Ir para baixo
avatar
Ghyds
Mensagens : 1
Data de inscrição : 15/10/2020

Eu finalmente CONSEGUI! Empty Eu finalmente CONSEGUI!

15/10/2020, 15:30
Hoje finalmente estou completando 3 meses sem esse maldito vício, que me tirou tantas e tantas oportunidades. Por conta da pandemia, o meu método foi o modo hard, sem sexo e com muitos percalços nesse caminho todo. Mas antes, vou contar minha história, de como tudo isso se desenrolou na minha vida.

Creio que eu tenha desenvolvido o hábito de masturbação lá pelos meus 11/13 anos de idade. Me masturbava compulsivamente depois que descobri quão boa era aquela sensação de ter um O, mas mal sabia como aquilo seria prejudicial para minha vida no futuro. Creio que meus problemas nunca foram com P, mas sim com M excessiva e consequentemente o O.

Na minha cabeça, desenvolvi essa compulsão por ser extremamente rejeitado entre as garotas da minha escola na época. Digamos que eu era muito muito feio naquele tempo, mas que FELIZMENTE isso ja se contornou hahaha sabe aquelas minas feias e rejeitadas da escola que viram gatas depois de uns 10 anos? Foi esse o meu caso, não que eu seja extremamente chamativo hoje em dia, mas na minha cabeça eu continuava sendo aquele moleque rejeitado de uns 14/15 anos atrás e cada vez mais me fechava no meu mundinho de ilusão, onde dava uma gozada fácil e tudo ali estava resolvido. Afinal, em meus pensamento eu poderia comer quem eu quisesse e a hora que eu quisesse.

Com o tempo, essa compulsão veio tomando níveis inimagináveis do meu tempo. Deixava de fazer as coisas para poder ficar em casa me masturbando, mesmo que não tivesse P fácil ao meu redor... eu sempre me trancava e dava um jeito de M. Para vcs terem uma ideia, fui perder o meu BV com 18 anos, com uma mina de internet. Hoje eu tenho 27, so de pensar que não faz nem 10 anos desses acontecimentos e não tomei nenhuma atitude antes, me deixa muito encucado, de tipo, poderia ser melhor, entendem?.
Mas voltando ao assunto, minha primeira "relação sexual" foi aos 21 e foi péssima, eu não conseguia deixar o meninão rígido de jeito nenhum e aí pensava comigo: "Ahh, é normal. Foi minha primeira vez, deve ser de ansiedade." A menina que estava comigo pensou que fosse culpa dela, falei que não era, que talvez fosse ansiedade de um bom desempenho e que da próxima seria melhor. Teve a próxima e foi uma porcaria do mesmo jeito. Depois disso, não nos falamos mais.

Passado esse período, eu fui evitando de ter contato com mulheres. Até pensei, sim, que fosse gay. E isso me deixava muito maludo da cabeça. Nao tenho absolutamente nada contra, mas no fundo no fundo eu sabia que não era essa a minha identidade sexual. Eu sabia bem. Esse é o meu primeiro post no grupo, mas venho acompanhando há muito tempo e li sobre o HOCD, foi quando me tranquilizei um pouco mais.

Mas houve uma situação que eu não pude evitar: aos meus 22 anos, fiz um intercâmbio e conheci uma garota, até então, incrível. Nos envolvemos e namoramos por quase 3 anos. Ela era brasileira também, mas nas relações sexuais era sempre a mesma coisa. Teve uma vez ou outra que acontecia uma penetração, mas nada era muito satisfatório para mim. E acho que nem para ela. Nós dois éramos virgens até aquele momento, então meio que era "normal" aquilo estar acontecendo, sabe? Mas na minha cabeça eu ja sabia que tinha algo de errado e eu me cobrava muito, internamente, por isso. Terminamos, seguimos nossas vidas, e nunca mais nos falamos. Terminamos por outros motivos que não sejam os sexuais, de desgaste no relacionamento mesmo, que muito possivelmente também pode ter ocorrido pela falta de sexo.

Depois disso, conheci mais algumas outras mulheres incriveis. Mas eu sempre evitava um contato mais próximo. Isso me deixava louco da cabeça. Já perdi tanta oportunidade de pegar cada mulher gostosa (desculpem o palavreado) que vcs nao tem noçaõ. Tudo por causa desse maldito vicio. Evitei de namorar por 1 ou 2 vezes, pq ja sabia que ia ter um desgaste. Mulher, antes da pandemia, eu pegava direto, só que relação sexual eu evitava a todo custo. Pra vcs terem noção, faz 2 anos que nao tenho um contato mais próximo com nenhuma mulher. Mas agora isso nao vai mais acontecer, pq eu me livrei disso tudo.

Confesso que estou meio cabreiro de como será minha proxima experiencia sexual, pq depois desse tempão todo eu ainda fiquei meio "inseguro", sabe? Com esses 3 meses sem P, minha ereção é outra coisa, tenho ereçoes rigidas, matinais e espontâneas com muita frequência. Isso me deixou muito contente, achei que eu nao fosse mais capaz disso tudo. Minha ficha caiu quando passei num urologista para ver se tinha algum problema, ele me recomendou exames, so que logo ja me deu um alerta: "Você é jovem, não tem nada de errado com seu organismo. To te pedindo alguns exames por precaução, mas se eu fosse você, também procuraria um psiquiatra."
Meu psiquiatra foram vocês todos. Lendo cada um dos tópicos de histórias de sucesso, de fracasso, de tentativas, de comentarios incentivando um ao outro, eu me via aqui inserido. Tenho muito a agradecer vocês todos por isso, e principalmente ao gênio que teve a ideia de criar um fórum como esse. Pq pra maioria das pessoas a P nao é um vicio, é uma coisa normal e saudável. Mal sabem eles o mal que isso traz...

Quanto ao período de escassez de M, foi muito dificil. Lembro no meu 11º dia que eu tremia de vontade, mas resisti. Aquela altura eu ja tinha uma ereção rigida, só que se eu me Meu sabia que colocaria tudo a perder. O primeiro mês foi bem complicado, mas depois fui levando na boa, na tranquilidade.
Algumas mudanças que pude sentir em mim, foi, principalmente, a minha gana e vontade de fazer alguma coisa. As vezes me M e ficava horas deitado relaxando na cama e nao percebia quanto tempo da minha vida aquilo tomava, hoje já nao tenho mais isso.
Outra coisa que eu não percebi, mas que me minha mãe me falou e comentou comigo, foi que minha barba ficou mais cheia. Provavelmente isso tem a ver com niveis de testosterona, mas nao me inteirei nesse assunto para falar com propriedade. Obviamente eu nao contei para ela da minha compulsao por M hahahaha apesar de achar que eles saibam, pq na adolescencia ja me pegaram na M hahahahahaha Laughing

Mas é isso, galera. Textão pq valeu a pena, o reboot funciona sim. Mal vejo a hora de poder ter uma relação sexual agora, serei outra pessoa e espero que minha ansiedade e insegurança que desenvolvi durante esse tempo nao atrapalhem. Mas isso é coisa minha, o reboot funciona e funciona DEMAIS!

Espero que vcs tenham se sentido representados, nem que seja um pouquinho, por essa minha situação.
Muito obrigado a todos, vocês são feras!!!!!!!!

Gardenzio Angelone, Mithrandir, Vitoriosa, sbtrktr, Harvey, x97HEALTHY, Constantine e outros gostam desta mensagem

Luan Oliveira
Luan Oliveira
Moderador
Moderador
Mensagens : 603
Data de inscrição : 14/10/2020
Idade : 20
Localização : Paraíba

Eu finalmente CONSEGUI! Empty Re: Eu finalmente CONSEGUI!

15/10/2020, 15:41
Fico muito feliz por sua Vitória! Siga sempre vigilante e acordado em relação a isso.
Você conseguiu!

_______________________________________
Constantine
Constantine
Mensagens : 147
Data de inscrição : 18/08/2020

Eu finalmente CONSEGUI! Empty Re: Eu finalmente CONSEGUI!

15/10/2020, 23:10
Saudações grande Ghyds!

Primeiramente, gostaria de te parabenizar pela força de vontade em conseguir realizar o reboot, és uma grande inspiração para todos nós. Comemore! Comemore muito! Você é um vencedor!
Mais do que vencer a guerra, é nunca ter que voltar a lutá-la. Mantenha-se sempre firme longe desse vício meu caro.

Lhe desejo muita força nas suas caminhadas.

Obrigado pelo relato.

Meus parabéns e um grande abraço.

_______________________________________
meu diário: O começo do fim.

Eu finalmente CONSEGUI! Screen13

Metas:
3 dias ( ) 7 ( ) 11 ( ) 15 ( ) 19 ( ) 21 ( ) 25 ( ) 30 ( ) 35 ( ) 42 ( ) 49 ( ) 56 ( ) 63 ( ) 70 ( ) 77 ( ) 84 ( ) 90 ( )
Harvey
Harvey
Moderador
Moderador
Mensagens : 1357
Data de inscrição : 23/10/2019
Localização : New York

Eu finalmente CONSEGUI! Empty Re: Eu finalmente CONSEGUI!

16/10/2020, 10:12
Saudações, Ghyds.

Que incrível é poder ler a sua história de sucesso, e assim poder saber que mais um homem despertou para a real vida... Isso é uma grande satisfação para mim, mesmo sem ter te acompanhado, pois sei que por mais que seja apenas 1 pessoa que se libertou, mas isso já faz do mundo um lugar melhor.

Parabenizo você por todo desempenho durante esse processo, que com toda certeza sabemos que não é fácil, mas que no final vale muito apena.

Desejo que você continue firme na sua jornada, e que assim possa angariar níveis de sucesso em outras áreas.

Um abraço do Harv.

_______________________________________


Acesse o meu diário.

Uma jornada de mil milhas começa com um único passo.
Charuto
Charuto
Mensagens : 122
Data de inscrição : 06/10/2020

Eu finalmente CONSEGUI! Empty Re: Eu finalmente CONSEGUI!

16/10/2020, 10:42
Agora é tentar segurar a vontade de fazer o sexo real e não ter EP ou DE (ou qual seja seu problema anterior) devido ao nervosismo e a ansiedade!!! Exclamation

Você sabe que venceu o reboot, completou seu objetivo, já é um vencedor!

Mas planeje-se emocionalmente desde já para o caso de falhar na hora do sexo! Isso é importantíssimo! Saber que pode acontecer de falhar (por causa tão só da ANSIEDADE) é essencial, porque se acontecer, você vai saber que não é por culpa do reboot, não é porque o reboot não funcionou; mas sim porque seu psicológico está muito preocupado em não falhar.
Então tenta seguir essas dicas que te passo, assim que você tiver a oportunidade de fazer sexo com uma garota, abuse das preliminares, TENHA PACIÊNCIA, seja carinhoso, deixa ela pegar em você, não vá com sede ao pote, e assim que você se tranquilizar nessa hora, tudo vai ocorrer bem e aí é só gozar, amigo. king

_______________________________________
Meta: 90 dias Reboot

Objetivo:
(  ) Voltar a ter relações normais sem DE / EP

(  ) 7 dias
(  ) 14 dias
(  ) 21 dias
(  ) 30 dias
(  ) 45 dias
(  ) 60 dias
(  ) 75 dias
(  ) 90 dias - Reboot

Acompanhe o Diário do Charuto: https://www.comoparar.com/t11134-diario-do-charuto

Luan Oliveira
Luan Oliveira
Moderador
Moderador
Mensagens : 603
Data de inscrição : 14/10/2020
Idade : 20
Localização : Paraíba

Eu finalmente CONSEGUI! Empty Re: Eu finalmente CONSEGUI!

16/10/2020, 18:10
É isso aí charuto temos que ter essa mentalidade.Somos vencedores e não deixaremos mais o pensamento de derrota entrar em nossas vidas.

Um abraço,
Luan

_______________________________________
Luan Oliveira
Luan Oliveira
Moderador
Moderador
Mensagens : 603
Data de inscrição : 14/10/2020
Idade : 20
Localização : Paraíba

Eu finalmente CONSEGUI! Empty Re: Eu finalmente CONSEGUI!

16/10/2020, 18:12
É isso aí charuto temos que ter essa mentalidade.Somos vencedores e não deixaremos mais o pensamento de derrota entrar em nossas vidas.

Um abraço,
Lúcifer
Squanchy
Squanchy
Mensagens : 18
Data de inscrição : 22/10/2020
Idade : 29

Eu finalmente CONSEGUI! Empty Ainda estou na luta

22/10/2020, 12:53
Meu amigo, ainda estou na luta, estou em um casamento totalmente desgastado por falta de afeto sexual. Minha esposa cobra muito sobre isso, consigo contornar um pouco a DE ficando uns dias sem PMO. Mas cara, só tenho 28 anos, não tenho problema de saúde, sei que meu problema é o vicio. Quando olho o passado e penso que casei com a primeira namorada por insegurança, noto que minha insegurança era por causa do pornô.

Sei que minha vida podia ser totalmente melhor se quando eu era mais novo, o vicio em pornografia fosse temas debatidos com frequência, ou se naquela época não fosse tão tabu, eu com certeza teria percebido que era viciado e me abriria com meus familiares.

Quando moleque, as únicas conversa sobre masturbação era entre amigos, e lógico, sempre incentivado e contando quantas vezes tinha gozado naquele dia.

Levei muito tempo para descobrir o vicio, basicamente foi quando as primeira broxadas ocorreram, já durante o casamento. Minha esposa não entendia também e acabava chateada achando que o problema era com ela.


OBS> nunca admiti meu vicio no meu meio social. Só consegui me abrir aqui no fórum, hoje.

_______________________________________
Meta: Nunca mais voltar a consumir pornô e ajudar outras pessoas a sair do vício.

Luka, Charuto e Antes tarde do que nunca gostam desta mensagem

Luan Oliveira
Luan Oliveira
Moderador
Moderador
Mensagens : 603
Data de inscrição : 14/10/2020
Idade : 20
Localização : Paraíba

Eu finalmente CONSEGUI! Empty Re: Eu finalmente CONSEGUI!

22/10/2020, 13:40
Olá squanchy
Faça dessa a sua maior arma.Eu digo por experiência própria,pois quando falei abertamente sobre meu vicio aquele peso me saiu das costas e a leveza me fez seguir mais tranquilo no reboot.

Paz meu irmão
Lucifer
.

_______________________________________
avatar
Luka
Mensagens : 237
Data de inscrição : 30/09/2020
Idade : 18

Eu finalmente CONSEGUI! Empty Re: Eu finalmente CONSEGUI!

25/10/2020, 12:03
Squanchy escreveu:Meu amigo, ainda estou na luta, estou em um casamento totalmente desgastado por falta de afeto sexual. Minha esposa cobra muito sobre isso, consigo contornar um pouco a DE ficando uns dias sem PMO. Mas cara, só tenho 28 anos, não tenho problema de saúde, sei que meu problema é o vicio. Quando olho o passado e penso que casei com a primeira namorada por insegurança, noto que minha insegurança era por causa do pornô.

Sei que minha vida podia ser totalmente melhor se quando eu era mais novo, o vicio em pornografia fosse temas debatidos com frequência, ou se naquela época não fosse tão tabu, eu com certeza teria percebido que era viciado e me abriria com meus familiares.

Quando moleque, as únicas conversa sobre masturbação era entre amigos, e lógico, sempre incentivado e contando quantas vezes tinha gozado naquele dia.

Levei muito tempo para descobrir o vicio, basicamente foi quando as primeira broxadas ocorreram, já durante o casamento. Minha esposa não entendia também e acabava chateada achando que o problema era com ela.


OBS> nunca admiti meu vicio no meu meio social. Só consegui me abrir aqui no fórum, hoje.

Bom dia, irmão.Vi algo que me chamou atenção e nesses dias estou muito confuso sobre. Já namorei com algumas garotas, todas as quais gostei muito, mas estou no meu primeiro relacionamento sério, já tem dois anos, nós começamos escondidos de todos, muitas vezes tinha medo do que os outros iriam falar, na real, eu gostava dela, de estar com ela e tudo mais.Sempre tive muito medo na hora da pegação de ela achar meu pênis pequeno, mesmo sabendo que ele é ereto relativamente grande, mesmo não chegando a ter consumado nossa relação de homem e mulher, ela nunca reclamou do assunto. Sei que já deixei de ficar com outras garotas por causa disto, preferia muitas vezes ficar no vício, no meu íntimo apenas eu seria necessário, mas chegou essa mina e me ganhou, conseguiu entrar em mim, agora no meio de tantas dúvidas me vejo tentando me afastar dela, por medo de conseguir amar além do sexo, não conseguir fazer ela feliz e no final e no final não ser feliz comigo mesmo. Depois de tanto enrolar, minha dúvida é: você ama sua esposa?
Squanchy
Squanchy
Mensagens : 18
Data de inscrição : 22/10/2020
Idade : 29

Eu finalmente CONSEGUI! Empty Re: Eu finalmente CONSEGUI!

26/10/2020, 10:05
Luka escreveu:
Squanchy escreveu:Meu amigo, ainda estou na luta, estou em um casamento totalmente desgastado por falta de afeto sexual. Minha esposa cobra muito sobre isso, consigo contornar um pouco a DE ficando uns dias sem PMO. Mas cara, só tenho 28 anos, não tenho problema de saúde, sei que meu problema é o vicio. Quando olho o passado e penso que casei com a primeira namorada por insegurança, noto que minha insegurança era por causa do pornô.

Sei que minha vida podia ser totalmente melhor se quando eu era mais novo, o vicio em pornografia fosse temas debatidos com frequência, ou se naquela época não fosse tão tabu, eu com certeza teria percebido que era viciado e me abriria com meus familiares.

Quando moleque, as únicas conversa sobre masturbação era entre amigos, e lógico, sempre incentivado e contando quantas vezes tinha gozado naquele dia.

Levei muito tempo para descobrir o vicio, basicamente foi quando as primeira broxadas ocorreram, já durante o casamento. Minha esposa não entendia também e acabava chateada achando que o problema era com ela.


OBS> nunca admiti meu vicio no meu meio social. Só consegui me abrir aqui no fórum, hoje.

  Bom dia, irmão.Vi algo que me chamou atenção e nesses dias estou muito confuso sobre. Já namorei com algumas garotas, todas as quais gostei muito, mas estou no meu primeiro relacionamento sério, já tem dois anos, nós começamos escondidos de todos, muitas vezes tinha medo do que os outros iriam falar, na real, eu gostava dela, de estar com ela e tudo mais.Sempre tive muito medo na hora da pegação de ela achar meu pênis pequeno, mesmo sabendo que ele é ereto relativamente grande, mesmo não chegando a ter consumado nossa relação de homem e mulher, ela nunca reclamou do assunto. Sei que já deixei de ficar com outras garotas por causa disto, preferia muitas vezes ficar no vício, no meu íntimo apenas eu seria necessário, mas chegou essa mina e me ganhou, conseguiu entrar em mim, agora no meio de tantas dúvidas me vejo tentando me afastar dela, por medo de conseguir amar além do sexo, não conseguir fazer ela feliz e no final e no final não ser feliz comigo mesmo. Depois de tanto enrolar, minha dúvida é: você ama sua esposa?

Fala luka, tudo bem?
Um dos problemas do pornô é isso, a comparação é inevitável. No pornô, os pênis são acima da média pq há uma seletiva, mas a média está longe do que vimos nesses sites então fique tranquilo quanto a isso.
E sobre a pergunta, eu amo minha esposa sim, mas não a ponto de sofrer d+ em caso de uma separação, é complicado isso mas se eu tivesse a cabeça de hoje, teria ficado só no namoro por mais tempo. Eu casei com ela muito rápido, ela tinha problemas na casa dos pais então tinha o desejo de morar sozinha daí naquele fogo de paixão de inicio de relacionamento resolvemos morar juntos.

Você já conversou com ela? Possa ser que ela nunca reclamou da falta de relação sexual de vocês por também ser muito insegura.

Um abraço meu amigo, continue firme na jornada. sunny study king

_______________________________________
Meta: Nunca mais voltar a consumir pornô e ajudar outras pessoas a sair do vício.

Luka gosta desta mensagem

avatar
Antes tarde do que nunca
Mensagens : 2
Data de inscrição : 25/10/2020

Eu finalmente CONSEGUI! Empty Parabens

2/11/2020, 13:34
Parabéns Ghyds pela história de sucesso!! É muito motivador saber que este mal tem cura através de relatos como o seu! Eu ainda não terminei meu reboot (38 dias sem PMO), mas já percebo melhoras na DE. Muito obrigado e sucesso!
Ir para o topo
Permissão neste fórum:
Você não pode responder aos tópicos