Compartilhe
Ir em baixo
XXXtentacion
Mensagens : 137
Data de inscrição : 26/05/2019
Ver perfil do usuário

Última tentativa. - Página 2 Empty Re: Última tentativa.

em 7/8/2019, 14:07
Cara posso falar o mesmo, ja perdi mina por causa de PMO kkkkkk se viu meus relatos deve ter visto, é uma parada foda, no meu caso tambem teve uma que me fez iniciar com tudo isso, é foda, acredito que o principal dos motivos para se inciar um reboot é alguma mulher, por quem estamos interessados, ou simples fato de melhora de vida, mas sempre envolve alguma mulher querendo ou não...

_______________________________________



Embora a vida seja complicada, ela só piora se você quiser.
vihu
Mensagens : 51
Data de inscrição : 24/06/2019
Idade : 20
Ver perfil do usuário

Última tentativa. - Página 2 Empty Re: Última tentativa.

em 11/8/2019, 23:32
50 DIAS.

As coisas continuam, não tenho nada para atualizar, aliás é sempre assim, por isso meu diário segue um rumo diferente do habitual por aqui, normalmente não falo muito das minhas experiências do cotidiano, prefiro falar mais a respeito dos devaneios e conclusões que tive durante o período, dificuldades enfrentadas e etc. Não é bem por escolha, é porque não tenho muita coisa para atualizar mesmo, meu dia basicamente se reduz a estudar e subir uma pedra quase todas as tardes. Entendo a necessidade de muita gente aqui, e peço que não me entendam mal, mas não sou adepto do " 10º dia, fui a academia e mexi no computador flw, até mais", não me parece muito útil na perspectiva do desabafo, mesmo assim vou tentar falar mais das coisas que vieram acontecendo em minha rotina.

Embora eu tenha adquirido um apreço e uma especie de orgulho pelo padrão fisiologia e mente do diário, pensei bem a respeito e não me parece muito adequado, até porque, aparentemente poucas pessoas leem e se interessam por um diário tão "formal" e com textos ridiculamente grandes, e nem tudo se encaixa em "mente e fisiologia" muito bem, mas agradeço profundamente as exceções que estiveram presentes aqui. Enfim, não pretendo diminuir os textos, pois mesmo que ninguém leia vou ficar contente em consumir tudo isso novamente em um futuro distante, no entanto vou tentar focar mais em minhas experiências do cotidiano.

Meninas

Tenho 20 anos, estou no pico de testosterona, não há como não pensar em garotas por vários momentos do dia, mas não me esforço para reprimir isso, não vejo porque, apenas deixo o desejo ai e pronto. Felizmente, há algumas oportunidades surgindo:

Comecei a observar uma garota no inicio do ano, não pude deixar de nota-la, embora houvessem outras mais bonitas, ela me atraiu mais do que qualquer uma delas. Nunca fui o cara de iniciativas, mas há alguns meses me aproximei dela, simplesmente sentei ao lado dela e desde então temos uma certa proximidade, nada muito íntimo. Talvez tenha sido equívoco da minha parte, mas eu penso ter visto alguns sinais de interesse, continuávamos conversando depois do curso e conversávamos pelo whats depois, eu estava animado, mas inesperadamente vi que ela tinha namorado quando postou uma foto no status durante o dia dos namorados. Sinceramente não fiquei "triste", talvez apenas um pouco decepcionado na época. Na verdade, me lembro que alguém brincou e falou sobre nossa proximidade resultar em algo mais enquanto conversávamos, ainda não sabia do seu comprometimento, mas ela não teve reação alguma além de uma vergonha reprimida, pensei até ter certeza de que não havia ninguém com ela depois de ter presenciado isso. Enfim, observe que eu disse "pense" no período anterior, isso porque eu não descarto os sinais de interesse, que como já disse podem ser um equivoco meu. Vou continuar cultivando nossa relação, mas vou sempre tomar cuidado e falar nas entrelinhas para não deixar nada muito explícito, gosto de estar com ela mesmo que nada além disso aconteça.

Há também uma menina no ônibus a qual me disseram ter interesse em mim, não tinha atração por ela, e sabia que nada de significativo resultaria disso. Mas impulsos diferentes surgiram nas últimas semanas, e agora me parece que seria uma experiência bem interessante. Não é nada sólido, mas estou há um bom tempo sem o contato feminino e não vou ficar escolhendo por ai.

