Diário do Bruno

+15
Marcos Saturno
Soldado Destemido⭐
Clara
Gladiador de Fé
BRAVO MIKE
zulushaka1312
Gardenzio
Luis Liebert
Bellator
Drew
Ragnaar
Return
Rottweiler
Vitoriosa
Feelype
19 participantes
Ir para baixo
BL
BL
Mensagens : 329
Data de inscrição : 22/10/2022
Idade : 19

Diário do Bruno Empty Diário do Bruno

24/10/2022, 12:08
Olá, me chamo Bruno e tenho 18 anos. Estou entrando na luta para dar fim ao PMO na minha vida com o Reboot.

Tudo começou aos 11, a primeira vez que vi um site na minha vida. Era algo muito bom na época (como sempre foi a todos), passava muito tempo no banheiro vendo um vídeo qualquer. Porém, o tempo foi passando e eu sempre vivi nessa realidade, não ter nenhum contato físico por ter muita vergonha, ansiedade, timidez e fobia social. Então minha "vida sexual" sempre foi comigo mesmo. Passados os 15 anos entrei no desespero de qualquer cara: "quando que vou perder a virgindade?" E nessa pira sempre fiquei, via meus colegas e amigos sempre falando sobre mulheres, sobre as nega que pegava e tudo, e eu, lá, só ouvindo, porque nunca tive coragem, sempre fui inseguro para chegar em alguém pelo Insta e tal. Nesse meio tempo, veio a pandemia, além de não sair de casa tão cedo, nunca flertei durante ela. Dessa forma, meu único aliado era o PMO. Eu passava horas assistindo durante a pandemia, chegava a dias que eu entrava no site 6 vezes ao dia. A partir de um momento eu nem sentia mais prazer, era somente e compulsão do movimento, do meu cérebro pedindo mais e mais, e eu sempre convicto que não estava viciado, e sim, que era algo voluntário meu. Meu choque de realidade veio quando eu concluí o ensino médio em 2021, com 17 anos, virgem e atolado na PMO dentro de casa, e, como não passei no ENEM, estou fazendo um cursinho pré-vestibular na minha cidade. Então prometi mudar nesse ano.

Chegou 2022, ano que prometi a mim mesmo que seria o da mudança. Depois do luto da minha cachorra em 2021 e as decepções e tristezas que tive com o Flamengo, nos meus estudos e na minha vida pessoal. Estava tudo indo bem, eu havia entrado na academia, estudava todo dia, e conseguia ver meu time jogar. No entanto, em questão de vida pessoal, nunca consegui mudar, então, segui com o PMO nesse tempo todo. No início era mais controlado, conseguia ficar dia sim/ dia não. No meio do ano, auge da ansiedade sobre os estudos, me via cercado pela PMO em minha vida. O hábito de se M mais de 3x ao dia, passando horas em sites PMO havia voltado. Além disso, com os relatos que vi no site, percebi que eu tive sintomas de HOCD, mas bem leves, tanto que não tenho problemas com o mesmo hoje em dia. Nesse período eu fiz uma grande amiga, minha melhor amiga na verdade, eu, apesar de grandes problemas que ela passou na vida, tenho uma enorme inveja da vida sexual bem vasta que possui, pois, escutava ela contar sobre os rolos que já passou e vivia me martirizando por ter perdido a minha adolescência por completo pela pornografia e os jogos. Assim, percebi que a mudança do ano, na questão pessoal, ultrapassava simplesmente ir atrás de alguma garota ou algo do tipo, havia de mudar isso (depois de uma quase experiência), e que devo ter alguns problemas emocionais.

Nesse meio tempo, tenho uma ficante que minha prima desenrolou, fico com ela há mais ou menos dois meses. Nas primeiras vezes que ficávamos, ela não podia fazer S, somente na última ficada que ela pôde. Só que, no momento do ato, pós preliminares nela, ela foi me tocar tbm, e acabei por não sentir nada através dela, não subia de jeito algum, tive DE, algo inimaginável para mim. Então tentei me masturbar pra poder ficar excitado, só conseguia quando pensava em alguma cena pornô na mente. Aquilo foi a gota d' água para mim, não perdi a virgindade no dia, mas tomei a consciência do que estava acontecendo e que era necessário mudar.

Buscando em dar fim a PMP em minha vida, encontrei um site falando sobre o Reboot e o apliquei. Na primeira tentativa, durei 7 dias, um marco para mim, senti os efeitos da abstinência e acabei caindo com Edging. Só que, um outro site me indicou o "comoparar.com" e agora sei como agir para dar fim de verdade. Já li o guia introdutório, baixei um bloqueador potente para o celular (que era o meio que mais consumia PMO), mas não tenho nenhum para o PC atualmente, e acabo de completar um dia limpo. Espero conseguir dar continuidade e atualizar meu próprio diário com os momentos de dificuldade e, posteriormente, falando sobre os benefícios notados por mim. Vamos à luta, senhores!

                                                                                                                                                                                                                                                                                                                24.10.2022


Última edição por Bruno Lopes em 25/10/2022, 19:24, editado 2 vez(es)

Rottweiler, Return, Kobscop e Mamute gostam desta mensagem

avatar
Kobscop
Moderador
Moderador
Mensagens : 2000
Data de inscrição : 16/11/2021

Diário do Bruno Empty Re: Diário do Bruno

25/10/2022, 00:31
Seja bem vindo Bruno!
Em breve algum moderador deve te passar as orientações.
Cara, me dá uma felicidade enorme ver um cara novo assim perceber os malefícios da PMO e começar sua luta cedo. É uma vida a menos a ser destruída por essa porcaria. Pode ter certeza que 100% dos rebooters aqui do fórum queriam ter descoberto os malefícios desse lixo antes.
Irmão, algumas dicas que vou te dar você já segue como instalar bloqueadores e estudar e conhecer os mecanismos do vício que estamos lidando. Além disso, adicione um contador na sua assinatura e o mais importante leia os diários dos companheiros e se possível contribua comentando neles. Tem a seção de histórias de sucesso, leia bastante também, ajuda demais na motivação no reboot.
Amigo, vou te dar alguns conselhos que gostaria de ter recebido quando tinha sua idade. Sou tão viciado quanto você mas já tive sua idade.

