Ir para baixo
avatar
Neurocientista Jr.
Mensagens : 11
Data de inscrição : 18/01/2016

Pornô, a nova droga -Diário do  Neurocientista Jr  Empty Pornô, a nova droga -Diário do Neurocientista Jr

18/1/2016, 11:11
Bom dia a todos. Conheço este fórum há algum tempo, usava um outro perfil, mas preferi reiniciar tudo de novo. Bem , tenho 25, curso medicina e tenho um profundo interesse por pesquisas na área de neurociências. Gosto de ver essa prisão que nos cerca (PMO) como uma cilada do cérebro. Vivemos uma epidemia, a pornografia, com o advento da internet móvel de alta velocidade, tem conseguido contaminar as pessoas desde a mais tenra idade. É uma droga pesada, meus amigos.


Um pouco de mim... Comecei a me masturbar de forma incocente e até romântica, como muitos aqui. Uma punheta pela priminha gostosa, outra pela coleguinha da escola que te fez suar, outras pela Emanuelle, e por aí vai...


Por volta dos 15, 16, a internet banda larga chegou em casa, aí vieram os pornozãos mesmo. Mas até aí tudo ok, não via nenhum problema em uma atividade que eu considerava normal.

Mas os problemas de fato , vieram. Por timidez e pelo comodismo que a pornografia te traz, meu processo de amadurecimento sexual se deu lentamente. Aos 20 ainda era virgem, tive algumas possibilidades de sexo , mas em todas eu falhei, não houve penetração. Na época culpei a fimose que eu tinha. Fiz a cirurgia mas os problemas continuaram. Aos 21 frequentei bordeis, e nas duas ocasiões falhei , fiquei travada. Nessa eṕoca consumia muito pornô. Estava depressivo. Fiquei com uma garota por um mês, estávamos tentando fazer acontecer , mas nada! Usei viagra , o penis ficou duro, mas não senti prazer algum. Estava com DE induzida pela pornografia.


Então tomei a real consciência dos males da pornografia, pois senti na pele tudo. Aos 22, conheci uma garota, virgem, que me ajudou na minha descoberta do sexo, e estou com ela até hoje, ela me faz muito feliz!


Porém, não consegui me libertar do pornô. Como eu havia dito, a pornografia é uma droga pesada, ela vai mudando o seu gosto, criando uma falsa imagem de mulher ideal. Minha namorada é bem magra, e nos vídeos eu sempre busco as mulheres com a bunda grande, até um pouco cheinhas, ou seja, oposto da minha companheira.

Isso gera em mim transtornos grandes. Preciso me recuperar para ter de volta uma sanidade mental

Preciso ter controle sobre meu cérebro, sobre minhas vontades , e não ser um escravo da pornografia.

Preciso ter fé em Deus e nos amigos espirituais para me ajudar a ser mais forte.


Enfim, começarei um diário neste espaço e estou disposto a completar o reboot. Quero , com oo tempo, trazer materiais sobre a neurociência aplicada à pornografia. Obrigado a todos!


Última edição por Neurocientista Jr. em 18/1/2016, 11:16, editado 1 vez(es)
avatar
Neurocientista Jr.
Mensagens : 11
Data de inscrição : 18/01/2016

Pornô, a nova droga -Diário do  Neurocientista Jr  Empty Re: Pornô, a nova droga -Diário do Neurocientista Jr

18/1/2016, 11:12
.
Reboot_Tai
Reboot_Tai
Mensagens : 79
Data de inscrição : 29/12/2015
Idade : 30

Pornô, a nova droga -Diário do  Neurocientista Jr  Empty Re: Pornô, a nova droga -Diário do Neurocientista Jr

18/1/2016, 12:03
Amigo seja bem vindo!
a luta é grande, mas vencer não é impossível!
instale bloqueadores, faça exercícios físicos, ultilize o computador apenas pra vida acadêmica e preencha bastante o tempo de ócio saindo com algum amigo de longa data, pegando um cinema com a namorada, etc! essas atividades me Auxiliaram bastante nos primeiros dias...

_______________________________________
Josué 1:9 - "Não fui eu que lhe ordenei? Seja forte e corajoso! Não se apavore, nem se desanime, pois o Senhor, o seu Deus, estará com você por onde você andar". Smile Very Happy lol!

Pornô, a nova droga -Diário do  Neurocientista Jr  Img?u=4715469172899840
avatar
Convidado
Convidado

Pornô, a nova droga -Diário do  Neurocientista Jr  Empty Re: Pornô, a nova droga -Diário do Neurocientista Jr

18/1/2016, 12:55
Show! Amo Geografia! Quando eu estudava para vestibular, era muito viciado na parte da geologia.
Ir para o topo
Permissão neste fórum:
Você não pode responder aos tópicos