Dificuldades

O momento é com certeza o mais difícil, sinto que algo precisa sair, há um desejo sexual muito grande reprimido e uma parte da mente sempre traz suas falácias para voltar a PMO, mas então lembro que estou há 50 dias e que vou ter que começar tudo de novo, lembro também que terei de vir aqui, falar que recai e então mudar o nome do meu diário. Não me lembro muito bem quem disse isso, mas acho que foi o Randy; depois de um tempo em reboot nos esquecemos de como era ruim e como desejávamos ficar esse tempo em reboot. É como me sinto agora, não consigo lembrar muito bem como eu ficava frustrado comigo mesmo, como se eu não tivesse controle das coisas que fazia, perceber isso tem me ajudado também.

Fim

Quanto aos outros detalhes está tudo certo, ereções normais e alguns sonhos eróticos.

Enfim, não tem jeito, sempre acabo escrevendo muito mesmo, vai ser assim mesmo e foda-se, agradeço de verdade se tiver lido até aqui.

_______________________________________


Meu diário
avatar
Mensagens : 1
Data de inscrição : 21/07/2019
Ver perfil do usuário

Última tentativa. - Página 2 Empty Me identifiquei muito com sua história!

em 14/8/2019, 15:06
Antes de começar, parabéns pelos grandes feitos até então. Torço muito que as coisas continuem melhorando mais e mais! Very Happy

Me identifiquei bastante com a sua história. Infelizmente, meu período de contato com a P foi bem mais longo. A conheci com 10 anos de idade por conta das más influências da família. Quando tive meu primeiro celular aos 11, 12, tive meios de guardar materiais do tipo nele. Antes via no celular de outras pessoas. No total, foram 12 anos de contato (em grande parte) contínuo com a P. Tenho 22 anos agora. Porém, apenas no último mês percebi os males que isso me causaram de maneira concreta. Antes, tive um problema com minha ex-namorada. Na minha primeira tentativa de fazer sexo, eu não consegui me excitar o suficiente. Sim, a DE provavelmente. Ela acabou me largando por causa de um ex que ela tinha. E já vinha mantendo contato por Whatsapp com ele antes mesmo de irmos pra cama, então não fui o responsável pelo fim do relacionamento. Ela namorou comigo ainda tendo sentimentos por outro. Não era maduro o suficiente pra perceber isso. Porém, não vi esse evento (DE) como consequência da P. Pensei apenas que fosse ansiedade do momento.

Mais de um ano se passou desde esse evento. Continuei com PMO em frequência diária e sempre me sentia vazio e não conseguia entender o motivo. Só me ancorava em PMO pra sair da tristeza. Em um dia X, comecei a conversar com uma moça pelo Whatsapp sobre coisas bastante picantes. Ela chegou até a me pedir "fotos". Não tinha intenção de mandar nada, mas eu percebi que eu não conseguia ficar excitado, mesmo sendo uma conversa que estava me deixando empolgado de certa forma. Quando me vi, estava recorrendo a P. pra poder sentir alguma coisa. E descobri o terrível fato de que só estava conseguindo me excitar com a P. Isso me aterrorizou. Busquei na internet sobre o tema e descobri coisas que me deixaram em pânico. Imagine a sensação de descobrir que você fez algo terrível a si mesmo por doze anos e todas as consequências disso. Pude perceber que vários fatos do meu passado tiveram relação com o vício. Daí entra a parte que mais me identifico com você.

Sinto que várias ações que tomei no passado foram manipuladas por condições que foram desenvolvidas pela P. Eu achava aquilo novo e excitante, e mal percebi que estava me condicionando a achar apenas aquilo excitante. Foi exatamente após ter começado a me intensificar com PMO que o medo de interagir com mulheres surgiu de maneira crônica. Com certeza perdi várias oportunidades no passado de interação com pessoas, e de sair para lugares também. Sem falar na própria construção da minha personalidade. Quando pensava nisso, achava que iria ficar louco. Mas percebi finalmente que sou uma boa pessoa e que tenho valor. Que mesmo com todos os empecilhos, ainda me desenvolvi de algum modo e me tornei mais maduro. Que infelizmente o passado não pode mais ser consertado, mas que ainda existe um futuro em que finalmente eu vou poder ter controle, sem ser refém de algo.

Fazem 8 dias que comecei a seguir nessa trajetória novamente. Já tentei antes, mas travava nos 20 dias e não tinha o conhecimento e ferramentas (bloqueadores) que tenho hoje. Tenho confiança de que irei longe dessa vez. Vou fazer uma reformulação no meu estilo de vida.
vihu
Mensagens : 51
Data de inscrição : 24/06/2019
Idade : 20
Ver perfil do usuário

Última tentativa. - Página 2 Empty Re: Última tentativa.

em 15/8/2019, 01:04
E ai, Kaio10, parabéns pela iniciativa.

Nossa realidade não é muito diferente da de todos aqui, a grande maioria, se não todos, perderam experiências importantes em função da PMO, e mesmo que não tenham dito isto de forma explicita em seus diários, também estão aqui por um motivo em comum, isto é, evitar que mais experiências importantes sejam perdidas.

Não achei seu diário, não acha que seria um boa ideia ter um? Já tem uma história completa ai para começar, só precisa de um contador para te motivar um pouco e pronto.


Última edição por vihu em 15/8/2019, 01:42, editado 1 vez(es)

_______________________________________


Meu diário
vihu
Mensagens : 51
Data de inscrição : 24/06/2019
Idade : 20
Ver perfil do usuário

Última tentativa. - Página 2 Empty Re: Última tentativa.

em 15/8/2019, 01:37
EXTRA, dia 54.

Faz pouco tempo desde o último relatório, mas o momento exigiu mais um tópico. Embora eu já tenha dito anteriormente que o momento tem sido difícil, posso dizer que até o 53º dia, tudo estava sob controle, no entanto neste exato momento (dia 54) passo por um momento em que reconheço estar realmente correndo um grande risco de recaída.

Baixei um jogo o qual fiquei obcecado por alguns meses a um tempo atrás, simplesmente me lembrei dele e achei que não fazia mal passar um tempo, mas quando percebi tinha perdido um dia inteiro de estudos e passado varias horas, inclusive até agora a pouco o jogando. O desinstalei, pois aparentemente não tenho controle sobre ele, a questão é que acredito ter causados outros problemas.

Talvez eu esteja inventando um monte de besteiras da minha mente, mas me sinto deslocado ao momento e aos hábitos da época em que eu jogava, onde minha rotina era basicamente passar varias horas do dia fazendo um monte de missões estressantes e então afundar-me na PMO. Não sei se podem entender isto, mas sabe quando você fica horas fazendo uma coisa que achou que seria divertida, mas ela na verdade é estressante e você só continua por um impulso doentio? (redes sociais por exemplo) Me observei e eu não estava sentindo prazer, era uma espécie de obsessão sem sentido. Embora eu tenha notado que me sentia meio ruim já durante o dia, percebi só agora que estou com uma mente extremamente susceptível a PMO, de repente os motivos racionais que com facilidade me mantinham protegido, aparentemente não estão mais tão claros, o que deixa o impulso irracional bem mais próximo do controle. É por isso que vim imediatamente para cá escrever qualquer coisa, esse ambiente sempre deixa meu objetivo mais claro, volto a lembrar que tenho que confiar no cara que surge logo após o ato do orgasmo, que por um breve momento é privado de seus impulsos sexuais distorcidos e que sempre se pergunta "que merda eu fiz?". Chamam isso de depressão pós sexo, mas a vejo como um período em que a racionalidade não é ofuscado pelos impulsos sexuais, uma especie de Sr. Spock interior. Não posso recair, há um motivo para meu diário se chamar última tentativa.

_______________________________________


Meu diário
DarkSlayer
Mensagens : 344
Data de inscrição : 28/09/2016
Ver perfil do usuário

Última tentativa. - Página 2 Empty Re: Última tentativa.

em 15/8/2019, 10:13
A última é a última, não tem discussão. Debate interno significa que já está cedendo, em parte, aos impulsos. Não traia a si mesmo, não caia. É não e não, tem que chegar até o final da estrada para ver o que há, nada de retornos.

Procrastinação é ruim, mente vazia oficina do kpta. Uma falha leva à outra, tem que controlar/equilibrar/regrar tudo. Você pode usar algo prazeroso como recompensa. Ex: se ficar 1 semana sem pmo, você ganha X horas de games etc. Tem objetivos fora ficar sem pmo, foco 100% neles que vai automaticamente chegar lá.

Força. Foco. Inflexível.

Lembre das desgraças e do tempo perdido, se eu pudesse converter os anos que gastei com pmo em tempo dedicado aos meus objetivos, hoje já teria alcançado todos eles. Seu lado racional te diz para ir até o final, confie nele.


_______________________________________
Um homem sem disciplina está fadado ao fracasso.










7 dias () 14 dias () 21 dias ()
Randy
Mensagens : 1928
Data de inscrição : 01/12/2015
Ver perfil do usuário

Última tentativa. - Página 2 Empty Re: Última tentativa.

em 18/8/2019, 20:53
vihu escreveu:EXTRA, dia 54.

Faz pouco tempo desde o último relatório, mas o momento exigiu mais um tópico. Embora eu já tenha dito anteriormente que o momento tem sido difícil, posso dizer que até o 53º dia, tudo estava sob controle, no entanto neste exato momento (dia 54) passo por um momento em que reconheço estar realmente correndo um grande risco de recaída.

