Ir para baixo
Restore
Restore
Mensagens : 7
Data de inscrição : 02/01/2016

Diário do Restore Empty Diário do Restore

2/1/2016, 05:22
Olá a todos. Desculpem se me prolonguei.

Bem, essa é a primeira vez que eu estou oficialmente buscando ajuda. Estou tendo arrepios ao escrever isto, mas ter criado essa conta, e-mail, aprender a mexer em fórum, iniciar um contador sem nem ter terminado de ler o livro, e ter esse contato inicial com vocês (tirar esse peso da minha alma, assunto do qual nunca tratei, além do mais num fórum) tudo isso eu já considero um grande passo.

Apesar de estar viciado há alguns anos (tenho 25) eu vim me dar conta há alguns meses do quão maléfico e parasita é esse hábito (PMO) e do quanto perdi ao longo desses anos.

Um breve resumo de quem ainda não tem nenhuma vitória a contabilizar, pois estou iniciando o reboot hoje.

Eu tive o primeiro contato com a pornografia na escola. Tinham jogado umas revistas na lama, e lá estava eu aos 9 anos impressionado com um papel impresso com cenas de sexo explícito, sexo oral, etc. Fizemos rodinha pra ver aquele espetáculo. Nessa época eu nem sabia o que era masturbação. Apesar de me destacar sempre na escola, todo garoto quer se enturmar, ser o foda, falar de mulher, etc. Aos poucos fui absorvendo essa mentalidade pornográfica dos meus colegas de escola e da rua. Mas até aí tudo ok. Com o passar do tempo, já com 11 anos eu tinha acesso às revistas do meu irmão, que era um pouco mais velho, mas já comia umas meninas. E eu fascinado com as histórias e louco pra que chegasse meu dia. Apesar de não ter ainda nessa época o hábito da masturbação, já tinha uma mentalidade erótica, muito em decorrência da putaria televisiva dos anos 90, e da promiscuidade cultural que infelizmente é meio típica no nosso país. (conversa de homem é uma merda, quando num tá falando de buceta, tá chamando o outro de viado kk) Mas aos 12 descobri o tal formigamento mágico. Entrei em vício pois passei a querer ter diariamente a sensação.

Aos 14 veio a internet. Era discada, mas já baixava uns jpgs from hell. Foi aí que a coisa começou a entrar no lado obscuro. Já adepto da masturbação, ficava louco por momentos sozinho em casa. Ia vendo do tradicional ao escroto. Mas nada muito pesado, porém não menos chocante.

Isso se refletiu sim no meu desempenho com as garotas, mas não tanto para me alertar. Ainda virgem, me masturbava diariamente. Não era um fracasso, pois tinha uns beijinhos com uma ou outra. Mas sempre peguei pouca mulher pra o potencial que eu tenho. Sem perceber me interessava por elas como objeto, e como maneira de auto afirmar minha masculinidade perante mim e perante meus amigos. 'Normal' em termos pra quem tá com 15 anos. Mas o fato é que eu nunca conseguia as que eu gostava, e sim as outras. Logo percebi que apesar de ficar com algumas (ainda sem sexo) meu êxito romântico era nulo. Pois gostar de alguém é estabelecer uma meta. E eu não conseguia conquistar alguém que eu queria, primeiro por causa da masturbação e segundo porque não me considerava um pega-ninguém.

Vim perder a virgindade com 17 anos. Boa idade até pra um carinha modesto. Mas não pra o cara pegador fodão que minha mente dizia que eu tinha que ser. Meu desempenho foi ótimo, mas um detalhe ruim: sem orgasmo. Eu passei quase três horas duraço mas sem gozar. Ela adorou mas achei estranho. Inventei um caô lá e caiu bem. A química com essa garota foi de um jeito que iniciamos um namoro que durou quase dois anos. Nosso sexo era incrível. Minhas performances eram ótimas. E apesar de ser sedentário eu me sentia vigoroso pois tinha PMO moderada, e sexo quase diário. Fui mantendo essa bomba relógio até o dia em que terminamos. Eu queria expandir os horizontes, achei que seria de boa e provoquei o término. Ledo engano. Fossa brava. Ela já tava com outro. Primeiro choque emocional (romantico) da minha vida. Nessa época perdi emprego (já trampava aos 19), aumentei os cigarros (era fumante), PMO intensa, más companhias, maconha, crack! (sim). Estes não são os assuntos do fórum, mas fui viciado em crack. Quando percebi que minha vida tava afundando, consegui me livrar deste último. Mas substituí por cigarro, maconha e muito PMO. (atualmente só padeço dos dois últimos.)

Estava me tornando um sujeito sem energia, sem vigor, sem tudo. Daí tive alguns relacionamentos curtos. Mas nada que vingasse. Tive ótimas amantes, outras nem tanto. Só tive DE duas vezes por ansiedade. Mas lá estava o hábito maldito: MARATONAS DE PMO. Sim, elas me faziam dormir às 3am pra pegar de 7am pra trabalhar. Fim de semana, galera, bebida, gatinhas, mas PMO!! Peguei algumas mas teria pego muito mais se não fosse esse vício maldito. Não falo pela cafagestagem, mas pela vida social mesmo. (ela querendo é bom demais, rs).

Mas aí conheci alguém, namorei e casei. Nesse meio tempo eu achei que as coisas iam diminuir... mas não. As dificuldades iniciais do casamento, brigas, e frustrações eu descontava no PMO. Eu tenho uma boa química com minha parceira, nunca tive problemas de DE com ela, mas eu sei que se eu continuar nessa vida esse vai ser meu destino a médio e longo prazo. Já temos alguns anos de casado e já passamos da fase 3x por dia, mas as coisas poderiam ser bem melhores. Sinto que algo ruim está prestes a acontecer, se algo não for feito.

O fato é que atualmente não só estou afundado nisso, como também entrei em modalidades mais pesadas (nada ilegal) de pornografia. Coisas que vão de encontro a minha orientação sexual. E pior, coisas com temática hipnótica explícita. A maconha é também um gatilho pois (consegui largar o cigarro há um ano e meio) mexe com a memória, e deixa sua mente sensível a estímulos sensoriais. Mas PMO ocupa digamos 80% dos meus vícios. Sem isso tudo seria tão fácil. Eu não conheço os benefícios de estar limpo. Quando acordo de bom humor, acho muito estranho. É assustador pois quando coisas boas acontecem minha mente as rejeita. Como se eu me enxergasse no mal. Como se eu realmente já tivesse inconscientemente me conformado ao fracasso, e às trevas que isto proporciona.

Sabe, eu sempre me vi e fui tido como um cara inteligente, de potencial, etc mas o que me tornei foi alguém sem vitórias, pessimista, desmotivado, desencorajado, e ultimamente idéias sombrias andam permeando minha mente. Essa coisa de desistir mesmo. De tudo. Tenho muita vontade de chorar as vezes, como agora. Um marmanjão chorando. É isso que PMO faz a longo prazo. Eu não consigo enxergar minhas qualidades, e elas existem e são muitas. Mas eu entrei nesse ciclo de auto-sabotagem e matei meus sonhos aos poucos. Esqueci quem eu sou, e o que eu quero. Sim eu saberia te dizer agora alguns sonhos, mas só por falar, pois eu não acredito em mim. A intenção de falar isso não é pra me pintar de coitado, pois tenho fibra e sei que posso conseguir, mas sim pra mostrar o que esse vício maldito vai fazendo com a gente: você acaba se rebaixa o tempo todo sem perceber. Não se enxerga em nenhum pódio. Acha que vitória não foi feita pra você.

Eu decidi iniciar o reboot pois estou desesperado. Eu sei que sem PMO minha vida vai mudar, principalmente depois dos relatos que li. Eu sei que sou muito bom nas coisas que faço. Mas esqueci como é o exercício do fazer. Minha vida sexual ainda é 'normal' mas repito: estou percebendo perda de performance.

Não consigo mais ler nada (concentração zero), tenho gatilhos o tempo todo, e estou me tornando uma pessoa pior a cada dia. Estou tendo baixas no âmbito acadêmico, profissional, conjugal, familiar, etc. Sou um bom amigo mas não consigo ser a mudança que prego. Muitas pessoas devem se perguntar porque um cara tão promissor não vinga. Eu sei que eu posso mais. Mas eu esqueci como é sonhar.

Recentemente os pensamentos ruins estão se intensificando (até cigarro eu fumei esses dias, e estou com medo de voltar nisso tbm; ou seja, destruí minha única conquista considerável dos últimos anos), e pela primeira vez estou ficando com medo. Estou emocionalmente sensível até a problemas que não são meus. Até as desgraças do mundo estão às vezes me fazendo questionar se vale a pena ou não estar aqui. E eu sei que vale, mas eu preciso lembrar como é vencer. Preciso sair dessa. Apesar de tudo o que relatei não sou uma pessoa problemática, sou bom amigo, bom marido etc. mas essa pessoa está se auto-sabotando o tempo todo. E sei que posso ser melhor, pois me sinto medíocre demais. E eu sei que viver deve ser bom. Deve ser bom ser feliz. ACREDITAR realmente nas suas metas.

Minha estratégia será a seguinte:

- reboot de 90 dias
- exercício fisico
- diminuir a maconha (apesar de ser um gatilho, mas não dá pra tirar tudo de uma vez. Mas seu eu resolver o problema do PMO, essa vai ser a próxima.)

Após isso contabilizar resultados e ter serenidade para a próxima meta. Estou centrando na PMO porque depois de uma análise percebi que ela causa meu sedentarismo por tirar minha energia, e causa também minha falta de foco/motivação.

Sobre maconha, sei que é um assunto tenso e polêmico, mas sem PMO eu fumo ocasionalmente aos fins de semana. Com PMO a vontade aumenta muito a níveis diários. Por isso quero centrar em matar a pornografia pois baseado em autoconhecimento eu sei que ela é quem alimenta e desregula certos hábitos. Mas tenho sim o plano de ser alguém totalmente sem vícios por isso sou humilde pra ir por partes. O bom é que vou poder comprovar ou não esta e as outras afirmações que fiz nos próximos dias. Sei que vai ser difícil. Mas eu preciso me libertar pra ter uma vida normal. Estou me destruindo mentalmente aos poucos. Como vocês sabem, corromper os mecanismos de recompensa do cérebro vai do triste ao fatal.

Muito obrigado de antemão. E vou voltar a ler o livro agora. Estou de virote sim pois é sábado... e pra quem já perdeu muitas noites, a causa é nobre.

Estou apostando minhas fichas e minha vida nisto.
Não sei se alguém vai ler, mas tornar isto a já tona me emociona muito.


_______________________________________
Diário do Restore Img?u=5696729814925312
Raskol Nikov
Raskol Nikov
Mensagens : 259
Data de inscrição : 27/03/2015
Idade : 31

Diário do Restore Empty Re: Diário do Restore

2/1/2016, 10:47
Seja bem vindo, restoringmind (nome complicado). Que história a sua, hein? mudam-se os personagens, mas o enredo, contudo, é muito parecido com o de muitos aqui, inclusive com o meu.

Leia o livro, e siga todas as orientações ali indicadas, de antemão, sugiro que bloqueie tudo o que for acesso à P e tudo o que servir de gatilho, esconda as senhas o mais difícil possível, esse é o primeiro passo.

Tenha certeza que muita coisa vai mudar em sua vida ao longo dos dias estando longe da PMO. Isso é fato.

Desejo-te sucesso, e dê graças a Deus por ter encontrado esse fórum.

Abraço, irmão.

_______________________________________
Por ser estreita a senda - eu não declino,
Nem por pesada a mão que o mundo espalma;
Eu sou dono e senhor de meu destino;
Eu sou o comandante de minha alma. (Henley)
Guerreiro A
Guerreiro A
Mensagens : 295
Data de inscrição : 29/08/2015
Idade : 25
Localização : Brasil

Diário do Restore Empty Re: Diário do Restore

2/1/2016, 11:03
Fala aí brother, blz? Vc tem uma baita de uma história. O passo mais importante vc já tomou é querer mudar. Eu me inspirou mundo no Rodolfo abrantes. Ele saiu das drogas com.muito esforço e dedicação. Olha a história dele no link abaixo, se quiser. Força guerreiro nós vamos vencer.


Guerreiro A
Guerreiro A
Mensagens : 295
Data de inscrição : 29/08/2015
Idade : 25
Localização : Brasil

Diário do Restore Empty Re: Diário do Restore

2/1/2016, 11:03
https://youtu.be/umKy8rWJUIc
avatar
busam
Mensagens : 8
Data de inscrição : 27/12/2015
Idade : 31

Diário do Restore Empty Re: Diário do Restore

2/1/2016, 11:37
Engraçado como agente (eu) usa a pornografia como remédio dos problemas da vida. Se estou triste, pornografia. Se briguei com a eaposa, pornografia. Agora no reboot nem LIGO computador, celular quando estou triste, por que sei que vai dar merda. Enfim, quando VC estiver triste por causa dos problemas não use a pornografia como remédio. Né use eletrônicos neste dia. Vamos!
Restore
Restore
Mensagens : 7
Data de inscrição : 02/01/2016

Diário do Restore Empty Re: Diário do Restore

2/1/2016, 13:10
Fiquei muito feliz em saber que existe uma boa interação (de verdade) aqui. Eu vou entrar aqui toda vez que sentir vontade e esse mal rondar minha mente. Muito obrigado pelas respostas, vou instalar os bloqueadores agora mesmo. Como foi ontem o início do reboot a mente vai com aquela determinação inicial que é um fogo de palha se não for bem mantido. Vontade zero hoje. Meio que de luto pelo que perdi, mas com uma esperança diferente por estar aqui.

Abraço a vocês muito obg.


Última edição por restoringmind em 2/1/2016, 15:24, editado 1 vez(es)

_______________________________________
Diário do Restore Img?u=5696729814925312
Restore
Restore
Mensagens : 7
Data de inscrição : 02/01/2016

Diário do Restore Empty Re: Diário do Restore

2/1/2016, 15:23
Raskol Nikov escreveu:Seja bem vindo,  restoringmind (nome complicado). Que história a sua, hein? mudam-se os personagens, mas o enredo, contudo, é muito parecido com o de muitos aqui, inclusive com o meu.

Leia o livro, e siga todas as orientações ali indicadas, de antemão, sugiro que bloqueie tudo o que for acesso à P e tudo o que servir de  gatilho, esconda as senhas o mais difícil possível, esse é o primeiro passo.

Tenha certeza que muita coisa vai mudar em sua vida ao longo dos dias estando longe da PMO. Isso é fato.

Desejo-te sucesso, e dê graças a Deus por ter encontrado esse fórum.

Abraço, irmão.

Raskol Nikov muito obrigado por tirar do seu tempo pra escrever neste tópico. O nick é estranho mesmo mas pode me chamar de Restore. Essa sua convicção sobre as melhorias é inspiradora. Quero redescobrir a intensidade da vida e colorir meus dias que andam em tons de cinza há anos.

abraço irmão.

_______________________________________
Diário do Restore Img?u=5696729814925312
Restore
Restore
Mensagens : 7
Data de inscrição : 02/01/2016

Diário do Restore Empty Re: Diário do Restore

2/1/2016, 15:26
Guerreiro A escreveu:Fala aí brother, blz? Vc tem uma baita de uma história. O passo mais importante vc já tomou é querer mudar. Eu me inspirou mundo no Rodolfo abrantes. Ele saiu das drogas com.muito esforço e dedicação. Olha a história dele no link abaixo, se quiser. Força guerreiro nós vamos vencer.



Tava sacando uns videos dele esses dias. De uns tempos pra cá ando lendo histórias de superação meio que pra tentar acreditar que existe saída. Vou dar outra sacada.

Muito obrigado mesmo.
Triunfaremos sobre o mal que nos causamos.

_______________________________________
Diário do Restore Img?u=5696729814925312
Restore
Restore
Mensagens : 7
Data de inscrição : 02/01/2016

Diário do Restore Empty Re: Diário do Restore

2/1/2016, 15:30
busam escreveu:Engraçado como agente (eu) usa a pornografia como remédio dos problemas da vida. Se estou triste, pornografia. Se briguei com a esposa, pornografia. Agora no reboot nem LIGO computador, celular quando estou triste, por que sei que vai dar merda. Enfim, quando VC estiver triste por causa dos problemas não use a pornografia como remédio. Né use eletrônicos neste dia. Vamos!

Sim é um remédio maldito! Um veneno sutil. Maldito seja.
Meu caso é complicado pois trabalho no computador e preciso escrever pra a facul. Mesmo assim, encararei isto como um level a mais a ser batido. Estou feliz por ter encontrado o fórum e ligeiramente confiante apesar de saber o que me espera de bom e de abstinência.

Um abraço velho. .


_______________________________________
Diário do Restore Img?u=5696729814925312
avatar
busam
Mensagens : 8
Data de inscrição : 27/12/2015
Idade : 31

Diário do Restore Empty Re: Diário do Restore

8/1/2016, 11:14
Uma coisa que tem me ajudado é usa eletronicos perto de pessoas (sempre que possivel) isso me tem ajudado a evitar as "armadilhas". Outra coisa que percebi é navega na internet sem objetivo, procurando cair no primeiro buraco que encontrar. Neste ultimo caso quando não tenho o que fazer na net desligo e vou  fazer outra coisa. A leitura tem sido aliada nesse sentido
Reboot_Tai
Reboot_Tai
Mensagens : 79
Data de inscrição : 29/12/2015
Idade : 30

Diário do Restore Empty Re: Diário do Restore

8/1/2016, 14:05
É isso ai brother, o começo é sempre dificlt, mas os resultados vão aparecendo aos poucos, tens um futuro promissor, não deixe que esses vícios co tinuem te roubando! Força, se precisar de algo estarei por aqui! vlws flws

_______________________________________
Josué 1:9 - "Não fui eu que lhe ordenei? Seja forte e corajoso! Não se apavore, nem se desanime, pois o Senhor, o seu Deus, estará com você por onde você andar". Smile Very Happy lol!

Diário do Restore Img?u=4715469172899840

O autor desta mensagem foi banido do fórum - Mostrar mensagem

Toguro
Toguro
Mensagens : 6099
Data de inscrição : 13/11/2015
Idade : 37
http://blokporn.blogspot.com

Diário do Restore Empty Re: Diário do Restore

8/1/2016, 17:04
Eu recomendo largar a maconha e qualquer tipo de alucinógeno. Isso só vai te trazer prejuízos.

Ao invés disso, faça exercícios físicos de alta intensidade, com o propósito de ficar musculoso e com um corpo bonito. Fazer exercícios meia boca só por desencargo de consciência não funciona. Logo, você desiste.

Você instalou os bloqueadores no seu PC?

Coloque um contador no seu perfil.

Faça sexo real tanto quanto puder.

E comente neste fórum com mais frequência. Comente nos tópicos de outros users também. Isso também vai te ajudar.

_______________________________________
Diário do Restore Img?u=6253155511697408

Quem quer, dá um jeito. Quem não quer, dá desculpa.

Blog:

http://blokporn.blogspot.com.br/

História de Sucesso:

https://comoparar.forumeiros.com/t3167-toguro-32-anos-previa-180-dias

Email (criado especialmente para o fórum): toguroextranet@gmail.com

Diário: https://comoparar.forumeiros.com/t3599-saga-do-toguro
Ir para o topo
Permissão neste fórum:
Você não pode responder aos tópicos