Diário do Excogitatoris

+82
Pedro "O Harry Potter"
Guerreiro73
o fulano
...
cakelove1510
frankenstein1
Josuez
Jay
sardinha
Mr robot
hattori
Berislav
Marcel
Gardenzio Angelone
Spezio
Eques Templar
Loc Dog
Shaulin_matador_de_porco
ג'וזו
Tolbs
John Fersil
JoãoP23
zZKiritoZz
Rafael338
Vitoriosa
Ayrton Senna
SheldonCooper94
BAT
Toon
Logos
Zaheer
Cast2
Nick
parbat
REBORN
Thommy Shelby
RichKid
GuerreiroImplacável
Erkigsnek
VanGogh
Soli Deo Gloria
Motivacional 2.0
Lima Gomes
Deco
Rottweiler
parmera
Sofrendo Anonimamente
Mais que vencedor
Alexandretj
Dias
Rocketman
Lutador com Cristo
Liebgott
Justiceiro do Sertão
Nestle
ShikamaruNara
Gervonta Davis
Peter Parker
Jigsaw Kombat
Anteros
Gracinha
General
TengaiShinsei
TheJohn
Luan Oliveira
Kaneki
zakura
LuckyTheWolf
Bloguerinho do Dia
Sir Avalon
Drew
Matheus Leite
Hunter
Arcanjo*
Pedro Lucas dos Santos
PHPauloHenrique
Ligris
Sam27
LifeJoy
Dante Auditore
Raposao
86 participantes
Ir para baixo
avatar
Mensagens : 20
Data de inscrição : 10/03/2021

Diário do Excogitatoris - Página 14 Empty Re: Diário do Excogitatoris

19/3/2021, 10:57
excogitatoris escreveu:Hoje fui um dia meio decepcionante, eu criei e produzi muitas esperanças pelo livro do Goethe, mas acontece que eu estava lendo-o pelo Kindle de um familiar, havia emprestado, mas ele teve de pegar de volta. Por mais que seja uma coisa simples, agora não vou poder mais ler, a luz da tela do celular faz mal pra vista e eu que tenho miopia e nem uso óculos ainda, não tem como ler pelo celular.
Tive fantasias com P mas resisti e percebo que agora estou com vontade de me M, essa vontade está bem intensa mas estou controlando isso.
Eu usei o dia pra refletir bastante, mas confesso que estou bastante desanimado, mas em comparação com antes já percebi muitas melhorias, ler alguns diários e refletir me ajudaram. Acontece que esses dias têm sido bastante monótonos, esse lockdown, preciso de muita paciência continuamente para enfrentar isso enquanto prezo meu bem-estar.
Espero amanhã conseguir me manter ocupado, ainda estou procrastinando. Mas podem ter certeza que vou mudar isso o mais rápido possível.

Obrigado por ler até aqui.

Vc pode baixar o app Kindle pelo seu celular de graça e ajustar a luz!
Você ainda tem namorada? Chama ela pra um jantar e tenta de novo! Não tem? Tem vários apps por aí... Querer sexo é bem normal, tenta focar no momento e não lembrar de P.
Manda currículos pra diversas empresas e vai pessoalmente também (e se prepara para receber vários não ou pior ainda, nem receber resposta! É frustrante mas é a realidade. Eu também passo por isso! O melhor é já se preparar mentalmente). Você pode tentar uma caminhada e meditação para a mente espairecer...
Não desanima não!
hattori
hattori
Mensagens : 58
Data de inscrição : 11/03/2021
Idade : 18
Localização : Zion

Diário do Excogitatoris - Página 14 Empty Re: Diário do Excogitatoris

19/3/2021, 14:12
Olá novamente, Exco. Admito que vim inocentemente conhecer teu diário e acabei lendo todo o histórico kkk.

Estou até que bastante empolgado em estar aqui no fórum e interagir com outras pessoas que possuem o mesmo objetivo, mas confesso que ainda tinha um pouco de dúvida se realmente o tempo aqui no fórum valeria a pena. Isso até agora.

Estou há mais de uma hora e meia lendo as mensagens aqui e parece que nem passou todo esse tempo. Inspirador ver que mesmo quando tu recaia sempre ia lá e tentava novamente, ver as várias pessoas te apoiando e tu apoiando elas, a tua chegada aos 35 dias, a ascensão até os 60 dias que foi quando tu sumiu por um tempinho e apareceram diversas pessoas perguntando por ti, tua volta e chegada até os fuckin 90 dias e por fim descobrir que tu já está com 109 dias. Se fosse citar todas as partes que me inspiraram, iria ficar um texto gigante.

Fiquei abismado com a qualidade do teu texto "Lavagem Cerebral" e tópicos posteriores. Realmente uma análise individual e sociológica extremamente profunda sobre o problema que é a pornografia em seus diversos aspectos, em que tu conseguiu exprimir muito concisamente todas as ideias independente da complexidade. Vi que teus principais hobbies são justamente leitura e escrita. Não duvido que, se tu realmente curte, a escrita possa vir a se tornar facilmente um "hobbie remunerado" pois não é qualquer pessoa que consegue escrever com a qualidade que tu escreveu teus textos. De qualquer forma, independente do que tu for fazer, já irá ter notas máximas nas redações dos concursos kkkkk.

Parabéns pela jornada e muito obrigado por todo conhecimento que já passou aqui e em outros diários.

Estarei te acompanhando. Abraços.


_______________________________________

->>> https://www.comoparar.com/t11662-e-tudo-ou-nada <<<-
Mr robot
Mr robot
Mensagens : 228
Data de inscrição : 26/03/2017
Idade : 25
Localização : fsociety

Diário do Excogitatoris - Página 14 Empty Re: Diário do Excogitatoris

19/3/2021, 14:14
excogitatoris escreveu:Tem toda razão Berislav acontece que sempre fui sozinho em minha infância e até agora na adolescência partindo pra idade adulta... Às vezes bate inveja de quem tem muitos amigos, me sinto desanimado e penso no que eu perdi: nunca bebi, fumei, saí com amigos pra algum lugar, parece que nunca vivi de maneira correta a minha vida, pelo menos de acordo com o padrão que criei em minha cabeça. Mas eu sei que isso é apenas autosabotagem, estou abrindo portas para socialização, mas só vou socializar se eu tiver vontade, muitas vezes mesmo com vontade eu não tomaria iniciativa mas quero mudar isso, perdi várias oportunidades por ter medo das pessoas. Mas penso que isso só será possível após o lockdown, pode levar um ano, dois anos. Tenho que ter paciência.
Mas acredito que não posso ser extrovertido mesmo querendo; preciso me aceitar. Mas também preciso dar o meu melhor.
Esses 108 dias me foram muito proveitosos, mas posso esperar pra quando completar 180 dias!

Opa irmão! Realmente somos parecidos em quesito de introversão. Sei bem como se sente com essa sensação de "não estar vivendo direto".

Mas o que eu penso sobre isso é que não há esse "direito", cada um vive a vida da forma que pode e que consegue, é claro que é importante sempre evoluir como pessoa e buscar crescimento, mas isso não quer dizer que devemos nos enquadrar a um "estilo de vida padrão". Nos somos livres para viver da melhor forma que achamos naquele momento e tá tudo certo!

Tamo junto!

_______________________________________
Meu diário: https://www.comoparar.com/t4855-diario-elliot-alderson

avatar
sardinha
Mensagens : 42
Data de inscrição : 31/01/2021

Diário do Excogitatoris - Página 14 Empty Re: Diário do Excogitatoris

19/3/2021, 14:23
Prezado, li um pouco da sua história.
Apesar de se sentir culpado, fique feliz por descobrir que tem esse vício tão novo. Existem casos de pessoas que passam uma vida inteira e não se dão conta que são escravos da PMO. Então fique feliz por estar lutando conscientemente desse mal. Vamos vencer.

Lute contra a procrastinação. Uma coisa que está me ajudando muito é manter o meu dia cheio: faça alguma atividade física, leia um livro, estude um idioma. Enfim, invista o seu tempo no seu aprendizado pessoal e profissional.
Você verá que tendo um dia "cheio" fica mais díficil de cair na PMO. E com o tempo vai pensar muito pouco nisso.
Treine o seu cérebro para coisas legais e ele vai ficar cada vez mais eficiente nessas coisas. Nossos cérebros, no momento, são eficientes em pensar em sacanagem e estão viciados em dopamina. Precisamos reverter isso.
Estamos juntos e não desista.

FA

_______________________________________


Meu diário: https://www.comoparar.com/t11530-dias-de-luta-dias-de-gloria#331519

Marcel gosta desta mensagem

Jay
Jay
Mensagens : 130
Data de inscrição : 13/03/2021

Diário do Excogitatoris - Página 14 Empty Re: Diário do Excogitatoris

20/3/2021, 18:25
Olá, amigo.

Li um pouco sobre o seu caso e me identifiquei, pois também passo por um problema de DE e death grip (as vezes fico com um pouco de receio de ser permanente, mas espero que não). Mesmo que ainda não esteja totalmente curado, vi um post que vc falou que teve algumas melhoras em relação a isso, o que me motivou a continuar, mesmo que essa melhora seja gradual e possa levar um pouco mais de tempo do que o esperado. Depois dos 90 dias, vc chegou a ter alguma relação com a sua namorada? E pôde observar mais melhoras na DE?

Abraço, e vamos seguir tentando!
avatar
Convidado
Convidado

Diário do Excogitatoris - Página 14 Empty Re: Diário do Excogitatoris

20/3/2021, 19:39
Jay Gatsby escreveu:Olá, amigo.

Li um pouco sobre o seu caso e me identifiquei, pois também passo por um problema de DE e death grip (as vezes fico com um pouco de receio de ser permanente, mas espero que não). Mesmo que ainda não esteja totalmente curado, vi um post que vc falou que teve algumas melhoras em relação a isso, o que me motivou a continuar, mesmo que essa melhora seja gradual e possa levar um pouco mais de tempo do que o esperado. Depois dos 90 dias, vc chegou a ter alguma relação com a sua namorada? E pôde observar mais melhoras na DE?

Abraço, e vamos seguir tentando!

Ainda não respondi as outras mensagens, por estar ocupado, mas essa mensagem me fez lembrar das melhorias, então achei fundamental te relatar elas.

Eu tenho DE desde meus 14/15 anos

Causas: falta de privacidade e eram MUITO raro o momento que eu ficava sozinho em casa, então tinha que me masturbar pressionando o pênis muito forte, não foi devido a masturbação excessiva, eu podia até ser viciado mas acredito que levasse mais anos pra criar problemas, só que a pressão acelerou isso demais.

Os sintomas eram seguintes nesses tempos, quando não havia feito sexo:

- Eu não conseguia sentir prazer me masturbando em pé e muito menos chegar ao O

- Mesmo deitado com certo tempo eu passei a ficar cada vez mais "enjoado" da masturbação então fui a pornografia, já que meu pênis estava insensível devido a masturbação com muita força, precisava de "incentivos" mais fortes pra conseguir, mas não dependia dela, só que tornava mais "prazerosa" por assim dizer. Depois passei a depender mais, mas nunca dependi 100% digamos.

Perdi a virgindade, se você já teve esse momento com alguém sabe que não é bom, só pode ser bom porque até lá eu era virgem e vi o corpo de uma garota nu, então o único prazer ali pra mim era a visão, pois eu não sentia nada lá, achei que fosse comum a mim por ser muito novo pra estar fazendo sexo (15 anos) Só ela quem acabava se satisfazendo, pois eu tinha que me M sozinho ali mesmo...  Mas eu me achava as vezes, pois uma vez consegui 5 horas durante o S, sem perder a ereção! Mas nada de prazer. Só tive DE duas vezes, e foi devido a falta de descanso + nervosismo, então meu problema é só a death grip mesmo.

Fiquei 2019 inteiro com paranóias que o problema fosse maior, fosse fisiológico. Mas aí descobri que meu problema era realmente o vício.
Diferente dos outros membros, que apresentam primeiro o vício em P e depois evolui pra M, o meu foi diferente:

Eu não tinha sensibilidade, então eu precisava fantasiar o máximo possível. Aí está minha questão: eu nunca fui viciado em pornografia como era em M, mas dependia dela por causa da death grip.

Por fim estão as causas aí todas relatadas.

Agora as melhorias:

Fiquei 15 dias em hardmode, logo depois disso tive um O durante a relação. Mas era necessário uso de fantasias e movimentos mais fortes.
Não conseguia O com a namorada tocando lá nem com oral, de jeito nenhum.

Recaída, recaída, recaída. Mas ainda assim valeram de algo pois ficava semanas e voltava, semanas e voltava. Mesmo assim reduziu meu vício, mesmo que sob intenso stress. Por fim decidi levar totalmente a sério, passando assim os 70 dias.

E daí percebi que já conseguia O sem fantasiar.
80 dias eu já tive O com oral e M da minha namorada.
Quase 100 dias, meu último desafio: conseguir isso em pé, e não consegui, mas cheguei muito perto, e de lá pra cá estou no hard mode.

Espero que isso possa te ajudar, quais "sintomas" você tem com a death grip? Tem diário?
Jay
Jay
Mensagens : 130
Data de inscrição : 13/03/2021

Diário do Excogitatoris - Página 14 Empty Re: Diário do Excogitatoris

20/3/2021, 22:24
excogitatoris escreveu:
Jay Gatsby escreveu:Olá, amigo.

Li um pouco sobre o seu caso e me identifiquei, pois também passo por um problema de DE e death grip (as vezes fico com um pouco de receio de ser permanente, mas espero que não). Mesmo que ainda não esteja totalmente curado, vi um post que vc falou que teve algumas melhoras em relação a isso, o que me motivou a continuar, mesmo que essa melhora seja gradual e possa levar um pouco mais de tempo do que o esperado. Depois dos 90 dias, vc chegou a ter alguma relação com a sua namorada? E pôde observar mais melhoras na DE?

Abraço, e vamos seguir tentando!

Ainda não respondi as outras mensagens, por estar ocupado, mas essa mensagem me fez lembrar das melhorias, então achei fundamental te relatar elas.

Eu tenho DE desde meus 14/15 anos

Causas: falta de privacidade e eram MUITO raro o momento que eu ficava sozinho em casa, então tinha que me masturbar pressionando o pênis muito forte, não foi devido a masturbação excessiva, eu podia até ser viciado mas acredito que levasse mais anos pra criar problemas, só que a pressão acelerou isso demais.

Os sintomas eram seguintes nesses tempos, quando não havia feito sexo:

- Eu não conseguia sentir prazer me masturbando em pé e muito menos chegar ao O

- Mesmo deitado com certo tempo eu passei a ficar cada vez mais "enjoado" da masturbação então fui a pornografia, já que meu pênis estava insensível devido a masturbação com muita força, precisava de "incentivos" mais fortes pra conseguir, mas não dependia dela, só que tornava mais "prazerosa" por assim dizer. Depois passei a depender mais, mas nunca dependi 100% digamos.

Perdi a virgindade, se você já teve esse momento com alguém sabe que não é bom, só pode ser bom porque até lá eu era virgem e vi o corpo de uma garota nu, então o único prazer ali pra mim era a visão, pois eu não sentia nada lá, achei que fosse comum a mim por ser muito novo pra estar fazendo sexo (15 anos) Só ela quem acabava se satisfazendo, pois eu tinha que me M sozinho ali mesmo...  Mas eu me achava as vezes, pois uma vez consegui 5 horas durante o S, sem perder a ereção! Mas nada de prazer. Só tive DE duas vezes, e foi devido a falta de descanso + nervosismo, então meu problema é só a death grip mesmo.

Fiquei 2019 inteiro com paranóias que o problema fosse maior, fosse fisiológico. Mas aí descobri que meu problema era realmente o vício.
Diferente dos outros membros, que apresentam primeiro o vício em P e depois evolui pra M, o meu foi diferente:

Eu não tinha sensibilidade, então eu precisava fantasiar o máximo possível. Aí está minha questão: eu nunca fui viciado em pornografia como era em M, mas dependia dela por causa da death grip.

Por fim estão as causas aí todas relatadas.

Agora as melhorias:

Fiquei 15 dias em hardmode, logo depois disso tive um O durante a relação. Mas era necessário uso de fantasias e movimentos mais fortes.
Não conseguia O com a namorada tocando lá nem com oral, de jeito nenhum.

Recaída, recaída, recaída. Mas ainda assim valeram de algo pois ficava semanas e voltava, semanas e voltava. Mesmo assim reduziu meu vício, mesmo que sob intenso stress. Por fim decidi levar totalmente a sério, passando assim os 70 dias.

E daí percebi que já conseguia O sem fantasiar.
80 dias eu já tive O com oral e M da minha namorada.
Quase 100 dias, meu último desafio: conseguir isso em pé, e não consegui, mas cheguei muito perto, e de lá pra cá estou no hard mode.

Espero que isso possa te ajudar, quais "sintomas" você tem com a death grip? Tem diário?

Então, como contei um pouco no meu diário, eu sempre relacionei PMO desde moleque, e cheguei a fazer várias vezes ao dia, escalonando categorias de P e forçando em cada M.

Como vc, eu também tive DE duas vezes, e em ambas (com mulheres diferentes) eu não estava com minha libido muito alta e não consegui ficar ereto mesmo com os estímulos delas. Nem com o oral eu sentia prazer, assim como vc. Aqui já era o efeito da death grip. Só consegui uma ereção com dificuldade e depois de me M, mas ao colocar o preservativo e ir para a penetração eu comecei a perder a ereção. Na segunda vez foi parecido. Estava com uma semana de reboot e consegui ter uma ereção um pouco mais rapidamente, mas ainda assim com minha M somente. A ereção durou mais tempo na penetração, mas comecei a perder e ficar flácido. Depois não consegui me concentrar e morreu ali. A impressão era de que a relação em si não era tão satisfatória quanto M. Foi a partir dessa segunda vez que fiquei paranoico, e cheguei a cogitar ser assexual, inclusive. Mas a real é que não sou. Talvez as coisas fossem um pouco mais simples se eu fosse mesmo.

Enfim, é isso. Vlw pela atenção aqui.
avatar
Convidado
Convidado

Diário do Excogitatoris - Página 14 Empty Re: Diário do Excogitatoris

21/3/2021, 11:36
Jay Gatsby escreveu:
excogitatoris escreveu:
Jay Gatsby escreveu:Olá, amigo.

Li um pouco sobre o seu caso e me identifiquei, pois também passo por um problema de DE e death grip (as vezes fico com um pouco de receio de ser permanente, mas espero que não). Mesmo que ainda não esteja totalmente curado, vi um post que vc falou que teve algumas melhoras em relação a isso, o que me motivou a continuar, mesmo que essa melhora seja gradual e possa levar um pouco mais de tempo do que o esperado. Depois dos 90 dias, vc chegou a ter alguma relação com a sua namorada? E pôde observar mais melhoras na DE?

Abraço, e vamos seguir tentando!

Ainda não respondi as outras mensagens, por estar ocupado, mas essa mensagem me fez lembrar das melhorias, então achei fundamental te relatar elas.

Eu tenho DE desde meus 14/15 anos

Causas: falta de privacidade e eram MUITO raro o momento que eu ficava sozinho em casa, então tinha que me masturbar pressionando o pênis muito forte, não foi devido a masturbação excessiva, eu podia até ser viciado mas acredito que levasse mais anos pra criar problemas, só que a pressão acelerou isso demais.

Os sintomas eram seguintes nesses tempos, quando não havia feito sexo:

- Eu não conseguia sentir prazer me masturbando em pé e muito menos chegar ao O

- Mesmo deitado com certo tempo eu passei a ficar cada vez mais "enjoado" da masturbação então fui a pornografia, já que meu pênis estava insensível devido a masturbação com muita força, precisava de "incentivos" mais fortes pra conseguir, mas não dependia dela, só que tornava mais "prazerosa" por assim dizer. Depois passei a depender mais, mas nunca dependi 100% digamos.

Perdi a virgindade, se você já teve esse momento com alguém sabe que não é bom, só pode ser bom porque até lá eu era virgem e vi o corpo de uma garota nu, então o único prazer ali pra mim era a visão, pois eu não sentia nada lá, achei que fosse comum a mim por ser muito novo pra estar fazendo sexo (15 anos) Só ela quem acabava se satisfazendo, pois eu tinha que me M sozinho ali mesmo...  Mas eu me achava as vezes, pois uma vez consegui 5 horas durante o S, sem perder a ereção! Mas nada de prazer. Só tive DE duas vezes, e foi devido a falta de descanso + nervosismo, então meu problema é só a death grip mesmo.

Fiquei 2019 inteiro com paranóias que o problema fosse maior, fosse fisiológico. Mas aí descobri que meu problema era realmente o vício.
Diferente dos outros membros, que apresentam primeiro o vício em P e depois evolui pra M, o meu foi diferente:

Eu não tinha sensibilidade, então eu precisava fantasiar o máximo possível. Aí está minha questão: eu nunca fui viciado em pornografia como era em M, mas dependia dela por causa da death grip.

Por fim estão as causas aí todas relatadas.

Agora as melhorias:

Fiquei 15 dias em hardmode, logo depois disso tive um O durante a relação. Mas era necessário uso de fantasias e movimentos mais fortes.
Não conseguia O com a namorada tocando lá nem com oral, de jeito nenhum.

Recaída, recaída, recaída. Mas ainda assim valeram de algo pois ficava semanas e voltava, semanas e voltava. Mesmo assim reduziu meu vício, mesmo que sob intenso stress. Por fim decidi levar totalmente a sério, passando assim os 70 dias.

E daí percebi que já conseguia O sem fantasiar.
80 dias eu já tive O com oral e M da minha namorada.
Quase 100 dias, meu último desafio: conseguir isso em pé, e não consegui, mas cheguei muito perto, e de lá pra cá estou no hard mode.

Espero que isso possa te ajudar, quais "sintomas" você tem com a death grip? Tem diário?

Então, como contei um pouco no meu diário, eu sempre relacionei PMO desde moleque, e cheguei a fazer várias vezes ao dia, escalonando categorias de P e forçando em cada M.

Como vc, eu também tive DE duas vezes, e em ambas (com mulheres diferentes) eu não estava com minha libido muito alta e não consegui ficar ereto mesmo com os estímulos delas. Nem com o oral eu sentia prazer, assim como vc. Aqui já era o efeito da death grip. Só consegui uma ereção com dificuldade e depois de me M, mas ao colocar o preservativo e ir para a penetração eu comecei a perder a ereção. Na segunda vez foi parecido. Estava com uma semana de reboot e consegui ter uma ereção um pouco mais rapidamente, mas ainda assim com minha M somente. A ereção durou mais tempo na penetração, mas comecei a perder e ficar flácido. Depois não consegui me concentrar e morreu ali. A impressão era de que a relação em si não era tão satisfatória quanto M. Foi a partir dessa segunda vez que fiquei paranoico, e cheguei a cogitar ser assexual, inclusive. Mas a real é que não sou. Talvez as coisas fossem um pouco mais simples se eu fosse mesmo.

Enfim, é isso. Vlw pela atenção aqui.


Também cogitei se eu era assexual por um tempo. Eu odiava essa sensação de "dormência" lá, um saco. Mas tudo está se resolvendo aos poucos.
avatar
ג'וזו
Mensagens : 155
Data de inscrição : 05/02/2021

Diário do Excogitatoris - Página 14 Empty Se tornando vencedor

21/3/2021, 22:21
Boa noite, grande abraço
avatar
Convidado
Convidado

Diário do Excogitatoris - Página 14 Empty Re: Diário do Excogitatoris

22/3/2021, 02:40
Não respondi as mensagens porque estive ocupado com as atividades de religação, o problema é que logo que estava me levantando aconteceu uma coisa específica muito grave... E isso me abalou muito. Não vou entrar em detalhes porque isso é algo sem conexão ao fórum. Mas desanimei demais agora e nunca mais havia sentido tanta tristeza, não lembro de ter me machucado tanto assim faz um tempo e isso me pesa muito. Tenho que me manter alerta nessas horas...

Não penso em recair, mas tenho medo que isso mude, mas eu estarei dando meu máximo para lidar com tudo como sempre. Boa noite.
Mr robot
Mr robot
Mensagens : 228
Data de inscrição : 26/03/2017
Idade : 25
Localização : fsociety

Diário do Excogitatoris - Página 14 Empty Re: Diário do Excogitatoris

22/3/2021, 15:24
excogitatoris escreveu:Não respondi as mensagens porque estive ocupado com as atividades de religação, o problema é que logo que estava me levantando aconteceu uma coisa específica muito grave... E isso me abalou muito. Não vou entrar em detalhes porque isso é algo sem conexão ao fórum. Mas desanimei demais agora e nunca mais havia sentido tanta tristeza, não lembro de ter me machucado tanto assim faz um tempo e isso me pesa muito. Tenho que me manter alerta nessas horas...

Não penso em recair, mas tenho medo que isso mude, mas eu estarei dando meu máximo para lidar com tudo como sempre. Boa noite.

Há momentos que nos pega de surpresa e nos abala de uma maneira muito forte. Em momentos assim é necessário parar, respirar e cultivar uma plena atenção sobre tudo que está acontecendo. Sei que é uma tarefa bem árdua de se fazer principalmente quando estamos vivenciando momentos difíceis, mas esse movimento que proporciona uma melhor clareza parar lidar com essas situações. Fique bem mano!!

_______________________________________
Meu diário: https://www.comoparar.com/t4855-diario-elliot-alderson

avatar
Erkigsnek
Mensagens : 1251
Data de inscrição : 13/01/2020

Diário do Excogitatoris - Página 14 Empty Re: Diário do Excogitatoris

22/3/2021, 18:06
Excogitatoris, obrigado pela força em meu diário.

Cara, espero que dê tudo certo com o que aconteceu contigo, tá bom ? Você já deve saber disso mas, a pmo não vai ajudar a aliviar ou camuflar nada neste momento. Resista irmão, é que Deus possa te abençoar neste momento.

Força. Forte abraço.

_______________________________________
Meu diário:
https://www.comoparar.com/t10029-diario-do-erkigsnek

"Todos os vícios são mais leves quando são visíveis: eles são muito perniciosos quando se escondem sob um ar de pureza." - Sêneca
SheldonCooper94
SheldonCooper94
Mensagens : 416
Data de inscrição : 23/02/2021
Idade : 23
Localização : Passadena - California

Diário do Excogitatoris - Página 14 Empty Re: Diário do Excogitatoris

22/3/2021, 20:57
Salve, Exco!

Ao ler suas respostas pro pessoal que tem comentado aqui nos últimos dias posso ver que a gente também se identifica em alguns outros aspectos do vício - o sentimento de ser assexuado (na minha opinião o pior dos sentimentos). Mas posso falar que no meu caso, ao ficar ao menos uns 10, 15 dias no hard mode, já tenho ereções naturais e um retorno gradual da minha libido. Imagina em 90 dias. O hard mode salva vidas!
Alexandretj
Alexandretj
Moderador
Moderador
Mensagens : 970
Data de inscrição : 21/11/2016
Idade : 38

Diário do Excogitatoris - Página 14 Empty Re: Diário do Excogitatoris

22/3/2021, 21:15
Olá amigo! Dando uma passada aqui no seu diário. Espero ver muitas melhoras na sua jornada. Grande abraço

_______________________________________
Lima Gomes
Lima Gomes
Mensagens : 633
Data de inscrição : 19/07/2020

Diário do Excogitatoris - Página 14 Empty Re: Diário do Excogitatoris

22/3/2021, 21:40
Boa noite irmão ! Passando para lhe desejar uma semana abençoada !

E também, sabedoria para saber reagir diante dessa adversidade que vc relatou, mantenha o foco !

Forte abraço !

_______________________________________
Meu diário:
https://www.comoparar.com/t10805-diario-de-conquista


"Ele fortalece o cansado e da grande vigor ao que está sem forças. " Sl 40,29
Kaneki
Kaneki
Moderador
Moderador
Mensagens : 2109
Data de inscrição : 27/10/2015
Idade : 25
Localização : MG

Diário do Excogitatoris - Página 14 Empty ola

23/3/2021, 07:38
excogitatoris escreveu:Não respondi as mensagens porque estive ocupado com as atividades de religação, o problema é que logo que estava me levantando aconteceu uma coisa específica muito grave... E isso me abalou muito. Não vou entrar em detalhes porque isso é algo sem conexão ao fórum. Mas desanimei demais agora e nunca mais havia sentido tanta tristeza, não lembro de ter me machucado tanto assim faz um tempo e isso me pesa muito. Tenho que me manter alerta nessas horas...

Não penso em recair, mas tenho medo que isso mude, mas eu estarei dando meu máximo para lidar com tudo como sempre. Boa noite.
Amigo, sempre haverá momentos mais dificeis, mas ainda bem que sempre tbm haverá um outro dia, para que você possa recomeçar novamente e pensar em novas coisas boas, espero que continue indo bem, abraços;

_______________________________________


Metas: 7 dias; 15 dias; 20 dias; 25 dias; 30 dias.

MINHA HISTÓRIA DE SUCESSO: https://www.comoparar.com/t11429-finalmente-a-vitoria#326635
MEU DIÁRIO: https://www.comoparar.com/t1813p375-diario-do-kaneki#317713
avatar
Convidado
Convidado

Diário do Excogitatoris - Página 14 Empty Re: Diário do Excogitatoris

23/3/2021, 08:26
[quote="SheldonCooper94]]Salve, Exco!

Parabéns por ter conseguido controlar as suas vontades, eu espero que você continue as controlando e consiga realizar o hard mode. Fica tranquilo, se você consegue se controlar mesmo em lock down sem nada pra fazer, você vai tirar isso de letra quando nossa vida voltar ao normal.

Irmão, acho que eu sou alguns anos mais velho que você então eu vou te dar um conselho agora que pode mudar a sua vida. Já acompanho o seu diário faz algum tempo, sei que você pretende ingressar na faculdade de economia. Cara, pega todo seu tempo livre e estude as matérias do cursinho, passe 12h do seu dia estudando, faça essa atividade ser a sua atividade de religação mais intensa, se você quiser dicas sobre vestibular e cursinho estou de prontidão em ajudá-lo. Uma coisa eu posso te garantir, você nunca na sua vida vai se arrepender de estudar. Irmão, eu te prometo, quando você entrar na faculdade, principalmente se for em alguma faculdade federal, ou pública, e que você não more na casa dos seus pais, sua vida muda completamente. É claro que pra isso você vai ter que ser um cara extrovertido e ter disposição pra conhecer a galera, mas você vai ser aceito pelo pessoal independente de quem você seja. Foque nos seus estudos, você tem muito tempo ainda pra beber, fumar e experimentar tudo que a vida tem pra oferecer.

MEU DIÁRIO: https://www.comoparar.com/t11579p25-desistir-nao-e-uma-opcao#336318

SheldonCooper94[/quote]

Estou tentando maneiras de leitura, como disse planejo comprar um Kindle, mas vou precisar de ajuda pois não tenho emprego. Até lá penso se vou conseguir ler pelo celular ou PC, que fazem doer minha visão. De certa forma eu até gosto muito de estudar, mas nunca tenho o material necessário.


Última edição por excogitatoris em 23/3/2021, 08:29, editado 1 vez(es)
avatar
Convidado
Convidado

Diário do Excogitatoris - Página 14 Empty Re: Diário do Excogitatoris

23/3/2021, 08:28
Kaneki escreveu:Olá amigo, talvez tu consiga ler o livro pelo pc? então essa vontade é normal, na vdd tu está tendo vontade de fazer S, mas oq acontece é que tu precisa de dopaminas pra matar essa vontade, oq tu puder fazer de extranet vai te ajudar muito controlar isso, abraços.

Vou me manter o máximo ocupado possível diante de agora, mesmo que esteja faltando vontade (isso não importa) porque nesse momento temos que ser disciplinados.
avatar
Convidado
Convidado

Diário do Excogitatoris - Página 14 Empty Re: Diário do Excogitatoris

23/3/2021, 08:32
Fê escreveu:
excogitatoris escreveu:Hoje fui um dia meio decepcionante, eu criei e produzi muitas esperanças pelo livro do Goethe, mas acontece que eu estava lendo-o pelo Kindle de um familiar, havia emprestado, mas ele teve de pegar de volta. Por mais que seja uma coisa simples, agora não vou poder mais ler, a luz da tela do celular faz mal pra vista e eu que tenho miopia e nem uso óculos ainda, não tem como ler pelo celular.
Tive fantasias com P mas resisti e percebo que agora estou com vontade de me M, essa vontade está bem intensa mas estou controlando isso.
Eu usei o dia pra refletir bastante, mas confesso que estou bastante desanimado, mas em comparação com antes já percebi muitas melhorias, ler alguns diários e refletir me ajudaram. Acontece que esses dias têm sido bastante monótonos, esse lockdown, preciso de muita paciência continuamente para enfrentar isso enquanto prezo meu bem-estar.
Espero amanhã conseguir me manter ocupado, ainda estou procrastinando. Mas podem ter certeza que vou mudar isso o mais rápido possível.

Obrigado por ler até aqui.

Vc pode baixar o app Kindle pelo seu celular de graça e ajustar a luz!
Você ainda tem namorada? Chama ela pra um jantar e tenta de novo! Não tem? Tem vários apps por aí... Querer sexo é bem normal, tenta focar no momento e não lembrar de P.
Manda currículos pra diversas empresas e vai pessoalmente também (e se prepara para receber vários não ou pior ainda, nem receber resposta! É frustrante mas é a realidade. Eu também passo por isso! O melhor é já se preparar mentalmente). Você pode tentar uma caminhada e meditação para a mente espairecer...
Não desanima não!

Tem a mesma luz do Kindle (dispositivo) nesse app? A luz amarela? Pois essa não causa dor nos meus olhos. A luz do celular é LED, eu tenho miopia e hipermetropia mas não uso óculos ainda.
Ainda estou com minha namorada, ela é muito compressível com isso, ainda bem. Falando em currículo estou enviando pra um monte de empresa e sobre os outros conselhos vou pôr em prática!
avatar
Convidado
Convidado

Diário do Excogitatoris - Página 14 Empty Re: Diário do Excogitatoris

23/3/2021, 08:38
hattori escreveu:Olá novamente, Exco. Admito que vim inocentemente conhecer teu diário e acabei lendo todo o histórico kkk.

Estou até que bastante empolgado em estar aqui no fórum e interagir com outras pessoas que possuem o mesmo objetivo, mas confesso que ainda tinha um pouco de dúvida se realmente o tempo aqui no fórum valeria a pena. Isso até agora.

Estou há mais de uma hora e meia lendo as mensagens aqui e parece que nem passou todo esse tempo. Inspirador ver que mesmo quando tu recaia sempre ia lá e tentava novamente, ver as várias pessoas te apoiando e tu apoiando elas, a tua chegada aos 35 dias, a ascensão até os 60 dias que foi quando tu sumiu por um tempinho e apareceram diversas pessoas perguntando por ti, tua volta e chegada até os fuckin 90 dias e por fim descobrir que tu já está com 109 dias. Se fosse citar todas as partes que me inspiraram, iria ficar um texto gigante.

Fiquei abismado com a qualidade do teu texto "Lavagem Cerebral" e tópicos posteriores. Realmente uma análise individual e sociológica extremamente profunda sobre o problema que é a pornografia em seus diversos aspectos, em que tu conseguiu exprimir muito concisamente todas as ideias independente da complexidade. Vi que teus principais hobbies são justamente leitura e escrita. Não duvido que, se tu realmente curte, a escrita possa vir a se tornar facilmente um "hobbie remunerado" pois não é qualquer pessoa que consegue escrever com a qualidade que tu escreveu teus textos. De qualquer forma, independente do que tu for fazer, já irá ter notas máximas nas redações dos concursos kkkkk.

Parabéns pela jornada e muito obrigado por todo conhecimento que já passou aqui e em outros diários.

Estarei te acompanhando. Abraços.


Meu diário é bem estranho ao meu ver, eu não descrevia muito da escrita e me expressa mal, e eu não me esforçava totalmente. Não entendia nada do fórum, se meu diário te ajudou em algo mesmo que mínimo eu fico demasiadamente feliz, já que nunca presumi que conseguiria ajudar alguém de verdade.
Eu tenho momentos em que consigo escrever muito bem, eu gostaria de aproveitar melhor desses momentos mas acabo procrastinando, e lá se vai a ideia. Pra você ter uma ideia, eu tinha um diário e um caderno onde escrevia, reflexões e poesias e eu o joguei fora... Já faz meses que não escrevo, mas foi por algo bom, pois não conseguiria me focar em tanta coisa ao mesmo tempo, mas agora já é hora de voltar a isso, quem sabe eu realmente tenha talento nisso. Você me elogiou muito mas eu não sou tudo isso, acho que você escreve melhor que eu. Ainda tenho muito a evoluir, no momento por exemplo eu estou escrevendo errado por pura preguiça, e um escritor não faria isso.
avatar
Convidado
Convidado

Diário do Excogitatoris - Página 14 Empty Re: Diário do Excogitatoris

23/3/2021, 08:43
Mr robot escreveu:
excogitatoris escreveu:Tem toda razão Berislav acontece que sempre fui sozinho em minha infância e até agora na adolescência partindo pra idade adulta... Às vezes bate inveja de quem tem muitos amigos, me sinto desanimado e penso no que eu perdi: nunca bebi, fumei, saí com amigos pra algum lugar, parece que nunca vivi de maneira correta a minha vida, pelo menos de acordo com o padrão que criei em minha cabeça. Mas eu sei que isso é apenas autosabotagem, estou abrindo portas para socialização, mas só vou socializar se eu tiver vontade, muitas vezes mesmo com vontade eu não tomaria iniciativa mas quero mudar isso, perdi várias oportunidades por ter medo das pessoas. Mas penso que isso só será possível após o lockdown, pode levar um ano, dois anos. Tenho que ter paciência.
Mas acredito que não posso ser extrovertido mesmo querendo; preciso me aceitar. Mas também preciso dar o meu melhor.
Esses 108 dias me foram muito proveitosos, mas posso esperar pra quando completar 180 dias!

Opa irmão! Realmente somos parecidos em quesito de introversão. Sei bem como se sente com essa sensação de "não estar vivendo direto".

Mas o que eu penso sobre isso é que não há esse "direito", cada um vive a vida da forma que pode e que consegue, é claro que é importante sempre evoluir como pessoa e buscar crescimento, mas isso não quer dizer que devemos nos enquadrar a um "estilo de vida padrão". Nos somos livres para viver da melhor forma que achamos naquele momento e tá tudo certo!

Tamo junto!

Mr. Robot é essa dualidade que me corrói e confunde tanto por dentro, me sinto fisgado pelas dúvidas: se eu sinto vontade de fazer tal coisa, é porque estou forçosamente pensando assim por indução da sociedade ou realmente devo fazer aquilo pra ser meu melhor...

Essa dualidade é um mistério pra mim, por exemplo, eu julgava muito idiotice namorar antes, pra mim nunca cogitei que iria namorar algum dia... E cá estou aqui, apesar de ser meu primeiro relacionamento eu sei que não é um namoro qualquer, nós saímos e estudamos juntos; refletimos juntos e ela é bem responsável e compreensível; ao longo do tempo percebi dependência dela, mas soube tratar isso a tempo. Me sinto muito bem com ela.

E se as outras coisas que julgo não serem pra mim, são minhas e eu estou me negando um prazer que me é próprio?

É claro que devo permanecer um equilíbrio, quero que veja aqui outra ambiguidade ou seja lá que é isso: Ser minha melhor versão e ser eu mesmo. Está correlacionado ao anterior.

Me parece errado tentar dar seu melhor em todas as coisas (até as coisas que não gosta) e ser radical assim faz com que você nunca aceite a si mesmo. Mas ser apenas você mesmo te faz acreditar numa ilusão em que você pode ficar inerte, estagnado e nada mais importa, fazendo com que você nunca assuma seus erros e fracassos.

Portanto a conclusão de toda essa indagação que me acerca, é que creio que deva existir um ponto de equilíbrio entre essa dualidade. Portanto, minha pergunta vem sido: onde está meu ponto de equilíbrio? Se ele é relativo a cada pessoa, como vou encontrá-lo...
avatar
Convidado
Convidado

Diário do Excogitatoris - Página 14 Empty Re: Diário do Excogitatoris

23/3/2021, 08:52
sardinha escreveu:Prezado, li um pouco da sua história.
Apesar de se sentir culpado, fique feliz por descobrir que tem esse vício tão novo. Existem casos de pessoas que passam uma vida inteira e não se dão conta que são escravos da PMO. Então fique feliz por estar lutando conscientemente desse mal. Vamos vencer.

Lute contra a procrastinação. Uma coisa que está me ajudando muito é manter o meu dia cheio: faça alguma atividade física, leia um livro, estude um idioma. Enfim, invista o seu tempo no seu aprendizado pessoal e profissional.
Você verá que tendo um dia "cheio" fica mais díficil de cair na PMO. E com o tempo vai pensar muito pouco nisso.
Treine o seu cérebro para coisas legais e ele vai ficar cada vez mais eficiente nessas coisas. Nossos cérebros, no momento, são eficientes em pensar em sacanagem e estão viciados em dopamina. Precisamos reverter isso.
Estamos juntos e não desista.

FA

Eu sei, por uma parte me sinto mal por já ter isso muito cedo. Mas por outra me sinto bem por poder arrancar a raiz desse mal logo, não quero viver mais uma década, um ano, um mês, uma semana, um dia, uma hora, um minuto, um segundo vendo pornografia! Seguirei os conselhos, na verdade já estou pondo em prática. Agradeço pela visita em meu diário!
avatar
Convidado
Convidado

Diário do Excogitatoris - Página 14 Empty Re: Diário do Excogitatoris

23/3/2021, 08:56
ג'וזו escreveu:Boa noite, grande abraço

Bom dia meu caro.


Mr robot escreveu:
excogitatoris escreveu:Não respondi as mensagens porque estive ocupado com as atividades de religação, o problema é que logo que estava me levantando aconteceu uma coisa específica muito grave... E isso me abalou muito. Não vou entrar em detalhes porque isso é algo sem conexão ao fórum. Mas desanimei demais agora e nunca mais havia sentido tanta tristeza, não lembro de ter me machucado tanto assim faz um tempo e isso me pesa muito. Tenho que me manter alerta nessas horas...

Não penso em recair, mas tenho medo que isso mude, mas eu estarei dando meu máximo para lidar com tudo como sempre. Boa noite.

Há momentos que nos pega de surpresa e nos abala de uma maneira muito forte. Em momentos assim é necessário parar, respirar e cultivar uma plena atenção sobre tudo que está acontecendo. Sei que é uma tarefa bem árdua de se fazer principalmente quando estamos vivenciando momentos difíceis, mas esse movimento que proporciona uma melhor clareza parar lidar com essas situações. Fique bem mano!!

É muito bom sua ajuda aqui, sinto que consigo entender o que que você passa (mesmo não entendendo). É a questão da identificação. Se fosse meu eu antigo eu iria simplesmente me trancar no quarto ou no banheiro. Esperar passar e ficar pensando em problemas, cada dia pior e não fazendo nada sobre a situação.
Mas eu não sou assim agora, eu me sinto triste, no exato momento sinto um peso no meu peito, mas não vou deixar minhas conquistas pra trás, vou continuar em plena atenção, é esse o maior benefício que tive no reboot: a clareza mental.
avatar
Convidado
Convidado

Diário do Excogitatoris - Página 14 Empty Re: Diário do Excogitatoris

23/3/2021, 08:58
SheldonCooper94 escreveu:Salve, Exco!

Ao ler suas respostas pro pessoal que tem comentado aqui nos últimos dias posso ver que a gente também se identifica em alguns outros aspectos do vício - o sentimento de ser assexuado (na minha opinião o pior dos sentimentos). Mas posso falar que no meu caso, ao ficar ao menos uns 10, 15 dias no hard mode, já tenho ereções naturais e um retorno gradual da minha libido. Imagina em 90 dias. O hard mode salva vidas!

Realmente, não faz nem sentido eu achar isso sendo que sentia atração antes de ver P. Mas a sensação de negação de sensação era extremamente angustiante, esse foi um dos maiores pesos que já carreguei, e apesar de ainda não estar plenamente curado, eu nem fico mais pensando nisso, só vou deixar meu cérebro (neuroplasticidade) resolver enquanto eu o guio para as atividades de religação.
avatar
Convidado
Convidado

Diário do Excogitatoris - Página 14 Empty Re: Diário do Excogitatoris

23/3/2021, 09:02
Kaneki escreveu:
Amigo, sempre haverá momentos mais dificeis, mas ainda bem que sempre tbm haverá um outro dia, para que você possa recomeçar novamente e pensar em novas coisas boas, espero que continue indo bem, abraços;

Sim, é justamente durante os momentos difíceis que pomos em pratica se aprendemos de verdade ou não. Abraços.
Ir para o topo
Permissões neste fórum
Você não pode responder aos tópicos