Tente não dar tanta importância quanto à virgindade, o S é superestimado na nossa sociedade atual irmão, tudo gira em torno dele. O P distorce a nossa visão sobre o S, saiba que aquilo que vemos nos vídeos não é S, aquilo é uma encenação montada para viciar. Quanto tive minha primeira relação, quando acabou pensei "é só isso?". Não acredite em tudo que ouve de amigos e colegas sobre isso, pode ter certeza que 99% do que contam é mentira! Falam apenas para se gabar, e provavelmente aqueles que inventam essas histórias são tão viciados quanto nós e suas mentes estão distorcidas. Não se preocupe com o tempo amigo, foque em se curar deste mal, para que não sofra uma DE na sua primeira vez, te garanto que é uma situação super desagradável que marca nossa vida.
Atualize sempre seu diário, ele é uma ferramenta muito útil na luta. Este fórum é uma grande família e todos se ajudam.
No mais, te desejo boa sorte na luta. Vou te acompanhar e torcer por você.

_______________________________________
Meu diário: https://www.comoparar.com/t12793-diario-kobscop
Minha história de sucesso: https://www.comoparar.com/t12926-historia-de-sucesso-kobscop
Minha história de sucesso 1 ano: https://www.comoparar.com/t13251-um-ano-limpo

Rottweiler, Feelype, BL e Mamute gostam desta mensagem

BL
BL
Mensagens : 329
Data de inscrição : 22/10/2022
Idade : 19

Diário do Bruno Empty Re: Diário do Bruno

25/10/2022, 11:28
Obrigado, mano!!
Eu só percebi agora que usam muitas siglas pra de referirem, acho que seja por conta dos bloqueadores, vou passar a aderir esses termos (PMO, DE, S, P...)
Irei sim acompanhar e comentar nos diários de luta dos nossos companheiros. O contador eu li que só fica disponível após 7 dias da criação da conta, mas vou ver se já consigo por.
Sobre S, hoje em dia eu até que estou tranquilo já que tenho uma menina pra poder ficar. Mesmo tendo passado a situação da DE na última vez que a vi, fiz tudo pra agradar a ela no momento. Porém, esses pensamentos de se comparar a outro alguém ainda surgem, mas a todo momento eu os reprimo.
Muito obrigado por comparecer aqui! Tmj!


_______________________________________
minha luta diária: https://www.comoparar.com/t12890-diario-do-bruno

Kobscop, Feelype e Mamute gostam desta mensagem

BL
BL
Mensagens : 329
Data de inscrição : 22/10/2022
Idade : 19

Diário do Bruno Empty Dia 1

25/10/2022, 11:37
Ontem foi o primeiro dia desse novo ciclo no Reboot. Contarei como o passei:

Nesse primeiro dia, eu acho que pensei demais sobre o assunto (Reboot) e acabei as vezes pensando um pouco sobre PMO, mas sempre que notava isso eu me fazia pensar em outra coisa, para desviar o foco. Além disso, eu também percebi que passo muito tempo pegando no meu P, irei dar fim a essa prática durante o processo pra evitar qualquer estímulo.
No mais, o primeiro dia foi tranquilo, não passei sufocos e nem tive vontade de consumir PMO, só pensava de maneira aleatória e parava para não dar continuidade.
Vamos à luta do segundo dia, companheiros! Seguiremos firmes!

25/10/2022

Rottweiler, Kobscop, Marcos Saturno, Feelype e Mamute gostam desta mensagem

avatar
Kobscop
Moderador
Moderador
Mensagens : 2000
Data de inscrição : 16/11/2021

Diário do Bruno Empty Re: Diário do Bruno

25/10/2022, 12:11
Bruno Lopes escreveu:Obrigado, mano!!
Eu só percebi agora que usam muitas siglas pra de referirem, acho que seja por conta dos bloqueadores, vou passar a aderir esses termos (PMO, DE, S, P...)
Irei sim acompanhar e comentar nos diários de luta dos nossos companheiros. O contador eu li que só fica disponível após 7 dias da criação da conta, mas vou ver se já consigo por.
Sobre S, hoje em dia eu até que estou tranquilo já que tenho uma menina pra poder ficar. Mesmo tendo passado a situação da DE na última vez que a vi, fiz tudo pra agradar a ela no momento. Porém, esses pensamentos de se comparar a outro alguém ainda surgem, mas a todo momento eu os reprimo.
Muito obrigado por comparecer aqui! Tmj!

Bom dia meu amigo!
As siglas além de evitar o bloqueio pelos bloqueadores, servem para evitar gatilhos nos irmãos. Muitos rebooters podem sofrer quedas apenas por ler algumas palavras.

_______________________________________
Meu diário: https://www.comoparar.com/t12793-diario-kobscop
Minha história de sucesso: https://www.comoparar.com/t12926-historia-de-sucesso-kobscop
Minha história de sucesso 1 ano: https://www.comoparar.com/t13251-um-ano-limpo

BL e Mamute gostam desta mensagem

avatar
Convidado
Convidado

Diário do Bruno Empty Re: Diário do Bruno

26/10/2022, 00:10
Bruno Lopes escreveu:Olá, me chamo Bruno e tenho 18 anos. Estou entrando na luta para dar fim ao PMO na minha vida com o Reboot.

Tudo começou aos 11, a primeira vez que vi um site na minha vida. Era algo muito bom na época (como sempre foi a todos), passava muito tempo no banheiro vendo um vídeo qualquer. Porém, o tempo foi passando e eu sempre vivi nessa realidade, não ter nenhum contato físico por ter muita vergonha, ansiedade, timidez e fobia social. Então minha "vida sexual" sempre foi comigo mesmo. Passados os 15 anos entrei no desespero de qualquer cara: "quando que vou perder a virgindade?" E nessa pira sempre fiquei, via meus colegas e amigos sempre falando sobre mulheres, sobre as nega que pegava e tudo, e eu, lá, só ouvindo, porque nunca tive coragem, sempre fui inseguro para chegar em alguém pelo Insta e tal. Nesse meio tempo, veio a pandemia, além de não sair de casa tão cedo, nunca flertei durante ela. Dessa forma, meu único aliado era o PMO. Eu passava horas assistindo durante a pandemia, chegava a dias que eu entrava no site 6 vezes ao dia. A partir de um momento eu nem sentia mais prazer, era somente e compulsão do movimento, do meu cérebro pedindo mais e mais, e eu sempre convicto que não estava viciado, e sim, que era algo voluntário meu. Meu choque de realidade veio quando eu concluí o ensino médio em 2021, com 17 anos, virgem e atolado na PMO dentro de casa, e, como não passei no ENEM, estou fazendo um cursinho pré-vestibular na minha cidade. Então prometi mudar nesse ano.

Chegou 2022, ano que prometi a mim mesmo que seria o da mudança. Depois do luto da minha cachorra em 2021 e as decepções e tristezas que tive com o Flamengo, nos meus estudos e na minha vida pessoal. Estava tudo indo bem, eu havia entrado na academia, estudava todo dia, e conseguia ver meu time jogar. No entanto, em questão de vida pessoal, nunca consegui mudar, então, segui com o PMO nesse tempo todo. No início era mais controlado, conseguia ficar dia sim/ dia não. No meio do ano, auge da ansiedade sobre os estudos, me via cercado pela PMO em minha vida. O hábito de se M mais de 3x ao dia, passando horas em sites PMO havia voltado. Além disso, com os relatos que vi no site, percebi que eu tive sintomas de HOCD, mas bem leves, tanto que não tenho problemas com o mesmo hoje em dia. Nesse período eu fiz uma grande amiga, minha melhor amiga na verdade, eu, apesar de grandes problemas que ela passou na vida, tenho uma enorme inveja da vida sexual bem vasta que possui, pois, escutava ela contar sobre os rolos que já passou e vivia me martirizando por ter perdido a minha adolescência por completo pela pornografia e os jogos. Assim, percebi que a mudança do ano, na questão pessoal, ultrapassava simplesmente ir atrás de alguma garota ou algo do tipo, havia de mudar isso (depois de uma quase experiência), e que devo ter alguns problemas emocionais.

Nesse meio tempo, tenho uma ficante que minha prima desenrolou, fico com ela há mais ou menos dois meses. Nas primeiras vezes que ficávamos, ela não podia fazer S, somente na última ficada que ela pôde. Só que, no momento do ato, pós preliminares nela, ela foi me tocar tbm, e acabei por não sentir nada através dela, não subia de jeito algum, tive DE, algo inimaginável para  mim. Então tentei me masturbar pra poder ficar excitado, só conseguia quando pensava em alguma cena pornô na mente. Aquilo foi a gota d' água para mim, não perdi a virgindade no dia, mas tomei a consciência do que estava acontecendo e que era necessário mudar.

Buscando em dar fim a PMP em minha vida, encontrei um site falando sobre o Reboot e o apliquei. Na primeira tentativa, durei 7 dias, um marco para mim, senti os efeitos da abstinência e acabei caindo com Edging. Só que, um outro site me indicou o "comoparar.com" e agora sei como agir para dar fim de verdade. Já li o guia introdutório, baixei um bloqueador potente para o celular (que era o meio que mais consumia PMO), mas não tenho nenhum para o PC atualmente, e acabo de completar um dia limpo. Espero conseguir dar continuidade e atualizar meu próprio diário com os momentos de dificuldade e, posteriormente, falando sobre os benefícios notados por mim. Vamos à luta, senhores!

                                                                                                                                                                                                                                                                                                                24.10.2022

Sei bem como é cara, na minha primeira (e única) relação sexual eu fiquei quase 40 minutos com a garota e não conseguia sentir prazer sexual, fiquei lá fazendo e não sentia nada, fiquei completamente confuso.
No fim não ejaculei e chegando em casa toquei uma no banheiro e adivinha? Ejaculei em 8 segundos...

Ok, irei acompanhar seu relato, abraço
BL
BL
Mensagens : 329
Data de inscrição : 22/10/2022
Idade : 19

Diário do Bruno Empty Re: Diário do Bruno

26/10/2022, 02:13
Strauss escreveu:
Bruno Lopes escreveu:Olá, me chamo Bruno e tenho 18 anos. Estou entrando na luta para dar fim ao PMO na minha vida com o Reboot.

Tudo começou aos 11, a primeira vez que vi um site na minha vida. Era algo muito bom na época (como sempre foi a todos), passava muito tempo no banheiro vendo um vídeo qualquer. Porém, o tempo foi passando e eu sempre vivi nessa realidade, não ter nenhum contato físico por ter muita vergonha, ansiedade, timidez e fobia social. Então minha "vida sexual" sempre foi comigo mesmo. Passados os 15 anos entrei no desespero de qualquer cara: "quando que vou perder a virgindade?" E nessa pira sempre fiquei, via meus colegas e amigos sempre falando sobre mulheres, sobre as nega que pegava e tudo, e eu, lá, só ouvindo, porque nunca tive coragem, sempre fui inseguro para chegar em alguém pelo Insta e tal. Nesse meio tempo, veio a pandemia, além de não sair de casa tão cedo, nunca flertei durante ela. Dessa forma, meu único aliado era o PMO. Eu passava horas assistindo durante a pandemia, chegava a dias que eu entrava no site 6 vezes ao dia. A partir de um momento eu nem sentia mais prazer, era somente e compulsão do movimento, do meu cérebro pedindo mais e mais, e eu sempre convicto que não estava viciado, e sim, que era algo voluntário meu. Meu choque de realidade veio quando eu concluí o ensino médio em 2021, com 17 anos, virgem e atolado na PMO dentro de casa, e, como não passei no ENEM, estou fazendo um cursinho pré-vestibular na minha cidade. Então prometi mudar nesse ano.

Chegou 2022, ano que prometi a mim mesmo que seria o da mudança. Depois do luto da minha cachorra em 2021 e as decepções e tristezas que tive com o Flamengo, nos meus estudos e na minha vida pessoal. Estava tudo indo bem, eu havia entrado na academia, estudava todo dia, e conseguia ver meu time jogar. No entanto, em questão de vida pessoal, nunca consegui mudar, então, segui com o PMO nesse tempo todo. No início era mais controlado, conseguia ficar dia sim/ dia não. No meio do ano, auge da ansiedade sobre os estudos, me via cercado pela PMO em minha vida. O hábito de se M mais de 3x ao dia, passando horas em sites PMO havia voltado. Além disso, com os relatos que vi no site, percebi que eu tive sintomas de HOCD, mas bem leves, tanto que não tenho problemas com o mesmo hoje em dia. Nesse período eu fiz uma grande amiga, minha melhor amiga na verdade, eu, apesar de grandes problemas que ela passou na vida, tenho uma enorme inveja da vida sexual bem vasta que possui, pois, escutava ela contar sobre os rolos que já passou e vivia me martirizando por ter perdido a minha adolescência por completo pela pornografia e os jogos. Assim, percebi que a mudança do ano, na questão pessoal, ultrapassava simplesmente ir atrás de alguma garota ou algo do tipo, havia de mudar isso (depois de uma quase experiência), e que devo ter alguns problemas emocionais.