Baixei um jogo o qual fiquei obcecado por alguns meses a um tempo atrás, simplesmente me lembrei dele e achei que não fazia mal passar um tempo, mas quando percebi tinha perdido um dia inteiro de estudos e passado varias horas, inclusive até agora a pouco o jogando. O desinstalei, pois aparentemente não tenho controle sobre ele, a questão é que acredito ter causados outros problemas.

Talvez eu esteja inventando um monte de besteiras da minha mente, mas me sinto deslocado ao momento e aos hábitos da época em que eu jogava, onde minha rotina era basicamente passar varias horas do dia fazendo um monte de missões estressantes e então afundar-me na PMO. Não sei se podem entender isto, mas sabe quando você fica horas fazendo uma coisa que achou que seria divertida, mas ela na verdade é estressante e você só continua por um impulso doentio? (redes sociais por exemplo) Me observei e eu não estava sentindo prazer, era uma espécie de obsessão sem sentido. Embora eu tenha notado que me sentia meio ruim já durante o dia, percebi só agora que estou com uma mente extremamente susceptível a PMO, de repente os motivos racionais que com facilidade me mantinham protegido, aparentemente não estão mais tão claros, o que deixa o impulso irracional bem mais próximo do controle. É por isso que vim imediatamente para cá escrever qualquer coisa, esse ambiente sempre deixa meu objetivo mais claro, volto a lembrar que tenho que confiar no cara que surge logo após o ato do orgasmo, que por um breve momento é privado de seus impulsos sexuais distorcidos e que sempre se pergunta "que merda eu fiz?". Chamam isso de depressão pós sexo, mas a vejo como um período em que a racionalidade não é ofuscado pelos impulsos sexuais, uma especie de Sr. Spock interior. Não posso recair, há um motivo para meu diário se chamar última tentativa.

Lutar contra a PMO é extremamente difícil. Já passei por várias horas assim praticando PMO: algo prazeroso no momento, mas que a longo prazo só trazia desgraças.

Como o amigo acima falou. se as horas que gastei com PMO eu tivesse gastado com coisas úteis, teria alcançado todos os meus objetivos.

_______________________________________
"Quem quer, dá um jeito. Quem não quer, inventa desculpa". Toguro

Ninguém vai bater mais forte do que a vida. Não importa como você bate e sim o quanto aguenta apanhar e continuar lutando; o quanto pode suportar e seguir em frente. É assim que se ganha. Rocky Balboa

vihu
Mensagens : 51
Data de inscrição : 24/06/2019
Idade : 20
Ver perfil do usuário

Última tentativa. - Página 2 Empty Re: Última tentativa.

em 20/8/2019, 00:48
60 Dias.

Obrigado pelas mensagens Darkslayer e Randy, ainda não me sinto confiante com antes, mas posso assegurar que aprendi a lidar com os últimos dias e vou me manter no progresso.

Bem, 2 meses e é isso ai, não tenho nada para dizer dessa vez, talvez meu futuro eu se decepcione com a leitura dessa parte, mas é a verdade, estou a alguns minutos aqui e embora tenha iniciado um monte de assuntos, desisti de todos eles, de repente minhas anotações não parecem úteis, não autenticas pra ser mais preciso, talvez eu reflita sobre alguma coisa nos próximos dias, mas nesse momento não há nada que eu ache que possa de fato contribuir para meu diário.

_______________________________________


Meu diário
Mais que vencedor
Mensagens : 198
Data de inscrição : 22/10/2018
Ver perfil do usuário

Última tentativa. - Página 2 Empty Re: Última tentativa.

em 20/8/2019, 13:03
Esse é o caminho cara.

A medida que o reboot vai passando, nós tendemos a ir nos cegando e precisamos tomar cuidado pra não nos sabotarmos.

Tenha tolerância zero com qualquer coisa que te remeta à P e foque-se no novo caminho. Não pense como um caminho de restrição, mas como um caminho de novos hábitos e novas conquistas. Pense em uma nova vida e não em uma vida sem isso ou aquilo. Foque no sim e busque atividades diferentes, novos objetivos que te moldem.

_______________________________________


"Tudo me é permitido, mas nem tudo me convém. Tudo me é permitido, mas eu não me deixarei dominar por coisa alguma." I Coríntios 6, 12
"O Reino dos Céus é arrebatado à força e são os violentos que o conquistam." Mateus 11, 12

Meu diário - http://www.comoparar.com/t8595-diario-em-busca-do-racional-em-mim
Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum