Ir em baixo
avatar
Patrick_92
Mensagens : 1
Data de inscrição : 27/04/2020
Idade : 28

Vicio ao extremo Empty Vicio ao extremo

em 27/4/2020, 15:14
Tenho 28 anos e vou tentar relatar o meu histórico de maneira mais honesta, sincera e breve possivel.

Sempre fui muito tímido, bastante sociável com quem conheço, mas um pouco fechado para novas amizades. Ao mesmo tempo, muito ansioso e sempre me considerei uma pessoa muito sexual e nunca tive problema em me assumir assim para eu mesmo.

Por volta dos 16 anos, a pornografia passou a ser um hábito mas nunca percebi que poderia virar um problema tão grande.
Tudo piorou quando meus pais começaram a viajar com uma certa frequência e eu ter que ficar em casa sozinho por causa dos estudos.
Desde então, sempre quando ficava sozinho não fazia outra coisa que PMO que logo depois de alguns meses passou a um nível absurdo. Chegando a ficar no computador por mais de 7 horas e me masturbar até 12/15 vezes ao dia.

Aos 18 anos comecei a namorar com meu primeiro namorado. Foi uma relação breve mas bastante saudável. Os indícios da minha compulsão não afetavam ainda minha vida sexual e me ajudou bastante nesse periodo porque me afastei um pouco da pornografia devido a que me sentia muito feliz e satisfeito com o sexo no namoro. Até acho que se continuasse, poderia ter evitado chegar no extremo onde cheguei.

3 meses após começar a namorar, decidi estudar fora do país. Foi uma reviravolta na minha vida. Cidade nova, país novo, pessoas novas, faculdade nova e longe de tudo que me fazia sentir cómodo e seguro. Isso foi a chave mestra para fazer minha ansiedade se agravar mais e mais. Para aliviar, comecei novamente a me distrair com PMO. Foi então que a coisa começou a ficar séria.

Por volta dos 20 anos, dois anos ja morando no exterior e totalmente viciado em pornografia, os vídeos convencionais ja não me satisfaziam como antes. Comecei a procurar por categorías de videos exóticas e desenvolvi muitos fetiches.
Ja estava calejado da mesmisse e precisava coisas novas para continuar a me satifazer. Em paralelo, fiz meu perfil em apps de relaciomento, conheci gente que compartilhava os mesmos gostos que eu e fiz alguns "amigos". A pornografia que eu via somente na tela do PC passou a ser vivenciada no mundo real.
Comecei a frequentar festas de sexo, "inferninhos", ficar com pessoas que somente faziam sexo com fetiches extremos e etc.

No sexo, começou a ter participação de drogas como poppers e cocaína. Durante anos minha vida sexual se resumía a pornografía, drogas e sexo fetichista. Eu ja não funcionava sem estes estímulos extremos que me proporcionaram prazer por tanto tempo.

Até que um certo dia, conheci meu namorado atual, ja estamos juntos a alguns anos. Ele nunca soube destes problemas que eu tive com as drogas. Parei com as drogas, embora a pornografia virtual continuar presente e durante muito tempo estive bastante controlado; embora, ter de levar uma vida dupla entre o sexo no relaciomento e o PMO.

Tenho DE, ER, meu namorado sabe que é pelo fato de eu assistir muita pornografia. Ja chegamos a falar sobre isso, nos separamos uma vez, voltamos com a condição de eu me tratar. Fiz alguns acompanhamentos psicoterapeuticos mas não senti que tenha tido algum avanço.

Estou disposto a ir ao psiquiatra directamente quando termine a quarentena mas enquanto isso, paralelamente, quero expor minhas vulnerabilidades e torná-lo público. Acho que é importante para os primeiros passos.

Agradeço a oportunidade de poder falar sobre o assunto aqui.


Última edição por Patrick_92 em 28/4/2020, 04:42, editado 2 vez(es)
ANDRÉ-
ANDRÉ-
Mensagens : 131
Data de inscrição : 06/04/2020
Localização : Belo Horizonte

Vicio ao extremo Empty Re: Vicio ao extremo

em 27/4/2020, 15:42
SEJA BEM-VINDO.
REALMENTE NÓS VICIADOS ESCALONAMOS A PORNOGRAFIA E ADENTRAMOS O MUNDO DOS FETICHES. DEPENDENDO DO PAÍS, AS PRÁTICAS DESSES FETICHES SÃO MUITO MAIS POSSÍVEIS QUE AQUI NO BRASIL. ( por ex. Berlin, Paris, Barcelona, Madri ...etc)
ESPERO QUE NÃO TENHA CHEGADO AO FETICHE DE SURUBAS SEM PRESERVATIVOS PELO RISCO DE DST. MAS, SE SIM, BOLA PRA FRENTE TAMBÉM. TEM TRATAMENTO PRA TUDO HOJE EM DIA. VIDA QUE SEGUE.
VC ESTÁ NO CAMINHO CERTO.
TER PARADO COM AS DROGAS JÁ É UM GRANDE PASSO.
DEPENDENDO , SÃO ATÉ PIORES QUE A PMO.

OTIMO REBOOT. FORÇA!!

_______________________________________
https://www.comoparar.com/t10330-em-busca-do-equilibrio
David Silva
David Silva
Mensagens : 2629
Data de inscrição : 20/01/2015
Idade : 34

Vicio ao extremo Empty Re: Vicio ao extremo

em 27/4/2020, 20:18
Olá seja bem vindo
Acompanharei sua trajetória.
Ficou duas dúvidas: você está no exterior ainda? Você não é do Brasil né? Me pareceu português de Portugal, estou errado?
Seu namorado é mais novo ou mais velhos que você? Você é ativou ou passivo?
Acredito no reboot como uma oportunidade para a educação de nossa sexualidade, acho que faria bom pra você pensar assim também, mas para isso e se possível gostaria que listasse o que pra convém e o que não convém em termos de sexo e sexualidade.
Outra coisa fundamental - não é regra e nem é comprovado pelos métodos do reboot, mas na minha experiência ajuda - é o desenvolvimento de alguma forma de espiritualidade? Como é isso pra vc? Crê em algo, é ateu? Etc...

Abraços.

_______________________________________
Recordes:
90 dias - em 2015
71 dias - em 2016
32 dias - 2017 - maio
15 dias - 2017 - junho/julho
32 dias - 2017 - agosto
26 dias - 2018 - janeiro
81 dias - 2018 - julho
20 dias - 2018 - dezembro
15 dias - 2019 - janeiro/fevereiro
44 dias - 2019 - março/abril
43 dias - 2019 - julho
39 dias - 2020 - janeiro
______
Início do meu diário: http://www.comoparar.com/t206-reboot-de-david-silva
(Porque ficou muito grande e foi separado pelo próprio fórum)

psico
psico
Mensagens : 601
Data de inscrição : 06/11/2016

Vicio ao extremo Empty Re: Vicio ao extremo

em 27/4/2020, 22:05
Ei Patrick! Seja bem vindo ao fórum.

Uma coisa muito importante que você conseguiu identificar sobre si mesmo, é a questão da sua ansiedade ter sido a "chave mestra pra se distrair com PMO" Recomendo sim que você vá à um procurar um profissional até pra que haja a possibilidade de você entender um pouco mais sobre esse problema e como agir quando a ansiedade (demasiada) bater. Digo demasiada por que todos nós temos e precisamos ter ansiedade, mas dentro de um nível que seja saudável.

Quanto ao reboot à medida que o tempo vai passando, pouco à pouco, as coisas vão entrando nos eixos. Basta ter paciência e suportar que os resultados aparecem.

Abraço e boa sorte!
Rene.Gade
Rene.Gade
Moderador
Moderador
Mensagens : 1286
Data de inscrição : 06/08/2019

Vicio ao extremo Empty Re: Vicio ao extremo

em 28/4/2020, 12:25
Olá Patrick!

Seja muito bem-vindo ao fórum! Que bom que você percebeu o quanto a PMO estava atrapalhando sua vida e propôs uma mudança, isso já é um grande passo. É muito tenso quando buscamos refúgios na P e outros vícios, é necessário sempre analisarmos a nossa vida como um todo e melhorá-la como um todo também, muito bom que estará procurando por uma ajuda profissional para te auxiliar. Parabéns pela vontade de mudança!

Confira alguns links recomendados para ficar por dentro do fórum, caso ainda não tenha lido:

Certifique-se de ler as normas do fórum por meio das Regras de Participação e das Proibições.

Para saber mais sobre o método proposto confira dúvidas básicas sobre o reboot e vício em PMO, além disso baixe o Guia Introdutório, que servirá como suporte para entender o processo de reboot, dentre outras informações importantes.

Lembre-se de estar instalando bloqueadores de P nos seus dispositivos e colocando um contador de dias na sua assinatura aqui, para te auxiliarem durante seu processo de reboot. Para instalar bloqueadores você pode seguir os tutorias dos Tópicos Recomendados, e se ficar com alguma dúvida dê uma olhadinha na Seção de Ferramentas e Bloqueadores. Para instalar um contador confira Como Instalar um Contador de Dias.

Para mais informações ou falar com a moderação visite a Seção de Orientações Básicas, e para alguma dúvida sobre o método procure, ou pergunte, na Seção de Dúvidas.

Não se esqueça de nos manter atualizados sobre seu processo aqui no seu diário.

Até maais!

_______________________________________



RECORDE SEM M.O: 51 DIAS
MEU DIÁRIO DE PRINCESA  
Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum