso usar as ferramentas que achar adequadas para conseguir supera-las, eu por exemplo sou muito analitico e tenho necessidade de pensar sobre o que está acontecendo (pode observar pelo tamanho dos meus textos aqui no forum) e quando possivel conversar, por isso busco esse forum para expor o que sinto e usa-lo como suporte para tratar o meu vicio (como já disse, acho que esse é um vicio muito dificil de conversar abertamente com as pessoas), outras pessoas buscam os bloqueadores nos navegadores como ferramantas de apoio, e já li alguns relatos de colegas aqui no forum que usam um elastico no pulso para provocar dor quando as fantasias povoam a mente... Enfim, esse é o momento de vc buscar as suas ferramentas para ajuda-lo no início do combate ao vicio, e usa-las sempre que perceber que o seu comportamento está sendo comandado pelo vicio, sem se importar se vão falhar ou se vão ter resultado.
Eu ficaria horas aqui escrevendo, pois gosto de analisar os sentimentos e emoções como tentativa de tentar melhorar, mas não quis e nem quero tentar te passar uma formula pronta, eu não acredito que essa formula existe (pelo menos para mim), e sim tentar te lembrar que a busca para tratar o seu vicio vai ser construida de acordo com a sua historia de vida e as decisões que vc for tomando de agora em diante... Eu sempre tive a tendencia de colocar o meu vicio num lugar controlado, onde utilizava de forma que parecesse normal e não causasse nenhuma consequencia que eu pudesse me envergonhar depois (logico que de acordo com os meus parametros, não existe regra do que é motivo de se envergonhar ou não), mas essa era a forma de eu alimenta-lo com doses medianas e assim achar que não era um vicio, eu chegava a organizar o meu tempo de forma que pudesse alimentar o meu vicio e continuar realizando as outras tarefas do dia a dia, obvio que o vicio me consumia e eu nem sempre conseguia administra-lo tão bem, mas mesmo assim conseguia alimenta-lo e mante-lo na minha vida sem que ele parecesse ser um vicio... Cada um tem caracteristicas particulares e historias distintas, então o vicio se adapta a nossa historia e caracteristicas para continuar ocupando um lugar em nossas vidas, mas agora é a hora de vc combate-lo e para isso é preciso utilizar todas as ferramentas que achar necessárias.
Vou acompanhar o seu diario e conte comigo para ajuda-lo nessa jornada.
Grande abraço

_______________________________________
Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum