Ir para baixo
Talde
Talde
Mensagens : 97
Data de inscrição : 03/09/2022

Diário do Talde Empty Diário do Talde

3/9/2022, 14:06
Eu não sei ao certo porque estou fazendo isso, mas acredito que compartilhar a vida com pessoas que passam por situações similares seja um processo de cura que também se torna necessário no trajeto, então é isso.

Eu tenho 29 anos, moro na praia e meu contato com a sexualidade foi cedo pelo fato de eu ter sido abusado sexualmente por 3 caras diferentes (dois parentes e um caso isolado). Me sinto totalmente curado dos remorsos e mágoas que isso implica (ainda convivo com um parente e posso dizer que o perdoei), mas hoje colho alguns resquícios que isso me trouxe (a preferência por homens mais velhos, por exemplo, entre outras que falarei no decorrer, caso haja necessidade).
Aos 12/13 anos, quando a gente percebe que sente atração por outros caras e vem todo aquele mar de insegurança, aliado a isso eu sempre tive muita luta com relação à ansiedade, síndrome do pânico, pensamento intrusivo possessivo, hiperfoco e comecei a frequentar a igreja. Até hoje frequento, com menos atividade por opção. Mas gosto muito estou no caminho de conciliar fé com sexualidade.
Desde 2018 faço terapia (que me ajudou em muitas questões), consegui me aceitar, consegui conversar com alguns amigos e minha irmã, só falta para os meus pais e tem sido a parte mais complicada no momento. Sou sistemático demais pra tudo, e não gostaria que eles soubessem por outra pessoa.
Bom, pra resumir é: eu comecei a sair com caras em janeiro desse ano. Nunca havia saído. Sempre me relacionei com meninas da igreja e a única que tive relação sexual foi quando eu tinha 18 anos. Fiquei dez anos da minha juventude sem sexo real. Estou tendo experiências nos últimos 9 meses, mas como consumo pornografia desde os 14 anos, acredito que meu cérebro tenha sido programado por ela por certas coisas. Ou talvez seja ansiedade, não sei ao certo.
Basicamente minhas experiências tem se resumido à práticas gouines (nada contra, acho ótimo);  também não me sinto seguro pra ser passivo porque desde sempre tenho metabolismo acelerado, então evacuo muito (primeira vez que verbalizo isso, mas acredito que aqui seja um local para isso), mas já tentei 4 vezes (apenas uma que eu posso dizer que fui realmente passivo, as outras foram tentativas e em ambas as quatro passei cheque - white people problems do jovem de 29 anos que não sabe fazer a higienização); e das vezes que tentei ser ativo (3 ou 4, comprei tadalafila, mas não tive coragem de usar em nenhuma), foi só colocar a camisinha que broxei.
Sei que tudo acima pode ser mais relato de uma pessoa ansiosa do que propriamente viciada em pornô, mas mesmo que elucide que meu problema com DE (aprendi essa abreviação lendo alguns diários aqui desde semana passada), seja ansiedade, eu preciso parar com o PMO na minha vida, pois vai contra até meus princípios éticos. E lendo algumas coisas aqui eu fiquei horrorizada em como essa prática afeita tantas pessoas com tantos malefícios.
E por exemplo, quando consumo procuro fantasias de homens mais velhos com homens mais novos, então interpreto que existe sim uma correlação.
De 2013 a 2014 fiquei 1 ano e 9 meses sem P, e de 2018 para 2019, 63 dias. Essas foram as minhas melhoras marcas. Não considero que tenho problemas com M, porque em 99 por cento das vezes que há M, é sempre seguida da P.
Minha terapeuta é ótima, mas ela pede que eu não demonize a P. Eu consigo hoje, nas vezes que caio, não me julgar e não ficar lamentando tanto o fato (leio sobre estoicismo e faço orações diárias), mas meu receio é normatizar. Definitivamente não que a P faça parte da minha vida e nem quero não ter relações sexuais limitadas em prol dela (quero ser todas as posições rs).
Mas minha relação com a P é escape de momentos de tensão e a possibilidade de experimentar o que eu não experimentava. Agora que estou começando minha vida sexual, mesmo não havendo uma diminuição do consumo, acredito que o segundo motivo possa ser sanado, mas ainda sim enxergo os problemas que ela me trouxe, como a DE e como procurar pessoas muito mais velhas (já saí com um senhor de 66 anos de idade - quase uma gerontofilia).
Quando conheci esse site (9 dias atrás), eu estava cinco dias sem PMO. Consegui chegar a marca de 13 dias, mas resetei porque agora estou passando por um momento de hiperfoco no aplicativo GRINDR. Entrei compulsivamente nos cinco dias, e após ter tido uma transa gouine muito boa no dia 01/09, acredito que eu tenha sofrido o tal do Efeito Caçador.

Bom, é isso. Bom fim de semana.

Obrigado por essa plataforma.


Última edição por Talde em 3/10/2022, 12:46, editado 1 vez(es)

Kaneki, Vic Yusuf, Damond e Shalonn gostam desta mensagem

avatar
Damond
Mensagens : 44
Data de inscrição : 24/11/2021
Idade : 18

Diário do Talde Empty Re: Diário do Talde

3/9/2022, 21:06
Oi Taldegusta!! Fico feliz em ver que você tomou a decisão de entrar para o Fórum, seja bem-vindo!

Sinto muito pelas suas experiências iniciais, que bom que você se recuperou disso! Acredito que sua nova vida sexual possa ser uma aliada no reboot dependendo de seus objetivos e metas, tente ver se essa conciliação faz sentido para você!! Olha, eu me considero uma pessoa muito mente aberta em relação a muita coisa, mas não demonizar a pornografia é simplesmente impossível, ainda mais considerando o fator industrial da coisa. Acho que o primeiro passo é entender que a P impacta outros ambientes além de nós mesmos, seja por consequencias de comportamentos nossos ou da própria indústria. Eu percebi que muitos ideais são construídos com base na experiência com PMO que muitos tem, seja misoginia ou transfobia. O fato é que a demonização talvez nem seja discutível, afinal estamos falando de algo que já é tal figura.
Enfim, dentro disso vale falar que é preciso saber também o que é P. (sou da ideia de que seja qualquer busca ativa por um audiovisual que vá promover um prazer artificial), ou seja, do soft ao hard. Falo isso por que por muito tempo negligenciei meu reboot por conceitualizações que era só autossabotagem.
Tente introduzir aos poucos o processo de bloquear aplicativos e gatilhos, inicialmente é complicado mas você se acostuma e a vida fica bem mais leve, acredite. O Grindr, por exemplo, é uma forma de superficializar ainda mais as relações que nós temos, sei que é difícil, considerando ainda mais determinados contextos, mas tente entender os malefícios e benefícios desse uso.

Continue postando aqui no fórum, estarei feliz em acompanhar!

joeysilva
joeysilva
Mensagens : 45
Data de inscrição : 18/11/2020
Idade : 25
Localização : Salvador/BA

Diário do Talde Empty Re: Diário do Talde

3/9/2022, 22:33
Fala, Taldegusta.

Estou muito feliz que você se uniu ao fórum. É muito bom compartilhar nossa experiência com outros que passam por situações parecidas, ajuda demais a entender que nem tudo é único e tão catastrófico, afinal outras pessoas passaram por algo similar e conseguir vencer.
Percebi algumas semelhanças com você no início da sua vida sexual. Eu comecei a fazer sexo com 18 anos e foi a partir dai que percebi minha DE, tive poucas experiências sexual por não me sentir confortável, até que em 2018/19 comecei a tomar para mim o rótulo de gouine. Gosto demais, porém resta a dúvida se eu realmente não curto penetração ou se tem a ver com impactos do vício em PMO em meu organismo/mente. Por isso quero conseguir rebootar direitinho pra ter certeza da minha posição sexual, até porque em alguns momentos sinto um desejo de ser versátil, mas na hora sempre dava algo de errado. Os problemas de higienização anal são uma questão a parte que nunca lidei muito bem.
Outra coisa que me deixa na dúvida são os fetiches, acho que adquiri vários deles por conta da PMO. Desde jovem na minha adolescência eu consumia vídeos de dois blogs gays que tinha um material fora do convencional quando o assunto era fetiches, e o primeiro vídeo com o qual eu realmente ejaculei, era de um sexo irreal de ser feito no dia a dia de pessoas que não sejam atores pornôs. Por isso acho importante esse tempo limpo pra (de preferência que dure para sempre) para ter certeza dos fetiches.
Seja bem-vindo e quero muito acompanhar seu relato aqui!

_______________________________________
Última recaída: 03 de setembro de 2022, às 19:00

Acompanhe meu diário: https://www.comoparar.com/t11268-diario-de-um-navegante-solitario
Meu Telegram @joeysilva25
Vic Yusuf
Vic Yusuf
Mensagens : 245
Data de inscrição : 09/11/2021
Idade : 30
Localização : Dimensão Onírica

Diário do Talde Empty Re: Diário do Talde

3/9/2022, 23:02
Olá Taldegusta, seja bem vindo e sinta-se acolhido por todos nós aqui. É seu relato é um pouco tenebroso admito, mas qual de nós não tem um relato tenebroso não é mesmo, assim é a vida de adictos em P, tenebrosa,  é bom que consigas livrar-se logo da Pornografia, e sinto-lhe dizer mas sim deves demonizar a pornografia, os sites pornográficos bem como a Indústria Pornô( crimes como tráfico de seres humanos está intimamente ligada com a indústria pornográfica), a pornografia é como uma droga mesmo, crack, heroína, causa efeitos embora sutis e silenciosos mas devastadores, como você mesmo pode atestar por sua experiência e a de todos nós aqui; uma vida sexual equilibrada e saudável é perfeitamente recomendável, mas uma sexualidade induzida por P, deixando nossa mente pornográfica é totalmente prejudicial. Fiquei um pouco surpreso que você tenha demorado tanto para começar uma vida sexual, não é te julgando óbvio, mas é só mais uma amostra de como a Pornografia nos prende e nos tira tudo, é como se estivesse começando a viver agora, ainda se descobrindo, descobrindo sua sexualidade de forma tão tardia, mas nunca é tarde para se começar, e espero que você encontre seu caminho.

Sobre o Grindr, por diversas razões que eu já falei em outros diários e no meu aconselho você a desinstalar e bloquear o Playstore, se não conseguir fazer de uma vez vá cortando aos poucos, vá fixando prazos para entrar e vá aumentando os prazos até começar a perceber que não vai te fazer falta, inclusive te atrapalha tanto ou até mais que sites P; Você conseguiu contatos para ter relações? Mantenha-os, não importa se for 1, 2, 4 enfim, mantenha-os e valorize-os, isso será de grande ajuda para conseguir controlar o efeito Coolidge, que é o que te fará querer sempre procurar Vários parceiros através de APPs e sites P( que nosso cérebro interpreta como sexo real), valorize o que tem, com o tempo você analisa se deve procurar mais pessoas mas por hora o que você já tem deves valorizar. Bom espero poder estar te acompanhando, como você eu também tenho 29 anos e ainda estou procurando meu caminho, descobrir quem eu sou e torço por você, para que juntos todos consigamos vencer essa longa guerra, Paz, Shalom!!!
Talde
Talde
Mensagens : 97
Data de inscrição : 03/09/2022

Diário do Talde Empty Re: Diário do Talde

5/9/2022, 12:16
Damond escreveu:Oi Taldegusta!! Fico feliz em ver que você tomou a decisão de entrar para o Fórum, seja bem-vindo!

Sinto muito pelas suas experiências iniciais, que bom que você se recuperou disso! Acredito que sua nova vida sexual possa ser uma aliada no reboot dependendo de seus objetivos e metas, tente ver se essa conciliação faz sentido para você!! Olha, eu me considero uma pessoa muito mente aberta em relação a muita coisa, mas não demonizar a pornografia é simplesmente impossível, ainda mais considerando o fator industrial da coisa. Acho que o primeiro passo é entender que a P impacta outros ambientes além de nós mesmos, seja por consequencias de comportamentos nossos ou da própria indústria. Eu percebi que muitos ideais são construídos com base na experiência com PMO que muitos tem, seja misoginia ou transfobia. O fato é que a demonização talvez nem seja discutível, afinal estamos falando de algo que já é tal figura.
Enfim, dentro disso vale falar que é preciso saber também o que é P. (sou da ideia de que seja qualquer busca ativa por um audiovisual que vá promover um prazer artificial), ou seja, do soft ao hard. Falo isso por que por muito tempo negligenciei meu reboot por conceitualizações que era só autossabotagem.
Tente introduzir aos poucos o processo de bloquear aplicativos e gatilhos, inicialmente é complicado mas você se acostuma e a vida fica bem mais leve, acredite. O Grindr, por exemplo, é uma forma de superficializar ainda mais as relações que nós temos, sei que é difícil, considerando ainda mais determinados contextos, mas tente entender os malefícios e benefícios desse uso.

Continue postando aqui no fórum, estarei feliz em acompanhar!


Olá, Damond. Obrigado pela leitura e por responder.
Tô assimilando a ideia de que a P constrói esses comportamentos sociais também. Eu nunca havia parado para pensar nesse lado.
Sobre o Grindr, vou ter que realmente analisar isso mais a fundo. Puxando na memória, ja tive sim recaídas em P por causa dele, então ele contribui sim.
Tô tendo hiperfoco e vou relatar no meu resumo do fim de semana.

Preciso de orientação sobre o bloqueio de sites, nunca usei essa ferramenta.
Você tem diário?

Abraços.


Última edição por Taldegusta em 5/9/2022, 13:38, editado 1 vez(es)
Talde
Talde
Mensagens : 97
Data de inscrição : 03/09/2022

Diário do Talde Empty Re: Diário do Talde

5/9/2022, 12:18
joeysilva escreveu:Fala, Taldegusta.

Estou muito feliz que você se uniu ao fórum. É muito bom compartilhar nossa experiência com outros que passam por situações parecidas, ajuda demais a entender que nem tudo é único e tão catastrófico, afinal outras pessoas passaram por algo similar e conseguir vencer.
Percebi algumas semelhanças com você no início da sua vida sexual. Eu comecei a fazer sexo com 18 anos e foi a partir dai que percebi minha DE, tive poucas experiências sexual por não me sentir confortável, até que em 2018/19 comecei a tomar para mim o rótulo de gouine. Gosto demais, porém resta a dúvida se eu realmente não curto penetração ou se tem a ver com impactos do vício em PMO em meu organismo/mente. Por isso quero conseguir rebootar direitinho pra ter certeza da minha posição sexual, até porque em alguns momentos sinto um desejo de ser versátil, mas na hora sempre dava algo de errado. Os problemas de higienização anal são uma questão a parte que nunca lidei muito bem.
Outra coisa que me deixa na dúvida são os fetiches, acho que adquiri vários deles por conta da PMO. Desde jovem na minha adolescência eu consumia vídeos de dois blogs gays que tinha um material fora do convencional quando o assunto era fetiches, e o primeiro vídeo com o qual eu realmente ejaculei, era de um sexo irreal de ser feito no dia a dia de pessoas que não sejam atores pornôs. Por isso acho importante esse tempo limpo pra (de preferência que dure para sempre) para ter certeza dos fetiches.
Seja bem-vindo e quero muito acompanhar seu relato aqui!

Olá, Joey.
Mais um gouine confuso por aqui. rs
Sim, meu foco é realmente rebootar e me trazer lucidez para as minhas preferências.

A P e suas fantasias, né? Não sou um cara que fantasia muito (acho que isso é bom), mas com certeza tenho impactos do PMO na minha vida pessoal e sexual e quero extinguí-los,

Você tem diário?

Abraço.


Última edição por Taldegusta em 5/9/2022, 13:38, editado 1 vez(es)
Talde
Talde
Mensagens : 97
Data de inscrição : 03/09/2022

Diário do Talde Empty Re: Diário do Talde

5/9/2022, 12:27
Vic Yusuf escreveu:    Olá Taldegusta, seja bem vindo e sinta-se acolhido por todos nós aqui. É seu relato é um pouco tenebroso admito, mas qual de nós não tem um relato tenebroso não é mesmo, assim é a vida de adictos em P, tenebrosa,  é bom que consigas livrar-se logo da Pornografia, e sinto-lhe dizer mas sim deves demonizar a pornografia, os sites pornográficos bem como a Indústria Pornô( crimes como tráfico de seres humanos está intimamente ligada com a indústria pornográfica), a pornografia é como uma droga mesmo, crack, heroína, causa efeitos embora sutis e silenciosos mas devastadores, como você mesmo pode atestar por sua experiência e a de todos nós aqui; uma vida sexual equilibrada e saudável é perfeitamente recomendável, mas uma sexualidade induzida por P, deixando nossa mente pornográfica é totalmente prejudicial. Fiquei um pouco surpreso que você tenha demorado tanto para começar uma vida sexual, não é te julgando óbvio, mas é só mais uma amostra de como a Pornografia nos prende e nos tira tudo, é como se estivesse começando a viver agora, ainda se descobrindo, descobrindo sua sexualidade de forma tão tardia, mas nunca é tarde para se começar, e espero que você encontre seu caminho.

Sobre o Grindr, por diversas razões que eu já falei em outros diários e no meu aconselho você a desinstalar e bloquear o Playstore, se não conseguir fazer de uma vez vá cortando aos poucos, vá fixando prazos para entrar e vá aumentando os prazos até começar a perceber que não vai te fazer falta, inclusive te atrapalha tanto ou até mais que sites P; Você conseguiu contatos para ter relações? Mantenha-os, não importa se for 1, 2, 4 enfim, mantenha-os e valorize-os, isso será de grande ajuda para conseguir controlar o efeito Coolidge, que é o que te fará querer sempre procurar Vários parceiros através de APPs e sites P( que nosso cérebro interpreta como sexo real), valorize o que tem, com o tempo você analisa se deve procurar mais pessoas mas por hora o que você já tem deves valorizar. Bom espero poder estar te acompanhando, como você eu também tenho 29 anos e ainda estou procurando meu caminho, descobrir quem eu sou e torço por você, para que juntos todos consigamos vencer essa longa guerra, Paz, Shalom!!!

Olá, Vic.
Agradeço demais a empatia. Graças a Deus e com o auxílio da psicanálise desde 2018, consegui reverter muita coisa e me considero livre desses traumas tenebrosos. São apenas ajustes que tenho que fazer, porque a gente tem sempre o que melhorar e também enxergo que coisas novas podem surgir.
Sobre a demonização, o conceito não seria a demonização da pornografia em si (embora, concorde com seus pontos), mas sim em demonizar a mim mesmo pelo fato de usar P, entrar em um estado de auto culpa e auto flagelo que em algumas hipóteses podem ser prejudiciais.
Ou seja, hoje quando eu consumo P, penso e repito: "Que droga, caí nisso, mas vou seguir a vida". Antes, se eu consumisse pornografia, eu nem saia de casa, cancelava compromisso, faculdade, porque eu me achava sujo.
Assim, sei que esse pensamento a curto e médio prazo, que me impede de me paralisar, não tem resultado mais concreto, pois eu não deixo de consumir a P. Por isso resolvi criar e compartilhar com pessoas que podem me trazer mais luz sobre tudo.

Pois é, comecei tarde e estou usando o GRINDR de forma bem grotesca.
Em nove meses e já fiquei pra mais de 20 caras diferentes e tenho uma relação de aceitação e ódio com esse aplicativo.
Eu tenho dois/três contatos regulares. Mas é foda porque parece que a gente sempre precisa de mais.

Você tem diário?

Abraço.

Shalonn gosta desta mensagem

Talde
Talde
Mensagens : 97
Data de inscrição : 03/09/2022

Diário do Talde Empty Re: Diário do Talde

5/9/2022, 12:39
Sobre o fim de semana

Como minha última queda foi na sexta-feira. Posso dizer que estou em dois dias completos desde o último reset?

Na quinta feira eu tive um encontro muito legal com um cara apenas ativo, mas não houve penetração, por eu não estar preparado e também por não estar a vontade de ser casual logo de cara nesse nível. rs
E com ele eu tive o efeito caçador e consumi P na sexta. Mas fiz algumas atividades (academia, beber meus 3 litros de água diária) e outras acabei não fazendo (estou lendo dois livros, um de cunho cristão e outro de FOCO, e fico meio sem jeito de dar vazão à leitura quando eu vejo P, pois acho que não estou pleno pra realizar a absorção), com isso atrasei meu andamento de querer ler 13 livros ao ano (já li oito), mas eu sempre procuro não me martirizar/culpar.
Mas mesmo com a caída em P eu usei o GRINDR exaustivamente esse FDS. Conversei com N caras. Consegui um date na casa de outro Ativo (parece que eu só atraio ativo rs) sem penetração no sábado, domingo perdi 3h30 só atualizando página do aplicativo, não consegui date, mas tive uma conversa bacana com um rapaz sobre músicas e filmes (eu não faço a linha do "curte o quê", "tem local?", "atv ou pass"), mas mesmo assim eu poderia ter usado esse tempo pra ter visto um filme, ter ido a igreja ou simplesmente dormir.

Esse FDS eu tive uma festa de aniversário numa casa alugada e um chá de bebê de um casal de amigos, todos em locais bem distantes da minha casa. Isso intensificou o uso do APP, pois meu subconsciente me dizia que eu estava em "terreno novo".
O lado bom é que tive um bom tempo entre amigos e comi bastante.

Inicio essa segunda com uma pegação rápida na casa de outro cara Vers/Atv antes de ir pro trabalho (eu literalmente ativei o modo put@, sem auto julgamentos) e disposto a organizar minha rotina.
Hoje vou almoçar com meu irmão mais velho (que não sabe da minha condição) e ir pra academia. Pretendo ler um pouco do livro técnico e assistir um vídeo do TEDX, que costumo ver diariamente.

Boa semana a todos.
Talde
Talde
Mensagens : 97
Data de inscrição : 03/09/2022

Diário do Talde Empty Relato e reflexão

6/9/2022, 16:22
É notório como o GRINDR atrapalha meu foco, ou pelo menos interfere nele.
Por ser uma pessoa que sofre de ansiedade, mesmo eu desativando todas as notificações no celular, sou induzido a todo momento ficar olhando, vendo se tem alguma curtida ou mensagem. Meio masoquista, não? Consequências do hiperfoco.

Nota: esse hiperfoco é pra tudo na vida. Aqui mesmo no fórum, eu atualizo a pagina de 30 em 30 minutos pra ver se há algo novo.

Um de vocês disse pra eu ter alguns contatos fixos e eu acabei, na brincadeira, contabilizando quantas pessoas eu fiquei de janeiro pra cá: 34 pessoas. E posso dizer que menos de 10 foram algo bacana, troca de experiência.
A libido do homem é complicada e isso me deixa mais confuso ainda pelo fato de não conseguir ser ativo.
Hoje eu quase perdi o velório do pai de um amigo meu por causa de encontro. Ainda bem que deu pra trás.
Não sei como poderei conhecer pessoas de forma orgânica não sendo assumido, mas preciso aprender, ou assumir logo de vez.

Escrevo isso estimando melhoras à mim mesmo.
Hoje consegui ver uma palestra do TEDX e retomar as orações diárias.
Não vou conseguir treinar porque irei pra casa do ficante premium unlimited que é bem gente boa, mas cheio de neuras e iremos assistir filme. Escrevo isso, um olho na tela do pc, outro pra tela do celular no aplicativo.

Abraços. Se cuidem

Ah, 4 dias sem PMO.

Shalonn gosta desta mensagem

Talde
Talde
Mensagens : 97
Data de inscrição : 03/09/2022

Diário do Talde Empty Sobre os últimos dias

8/9/2022, 14:27
Eu trabalho em comércio, então nunca soube direito o que é feriado.
No dia de ontem foi bem complicado porque me expus demais à gatilhos que podem provocar PMO. E mais uma vez deixei de lado lazer, produtividade e descanso em prol de ficar no aplicativo.
Sem brincadeira, eu fiquei das 19h até 2h30 da manhã rolando feed, dando tap, atualizando à paginas. Só recebi alguns nudes e uma vontade imensa de ir pra P.
A P também tem um caráter de recompensa por alguma frustração, né? Por exemplo, eu poderia muito bem ter caído em P com o pretexto de frustração por não ter conseguido alguma coisa pelo APP.
Hoje acordei tarde, sem rotina e isso me deixou incomodado comigo mesmo. Conversei com uma amiga minha que tem o mesmo problema, só que com o Tinder, e decidi apagar o aplicativo. O problema é que volto, todo mundo volta uma hora.
Sei que ele pode ser interpretado como um substituto da P, mas não sei se devo zerar a contagem ou não. Me ajudem com essas questões. rs

Só estou esperando um contato bem bacana que fiz lá, onde basicamente conversamos coisas aleatórias com zero cunho sexual aparecer, para eu dar meu contato pra ele e apagar o app pelo máximo de tempo que eu puder.

Eu sou um cara sistemático e cheio de metas (tenho planilha de gastos, lista de 30 coisas pra fazer antes de completar 30 anos), que me perceber sendo roubado em troca de sexo casual que na maioria das vezes nem é tão bom assim, me deixa até enojado de mim mesmo. Mas aprendi muito na terapia não me colocar no centro de auto julgamento para não piorar as coisas.

Hoje retomei a leitura do livro técnico que estou lendo e faltam menos de 25 páginas para terminá-lo. Vai ser minha meta até o fim de semana junto à visita ao centro histórico de uma cidade da região que tenho muita vontade de fazer sozinho.

Abraços.
Talde
Talde
Mensagens : 97
Data de inscrição : 03/09/2022

Diário do Talde Empty Re: Diário do Talde

10/9/2022, 16:53
Meu rolê do cento histórico não vai acontecer porque o tempo fechou demais e irá chover amanhã o dia todo.
Não exclui o aplicativo por causa do feriado prolongado. A curiosidade atiça um pouco.
O ficante premium unlimited conversou comigo a cerca da constância que nos vemos, ele disse que gostaria de me ver mais. Ele é gente boa, mas não sinto algo mais aprofundado e consegui verbalizar sem rodeios e meio termos. Ele agradeceu a sinceridade e disse que não nutre nenhum sentimento a mais por mim, mas que gostaria mesmo de passar mais tempo comigo por que aprecia minha companhia. Darei esse voto de minerva.
Isso me fez refletir acerca da minha vida em geral. Gostaria poder de dizer que sou apaixonado pelo meu trabalho, que tenho um hobby qual sou apaixonado, ou que fui perdidamente apaixonado por alguém. Sempre racionalizei demais tudo, e talvez não haja um problema nisso, só tenho receio de que isso possa me atrapalhar no futuro caso eu queira engatar algum relacionamento com um H.

Consegui terminar o livro técnico , FOCO - A Única COISA, e consegui extrair algumas coisas interessantes: "um compromisso consigo mesmo é o caminho mais certo para garantir que alcancemos resultados extraordinários" e "viver com propósito, prioridade e produtividade".

Se eu morasse em São Paulo, eu seria o próprio Workaholic Faria Limer. rsrs

Abraços e bom fim de semana pra mim. E pra vocês.

Talde
Talde
Mensagens : 97
Data de inscrição : 03/09/2022

Diário do Talde Empty Re: Diário do Talde

10/9/2022, 16:57
Ah, completei 7 dias sem PMO.
Talde
Talde
Mensagens : 97
Data de inscrição : 03/09/2022

Diário do Talde Empty Re: Diário do Talde

13/9/2022, 09:56
Sinto que estou escrevendo pra mim, mas o que tem sido um bom exercício por me tratar de alguém prolixo.
Estou 9 dias sem PMO e sinto que meu período crítico é esse, quando estou rumando pra segunda semana.
Tenho usado o app com menor intensidade, mas gostaria de não usar.
Sinto que todo esse lance de DE, ativo ou passivo, denota também um preconceito internalizado dentro de mim. Vou levar isso pra terapia amanhã.
Mas consegui resumir ontem, depois de tomar a quarta dose da vacina e sofrer uns efeitinhos colaterais aí, que não posso me resumir à posição nenhuma dentro de nada. Sou maior que isso.
luz
luz
Mensagens : 699
Data de inscrição : 10/01/2018

Diário do Talde Empty Re: Diário do Talde

13/9/2022, 14:19
Taldegusta escreveu:É notório como o GRINDR atrapalha meu foco, ou pelo menos interfere nele.
Por ser uma pessoa que sofre de ansiedade, mesmo eu desativando todas as notificações no celular, sou induzido a todo momento ficar olhando, vendo se tem alguma curtida ou mensagem. Meio masoquista, não? Consequências do hiperfoco.

Nota: esse hiperfoco é pra tudo na vida. Aqui mesmo no fórum, eu atualizo a pagina de 30 em 30 minutos pra ver se há algo novo.

Um de vocês disse pra eu ter alguns contatos fixos e eu acabei, na brincadeira, contabilizando quantas pessoas eu fiquei de janeiro pra cá: 34 pessoas. E posso dizer que menos de 10 foram algo bacana, troca de experiência.
A libido do homem é complicada e isso me deixa mais confuso ainda pelo fato de não conseguir ser ativo.
Hoje eu quase perdi o velório do pai de um amigo meu por causa de encontro. Ainda bem que deu pra trás.
Não sei como poderei conhecer pessoas de forma orgânica não sendo assumido, mas preciso aprender, ou assumir logo de vez.

Escrevo isso estimando melhoras à mim mesmo.
Hoje consegui ver uma palestra do TEDX e retomar as orações diárias.
Não vou conseguir treinar porque irei pra casa do ficante premium unlimited que é bem gente boa, mas cheio de neuras e iremos assistir filme. Escrevo isso, um olho na tela do pc, outro pra tela do celular no aplicativo.

Abraços. Se cuidem

Ah, 4 dias sem PMO.

Opa! me identifico com essa parte dos apps e do foco.
Quando eu tenho o Grindr instalado em meu celular, vira e mexe eu pego o celular para olhar se tem notificação. A própria notificação em si, já me da prazer. Saber que estou sendo desejado por alguém, por isso é tão forte. O cérebro quer prazer, então ele vai fazer de tudo pra tê-lo, inclusive checar toda hora.
O Grindr pra mim tb é tóxico, e não é nem por P. Porque nao tenho interesse em P, mas em sexo real. Porém, o próprio funcionamento do grindr, já me deixa excitado, por isso, retirei o app, e sigo sem ele. A minha questão com os apps é o sexo e nao a P. Mas isso não me deixa imune da pornografia do próprio app.
Eu pensava que o problema eram só os vídeos. Mas parece que as imagens do Grindr também são. Porque eu percebia uma excitação e o fluxo sanguíneo do p aumentar, só em abrir o app e falar com um cara de meu interesse e sem a troca de imagens ainda. Eu prefiro até q não me mandem nudes. Mas msm assim recebo.

O pior do Grindr pra mim foi. Eu fiz o reboot sem apps, e em 28 dias eu tava restaurado da DE, só não conseguia ter O sem M. Mas já conseguia a penetração como ativo. Porém, fiquei usando o Grindr pra ter sexo, e o uso constante do app, vendo e selecionando os caras, funcionou como pornografia pra mim. Então, perdi a recuperação da DE que eu tinha restaurado. E pra voltar foram mais de 28 dias dessa vez. Precisei do reboot de 90 dias msm. E quando fazia usando o Grindr o reboot não funcionava. Achei q tinha algum problema de ereção para além da pornografia. Mas não era. Pq bastava instalar o app que eu ficava bem ereto. Então, cheguei a definitiva conclusão que para um viciado em p, o Grindr é pornografia. Estou seguindo o reboot sem os apps. O app deve ser ótimo pra quem não é viciado em pornografia, mas pra quem é, é péssimo. Tipo tomar um vinhozinho pra quem é alcoolatra de cerveja. Dá no mesmo. A solução é a abstinência. Infelizmente temos que aceitar que somos viciados em p. E como todo viciado, o erro é achar que existe uma dose segura, mas não há.

_______________________________________





Sem PMO
Sem App


1 Dia Like a Star @ heaven  | 7 Dias Like a Star @ heaven |  15 Dias Like a Star @ heaven | 21 Dias Like a Star @ heaven | 30 Dias | 37 Dias |  41 Dias |  45 Dias  | 51 Dias  | 58 Dias | 60 Dias 
 
luz
luz
Mensagens : 699
Data de inscrição : 10/01/2018

Diário do Talde Empty Re: Diário do Talde

13/9/2022, 14:27
Taldegusta escreveu:
Um de vocês disse pra eu ter alguns contatos fixos e eu acabei, na brincadeira, contabilizando quantas pessoas eu fiquei de janeiro pra cá: 34 pessoas. E posso dizer que menos de 10 foram algo bacana, troca de experiência.
A libido do homem é complicada e isso me deixa mais confuso ainda pelo fato de não conseguir ser ativo.
Hoje eu quase perdi o velório do pai de um amigo meu por causa de encontro. Ainda bem que deu pra trás.
Não sei como poderei conhecer pessoas de forma orgânica não sendo assumido, mas preciso aprender, ou assumir logo de vez.

Também tenho essa questão de me encontrar com várias pessoas e só algumas serem bacanas. O pior é os encontros pelo app e quando encontro pessoalmente é uma decepção. Pq pelo app é texto e imagem fixa. Então, a decepção é muito grande. Quando encontro pessoalmente e conheço a pessoa aí já é mais difícil decepcionar em termos da pessoa ser bacana, mas me decepciono com o corpo e o sexo, já que conheci a pessoa sem nudes e erotismos. O que também é chato, mas é o mais saudável. Na verdade, o saudável mesmo é se relacionar com uma pessoa, kkkk

E sobre a quantidade, nesse universo q a gente vive de apps é isso mesmo, quantidade e pouca qualidade. Pra mudar, teremos que abrir mão disso. Pense bem, isso não é diferente da pornografia que consumíamos. Vários vídeos de oferta e tudo superficial, pq não era real.

_______________________________________





Sem PMO
Sem App


1 Dia Like a Star @ heaven  | 7 Dias Like a Star @ heaven |  15 Dias Like a Star @ heaven | 21 Dias Like a Star @ heaven | 30 Dias | 37 Dias |  41 Dias |  45 Dias  | 51 Dias  | 58 Dias | 60 Dias 
 
Talde
Talde
Mensagens : 97
Data de inscrição : 03/09/2022

Diário do Talde Empty Re: Diário do Talde

15/9/2022, 14:23
Ontem tive terapia e por mais que tenha sido uma boa sessão, onde nitidamente eu consegui enxergar minha progressão em 3 anos e 10 meses de psicoterapia, hoje já tive contratempos no trabalho que estão me dando vontade de me compensar com P.
Achei bem chocante o que o Luz comentou, sobre o lance do app ser um substituto. Acabo nem sabendo como está meu contador agora...

Mas enfim, 12 dias sem acessar vídeos e sem MO.

Eu sei que consigo chegar aos 90 dias e estarei em paz comigo mesmo caso eu não consiga de primeira (até mesmo porque já rebootei antes de começar a escrever aqui), só que cansa saber que isso vai ser pra vida toda. rs

Vai fazer dois meses que comprei um quebra cabeça de 500 peças pra testar esse novo hobby. Talvez eu comece ele hoje, ou talvez vá pra academia.

Uma pergunta: seu eu tiver sexo real com alguém e essa pessoa me masturbar, eu reseto?
Talde
Talde
Mensagens : 97
Data de inscrição : 03/09/2022

Diário do Talde Empty Re: Diário do Talde

15/9/2022, 14:32
luz escreveu:
Taldegusta escreveu:É notório como o GRINDR atrapalha meu foco, ou pelo menos interfere nele.
Por ser uma pessoa que sofre de ansiedade, mesmo eu desativando todas as notificações no celular, sou induzido a todo momento ficar olhando, vendo se tem alguma curtida ou mensagem. Meio masoquista, não? Consequências do hiperfoco.

Nota: esse hiperfoco é pra tudo na vida. Aqui mesmo no fórum, eu atualizo a pagina de 30 em 30 minutos pra ver se há algo novo.

Um de vocês disse pra eu ter alguns contatos fixos e eu acabei, na brincadeira, contabilizando quantas pessoas eu fiquei de janeiro pra cá: 34 pessoas. E posso dizer que menos de 10 foram algo bacana, troca de experiência.
A libido do homem é complicada e isso me deixa mais confuso ainda pelo fato de não conseguir ser ativo.
Hoje eu quase perdi o velório do pai de um amigo meu por causa de encontro. Ainda bem que deu pra trás.
Não sei como poderei conhecer pessoas de forma orgânica não sendo assumido, mas preciso aprender, ou assumir logo de vez.

Escrevo isso estimando melhoras à mim mesmo.
Hoje consegui ver uma palestra do TEDX e retomar as orações diárias.
Não vou conseguir treinar porque irei pra casa do ficante premium unlimited que é bem gente boa, mas cheio de neuras e iremos assistir filme. Escrevo isso, um olho na tela do pc, outro pra tela do celular no aplicativo.

Abraços. Se cuidem

Ah, 4 dias sem PMO.

Opa! me identifico com essa parte dos apps e do foco.
Quando eu tenho o Grindr instalado em meu celular, vira e mexe eu pego o celular para olhar se tem notificação. A própria notificação em si, já me da prazer. Saber que estou sendo desejado por alguém, por isso é tão forte. O cérebro quer prazer, então ele vai fazer de tudo pra tê-lo, inclusive checar toda hora.
O Grindr pra mim tb é tóxico, e não é nem por P. Porque nao tenho interesse em P, mas em sexo real. Porém, o próprio funcionamento do grindr, já me deixa excitado, por isso, retirei o app, e sigo sem ele. A minha questão com os apps é o sexo e nao a P. Mas isso não me deixa imune da pornografia do próprio app.
Eu pensava que o problema eram só os vídeos. Mas parece que as imagens do Grindr também são. Porque eu percebia uma excitação e o fluxo sanguíneo do p aumentar, só em abrir o app e falar com um cara de meu interesse e sem a troca de imagens ainda. Eu prefiro até q não me mandem nudes. Mas msm assim recebo.

O pior do Grindr pra mim foi. Eu fiz o reboot sem apps, e em 28 dias eu tava restaurado da DE, só não conseguia ter O sem M. Mas já conseguia a penetração como ativo. Porém, fiquei usando o Grindr pra ter sexo, e o uso constante do app, vendo e selecionando os caras, funcionou como pornografia pra mim. Então, perdi a recuperação da DE que eu tinha restaurado. E pra voltar foram mais de 28 dias dessa vez. Precisei do reboot de 90 dias msm. E quando fazia usando o Grindr o reboot não funcionava. Achei q tinha algum problema de ereção para além da pornografia. Mas não era. Pq bastava instalar o app que eu ficava bem ereto. Então, cheguei a definitiva conclusão que para um viciado em p, o Grindr é pornografia. Estou seguindo o reboot sem os apps. O app deve ser ótimo pra quem não é viciado em pornografia, mas pra quem é, é péssimo. Tipo tomar um vinhozinho pra quem é alcoolatra de cerveja. Dá no mesmo. A solução é a abstinência. Infelizmente temos que aceitar que somos viciados em p. E como todo viciado, o erro é achar que existe uma dose segura, mas não há.


Fiquei extremamente impactado com a sua contribuição. Eu nunca havia parado pra pensar nisso e sempre acabei culpando o Hiperfoco.
Eu consigo chegar no O sem a M, inclusive umas 4 vezes sem tocar nos últimos dois meses, mas isso não me inibe de ter a DE nas vezes que tentei ser ativo. Pode ser nervosismo? Sim. Mas também pode ser sequela da P, como eu bem presumo que seja.
Então pra dar certo um reboot completo sem APP. rsrs
Adicto sofre, né? rs

Obrigado pelos esclarecimentos, Luz.

Força e abraços.
Talde
Talde
Mensagens : 97
Data de inscrição : 03/09/2022

Diário do Talde Empty Re: Diário do Talde

15/9/2022, 14:39
luz escreveu:
Taldegusta escreveu:
Um de vocês disse pra eu ter alguns contatos fixos e eu acabei, na brincadeira, contabilizando quantas pessoas eu fiquei de janeiro pra cá: 34 pessoas. E posso dizer que menos de 10 foram algo bacana, troca de experiência.
A libido do homem é complicada e isso me deixa mais confuso ainda pelo fato de não conseguir ser ativo.
Hoje eu quase perdi o velório do pai de um amigo meu por causa de encontro. Ainda bem que deu pra trás.
Não sei como poderei conhecer pessoas de forma orgânica não sendo assumido, mas preciso aprender, ou assumir logo de vez.

Também tenho essa questão de me encontrar com várias pessoas e só algumas serem bacanas. O pior é os encontros pelo app e quando encontro pessoalmente é uma decepção. Pq pelo app é texto e imagem fixa. Então, a decepção é muito grande. Quando encontro pessoalmente e conheço a pessoa aí já é mais difícil decepcionar em termos da pessoa ser bacana, mas me decepciono com o corpo e o sexo, já que conheci a pessoa sem nudes e erotismos. O que também é chato, mas é o mais saudável. Na verdade, o saudável mesmo é se relacionar com uma pessoa, kkkk

E sobre a quantidade, nesse universo q a gente vive de apps é isso mesmo, quantidade e pouca qualidade. Pra mudar, teremos que abrir mão disso. Pense bem, isso não é diferente da pornografia que consumíamos. Vários vídeos de oferta e tudo superficial, pq não era real.

Acho que fiquei tanto tempo sem me relacionar, que optei por ativar o modo put@ de janeiro pra cá. No fim das contas é isso mesmo, acaba não compensando no final.
Eu costumo não me decepcionar com corpo (não que ele não seja atrativo, não sejamos hipócritas), e eu sou longe de ser romântico, mas sempre espero aquele Q à mais, aquela identificação, uma sintonia, uma admiração que eu só tive com dois caras até então, sendo que um deles eu nem fiquei, apenas conheci.
Como precisei racionalizar muita coisa na vida, acho que também racionalizei esses encontros e tenho racionalizado. Não é de todo ruim, me blinda de quebrar a cara, as também me faz "enjoar" muito rápido da pessoa. Tem um carinha super gentil, que me trata muito bem, que ficamos três vezes, comenta em tudo nas minhas redes, mas eu simplesmente não sinto nada a mais por ele.
Agora escrevendo isso reflito também se não pode ser algum efeito colateral da P.
Talvez sim, talvez não. Um amigo meu brinca e me critica por eu ser de peixes e ser tão racional, zero emoção e analista pra maioria das coisas. E nem é medo de me machucar, mas acho que é preguiça e indisponibilidade própria de estar/me sentir vulnerável.
Talde
Talde
Mensagens : 97
Data de inscrição : 03/09/2022

Diário do Talde Empty Duas semanas

17/9/2022, 13:11
Boa tarde,
Completei 14 dias do reboot, porém estou em uma semana difícil pra mim mesmo psicologicamente falando. Tô com muitos dilemas e muitas coisas pra pensar.
Ontem acabei saindo com um rapaz que conheci no aplicativo ontem mesmo. A preferência dele era versátil+passivo, porém eu brinquei que em decorrência do frio, estava apenas procurando alguém pra dormir de conchinha. Ele riu e me convidou mesmo assim. Fui e tomei um tadalafila porque não sabia o que poderia acontecer. Calhou que não houve penetração, embora eu tenho assumido o papel mais ativo da coisa. Fisicamente falando foi muito bom. Acabei dormindo lá, mas acordei com uma sensação ruim. De que estou buscando algo que não sei o que é saindo com trigésimo quinto cara em 9 meses e me sinto meio perdido.
Ele gostou de mim. Estou digitando essa mensagem enquanto tem quatro dele no meu whatsapp dele que sequer tive coragem de abrir.
Possa ser que eu esteja fazendo um estardalhaço por nada, mas aqui é um espaço pra isso também, né?
Será que estou buscando a química perfeita ao invés da batida perfeita? E que conhecer pessoas logo em um aplicativo de sexo não seria ideal pra isso, né?
Eu quero me assumir logo, mas me sinto cheio de dilemas em como fazer isso com 29 anos depois de ter bancado o hétero por tanto tempo. Alguns amigos meus (poucos) sabem, mas queria muito conversar com a minha família, não em busca de aceitação, mas em busca de poder sair em público sem ser pego de surpresa com comentários que possam chegar a eles sem que eu tenha feito antes, entendem? Sei lá. Minha personalidade sistemática me atrapalha às vezes.
E talvez essa auto condição que me imputo me ajuda a não curtir o momento e nem me aprofundar em conhecer as pessoas além do encontro. Só que preciso lembrar que isso envolve o outro, né? Não posso e nem quero brincar com sentimento de ninguém e nem com os meus. E também não posso me colocar num centro de auto julgamento me dizendo que não presto por causa disso. Enfim...

Bom fim de semana pra mim e pra todos.

P.S: Artibeus (acho que é assim que escreve), você e escreveu e apagou. Volta com o diário, por favor. Eu me planejei pra comentar e quando vi você havia apagado seu diário.


Marcos Saturno gosta desta mensagem

Talde
Talde
Mensagens : 97
Data de inscrição : 03/09/2022

Diário do Talde Empty 17 Dias sem PMO

20/9/2022, 10:21
Bom, cheguei à 17 dias sem PMO.
Com muita vontade de saber quais as novas cenas de algumas produtoras? Sim.
Com muita vontade de compensar todo o estresse assistindo P? Sim também.
Mas, mas, mas... eu acabei direcionando isso para o aplicativo, como bem sabem, e depois de ter tido um final de semana onde eu fui dormir depois de 3 AM, na madrugada de domingo pra segunda, só querendo saber quem me curtiu (problema de estima, será?), decidi que isso não é vida.
E após uma breve reflexão na oração de ontem decidi apagar o app hoje pela manhã. Não faço ideia de como será daqui pra frente, talvez eu não tenha uma outra coisa pra hiperfocar, mas sigo às orientações do Luz que abriu os olhos de que o contato com o GRINDR pode atrapalhar meu reboot. Tanto em completá-lo, quanto na integridade restauradora dele.
Eu tenho 29 anos, e só usei camisinha nas duas vezes que eu transei com a minha primeira namoradinha da escola. Depois nunca mais usei. Eu não sei usar camisinha.
Todos os vídeos que assisti desde os 19 anos pra cá, foram sem preservativo. Criei talvez no meu subconsciente de que não há prazer em sexo com ela, e por isso murchei nas vezes que tentei colocar. Não escrevo isso com vergonha, mas como forma de verbalizar e me curar disso também, caso seja possível. rs
Apenas é um pouco frustrante em ver que estou aprendendo tudo de 9 meses pra cá, num mundo de sexo a aplicativos onde as pessoas esperam que você seja o grande ativão ou o grande passivão. Inclusive li mais um pouco sobre preferências sexuais ontem. Não é um prisma sadio mesmo ficar se rotulando, nesse meu começo de vivência.
Vou ter mesmo que conhecer as pessoas de forma orgânica e deixar acontecer. Eu pensei que o aplicativo me ajudaria a ter sexo e tendo sexo eu teria aprendizado. Acho que não foi bem assim e não é bem assim.
A única coisa chata é que todos os meus possíveis amigos coloridos são pessoas que não me instigam. Na verdade, eu nem sei se devo colocar isso em pauta, né. Mas sei lá, são boas companhias, mas se resume aquilo ali e só.

Enfim.
Abraço e força.
luz
luz
Mensagens : 699
Data de inscrição : 10/01/2018

Diário do Talde Empty Re: Diário do Talde

20/9/2022, 12:54
Taldegusta escreveu:Bom, cheguei à 17 dias sem PMO.
Com muita vontade de saber quais as novas cenas de algumas produtoras? Sim.
Com muita vontade de compensar todo o estresse assistindo P? Sim também.
Mas, mas, mas... eu acabei direcionando isso para o aplicativo, como bem sabem, e depois de ter tido um final de semana onde eu fui dormir depois de 3 AM, na madrugada de domingo pra segunda, só querendo saber quem me curtiu (problema de estima, será?), decidi que isso não é vida.
E após uma breve reflexão na oração de ontem decidi apagar o app hoje pela manhã. Não faço ideia de como será daqui pra frente, talvez eu não tenha uma outra coisa pra hiperfocar, mas sigo às orientações do Luz que abriu os olhos de que o contato com o GRINDR pode atrapalhar meu reboot. Tanto em completá-lo, quanto na integridade restauradora dele.
Eu tenho 29 anos, e só usei camisinha nas duas vezes que eu transei com a minha primeira namoradinha da escola. Depois nunca mais usei. Eu não sei usar camisinha.
Todos os vídeos que assisti desde os 19 anos pra cá, foram sem preservativo. Criei talvez no meu subconsciente de que não há prazer em sexo com ela, e por isso murchei nas vezes que tentei colocar. Não escrevo isso com vergonha, mas como forma de verbalizar e me curar disso também, caso seja possível. rs
Apenas é um pouco frustrante em ver que estou aprendendo tudo de 9 meses pra cá, num mundo de sexo a aplicativos onde as pessoas esperam que você seja o grande ativão ou o grande passivão. Inclusive li mais um pouco sobre preferências sexuais ontem. Não é um prisma sadio mesmo ficar se rotulando, nesse meu começo de vivência.
Vou ter mesmo que conhecer as pessoas de forma orgânica e deixar acontecer. Eu pensei que o aplicativo me ajudaria a ter sexo e tendo sexo eu teria aprendizado. Acho que não foi bem assim e não é bem assim.
A única coisa chata é que todos os meus possíveis amigos coloridos são pessoas que não me instigam. Na verdade, eu nem sei se devo colocar isso em pauta, né. Mas sei lá, são boas companhias, mas se resume aquilo ali e só.

Enfim.
Abraço e força.

Olá, cara.
Parabéns pela iniciativa de desinstalar o app. Sei bem o que é isso.No meu caso eu desvio o foco dos app para os games. Pq acho menos prejudicial do que os apps. A questão não é a camisinha. Eu tb na hora de colocar a camisinha já broxei, mas depois do reboot já usei a caminha e consegui ereção normal. Então, saiba que com o reboot, isso retornará.
Pra gente que é viciado em PMO, precisamos largar disso mesmo. Mas por que temos essa dificuldade toda em largar esses apps? Só sei que consigo substituir a P pelos Apps sem sentir grandes dores. O app consegue me satisfazer com aquelas troca de mensagens, a caçada ao sexo. Então, o app tem o poder de nos focar nele, de nos dar dopamina, muito próximo do porno a diferença é que normalmente, pelo menos eu, não me masturbo no App, nem tenho O no app. Meu intuito é o s. mesmo. É algo a ser refletido e muito por mim. Não sei seu caso.

_______________________________________





Sem PMO
Sem App


1 Dia Like a Star @ heaven  | 7 Dias Like a Star @ heaven |  15 Dias Like a Star @ heaven | 21 Dias Like a Star @ heaven | 30 Dias | 37 Dias |  41 Dias |  45 Dias  | 51 Dias  | 58 Dias | 60 Dias 
 
Talde
Talde
Mensagens : 97
Data de inscrição : 03/09/2022

Diário do Talde Empty Re: Diário do Talde

21/9/2022, 15:02
Espero que isso que você tenha falado realmente aconteça, Luz.
Comprei uma ducha higiênica, vamos ver no que dá haha

Hoje estou completando 18 dias sem PMO e meu primeiro sem o GRINDR. O engraçado é que ontem após excluir o aplicativo, um contato me chamou pra ir na casa dele.
Ficamos duas vezes uns três meses atrás, porém eu parei de ficar com ele por causa dos comentários que ele fazia em alguns stories que eu postava. Ele me chamou mês passado e pediu desculpas. Como passamos um pano nisso, resolvi aceitar o convite de comermos uma pizza. Se acontecer algo, ok, se não acontecer, ok também.

Tive uma conversa com meu melhor amigo hétero ontem. Serei padrinho de casamento dele em dezembro e ele sabe de mim, porém não sabia da minha vida de libertinagem. Foi uma conversa bem boa, ele disse que nossa amizade só acabaria se ele um dia pegasse a minha irmã rsrs tomamos umas cervejas, assistimos o podcast do Kid Bengala e me senti acolhido.

Preciso arrumar alguma coisa pra direcionar o hiperfoco. Parei de jogar vídeo game muito cedo, mas quem sabe.

Abraço e força.
Joseph
Joseph
Mensagens : 1261
Data de inscrição : 14/01/2018
Idade : 27
Localização : Brasil - josephreboot90@gmail.com
http://josephreboot90@gmail.com

Diário do Talde Empty Re: Diário do Talde

22/9/2022, 01:26
Taldegusta, Parabéns pelos 1 dias de reboot. Eu te recomendo fortemente afastar um pouco de aplicativos de pegação, te explico pq, o mesmo método de escolha de videos nos melhores momentos, é o que afeta nosso cerebro na escolha de parceiros em aplicativos de pegacao. Te recomendo vc afastar um pouco disso e focar em outras coisas. Se é seu desejo, as coisas vao acontecer naturalmente. Estude, trabalhe, faça exercicios físicos, anote seus obejetivos, as coisas vao dar certo na sua vida! Abraços!

_______________________________________
David Silva
David Silva
Mensagens : 3294
Data de inscrição : 20/01/2015
Idade : 37

Diário do Talde Empty Re: Diário do Talde

22/9/2022, 12:47
Podcast do Kid Bengala?
Isso é pornográfico, não?


_______________________________________
Recordes:
Primeiro reboot - 90 dias em 2015
Segundo reboot - 114 dias em 2020
______
Início do meu diário:
1ª parte: https://www.comoparar.com/t206-reboot-de-david-silva
2ª parte: https://www.comoparar.com/t7812-reboot-de-david-silva?highlight=david+silva
(Porque ficou muito grande e foi separado pelo próprio fórum)

Talde
Talde
Mensagens : 97
Data de inscrição : 03/09/2022

Diário do Talde Empty Re: Diário do Talde

22/9/2022, 15:40
Joseph escreveu:Taldegusta, Parabéns pelos 1 dias de reboot. Eu te recomendo fortemente afastar um pouco de aplicativos de pegação, te explico pq, o mesmo método de escolha de videos nos melhores momentos, é o que afeta nosso cerebro na escolha de parceiros em aplicativos de pegacao. Te recomendo vc afastar um pouco disso e focar em outras coisas. Se é seu desejo, as coisas vao acontecer naturalmente. Estude, trabalhe, faça exercicios físicos, anote seus obejetivos, as coisas vao dar certo na sua vida! Abraços!

Muito obrigado, Joseph.
Estou indo pro segundo dia sem aplicativo e em breve 30 dias sem PMO, se Deus quiser.

Muito obrigado mais uma vez pela força.
Abraço.
Ir para o topo
Permissões neste sub-fórum
Não podes responder a tópicos