Diário de Rosiane

+7
Drew
VanGogh
Guilherme96
Vitoriosa
300Espartanos
chopin
A hipócrita
11 participantes
Ir para baixo
euvouvencer
euvouvencer
Mensagens : 1431
Data de inscrição : 16/04/2016

Diário de Rosiane - Página 2 Empty Re: Diário de Rosiane

31/7/2021, 18:09
chopin escreveu:
Rosiane escreveu:Me chamo Rosiane e tenho 23 anos. Sou viciada em masturbação há uns 8 anos, não sei ao certo, e em pornografia há 3 anos. Tudo começa em meus pensamentos, nos quais imagino e fantasio relacionamentos que nunca tive na vida real, a partir daí é um passo pra pornografia seguida de masturbação e quando acaba não tenho nada e aquele vazio que buscava preencher continua ali, é um prazer momentâneo que me mata por dentro. Tudo fica sem sentido, sem cor, é como viver no automático, não ser ativo na própria história... Não tenho assistido muito pornografia, quando assistia mais era lésbica mesmo não o sendo, e sim animes, mangás pornográficos ( majoritariamente homossexual masculino) que entraram na minha vida faz pouco tempo e estão devastando comigo. Assim como asmrs, etc. Que acreditem, tem o mesmo efeito terrível que assistir pornografia ou até pior. Ano passado consegui ficar 3 meses limpa, graças a ajuda do Miguel Soriani ( perfil Instagram), que aliás recomendo muito, pois nos ajuda a encontrar o problema real ao qual nos leva a buscar pornografia e resolvê - lo. Enfim, minha recaída foi nos meses finais do ano passado e desde então não consigo mais ficar limpa. Quando caio não consigo me reerguer de jeito nenhum e me afundo mais e mais, ficando cada vez mais viciada, é horrível. Eu preciso sair disso! Conto com o apoio de vocês. Comecei hoje e por enquanto estou bem, abraço a todos!

Olá Rosiane. Apesar de não ser mulher, me identifiquei muito com o que você falou.
Realmente, depois do orgasmo vem um vazio, pois esse é um ato que, momentaneamente, fornece um prazer imenso, parece que temos tudo, temos o mundo, mas depois não sobra nada. Nada daquele prazer é real e nunca vai te preencher.

Também tive muitas vezes essa sensação de não ser ativo na própria história... As vezes eu me sentia um zumbi, parecia que não tinha livre arbítrio, algo horrível! Apenas um zumbi sendo controlado por instintos primitivos (que nem cumprindo sua função, de procriar, estavam)
E, coincidência ou não, também recai depois de um longo tempo sem PMO(9 meses) no final do ano passado (outubro).
Continuei recaindo até esse mês, com alguns períodos de abstinência, mas que chegaram no máximo a um mês.

Decidi tomar várias atitudes ao mesmo tempo, algo que precisava de muita força de vontade e eu venho conseguindo. Se você achar algo do que eu tenho feito útil, poderá utilizar para te ajudar na sua caminhada.

Criei um diário aqui e comecei a acompanhar diariamente o fórum. Sinto que tem me ajudado. De quebra, descobri sobre os bloqueadores e eles estão sendo de GRANDE ajuda. Alterei o DNS para não aparecer conteúdo P, e usei blokfree pra bloquear a mudança do DNS. Recomendo fortemente que você use os bloqueadores. Mas não dependa inteiramente deles, você ainda precisa estar bastante comprometida em acabar com o vício, pois brechas podem existir.

Estou fazendo algo que tinha feito quando consegui os meus 9 meses de abstinência: Reganhando minha confiança por meio de certas ações que causam desconforto.
Por exemplo, se eu tenho vergonha de fazer algo, eu vou lá e faço. Se eu acho horrível um banho frio, eu vou lá e tomo, todos os dias, sem falta. Pode parecer besteira, mas foi, de longe, um dos pilares mais importantes que me fizeram ter sucesso ano passado. Após tantas e tantas recaídas, eu tinha perdido a confiança em mim mesmo e a constante promessa de parar de me masturbar passaram a ser apenas pensamentos em vão. Essas atitudes me deram minha confiança de volta. Fiz várias coisas que, apesar de aparentemente bobas, me envergonhavam bastante e eu tinha receio de fazer. Não é necessariamente te auto sabotar, humilhar ou algo do tipo. Por exemplo, eu morria de vergonha de andar sem camisa em público. Comecei a andar e a correr na orla da praia sem camisa e aquilo, apesar de ser muito bobo, me envergonhava assustadoramente, mas eu fui lá e fiz e venci essa resistência interna. Venci a mim mesmo. Você pode, se achar que vai te ajudar, tentar o mesmo(não andar sem camisa rs), basta fazer as coisas que você mais tem receio de fazer ou que te causam moderado nível de desconforto de maneira frequente. Reiterando, me ajudou MUITO!

Recomendo também a prática de exercícios físicos, caso você já não pratique. Pode ser academia, caminhadas, esportes, exercícios em casa, ou qualquer outra coisa. É interessante não só para te distrair e gastar sua energia, o que pode ajudar na luta contra PMO, como também é bom para sua saúde em geral. Então, se você não faz, eu recomendo. Também sinto que está me ajudando.

Também acho interessante a prática da meditação, ajuda a dar um equilíbrio quando você está desequilibrada mentalmente ou emocionalmente. Pode prevenir, em alguns casos, que você utilize a PMO como válvula de escape. Me é bastante útil

Espero que eu possa ter te ajudado e ficarei muito feliz de te ver progredindo aqui no fórum. Não se esqueça de postar mais vezes! até mais e boa sorte na sua caminhada, Rosiane.

Parabéns pelas dicas Chopin, muito legal.

Vou copiar, rsrs.

Forte Abraço.

_______________________________________
"NÃO POREI COISA MÁ DIANTE DOS MEUS OLHOS". (Salmos 101:3)







Visite meu diário:
https://www.comoparar.com/t11655p225-quero-ser-livre
Drew
Drew
Mensagens : 1288
Data de inscrição : 09/08/2020
Idade : 25
Localização : Brooklyn 1986

Diário de Rosiane - Página 2 Empty Re: Diário de Rosiane

1/8/2021, 17:56
A hipócrita escreveu:Voltei a lutar... Não que isso resolva todo o problema, sei que vai ser um processo demorado e peço a Deus que eu seja capaz de suportar e me reerguer totalmente. Me confessei com um Padre no domingo, coisa que não fazia a bastante tempo. Essa semana trabalhei bastante, ocupei meu tempo. Uns dois dias foi complicado porque senti uma angústia, questionamentos e medos, pensamentos obssessivos que me fazem muito mal, mas passou, por enquanto.Trabalho com artesanato e acabo consumindo muito telas, youtube e séries, porque é algo mecânico e busco isso pra me distrair um pouco e não ficar presa nos pensamentos, mas sei que talvez seja perigoso. A leitura de literatura também me ajuda, porque mantém a atenção em algo muito benefíco. É isso.

A única forma de fazer os pensamentos obsessivos cessarem é deixando de lutar contra eles e se distraindo.
Se ocupe com o seu trabalho e isso ajudará muito.
Força!!

_______________________________________


Diário:
https://www.comoparar.com/t10897p800-diario-da-minha-vitoria

Próxima micro-meta: (5 dias)
VanGogh
VanGogh
Mensagens : 192
Data de inscrição : 25/05/2020

Diário de Rosiane - Página 2 Empty Re: Diário de Rosiane

19/9/2021, 21:06
Olá, minha cara! Como vai essa luta? Não abandone o fórum nem se abandone ao vício, estamos juntos a lutar contra este mal. Confie em Deus e lute!
Um abraço!

_______________________________________


---------------->     Diário de VanGogh     <----------------


Se você perdeu dinheiro, perdeu pouco.
Se perdeu a honra, perdeu muito.
Se perdeu a coragem, perdeu tudo.
Vincent Van Gogh
Ir para o topo
Permissão neste fórum:
Você não pode responder aos tópicos