Nesse meio tempo, tenho uma ficante que minha prima desenrolou, fico com ela há mais ou menos dois meses. Nas primeiras vezes que ficávamos, ela não podia fazer S, somente na última ficada que ela pôde. Só que, no momento do ato, pós preliminares nela, ela foi me tocar tbm, e acabei por não sentir nada através dela, não subia de jeito algum, tive DE, algo inimaginável para  mim. Então tentei me masturbar pra poder ficar excitado, só conseguia quando pensava em alguma cena pornô na mente. Aquilo foi a gota d' água para mim, não perdi a virgindade no dia, mas tomei a consciência do que estava acontecendo e que era necessário mudar.

Buscando em dar fim a PMP em minha vida, encontrei um site falando sobre o Reboot e o apliquei. Na primeira tentativa, durei 7 dias, um marco para mim, senti os efeitos da abstinência e acabei caindo com Edging. Só que, um outro site me indicou o "comoparar.com" e agora sei como agir para dar fim de verdade. Já li o guia introdutório, baixei um bloqueador potente para o celular (que era o meio que mais consumia PMO), mas não tenho nenhum para o PC atualmente, e acabo de completar um dia limpo. Espero conseguir dar continuidade e atualizar meu próprio diário com os momentos de dificuldade e, posteriormente, falando sobre os benefícios notados por mim. Vamos à luta, senhores!

                                                                                                                                                                                                                                                                                                                24.10.2022

Sei bem como é cara, na minha primeira (e única) relação sexual eu fiquei quase 40 minutos com a garota e não conseguia sentir prazer sexual, fiquei lá fazendo e não sentia nada, fiquei completamente confuso.
No fim não ejaculei e chegando em casa toquei uma no banheiro e adivinha? Ejaculei em 8 segundos...

Ok, irei acompanhar seu relato, abraço
Aconteceu exatamente o mesmo comigo kkkkkkkk. Levei ela pro lugar, era bem distante, zero problemas e pressão. Mas eu não senti nada, não foi só não ter subido, eu não sentia nada. O pior foi ver que, ela gostando, quis me fazer bem e percebeu que não subia. Mas faz parte, agora é lutar pra dar fim a isso. Nesse momento ela me manda mensagem, pelo menos juntos estamos kkkkkkkk. Obrigado por me acompanhar irmão, irei falar mais sobre mim ao longo dos dias. Obrigado pelo apoio. Qual o seu diário para eu poder acompanhar também? Quero ler sua trajetória e apoia-lo também! Lutaremos juntos!

Kobscop, Feelype, BL e Mamute gostam desta mensagem

avatar
Convidado
Convidado

Diário do Bruno Empty Re: Diário do Bruno

26/10/2022, 10:06
Bruno Lopes escreveu:
Strauss escreveu:
Bruno Lopes escreveu:Olá, me chamo Bruno e tenho 18 anos. Estou entrando na luta para dar fim ao PMO na minha vida com o Reboot.

Tudo começou aos 11, a primeira vez que vi um site na minha vida. Era algo muito bom na época (como sempre foi a todos), passava muito tempo no banheiro vendo um vídeo qualquer. Porém, o tempo foi passando e eu sempre vivi nessa realidade, não ter nenhum contato físico por ter muita vergonha, ansiedade, timidez e fobia social. Então minha "vida sexual" sempre foi comigo mesmo. Passados os 15 anos entrei no desespero de qualquer cara: "quando que vou perder a virgindade?" E nessa pira sempre fiquei, via meus colegas e amigos sempre falando sobre mulheres, sobre as nega que pegava e tudo, e eu, lá, só ouvindo, porque nunca tive coragem, sempre fui inseguro para chegar em alguém pelo Insta e tal. Nesse meio tempo, veio a pandemia, além de não sair de casa tão cedo, nunca flertei durante ela. Dessa forma, meu único aliado era o PMO. Eu passava horas assistindo durante a pandemia, chegava a dias que eu entrava no site 6 vezes ao dia. A partir de um momento eu nem sentia mais prazer, era somente e compulsão do movimento, do meu cérebro pedindo mais e mais, e eu sempre convicto que não estava viciado, e sim, que era algo voluntário meu. Meu choque de realidade veio quando eu concluí o ensino médio em 2021, com 17 anos, virgem e atolado na PMO dentro de casa, e, como não passei no ENEM, estou fazendo um cursinho pré-vestibular na minha cidade. Então prometi mudar nesse ano.

Chegou 2022, ano que prometi a mim mesmo que seria o da mudança. Depois do luto da minha cachorra em 2021 e as decepções e tristezas que tive com o Flamengo, nos meus estudos e na minha vida pessoal. Estava tudo indo bem, eu havia entrado na academia, estudava todo dia, e conseguia ver meu time jogar. No entanto, em questão de vida pessoal, nunca consegui mudar, então, segui com o PMO nesse tempo todo. No início era mais controlado, conseguia ficar dia sim/ dia não. No meio do ano, auge da ansiedade sobre os estudos, me via cercado pela PMO em minha vida. O hábito de se M mais de 3x ao dia, passando horas em sites PMO havia voltado. Além disso, com os relatos que vi no site, percebi que eu tive sintomas de HOCD, mas bem leves, tanto que não tenho problemas com o mesmo hoje em dia. Nesse período eu fiz uma grande amiga, minha melhor amiga na verdade, eu, apesar de grandes problemas que ela passou na vida, tenho uma enorme inveja da vida sexual bem vasta que possui, pois, escutava ela contar sobre os rolos que já passou e vivia me martirizando por ter perdido a minha adolescência por completo pela pornografia e os jogos. Assim, percebi que a mudança do ano, na questão pessoal, ultrapassava simplesmente ir atrás de alguma garota ou algo do tipo, havia de mudar isso (depois de uma quase experiência), e que devo ter alguns problemas emocionais.

Nesse meio tempo, tenho uma ficante que minha prima desenrolou, fico com ela há mais ou menos dois meses. Nas primeiras vezes que ficávamos, ela não podia fazer S, somente na última ficada que ela pôde. Só que, no momento do ato, pós preliminares nela, ela foi me tocar tbm, e acabei por não sentir nada através dela, não subia de jeito algum, tive DE, algo inimaginável para  mim. Então tentei me masturbar pra poder ficar excitado, só conseguia quando pensava em alguma cena pornô na mente. Aquilo foi a gota d' água para mim, não perdi a virgindade no dia, mas tomei a consciência do que estava acontecendo e que era necessário mudar.

Buscando em dar fim a PMP em minha vida, encontrei um site falando sobre o Reboot e o apliquei. Na primeira tentativa, durei 7 dias, um marco para mim, senti os efeitos da abstinência e acabei caindo com Edging. Só que, um outro site me indicou o "comoparar.com" e agora sei como agir para dar fim de verdade. Já li o guia introdutório, baixei um bloqueador potente para o celular (que era o meio que mais consumia PMO), mas não tenho nenhum para o PC atualmente, e acabo de completar um dia limpo. Espero conseguir dar continuidade e atualizar meu próprio diário com os momentos de dificuldade e, posteriormente, falando sobre os benefícios notados por mim. Vamos à luta, senhores!

                                                                                                                                                                                                                                                                                                                24.10.2022

Sei bem como é cara, na minha primeira (e única) relação sexual eu fiquei quase 40 minutos com a garota e não conseguia sentir prazer sexual, fiquei lá fazendo e não sentia nada, fiquei completamente confuso.
No fim não ejaculei e chegando em casa toquei uma no banheiro e adivinha? Ejaculei em 8 segundos...

Ok, irei acompanhar seu relato, abraço
Aconteceu exatamente o mesmo comigo kkkkkkkk. Levei ela pro lugar, era bem distante, zero problemas e pressão. Mas eu não senti nada, não foi só não ter subido, eu não sentia nada. O pior foi ver que, ela gostando, quis me fazer bem e percebeu que não subia. Mas faz parte, agora é lutar pra dar fim a isso. Nesse momento ela me manda mensagem, pelo menos juntos estamos kkkkkkkk. Obrigado por me acompanhar irmão, irei falar mais sobre mim ao longo dos dias. Obrigado pelo apoio. Qual o seu diário para eu poder acompanhar também? Quero ler sua trajetória e apoia-lo também! Lutaremos juntos!

Eae bruno, o meu diário é o "Colocando um final neste vício ~STRAUSS", ta na sessão de adolescentes.
BL
BL
Mensagens : 329
Data de inscrição : 22/10/2022
Idade : 19

Diário do Bruno Empty Re: Diário do Bruno

26/10/2022, 10:50
Irei acompanha-lo

_______________________________________
minha luta diária: https://www.comoparar.com/t12890-diario-do-bruno

Kobscop gosta desta mensagem

BL
BL
Mensagens : 329
Data de inscrição : 22/10/2022
Idade : 19

Diário do Bruno Empty Re: Diário do Bruno

26/10/2022, 11:28
Segundo dia completo. Graças a Deus, não sofri aperto algum para consumir PMO. Creio que minhas atividades estão suprindo muito bem a minha mente (ler o Fórum se inclui nisso).
Porém, o que eu percebi foi que minhas redes sociais estão infestadas de gatilhos para PMO. Não cheguei nem perto de ceder aos mesmo, só fiz o papel de fazer o algoritmo não me mostrar mais coisas como aquela (Principalmente no Twitter e Instagram). Desinstalei o telegram pois vi que era potencialmente perigoso para mim.
No fim, o dia correu bem. Vamos ao terceiro dia agora. Boa sorte para mim e para quem esteja lendo. Tenham um bom dia!

_______________________________________
minha luta diária: https://www.comoparar.com/t12890-diario-do-bruno

Rottweiler e Kobscop gostam desta mensagem

BL
BL
Mensagens : 329
Data de inscrição : 22/10/2022
Idade : 19

Diário do Bruno Empty Re: Diário do Bruno

26/10/2022, 12:46
Queria revelar a  vocês um pouco mais sobre minha vida influenciada pela PMO.

Minha trajetória se iniciou com 11, acessando o primeiro site sozinho. Era tudo maravilhoso,  lembro-me como se fosse ontem de entrar pela primeira vez e ficar encantado. Porém, mal sabia o coitado o que isso poderia me causar no futuro kkkkk.

Sempre fui um cara que gosta de jogos e tal, principalmente de PC pois não tinha console, então desde antes da PMO eu convivia com algum jogo. Dois marcaram a minha vida, Minecraft e LoL. Mine dos 9 aos 13, LoL dos 14 até hoje. Nunca os encarei como um problema, era meu único meio de diversão, mas sempre encarei a forma que lidava com o tempo dos jogos como um problema. Não era muito de sair de casa, então enquanto eu passava minha pré adolescência jogando, eu via meu melhor amigo não só dando uns beijinho nas menina da sala e de fora também, mas já tendo S, e eu em outra realidade, tendo essas sensações só através da PMO. Mas não era algo que no momento me causava ansiedade e diversos outros problemas.

Como já falei, nunca fui muito de sair de casa. Isso me durou do nascimento até os 14 anos, foi nessa época que eu comecei a ter amigos que até hoje converso, e me via avannçando socialmente. Posterior a esse período, do início de 2019 até começo da pandemia, eu considero o meu maior e melhor avanço na questão social. Tive quase namorei, fui pra uma academia e emagreci e fui, durante o carnaval, para Praia do Forte com meu melhor amigo. Foi um dos melhores períodos que já tive na vida em todos os âmbitos: escolar, social, futebolístico (sou Flamengo). Tanto que eu não consigo me lembrar de alguma vez que vi PMO nesse meio tempo, foi algo fora da curva. Mas aí vem a pandemia.

2020, o ano que para mim seria melhor do que foi 2019 pelos avanços estava tendo. Sempre fui um aluno de boas notas sem precisar estudar, e naquele ano adquiri um cursinho online. Eu estava na academia, seco, me cuidava. Mas com a chegada da pandemia, tudo foi por água a baixo. Comecei a engordar, mesmo sendo remotamente, não fazia uso do cursinho online como fazia antes. Dentro desse caos todo, o que em acompanhou foi a PMO para deixar tudo mais sombrio. Nessa época, eu me pegava se masturbando mais de 6 vezes no dia. Eu não possuía sensibilidade peniana, nem libido, basicamente foi aí que começou a minha Death Grip. Fiquei nesse período merda até o fim de 2020, que voltei a sair.

Irei considerar o início de 2021 como os meses finais de 2020. No início, foi o período que voltei a sair de casa, em plena pandemia. Como moro no interior, os casos na época não eram preocupantes, então eu e meus amigos voltamos a fazer uns reggaes (reggae = festa na bahia). Foi nesse momento que comecei a beber, 16 anos. Mais pra frente, comecei a sair  com outra galera pra beber com meus amigos. Então a PMO não tava em alta no momento, eu estava voltando a viver, sair e até pegar uma menina. Mas, tudo mudou pra mim naquele ano com um simples deslize (literalmente). Em 26 de setembro de 2021, um dia chuvoso, fui brincar com o amor da minha vida, minha cachorrinha Maya. Porém, com o chão molhando,eu tomei uma queda feia pela manhã, com minha perna caindo sobre o corpo dela. Logo foi encaminhada pra clínica veterinária comigo no colo, eu estava em estado de choque. Naquele dia, naquele dia infernal, tudo mudou. Tendo uma melhora inicial e piorando ao longo do dia, Maya morre às 21h. Buscamos o corpo no mesmo horário, não havia energia em casa, pegamos o carro, abrimos o portão e levamos ela pra ser enterrada no terreno de meu pai. Eu, Bruno, que causei todo o inferno do dia, estava lá cavando a cova e enterrando minha cachorra. Meu mundo caiu ali. Pois além disso, o clima em casa já não vinha muito bem, recorrentes brigas com meu pai, que era da igreja, chegando em casa totalmente bêbado ocorriam. Mas o estopim pra minha mente realmente foi quase que um mês após meu aniversário (27/08),  foi a partida de Maya (26/09). Pouco tempo após a morte dela, pegaram outra cachorra para casa. De início não achei respeitoso, mas, hoje, ela sendo o amor da minha vida, agradeço por vir tão cedo. Porém, aquele ano já estava destruído: parei de estudar o mínimo por dia, não fazia exercícios direito, não conversava com ninguém além de minha amiga. E foi assim que a PMO retorna a minha vida, comigo em Death Grip, se masturbando novamente com elevada frequência ao dia.

Então chegamos em 2022, o tal ano da mudança que prometi a mim mesmo. Era tchau Flamengo, tchau traumas e olá estudos, cursinho e saúde. Porém não seria, como não foi, da forma idealizada que criei. Encaro que meu maior problema do ano foi não ter buscado nenhum acompanhamento psicológico profissional. Quis mudar meus atos, mas era preciso fortalecer minha mente, algo que não fiz. A PMO esse ano foi constante, do início do ano até uma semana atrás. Eu, indo pro cursinho e se masturbando, criava o maior desconforto que já formei em mim, olhar para todos da mesma idade como objetos sexuais. Aquilo me causou imenso desconforto, pois, além disso, eu tenho me sinto muito ansioso em locais com pessoas da mesma idade. Assim, eu me via como um enorme estranho, não conseguindo focar direito nos estudos. Minha glória e desgraça foi que as aulas do cursinho, não querendo desrespeitar/ desmerecer os professores, era muito difíceis de ver, eu fico muito cansado assistindo a maioria. Dessa forma, eu e meus amigos começamos a estudar o dia todo para, a depender das aulas do dia, filar ela para conversar e destrair a mente pela resenha. E, eu único virgem no meio dos 5 do grupo, e que só minha amiga sabe disso, passei muitos maus momento por me afastar da conversa quando o assunto era experiências sexuais. Eu chegava em casa querendo me matar, não conseguindo dormir. Como eu, que nunca passei problemas na vida, em casa nunca me faltou nada, consegui ser um cara tão sem conteúdo? Vejo todos bem felizes e alegres contando das suas boas experiências e conversando sobre relacionamentos e eu lá no canto ouvindo, não falando nada, a todo momento desejando sair dali porque não me encaixava. Fiquei muito mal, passava os dias consumindo PMO ao extremo pois era meu único refúgio. Encarando tudo que aconteceu e deixou de acontecer em minha vida, comecei a ter muitos pensamentos suicidas e tendências autodestrutivas. Foi nesse momento que liguei pro meu melhor amigo, que mora fora pq está cursando, e falei tudo com ele. Nunca havia conversado sobre, mas ter dito foi a melhor coisa que fiz. Ele, já um cara bem vivido, estudioso, me deixou tranquilo e mudou meu pensamento sobre muitas coisas, principalmente sobre S e esse meu estado de sítio mental e passei a ficar melhor e busquei mudar. Logo depois, acho que por ação divina, tive uma DE com a menina que eu fico. Ali eu percebi que eu tinha um problema e, agora, estou lutando para combatê-lo, o vício em PMO.

Pra deixar claro, eu já havia percebido desde um tempo, que a PMO terrível para mim. Mas, somente tomando esse banho de água fria, eu tive a consciência de que a única solução seria a mudança. Você, irmão, que se vê triste por uma recaída, não encare isso como o fim do mundo. É natural, antes de entrar no fórum, eu tentei fazer o Reboot e vivia recaindo. Nas histórias de sucesso você verá que ninguém completa o Reboot sem ter tido uma queda. Porém, batalharemos sempre para evitarmos outras. Confie em você, eu confio que você consiga. Agradeço a todos que se dispõem a ler meu diário. Comentem e mandem os seus para eu acompanhar vcs em suas trajetórias. Bom dia a todos. Para mim, o terceiro dia da mudança. Forte Abraço!

Rottweiler, Kobscop e Mamute gostam desta mensagem

BL
BL
Mensagens : 329
Data de inscrição : 22/10/2022
Idade : 19

Diário do Bruno Empty Re: Diário do Bruno

26/10/2022, 15:43
Não pensei que tão rápido viesse a vontade de se M. Agora, no terceiro dia, me deu vontade.
Nada a ver com ver PMO. Mas sei que para se M, eu estaria fantasiando uma cena. Não irei ceder

_______________________________________
minha luta diária: https://www.comoparar.com/t12890-diario-do-bruno

Rottweiler, Kobscop e Marcos Saturno gostam desta mensagem

Marcos Saturno
Marcos Saturno
Mensagens : 477
Data de inscrição : 25/08/2022

Diário do Bruno Empty Re: Diário do Bruno

27/10/2022, 00:23
Bruno Lopes escreveu:Não pensei que tão rápido viesse a vontade de se M. Agora, no terceiro dia, me deu vontade.
Nada a ver com ver PMO. Mas sei que para se M, eu estaria fantasiando uma cena. Não irei ceder

boa noite Bruno, te encontrei kkkkk
que bom ver q tu esta firme, e q entrou para o time
vou acompanhar o teu diário por aqui tambem amigo

Kobscop e BL gostam desta mensagem

BL
BL
Mensagens : 329
Data de inscrição : 22/10/2022
Idade : 19

Diário do Bruno Empty Re: Diário do Bruno

27/10/2022, 02:08
Marcos Saturno escreveu:
Bruno Lopes escreveu:Não pensei que tão rápido viesse a vontade de se M. Agora, no terceiro dia, me deu vontade.
Nada a ver com ver PMO. Mas sei que para se M, eu estaria fantasiando uma cena. Não irei ceder

boa noite Bruno, te encontrei kkkkk
que bom ver q tu esta firme, e q entrou para o time
vou acompanhar o teu diário por aqui tambem amigo  
obrigado, meu mano!!
seguiremos juntos!!

Kobscop e Mamute gostam desta mensagem

BL
BL
Mensagens : 329
Data de inscrição : 22/10/2022
Idade : 19

Diário do Bruno Empty Re: Diário do Bruno

27/10/2022, 02:16
Terceiro dia se foi hoje.

Como falei mais cedo, hoje os pensamentos começaram a pender, algo que eu previa acontecer, assim como eu esperava resistir, e o fiz, resisti sem dificuldade alguma.

Há algo a mais a se adicionar, pois, hoje, foi o primeiro dia de academia pós início dessa minha trajetória. E pô, passei uma situação desconcertante que, embora não sendo algo diretamente relacionada a PMO, há certa influência. Eu voltei a evitar contato visual com as pessoas. Então eu de 1,92m andava pela academia com os olhar para baixo o tempo todo. Quando eu, sem querer, olhava pro rosto de alguém, eu entrava em pânico comigo mesmo, com uma imensa vergonha. Isso eu vejo como uma grande consequência da ansiedade, porém, eu não olhos as pessoas também pelo medo de constranger, como se eu parecesse um sujeito a fim de algo, com interesses sexuais. Assim, relaciono, minimamente, isso com a PMO.

Foi isso, mais um dia passado, vamos ao próximo!

27/10/2022

Rottweiler, Kobscop e Mamute gostam desta mensagem

avatar
Convidado
Convidado

Diário do Bruno Empty Re: Diário do Bruno

28/10/2022, 00:30
Bruno Lopes escreveu:Terceiro dia se foi hoje.

Como falei mais cedo, hoje os pensamentos começaram a pender, algo que eu previa acontecer, assim como eu esperava resistir, e o fiz, resisti sem dificuldade alguma.

Há algo a mais a se adicionar, pois, hoje, foi o primeiro dia de academia pós início dessa minha trajetória. E pô, passei uma situação desconcertante que, embora não sendo algo diretamente relacionada a PMO, há certa influência. Eu voltei a evitar contato visual com as pessoas. Então eu de 1,92m andava pela academia com os olhar para baixo o tempo todo. Quando eu, sem querer, olhava pro rosto de alguém, eu entrava em pânico comigo mesmo, com uma imensa vergonha. Isso eu vejo como uma grande consequência da ansiedade, porém, eu não olhos as pessoas também pelo medo de constranger, como se eu parecesse um sujeito a fim de algo, com interesses sexuais. Assim, relaciono, minimamente, isso com a PMO.

Foi isso, mais um dia passado, vamos ao próximo!

27/10/2022

Esse negocio do contato visual é bem comum, eu mesmo não conseguia nem me olhar no espelho pois temia ser julgado, até pra ir no banheiro eu tinha vergonha.
Hoje em dia to melhorando, as vezes até começo a posar pra ver o pump do musculo kkk.

Saiba que se for pela vergonha não há o que temer, te garanto que o povo ta nem aí, uma vez peguei muito peso no supino e fiquei "travado" lá, tive que chamar ajuda e tudo mas no fim as pessoas só olharam e continuaram o treino. Boa sorte na sua jornada parceiro
BL
BL
Mensagens : 329
Data de inscrição : 22/10/2022
Idade : 19

Diário do Bruno Empty Re: Diário do Bruno

28/10/2022, 00:37
Strauss escreveu:
Bruno Lopes escreveu:Terceiro dia se foi hoje.

Como falei mais cedo, hoje os pensamentos começaram a pender, algo que eu previa acontecer, assim como eu esperava resistir, e o fiz, resisti sem dificuldade alguma.

Há algo a mais a se adicionar, pois, hoje, foi o primeiro dia de academia pós início dessa minha trajetória. E pô, passei uma situação desconcertante que, embora não sendo algo diretamente relacionada a PMO, há certa influência. Eu voltei a evitar contato visual com as pessoas. Então eu de 1,92m andava pela academia com os olhar para baixo o tempo todo. Quando eu, sem querer, olhava pro rosto de alguém, eu entrava em pânico comigo mesmo, com uma imensa vergonha. Isso eu vejo como uma grande consequência da ansiedade, porém, eu não olhos as pessoas também pelo medo de constranger, como se eu parecesse um sujeito a fim de algo, com interesses sexuais. Assim, relaciono, minimamente, isso com a PMO.

Foi isso, mais um dia passado, vamos ao próximo!

27/10/2022

Esse negocio do contato visual é bem comum, eu mesmo não conseguia nem me olhar no espelho pois temia ser julgado, até pra ir no banheiro eu tinha vergonha.
Hoje em dia to melhorando, as vezes até começo a posar pra ver o pump do musculo kkk.

Saiba que se for pela vergonha não há o que temer, te garanto que o povo ta nem aí, uma vez peguei muito peso no supino e fiquei "travado" lá, tive que chamar ajuda e tudo mas no fim as pessoas só olharam e continuaram o treino.    Boa sorte na sua jornada parceiro
É isso, mano. A gente tem que encarar que cada um tem sua vida, seu treino, sua rotina, e que algo assim não vai ser algo que as pessoas ao redor iriam ligar. Tive um momento que superei isso, mas infelizmente voltou.
Obrigado pelo apoio meu irmão. Boa sorte na sua trajetória também!

Kobscop gosta desta mensagem

BL
BL
Mensagens : 329
Data de inscrição : 22/10/2022
Idade : 19

Diário do Bruno Empty Re: Diário do Bruno

28/10/2022, 11:27
Quarto dia se foi.

Ontem, mais um dia que fui atiçado pelo TikTok, mas consegui ficar tranquilo normalmente.

Em resumo, mais um dia normal meus manos. Hoje que deverá ser diferente, vou ver a mina que fico. Tô no maior medo de ter outra DE na hora, isso tá me deixando muito mal. Tenho medo de chegar lá e por tanto ficar nervoso com isso, acabar acontecendo. Espero eu ter recuperado minimamente a sensibilidade.

Fé que hoje seja tudo tranquilo, vamos ao quinto dia.

_______________________________________
minha luta diária: https://www.comoparar.com/t12890-diario-do-bruno

Rottweiler, Kobscop e Mamute gostam desta mensagem

avatar
Kobscop
Moderador
Moderador
Mensagens : 2000
Data de inscrição : 16/11/2021

Diário do Bruno Empty Re: Diário do Bruno

28/10/2022, 11:30
Irmão bom dia!
Parabéns pela quantidade de dias limpos.
Cuidado com o tik Tok e outras redes sociais de vídeos curtos meu amigo, nada mais é que uma P soft.
Boa sorte na luta. Torcendo por você!

_______________________________________
Meu diário: https://www.comoparar.com/t12793-diario-kobscop
Minha história de sucesso: https://www.comoparar.com/t12926-historia-de-sucesso-kobscop
Minha história de sucesso 1 ano: https://www.comoparar.com/t13251-um-ano-limpo

BL gosta desta mensagem

BL
BL
Mensagens : 329
Data de inscrição : 22/10/2022
Idade : 19

Diário do Bruno Empty Re: Diário do Bruno

28/10/2022, 11:33
Kobscop escreveu:Irmão bom dia!
Parabéns pela quantidade de dias limpos.
Cuidado com o tik Tok e outras redes sociais de vídeos curtos meu amigo, nada mais é que uma P soft.
Boa sorte na luta. Torcendo por você!
Obrigado pelo apoio! 👊

Vou ter mais cuidado. Irei regular o algoritmo para não aparecer vídeos relacionados, vai me ajudar bastante.

Tmj! Boa sorte na sua também! Atingir marcas tão expressivas como a sua e se manter no fórum é algo bem honroso!

Kobscop gosta desta mensagem

BL
BL
Mensagens : 329
Data de inscrição : 22/10/2022
Idade : 19

Diário do Bruno Empty Re: Diário do Bruno

28/10/2022, 22:15
Manos, que medo de ter outra DE hoje kkkkkkkk
Já me passou várias coisas pra hoje: cancelar de ver ela, se M na hora, tomar algum remédio (azulzinho).
Mas vou fazer nada n, só tentar chegar normal. Mas eu tô sentindo que terei uma DE, infelizmente

_______________________________________
minha luta diária: https://www.comoparar.com/t12890-diario-do-bruno

Rottweiler e Kobscop gostam desta mensagem

avatar
Convidado
Convidado

Diário do Bruno Empty Re: Diário do Bruno

28/10/2022, 23:31
Bruno Lopes escreveu:Manos, que medo de ter outra DE hoje kkkkkkkk
Já me passou várias coisas pra hoje: cancelar de ver ela, se M na hora, tomar algum remédio (azulzinho).
Mas vou fazer nada n, só tentar chegar normal. Mas eu tô sentindo que terei uma DE, infelizmente

Vai na fé kkk,boa sorte aí
BL
BL
Mensagens : 329
Data de inscrição : 22/10/2022
Idade : 19

Diário do Bruno Empty Re: Diário do Bruno

28/10/2022, 23:50
Obrigado, irei precisar kkkkkkkkkkk

_______________________________________
minha luta diária: https://www.comoparar.com/t12890-diario-do-bruno

Kobscop gosta desta mensagem

avatar
Kobscop
Moderador
Moderador
Mensagens : 2000
Data de inscrição : 16/11/2021

Diário do Bruno Empty Re: Diário do Bruno

29/10/2022, 00:22
Irmão, a ansiedade é a pior coisa pra DE, sei que é difícil, mas vc tem que ir leve, sem expectativas.
Vai dar tudo certo!

_______________________________________
Meu diário: https://www.comoparar.com/t12793-diario-kobscop
Minha história de sucesso: https://www.comoparar.com/t12926-historia-de-sucesso-kobscop
Minha história de sucesso 1 ano: https://www.comoparar.com/t13251-um-ano-limpo

BL gosta desta mensagem

BL
BL
Mensagens : 329
Data de inscrição : 22/10/2022
Idade : 19

Diário do Bruno Empty Re: Diário do Bruno

29/10/2022, 02:58
Quinto dia completo

Que desgraça, aconteceu o que eu temia, não subiu. Saí de lá desolado, bicho. A segunda vez que isso acontece, e ela percebeu né. Minha nossa senhora, só me deu vontade de acelerar o carro até bater em alguma parede. Não sei o que faço, bicho, tô perdido. Tava tudo indo nos conformes até eu completar as preliminares nela. Quando ela me tocou, eu estava totalmente murcho, que desgosto de mim próprio. Ela num momento tão bom, quis me deixar bem também. Logo após isso eu a deixei em casa, ficou um climão. No final, só saí com diversos arranhões no pescoço e costas depois dos momentos lá.

O que era pra poder ser um ano de redenção, melhoras, virou uma continuação da desgraça que vivi no final do ano passado só que com coisas a mais.

Sobre PMO, não tô nem um pouco afim, na verdade, mal sinto meu P. Estou sem vontade alguma de tocar ou manusear ele, nem sinto ele de verdade.

Até pensei em comprar aquele melzinho do amor, viagra, mas pô, só tenho 18 anos e vou necessitar disso? Não comprei e deu nisso. Agora estou realmente pensando em usar pelo menos pra agradar ela e a mim uma única vez.

Obrigado pelo apoio de todos, leio sempre os diários de vocês aqui presentes. Sigo firme no reboot. Boa noite e boa luta a todos.

Rottweiler, Kobscop e Feelype gostam desta mensagem

Ir para o topo
Permissões neste sub-fórum
Não podes responder a tópicos