Ir em baixo
avatar
Dominus
Mensagens : 20
Data de inscrição : 27/03/2020

Diário de um limitado Empty Diário de um limitado

em 27/3/2020, 19:44
Eu atribui esse nome ao meu diário, porque é exatamente assim que eu me sinto. Eu consigo perceber o potencial enorme que venho desperdiçado há muitos anos, e provavelmente o principal motivo disso, é o vício em PMO.

Eu acho que me masturbei pela primeira vez por volta dos 10 anos de idade, mas o meu vício mesmo, se deu em meados dos 12/13 anos, por diversas vezes eu cheguei a me masturbar 9,10x ao dia, tal dia que eu passava inteiro mergulhado no P. Como todo mundo, comecei leve, vendo mulheres sem roupa, até que cheguei em níveis BIZARROS de P.
As consequências disso, bom: De aluno gênio aos 11 anos de idade, me vi sendo medíocre em tudo,  sinto que estou usando menos de 1% da minha capacidade; Desenvolvi TDA; Perdi inúmeros relacionamentos; Perdi inúmeras oportunidades em diversos âmbitos da vida (como morar no exterior), quase entrei em depressão, já pensei em suicídio e entre outras várias coisas que só me destruiram ao longo desses anos.

Mas um dos motivos que mais me atormenta, é que desenvolvi DE, e isso já faz um certo tempo, desde 2015, aos 14 anos, já sentia esse problema aflorar. Tanto que por diversas vezes, optei por não levar nenhum relacionamento mais a sério, pq tinha medo de broxar (só essa palavra já me incomoda muito). E mesmo nas vezes que acaba rolando algo a mais, eu ficava meia bomba e inventava alguma desculpa pra escapar daquela situação.
Porém nas diversas vezes que de fato cheguei na hora H, nas que não falhei, tive um desempenho ruim mesmo com muito esforço, e isso se tratando de mulheres lindas com que eu tinha uma certa conexão, ou seja, não tinha motivo aparente pra eu fracassar.

Em meio a isso, minha DE agravou, até mesmo pra masturbação eu já não conseguia ter ereção, isso me tornou recluso, tive mais medo ainda de me relacionar. Porém arrisquei, e fracassei. Cheguei a visitar um urologista, que me mandou procurar um psicologo pois eu era saudável fisicamente, além de receitar tribulus, na época isso não funcionou.

Então que em 2020, depois de inúmeras frustrações e arrependimentos por ter jogado minha vida fora, comecei com o fim do PMO, na primeira semana, eu falhei, pois estava praticando M porém sem P e O, mas vi que isso ainda era muito prejudicial pra mim, e li sobre o REBOOT. Decidi então largar completamente o PMO, estou limpo há 28 dias, não estou usando bloqueadores e me perguntou se devo aderir ao programa REVERT.

O meu objetivo é me tornar a minha melhor versão, e tenho certeza que com a ajuda de vocês, a minha determinação e com a ajuda do meu querido Pai Celestial, irei chegar lá, me livrando desses demônios que me sufocam há anos. Escrevo nesse diário para documentar isso, me desejem o melhor, obrigado irmãos.
Powerranger
Powerranger
Mensagens : 1970
Data de inscrição : 17/02/2018

Diário de um limitado Empty Re: Diário de um limitado

em 28/3/2020, 15:56
Dominus escreveu:Eu atribui esse nome ao meu diário, porque é exatamente assim que eu me sinto. Eu consigo perceber o potencial enorme que venho desperdiçado há muitos anos, e provavelmente o principal motivo disso, é o vício em PMO.

Eu acho que me masturbei pela primeira vez por volta dos 10 anos de idade, mas o meu vício mesmo, se deu em meados dos 12/13 anos, por diversas vezes eu cheguei a me masturbar 9,10x ao dia, tal dia que eu passava inteiro mergulhado no P. Como todo mundo, comecei leve, vendo mulheres sem roupa, até que cheguei em níveis BIZARROS de P.
As consequências disso, bom: De aluno gênio aos 11 anos de idade, me vi sendo medíocre em tudo,  sinto que estou usando menos de 1% da minha capacidade; Desenvolvi TDA; Perdi inúmeros relacionamentos; Perdi inúmeras oportunidades em diversos âmbitos da vida (como morar no exterior), quase entrei em depressão, já pensei em suicídio e entre outras várias coisas que só me destruiram ao longo desses anos.

Mas um dos motivos que mais me atormenta, é que desenvolvi DE, e isso já faz um certo tempo, desde 2015, aos 14 anos, já sentia esse problema aflorar. Tanto que por diversas vezes, optei por não levar nenhum relacionamento mais a sério, pq tinha medo de broxar (só essa palavra já me incomoda muito). E mesmo nas vezes que acaba rolando algo a mais, eu ficava meia bomba e inventava alguma desculpa pra escapar daquela situação.
Porém nas diversas vezes que de fato cheguei na hora H, nas que não falhei, tive um desempenho ruim mesmo com muito esforço, e isso se tratando de mulheres lindas com que eu tinha uma certa conexão, ou seja, não tinha motivo aparente pra eu fracassar.

Em meio a isso, minha DE agravou, até mesmo pra masturbação eu já não conseguia ter ereção, isso me tornou recluso, tive mais medo ainda de me relacionar. Porém arrisquei, e fracassei. Cheguei a visitar um urologista, que me mandou procurar um psicologo pois eu era saudável fisicamente, além de receitar tribulus, na época isso não funcionou.

Então que em 2020, depois de inúmeras frustrações e arrependimentos por ter jogado minha vida fora, comecei com o fim do PMO, na primeira semana, eu falhei, pois estava praticando M porém sem P e O, mas vi que isso ainda era muito prejudicial pra mim, e li sobre o REBOOT. Decidi então largar completamente o PMO, estou limpo há 28 dias, não estou usando bloqueadores e me perguntou se devo aderir ao programa REVERT.

O meu objetivo é me tornar a minha melhor versão, e tenho certeza que com a ajuda de vocês, a minha determinação e com a ajuda do meu querido Pai Celestial, irei chegar lá, me livrando desses demônios que me sufocam há anos. Escrevo nesse diário para documentar isso, me desejem o melhor, obrigado irmãos.

Primeiramente sej bem vindo Dominus, prazer em conhece-lo, sou o Power.

Minha história e a história de vários aqui são parecidas com a sua, um ponto que me chamou atenção foi o potencial perdido, como você eu também passei por isso, de sentir que desperdicei parte da minha adolecencia com PMO e deixei de lado coisas incríveis que eu poderia fazer.Até os 11 anos também tinha o desempenho excelente, só tirava 10 e era uns dos melhores alunos, mas conforme conheci a PMO e fui ficando viciado, meu rendimento foi de ladeira a baixo, e dai em diante comecei a ser aquele aluno na média, eu sabia que poderia fazer mais, porém o vicio me segurava.

Isso também aconteceu no âmbito social, eu deixei de olhar nos olhos das pessoas, de conseguir conversar e desenvolvi ansiedade social, isso durou até o ensino médio, quando decidi tentar mudar e também fui identificando que a PMO poderia ser um vicio.

Bem agora você sabe que a DE muito provavelmente foi causada pelo vicio em PMO, pois ficamos muito acostumados a somente a sexualidade que nos é apresentada na PMO, e o cérebro começa a só ter prazer em pixels em uma tela.

Vou recomendar alguns links que considero muito importantes, aqui estão:

Orientações básicas: http://www.comoparar.com/t78-orientacoes-basicas

Glossário: http://www.comoparar.com/t79-glossario-terminologia-basica

Bloqueadores: http://www.comoparar.com/t76-como-usar-os-bloqueadores-para-enganar-o-cerebro

Falácias sobre os bloqueadores:http://www.comoparar.com/t295-as-12-maiores-falacias-que-contamos-a-nos-mesmos-sobre-a-nao-instalacao-de-bloqueadores

Um grande abraço amigo, aqui te ajudaremos nesse vicio.

_______________________________________
"Se eu desistir agora, logo estarei de volta onde eu comecei. E quando comecei, eu estava desesperadamente desejando estar onde estou agora."
Justiceiro do Sertão
Justiceiro do Sertão
Mensagens : 1969
Data de inscrição : 13/09/2014
Idade : 28

Diário de um limitado Empty Re: Diário de um limitado

em 29/3/2020, 20:01
Bem-vindo e intensos cumprimentos, Dominus.

Temos muito em comum. O vício por vezes leva a consequências tristemente parecidas de um para outro. Assim como você, passei muitos anos desperdiçando grande potencial que modéstia à parte sentia possuir. Quando garoto, também fui considerado aluno brilhante, quase um menino prodígio ainda bem pequeno, para na adolescência afundar no vício, me masturbando por várias horas seguidas ao dia, chegar perto de um colapso mental e quase cometer suicídio. Também quase entrei em depressão, também perdi um intercâmbio (aí já na faculdade), também perdi muitas oportunidades com garotas incríveis por dentro e por fora (certa vez fui visado pela mais desejada do colégio, só isso...), também joguei minha vida fora.

Não é bom ficar assim recordando tanto o passado, contudo que ele fique para sempre como (mau) exemplo. Lute com toda sua determinação que terá o meu e o nosso apoio. Agora é vencer ou vencer. Conte comigo e um abraço.

_______________________________________
Meu diário: http://www.comoparar.com/t2940-24-de-volta-a-guerra-ferido-humilhado-ate-injusticado-mas-nunca-vencido



Win or die trying.
avatar
Ed jr
Mensagens : 25
Data de inscrição : 02/03/2020
Idade : 23

Diário de um limitado Empty Re: Diário de um limitado

em 29/3/2020, 21:16
História parecida com a minha e muitos outros, broxei com minha namorada a cerca de 2 anos.
Da última vez que tentamos já conseguir manter melhor, isso perto de terminar o primeiro mês de nofap modo hard.
Da um pulo no meu diário se quiser saber mais detalhes, mas de qualquer jeito pra mim o Nofap junto com o Tribulus Terrestris + Maca Peruana ajudou, dê preferência a ambos juntos

_______________________________________
avatar
Dominus
Mensagens : 20
Data de inscrição : 27/03/2020

Diário de um limitado Empty Re: Diário de um limitado

em 30/3/2020, 01:47
Powerranger escreveu:
Dominus escreveu:Eu atribui esse nome ao meu diário, porque é exatamente assim que eu me sinto. Eu consigo perceber o potencial enorme que venho desperdiçado há muitos anos, e provavelmente o principal motivo disso, é o vício em PMO.

Eu acho que me masturbei pela primeira vez por volta dos 10 anos de idade, mas o meu vício mesmo, se deu em meados dos 12/13 anos, por diversas vezes eu cheguei a me masturbar 9,10x ao dia, tal dia que eu passava inteiro mergulhado no P. Como todo mundo, comecei leve, vendo mulheres sem roupa, até que cheguei em níveis BIZARROS de P.
As consequências disso, bom: De aluno gênio aos 11 anos de idade, me vi sendo medíocre em tudo,  sinto que estou usando menos de 1% da minha capacidade; Desenvolvi TDA; Perdi inúmeros relacionamentos; Perdi inúmeras oportunidades em diversos âmbitos da vida (como morar no exterior), quase entrei em depressão, já pensei em suicídio e entre outras várias coisas que só me destruiram ao longo desses anos.

Mas um dos motivos que mais me atormenta, é que desenvolvi DE, e isso já faz um certo tempo, desde 2015, aos 14 anos, já sentia esse problema aflorar. Tanto que por diversas vezes, optei por não levar nenhum relacionamento mais a sério, pq tinha medo de broxar (só essa palavra já me incomoda muito). E mesmo nas vezes que acaba rolando algo a mais, eu ficava meia bomba e inventava alguma desculpa pra escapar daquela situação.
Porém nas diversas vezes que de fato cheguei na hora H, nas que não falhei, tive um desempenho ruim mesmo com muito esforço, e isso se tratando de mulheres lindas com que eu tinha uma certa conexão, ou seja, não tinha motivo aparente pra eu fracassar.

