Ir em baixo
Beeh
Beeh
Mensagens : 77
Data de inscrição : 08/05/2020
Idade : 19

Buscando a Liberdade  - Página 3 Empty Re: Buscando a Liberdade

em 5/6/2020, 21:34
Como vai Hapu? E seu Reboot?

_______________________________________
Ora, a fé é o firme fundamento das coisas que se esperam e a prova das coisas que se não veem.
Lupus Red Bellator
Lupus Red Bellator
Mensagens : 490
Data de inscrição : 26/03/2020
Idade : 19
Localização : KLUANE NATIONAL PARK – YUKON

Buscando a Liberdade  - Página 3 Empty Re: Buscando a Liberdade

em 7/6/2020, 04:21
Como vai Hapu?

_______________________________________
Frodo:"Queria que o anel nunca tivesse sido dado a mim e que nada disso tivesse acontecido."

Gandalf:"Assim como todos que testemunham tempos sombrios como este, mas não cabe a eles decidir, o que os cabe é decidir o que fazer com o tempo que nos é dado."

_Senhor dos Anéis: A sociedade do Anel_J.R.R. Tolkien
Mithrandir
Mithrandir
Mensagens : 206
Data de inscrição : 19/09/2018
Idade : 21
Localização : Terra-Média

Buscando a Liberdade  - Página 3 Empty Re: Buscando a Liberdade

em 14/6/2020, 19:29
Saudações, Hapu! Tudo bem? Já faz um tempo que você não atualiza o diário. Como está o seu reboot? Abraço...

_______________________________________
Gandalf, O Cinzento




"O que nos cabe é decidir o que fazer com o tempo que nos é dado."


"Tudo se resume a uma escolha bem simples: ocupar-se de morrer ou ocupar-se de viver..."
Beeh
Beeh
Mensagens : 77
Data de inscrição : 08/05/2020
Idade : 19

Buscando a Liberdade  - Página 3 Empty Re: Buscando a Liberdade

em 26/6/2020, 01:20
Olá, como está?

_______________________________________
Ora, a fé é o firme fundamento das coisas que se esperam e a prova das coisas que se não veem.
Hapu
Hapu
Mensagens : 46
Data de inscrição : 05/05/2020
Idade : 22

Buscando a Liberdade  - Página 3 Empty Oi, Voltei!

em 23/8/2020, 14:59
Oi, pessoal!
  Voltei.
  Fiquei sumida durante esses meses por vergonha. Uns 3 dias após minha última postagem eu voltei a praticar MO.
  A minha queda foi algo anunciado. Eu já sabia que uma hora outra cairia.
  Começou pela preguiça; depois foi caminhando para o desleixo de ficar muito tempo sozinha, ceder a pensamentos tentadores para tentar suprir uma carência emocional e, por fim, procrastinar para sair da cama, alimentando as fantasias.
  Desde o início eu sabia que se continuasse da mesma forma acabaria caindo.
  E, bem, eu caí!
  Fantasiei durante minutos (acho que até horas, desde o momento que acordei); fiz o que meu corpo desejava, por causa dos pensamentos. Descarreguei. E fiquei devastada.
 Foram 40 dias. Os melhores dias dos últimos 5 anos.
 Mesmo caindo em MO, eu me recusava a consumir P. E pelo fato da minha mente ser detalhista e criativa não senti vontade e necessidade de assistir.
 Eu estava tão revoltada por ter caído, e ao mesmo tempo tão envergonhada pelas minhas ações, que eu fiz um propósito: “Irei voltar ao fórum como uma vencedora. Irei cumprir os 90 dias e depois voltarei contando as adversidades que passei, mas que consegui vencer”. Fiquei duas semanas longe de MO; depois uma; logo após, quatro dias e por fim todo o santo dia eu tinha a necessidade de me “aliviar”.
Eu realmente pensei que conseguiria com as minhas próprias forças!
Até naquele momento não tinha voltado pra P. Fiquei 65 dias longe. Mas depois de tantas quedas, me revoltei e tentei de tudo para desbloquear os aparelhos.
Infelizmente eu consegui!
Foi muito estranho voltar a consumir. Tanto que eu nem vi. Preferi ficar só nas imagens sem som algum, pulando de gif em gif. Ainda assim, era tudo tão nojento e agoniante (ainda é), mas eu estava fazendo por raiva. Não aceitei o fracasso, e queria me entregar de vez. Esquecer que tinha uma vida e me afundar até estar num nível que eu precisasse de uma clínica ou coisa assim (Sim! Bem dramática. Costumo ser assim quando passo por alguma frustração, por menor que ela seja).
 Eu não vi esses dois meses passarem. Fiquei totalmente anestesiada. Não comia direito, não dormia direito, enfim, nada eu fazia direito. Tinha dias que eu nem sentia vontade de PMO, porém eu fazia da mesma forma.
 O pior de tudo foi que constatei que eu estava me acostumando com tudo aquilo, porque das vezes que recuperava minha sobriedade e buscava melhorar (pedir perdão pra Deus, retomar minhas atividades e mais), não sentia vontade de chorar ou me arrepender. Parecia que minha mente criou um bloqueio para não sair da situação que estava. Eu estava resistindo a mudança. Não queria pensar em resolver minha situação, meus medos, minhas angústias, minha vida.
 Perceber que minha mente estava tão deturpada a ponto de achar comum tudo que, pra mim, era grotesco e errado, me deixou em choque e foi o que me fez acordar.
 Isso foi no final do mês de Julho. Busquei ajuda psicológica online e ainda estou fazendo as sessões. Quando as coisas se normalizarem irei fazer presencialmente.
 Quando a gente começa a fazer terapia acabamos mexendo em coisas desconfortáveis, que enterramos no fundo do nosso ser; e vivemos tentando fingir que elas não aconteceram ou que não precisam ser trabalhadas. A cada dia de consulta eu consigo ver a causa de eu ser tão dependente de PMO (mais de MO pra ser bem sincera). Me atentei a coisas que eu deixava passar (muitas vezes propositalmente) e comecei a trabalhar áreas da minha vida que foram negligenciadas.
  No início eu fiquei com muito medo. Não de compartilhar a minha vida com alguém estranho, mas pela mudança. Por esta razão, depois de cada consulta eu voltava a buscar PMO e ficava anestesiada até a próxima consulta, onde eu passava pela “tortura” de lembrar as minhas feridas. Cinquenta minutos onde minhas fraquezas estavam expostas.
 Deus é muito grande, e muito maior do que todo o medo que eu tenho, e de toda e qualquer dificuldade. Durante este processo, Ele me estendeu a mão, abriu minha mente em relação a forma como eu enxergava Ele, a mim, e, consequentemente, a vida, me ajudando a tentar mais uma vez. E mais quantas forem necessárias.
 Hábitos ruins demoram para morrer.
 Não quero me conformar mais com a minha situação. Não quero fugir mais do sofrimento, pois está me causando mais sofrimento ainda. O medo de mudar está me corroendo a cada dia que passa.
  Por isso pedi ajuda.
  Não só da minha mãe desta vez. Contei para as minhas melhores amigas o que está passando pela minha vida. Pedi oração para o meu grupo de amigos da igreja (mas, para eles não falei sobre tudo, pois não tenho tanta intimidade para me abrir sobre estes assuntos. Porém, deixei claro que são dificuldades que busquei com as minhas próprias mãos) e pretendo falar com um tio meu que sempre me ajudou com as questões dos estudos, é como se fosse um segundo pai. Acho muito injusto da minha parte não ser sincera com ele, pois tem me oferecido muitas oportunidades.
 O que quero, também, compartilhar com vocês é o seguinte: Eu sou muito orgulhosa, mesquinha, autopiedosa, narcisista, desumilde, egoísta e invejosa nas horas vagas (o que, ultimamente, tem sido 16 horas por dia, já que as outras 8 horas estou dormindo). Depois que eu passei por uma situação quando era criança (A qual já relatei aqui pra vocês. E já ressaltando que isso não dá aval para as minhas péssimas escolhas e atitudes), virei uma pessoa totalmente tóxica. Me sentia na obrigação de mostrar e ser melhor do que os outros a todo o momento. Em diversas ocasiões menosprezei e tratei mal muitas pessoas. Tudo se tratava de mim. Quando meus planos de estudos foram frustrados eu caí e busquei a PMO por ter medo de enfrentar meus demônios. E não foi diferente quando entrei neste fórum. Entrei querendo mudar, mas com a velha Hapu agarrada dentro de mim e não querendo se soltar. Isso foi a causa da minha queda, e junto com o fato de hábitos ruins demorarem pra morrer.
 Após identificar esta resistência a mudança, busquei por conhecimento a respeito dos vícios (um dia eu compartilho com vocês). Como eles funcionam, como surgem, por que temos dificuldades em sair deles e etc. Encontrei respostas muito esclarecedoras e que me ajudaram a montar uma linha temporal da minha vida, encontrando a raiz do meu problema, a razão do porquê outras frustrações me levam a PMO e melhor expressão das ideias com a psicóloga.
 Deixando bem claro que as descrições que fiz sobre mim, de nenhuma forma é pra ser exagerada ou tentar ser pessimista, mas é para esclarecer que nem sempre fui a vítima. Pra mim, que sempre quis ser perfeita e agir com perfeição, admitir atitudes erradas que já tive, é como passar fezes na minha cara, mesmo sendo anônima. Reconhecer a mim mesma e falar em voz alta é uma dor terrível.
 Está sendo muito difícil olhar para cada atitudes erradas. Está sendo complicado olhar pra minha vida e ver que preciso erguer um edifício, mas o terreno nem limpo ainda está. A preguiça tem sido minha grande inimiga nesses tempos. Ainda mais pra uma pessoa que sempre teve tudo fácil na vida e agora precisa tomar vergonha e ir lutar.
 Uma nova Hapu começa a fazer parte deste fórum, e talvez caia mais algumas vezes durante todo o percurso. Contudo, buscará aceitar as pedras no caminho, as imperfeições e continuará buscando a liberdade.


OBS.: Só tem um mês que comecei as sessões com a psicóloga, mas eu já pude fazer muitas descobertas, porque já tem uns 6 anos que venho refletindo sobre a minha vida, sobre coisas que aconteceram e a causa de eu estar nesta situação. Faltava mesmo eu organizar os acontecimentos e buscar o problema que desencadeou outros. Para cada um é uma nova e diferente experiência.

Ah! Só para dizer que nestes dias eu não escalei para outros gêneros. Fiquei no trivial mesmo (duas pessoas, casal heterossexual). Outro dia conto melhor como foi isso, pois já escrevi demais.
Para todos vocês eu desejo muita força! E um grande abraço!
Quero parabenizar a todos pela coragem de lutar!

Até loguinho!

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
 “Livra-me também dos pecados que cometo por vontade própria; não permita que eles me dominem. Assim serei uma pessoa direita e ficarei livre do grave pecado de desobediência a Ti.” (Salmos 19:13)

Mithrandir, Lupus Red Bellator e LuckyTheWolf gostam desta mensagem

Hapu
Hapu
Mensagens : 46
Data de inscrição : 05/05/2020
Idade : 22

Buscando a Liberdade  - Página 3 Empty Agradecimentos

em 23/8/2020, 15:07
Muito Obrigada Beeh, Lupus e Mithrandir!
 Agradeço de coração por virem perguntar como eu estava. Me senti feliz de abrir o diário e me deparar com a mensagem de vocês.
  Espero que vocês estejam bem.

 Um abraço forte!

Mithrandir e Lupus Red Bellator gostam desta mensagem

Mithrandir
Mithrandir
Mensagens : 206
Data de inscrição : 19/09/2018
Idade : 21
Localização : Terra-Média

Buscando a Liberdade  - Página 3 Empty Re: Buscando a Liberdade

em 25/8/2020, 12:57
Saudações caríssima Hapu! Senti falta de acompanhar seu diário.

Entendo o que você passou, ou seja, recair, se afastar do fórum e querer mostrar que venceu apesar da recaída... Se ler meu diário verá certa oscilação entre as datas justamente por isso. Mas, é pura ilusão e racionalização do nosso cérebro querendo criar um ambiente propício à manutenção do vício. Enfim, fico feliz pelo seu retorno, é, certamente, o início de uma nova fase na sua vida. Conte comigo durante esse processo de mudança!

_______________________________________
Gandalf, O Cinzento




"O que nos cabe é decidir o que fazer com o tempo que nos é dado."


"Tudo se resume a uma escolha bem simples: ocupar-se de morrer ou ocupar-se de viver..."

Hapu gosta desta mensagem

Mithrandir
Mithrandir
Mensagens : 206
Data de inscrição : 19/09/2018
Idade : 21
Localização : Terra-Média

Buscando a Liberdade  - Página 3 Empty Re: Buscando a Liberdade

em 30/8/2020, 07:12
Salve, caríssima Hapu! Como você está? Mande-nos atualizações sobre o seu reboot... Desejo-te coragem e disposição para vencer. Abraço!

_______________________________________
Gandalf, O Cinzento




"O que nos cabe é decidir o que fazer com o tempo que nos é dado."


"Tudo se resume a uma escolha bem simples: ocupar-se de morrer ou ocupar-se de viver..."

Hapu gosta desta mensagem

Hapu
Hapu
Mensagens : 46
Data de inscrição : 05/05/2020
Idade : 22

Buscando a Liberdade  - Página 3 Empty Respondendo

em 30/8/2020, 21:03
Mithrandir escreveu:Salve, caríssima Hapu! Como você está? Mande-nos atualizações sobre o seu reboot... Desejo-te coragem e disposição para vencer. Abraço!

Hey, Mithrandir!
Ainda não tirei um tempo para me atualizar nos diários que antes eu acompanhava. Irei, com certeza, tirar um tempo para ler com mais calma e atenção.

Vlw por perguntar como estou. Fico agradecida de coração!

Um forte abraço!
Deus te Abençoe!

Mithrandir gosta desta mensagem

Hapu
Hapu
Mensagens : 46
Data de inscrição : 05/05/2020
Idade : 22

Buscando a Liberdade  - Página 3 Empty Vida Cotidiana

em 30/8/2020, 21:06
Oi, gente!
Espero que vocês estejam bem, firmes e fortes nesta luta.
Fiquei estes dias sem dar notícias, porque decidi entrar aqui no fórum em dias específicos (Quarta e Domingo) para atualizar vocês. Achei melhor assim para me organizar melhor e, também, quem sabe, ler mais os diários de vocês e ajudá-los.
Esta semana foi bem tranquila. Organizei minhas tarefas, conversei melhor com minha psicóloga a respeito dos meus pensamentos; compartilhei com o meu tio sobre as situações que ando passando (como já havia falado para vocês da última vez) e resolvi algumas pendências relacionadas ao meu curso.
Ainda estou procrastinando de iniciar as minhas tarefas de estudos e saúde física. Sinceramente, não sei qual é a razão de estar com esse bloqueio. Qual a razão de uma preguiça enorme me tomar. Não tratei sobre esse assunto com a psicóloga, mas terei muito tempo para compartilhar isso.
Ultimamente ando sem inspiração e vontade para escrever. Contudo, não estou desanimada. Apenas cansada, não sei. Um pouco farta. Não digo em relação a vida.
Gosto de escrever, de explicar com detalhes, tentar usar uma linguagem fácil e acessível para as pessoas. Gosto de refletir e escrever sobre tudo: a vida, o amor, as pessoas, o cérebro humano (meu maior interesse e profissão que desejo seguir) e outras.
Em relação escrever aqui no fórum, vou buscar ao máximo deixar meus relatos objetivos e suscintos, porque não é como se isso fosse um blog pra eu escrever textos enormes ou qualquer coisa do tipo.

Por hoje é isso.
Um grande abraço para todos!
Até Loguinho!
Fiquem com Deus!

Lupus Red Bellator gosta desta mensagem

Lupus Red Bellator
Lupus Red Bellator
Mensagens : 490
Data de inscrição : 26/03/2020
Idade : 19
Localização : KLUANE NATIONAL PARK – YUKON

Buscando a Liberdade  - Página 3 Empty Re: Buscando a Liberdade

Hoje à(s) 17:44
Como vai Hapu?

_______________________________________
Frodo:"Queria que o anel nunca tivesse sido dado a mim e que nada disso tivesse acontecido."

Gandalf:"Assim como todos que testemunham tempos sombrios como este, mas não cabe a eles decidir, o que os cabe é decidir o que fazer com o tempo que nos é dado."

_Senhor dos Anéis: A sociedade do Anel_J.R.R. Tolkien
Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum