Ir para baixo
avatar
Convidado
Convidado

Eis-me aqui. Empty Eis-me aqui.

11/7/2020, 20:06
Estou aqui pra sair da M.
Estou sem acesso a P faz tempo.
O problema é que tenho todos os filmes possíveis na memória e as uso para a M. Lembro até do primeiro filme que assisti quando eu tinha 9 anos.
Hoje tenho 32.

Eu participava de um fórum católico (A Droga Invisível) porém foi desativado.
Mas antes mesmo dele ser desativado eu já tinha desistido disso.

Mas decidi voltar à luta.
Nunca namorei.
Atualmente não tenho amigos.
Nunca consegui foco nos estudos.
Sinto-me derrotado faz anos.


Fiquei sabendo deste grupo através de um site que falava sobre o mal da pornografia e masturbação.

Bom... é isso.

Decidi voltar porque acredito que lendo a histórias de altos e baixos no fórum possam me conscientizar do problema e identificar-me nas situação.

Acredito que estou numa situação bem agravada.

Moro no campo, 32 anos, sou de MG.

Vamos lá...
avatar
Convidado
Convidado

Eis-me aqui. Empty Inspiração e conscientização

12/7/2020, 19:51
Li bastante relatos hoje aqui no fórum.

Mas o que me chamou bastante atenção e acendeu-me um sinal de alerta foi visualizar a seção "namoradas e companheiras de viciados".
É chocante cada relato que há por lá.
Eu sei dos malefícios que há para quem é viciado, mas não imaginava que causava um estrago tão grande e profundo em uma família, especificamente um casamento.
Tão grande o estrago que em alguns casos parecem difíceis de retomar um relacionamento saudável.

Isso foi realmente chocante pra mim.
Eu lembro de ter assistido a um filme que retratava essa situação, mas LER de pessoas próximas a mim é outro nível de alerta. É impactante.

As esposas e namoradas sofrem tanto.

Agora tenho mais motivos para continuar nessa jornada de libertação.

Não quero me tornar um homem que rejeita uma mulher de verdade, não quero que um futuro casamento meu seja desfeito por causa de pornografia e masturbação.

Quero viver uma vida saudável ao lado de uma pessoa que escolhi ficar, para zelar dela e amar.

Meu Deus, como são tristes esses relatos.
euvouvencer
euvouvencer
Mensagens : 1548
Data de inscrição : 16/04/2016

Eis-me aqui. Empty Re: Eis-me aqui.

12/7/2020, 20:42
Olá Eustáquio,

Seja bem vindo ao fórum amigo. Estamos todos no mesmo barco, as tentações são iguais para todos. Peço a Deus que te dê forças para resistir a essa tentação que tem assolado várias famílias.

Enquanto há vida, há esperança. A cada manhã Deus nos dá a oportunidade de fazermos um dia diferente e mudar os nossos hábitos.

Veja onde estão as brechas, e tape todas elas. Recomendo que utilize bloqueadores (se ainda não o fez). Fuja dos gatilhos e procure atividades extranet.

Enfim amigo, conte conosco para te ajudar. Somos anônimos, mas somos unidos em torno de um objetivo comum: "VENCER A PMO".

Forte abraço.

_______________________________________
"NÃO POREI COISA MÁ DIANTE DOS MEUS OLHOS". (Salmos 101:3)







Visite meu diário:
https://www.comoparar.com/t11655p225-quero-ser-livre

Urso Polar e Guerreiro73 gostam desta mensagem

avatar
Convidado
Convidado

Eis-me aqui. Empty Re: Eis-me aqui.

13/7/2020, 06:15
euvouvencer escreveu:Olá Eustáquio,

Seja bem vindo ao fórum amigo. Estamos todos no mesmo barco, as tentações são iguais para todos. Peço a Deus que te dê forças para resistir a essa tentação que tem assolado várias famílias.

Enquanto há vida, há esperança. A cada manhã Deus nos dá a oportunidade de fazermos um dia diferente e mudar os nossos hábitos.

Veja onde estão as brechas, e tape todas elas. Recomendo que utilize bloqueadores (se ainda não o fez). Fuja dos gatilhos e procure atividades extranet.

Enfim amigo, conte conosco para te ajudar. Somos anônimos, mas somos unidos em torno de um objetivo comum: "VENCER A PMO".

Forte abraço.



Obrigado.

Sobre gatilhos: eu suspendi minhas contas do facebook e instagram. Sempre tem muita coisa por lá, né?

Sobre a pornografia: já faz tempo que não assisto nada, graças a DEus. O problema maior são os gatilhos: fotos em redes sociais e youtube.

Hoje estou completando 2 dias...


Fique com Deus e obrigado.

Irei continuar tirando um tempo pra ler mais relatos por aqui. Isso tem me ajudado muito a torna-me mais consciente da situação.
Urso Polar
Urso Polar
Mensagens : 649
Data de inscrição : 01/09/2017
Idade : 33

Eis-me aqui. Empty Re: Eis-me aqui.

13/7/2020, 13:09
Eustáquio escreveu:
Spoiler:
Estou aqui pra sair da M.
Estou sem acesso a P faz tempo.
O problema é que tenho todos os filmes possíveis na memória e as uso para a M. Lembro até do primeiro filme que assisti quando eu tinha 9 anos.
Hoje tenho 32.

Eu participava de um fórum católico (A Droga Invisível) porém foi desativado.
Mas antes mesmo dele ser desativado eu já tinha desistido disso.

Mas decidi voltar à luta.
Nunca namorei.
Atualmente não tenho amigos.
Nunca consegui foco nos estudos.
Sinto-me derrotado faz anos.


Fiquei sabendo deste grupo através de um site que falava sobre o mal da pornografia e masturbação.

Bom... é isso.

Decidi voltar porque acredito que lendo a histórias de altos e baixos no fórum possam me conscientizar do problema e identificar-me nas situação.

Acredito que estou numa situação bem agravada.

Moro no campo, 32 anos, sou de MG.

Vamos lá...

Eustáquio escreveu:
Spoiler:
Li bastante relatos hoje aqui no fórum.

Mas o que me chamou bastante atenção e acendeu-me um sinal de alerta foi visualizar a seção "namoradas e companheiras de viciados".
É chocante cada relato que há por lá.
Eu sei dos malefícios que há para quem é viciado, mas não imaginava que causava um estrago tão grande e profundo em uma família, especificamente um casamento.
Tão grande o estrago que em alguns casos parecem difíceis de retomar um relacionamento saudável.

Isso foi realmente chocante pra mim.
Eu lembro de ter assistido a um filme que retratava essa situação, mas LER de pessoas próximas a mim é outro nível de alerta. É impactante.

As esposas e namoradas sofrem tanto.

Agora tenho mais motivos para continuar nessa jornada de libertação.

Não quero me tornar um homem que rejeita uma mulher de verdade, não quero que um futuro casamento meu seja desfeito por causa de pornografia e masturbação.

Quero viver uma vida saudável ao lado de uma pessoa que escolhi ficar, para zelar dela e amar.

Meu Deus, como são tristes esses relatos.

Oi Eustáquio,

Que bom vc está aqui irmão. É uma pena que o seu antigo fórum tenha sido desativado, mas esse aqui é muito bom e tem uma galera disposta a ajudar e a manter a gente firme no reboot.

Mano, vou deixar para você o link de alguns tópicos importantes para a realização do reboot, é só clicar abaixo e vai cair lá:

TÓPICOS RECOMENDADOS

É importante que você siga essas dicas porque facilita muito.

A gente tem uma história parecida. Até os 21 anos eu nunca tinha namorado. Também não tinha amigos e me sentia muito só. Apesar de ser casado hoje, sinto uma dificuldade muito grande em me conectar com as pessoas e criar laços duradouros de amizade.

MAS A SUA SOLIDÃO E FALTA DE EXPERIÊNCIAS AMOROSAS NÃO TE DEFINEM. VOCÊ É MAIS DO QUE ISSO.

Todo mundo aqui está em uma caminhada. VAMOS UM DIA POR VEZ. Parabéns pelos 2 dias. São duas vitórias consecutivas contra o vício. Temos que fechar todas as brechas que fazem a gente cair. Vamos seguindo firmes.

Um grande abraço irmão. Bem vindo.
avatar
Convidado
Convidado

Eis-me aqui. Empty Re: Eis-me aqui.

13/7/2020, 15:10
Urso Polar escreveu:
Eustáquio escreveu:
Spoiler:
Estou aqui pra sair da M.
Estou sem acesso a P faz tempo.
O problema é que tenho todos os filmes possíveis na memória e as uso para a M. Lembro até do primeiro filme que assisti quando eu tinha 9 anos.
Hoje tenho 32.

Eu participava de um fórum católico (A Droga Invisível) porém foi desativado.
Mas antes mesmo dele ser desativado eu já tinha desistido disso.

Mas decidi voltar à luta.
Nunca namorei.
Atualmente não tenho amigos.
Nunca consegui foco nos estudos.
Sinto-me derrotado faz anos.


Fiquei sabendo deste grupo através de um site que falava sobre o mal da pornografia e masturbação.

Bom... é isso.

Decidi voltar porque acredito que lendo a histórias de altos e baixos no fórum possam me conscientizar do problema e identificar-me nas situação.

Acredito que estou numa situação bem agravada.

Moro no campo, 32 anos, sou de MG.

Vamos lá...

Eustáquio escreveu:
Spoiler:
Li bastante relatos hoje aqui no fórum.

Mas o que me chamou bastante atenção e acendeu-me um sinal de alerta foi visualizar a seção "namoradas e companheiras de viciados".
É chocante cada relato que há por lá.
Eu sei dos malefícios que há para quem é viciado, mas não imaginava que causava um estrago tão grande e profundo em uma família, especificamente um casamento.
Tão grande o estrago que em alguns casos parecem difíceis de retomar um relacionamento saudável.

Isso foi realmente chocante pra mim.
Eu lembro de ter assistido a um filme que retratava essa situação, mas LER de pessoas próximas a mim é outro nível de alerta. É impactante.

As esposas e namoradas sofrem tanto.

Agora tenho mais motivos para continuar nessa jornada de libertação.

Não quero me tornar um homem que rejeita uma mulher de verdade, não quero que um futuro casamento meu seja desfeito por causa de pornografia e masturbação.

Quero viver uma vida saudável ao lado de uma pessoa que escolhi ficar, para zelar dela e amar.

Meu Deus, como são tristes esses relatos.

Oi Eustáquio,

Que bom vc está aqui irmão. É uma pena que o seu antigo fórum tenha sido desativado, mas esse aqui é muito bom e tem uma galera disposta a ajudar e a manter a gente firme no reboot.

Mano, vou deixar para você o link de alguns tópicos importantes para a realização do reboot, é só clicar abaixo e vai cair lá:
TÓPICOS RECOMENDADOS

É importante que você siga essas dicas porque facilita muito.

A gente tem uma história parecida. Até os 21 anos eu nunca tinha namorado. Também não tinha amigos e me sentia muito só. Apesar de ser casado hoje, sinto uma dificuldade muito grande em me conectar com as pessoas e criar laços duradouros de amizade.

MAS A SUA SOLIDÃO E FALTA DE EXPERIÊNCIAS AMOROSAS NÃO TE DEFINEM. VOCÊ É MAIS DO QUE ISSO.

Todo mundo aqui está em uma caminhada. VAMOS UM DIA POR VEZ. Parabéns pelos 2 dias. São duas vitórias consecutivas contra o vício. Temos que fechar todas as brechas que fazem a gente cair. Vamos seguindo firmes.

Um grande abraço irmão. Bem vindo.



Obrigado, amigo.

Com certeza este aqui é mais rico. O outro estava começando.

Vou seguir o passo a passo que você me passou.
Confesso que fiquei um domingo inteiro lendo os relatos por aqui... e estou disposto a fazer disto aqui minha rede social. Neste começo estou gastando um pouco mais de tempo aqui devido a tanta novidade, tantos relatos... vou me ambientando.
Grande abraço. Fique com Deus.

E também quero ser esposo... é um desejo grande meu.
John Nada
John Nada
Mensagens : 128
Data de inscrição : 15/10/2019
Idade : 32

Eis-me aqui. Empty Re: Eis-me aqui.

15/7/2020, 03:32
Olá amigo, gostei muito da sua mensagem de apoio em meu diário que vim lhe procurar para saber do seu caso.
Em partes me identifico, posso dizer que minha primeira namorada está sendo agora com 31, e assim como você também tenho vídeos pornográficos gravados na mente, mesmo estando há alguns meses sem vê-los.
De momento, a melhor opção é reboot, quanto ao tempo, vai de cada um, eu consegui transar legal com 34 dias de reboot, hoje estou com 44 dias e sinceramente não vejo mais vontade em M, me sinto até mais limpo.
Foque no reboot, você está nos primeiros dias, que serão os mais difíceis, depois de uns 10 dias limpo você começará a controlar mais fácil aí mais tarde virá a flatline e aí quando vê você já estará já 1 mês sem muitos esforços, ao menos é assim comigo.
Espero que você não more sozinho pois morar sozinho é pior, a chance de se M é duas vezes maiores do que se você morasse com alguém.
Vai dar certo, me identifiquei com você pois temos quase a mesma idade e até semana passada podia dizer que nunca havia namorado também, aí com a idade chegando (tenho 31) fui tomando vergonha na cara e comecei a mudar porque não quero chegar aos 40 anos sozinho e sem filhos, aí apareceu uma mulher incrível na minha vida.
Tudo de bom!

Guerreiro73 gosta desta mensagem

avatar
Convidado
Convidado

Eis-me aqui. Empty Re: Eis-me aqui.

15/7/2020, 13:08
John Nada escreveu:Olá amigo, gostei muito da sua mensagem de apoio em meu diário que vim lhe procurar para saber do seu caso.
Em partes me identifico, posso dizer que minha primeira namorada está sendo agora com 31, e assim como você também tenho vídeos pornográficos gravados na mente, mesmo estando há alguns meses sem vê-los.
De momento, a melhor opção é reboot, quanto ao tempo, vai de cada um, eu consegui transar legal com 34 dias de reboot, hoje estou com 44 dias e sinceramente não vejo mais vontade em M, me sinto até mais limpo.
Foque no reboot, você está nos primeiros dias, que serão os mais difíceis, depois de uns 10 dias limpo você começará a controlar mais fácil aí mais tarde virá a flatline e aí quando vê você já estará já 1 mês sem muitos esforços, ao menos é assim comigo.
Espero que você não more sozinho pois morar sozinho é pior, a chance de se M é duas vezes maiores do que se você morasse com alguém.
Vai dar certo, me identifiquei com você pois temos quase a mesma idade e até semana passada podia dizer que nunca havia namorado também, aí com a idade chegando (tenho 31) fui tomando vergonha na cara e comecei a mudar porque não quero chegar aos 40 anos sozinho e sem filhos, aí apareceu uma mulher incrível na minha vida.
Tudo de bom!

Obrigado, meu caro, obrigado.

eu não moro sozinho. Eu moro com meus pais.

eu fiz um decisão meio doida na vida... talvez um pouco incomum.

Terminei a faculdade aos 26 e aos 28, empregado, resolvi largar tudo e vir pra roça ajudar meus pais a formar meu irmão mais velho. Meu pai já está velho e com pouca força laboral, além de administrar mal, juntamente com minha mãe, financeiramente a sua vida pessoal e seus projetos.

Resolvi pegar um pouco dessa bronca pra mim, tendo em vista que meu melhor amigo e minha amada mãe estavam passando por um bucado sozinhos e calados. Percebi a dificuldade e resolvi vir pra cá.

Não sei se foi a melhor opção, mas na época eu não tinha uma boa remuneração pra ajudá-los de maneira satisfatória.

Então abdiquei de tudo e vim. Mas, não sendo egoísta ou arrogante, naturalmente isto está me custando caro.

Pois justamente com esses problemas familiares me afundei na PMO, mesmo por aqui.
Além do excesso de trabalho, stress diário e vida financeira nas últimas (vermelho até hoje, posso dizer) mergulhei na PMO... depois veio um problema de saúde que, menos mal, era um tumor benigno. Mas isto foi resolvido. Entretanto me desencadeou uma depressão e a PMO veio em dobro.

Minha cabeça não tinha paz por causa dos pensamentos suicidas. Meus olhos tremiam de tanta fissura.

O que me segurava e me alicerçava eram os meus velhos: Eu os olhava e sabia que eles não suportariam a morte de um filho por decorrência de auto-extermínio.
Segurava a barra, então. Contia-me. Mas agressivo com todos.

Até que precisei de ajuda de terapeutas. Então, fiquei bem melhor com ajuda destes e alguns medicamentos naturais.

Completam 4 anos toda esta luta aqui com meus pais para formar meu irmão.

E sabia que a PMO era uma inimiga para mim. Pois além deu trabalhar intensamente durante o dia, mal dormia a noite para estar com a PMO. Dormia umas duas horas e o resto PMO. Eu ficava um lixo. Não vivia. Não fazia sentido viver.

Foi muito ruim, amigo... muito ruim.

Talvez esse ano eu consiga voltar pra cidade. Espero que por aqui tudo fique em ordem para isto, pois penso que já ajudei o suficiente. Mas deixarei aqui quando eu perceber que o trabalho que resta a fazer meu velho conseguirá perfeitamente, sem um exagero de cruz para carregar sozinho.

Foi quando eu percebi o tamanho do inimigo que eu tenho em minha vida, desde sempre, e entregando a ela o meu maior tesouro: o tempo e a saúde.

Precisamos sair desta, amigo.

Admiro demais tua coragem e admiro sua luta. Valente tu és de encarar este Golias.

Firenze
Firenze
Mensagens : 92
Data de inscrição : 15/08/2017

Eis-me aqui. Empty Re: Eis-me aqui.

15/7/2020, 14:25
E ai estaquio, estou aqui acompanhando, li seus relatos, e referente ao que vc falou de esposas/namoradas de rebooters é realmente pesado, passei por uma situação complicada, tu leu meu diário e sabe do que estou falando, não deixe chegar nesse ponto, e se chegar saiba que sempre teremos mais uma chance de mudar, o importante é não desistir da luta, fizemos o principal, reconhecermos o problemas, estamos atrás da solução, isso é um passo grandioso. Incrível como em roda de amigos andei percebendo esse padrão de DE, e muito provavelmente esses cara nem sabem que podem ter esse vicio, já que alguns relataram consumir PMO.

Referente aos gatilhos, todo cuidado é pouco, mas eles sempre acabam aparecendo, seja num outdoor, num comercial ou numa cena de um filme, o problema maior é a gente buscar, e não esbarrar neles, aos poucos vamos desenvolvendo auto-controle.

Não sei quantos reboot você já tentou eu já tentei algumas vezes, conheço algumas situações e armadilhas, consegui mapear todas em cada queda, não na hora pois ficamos emocionalmente abalados, mas quando baixa esse sentimento é que devemos observar onde foi a brecha.

Abraços..

_______________________________________
  Eis-me aqui. Man-running-uphill-dessert

Metas:  
( Like a Star @ heaven --------10---------20---------30---------50---------70----------90 )
https://www.comoparar.com/t5787-chega-de-ser-zoombie-do-pmo
avatar
Convidado
Convidado

Eis-me aqui. Empty Re: Eis-me aqui.

15/7/2020, 20:10
Firenze escreveu:E ai estaquio, estou aqui acompanhando, li seus relatos, e referente ao que vc falou de esposas/namoradas de rebooters é realmente pesado, passei por uma situação complicada, tu leu meu diário e sabe do que estou falando, não deixe chegar nesse ponto, e se chegar saiba que sempre teremos mais uma chance de mudar, o importante é não desistir da luta, fizemos o principal, reconhecermos o problemas, estamos atrás da solução, isso é um passo grandioso. Incrível como em roda de amigos andei percebendo esse padrão de DE, e muito provavelmente esses cara nem sabem que podem ter esse vicio, já que alguns relataram consumir PMO.

Referente aos gatilhos, todo cuidado é pouco, mas eles sempre acabam aparecendo, seja num outdoor, num comercial ou numa cena de um filme, o problema maior é a gente buscar, e não esbarrar neles, aos poucos vamos desenvolvendo auto-controle.

Não sei quantos reboot você já tentou eu já tentei algumas vezes,  conheço algumas situações e armadilhas, consegui mapear todas em cada queda, não na hora pois ficamos emocionalmente abalados, mas quando baixa esse sentimento é que devemos observar onde foi a brecha.

Abraços..

amigo, esse é o meu segundo reboot.
A primeira eu tentei no começo do ano passado e depois larguei.
Agora estou de volta, mas antes tentei em outro fórum.
Este aqui é bem mais rico, com muito mais ajuda. Não perde em nada para o outro.

Grande abraço.
avatar
Convidado
Convidado

Eis-me aqui. Empty Re: Eis-me aqui.

16/7/2020, 11:15
Capaz que hoje inicia-se o processo de crises da abstinência.

A pornografia vem em flash a todo hora na minha mente.

Estou tentado a querer M.

Estou mijando toda santa hora.

Inconsistências também ao fazer o número 2.

E minhas bolas do saco doem pra cacete. Parece que levei um chute no saco de alguma atriz porno que está p* comigo por eu não fazer PMO pra ela.

Mantenho firme.


Última edição por Eustáquio em 16/7/2020, 12:40, editado 2 vez(es)
avatar
Umcaralegal
Moderador
Moderador
Mensagens : 596
Data de inscrição : 02/01/2020

Eis-me aqui. Empty Re: Eis-me aqui.

16/7/2020, 11:44
Bom dia irmão

Comecei a acompanhar o seu diário. Cara, seus pais são abençoados por terem um filho igual a você, que se preocupa com eles e largou tudo para ajudá-los, muito legal ver isso, difícil ver filhos assim hoje em dia.
Cara, também passou por um problema parecido com o seu, não assisto mais pornografia, mas os vídeos estão lá guardadinhos no HD do cérebro. Sempre vem alguma lembrança daquele lixo,. Queria usar aquele aparelho do filme "MIB" e apagar tudo que está na minha mente, da muita raiva disso tudo.
Fica firme cara, não desista e confie em Deus.

Abraço!

_______________________________________





Um pouco da minha história: https://www.comoparar.com/t9965-diario-de-um-cara-legal

"Deus é o nosso refúgio e fortaleza, socorro bem presente na angústia." - Salmos 46:1
avatar
Convidado
Convidado

Eis-me aqui. Empty Re: Eis-me aqui.

16/7/2020, 18:31
Umcaralegal escreveu:Bom dia irmão

Comecei a acompanhar o seu diário. Cara, seus pais são abençoados por terem um filho igual a você, que se preocupa com eles e largou tudo para ajudá-los, muito legal ver isso, difícil ver filhos assim hoje em dia.
Cara, também passou por um problema parecido com o seu, não assisto mais pornografia, mas os vídeos estão lá guardadinhos no HD do cérebro. Sempre vem alguma lembrança daquele lixo,. Queria usar aquele aparelho do filme "MIB" e apagar tudo que está na minha mente, da muita raiva disso tudo.
Fica firme cara, não desista e confie em Deus.

Abraço!

Obrigado, Umcaralegal.

Pois é. Eu não sinto falta da P em telas, não mesmo.

Tudo está na mente e o problema maior é que qualquer foto de guria bonita é gatilho pra mim.

Fique com Deus também. Muito obrigado por esta força.

Forte abraço.
Vitoriosa
Vitoriosa
Moderadora
Moderadora
Mensagens : 1098
Data de inscrição : 10/12/2018

Eis-me aqui. Empty Re: Eis-me aqui.

16/7/2020, 23:03
Li todo seu diário, vou te acompanhar, espero que no futuro meus filhos sejam assim igual a vc com esse coração enorme e ter todo esse cuidado com seus pais, a parte boa é que vc já está longe da pornografia, já é 50% do caminho percorrido, continue firme que tudo vai dar certo. Obrigada por passar no meu diário foi de grande ajuda, e aquele filme motivacional que vc deixou no diário do Jonh é muito bom, meu marido assistiu do começo ao fim sem desgrudar da tv. E ainda ia comentando sobre. Obrigada . É engraçado hoje foi um dia totalmente diferente de ontem, hoje estou muito feliz, ele disse que sonhou comigo, foi erótico, mais foi comigo, ele estava radiante, contava o sonho e ria com tanta alegria, disse que acordou com uma ereção muito forte que demorou muito pra ir embora por causa do sonho, ele disse esse sou eu de verdade, é isso que eu sinto. Tô feliz amigo, acho que o Tico e teco dele tá voltando ao normal kkkk

_______________________________________
Vitoriosa

Urso Polar e Guerreiro73 gostam desta mensagem

Urso Polar
Urso Polar
Mensagens : 649
Data de inscrição : 01/09/2017
Idade : 33

Eis-me aqui. Empty Re: Eis-me aqui.

17/7/2020, 06:09
Eustáquio escreveu:Capaz que hoje inicia-se o processo de crises da abstinência.

A pornografia vem em flash a todo hora na minha mente.

Estou tentado a querer M.

Estou mijando toda santa hora.

Inconsistências também ao fazer o número 2.

E minhas bolas do saco doem pra cacete. Parece que levei um chute no saco de alguma atriz porno que está p* comigo por eu não fazer PMO pra ela.

Mantenho firme.

Eustáquio,

O corpo tende a espernear mesmo. O cérebro fica louco, querendo o alívio da PMO. Por isso talvez seja bom a prática de atividades que fazem gastar energia e que auxiliem no relaxamento e no desestresse.

É bastante complicado enfrentar isso, mas faz parte. Tenha força irmão, a batalha é diária, mas compensa.

Forte abraço.
avatar
Convidado
Convidado

Eis-me aqui. Empty Re: Eis-me aqui.

17/7/2020, 12:42
Vitoriosa escreveu:Li todo seu diário, vou te acompanhar, espero que no futuro meus filhos sejam assim igual a vc com esse coração enorme e ter todo esse cuidado com seus pais, a parte boa é que vc já está longe da pornografia, já é 50% do caminho percorrido, continue firme que tudo vai dar certo. Obrigada por passar no meu diário foi de grande ajuda, e aquele filme motivacional que vc deixou no diário do Jonh é muito bom, meu marido assistiu do começo ao fim sem desgrudar da tv. E ainda ia comentando sobre. Obrigada . É engraçado hoje foi um dia totalmente diferente de ontem, hoje estou muito feliz, ele disse que sonhou comigo, foi erótico, mais foi comigo, ele estava radiante, contava o sonho e ria com tanta alegria, disse que acordou com uma ereção muito forte que demorou muito pra ir embora por causa do sonho, ele disse esse sou eu de verdade, é isso que eu sinto. Tô feliz amigo, acho que o Tico e teco dele  tá voltando ao normal kkkk

Oi, Vitoriosa.
Eu fico feliz demais por vocês. Muito mesmo!
Este processo vitorioso de vocês é sinal de esperança para todos aqui, inclusive para mim.

O filme Poder Além da Vida eu o assisti tem mais ou menos uns 10 anos. Naquela época eu queria muito chegar naquele nível de paz interior, sabe... Mas eu tentava e não conseguia, justamente por não saber que eu estava num vício da PMO, que até então não sabia como lidar. e enfrentar. Era um monstro desconhecido pra mim.

Eu sabia que tinha que largar a PMO mas não conseguia. E quando eu não conseguia também não percebia que eu estava imerso num vício. Eu era um cachorro que corria atrás do próprio rabo.

O filme é bem motivacional, por lá mostra que por causa do caos e vícios deixamos de ser melhores naquilo que realmente importa na vida da gente.

Perceba que aquela atleta no começo até ia bem no reboot, porém desconhecia o principal inimigo que tinha: egoísmo e a ira. Por isso ele recaia feio.

Ao perceber o gatilho e conhecendo mais a si mesmo ,ele voltou mais forte, pondo em prática exercícios físicos, boas leituras e boas companhias.

Com isso ele conseguia uma mente saudável, conseguindo o máximo desempenho nas competições,... chegando até onde ninguém tinha chegado.

Acredito piamente que no caso do Ayrton Senna não foi muito diferente. Imagine se o Ayrton sustentasse para si algum vício. Será que ele tinha conseguido ir tão longe no automobilismo que, até então, nenhum outro piloto descreveu estar em "outra dimensão", pilotando por "instintos"?

O legal que isto não está ao alcance somente aos atletas alta performasse.
Também podemos isso, no nosso dia a dia, com nossa família, trabalho, hobby, relações pessoais, etc.

Para tudo isso precisamos de um reboot de não só simples abstinência, mas mudando os hábitos.

Daí você vai ver quem será o seu marido daqui a 2... 3 anos nesse processo de crescimento pessoal, porém ele tem que querer. E você também, Vitoriosa.

Da mesma forma que ele for se redescobrindo como um homem viril, sendo um verdadeiro espelho para os filhos, você também estará nesse processo, crescendo junto.

Dessa forma tenho certeza que não irão envelhecer nunca.

Um grande abraço...
e mais uma vez: Estou muito feliz por vocês e acredito que os demais deste fórum também.
avatar
Convidado
Convidado

Eis-me aqui. Empty Re: Eis-me aqui.

17/7/2020, 12:45
Urso Polar escreveu:
Eustáquio escreveu:Capaz que hoje inicia-se o processo de crises da abstinência.

A pornografia vem em flash a todo hora na minha mente.

Estou tentado a querer M.

Estou mijando toda santa hora.

Inconsistências também ao fazer o número 2.

E minhas bolas do saco doem pra cacete. Parece que levei um chute no saco de alguma atriz porno que está p* comigo por eu não fazer PMO pra ela.

Mantenho firme.

Eustáquio,

O corpo tende a espernear mesmo. O cérebro fica louco, querendo o alívio da PMO. Por isso talvez seja bom a prática de atividades que fazem gastar energia e que auxiliem no relaxamento e no desestresse.

É bastante complicado enfrentar isso, mas faz parte. Tenha força irmão, a batalha é diária, mas compensa.

Forte abraço.

Pois é meu nobre...

o meu corpo reclama por conforto. rsrs Mas não terá... Ainda estou no começo, vai ser muita crise de abstinência pra enfrentar daqui pra frente. Pelo que ando lendo, os primeiros 20 dias vão ser beeeem tentadores.

Mas não quero a PMO mais na minha vida.

Grande abraço. Fique firme por aí também.
avatar
Convidado
Convidado

Eis-me aqui. Empty Re: Eis-me aqui.

18/7/2020, 12:42
Ainda não entramos em agosto, mas os ventos desta temporada não deixam a casa muito a vontade, a sempre deixando empoeirada.
Vento que resseca a nossa pele, a do rosto, das mãos, deixando-as trincadas e incomodas pela sequidão da estação.

Assim são os meus vícios hoje: poeira.
Sempre querendo me sujar.
Incomodar.

Hoje tenho a nítida sensação do quanto eu perdi pra vida. Perdi. Perdi...
Desconhecia-me, por isso perdi.

e perdia todos ao meu redor.
Os que me amavam, ficavam...

Mas o que poderiam ser uma grande promessa,
nunca as tive,
por justa inconsequência minha.

Amor
Tempo
Pessoas
Filhos?

Os perdi, não os terei mais.

Até que entendi, que perdia a todos por não me amar.
O primeiro que eu tinha que amar eu não o amava: a mim mesmo.

Hoje não será mais assim.
Estou cheio de desejos de amor por mim.
Pois o tempo que me resta, amarei-o.

Hoje eu me amo.
E amando-me... a vida me será grata.

Hoje entendo o valor do que é gratidão.

Hoje e para todo sempre... eu vou me amar. Vou me amar bem mais... Pois eu me encontrei.

Eustáquio.

/watch?v=4nQ5yCmp8GQ (youtube).
Urso Polar
Urso Polar
Mensagens : 649
Data de inscrição : 01/09/2017
Idade : 33

Eis-me aqui. Empty Re: Eis-me aqui.

19/7/2020, 13:46
Eustáquio escreveu:
Spoiler:
Ainda não entramos em agosto, mas os ventos desta temporada não deixam a casa muito a vontade, a sempre deixando empoeirada.
Vento que resseca a nossa pele, a do rosto, das mãos, deixando-as trincadas e incomodas pela sequidão da estação.

Assim são os meus vícios hoje: poeira.
Sempre querendo me sujar.
Incomodar.

Hoje tenho a nítida sensação do quanto eu perdi pra vida. Perdi. Perdi...
Desconhecia-me, por isso perdi.

e perdia todos ao meu redor.
Os que me amavam, ficavam...

Mas o que poderiam ser uma grande promessa,
nunca as tive,
por justa inconsequência minha.

Amor
Tempo
Pessoas
Filhos?

Os perdi, não os terei mais.

Até que entendi, que perdia a todos por não me amar.
O primeiro que eu tinha que amar eu não o amava: a mim mesmo.

Hoje não será mais assim.
Estou cheio de desejos de amor por mim.
Pois o tempo que me resta, amarei-o.

Hoje eu me amo.
E amando-me... a vida me será grata.

Hoje entendo o valor do que é gratidão.

Hoje e para todo sempre... eu vou me amar. Vou me amar bem mais... Pois eu me encontrei.

Eustáquio.

/watch?v=4nQ5yCmp8GQ (youtube).

Eustáquio,

Essa questão de se amar é algo que eu me acostumei a esquecer. Você tem razão: a gente tem que se amar, se cuidar e parar de afundar num prazer mentiroso. É muito difícil, pelo menos para mim, passar a me amar depois de anos querendo ser outra pessoa, e enterrado no vício, pensando que se eu fosse eu mesmo não poderia ser feliz.

Mano, que essas palavras possam ser nossas guias e que possamos realmente nos amar.

Valeu pela reflexão.
avatar
Convidado
Convidado

Eis-me aqui. Empty Re: Eis-me aqui.

19/7/2020, 14:54
Olá Eustáquio. Acho que você já tem boa parte do caminho andado só de não assistir mais P. Desejo-lhe sucesso.
avatar
Convidado
Convidado

Eis-me aqui. Empty Re: Eis-me aqui.

20/7/2020, 12:31
Urso Polar escreveu:
Eustáquio escreveu:
Spoiler:
Ainda não entramos em agosto, mas os ventos desta temporada não deixam a casa muito a vontade, a sempre deixando empoeirada.
Vento que resseca a nossa pele, a do rosto, das mãos, deixando-as trincadas e incomodas pela sequidão da estação.

Assim são os meus vícios hoje: poeira.
Sempre querendo me sujar.
Incomodar.

Hoje tenho a nítida sensação do quanto eu perdi pra vida. Perdi. Perdi...
Desconhecia-me, por isso perdi.

e perdia todos ao meu redor.
Os que me amavam, ficavam...

Mas o que poderiam ser uma grande promessa,
nunca as tive,
por justa inconsequência minha.

Amor
Tempo
Pessoas
Filhos?

Os perdi, não os terei mais.

Até que entendi, que perdia a todos por não me amar.
O primeiro que eu tinha que amar eu não o amava: a mim mesmo.

Hoje não será mais assim.
Estou cheio de desejos de amor por mim.
Pois o tempo que me resta, amarei-o.

Hoje eu me amo.
E amando-me... a vida me será grata.

Hoje entendo o valor do que é gratidão.

Hoje e para todo sempre... eu vou me amar. Vou me amar bem mais... Pois eu me encontrei.

Eustáquio.

/watch?v=4nQ5yCmp8GQ (youtube).

Eustáquio,

Essa questão de se amar é algo que eu me acostumei a esquecer. Você tem razão: a gente tem que se amar, se cuidar e parar de afundar num prazer mentiroso. É muito difícil, pelo menos para mim, passar a me amar depois de anos querendo ser outra pessoa, e enterrado no vício, pensando que se eu fosse eu mesmo não poderia ser feliz.

Mano, que essas palavras possam ser nossas guias e que possamos realmente nos amar.

Valeu pela reflexão.

Fala, Sr. Urso. Tudo bem aí?

Cara meus parabéns pela iniciativa do gráfico lá no seu diário. Isso realmente dá uma noção do tempo perdido. Que isso sirva de incentivo para melhorias.

E realmente, talvez a maioria das nossas quedas em vícios, qualquer vício, pode ser a falta de amor próprio.

Eu, uns dois dias atrás, subindo sozinho para ir trabalhar numa terra gradiada onde irei realizar um plantio, botei-me em reflexão de como o Eustáquio-criança estava achando da minha trajetória até aqui.
Eu não sei explicar muito bem, mas eu vi essa criança na minha frente e tão real. Mas essa criança era eu lá com uns 8 anos de idade.
Eu me vi abraçando essa criança e eu chorei pra caramba.
Tive que parar umas três vezes pra poder chorar direito e sempre me vendo abraçado a essa criança que por um momento sempre tem confiança em mim para ser melhor, para ser aquilo que naquela época, com meus 8 anos, tinha expectativa de ser quando crescer.

Ali vi que me perdoei.
Errei, vou carregar isso... mas me perdoei também.

Grande abraços pra você, meu caro.
Sucesso sempre.
avatar
Convidado
Convidado

Eis-me aqui. Empty Re: Eis-me aqui.

20/7/2020, 13:10
Mr.MojoRisin escreveu:Olá Eustáquio. Acho que você já tem boa parte do caminho andado só de não assistir mais  P.  Desejo-lhe sucesso.

Olá meu caro, como vai?

Eu sinceramente não sei como consegui isso. Acho que foi uma sensação de cansaço sabe. E parei.
avatar
Convidado
Convidado

Eis-me aqui. Empty Re: Eis-me aqui.

22/7/2020, 12:23
Irei ter que reativar o instagram, pois agora vou começar a correr atrás de serviço.
Capaz que dê certo deu voltar pra cidade.
Faço isso pois não tenho um celular... então minha rede para poder melhor conversar com meus contatos é o instagram.
não queria, mas .. vou ter que fazer isto.
Urso Polar
Urso Polar
Mensagens : 649
Data de inscrição : 01/09/2017
Idade : 33

Eis-me aqui. Empty Re: Eis-me aqui.

22/7/2020, 13:01
Eustáquio escreveu:Irei ter que reativar o instagram, pois agora vou começar a correr atrás de serviço.
Capaz que dê certo deu voltar pra cidade.
Faço isso pois não tenho um celular... então minha rede para poder melhor conversar com meus contatos é o instagram.
não queria, mas .. vou ter que fazer isto.

Eustáquio,

realmente não é fácil voltar para o instagram, que é uma rede social que traz muitos gatilhos para nós.
Mas como você mesmo disse, é para questão profissional, o que já pode servir de filtro.
Quando você ver uma imagem que possa te puxar para a PMO tenha algo de segurança: tipo vir para o fórum ou ficar uns 15 minutos sem internet, para por a cabeça em ordem.
Força irmão.
Abraço
avatar
Convidado
Convidado

Eis-me aqui. Empty Re: Eis-me aqui.

22/7/2020, 18:47
Urso Polar escreveu:
Eustáquio escreveu:Irei ter que reativar o instagram, pois agora vou começar a correr atrás de serviço.
Capaz que dê certo deu voltar pra cidade.
Faço isso pois não tenho um celular... então minha rede para poder melhor conversar com meus contatos é o instagram.
não queria, mas .. vou ter que fazer isto.

Eustáquio,

realmente não é fácil voltar para o instagram, que é uma rede social que traz muitos gatilhos para nós.
Mas como você mesmo disse, é para questão profissional, o que já pode servir de filtro.
Quando você ver uma imagem que possa te puxar para a PMO tenha algo de segurança: tipo vir para o fórum ou ficar uns 15 minutos sem internet, para por a cabeça em ordem.
Força irmão.
Abraço

Pois é, Urso.
Tive que fazer isto. Mas vou dar um tempo, se eu ver que não vai rolar nada conversando com uns amigos meu por aí, eu vou de porta em porta mesmo.

por enquanto a única rede social que tenho para isto é o instagram.

Obrigado pela força.
Fique com Deus.
Ir para o topo
Permissões neste fórum
Você não pode responder aos tópicos