Em meio a isso, minha DE agravou, até mesmo pra masturbação eu já não conseguia ter ereção, isso me tornou recluso, tive mais medo ainda de me relacionar. Porém arrisquei, e fracassei. Cheguei a visitar um urologista, que me mandou procurar um psicologo pois eu era saudável fisicamente, além de receitar tribulus, na época isso não funcionou.

Então que em 2020, depois de inúmeras frustrações e arrependimentos por ter jogado minha vida fora, comecei com o fim do PMO, na primeira semana, eu falhei, pois estava praticando M porém sem P e O, mas vi que isso ainda era muito prejudicial pra mim, e li sobre o REBOOT. Decidi então largar completamente o PMO, estou limpo há 28 dias, não estou usando bloqueadores e me perguntou se devo aderir ao programa REVERT.

O meu objetivo é me tornar a minha melhor versão, e tenho certeza que com a ajuda de vocês, a minha determinação e com a ajuda do meu querido Pai Celestial, irei chegar lá, me livrando desses demônios que me sufocam há anos. Escrevo nesse diário para documentar isso, me desejem o melhor, obrigado irmãos.

Primeiramente sej bem vindo Dominus, prazer em conhece-lo, sou o Power.

Minha história e a história de vários aqui são parecidas com a sua, um ponto que me chamou atenção foi o potencial perdido, como você eu também passei por isso, de sentir que desperdicei parte da minha adolecencia com PMO e deixei de lado coisas incríveis que eu poderia fazer.Até os 11 anos também tinha o desempenho excelente, só tirava 10 e era uns dos melhores alunos, mas conforme conheci a PMO e fui ficando viciado, meu rendimento foi de ladeira a baixo, e dai em diante comecei a ser aquele aluno na média, eu sabia que poderia fazer mais, porém o vicio me segurava.

Isso também aconteceu no âmbito social, eu deixei de olhar nos olhos das pessoas, de conseguir conversar e desenvolvi ansiedade social, isso durou até o ensino médio, quando decidi tentar mudar e também fui identificando que a PMO poderia ser um vicio.

Bem agora você sabe que a DE muito provavelmente foi causada pelo vicio em PMO, pois ficamos muito acostumados a  somente a sexualidade que nos é apresentada na PMO, e o cérebro começa a só ter prazer em pixels em uma tela.

Vou recomendar alguns links que considero muito importantes, aqui estão:

Orientações básicas: http://www.comoparar.com/t78-orientacoes-basicas

Glossário: http://www.comoparar.com/t79-glossario-terminologia-basica

Bloqueadores: http://www.comoparar.com/t76-como-usar-os-bloqueadores-para-enganar-o-cerebro

Falácias sobre os bloqueadores:http://www.comoparar.com/t295-as-12-maiores-falacias-que-contamos-a-nos-mesmos-sobre-a-nao-instalacao-de-bloqueadores

Um grande abraço amigo, aqui te ajudaremos nesse vicio.


Cara, achei do k7 esse frase na sua bio, e realmente, vivemos histórias muito parecidas. Mas enfim, eu tbm tive minha fase de não olhar nos olhos e etc... Mas felizmente sinto que venho evoluindo nesse quesito nos últimos anos... A DE que desenvolvi acontecia até quando eu praticava M, mas eu acredito que sim, o problema foi o PMO, foram cerca de 5 anos mergulhado profundamente no vício, várias vezes por dia, acho que isso foi me destruindo aos poucos, e o pior é que eu percebi meu vício há muito tempo, mas fui fraco e continuei. Obrigado pelas palavras, se puder passar sempre aqui e conversar comigo, será de grande valia. Amanhã completo 1 mês de NoFAP, mas meu cérebro continua me traindo, penso em sexo muitas vezes ao dia, sonhos com  P/Sexo freqüentemente, eu não sei como me livrar disso.
avatar
Dominus
Mensagens : 20
Data de inscrição : 27/03/2020

Diário de um limitado Empty Re: Diário de um limitado

em 30/3/2020, 01:54
Justiceiro do Sertão escreveu: Bem-vindo e intensos cumprimentos, Dominus.

Temos muito em comum. O vício por vezes leva a consequências tristemente parecidas de um para outro. Assim como você, passei muitos anos desperdiçando grande potencial que modéstia à parte sentia possuir. Quando garoto, também fui considerado aluno brilhante, quase um menino prodígio ainda bem pequeno, para na adolescência afundar no vício, me masturbando por várias horas seguidas ao dia, chegar perto de um colapso mental e quase cometer suicídio. Também quase entrei em depressão, também perdi um intercâmbio (aí já na faculdade), também perdi muitas oportunidades com garotas incríveis por dentro e por fora (certa vez fui visado pela mais desejada do colégio, só isso...), também joguei minha vida fora.

Não é bom ficar assim recordando tanto o passado, contudo que ele fique para sempre como (mau) exemplo. Lute com toda sua determinação que terá o meu e o nosso apoio. Agora é vencer ou vencer. Conte comigo e um abraço.


É realmente, tudo o que você relatou de fato, também aconteceu comigo, muito gratificante ter pessoas parecidas com vc que lutam por um mesmo propósito. Como falei acima, estou com esse problema de pensar muito em sexo e em P mesmo não consumindo mais isso há 1 mês, você tem alguma sugestão? Até tenho oportunidades de sexo, mas prefiro me manter limpo por mais tempo, pra ter certeza que estarei curado. Desde já, valeu mesmo pela força, Justiceiro!
avatar
Dominus
Mensagens : 20
Data de inscrição : 27/03/2020

Diário de um limitado Empty Re: Diário de um limitado

em 30/3/2020, 01:55
Ed jr escreveu:História parecida com a minha e muitos outros, broxei com minha namorada a cerca de 2 anos.
Da última vez que tentamos já conseguir manter melhor, isso perto de terminar o primeiro mês de nofap modo hard.
Da um pulo no meu diário se quiser saber mais detalhes, mas de qualquer jeito pra mim o Nofap junto com o Tribulus Terrestris + Maca Peruana ajudou, dê preferência a ambos juntos

Comecei a tomar tribulus há 5 dias, nenhuma mudança considerável desde então, será a Maca mais eficiente?
avatar
Ed jr
Mensagens : 25
Data de inscrição : 02/03/2020
Idade : 23

Diário de um limitado Empty Re: Diário de um limitado

em 30/3/2020, 07:37
Pra surgir efeito da tribulus com a maca tem que ser pelo menos um ou dois meses de uso, fazendo isso juntamente com o nofap vai dar um gás na sua recuperação, ou se preferir fique apenas no nofap, modo hard! É o que vai dar mais benéfico. Qualquer lojinha de suplementos naturais tem desse, o que eu tô tomando é o Tribulus Black Testo Power. Mas aí tem várias marcas diferentes, cada um com seu tempo, não posso dizer que esse que eu tô tomando é o melhor de todos, mas na lojinha que eu fui esse era a melhor que tinha pra levar. 120 comprimidos para tomar 2x ao dia durante 2 meses. Acabei de completar um mês, os resultados são mais lentos por que seu corpo ainda vai absorvendo aos poucos. Mas acho que no fim do segundo mês já vou estar melhor, pois vai ser o segundo mês do suplemento e do nofap juntos
Justiceiro do Sertão
Justiceiro do Sertão
Mensagens : 1969
Data de inscrição : 13/09/2014
Idade : 28

Diário de um limitado Empty Re: Diário de um limitado

em 30/3/2020, 19:22
Dominus escreveu:
Justiceiro do Sertão escreveu: Bem-vindo e intensos cumprimentos, Dominus.

Temos muito em comum. O vício por vezes leva a consequências tristemente parecidas de um para outro. Assim como você, passei muitos anos desperdiçando grande potencial que modéstia à parte sentia possuir. Quando garoto, também fui considerado aluno brilhante, quase um menino prodígio ainda bem pequeno, para na adolescência afundar no vício, me masturbando por várias horas seguidas ao dia, chegar perto de um colapso mental e quase cometer suicídio. Também quase entrei em depressão, também perdi um intercâmbio (aí já na faculdade), também perdi muitas oportunidades com garotas incríveis por dentro e por fora (certa vez fui visado pela mais desejada do colégio, só isso...), também joguei minha vida fora.

Não é bom ficar assim recordando tanto o passado, contudo que ele fique para sempre como (mau) exemplo. Lute com toda sua determinação que terá o meu e o nosso apoio. Agora é vencer ou vencer. Conte comigo e um abraço.


É realmente, tudo o que você relatou de fato, também aconteceu comigo, muito gratificante ter pessoas parecidas com vc que lutam por um mesmo propósito. Como falei acima, estou com esse problema de pensar muito em sexo e em P mesmo não consumindo mais isso há 1 mês, você tem alguma sugestão? Até tenho oportunidades de sexo, mas prefiro me manter limpo por mais tempo, pra ter certeza que estarei curado. Desde já, valeu mesmo pela força, Justiceiro!

Meu caro, sei que serei simplista e bem direto, contudo não posso dizer senão que o começo é uma tortura mesmo. O negócio, assim de bate-pronto, é ocupar a cabeça. Para ser direto, para não sair dando uma explicação longa e talvez até falar besteira, digo para você ocupar sua cabeça. Ir fazer alguma coisa nem que seja tremendo de vontade de P. Em meu início, partia para banhos gelados, não sei se lhe convirá, todavia afirmo que aí depende muito do caso de cada um, você é que, em meio ao que estou dizendo, deverá analisar bem, maduro como um homem, o que lhe ocupará de maneira saudável e produtiva a mente, nossa sagrada máquina, em substituição ao vício.

Para ser direto, é isso. Não me leve como alguém rude, para um iniciante a dica não parece ser outra. Força!

_______________________________________
Meu diário: http://www.comoparar.com/t2940-24-de-volta-a-guerra-ferido-humilhado-ate-injusticado-mas-nunca-vencido



Win or die trying.
avatar
Dominus
Mensagens : 20
Data de inscrição : 27/03/2020

Diário de um limitado Empty Re: Diário de um limitado

em 31/3/2020, 01:12
Justiceiro do Sertão escreveu:
Dominus escreveu:
Justiceiro do Sertão escreveu: Bem-vindo e intensos cumprimentos, Dominus.

Temos muito em comum. O vício por vezes leva a consequências tristemente parecidas de um para outro. Assim como você, passei muitos anos desperdiçando grande potencial que modéstia à parte sentia possuir. Quando garoto, também fui considerado aluno brilhante, quase um menino prodígio ainda bem pequeno, para na adolescência afundar no vício, me masturbando por várias horas seguidas ao dia, chegar perto de um colapso mental e quase cometer suicídio. Também quase entrei em depressão, também perdi um intercâmbio (aí já na faculdade), também perdi muitas oportunidades com garotas incríveis por dentro e por fora (certa vez fui visado pela mais desejada do colégio, só isso...), também joguei minha vida fora.

Não é bom ficar assim recordando tanto o passado, contudo que ele fique para sempre como (mau) exemplo. Lute com toda sua determinação que terá o meu e o nosso apoio. Agora é vencer ou vencer. Conte comigo e um abraço.


É realmente, tudo o que você relatou de fato, também aconteceu comigo, muito gratificante ter pessoas parecidas com vc que lutam por um mesmo propósito. Como falei acima, estou com esse problema de pensar muito em sexo e em P mesmo não consumindo mais isso há 1 mês, você tem alguma sugestão? Até tenho oportunidades de sexo, mas prefiro me manter limpo por mais tempo, pra ter certeza que estarei curado. Desde já, valeu mesmo pela força, Justiceiro!

Meu caro, sei que serei simplista e bem direto, contudo não posso dizer senão que o começo é uma tortura mesmo. O negócio, assim de bate-pronto, é ocupar a cabeça. Para ser direto, para não sair dando uma explicação longa e talvez até falar besteira, digo para você ocupar sua cabeça. Ir fazer alguma coisa nem que seja tremendo de vontade de P. Em meu início, partia para banhos gelados, não sei se lhe convirá, todavia afirmo que aí depende muito do caso de cada um, você é que, em meio ao que estou dizendo, deverá analisar bem, maduro como um homem, o que lhe ocupará de maneira saudável e produtiva a mente, nossa sagrada máquina, em substituição ao vício.

Para ser direto, é isso. Não me leve como alguém rude, para um iniciante a dica não parece ser outra. Força!

Me expressei mal, eu não tenho vontade alguma de ver P, mas as imagens que estão na minha cabeça me incomodam muito, é isso, eu fico pensando no que já assisti durante todo esse tempo, além de pensar nas minhas antigas parceiras frequentemente.
avatar
Dominus
Mensagens : 20
Data de inscrição : 27/03/2020

Diário de um limitado Empty Re: Diário de um limitado

em 5/4/2020, 16:07
Esse sentimento permanece, tenho sonhado com S e principalmente P, todavia eu sou uma pessoa que frequentemente possui sonhos lúcidos, na última noite meu cérebro me bombardeou de P e eu lutava pra tentar dispersar as imagens (de forma consciente) mas ele insistia, depois de muito esforço, acordei. Tenho muitas dúvidas se devo ter sexo agora, ainda tenho medo de falhar.

_______________________________________
avatar
Dominus
Mensagens : 20
Data de inscrição : 27/03/2020

Diário de um limitado Empty Re: Diário de um limitado

em 9/4/2020, 12:51
Transei ontem, duas vezes. A primeira minha ereção foi bem mais ou menos, mas na segunda foi uma boa ereção, não tinha uma assim há tempos, mas tive orgasmo mais rápido que na primeira, estranho. Eu estava relutante pois queria preservar mais meu corpo e minha energia sexual e me manter 100% limpo. Portanto, me arrependi muito, no instante seguinte já me senti mal, me senti sujo e decidi agora que a partir de agora só vou entregar meu corpo à alguém que eu tenha uma relação profunda, sexo por sexo me fez mal, não acho que vale a pena desperdiçar energia com alguém que não mereça.
Será se devo resetar meus contadores? Eu me senti realmente mal.

_______________________________________
PHPauloHenrique
PHPauloHenrique
Mensagens : 662
Data de inscrição : 02/03/2017
Idade : 18

Diário de um limitado Empty Re: Diário de um limitado

em 11/4/2020, 10:07
Bom mano, kakakakakakaka aí sim mlk, o Corona vírus tirou algumas chances minhas de transar esse mês, mais continue focando no Reboot que vai ser sucesso mano, irei começar a acompanhar seu diário aqui. tmj

_______________________________________
avatar
Dominus
Mensagens : 20
Data de inscrição : 27/03/2020

Diário de um limitado Empty Re: Diário de um limitado

em 17/4/2020, 00:10
Alguém me tira uma dúvida: Receber nude da gata ferra o reboot?

_______________________________________
avatar
Dominus
Mensagens : 20
Data de inscrição : 27/03/2020

Diário de um limitado Empty Re: Diário de um limitado

em 27/5/2020, 08:01
Salve aí galera, hoje, depois de uns 40 dias depois da última ejaculação, e próximo aos 90 dias de reboot, eu tive uma polução noturna. É curioso que, eu não lembro te der tido outra anteriormente. Outro fato é que eu sonhei que estava transando 2x. Enfim, rumo aos 100 dias, para em seguida rumo aos 200, 400, e assim por diante, como disse a Dilma: "dobrando a meta que não existe".

_______________________________________
avatar
Dominus
Mensagens : 20
Data de inscrição : 27/03/2020

Diário de um limitado Empty Re: Diário de um limitado

em 1/6/2020, 11:48
Já foram os 90 dias de easy mode. Hard mode talvez uns 45 dias. Eu tenho muito mais energia e confiança. Mas minha DE e libido baixa continuam, pq eu digo isso? Pq as ereções matinais ainda estão ausentes. Meu cérebro é mesmo de um viciado, eu percebo isso agora, ele tenta me dar gatilhos frequentemente, tenho resistido. Apesar desses pontos negativos, eu tinha um pequeno nível de HOCP, coisa que sumiu agora. Todavia, acredito que eu devia ter permanecido no hard mode.

_______________________________________
avatar
Dominus
Mensagens : 20
Data de inscrição : 27/03/2020

Diário de um limitado Empty Re: Diário de um limitado

em 1/6/2020, 11:52
Não posso deixar de dizer que minha barba tá mais volumosa, minha voz mais estável, sinto uma certa clareza mental, e alguns outros pequenos detalhes que me fazem me sentir melhor. Mas a reclusão social tem me atrapalhado muito, eu ainda tenho procrastinado, preciso reagir.

_______________________________________
Rocketman
Rocketman
Mensagens : 115
Data de inscrição : 24/12/2019
Idade : 18
Localização : Rio de Janeiro

Diário de um limitado Empty Re: Diário de um limitado

em 2/6/2020, 12:54
Olá dominus,
Vejo que sua história é bem parecida com muitos casos, inclusive com minha, de uma pessoa que se dedicava, tirava grandes notas no colégio até conhecer o mundo da pornografia e ter o início de uma decadência, isso ainda numa fase inicial da vida, na pré adolescência. É um grande passo seu ter reconhecido que teve grandes perdas pelo alto consumo/vício em pornografia e começar um reboot, eu irei acompanhar seu diário, sempre que puder irei vir aqui e dar uma força! Caminhando e Lutando! Abraços!

_______________________________________
"Amanhã será um lindo dia, da mais louca alegria que se possa imaginar"
"Amanhã redobrada força, pra cima que não cessa há de vingar"
~ Guilherme Arantes


avatar
Dominus
Mensagens : 20
Data de inscrição : 27/03/2020

Diário de um limitado Empty Re: Diário de um limitado

em 13/7/2020, 22:47
É caras, eu não comecei a religar ainda. Tem uns 3 meses (uns 4 meses e meio de reboot) desde a minha última relação sexual (que foi mais ou menos) e eu não me sinto bem. Minha libido tá bem baixa já faz tempo, logo minha DE permance. Tenho algumas raríssimas ereções espontâneas, e são "meia bomba". Não acho que eu tenha problema físico, meu desempenho esportivo não é típico de alguém que teria testosterona baixa. Vocês sabem como iniciar um bom religamento? Ou como melhorar a libido a partir do reboot? Apesar de tudo, eu não tenho mais vontade de ver P, meu HOCTP já era (nem trans me desce mais), me sjnto de certa forma, curado, por esse lado. Abraço pro amigo que respondeu aí, e anseio por novas respostas de vocês, meu diário tá meio solitário.

_______________________________________
avatar
Dominus
Mensagens : 20
Data de inscrição : 27/03/2020

Diário de um limitado Empty Re: Diário de um limitado

em 18/7/2020, 03:03
Transei, fodase. Foi razoável, n senti nada com preservativo, tirei e foi bom, vou atrás de coquetel amanhã. Uns 3 meses de hard mode. Voltei para o easy.

_______________________________________
avatar
Dominus
Mensagens : 20
Data de inscrição : 27/03/2020

Diário de um limitado Empty Re: Diário de um limitado

em 18/7/2020, 14:25
Ereção não foi 100% mas foi boa o bastante para uma penetração tranquila. Eu acho que depois desses meses, a religação é muito importante.

_______________________________________
Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum